Issuu on Google+

GOVERNO DO ESTADO DO PARÁ SECRETARIA DE ESTADO DE CIÊNCIA, TECNOLOGIA E INOVAÇÃO

INFORMA SECTI Boletim Informativo Interno do Plano de Valorização de Pessoas Nº 49 - Abril/ 2013 Assédio no ambiente de trabalho e a mulher

É cada vez mais comum chegar ao Poder Judiciário ações sobre a relação entre empregados ou prestadores de serviços e empresas, envolvendo a prática de assédio moral no ambiente de trabalho. O assédio moral no trabalho é caracterizado pela atuação ou omissão de uma pessoa no ambiente laborativo, reiteradamente, envolvendo qualquer modo de expressão que tenha por objetivo – consciente ou inconsciente –, a violação da dignidade profissional de um trabalhador. Uma das grandes vítimas destas recorrentes discriminações ou humilhações é a mulher. Apesar de todo o discurso atual sobre a importância do sexo feminino no mercado de trabalho e da presença cada vez mais crescente da mulher nos cargos de grande importância nas empresas, o preconceito e o assédio ainda são fatos recorrentes. E que rendem grandes batalhas judiciais. De acordo com o ranking anual elaborado e divulgado recentemente pelo Fórum Econômico Mundial, o Brasil saltou de 82º para 62º lugar em se tratando de redução de desigualdade de gêneros. Essa redução demonstra a leve melhora nas relações, que ainda estão longe de serem pacíficas e “iguais”. A Constituição Federal combinada com a CLT apresentam uma série de dispositivos legais que protegem à mulher e os seus direitos. Porém, na prática nem sempre essas normas são respeitadas. E no ambiente de trabalho é possível observar o assédio moral de forma sutil, num gesto como um simples “balançar de cabeça no sentido negativo”, desde que reiterado, quando manifestada uma opinião sobre um trabalho em reunião. Também pode ocorrer na forma de um sorriso carregado de cinismo (reiteradas vezes) de um colega de trabalho, quando endereçado ao assediado. Ou um ponto de vista; até o repetido franzir de testa significando atitude de reprimenda à ideia lançada. Essas atitudes quando reiteradas, demonstram, por meio de ordens e gestos, que aquela pessoa não contribui em nada para o sucesso do ambiente de trabalho. Criam um desgaste no íntimo da pessoa. Um desgaste que, muitas vezes, é fisiológico, trazendo à tona o pseudo- autorreconhecimento da inutilidade no trabalho. Ou seja, aparecem a baixa autoestima e a insegurança do empregado quanto ao seu profissionalismo. Algumas regulamentações combatem a prática do assédio moral no serviço público de forma clara, bem como existe o impedimento de empréstimos ou renovação de empréstimos financeiros junto ao BNDES a empresas condenadas por assédio moral , o que poucos tem conhecimento, mas ainda há muito a fazer. No caso da mulher, existe também o assédio sexual que é caracterizado pela pressão exercida para que através de “favores” sexuais a mulher tenha acesso ao reconhecimento profissional, seja promovida ou muitas vezes apenas tenha sossego no ambiente de trabalho. Esse instituto, diferentemente do assédio moral é atitude criminosa. É indiscutível a possibilidade de responsabilização das empresas pela prática do assédio moral, seja na esfera material ou moral, dependendo do dano causado. Seria de bom tom inserir treinamentos especiais para as áreas de gestão, de forma que seus responsáveis possam efetivamente lidar com conflitos de forma mais produtiva. Muitas vezes, os superiores hierárquicos são grandes técnicos em sua área, mas jamais conseguiram compreender a gestão de pessoas. É possível começar um processo de contaminação positiva da empresa, que irá gerar mais respeito entre subordinado e chefia direta, conquistado pelo respeito e admiração. E não simplesmente oriundo da velha subordinação do contrato de trabalho, pois não há mais espaço para o superior “histérico”. Os meios de prevenção quanto ao assédio moral compõem o instituto denominado “função social” do contrato de trabalho, que não se resume a cumprir a lei, mas envolve ações afirmativas sobre todo e qualquer negócio jurídico praticado. Que, nas palavras do professor Enoque Ribeiro dos Santos, deve basear-se nos princípios da boa-fé, razoabilidade e proporcionalidade. Para isso, é preciso atitude, com a criação de mecanismos internos e de políticas de liderança com responsabilidade no seio da empresa, destinadas a disseminar a compreensão das diferenças existentes entre os colaboradores. A prevenção é postura que atinge a todos, pois o Estado, que é financiado por todos nós, pode gastar menos com os doentes; a empresa mantém sua imagem de ambiente produtivo que tem como consequência o sucesso econômico. E o funcionário mantém a saúde. É necessário, acima de tudo, compreender que é parte da função social da empresa, tratar o empregado sempre com dignidade. E estar sempre certa de que esse tratamento levará o nome da empresa adiante, gerando lucro e respeito social. http://cascavilha.com.br/site/brasil/assedio-no-ambiente-de-trabalho-e-a-mulher

Dia Mundial do Combate ao Câncer O dia mundial do combate ao Câncer é uma data comemorada no dia 08 de abril, mas não há nada de fato para comemorar, uma vez que o câncer é a 2ª doença que mais mata pessoas no mundo todo. O câncer é a segunda doença que mais mata as pessoas no Brasil, em especial, câncer de pele, e a data tem o objetivo de conscientizar as pessoas da importância de consultar sempre médicos e estar sempre cuidando da saúde. Câncer, ou neoplasia, é uma doença caracterizada pelo crescimento descontrolado de células anormais, seja por mutação genética ou por ação de hormônios e enzimas. Existem mais de cem variedades de câncer, entre os malignos e os benignos. A diferença principal entre os dois tipos é que o primeiro pode dar origem à metástase, que compromete outros órgãos. A maior causa de morte entre os homens é o câncer de próstata, glândula responsável pela produção do líquido seminal. É mais comum entre indivíduos com mais de 50 anos; sua prevenção se dá com a ida freqüente ao urologista. O câncer de mama é provavelmente o mais temido pelas mulheres, devido à sua alta incidência e também em razão de seus efeitos psicológicos. Quando diagnosticado tardiamente, é necessária a mastectomia (retirada da mama), o que acaba afetando a sexualidade e a imagem pessoal. O câncer de mama é mais comum após os 35 anos. Porém, toda mulher deve se prevenir fazendo o auto-exame das mamas. Ainda assim, o câncer ginecológico é o maior causador de morte entre as mulheres, as quais devem se prevenir por meio da colposcopia. Origem do Dia Mundial de Combate ao Câncer O Dia Mundial de Combate ao Câncer foi criado pela Organização Mundial da Saúde para que organizações ao redor do planeta se reúnam para ajudar na prevenção e dar força aos pacientes que lutam contra o câncer. http://www.calendarr.com/brasil/dia-mundial-do-combate-ao-cancer/


Dia da Voz O Dia Mundial da Voz é comemorado a nível mundial no dia 16 de Abril. A celebração da data tem por objetivo alertar para a importância da voz e dos cuidados necessários para a preservar. No Dia Mundial da Voz, organizações de saúde e comunidade médica promovem rastreios gratuitos nos hospitais e alertam a população para os cuidados a ter com a voz, prevenindo a detecção precoce de eventuais problemas. Para preservar a voz é recomendável beber bastante água, não gritar em excesso e não fumar. http://www.calendarr.com/portugal/dia-mundial-da-voz/

Agenda Cultural Centro Cultural SESC Boulevard

Av. Boulevard Castilhos França, 522 / 523 Informações: 91 3224 5305 | 5654 sescboulevard@gmail.com www.sesc-pa.com.br sescboulevard.blogspot.com Entrada Franca

Dica de Leitura Em momentos de crise, o melhor a fazer é não se arriscar, certo? Errado. Essa é a hora de sair à procura de boas oportunidades de ganhar dinheiro. Oportunidades Disfarçadas é um verdadeiro catálogo de ideias criativas e soluções originais para as mais variadas dificuldades vividas por empresas de todos os tamanhos. Resultado de sete anos de pesquisa, este livro reúne 200 casos reais de companhias e pessoas que transformaram grandes problemas nas melhores chances de suas vidas. Na manhã de seu quinto aniversário de casamento, Amy, a linda e inteligente esposa de Nick Dunne, desaparece de sua casa, às margens do Rio Mississippi. Aparentemente trata-se de um crime violento, e passagens do diário de Amy revelam uma garota perfeccionista que seria capaz de levar qualquer um ao limite. Pressionado pela polícia e pela opinião pública – e também pelos ferozmente amorosos pais de Amy –, Nick desfia uma série interminável de mentiras, meias verdades e comportamentos inapropriados. Sim, ele parece estranhamente evasivo, e sem dúvida amargo, mas seria um assassino? Com sua irmã gêmea Margo a seu lado, Nick afirma inocência. O problema é: se não foi Nick, onde está Amy? E por que todas as pistas apontam para ele? Um suspense psicológico intrincadamente construído, “Garota Exemplar” envolve o leitor no claustrofóbico mundo de um casamento arruinado. Um livro maravilhoso e assustador sobre como a superfície de normalidade e o interior sombrio podem estar tão entrelaçados a ponto de não poderem ser separados.

Informa SECTI -N º 49– Abril/2013

Dica de Filme Georges (Jean-Louis Trintignant) e Anne (Emmanuelle Riva) são um casal de aposentados, que costumava dar aulas de música. Eles têm uma filha musicista que vive com a família em um país estrangeiro. Certo dia, Anne sofre um derrame e fica com um lado do corpo paralisado. O casal de idosos passa por graves obstáculos, que colocarão o seu amor em teste.

O filme Robosapien – O Meu Melhor Amigo (Robosapien: Rebooted), conta a história de um inventor, que trabalha para os Laboratórios Kinetech, desenvolveu um robô com a missão de procurar e resgatar pessoas em perigo e deu à sua criação a habilidade de imitar ações e emoções humanas. Depois de descobrir que o avançado microchip da máquina será usado em operações militares, o inventor programa o robô para fugir assim que sofrer algum dano. Vinte anos depois, o garoto Henry encontra o robô quebrado, conserta -o e dá-lhe o nome de Cody.

Sem lembranças do passado, Cody se torna o melhor amigo de Henry, ajudando-o a conquistar sua amada, vencer disputas e aprender a se divertir.

Caro servidor, você pode divulgar artigos, textos, eventos e informações sobre as atividades de sua diretoria ou setor, assim como poesias, contos, crônicas, desenhos e fotos em nosso informativo. Envie as informações desejadas para o endereço eletrônico: amanda.loureiro@secti.pa.gov.br paula.sferreira@secti.pa.gov.br lyanny.araujo@secti.pa.gov.br


Informativo nº 49 - Abril 2013