Page 1

SE LIGA,

EMPREENDEDOR CORREIO DE SERGIPE | 28, 29 E 30 DE MARÇO DE 2020 - #NENHUMAEMPRESAAMENOS

MERCADO AZUL

Lançada plataforma gratuita para anúncio dos pequenos negócios Página 6

OPINIÃO Só se protege empregos protegendo as empresas Página 3

SERVIÇOS DELIVERY

ENTREGAS PODEM SER UMA SAÍDA PARA ENFRENTAR A CRISE Orientação é para empresário adotar essa ferramenta em seus negócios

ANO I | Nº 02

SE LIGA,EMPREENDEDOR PRODUZIDO PELO SEBRAE/SERGIPE1


SEBRAE AMPLIA ATENDIMENTO AO PÚBLICO NO AMBIENTE DIGITAL

Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas no Estado de Sergipe MARCO PINHEIRO Presidente do Conselho PAULO DO EIRADO Diretor-Superintendente

poderá receber orientações

Coronavírus e preocupado

nas empresas.

sobre como melhorar a ges-

com a saúde de seus clien-

Um outro serviço oferecido

tão dos empreendimentos.

brae suspendeu os cursos,

EDUARDO PRADO JÚNIOR Diretor Administrativo

eventos e o atendimento presencial em sua sede e

Produzido pela UMC - Unidade de Marketing e Comunicação ANDRÉ GUSMÃO Gerente de Marketing e Comunicação Wellington Amarante Jornalista - DRT 1259/SE

podem ser implementadas

tes e colaboradores, o Se-

EMANOEL SOBRAL Diretor Técnico

andre.gusmao@se.sebrae.com.br

Em virtude do avanço do

Escritórios Regionais. Para garantir a oferta de orientações aos empreendedo-

wellington.amarante@se.sebrae.com.br

res, a instituição ampliou o

Victor Hugo Oliveira Jornalista - DRT 1587/SE

atendimento por meio dos

victor.oliveira@se.sebrae.com.br

Rafaela Meira Analista Técnica/RP rafaela.meira@se.sebrae.com.br

canais digitais. A instituição disponibiliza

lista. A ferramenta está dise por meio dela o cliente

CAPACITAÇÕES

pode conversar com os técnicos da instituição sobre diversos assuntos relacionados a abertura e gestão de negócios. Para utilizá-la basta fazer um cadastro e receber as informações via

genilson.junior@se.sebrae.com.br

ções aos empreendedores

Aliete Natali Estagiária

sobre novas formas de fazer

Os empreendedores tam-

0800 570 0800

Av. Tancredo Neves, 5500 Bairro América - Aracaju - SE

negócios para não ter prejuízos neste momento de crise. Acessando o site www. sebraesergipe.com.br o in-

(79) 2106 7722

está disponível por meio do telefone (79)2106-7722.

chat ou email.

CENTRAL DE RELACIONAMENTO

Já o serviço de WhatsApp

ponível no Portal do Sebrae

uma página com orienta-

Genilson Júnior Analista Técnico/Designer

2

é o Fale com um Especia-

bém podem tirar dúvidas por meio das redes sociais do Sebrae Sergipe no Instagram

(@SebraeSergipe)

e Facebook (Sebrae Sergi-

GRA-

TUITAS O

Sebrae

oferecendo

também

está

cursos

onli-

ne e gratuitos para que os empreendedores desenvolver

possam

habilidades

em diversos temas e aplicar seus conhecimentos na busca de soluções criativas para o seu empreendimento. Por meio do site www.sebraesergipe.com.br o empresário tem acesso a mais

ternauta poderá ter acesso

pe). Outras opções são o

a dicas e exemplos a serem

call center da entidade e o

seguidos, além de mate-

WhatsApp. Ligando gratui-

como finanças, inovação,

riais com orientações sobre

tamente para o 0800-570-

planejamento,

ferramentas de gestão que

0800, o cliente também

vendas e pessoas.

SE LIGA,EMPREENDEDOR

de cem cursos em áreas marketing,

0800 570 0800


SÓ SE PROTEGE EMPREGOS PROTEGENDO AS EMPRESAS Marco Aurélio Pinheiro - Presidente do Conselho Deliberativo do Sebrae/SE

Somos um país e um Estado mantido pelos pequenos negócios. São eles quem mais empregam, movimentam a economia e muitos deles estão impedidos de funcionar graças ao atual momento, causado pela pandemia mundial de Covid-19, o novo Coronavirus. Não possuo amplo conhecimento sobre a questão de saúde pública, mas o momento é de lição para todos. Desde antes dessa crise, era necessária uma política voltada à manutenção desses empreendimentos, tendo como objetivo o seu fortalecimento e a regulamentação de profissionais informais, principalmente levando em consideração que ainda sentíamos impactos da crise anterior e o desemprego ainda atingia mais de 12% da população. Agora, esse planejamento se mostrou ainda mais necessário. E os riscos não são apenas locais ou nacionais, mas em todos os países que adotaram medidas restritivas. Em um cenário levantado pelo JPMorgan Chase Institute envolvendo cerca de 597 mil pequenas empresas abertas ao menos desde 2015, foi constatado que metade desses negócios possuía caixa suficiente para custear as atividades por 27 dias. Menos de um mês. Um quarto deles possui menos de 13 dias de caixa de reserva. Uma incerteza paira sobre o futuro na atual conjuntura e o impacto disso na economia ainda não é previsto. Isso é um problema sério. Estamos lutando contra um vírus, procurando manter a calma e a produtividade, mas 0800 570 0800

sabemos que sem o tampão necessário para manter seu custeio temo que muitas empresas fechem para sempre, gerando uma índices de desemprego ainda maiores Tememos também que os mais de 38 milhões de autônomos, segundo levantamento do Governo Federal, já impedidos de trabalhar no país, continuem sem uma perspectiva de negócio, emprego ou trabalho. As empresas são importantes não apenas para a economia, mas também para as pessoas. Não tratamos como alternativa suspender contratos, pois temos conhecimento de que esse é um momento difícil para todos. Porém, estamos cada vez mais preocupados com o risco não só de uma recessão, mas de um cenário desolador, maior que o visto em países como Argentina e Grécia, por exemplo. Vemos com incerteza o futuro de muitos empreendimentos e diariamente dezenas de empresários têm nos procurado querendo uma alternativa que garanta a possibilidade de movimentar seu caixa para manter seus negócios, pagar suas contas e permitir que seus funcionários continuem em seu quadro. Cuidemos dos negócios para cuidar do futuro das pessoas, pois da mesma forma que nos sacrificamo, é preciso haver outros sacrifícios para que nossos funcionários, seus familiares e toda a economia não sinta os efeitos deste momento.

SE LIGA,EMPREENDEDOR

3


CRIAR SERVIÇOS DE DELIVERY PODE SER UMA SAÍDA PARA ENFRENTAR A CRISE Com a crise do Coronavírus, manter distância das ruas e evitar o contato com as pessoas ajuda a controlar o alastramento da doença. Mas isso, em contrapartida, pode ser uma ameaça e tanto para a sobrevivência dos pequenos negócios. A diminuição da circulação vai deixar os estabelecimentos vazios e provocar uma queda abrupta do consumo de maneira geral. E quem vai ter de se virar é o empresário que tem um caixa apertado, dependente de receitas frequentes para equilibrar as contas. Por isso, o Sebrae aconselha que o empreendedor encontre alternativas para a baixa nas vendas. Se o Coronavírus está impedindo que o cliente vá até o seu negócio, a solução é ir até ele. Dessa forma, um dos caminhos apontados pela instituição é a implementação de um serviço de entrega. “O mercado de delivery é diversificado e significa oportunidade para

4

vários tipos de estabelecimentos, desde restaurantes até pet shops, passando por lavanderias e farmácias. É possível usar essa solução e contornar problemas com o fluxo de caixa, mantendo as vendas”, explica a gerente da Unidade de Atendimento Individual do Sebrae, Ana Teresa Silva Neto. DICAS Segundo Ana Teresa, antes de implementar o serviço os empreendedores devem estar atentos a algumas questões. “É preciso sempre prestar um bom atendimento. As empresas que elevam a qualidade da prestação de serviço passam a ser mais competitivas no mercado, pois um bom atendimento conquista e fideliza o cliente. Além disso, é essencial saber ouvir e compreender o consumidor para entender suas necessidades e solucionar problemas”. Um outro ponto que deve ser levado em conta é a preocupação com o cumprimento dos prazos. Os

SE LIGA,EMPREENDEDOR

consumidores hoje buscam rapidez e segurança. Por isso, a empresa precisa ser eficiente na entrega, já que cumprir o prazo estabelecido é um fator relevante e decisivo para fidelizar a clientela. Estabelecer um tempo de entrega possível de ser atendido é importante para não frustrar a expectativa das pessoas e acabar perdendo futuros negócios. Oferecer serviços delivery em horário alternativo, não comercial, pode ser vantajoso para empresas ampliarem a cartela de clientes, atendendo a demanda de quem precisa resolver emergências à noite, por exemplo. Porém, é necessário estar atento aos custos adicionais que isso pode gerar à empresa. Um fator essencial para o sucesso do novo serviço é a divulgação e nisso a internet pode ser um importante aliada. “ Mesmo que haja qualidade nas entregas e valores justos, se


ninguém conhece o seu sistema de entregas a inovação pode acabar não servindo para muita coisa. Um caminho é divulga-los nas redes sociais, buscadores e reprodutores de conteúdos espalhados em diferentes links e acessados por diferentes perfis de pessoas”, ressalta Ana Teresa.

os pequenos negócios. Contar com

“Os empresários devem pensar

fundamentais para o funcionamen-

de entrega. É melhor definir uma

PARCERIAS

der a necessidade do cliente, caso a

E por último, e não menos importante, é fundamental que o empresário esteja atento à realização de parce rias. Ter parceiros como postos de gasolina e lojas de autopeças pode ser vantajoso para

o auxílio desses estabelecimentos, to das motos, é necessário para que o serviço não seja interrompido.

Além disso, estabelecer parcerias

com outras empresas de delivery é uma opção para não deixar de aten-

entrega seja solicitada para regiões que fogem do âmbito de entrega do seu negócio.

muito também na cobrança da taxa região a ser atendida do que atender toda a cida-

de e cobrar

uma alta taxa para entrega. O ideal é começar

aten-

dendo bairros próximos

e

de fácil acesso”,

conclui

a gerente de atendimento do Sebrae.

SE LIGA,EMPREENDEDOR

5


SEBRAE OFERECE PLATAFORMA GRATUITA PARA ANÚNCIO DE PRODUTOS E SERVIÇOS DOS PEQUENOS NEGÓCIOS Os donos de pequenos negócios que enfrentam os impactos negativos cau-

sados pela pandemia do novo corona vírus podem contar com a ajuda da

nos últimos cinco anos e representam

27% de todas as riquezas produzidas no país.

Para divulgar o produto ou serviço no Mercado Azul, o empresário deve inserir o CPF e acessar a plataforma (link www.mercadoazul.sebrae.com.

plataforma Mercado Azul (www.

De acordo com a pesquisa do Sebrae

da pelo Sebrae, para anunciar e en-

2018, 73% dos pequenos negócios

serviços, de forma gratuita, em todo

ca, como Google, considerado o maior

uma vitrine digital para as micro e pe-

a analista de Soluções do Sebrae, Lou-

suir fácil acesso e segurança, a pla-

mais importância para os pequenos

divulgue suas redes sociais como Fa-

gundo ela, a plataforma Mercado Azul

mitindo contato direto entre

br). Entre as facilidades oferecidas,

mercadoazul.sebrae.com.br), cria-

Transformação Digital nas MPE de

contrar fornecedores de produtos e

não estão presentes nos sites de bus-

o país. A ferramenta funciona como

e mais conhecido site de buscas. Para

quenas empresas que buscam novos

ise Machado, a internet ganha ainda

taforma permite que o empresário

negócios neste momento de crise. Se-

cebook, Instagram e WhatsApp per-

canais de venda, divulgação e presen-

ça digital visando a manutenção dos negócios.

Além de dar mais visibilidade aos pe-

quenos negócios, que representam 99% das empresas brasileiras, o obje-

consegue dar visibilidade aos negócios com o uso de técnicas nos buscadores: “As pessoas estão buscan-

tivo do Sebrae é retomar a campanha

do produtos e serviços na internet

valoriza as micro e pequenas empre-

Daí, a ne-

momento de crise, sofre com o fecha-

de dar visibi-

“Compre do Pequeno Negócio”, que

por uma questão de segurança.

sas. O segmento, em especial nesse

vez

mento dos comércios e limitação da

lidade aos pe-

circulação de pessoas. Atualmente são

os pequenos negócios que geram o

maior número de empregos no Brasil,

6

maior

cessidade cada

quenos negócios

no mundo digital.”

SE LIGA,EMPREENDEDOR

o empreendedor pode criar anúncios com até oito fotos, horário de funcionamento, inserir preços, e realizar promoções exclusivas. Além de pos-

o empresário e a clientela. Também é possível compartilhar os anúncios do Mercado Azul nas redes sociais do próprio negócio ou do

empreen-

dedor e fazer ligações diretas, por meio do celular.

0800 570 0800


Pagamento dos tributos federais do Simples Nacional já está valendo O pagamento dos tributos federais do Simples Nacional foi prorrogado. Desta forma, o acerto referente aos meses de março, abril e maio deste ano ficou postergado para outubro, novembro e dezembro, respectivamente. Essa é uma das iniciativas do Ministério da Economia, feita com a colaboração do Sebrae. Os tributos estaduais e municipais, até o momento, não foram contemplados. O Comitê Gestor do Simples Nacional iniciou nova votação pedindo a aprovação de Estados e Municípios para a inclusão do ICMS e do ISS nessa prorrogação. Por enquanto, orienta-se as empresas que em abril, quando forem feitos os cálculos dos valores devidos em março, utilizem uma guia avulsa para pagamento dos tributos de ICMS e ISS, excluindo os de competência federal (IRPJ, IPI, CSLL, PIS, COFINS e CPP). O mesmo entendimento se estende ao Microempreendedor Individual (MEI), optante do Simples Nacional. Terá o diferimento da Contribuição Previdenciária, não contemplando o ISS ou ICMS.

SEBRAEDICAS Utilize as ferramentas digitais para chegar até o seu público. Entre as soluções rápidas e de baixo custo estão os anúncios no Instagram e Facebook e o uso de listas de transmissão do WhatsApp

1º USO DE MÍDIA SOCIAIS

Utilize as ferramentas digitais para chegar até o seu público. Uma solução rápida e de baixo custo é investir em anúncios no Instagram e Facebook e no uso de listas de transmissão do WhatsApp

2º PLATAFORMAS DE VENDAS ONLINE

Se a sua empresa ainda não conta com ferramentas de venda online, esse é o momento de tomar essa atitude. Avalie qual das diferentes plataformas disponíveis no mercado mais se adequa às suas necessidades.

3º APLICATIVOS DE DELIVERY

Utilize aplicativos de delivery para comercializar seus produtos. Se você ainda tinha alguma resistência a esse modelo, essa é a hora de repensar sua estratégia.

4º AVALIE SEUS CUSTOS

Conheça profundamente os custos da sua empresa e seja capaz de avaliar quais são aqueles imprescindíveis para manter o negócio operando.

5º NEGOCIE COM SEUS FORNECEDORES

Negocie com seus fornecedores um melhor prazo para cumprir os compromissos. Isso pode trazer o fôlego necessário para manter em dia gastos e despesas que não podem ser adiados.

SE LIGA,EMPREENDEDOR

7


8

SE LIGA,EMPREENDEDOR

Profile for Sebrae Sergipe

CADERNO SE LIGA EMPREENDEDOR 02  

CADERNO SE LIGA EMPREENDEDOR 02  

Advertisement