Page 1

PEC 241

uma vingança neoliberal contra a Constituição Cidadã de 1988

ANO 22 • 2ª QUINZENA • OUTUBRO DE 2016

folhabancária www.bancariosdecuritiba.org.br FOLHA SOCIOECONÔMICA

A Folha Socioeconômica é um encarte da Folha Bancária, produzida pelo Sindicato dos Bancários de Curitiba e região, coordenada pela Secretaria de Formação Sindical e Secretaria de Assuntos de Políticas Sociais e Estudos Socioeconômicos.


02

FS

• Sindicato dos Bancários de Curitiba e região

OUTUBRO • 2016

A construção da desconstrução. Reforma ou Deforma?

O gráfico acima resume qual foi o comportamento da Previdência Social e a valorização do Salário Mínimo em termos de investimentos sociais. A linha de cima mostra como foi. A linha de baixo mostra como teria sido de essa PEC 241 estivesse em vigor. O Salário Mínimo estaria em R$ 400,00 e não em R$ 880,00 se as regras da PEC estivessem vigorando há 20 anos.

O gráfico sobre educação resume os efeitos dos cortes sobre o orçamento do sistema. Os recursos do pré-sal não mais estarão à disposição da educação.

A PEC 241 e seus “PECados”.

A saúde brasileira também será afetada nos próximos 20 anos. Menos hospitais, menos leitos, um programa “menos médicos”.

Estudo realizado pelo economista Bráulio Borges, pesquisador associado do Departamento de Economia Aplicada do Instituto Brasileiro de Economia da Fundação Getulio Vargas (Ibre/FGV).

O efeito de um Congresso Nacional retrógrado é o prejuízo ao trabalhador. Não faça do seu voto uma arma, a vítima pode ser você.

24/10/2016  

A Folha Socioeconômica é uma publicação produzida pelo Sindicato dos Bancários de Curitiba e região.

24/10/2016  

A Folha Socioeconômica é uma publicação produzida pelo Sindicato dos Bancários de Curitiba e região.

Advertisement