Page 1

Dezembro de 2012 – ano 12 – nº 90

Lema anual

REFLEXAÇÃO… Colocar o sapatinho na chaminé – Hoje as crianças escrevem cartas ao Pai Natal e os adultos fazem pedidos uns aos outros de modo a que não haja muitas supresas! Deixar o sapatinho na chaminé significa deixarmo-nos supreender pelo Deus-menino. Deixar que Ele nos contagie com a sua Vinda!

… No meu Sapatinho... Falar em Natal sem falar de quando era criança é quase impossívell! Nasci numa familia que me deu a oportunidade de viver o Natal entre as tradições cristãs e menos cristãs e entre esta mistura de tradições e costumes vou tentanto encontrar o verdadeiro sentido do Natal! Recordo com alegria que assim que chegávamos da Missa do Galo, íamo-nos aquecer à lareira, bebíamos leite quente e estávamos ali até que o fogo se transformasse em cinzas para podermos colocar o sapatinho na chaminé. Mal rompia a manhã, corria em direção à chaminé para ver o que o “PaiNatal” me havia colocado no meu sapatinho e lá encontrava os presentes. Apesar de ser um acto quase esquecido, encontro nele muitos significados que me ajudam a viver melhor o Natal: Iamos aquecer-nos - Hoje as lareiras são substituídas pelos aquecimentos, partilhar as pequenas coisas como beber um copo leite quente em família é substituído quanto muito, pela partilha de um jogo de consola, de um computador ou de um programa de tv. Que o fogo se transformasse em cinzas - Antes de um grande acontecimento, há sempre um tempo de Espera, um tempo que nos transforma e que nos renova. Nem sempre sabemos aproveitar este tempo da melhor maneira, pessoalmente tenho sempre pouca paciência para esperar...

Corria em direção á chaminé para ver – É curioso ver como hoje, nos movimentamos nas semanas que antecedem o Natal, corremos pelo melhor presente de loja em loja em busca de algo especial e esquecemo-nos de que o mais importante está na nossa Chaminé, no nosso coração. Lá encontrava os presentes - Nem sempre os presentes que recebemos são os que sonhamos, quando isso me acontecia, havia sempre alguém que me explicava que os presentes que receberá eram os melhores presentes do mundo. Pois não eram comprados em qualquer loja e muito menos comprados à pressa, era preciso trabalhar durante muito tempo para conseguir comprá-los, outros eram presentes feitos à mão e tinham um valor incalculável. E assim fui aprendendo que o mais importante não são os presentes em si, mas a Alegria de Dar, a Dedicação de fazer um Presente e o Amor com que se entrega um Presente. Por isso, neste natal mostra-te disponível para receber Jesus, coloca o teu sapatinho na chaminé. Pois Ele só nascerá, se tu o quiseres!

Rita Bemposta

Voluntaria Internacional JMV


Boletim Internacional JMV - Dezembro de 2012

EUROPA...

AMÉRICA... BRASIL:

FRANÇA:

De 02 a 04 de Novembro, no Rio de Janeiro, realizouse o I Encontro da JMV de Jovens Adultos (Jovens que foram da JMV, Padres e Irmãs, ex-Assessores, jovens que desembocaram noutros ramos da Família Vicentina) com o objetivo de animar e formar assessores capazes de acompanhar os jovens em colaboração com a Família Vicentina.

Os jovens do grupo da “La Rue du Bac” participaram com a sua responsável (Monique) no dia 18 de Outubro num programa de rádio chamado “Campanha de Infância Missionária” para dar testemunho do seu compromisso na Associação e para outros.

ESTADOS UNIDOS:

Tiveram o seu encontro nacional para animadores da JMV em Outubro. Realizaram e partilharam workshops, actividades interessantes, onde foram transmitidos, aos participantes do encontro, muitas informações e experiências de pedagogía, saúde, ambiente social e espiritual. (85 pessoas)

O Conselho Nacional reuniu-se a 20 de Outubro, em St. Louis.

APU

Durante o ano 2012, os países (Argentina, Paraguai, Uruguai) realizaram atividades para fomentar a sua vida espiritual e formativa.

AFRICA...

ESLOVÁQUIA:

CAMARÕES:

A JMV Camerún foi eleita para organizar o II Encontro Africano dos Conselhos Nacionais, o primeiro em África.

MADAGASCAR:

A associação deste país foi aprovada pela Conferência Episcopal.

MOÇAMBIQUE:

Há um novo Conselho Nacional de JMV: Julia Antonio Cumbane, Helder Feliciano Sitoe, Mauro Mario Estevão, (Presidente, Secretário e Tesoureiro, respectivamente) e Padre Cinema Inueiua e Irmã Elsa Fátima. Que Deus vos Bendiga!

RUANDA-BURUNDI: Elegeram o seu primeiro Conselho Nacional:

NDARUVUKANYE ELIE, MUNYARUKUNDO J.NEPOMUSCENE, HAGENIMANA ADELINE, UWIMANA MARIE, (Presidente, Vice Presidente, Secretaria e Tesoureira, respectivamente) Parabéns! De 23 de Agosto a 9 de Setembro receberam a visita da Presidente Internacional. Recebemos um relatório sobre algumas atividades que vão desenvolver, este ano.

TOGO:

Tiveram o seu acampamento anual, participaram 36 jovens para reflectir sobre o tema anual e também sobre outros temas da sociedade atual. Receberam diplomas pela sua participação.

OCEANIA... ILHAS SALOMÃO:

Enviaram-nos a sua proposta de programação e organização da sua III Assembleia entre os países de Ásia e da Oceania. O dia de S. Vicente de Paulo foi celebrado juntamente com os Padres da Congregação da missão.

ASIA... TAILÂNDIA: Este ano celebraram o seu I Ano como Juventude Mariana Vicentina. Felicidades!

SIRIA:

Têm como tema anual: "Vamos partilhar a Paz de Deus" pela situação que o país atravessa e por todas as dificuldades que enfrentam, contudo continuam a ter encontros de formação e atividades de voluntariado de ação social para com os refugiados. Celebraram 35 anos de existência, no dia 24 de Novembro. Parabéns!


Boletim Internacional JMV - Dezembro de 2012

A FORMAÇÃO NA JMV… Como membros desta Associação, não nos podemos esquecer que a formação desempenha um papel crucial na vida dos nossos grupos, devemos estar conscientes de que somos chamados pela Virgem Maria a evangelizar outros jovens, mas para isso requere-se uma preparação sólida. S. Vicente de Paulo no seu tempo, insistia muito na formação do clero, é certo que desde esse tempo até hoje, ocorreram muitas mudanças no entanto os pedidos de ajuda dos países que recebemos, estão sempre relacionados com a formação, o que nos deixa claro que este tema hoje, é tão vital como era no tempo de S. Vicente de Paulo. Desde a I AG realizada em Roma, em 2000, e até à última AG celebrada em Portugal em 2010, a Equipa Internacional tem dado pequenos passos para tentar responder com um programa de formação que abarque todas as necessidades da JMV no mundo. Digo pequenos passos, porque estamos conscientes de que não temos conseguido responder a todas as necessidades que nos tem chegado até agora. Há alguns dias atrás, publicamos um documento simples, que juntamente com os outros documentos já publicados por esta equipa tentam ser ferramentas para os conselhos nacionais trabalharem nos seus processos formativos, assim convidamo-vos a assumir este aspecto fundamental na vida da nossa Associação. Há muitas maneiras de estruturar este caminho. Cada Conselho Nacional deve sentir-se livre para implementar o modelo que melhor se adapte à sua própria realidade. É muito importante lembrar que a JMV não é um fim em si mesma: os membros desta Associação são chamados a dar vida à Igreja e ao mundo. O processo formativo serve para ajudar os jovens a adquirir gradualmente uma visão mais aberta sobre a realidade do mundo e da Igreja.

Por isso o jovem que termina o processo formativo, como qualquer cristão adulto, deve procurar "espaços" e "lugares" onde realize a sua opção de vida, onde possa viver o seu compromisso numa comunidade cristã adulta e talvez partindo de uma nova situação vital e de novas circunstâncias. P. Pavol Noga, CM Sub director General

Que a Luz que procuraram e encontraram os Pastores e os Magos em Belém Vos acompanhe e ilumine todo o ano 2013 !!! Feliz Natal e Próspero Ano Novo !!!


Boletim Internacional JMV - Dezembro de 2012

ENCONTRO EUROPEU E DO M. ORIENTE… TESTEMUNHO: “Não sei o que muda mais más rápido, se o mundo, se a velocidade da mudança”

JMV, O Nosso contributo na Nova Evangelização. Este foi o tema do III Encontro dos Conselhos Nacionais da Europa e do Médio Oriente celebrado de 22 a 25 de novembro em Itália, na Casa Provincial das Filhas da Caridade em Nápoles, organizado pela Equipa Internacional da JMV e com a valiosa colaboração da JMV de Itália. Participaram 75 pessoas de 13 países entre jovens e assessores que se reuniram para aprofundar como podem contribuir para a Nova Evangelização, desde o nosso carisma vicentino. A Equipa Internacional esteve representada pelo P. Geral P. Gregory Gay, Diretor da Associação, pelo P. Pavol Noga, Sub Diretor da JMV e pelo Conselheiro Internacional: Ghislain Atemezing. Os temas tratados durante o Encontro foram:

“Buscar e proclamar a fé com paixão juvenil” por Don Pascual, sacerdote salesiano e “JMV, O Nosso contributo na Nova Evangelização” pelo P. Gregory Gay, foram momentos muito importantes para a formação, os jovens puderam partilhar sobre a sua realidade e os desafios que a juventude de hoje enfrenta.

Na verdade, hoje vivemos grandes mudanças culturais dentro e fora da Igreja. Mudanças repentinas, estas que atrasam o crescimento e a maturidade dos jovens. Hoje é mais difícil, um jovem olhar para o futuro e fazer planos. Os Jovens vivem amarrados a um presente instável a todos os níveis (trabalho, afetivo, ...). Hoje, mais do que nunca, é imperativo falar da nova evangelização no mundo, principalmente na Europa. Uma nova evangelização feita para os jovens, pelos jovens e de jovens. É importante que todos saibamos onde estamos, para onde vamos e despertar nos outros a mesma necessidade de se questionarem. Falar de evangelização, falar de fé, mais do que uma obrigação, é uma necessidade! São precisos homens e mulheres de fé, que têm e alimentam uma relação pessoal com Deus, que vivem dando testemunho de Jesus no mundo, num caminho coerente e missionário, vivam a doutrina sabendo responder com certeza no que acreditam e porquê, e por último que vivam em comunidade e para a comunidade e aí encontrem o seu lugar. Como homens e mulheres de fé podemos construir um caminho futuro, um caminho de autenticidade, deixando para trás a complexidade que nos corrompe, hoje. Os jovens necessitam de referências, de pessoas autênticas que possam ensinar e transmitir as riquezas da Fé. Durante três dias, cerca de 75 jovens vindos dos quatro cantos da Europa e do Médio Oriente partilhamos e descobrimos novos caminhos para a JMV, desenhamos novos compromissos, com a esperança de que o futuro será mais colorido e vivaz. Foram dias muito intensos, de alegria, de festa, de trabalho e de algumas lágrimas no final. Seguiremos juntos construindo o sonho de Maria, Nossa Mãe, continuaremos construíndo a Juventude Mariana Vicentina, com Luísa e Vincente

No final do encontro foram aprovados compromissos que ajudarão a JMV em cada país em concreto a prosseguir na nova evangelização. Agradecemos especialmente às Filhas da Caridade de Nápoles pela sua hospitalidade e generosidade.

Equipa Internacional

pelos caminhos de esperança, como gaivotas voamos para novos céus, para viver e para dar amor, sempre e somente o amor. Obrigado ao Secretariado e à Equipa Internacional, Obrigado a todos os participantes e especialmente à JMV de Itália.

Sono tutti nel cuore!

Francisco Vilhena, JMV Portugal


Boletim Internacional JMV - Dezembro de 2012

A minha experiência de trabalho com a Comunidade de Santo Egídio em Madrid... Como parte da igreja e como vicentinos, os membros da JMV são chamados a oscultar as necessidades dos outros e ajudar na construção do reino de Deus, aqui na terra. Devemos enfocar o nosso olhar e dedicar os nossos esforços para com as pessoas que sobretudo passam por situações de grandes dificuldades, e uma das melhores formas para o fazer será conhecer e partilhar com outras Associações que também têm como carisma servir os mais desfavorecidos.

Emma Leticia Velázquez Popoca, JMV.

Em 2006, Deus deu-me a oportunidade de conhecer uma dessas associações: a Comunidade de Santo Egídio e durante três anos, partilhei com eles o serviço aos pobres. Nesta bela experiência, o que mais me impressionou foi a maneira tão próxima com que os membros desta comunidade abriam os seus corações com os mais necessitados. Cada pessoa que era assistida não era apenas mais uma pessoa pobre, tinha um nome, uma identidade, uma história que compartilhava connosco e dentro das suas circunstâncias e experiências de vida dava-nos grandes lições de vida. Posso dizer com toda a confiança que em cada quarta-feira vivíamos um encontro direto com Jesus, na pessoa dos pobres.

Antes de sair para as ruas do centro de Madrid para dar o jantar aos pobres, oferecíamos a Deus as nossas atividades, através da oração e escutavamos a Palavra de Deus. Lembro-me que estes momentos de oração davam-me muita paz, amor e serenidade e sentia que eram um pilar fundamental para todas as atividades e iniciativas que eram realizadas pela Comunidade de Santo Egídio. E nunca esquecerei a Festa de família que vivíamos a cada 25 de Dezembro. A Comunidade organizava uma refeição em que todos partilhavam a mesma mesa. Ali não havia pobres nem voluntários, mas irmãos unidos na alegria por celebrar o Natal. Colaborar com a Comunidade de Santo Egídio, foi uma grande bênção para mim, em que Deus me mostrou que na igreja há muitas outras associações ou comunidades de oração e que colocam o evangelho em prática, que têm muito claro que a igreja "pertence a todos, especialmente aos pobres" (Papa João XXIII).

INTERNACIONAL… O Diretor Geral confirmou as seguintes nomeações: P. Lèba ASSAF, CM (Assessor Líbano) P. Alejandro FABRES FABRES, CM (Assessor Chile). De 22 a 25 de novembro, o Diretor do Secretariado Internacional P. Pavol Noga, CM e conselheiro Internacional Ghislain Atemezing, participaram no III Encontro Europeu e do Médio Oriente dos conselhos nacionais em Nápoles, Itália. Os compromisos finais deste encontro estão na nossa página web. A Presidente Internacional Yasmine Cajuste foi convidada pela CM de China junto com outros membros da FV a visitar Hong Kong e China de 15 a 30 de novembro, para ver a realidade deste país e os locais aonde trabalha a FV e as possibilidades para promover a Associação neste país comunista. Queremos recordar aos países que a Equipa Internacional publicou no dia 27 de novembro, na sua página web os processos formativos. Aproveitem este documento tão importante, para que a nossa formação seja cada vez mais unificada: http://www.secretariadojmv.org/jmv/pt/formation/vmy-formation-processes/ Queremos pedir que orem pela próxima reunião do Conselho Internacional que terá lugar em Madrid de 17 a 20 de Janeiro, para que as suas decisiões sejam iluminadas pelo Espírito Santo e que ajudem a JMV a responder aos novos sinais dos tempos. O Conselho e o Secretariado Internacional deseja a todos um Feliz Natal…

www.secretariadojmv.org

BI JMV Dez2012 POR  

Boletim Internacional Juventude Mariana Vicentina dezembro de 2012 – ano 12 – nº. 90

Advertisement