Page 1

Turismo

Fotografia

Mergulho Técnico

Naufrágios

Cavernas

Equipamentos

Meio Ambiente

Novidades

DIVEMAG www.divemag.org

International Dive Magazine Feita por quem mergulha !!

Fotógrafo convidado Marcello Di Francesco

+

Expedição Mato Grosso do Sul

COBERTURA DA SUPER FESTA DIVEMAG Cores: Caranguejos e Camarões

Edição 02 - Fevereiro 2012


Divirta-se Informe-se Vivencie Experimente

DIVEMAG WE DIVE !! www.divemag.org

International Dive Magazine


PACOTES RECREACIONAIS

W W W . S C U B A P O I N T. C O M . B R

PACOTES TECH


INFORME PUBLICITÁRIO | DIVEMAG.org | SCUBA POINT

Participe, as melhores fotos serão publicadas na revista, é fácil e grátis!

TOP 05 Crie uma conta no flickr.com, faça o upload de suas fotos preferidas, busque nosso grupo divemag.org e solicite participar, o grupo é público e aberto, você pode subir 5 fotos por dia, depois é só torcer para sua foto ser selecionada, boa sorte !!!

W W W . S C U B A P O I N T. C O M . B R


TOP 05

cuttlefish por paul_hunter99

DIVEMAG International Dive Magazine

JANEIRO DE 2012

CALAMARO - Maldive 2011 por Fabio Strazzi


JANEIRO DE 2012

DIVEMAG International Dive Magazine

Scalefin anthia (13) por Paul Flandinette

chrismastreeworm por liquidkingdom

Dondice banyulensis por jordi benitez -Mikan-

TOP 05

Purple por Petr Kleiner


TOP 05

A DecoStop aumentou seu tempo de fundo. A melhor revista brasileira de mergulho, agora no seu tablet.

Acid Flabellina Affinis por Davide Dèdè Lopresti

A revista DecoStop já está disponível no Android Market, e a partir de março na Apple Store. Esta ação faz com que o alcance da revista seja potencializado, atingindo leitores além de nosso alcance físico. A tecnologia digital permite que as edições da DecoStop sejam armazenadas, possibilitando acesso rápido as informações contidas na revista. A edição impressa continuará a ser produzida normalmente. Para download no Android Market acesse:

https://market.android.com/details?id=com.magtab.DecoStop

DIVEMAG International Dive Magazine

Para assinar www.decostop.com.br Para anunciar rodrigo@decostop.com.br

www.clovix.com.br

JANEIRO DE 2012


Leonardo

DISTRIBUIDOR (11) 4341-6466

pedido@ksesporte.com.br


INFORME PUBLICITÁRIO | DIVEMAG.org | CRESSI

DIVEMAG International Dive Magazine A DIVEMAG está disponível para ser visualizada em qualquer tablet ou smartphone com capacidade de ler arquivos em PDF, iPad, Android e outros. É simples e grátis: baixe a revista no seu device, entre no site da DIVEMAG selecione a edição e faça o donwload, assim que terminar, a revista será exibida no seu navegador e você poderá optar por gravá-la em sua biblioteca de arquivos. Ex: iBooks ou similar dependendo da plataforma que você utiliza. Agora é só aproveitar a sua edição da revista, colecionar ou enviar para os amigos, e o melhor de tudo: sem custo e sem limites. Aproveite e baixe agora o seu exemplar em:

www.divemag.org


SOCIAL

>> Nesta edição <<

DIVEMAG International Dive Magazine

Feita por quem mergulha !!

14. MATO GROSSO

Uma edição recheada de imagens incríveis, as belezas naturais do nosso país representadas pelas águas cristalinas e mistérios de Bonito e Jardins, um incrível mundo de cores e formas estranhas na matéria do nosso fotógrafo Carlos Montechi que percorreu o mundo em busca de camarões e caranguejos de diversas formas e cores, um mini mundo exótico e divertido, o Fotógrafo Italiano Marcello Di Francesco que nos brinda com um portfolio de tirar o fôlego, os Italianos tem a arte no sangue e Marcello é prova viva desse talento. Cobertura total da festa que parou o mundo do mergulho em São Paulo no dia 19 de janeiro, a grande inauguração da DIVEMAG com direito a telão, muita confraternização e casa lotada ao som de um bom Rock and Roll !!

EDITOR KADU PINHEIRO

52. CAMARÕES CARANGUEJOS

Inauguramos uma nova sessão de testes de equipamentos, para manter você leitor o mais informado e capacitado para realizar suas compras, com mais conhecimento de causa e acertividade. Ainda nessa edição uma relação das principais obras literárias relativas ao mergulho disponíveis em lingua portuguesa em nosso mercado, lançamentos, novidades e uma sessão sobre manutenção de equipamentos, tudo isso e muito mais !!

CONTEÚDO

14 :: Expedição Mato Grosso do Sul 40 :: Festa de lançamento DIVEMAG 52 :: Camarões e Caranguejos 67 :: Literatura Submersa 74 :: Fotografia >> Lançamentos 76 :: Série >> Cuidando do seu equipamento 80 :: Divers For Sharks 82 :: Teste >> Nós Usamos 91 :: Fotógrafo Convidado: Marcello Di Francesco 93 :: Sea Shepherd 106 :: Certificadoras e mercado

Águas claras e boa leitura.

Kadu Pinheiro >> Editor <<


DIVEMAG

Conselho Editorial

International Dive Magazine

EXPEDIENTE

Carolina Schrappe

PRESIDENTE: Flávio Lara flavio@divemag.org Redação Diretor de Produto E EDITOR: Kadu Pinheiro kadu@divemag.org

Cristian Dimitrius

JORNALISTA RESPONSÁVEL: Fernanda Boaro | MTb 35867. Colaboraram nesta Edição: Kadu Pinheiro, Carolina Schrappe, Carlos Montechi, Marcello Di Francesco, Reinaldo Alberti, Raquel Soldera, Flávio Lara, Paulo Guilherme Pingüim REVISÃO FINAL: Carolina F. Pinheiro TRADUÇÃO ESPANHOL: Hector Mañon TRADUÇÃO INGLÊS: José Truda Palazzo

Daniel Botelho

Lawrence Wahba

Publicidade gerente: ReinaldoAlberti publicidade@divemag.org

Reinaldo Alberti

Atendimento ao leitor SAC :: sac@divemag.org

ED.02 Fevereiro 2012

DIVEMAG é uma publicação on-line mensal e gratuita da Editora Dive Ltda. Fevereiro de 2012. Ar­ti­gos as­si­na­dos não re­pre­sen­tam ne­ces­sa­ri­a­men­te a opi­ni­ão da re­vis­ta.

Rodrigo Figueiredo

Endereço Rua da Consolação, 348 3º andar :: São Paulo :: SP CEP 01302-000 :: Tel.: 55 11 3259.4263

Foto capa: Carlos Montechi

ATENDIMENTO O conselho editorial foi formado com o intuito de manter a revista alinhada com as melhores publicações de mergulho mundiais. Os membros do nosso conselho são referências junto ao mercado de mergulho, figuras publicamente conhecidas que representam nossa atividade perante a mídia e o trade.

sac@divemag.org


INFORME PUBLICITÁRIO | DIVEMAG.org | SEASUB

DIVEMAG

CURTAS | WEB | Por: Redação

International Dive Magazine

SCUBACHANNEL uma nova opção de entretenimento. Inaugurou em 2012 o site SCUBACHANNEL. A idéia é oferecer aos mergulhadores a oportunidade de assistir vídeos em alta resolução através da integração entre TV e Internet, como os canais de TV Aberta ou mesmo os de TV a cabo. Com uma diferença, no SCUBACHANNEL o tema principal é mergulho. Você pode assistir os videos através do site:

www.scubachannel.com.br


Expedição Mato Grosso do Sul Texto e fotos: Kadu Pinheiro

14

A serra da Bodoquena abriga um dos pedaços mais intocados e maravilhosos de natureza do nosso Brasil, os municípios de Bonito e Jardim são os pontos de partida para diversas atrações e opções de mergulho e aventura, desde o mergulho em caverna, a uma simples flutuação no rio da prata, fazer um rapel de 72 metros no Abismo Anhumas ou conhecer o Buraco das Araras, opções não faltam, e com certeza uma semana será pouco para conhecer todas as opções.

DIVEMAG International Dive Magazine


Olho d’ Água

DESTINO | Mato Grosso do Sul | Por: Kadu Pinheiro Como parte de uma expedição da NAUI Tec / CECAV formada para explorar algumas cavernas da região, tive a oportunidade de conhecer e mergulhar em alguns pontos privilegiados de Bonito e Jardim, como a intocada nascente do Olho d’água além de explorar 2 cavernas o Buraco das Abelhas e o Abismo Anhumas.

DIVEMAG International Dive Magazine

15


DESTINO | Mato Grosso do Sul | Por: Kadu Pinheiro DIVEMAG International Dive Magazine

Nossa base de operações durante os 12 dias de expedição foi a Fazenda Figueira, lugar bem conhecido dos caverneiros Brasileiros, é nessa fazenda que se localiza o Buraco das Abelhas, uma fantástica caverna que se caracteriza por ser uma ressurgência de um rio subterrâneo, essa caverna já foi bem explorada em outras épocas, mas agora encontrase fechada para o mergulho, sendo necessário autorização do IBAMA / CECAV para mergulhar lá, sua entrada é um pequeno lago em meio a mata fechada, na época de chuvas, entre novembro e março, o nível da água pode subir cerca de 6 metros, deixando a visibilidade bastante prejudicada. Além disso, folhas e galhos são encontrados a 500 metros da boca da cavidade. Sua fauna conta com peixes cavernícolas e peixes de rio que entram na época das chuvas quando um rio temporário é formado, a formação geológica do Buraco das Abelhas é muito interessante com grandes fraturas e condutos quilométricos em vários níveis de profundidade, o que proporciona mergulhos incríveis.

16

DIVEMAG International Dive Magazine


DIVEMAG

DESTINO | Mato Grosso do Sul | Por: Kadu Pinheiro

International Dive Magazine

Estávamos em 7 mergulhadores, e ao chegarmos na fazenda a situação não era muito promissora devido as chuvas que assolaram a região, armamos acampamento na antiga sede. No dia seguinte após uma inspeção a caverna pelo time 1 constatamos a péssima visibilidade e um fluxo de água muito forte sendo expelido para fora da mesma, tornando o mergulho inviável por questões de segurança, após mais 2 dias de expectativa os mergulhadores do time 1 retornaram para suas casas desistindo do Abelhas, ainda tínhamos mais dias disponíveis e resolvemos explorar a região, enquanto a situação no Abelhas não se acalmava. com uma rápida visita a Bonito conseguimos apoio das operadoras locais que gentilmente nos convidaram á fazer parte de seus passeios, nos dando a oportunidade de conhecer alguns dos mais belos refúgios da região.

17


| PONTOS DE MERGULHO | DESTINO | Mato Grosso do Sul | Por: Kadu Pinheiro

Nascente do Olho d’agua

18

Para alcançar a nascente do rio Olho d’água, de onde começam os mergulhos, nosso grupo foi transportado até a RPPN - Reserva Particular do Patrimônio Natural, onde fomos conduzidos por um experiente guia, que nos ajudou com os equipamentos e nos deu uma verdadeira aula sobre o local.

DIVEMAG International Dive Magazine


DESTINO | Mato Grosso do Sul | Por: Kadu Pinheiro Logo no início da flutuação fui informado da presença de um jacaré, numa área próxima a nascente, após uma rápida exploração localizamos o animal, que estava muito bem camuflado em uma toca na margem do rio, com o apoio do guia, consegui me posicionar bem de frente ao animal que deveria ter por volta de 2 metros de comprimento, emocionante estar dentro da água com um animal tão imponente e objeto de admiração por ser um predador formidável.

DIVEMAG International Dive Magazine

19


| Surpresas da nascente do Olho d’agua |

DESTINO | Mato Grosso do Sul | Por: Kadu Pinheiro O animal se mostrou calmo e apesar da minha proximidade e das luzes do meu flash, não se intimidou e continuou ali me fitando a menos de 10 cm de distância do domo da minha câmera, após muitos cliques, deslizei junto com o grupo seguindo a suave correnteza que nos levou calmamente por um passeio em um mundo subaquático fantástico.

20

DIVEMAG International Dive Magazine


DESTINO | Mato Grosso do Sul | Por: Kadu Pinheiro

Habitado por dezenas de espécies de peixes e plantas aquáticas, nos vimos cercados por enormes piraputangas, dourados, curimbatás, piaus, matogrossinhos e outros peixes nativos da região do pantanal, tivemos muita sorte e mais um encontro com um Jacaré que rendeu mais fotos e um pequeno susto pois o animal estava um pouco mais arisco que o primeiro.

DIVEMAG International Dive Magazine

Flutuamos rio abaixo, percorrendo em torno de 2 km, até o encontro dos rios Olho D’Água e Rio da Prata. Nesse ponto, terminamos nossa flutuação e voltamos por uma pequena trilha até nosso transporte, que nos conduziu a sede da fazenda para um almoço típico da região. mais informações: www.bonitoweb.com.br/riodaprata

21


NOTURNO| SUPERIOR PRODUCER

O Abismo Anhumas

22

O Abismo Anhumas é uma caverna situada à 23 km de Bonito, rodeada por uma floresta frondosa, cheia de vida, nem imaginamos o quão colossal e maravilhoso é o visual do abismo, seu acesso se dá por uma fenda que existe na rocha, um buraco no meio das pedras que de fora não condiz com o mundo subterrâneo ao qual dá acesso, através de técnicas verticais em rapel, temos acesso ao interior da caverna, que mais parece um estádio de futebol em tamanho e lembra o domo de uma catedral gótica em beleza.

ABISMO ANHUMAS

DESTINO | Mato Grosso do Sul | Por: Kadu Pinheiro

DIVEMAG International Dive Magazine


DESTINO | Mato Grosso do Sul | Por: Kadu Pinheiro

DIVEMAG International Dive Magazine

23


DESTINO | Mato Grosso do Sul | Por: Kadu Pinheiro

24

PONTO | ABISMO ANHUMAS

DIVEMAG International Dive Magazine

São 72 metros de descida vertical, até o deck de madeira que flutua sobre um lago de águas cristalinas, atingindo 80 metros em sua parte mais profunda, a descida de rapel oferece uma visão única e panorâmica da caverna, uma viagem ao interior da mãe terra, é um lugar que propicia uma conexão com a natureza em um nível que eu jamais experimentei, além do rapel já ser uma aventura. Após transportarmos e descer todo o equipamento de mergulho, duplas, câmeras, iluminação, etc, pois nos programamos para fazer um mergulho mais profundo e extenso para explorar melhor o interior da caverna alagada, equipos prontos:


DIVEMAG International Dive Magazine

DESTINO | Mato Grosso do Sul | Por: Kadu Pinheiro

Água !! Ao imergir um mundo totalmente surreal se mostra, custo a acreditar no tamanho das formações! Primeira parada: Esqueleto de uma preguiça, mais formações, o jogo de luzes é incrível, cada pedaço do lago é explorado por nossa equipe, e o deleite é geral, não nos damos conta de que quase 01:30 se passaram desde que submergimos, hora de encarar uma subida...para a superfície 72 metros de Jumar (escalar a corda de volta a luz do dia), mas antes um passeio de bote pelo interior da caverna nos mostra mais belezas escondidas, os raios de luz adentrando pelo buraco no topo da caverna nos dão uma sensação de sagrado, poderia gastar páginas e páginas tentando descrever as impressões visuais que tive, melhor ir lá e conferir, imperdível.


DESTINO | Mato Grosso do Sul | Por: Kadu Pinheiro No lago dezenas de cones de calcário preenchem o seu entorno, com formações que atingem 19 metros de altura, podendo também ser observadas no passeio que é realizado de bote, mergulhadores certificados, podem fazer mergulhos recreacionais na parte rasa da caverna, na parte seca há um salão com espeleotemas, de uma beleza memorável que a natureza vem esculpindo a milhares de anos. O Abismo foi totalmente aberto à visitação em 1999, com o início das pesquisas, treinamento e capacitação de pessoal, o abismo Anhumas tem sua operação turística monitorada, garantindo sustentabilidade na exploração e visitação da caverna causando o menor impacto possível. Está política recomenda que somente 18 pessoas participem da aventura por dia. Lembrese de reservar com antecedência. Para a atividade do rapel é necessário treinamento prévio com os monitores realizado em Bonito.

DIVEMAG International Dive Magazine

26


DIVEMAG

DESTINO | Mato Grosso do Sul | Por: Kadu Pinheiro

International Dive Magazine

A visitação ao Abismo Anhumas é composta por uma seqüência de etapas para que você possa realizar o passeio, em total segurança. No dia anterior à visitação é realizado um treinamento específico pela equipe do Abismo Anhumas em Bonito. Assim todos podem conhecer as técnicas de descida e ascensão e os procedimentos de segurança que envolvem esta aventura. mais informações você pode obter aqui: www.abismoanhumas.com.br


DESTINO | Mato Grosso do Sul | Por: Kadu Pinheiro

Buraco das Araras: Outro lugar fantástico que conhecemos em nossa exploração foi o buraco das araras, uma dolina com 124 metros de profundidade e 160 metros de diâmetro, que possibilita uma visão panorâmica de seu interior, em meio ao cerrado é uma enorme cratera totalmente em arenito recoberta de uma densa mata, um lugar onde diversos pássaros, principalmente as “Araras Vermelhas” adotaram como habitat natural.

28


DESTINO | Mato Grosso do Sul | Por: Kadu Pinheiro

27


DESTINO | Mato Grosso do Sul | Por: Kadu Pinheiro

O nome Buraco das Araras surgiu em razão do grande número de araras que habitam o local e fazem verdadeiros espetáculos. Em seu interior fauna e flora bem particulares, com seu ecossistema próprio e um grande lago habitado por jacarés da espécie papo amarelo.

30


DESTINO | Mato Grosso do Sul | Por: Kadu Pinheiro

O passeio é uma boa opção, antes ou depois de fazer o passeio ao rio da prata ou quando estiver chegando ou saindo de Bonito. Localizado no Município de Jardim (BR 267) cerca de 53km de Bonito sentido Porto Murtinho e a 5 km do passeio Recanto Ecológico Rio da Prata. mais informações: www.buracodasararas.tur.br

09

|Tamándua Bandeira na fazenda Rio da Prata|

31


DESTINO | Mato Grosso do Sul | Por: Kadu Pinheiro

De volta a fazenda figueira, com 3 dias sem chuva o buraco das abelhas agora estava mais calmo, possibilitando que realizasse-mos nossos mergulhos de treinamento, a paisagem da fazenda é outra maravilha todos os dias indo para o Abelhas nos deparavamos com animais selvagens em abundância, desde bandos de porcos do mato até veados, tucanos, gaviões e uma diversidade de outros animais, descrever o Abelhas e seus mergulhos incríveis será pauta para uma próxima matéria aguardem !!!

| Emas |

| Reriton, Jornada e Lica e a brava pick-up carregada !! |

| Fazenda Figueira |

| Procurando Jacarés |


NOVO PRISM 2 O Prism2 é um Rebreather de circuito fechado ideal para explorar mar aberto, cavernas ou naufrágios. Esta unidade pode ser controlada manualmente ou eletronicamente, o que significa que você pode escolher o quanto a PPO2 deve ser mantida no loop. Inclui contra pulmões montados sobre os ombros, scrubber radial montado na parte traseira, o que proporciona fácil respiração com mínimo esforço, e baixa carga hidrostática. O kit padrão inclui um controle electrónico e um display com um conjunto de BCD e arnês que fornece um kit completo pronto para mergulhar. O Prism2 também podem ser entregue com uma combinação de plate e asa.

VISÃO GLOBAL CCR Eletrônico (Rebreather circuito fechado) • Eletrônica Selada • Projeto do Scrubber Radial fornece baixo esforço respiratório e melhor eficiência na utilização do scrubber • HDD Primário (Heads-Up Display) é um diplay de LED seqüencial alimentado por bateria para o monitoramento contínuo sem o uso das mãos • Contra pulmões sobre os ombros para um menor esforço respiratório Mais Informações:

www.prism2.com.br


INFORME PUBLICITÁRIO | DIVEMAG.org | Hollis

O Hollis DG05 é um computador rico em

recursos e um bom apoio ao mergulho e oferece sistema para todos tipos de mergulho com mistura Air, Nitrox e Trimix servido o mergulho recreativo e técnico em circuito aberto. Com atualização opcional para rebreather o DG05 trabalha com PO2 constante para sistema de circuito fechado de mergulho.

www.kontikidiveresort.com

O DG05 incorpora o sistema mais atual de geração de cores em seu display o sistema OLED que facilita a leitura também suporta monitoramento sem fio de múltiplas pressões de gás do cilindro via até quatro transmissores sem fio. O algoritmo de descompressão VGM encorpora o melhor dos fatores de gradiente do modelo de bolhas de Bhülmann e Haldane modelos a gás dissolvido. O sistema de bateria built-in é um passo importante para reduzir a carga sobre o meio ambiente ele é vendido com um carregador universal bivolt 240v/110v. Sistema de ativação na água programável; Design de perfil baixo; Interface sem fio para transmissores opcional, Variável Gradiente Modelo algoritmo (VGM); Fatores gradiente de segurança programáveis ​​para aumentar a segurança; Display colorido de OLED para excelente visualização; Permite visualizar o perfil de mergulho na propria tela; Tela de informações do usuário personalizável; Trabalha com até 10 misturas de gases preset entre Ar / Nitrox / Trimix; Monitoramento de % SNC e OTU • Log book de 100 mergulhos e coleta de dados a cada 10 segundos de intervalo • Avisos de violação de PO2 descompressão requerida, quebra de ar ( Air Break) e velocidade de subida • Monitoramento da temperatura ambiente na tela • Data e tempo de exibição de intervalo de superfície e mergulhos • Dessaturação e tempo sem voar • Simulador de mergulho On-Board • Pode ser usado em qualquer punho, pois aceita inversão da tela • Trabalha com unidade de medida imperial ou métricas • Caixa em alumínio pulseira compensa o ajuste em profundidade. • Bateria de Lithium Ion recarregável

TEM TUDO O QUE VOCÊ PRECISA PARA UMA ESTADIA ÚNICA EM CURAÇAO.


Foto: Kadu Pinheiro

WORKSHOPS: Daniel Botelho - Kadu Pinheiro - Cristian Dimitrius - Carolina Schrappe

ShOOTOUT

.COM.BR

Underwater Shootout Brasil

Shootout Brasil - Curaçao 19 - 26 de Maio de 2012

VENDAS: COMPRE AGORA SUA VIAGEM COM UMA ESCOLA CREDENCIADA:

Acquanauta: www.acquanauta.com.br Sandmar: www.sandmar.com.br Mar a Mar: www.maramar.com.br Scuba Point: www.scubapoint.com.br o shootout brasil colocou no ar um site especial para este evento, onde voce encontrará mais informações sobre a gincana e suas regras, sobre os palestrantes, e em breve a programação completa do que vai rolar em Curaçao ! SHOTOOUT BRASIL em CURAÇAO Realização:

SHOOTOUT BRASIL ARRIBATUR

Realização e Apoio:

DIVEMAG International Dive Magazine

Mais informações: www.shootout.com.br


fotos: Kadu Pinheiro

Consulte seu agente de viagens ou seu operador turístico favorito e pergunte sobre pacotes especiais para Curaçao.

www.curacao.com/pt


INFORME PUBLICITÁRIO | DIVEMAG.org | MAR A MAR

o ç r a m Em

r a M A r a Ma ! e t n e r f sai na 02/03 Curso de Mergulho Avançado / Viagem à Cabo Frio 05/03 Curso de Resgate 07/03 Formatura de Alunos 09/03 Curso de Mergulho em Caverna 14/03 Curso Avançado 20/03 Curso de Nitrox Básico 23/03 Curso de Apnéia / Viagem à Guarapari 29/03 Viagem à Bonaire

Para saber mais acesse: www.maramar.com.br

malas Faça as ue e embcaorq ! conos

a l c a nt a ra d e s i gn . co m

INFORME PUBLICITÁRIO | DIVEMAG.org | CURAÇAO


Viagens 2012

Embarque com A Mar A Mar!

DE 17 a 26/02

DE 16 a 26/05

DE 18 a 31/05

www.maramar.com.br/new/media/cozumel

www.maramar.com.br/new/media/curacao

www.maramar.com.br/new/media/cocos

DE 11 a 18/08

DE 11 a 21/08

www.maramar.com.br/new/media/noronha

www.maramar.com.br/new/media/galapagos

DE 01 a 08/09

www.maramar.com.br/new/media/sanandres

DE 06 a 23/06

www.maramar.com.br/new/media/komodo

DE 03 a 20/10

www.maramar.com.br/new/media/fiji

DE 31/03 a 07/04

www.maramar.com.br/new/media/bonaire

DE 01 a 11/11

www.maramar.com.br/new/media/jardines

Para saber mais acesse: www.maramar.com.br


CURTAS | WEB | Por: Redação

Campanha: RETHINK THE SHARK AfriOceans lança uma série de vídeos como parte da campanha RETHINK THE SHARK, que demonstram de uma forma bem interessante bem humorada e explicativa o porque dos tubarões não serem os animais mais perigosos do mundo, a campanha incentiva o espectador a repensar sobre o quão realmente é perigoso e factível um ataque de tubarão em comparação a outros possíveis acidentes.

39


40

The Legendary Sailor Pub

DIVEMAG LANĂ&#x2021;ADA AO SOM DO ROCK NA CIDADE DE PEDRA !

DIVEMAG International Dive Magazine

Feita por quem mergulha !!


| Ferveção na pista de dança |

41

| Nando, Gesteira e Water |

FESTA | LANÇAMENTO REVISTA DIVEMAG |

| Fachada externa da casa |


FESTA | LANĂ&#x2021;AMENTO REVISTA DIVEMAG |

| Ary Amarante, Denize Serafim Carol e Reinaldo |

| Celina Azevedo e Amigas curtem a festa ! |

42


DIVEMAG

MERCADO | FESTA DE LANÇAMENTO DA REVISTA DIVEMAG | Por: Kadu Pinheiro

International Dive Magazine

| Daniel, Walter, Gesteira, Kadu e Flávio | | Johnny e Bruno Tae |

| Faustino e Nando |

| Vanessa degustando a revista no IPAD |

| IPAD com a revista fazendo sucesso |

| Guilherme e um dos donos do Sailor |

No dia 19 de janeiro o bom e velho rock’n’roll embalou em São Paulo a festa de lançamento da Edição Especial # 1 da Divemag ! Foi no The Legendary Sailor Pub, e como endereço dos “marinheiros” paulistanos a casa acolheu um grande número de mergulhadores que prestigiaram nosso evento.

43

| Denise e Marcos |


Todos os presentes viram e “folhearam” nossa edição especial de lançamento, que foi ao ar para o público geral via internet no dia seguinte. Tablets e os televisores da casa bombaram a revista para todos os presentes !

44

FESTA | LANÇAMENTO REVISTA DIVEMAG |

| Marcio Lisa e Reinaldo conferindo todas as páginas da DIVEMAG |


| A tribo do mergulho curtindo a noite |

| André Valentim e Johnny |

| Big Paul e a galera do College |

| Galera curtindo |

Figurinhas carimbadas do nosso mercado, entre mergulhadores, instrutores e uma boa parte dos nossos anunciantes estiveram presentes, comentando, curtindo e trocando muitas idéias sobre o mergulho. A receptividade e o interesse em conhecer a revista em primeiríssima mão estavam estampados em cada um dos presentes. | Ary Amarante e marcio Lisa |

| Cris Yuri e Bruno Tae |

45

| Telão rodando fotos de mergulho do Kadu |

| Muita gente bonita na festa !! |

A qualidade visual da revista, aliada a bons textos, seu formato horizontal, a possibilidade de baixá-la e visualizá-la em qualquer plataforma foram os assuntos mais comentados durante a festa.

Alexandre Vasconcelos com a Galera da Marinha

| E o IPAD não para de rodar |

DIVEMAG International Dive Magazine


DIVEMAG International Dive Magazine

| Carolina Schrappe, Reinaldo, Vanessa e Fano da Cressi |

Estamos extremamente felizes com os resultados colhidos até aqui, pois nossos números até o fechamento desta edição já ultrapassavam 7.000 visualizações de diferentes leitores !

| Flávio Lara recebendo os cumprimentos de André Valentim e Johnny |

| Nosso Designer junior Denis e sua Esposa |

| DIVEMAG rolando no telão |

46


| Reinaldo, Johnny, Nando e Paulo |

Queremos agradecer o grande apoio recebido a partir deste dia da festa, e prometemos que teremos mais ações como esta, para reunir mergulhadores em torno de nossa grande paixão !

| Ary Amarante e Denize com o pessoal da Foto Sub |

| Guilherme, Fernando e Marcelão |

DIVEMAG www.divemag.org

International Dive Magazine


| Flávio Lara em ótima companhia |

FESTA | LANÇAMENTO REVISTA DIVEMAG |

E claro, o compromisso de manter e melhorar a cada edição a qualidade das informações e das imagens da Divemag !

| Vanessa, Fano e Paulo | | Kadu Pinheiro e Equipe do the Legendary Sailor |

| Kadu Pinheiro e Marcio Lisa |


Conheça as mais belas paisagens sub do México, no Pacífico, Mar de Cortez, Caribe e cavernas de Yucatan, o que torna nosso país um dos mais completos destinos de mergulho do planeta !

TULUM COZUMEL HUATULCO REVILLAGIGEDO BAJA CALIFORNIA PLAYA DEL CARMEN foto: Kadu Pinheiro

Solicite os pacotes da ARRIBATUR para o MÉXICO em seu DIVE CENTER !


VOCÊ ENCONTRA OS PACOTES DA ARRIBATUR NOS MELHORES DIVE CENTERS DO PAÍS

FERNADO DE NORONHA com o COLLEGE em Abril de 2012 A esmeralda do atlântico espera por você, com praias de areias brancas, banhada por um mar azul turquesa. É realmente um paraíso e faz parte do nosso Brasil. Além de toda beleza encontrada em terra, encontramos uma rica e variada vida marinha, com espécies preservadas pelo equilibrio natural e humano. Venha mergulhar conosco e viver esse momento tão especial e unico, venha para FERNADO DE NORONHA! VALORES POR PESSOA Parte aérea & Terrestre APT DUPLO: R$ 4.398,00 TAXA EMBARQUE R$ 84,42 Guia Diving College mínimo 15 pagantes. mais informações: http://www.divingcollege.com.br/

Promoção roupas Oceanic ULTRA 7mm

WWW.ARRIBATUR.COM.BR

INFORME PUBLICITÁRIO | DIVEMAG.org | DIVING COLLEGE


Vamos acelerar em 2012

Cursos de mergulho recreativo Cursos de mergulho técnico Loja de equipamentos Turismo nacional e internacional

Veja o que o College preparou para você: Coiba e Malpelo

Cat Islands - Bahamas Galha Branca oceânico

Mergulhos Ilimitados e Nitrox Free

19-31 de julho

08-14 de abril

02-09 de Junho

Liveaboard

Bonaire

Informações e reservas (11) 3863-2142 - 2864-1990 ou através do site www.divingcollege.com.br


CAMARÕES E CARANGUEJOS Camarões e caranguejos são parentes próximos. Têm em comum o fato de serem crustáceos decápodes, ou seja, possuem 5 pares de patas, sendo as duas dianteiras bem desenvolvidas para preensão de alimentos. São cerca de 5.000 espécies que habitam todos os mares do mundo, em todas as profundidades, desde as mais rasas até as fossas abissais.

52


Sua coloração ou transparência de camuflagem e o colorido dos olhos são grandes atrativos para os fotógrafos sub. Entretanto, não costumam facilitar a vida de quem os procuram.

DIVEMAG International Dive Magazine


CAMARÕES E CARANGUEJOS | ESPECIAL FOTOGRAFIA | Por: Carlos Montechi

DIVEMAG International Dive Magazine


CAMARÕES E CARANGUEJOS | ESPECIAL FOTOGRAFIA | Por: Carlos Montechi

DIVEMAG International Dive Magazine

Durante o dia vivem escondidos, protegidos pelo substrato. Muitos deles possuem hábitos noturnos, e outros, valem-se da coloração como forma de mimetizar a presença em seu ambiente ou hospedeiro.


56

BALI e SIPADAM


DIVEMAG

CAMARÕES E CARANGUEJOS | ESPECIAL FOTOGRAFIA | Por: Carlos Montechi

International Dive Magazine

Infelizmente, muitas espécies especialmente coloridas são endêmicas, encontradas apenas em regiões específicas, e precisamos nos deslocar através do mundo para encontrá-los.

57


INDONESIA E RAJA AMPAT


CAMARÕES E CARANGUEJOS | ESPECIAL FOTOGRAFIA | Por: Carlos Montechi

Em cada região, a ajuda dos guias locais é imprescindível para localizá-los, pois muitos desses crustáceos são territorialistas e só costumam mudar de área na época de acasalamento e reprodução.

59

DIVEMAG International Dive Magazine


International Dive Magazine

DIVEMAG


DIVEMAG International Dive Magazine

Alguns têm o costume de carregar e cuidar dos ovos até o nascimento dos filhotes. Uma dica para ter sucesso em suas buscas é pesquisar previamente e conversar com os mergulhadores locais sobre os hábitos das espécies nativas e a possibilidade de encontros.


CAMARÕES E CARANGUEJOS | ESPECIAL FOTOGRAFIA | Por: Carlos Montechi

62


CAMARÕES E CARANGUEJOS | ESPECIAL FOTOGRAFIA | Por: Carlos Montechi

DIVEMAG International Dive Magazine

No meu último mergulho noturno em Angra dos Reis, RJ, eu pude observar e gravar em vídeo um caranguejo ermitão decorado com três anêmonas, e em uma delas, outro caranguejo menor. Um espetáculo de vida e de simbiose ambulante! (http://vimeo.com/36628613 ).


DIVEMAG International Dive Magazine

CAMARÕES E CARANGUEJOS | ESPECIAL FOTOGRAFIA | Por: Carlos Montechi

Outra dica para localizar os alvos escondidos é levar uma lanterna em todos os mergulhos. Seus olhos costumam brilhar e denunciar a sua camuflagem. Mas tome cuidado com a luz forte e direta, que pode afugentá-los. Para evitar tal situação, uma boa idéia é utilizar filtros vermelhos na lanterna. Aparentemente esta cor não é bem percebida por esses crustáceos, e conheço relatos de fotógrafos de que alguns até são atraídos por ela. Particularmente, costumo usar a luz branca para encontrá-los e depois, a vermelha para auxiliar a focagem.

64


CAMARÕES E CARANGUEJOS | ESPECIAL FOTOGRAFIA | Por: Carlos Montechi

Carlos Montechi é fotógrafo e instrutor de mergulho PADI. Mora na cidade de São Paulo, SP - Brasil. Começou a mergulhar e a fotografar debaixo d’água em 1989, mas já praticava a fotografia “sêca” desde adolescente. Entre seus locais preferidos destacam-se: Indonésia, Austrália, Bonaire, Cayman e Mar Vermelho. No Brasil: Fernando de Noronha, Abrolhos, Recife, Cabo Frio, Angra dos Reis e a Laje de Santos, SP. “Aos iniciantes e interessados, sugiro que procurem conhecer primeiro as limitações do equipamento e praticar sempre, procurando extrair o máximo do investimento realizado. O processo de aprendizagem tem que ser contínuo e constante. Um bom mergulhador não necessariamente vai se tornar um bom fotógrafo sub, mas o inverso é verdadeiro, um fotógrafo submarino necessita de uma ótima flutuabilidade e conhecimento da vida marinha. Lembrem-se sempre que a natureza precisa ser preservada para que continue a ser assunto dos próximos fotógrafos. Interagir com os “bichinhos” não significa estressá-los, nem alimentá-los com comida que eles não estão acostumados ou depredar o lar onde eles vivem e se alimentam. Você gostaria que um alienígena vindo de fora fizesse isto com você e sua família? Tendo interesse em aprender, podemos agendar um curso de especialidade de Fotografia Digital Submarina da PADI ou curso mais dedicado conforme a necessidade específica. Espero que apreciem o meu trabalho e “mergulhem” neste incrível mundo molhado.”

DIVEMAG International Dive Magazine

Contato: carloslm@uol.com.br | www.carlosmontechi.com


a l c a nt a ra d e s i gn . co m

Dimension i3 O primeiro Colete de utuabilidade dorsal que integra o sistema i3

Lotus i3 O primeiro colete feminino de utuabilidade dorsal que integra o sistema i3


INFORME PUBLICITÁRIO | DIVEMAG.org | AQUA LUNG

a l c a nt a ra d e s i gn . co m

LITERATURA SUBMERSA | ESPECIAL LIVROS | Por: Alexandre Vasconcelos

Invasão Aqua Lung, oportunidade para testar os produtos Aqua Lung e conhecer o que há de melhor em equipamentos de mergulho. A Invasão Aqua Lung acontece exclusivamente nos Patners Centers Aqua Lung.

www.aqualung.com

Literatura Submersa Quando um mergulhador entra em uma loja de equipamentos de mergulho, sua empolgação é tanta que pode ser comparada a uma criança em uma loja de brinquedos. Da mesma forma, quando os aficionados por mergulho vão a uma livraria, é impossível não serem atraídos por livros, que possam ao mesmo tempo entreter o leitor, e remetê-lo ao universo subaquático. Atualmente, muitos títulos em português, podem ser encontrados facilmente em livrarias ou pela internet. Nos últimos anos as opções em livros abordando os temas subaquáticos, vem crescendo, tanto quanto a qualidade das obras. É possível encontrar publicações que vão desde livros com impecável acervo fotográfico, até livros em que o autor aborde aspectos técnicos ou mesmo históricos do mergulho, abaixo vão algumas sugestões garimpadas em livrarias e editoras brasileiras, se você conhece mais alguma publicação sobre o tema mande para nossa redação vamos manter em nosso site uma lista atualizada com todas as obras disponíveis no mercado.


Super Sub Autor: Américo Santarelli Editora: Nobel

Dez anos em busca dos grandes tubarões Autor: Lawrence Wahba Editora: Nobel

Um dos livros sobre mergulho, mais antigos escrito em português. Nessa obra Américo Santarelli, explica os principais conceitos sobre física e fisiologia entre outros, além de narrar suas experiências, como mergulhador e caçador. Leitura enriquecedora para quem pratica caça submarina

Conceituado Cinegrafista e documentarista, o mergulhador Lawrence Wahba, narra suas experiências mergulhando com tubarões nos mais diversos locais do mundo. Neste livro o autor divide com o leitor emoções que vão desde o mergulho com o tubarão de seis guelras, até mergulhos com o tubarão branco.

O Último Mergulho Autor: Bernie Chowdhury Editora: Record A história de Chris e Chrissy Rouse, pai e filho, que se envolvem na busca pela identificação de um submarino Alemão afundado durante a 2ª guerra mundial. O livro relata os primórdios do mergulho técnico, além do emprego de técnicas de mergulho em caverna nas explorações de naufrágios. Leitura obrigatória para mergulhadores Técnicos. Mergulho na Escuridão Autor: Robert Kurson Editora: Landscape Conta como os mergulhadores John Chatterlon e Richie Kohler, empregando novas técnicas de mergulho, se arriscam para finalmente desvendar a identidade do submarino misterioso afundado na costa de Nova Jersey.

Tubarões no Brasil Autor: Marcelo Szpilman Editora: Mauad Rico em Ilustrações e informações, este guia permite aos mergulhadores aprenderem desde a biologia dos tubarões, até a chaves para identificação visual de ordens, famílias e gêneros, das 88 espécies encontradas no litoral Brasileiro.

Rebreather Simplificando a Técnica Autor: Lászlo Mocsári Editora: Editado pelo Autor A obra mais completa sobre rebreathers escrita em português, o livro se torna leitura obrigatória sobre o conceito desse equipamento. Possui cerca de 330 ilustrações coloridas que ajudam o leitor a se familiarizar com o equipamento. Lászlo mostra de forma simples os conceitos e fundamentos do mergulho com rebreathers.

LITERATURA SUB

LITERATURA SUBMERSA | ESPECIAL LIVROS | Por: Alexandre Vasconcelos

68


LITERATURA SUB

LITERATURA SUBMERSA | ESPECIAL LIVROS | Por: Alexandre Vasconcelos Naufrágios do Brasil Uma Cultura Submersa Autor: José Carlos Silvares Editora: Cultura Sub Enfocando o mergulho, esse livro remete o leitor a conhecer parte da história da navegação no Brasil. Com impecável trabalho editorial, Naufrágios do Brasil é uma obra com excelente acabamento, que conta com fotografias e dados históricos, fruto de uma refinada pesquisa. Leitura e visual que agrada mesmo aqueles que ainda não tomaram o mergulho como atividade.

Laje de Santos Laje dos Sonhos Autor: Guilherme Kodja Tebecherani Editora: Globo

Nestor narra suas viagens em busca dos melhores mergulhos em U Boats. De quebra o livro conta ainda com informações históricas a cerca da máquina de guerra mais eficiente criada pelo homem e aperfeiçoada pelos Alemães.

Caçadores Submarinos Autor: Edgard O. C. Prochaska Editora: Phorte

Através de textos em português ou inglês, o livro abrange aspéctos da conservação do ùnico parque marinho do estado de São Paulo. Conta ainda com excelentes fotografias dos maiores fotografos submarinos de São Paulo, que mostram toda a beleza desse que é um dos melhores pontos de mergulho do Brasil.

Caçadores submarinos aborda técnicas e fundamentos indispensaveis a prática desse esporte. Contando ainda com a narrativa da história da caça submarina no Brasil, remete o leitor aos tempos de ouro da caça submarina.

Sob o Mar Autor: Trevor Norton Editora: Alegro

Mergulho em apnéia Autor: Dr. José Luiz Dancini

Abordando temas históricos, narra como homens bravos e brilhantes, inventaram e desenvolveram as técnicas, conceitos e equipamentos de mergulho.

69

U Boats Mergulhando na História Autor: Nestor Magalhães Editora: Redes Editora

Referência sobre o assunto, mergulho em apnéia aborda de maneira cientifica e agradável, curiosidades e conceitos a respeito da ciência do mergulho livre, encarado pela ótica de um médico e praticante do esporte.


San Andrés 5x1 Aquarium - Los Delfines - Marazul - Maryland - San Luis

Poderá escolher o hotel que deseja de acordo com os seus gostos e preferências enquanto desfruta de todas as nossas instalações ao melhor estilo Tudo Incluído (reserva prévia).

tudouído incl

• Alojamento • Alimentação ilimitada • Buffet e snacks • Restaurantes especializados • Bebidas e licores ilimitados • Shows diários • As mais lindas praias • Bar aberto • Recreação • Desportos aquáticos não motorizados.

www.decameron.com

Rua da Consolação, 348 - 3º andar - 01302 000 São Paulo - SP - T.: 55 11 3150 0772 - F.: 55 11 3151 4148

Providencia Viva a sua melhor experiência de férias na Ilha de Providencia! Os 5 melhores hotéis da ilha são afiliados da Decameron, preservando a tradição arquitetónica do Caribe com vista para o mar ou as montanhas. As suas instalações e localização privilegiadas fazem com que as suas férias sejam totalmente agradáveis, cheias de paz e descanso no meio da exuberância da natureza.


LITERATURA SUB 71

LITERATURA SUBMERSA | ESPECIAL LIVROS | Por: Alexandre Vasconcelos ÁGUA Conservação e Cultura Autor: Lais Duarte e Adriano Gambarini Editora: Cultura Sub Participação especial Kadu Pinheiro

NARCOSIS Histórias de Mergulhador Autor: Carlos Secchin Editora: Record

O livro aborda curiosidades e aspéctos cientificos e culturais a cerca da água do planeta. Com muitas fotografias e um impecável trabalho editorial, ÁGUA Conservação e Cultura é uma referência literária para pessoas que vivem do mar.

Com uma narrativa direta e original, Secchin conta suas experiências como documentarista da natureza. Além de oferecer uma leitura interessante, o livro coloca diversas situações pelas quais um Fotógrafo submarino pode passar.

Naufrágios e Pontos de Mergulho Autor: José Truda Palazzo - Fernando Clark Editora: Cultura Sub

INTERVALO DE SUPERFICÍE Bastidores do Mergulho Autor: Alex Bretas e Rodrigo Coluccini Editora: Editora do Mar

Abrilhantado com fotos e informações imprescindíveis dos melhores pontos de mergulho do Brasil, este livro é um guia completo para quem deseja conhecer e aprender sobre os pontos de mergulho e naufrágios localizados em Fernando de Noronha, Recife e Maceió.

ILHA EM EVOLUÇÃO Autor: Alcides Falanghe Editora: Termo Neste fascinante livro, Alcides Falanghe narra lugares antes pouco explorados por mergulhadores brasileiros. O livro além de contar com um grande acervo fotográfico, remete o leitor a observar os melhores pontos de mergulho do mundo, pelo ponto de vista de um dos melhores repórteres e fotógrafos brasileiros. De quebra compartilha com o leitor uma forma especial de enxergar o mundo.

O livro revela as curiosidades sobre viagens, relacionamentos e diversas situações vivenciadas pelos mergulhadores mais experientes do Brasil. Ambientes paradisíacos, lugares indescritíveis e Histórias de tirar o fôlego. KAROL MEYER A mulher do fundo do mar Autor: Claudia Prosini Editora: Editora do Mar Karol Meyer se tornou um ícone no mergulho livre mundial. Conhecida como “Karol peixe”, essa atleta é referência para os praticantes da atividade, além de ministrar cursos nos mais variados cantos do mundo. O livro narra os 7 recordes mundiais conquistados pela atleta além de contar sua biografia ainda de quebra ensinar técnicas sobre mergulho livre.


Segredos Submersos do Atlântico Autor: Eduardo Meurer Editora: Termo Literário O livro conta a Saga de nove mergulhadores que juntos vivem a maior expedição de mergulho já realizada por brasileiros. Por paixão pelo mar enfrentam aventuras fantásticas, repletas de mergulhos e muitas situações hilárias. Além de leitura envolvente a narrativa se torna ao mesmo descontraída. Mergulho Naufrágios e Aventuras Autor: Rodrigo Coluccini Editora: Editora do Mar Rico em informações sobre diversos naufrágios, este livro conta as experiências de Rodrigo Coluccini, Repórter e fotógrafo submarino, em seus mergulhos em diversos momentos de sua carreira. Além de oferecer muitas dicas para quem pretende conhecer os diversos naufrágios do litoral brasileiro. TERRA & ÁGUA Fernando de Noronha Autor: Marcelo Krause Editora: Underwater Books

LITERATURA SUB

LITERATURA SUBMERSA | ESPECIAL LIVROS | Por: Alexandre Vasconcelos

Marcelo Krause impressiona com imagens de um dos pontos de mergulhos mais belos do mundo. Fernando de Noronha é retratada de forma original em um impecável trabalho fotográfico. 

Novo aplicativo para SmartPhone SSI, Everything Diving! Grátis, fácil de instalar, intuitivo e com tudo o que um mergulhador precisa em casa e durante a viagem. Confira o conteúdo do aplicativo: - Todas as certificações SSI no seu bolso. Mostre o que você pode fazer, diretamente no seu dispositivo móvel. - Importantes listas de verificação sobre mergulho. Planejamento de mergulho, viagens, equipamentos ou de primeiros socorros, aqui você verifica, passo a passo, se tudo está em ordem. - Importantes sinais manuais para mergulhadores. - Tabelas de Mergulho para referência e planejamento. - Plano de Gerenciamento de Acidentes (Primeiros Socorros e Verificação Neurológica); para obter ajuda imediata quando precisar. - Procura de parceiros, perto de você e no mundo. Encontre todos os parceiros SSI no mundo todo, com descrição completa dos serviços oferecidos. A SSI ofere a Verificação de Mergulhadores sem custo em sua página, e agora é possível sincronizar suas credenciais com seu novo SSI App e carregá-las com você. Para este serviço, você precisa estar logado em sua conta de usuário “mySSI” em www.divessi.com, e terá todas as funções na palma da sua mão. A SSI oferece treinamento, certificação de mergulho SCUBA e recursos educacionais para mergulhadores, Instrutores, Centros e Resorts de Mergulho no mundo todo há mais de 40 anos. No mercado desde 1970, a SSI expandiu-se e hoje possui mais de 30 Centros de Serviço, é representada em mais de 110 países por mais de 2400 Centros Autorizados, com material didático impresso em mais de 25 idiomas. Link para DownLoad do Aplicativo: www.divessi.com/news/369 INFORME PUBLICITÁRIO | DIVEMAG.org | SSI


INFORME PUBLICITÁRIO | DIVEMAG.org | SSI


LANÇAMENTO | FOTOGRAFIA |

Canon lança S100 a melhor compacta do mercado A Canon lançou a nova versão da linha S powershot que já conta excelentes antecessoras como a Canon Powershot S90 e a S95, considerada por muitos a melhor câmera point-andshoot de bolso do mercado, (até agora) Mantendo a tradição a S100 continua a oferecer uma lente rápida de abertura máxima f/2.0. Só que desta vez, a lente é uma 5.2-26mm f/2.0-5.9 ( equivalente a uma 24-120 em termos de 35mm). Portanto, trata-se de uma lente com maior capacidade grande-angular e maior capacidade de zoom que sua antecessora S95. resumindo: uma lente mais aberta e com mais zoom. Por um preço sugerido de U$430,00 a S100 conta com: • Sensor CMOS 1/1.7’’ de 12.1 megapixels • Filmagem Full HD, com som estéreo, com capacidade de fazer zoom durante a filmagem. • Estabilização de Imagem Inteligente com 6 modos diferentes de estabilização que se adequam a uma variedade de situações. • Processador Digic 5 que possibilita modo super burst, com até 8 fotos a uma velocidade de até 9.6 fotos por segundo. (Sem que haja ajustes no auto-foco durante a sequência de fotos referida). • Monitor de LCD de 3 polegadas com 0.461 megapixels. • Recursos de auto-disparo e timer como: face detection sel-timer, smile self-timer e winkle selftimer • Recurso de seleção de melhor imagem com fotos de até 2.952 megapixels. Onde a câmera tira uma série de 5 fotos e seleciona a melhor automaticamente baseada em critérios como nitidez, foco, movimentos indesejados. Nenhuma surpresa, uma séria que há algum tempo apresenta uma das melhores opções em termos de câmera compactas que, de fato, caibam no seu bolso tanto em termos físicos, como financeiro. O que já era bom, ficou melhor, a S100 já conta com caixas estanques da própria marca Canon WP-DC43, Fix, e Ikelite, todas aceitam uso de lentes acessórias com seus respectivos adaptadores.

DIVEMAG International Dive Magazine

TOP GEAR


O Único Resort All-inclusive de Bonaire

Nikon lança D800

LANÇAMENTO | FOTOGRAFIA |

A Nikon D800 SLR é o mais novo lançamento da tradicional fabricante japonesa de câmeras fotográficas, volltada aos profissionais que trabalham com estúdios, casamentos e gravam muito vídeo. Portanto, ela é indicada mais para fotógrafos que contam com certo controle do ambiente, podendo comandar de forma total a iluminação do local e também tudo o que deve ser capturado. O ISO dela é alto e permite fotografias em ambientes muito escuros, trabalhando nos valores 100 até 6.400 – sendo este número expansível a 25.600. Além disso, os seus 36 megapixels torna capaz a realização de imagens em resoluções absurdas de até 7.360x4.912 pixels.

Somente no plaza resort bonaire os mergulhadores podem aproveitar uma experiência All-inclusive, um nível superior de mergulho, excelente jantar e um veículo próprio. Reviva seus melhores sentidos em um lugar magnífico, melho banhada de muito sol e aproveite nosso Novo Pacote All-inclusive 4D e tudo que Bonaire pode oferecer a um excelente preço.

DRIVE, DIVE, DISCOVER, DELUXE

Já algumas ferramentas da câmera deixaram alguns aficionados contentes, uma vez que são muito semelhantes ao lançamento anterior da companhia, a top de linha Nikon D4, como a pequena tela LCD de apenas 3 polegadas, mesmo método de foco automático (“lightning-fast AF”) e a compressão de vídeo B-frame. O aparelho mostra que a Nikon quis trabalhar em uma câmera mais acessível que a D4, mas com o maior número de recursos possíveis. Se o gadget se encaixar no que você procura, saiba que ela chega às prateleiras com preço um pouco salgado, custando a bagatela de 3 mil dólares.

DIVEMAG International Dive Magazine


SÉRIE: CUIDANDO DO SEU EQUIPAMENTO DE MERGULHO International Dive Magazine

Lançamos nesta edição da Divemag um guia para você cuidar bem do seu equipamento de mergulho. Nesta e nas próximas 7 edições da revista o leitor vai conferir todos os pontos importantes para manter muito bem seu equipamento. Vamos dividir o assunto em seis temas: Porque cuidar e a importância de fazer revisões periódicas no seu equipamento; Inspeção e check list antes de uma viagem de mergulho; Transporte correto; Cuidados ao equipar e desequipar; Limpeza e secagem do equipamento; Armazenamento (guarda) do equipamento; e Cuidados especiais com equipamentos de foto e filmagem sub. Ao final da série, uma reportagem especial sobre a manutenção especializada no Brasil.

Parte I

PORQUE CUIDAR E A IMPORTÂNCIA DE FAZER REVISÕES PERIÓDICAS NO EQUIPAMENTO DE MERGULHO Todo mergulhador comprometido com a atividade sabe que qualquer mergulho deve ser considerado “fácil”, independente do seu grau de complexidade, se dois fatores forem respeitados: o uso de técnicas (treinamento) e de equipamentos corretos. Isso serve para um “snorkeling”, para um mergulho recreativo básico, para um mergulho em naufrágio ou para uma exploração de cavernas.

Já que o equipamento de mergulho é um fator fundamental para a segurança e conforto de suas imersões, o mergulhador deve investir corretamente em diferentes etapas para seu uso correto: a aquisição do equipamento que atenda todas as necessidades para seu nível de treinamento, o uso correto segundo este treinamento e segundo as especificações técnicas do fabricante, e finalmente a manutenção, que podemos dividir em dois processos: aquela básica, realizada pelo próprio mergulhador; e a revisão técnica realizada por profissionais capacitados para tal. Todo mergulhador deve sempre investir em mais mergulhos, mais cursos e na aquisição e adequação de equipamentos de acordo com sua evolução na atividade. Em certo ponto desta evolução, todos notam o quão importante é investir em equipamentos de qualidade, e em um número de itens que representarão um investimento que merece todo o cuidado na conservação destas peças. Então, cada mergulhador deve entender que ao comprar uma peça de seu equipamento, o investimento em manutenção deverá ser continuo em cada final de semana de mergulho, semana de viagem, e no mínimo, anualmente em revisões especializadas. Esse conjunto (aquisição + aprendizado + manutenção) é que garante conforto e SEGURANÇA de seus mergulhos. Além dos cuidados básicos que serão descritos nas próximas edições da Divemag, os equipamentos SCUBA devem passar por uma revisão profissional periódica. Este tempo vai variar de acordo com cada equipamento, e principalmente, de acordo com a recomendação de cada fabricante.

76

EQUIPAMENTOS

DIVEMAG


EQUIPAMENTOS | MANUTENÇÃO PARTE I | Por: Reinaldo Alberti

De uma forma geral, cilindros têm de passar por inspeção visual e suas torneiras por revisão anual, além do teste hidrostático a cada cinco anos. Reguladores e seus componentes também precisam de revisões anuais. Idem para coletes equilibradores. Dependendo do tipo e da quantidade de vezes que estes equipamentos são usados este prazo pode ser menor, chegando em alguns casos a revisões mensais (como os equipamentos que são utilizados diariamente, especialmente os de operadoras de mergulho),

www.carolschrappe.com

Mergulho Livre Aprenda com quem sabe

Quando a mistura gasosa que estes equipamentos recebem for rica em oxigênio (misturas EANx acima de 40% até o oxigênio puro) tem-se de fazer nova revisão especializada, mesmo que o equipamento seja novo, já que quase todos não vêm “compatíveis” com o oxigênio. Quando o equipamento tem contato com água doce, salgada ou contaminada, em partes em que isto não deveria acontecer (o exemplo “clássico”, mas não único, é o do mergulhador que esquece de fechar seu primeiro estágio com o “chapéu da bruxa” e imerge o conjunto durante a lavagem) também tem de ser levado para técnicos especializados.

DIVEMAG International Dive Magazine

Cursos Treinamentos Clinicas de profundidade contato@carolschrappe.com Tel: (041) 9962-0200 Patrocínio:

Foto: Adriana Brandão

Finalmente, equipamentos que apresentam problemas repetitivos de vazamentos também devem ser levados para reparo técnico especializados. Exemplos são torneiras, primeiros e segundo estágios, “power inflator”, ou qualquer mangueiras ou conexões.


EQUIPAMENTOS | MANUTENÇÃO PARTE I | Por: Reinaldo Alberti Existem várias oficinas especializadas no país, como as dos próprios importadores, algumas independentes, e muitas vezes no seu Dive Center preferido. O que as tornam especializadas e profissionais, diferentemente dos cuidados básicos ou nos casos dos mergulhadores que passaram pelo Curso de Equipamentos (excelente dica, inclusive), é que nestes lugares os técnicos passaram por treinamentos oferecidos diretamente pelos fabricantes dos equipamentos, sendo autorizados para este tipo de manutenção, utilizando ferramentas e equipamentos especialmente desenvolvidos e recomendados por estes fabricantes, além do mais importante, possuem os kits e peças originais para trocas, que são obrigatórias em manutenções preventivas e corretivas.

EQUIPAMENTOS

Para cada um dos equipamentos há uma recomendação específica de quando deve ser levado para manutenção profissional. Normalmente esta informação está descrita no Manual do equipamento, ou no site do fabricante. Caso não encontre, o seu Dive Center ou a loja em que adquiriu o equipamento deverá lhe orientar sobre o tema. Faça o que tem de ser feito, e bons mergulhos! Você merece!

DIVEMAG International Dive Magazine

Descubra o explorador em você

IANTD Líder em Educação de Mergulho www.iantdbrasil.com.br


INFORME PUBLICITÁRIO | DIVEMAG.org | PADI

FAÇA DA PRAIA SEU ESCRITÓRIO!

MEIO AMBIENTE | DIVERS FOR SHARKS | Apoio

Projeto Divers for Sharks Conhecendo melhor os donos da casa! Nome cientifico: Carcharhinus leucas (Müller & Henle, 1839) Nomes populares: Cabeça-chata, tubarão touro, Zambezi Características: O Carcharhinus leucas é um tubarão de proporções físicas robustas, com um tamanho total máximo entre 350 – 400 cm e peso máximo registrado de 316,5 kg. Focinho curto, largo e arredondado, olhos pequenos e circulares. A primeira nadadeira dorsal é larga, alta e amplamente triangular com o ápice arredondado, com a margem posterior pouco falciforme. As nadadeiras peitorais são grandes, largas, semifalcadas com ápices pontiagudos.

Este pode ser o seu próximo local de trabalho. Faça parte da família de profissionais PADI.

O corpo fusiforme é predominantemente cinza escuro, perdendo a sua tonalidade na região ventral se aproximando da cor branca. Os juvenis têm as pontas pretas em suas nadadeiras, que desaparecem com a idade. Distribuição geográfica: Tem uma distribuição mundial em águas tropicais e subtropicais. Encontrado em todo o litoral brasileiro.

Encontre seu Course Director (Profissional PADI habilitado para a formação de Instrutores) mais próximo de sua residência. Saiba mais em nosso website.

www.padibr.com.br

Ambiente: O Cabeça-chata é um tubarão costeiro, habitam a plataforma continental em profundidades entre 1 -152m, mas sua maior freqüência é em águas rasas de até 30m de profundidade, encontrados também em baías, estuários e até em rios, podendo ser encontrados em rios de água doce a longas distâncias do mar, sendo a única espécie de tubarão que pode sobreviver por longos períodos em água doce. Alimentação: Tem uma dieta muito versátil, que consiste principalmente de peixes ósseos, outros tubarões (podendo ocorrer o canibalismo), raias, pássaros, mamíferos marinhos e terrestres, tartarugas, moluscos, crustáceos e ocasionalmente lixo.

| Foto: Daniel Botelho |


MEIO AMBIENTE | DIVERS FOR SHARKS | Apoio

Reprodução: Os machos atingem a maturidade sexual entre 157-226 cm, as fêmeas entre 180-230 cm, o que corresponde a uma idade entre 10-15 anos. Vivíparos, co m um tempo de gestação estimado entre 10-11 meses, de onde nascem até 13 filhotes medindo entre 56-81 cm. Estuários e bocas de rios são geralmente utilizados, como berçários pelas fêmeas para dar a luz a seus filhotes. Predadores naturais: Tubarões maiores e crocodilos Ameaças: A pesca é sua grande ameaça, pois é capturado na pesca em toda a sua gama, mas raramente como espécie-alvo. Sua ocorrência em áreas estuarinas e de água doce torna o C. leucas, mais vulnerável ​​a impactos humanos e modificação do habitat. Categoria no Livro vermelho da IUCN: Quase ameaçada Onde mergulhar com o Cabeça Chata: Praia de Santa Lucia (CUBA), Playa del Carmen (México), África do Sul Referências: Froese, R. and D. Pauly. Editors. 2011.FishBase. World Wide Web electronic publication. www.fishbase.org, version Acesso em 14/02/2010 Compagno, L.J.V. FAO Species Catalogue. Vol. 4. Sharks of the world. An annotated and illustrated catalogue of shark species known to date. Part 2 – Carcharhiniformes. FAO Fish, 1984. p 478481.

DIVEMAG International Dive Magazine


NÓS USAMOS !

DIVEMAG International Dive Magazine

Olá leitores, Nossa equipe aproveita vários de seus mergulhos para usar equipamentos cedidos por nossos anunciantes. Vamos nesta seção passar a vocês nossas percepções sobre os produtos que são novidades, os mais vendidos e cobiçados do mercado e os que nos parecem ser muito interessantes para mergulhadores livres, recreativos ou técnicos. Não trata-se de um teste didático, rigoroso, mas sim, ver se o equipamento manda tão bem na água como descrito em seus manuais ou sites. Espalhados pela revista, numa linguagem simples e objetiva vamos contar por que gostamos, porque usaríamos sempre ou qualquer informação que um mergulhador experiente gostaria de passar para um amigo que deseje ou precise de tal item.

82


COMPUTADOR CRESSI LEONARDO

EQUIPAMENTOS | NÓS USAMOS | Reinaldo Alberti

NOSSA OPINIÃO: Concordamos com a ScubaLab, seção de testes da Revista Scuba Diving (na nossa opinião, quem faz os melhores testes de equipamentos do mercado). Após analisar 8 novos computadores lançados em 2011, considerou o Leonardo “a melhor compra”, justificando o que oferece e o preço que é vendido (veja mais em: http://www.scubadiving.com/gear/dive-computers-gauges/scubalab-dive-computer-tests-2011). A Cressi disponibilizava no mercado o computador Archimede II, hoje ainda nos punhos ou consoles de muitos brasileiros. O computador foi muito vendido também pelas características de excelente custo x benefício, um dos primeiros no nosso mercado com duas misturas, nitrox fácil de usar e função “gauge” (profundímetro e timer sem função de cálculos descompressivos, muito usado no mergulho técnico). Quem fabricava era a Seiko do Japão. A Cressi entendeu que estrategicamente era melhor ter sua própria máquina, e desenhou e produziu o novo computador, o LEONARDO. Esta máquina tem função Nitrox até 50%, vira “gauge” e para cálculos descompressivos usa o sistema RGBM, extremamente seguro. O sistema RGBM tornou o Leonardo um dos computadores mais conservadores do mercado. Alguns mergulhadores podem achar isso não tão bom, pois limitam mais o tempo de fundo, mas nós chamamos isso de SEGURANÇA, especialmente em mergulhos repetitivos em múltiplos dias, como fizemos em Cuba onde testamos o equipamento, e como muitos fazem nas suas viagens aos ilimitados mergulhos de praia de Bonaire ou qualquer Live Aboard. O que nos deixou felizes foi que ele considera e muito seu perfil de mergulho. Exemplo: fizemos um mergulho que iniciava em uma plataforma de 12 m. Descemos por um naufrágio até os 27m , onde paramos em um “platô” que o guia transforma em “arena” de alimentação de Tubarões Touro (gostou do ponto? Espera que em breve contamos esta história aqui na Divemag). Total de 22 min de fundo e era o terceiro mergulho do dia, então começamos a subir pelo naufrágio. Ao abandonar o fundo ele indicava uma Deep Stop (função que você ativa se quiser no Leonardo) aos 15 m por 1 min, depois aos 12 por mais 1 min, e estávamos liberados para subir, claro, após cumprir a parada de segurança, por 3 min entre 6 e 3 m (como qualquer bom computador pede hoje). Ele foi mais conservador que os outros 3 computadores que estávamos usando, mas nos obrigou a “diminuir” a velocidade de subida, a grande razão da teoria das deep stops (paradas mais fundas) e comprovadamente uma estratégia excelente de descompressão. Ou seja, obedeça ao Leonardo que você sairá da água com muita segurança. Para quem já utilizava ou utilizou o Archimede, a tela é muito parecida, com poucas mudanças, onde todas as informações mais “criticas” do mergulho estão ali: tempo de fundo, profundidade atual e máxima, tempo sem descompressão e temperatura da água, em números de bom tamanho para leitura. A atenção é na operação e configuração de suas diferentes funções. Como tudo se faz através de um botão apenas, pode ser meio confuso no começo, o que exige um maior grau de atenção. Mas repetindo o processo algumas vezes você entende que é bem intuitivo. Ler o manual também é a estratégia certa para aproveitar tudo o que o bichinho oferece. Claro, a venda nos melhores Dive Centers ao preço médio de R$ 1.100,00 (outro equipamento de bom custo x benefício no mercado do mergulho”, vale a pena!)

CUSTO x BENEFÍCIO

DIVEMAG International Dive Magazine


COMPUTADOR MARES ICON HD

EQUIPAMENTOS | NÓS USAMOS | Reinaldo Alberti

NOSSA OPINIÃO: Sensacional ! Um brinquedinho que se você bobear vira um atrativo do mergulho. Um computador completo, incluindo ar integrado via rádio, com informações em PORTUGUÊS (ou na língua que você prefira, dentro das possibilidades que vem nele), informando detalhes do mergulho o tempo todo. Parece bobeira? Com todas as infos que ele gera esse diferencial é bem bacana. Já as trocas de tela embaixo d´água são simples, através dos dois botões centrais (dos quatro no total), mas sempre com as informações essenciais bem visíveis (profundidade, tempo de mergulho, tempo para entrar em deco, temperatura da água, e quantidade de gás no cilindro (o que inclui um simpático desenho do cilindro com a informação da pressão e de como está seu CIS aproximado (Consumo Individual na Superfície – ou SAC em inglês) em tempo real). O bacana é que você programa previamente informações sobre a gestão do gás, que reserva você vai definir, a pressão de retorno, entre outras informações legais. Ou seja, ele pode virar um grande companheiro e auxiliá-lo a melhorar sempre o controle do seu mergulho. Tudo em letras e números grandes (como o grande aviso “SUBA DEVAGAR” em vermelho ocupando um bom espaço da tela quando simulamos isso em nosso teste). Ou seja, aqueles que usam ou precisam de lentes para enxergar informações nos seus computadores, estão muito bem servidos aqui! Outra coisa bacana, é que depois do mergulho, no seu log, tem um perfil desenhado do seu mergulho, para você analisar e melhorar seu sobe e desce, sua parada de segurança e seu comportamento durante suas imersões (e esta tela pode ser acessada também durante o mergulho). A bússola é “fácil” de usar. Entre aspas porque normalmente quem migra de uma bússola comum para uma eletrônica (já relativamente comum em alguns modelos de computadores) tem a dificuldade natural de uma mudança de dois controles (bússola mais relógio para marcar os tempos das “pernas” de navegação) para um só, e as vezes se perde. Usamos para navegação ida e volta, triangular e retangular e foi simples e eficiente. Ler o manual e praticar um pouco o coloca logo em “sintonia” com o sistema. Tantas telas em tal tamanho, com tanta cor e luz, faz com que o consumo de bateria do Icon HD seja rápido, em torno de 6 mergulhos. Mas como qualquer boa lanterna de alto poder hoje em dia, ele é recarregável. Você conecta ele diretamente a uma tomada (bi-volt) ou computador pessoal através de uma conexão Mini USB / USB. Quer dizer, nada de precisar trocar bateria e um ponto crítico apenas para alagamento. Esta conexão também faz com que mergulhadores mais dedicados possam transferir imagens para dentro do Icon. Ou seja, você pode pesquisar dados sobre o ponto de mergulho – um mapa por exemplo ou croqui de um naufrágio – e baixar a imagem para dentro do computador, e consultá-lo a qualquer momento in-loco, lá embaixo. Chique! Mas não esqueça: não dá para esquecer o carregador em casa, ou o cabo USB ! Seu case é grande, pois carrega o carregador, o computador que é o maior do mercado atual para mergulho recreativo, cabo e o sensor de pressão. Então não é para levar para o barco, e sugerimos aqui um case menor, uma pequena bolsa acolchoada ou algo assim para o transporte no barco. Outro detalhe que exige mais atenção é que com tanta informação, ler seu manual é importantíssimo, por mais que na nossa opinião, o computador se mostrou bastante intuitivo nas telas de configuração e ajustes do mergulho. A venda nos melhores Dive Centers a preço médio de R$ 3.900,00 com transmissor (coloque na sua listinha de “objetos de desejo do mergulho”, vale a pena!)

DIVEMAG International Dive Magazine

OBJETO DE DESEJO


EQUIPAMENTOS | NÓS USAMOS | Reinaldo Alberti

NADADEIRA AQUALUNG EXPRESS ADJ NOSSA OPINIÃO: Eficiente, boa propulsão com equipamento recreativo e de muito bom CUSTO X BENEFICIO. O que nos animou foi usar uma nadadeira leve fora d´água, ou seja, de pouco peso, mas com muito boa propulsão e força embaixo d´água. Mergulhadores mais experientes lembram com saudades das nadadeiras Technisub Stratos, as primeiras abertas e mais pesadas, boas de empuxo, para mergulho técnico ou para “nadadores”. Há 15 anos atrás eram muito boas entre as poucas opções que tínhamos no Brasil. Esta historinha é só para que os leitores saibam que este tipo de nadadeira tem história e tradição. Com a flexibilidade do mercado em atender pessoas de diferentes pesos, tamanhos e força nas pernas, as nadadeiras foram se adaptando. A Aqualung Express ADJ é uma prova disso. Ela vem de uma nadadeira fechada (a Express), considerada pelos usuários como uma excelente nadadeira para prática de apnéia, mergulho livre, e mergulho Scuba em áreas de águas quentes. O nome ADJ vem simplesmente de ajustável, ou seja, a versão aberta, agora para podermos usar esta boa nadadeira com bota em águas mais frias, com mais proteção aos pés e calcanhares. O teste foi extremamente simples de fazer, nadando com pernada completa e meia pernada, pernada de sapo, realizando parada de segurança (natação estática) e alguns helicópteros (girar sobre o próprio eixo embaixo d´água). Respondeu muito bem em todos os casos. A única dificuldade em relação a outros modelos foi que para tirar a nadadeira, achamos o botão de “desclipar” um pouco difícil de abrir. Mas a tira tem uma alça que dá para ser usada para retirar a nadadeira sem desclipar. Ou a recomendação de trocar por uma mola. Pronto.

Ah... para as meninas, tem em versão Preto com detalhes em Rosa. A venda nos melhores Dive Centers a preço médio de R$ 350,00 (ou seja, bom CUSTO X BENEFÍCIO)

DIVEMAG International Dive Magazine

CUSTO x BENEFÍCIO


EQUIPAMENTOS | NÓS USAMOS | Reinaldo Alberti

ROUPA OCEANIC ULTRA 3.2 NOSSA OPINIÃO: Mais um equipamento de excelente CUSTO X BENEFÍCIO. Uma roupa que ao ser vista pela primeira vez não tem muita diferença em relação aos seus concorrentes (confessamos que até pensamos em não fazer o teste com ela...). Mas observando um pouco melhor, pegando na mão, e principalmente vestindo e usando, começamos a entender a proposta da Oceanic com a nova linha Ultra.

CUSTO x BENEFÍCIO

Trata-se de uma roupa para águas quentes, mas não decepcionou no teste em Cuba, onde pegamos em Santa Lucia (norte da ilha, agora em fevereiro, inverno) 24 graus Celcius. No peito e costas 3mm, nas pernas e braços 2mm, mas com um neoprene que a Oceanic chama de “OceanSpan Super-Strech”, o que significa uma borracha super elástica, dando bastante conforto na movimentação de braços e pernas, especialmente atrás do joelho e dos cotovelos. Outro detalhe interessante é que tem uma proteção “emborrachada” nos joelhos, “normal...” Mas nos chamou atenção o mesmo tipo de proteção nos ombros. O que parecia sem sentido mostrou ser útil para nós que usamos, mesmo no mergulho recreativo, plate com “harness” (arreios), não friccionando e deixando a roupa feia, mas mais importante, evitando que os arreios escorreguem. Testamos com o colete equilibrador tipo jacket-vest e também, prestando atenção ao detalhe, nada de escorregar. Boa sacada ! Vejam, algumas roupas tem esta proteção também, mas esta é um emborrachado em relevo mais alto que dos concorrentes, por isso se mostrou realmente eficiente.

Tem neoprene tipo “silver skin”, puro, liso, nos tornozelos e punhos, evitando troca de água e deixando-a mais eficiente. No pescoço idem, um neoprene de boa qualidade e mais macio para o pescoço. Zíper traseiro fácil de vestir e com velcro para melhor fechamento da roupa. Testamos a roupa para água quente, já que fomos a Cuba e aproveitamos isso. Mas a Oceanic possui também os modelos para águas mais frias, em 5/4 e 7 mm. Quando usarmos estas, contamos pra vocês ! A venda também nos melhores Dive Centers a preço médio de R$ 450,00 (está bom o preço !)

DIVEMAG International Dive Magazine


Vem aí o maior evento de Mergulho da América Latina!!! Novo Local: São Paulo World Trade Center

   

Expositores Nacionais e Internacionais Palestras Gratuitas,

Cursos, Clínicas e Workshops

De

13 a 15 de abril Local: WTC - World Trade Center São Paulo

Av. das Nações Unidas, 12559 - Brooklin Novo – São Paulo - SP

Maiores Informações: |55 11| 4337-1393 - padifestival@padifestival.com.br www.padifestival.com.br Realização:

Organização:

Siga-nos:


FOTOGRAFIA | FOTOS DIVERTIDAS | Redação

Underwater Dogs Quem tem cachorro sabe o poder que uma simples bolinha de tênis pode exercer sobre nossos amigos caninos, pois o fotógrafo de animais Seth Casteel conseguiu captar em imagens impressionantes toda essa euforia da brincadeira Seth Casteel ( http://www.littlefriendsphoto.com ) que vive em Los Angeles Califórnia, teve um encremento nas finanças após suas fotos terem virado uma verdadeira febre no facebook no começo do mês de fevereiro, sua galeria recebeu mais de 30.000 likes e 22.000 compartilhamentos, ele recebeu mais de 1000 solicitações de imagens do mundo todo, confira algumas imagens abaixo e a galeria completa aqui: http://www.facebook.com/media/set/?set=a.10150776873218018.502767.393450018017&type=3

| Fotos: Seth Casteel | www.littlefriendsphoto.com |

88


UNDERWATER DOGS

| Fotos: Seth Casteel | www.littlefriendsphoto.com |

DIVEMAG International Dive Magazine


Instituto Sea Shepherd Brasil realiza ação de monitoramento em Tramandaí (RS)

DIVEMAG International Dive Magazine

| Grupo em reunião com o Comando da Polícia Ambiental. Foto: Núcleo Sea Shepherd RS |

No dia 27, sexta-feira, em Tramandaí, voluntários do Núcleo Sea Shepherd RS realizaram ações de monitoramento da área atingida pelo vazamento de óleo no balneário gaúcho. Durante o período, os voluntários monitoraram e registraram a coleta dos resíduos feita pelos funcionários da TRANSPETRO e da Prefeitura de Tramandaí. “Várias sacolas de areia contaminadas com óleo foram recolhidas com pás e escavadeiras e transportadas em um caminhão para a Barra de Imbé. Posteriormente serão levadas para Osório, em local não informado pela TRANSPETRO”, destaca Carla Larrea Machado, coordenadora interina do Núcleo Sea Shepherd RS. No início da tarde os voluntários do ISSB se deslocaram para o Centro de Estudos Costeiros, Limnológicos e Marinhos (CECLIMAR), e se colocaram à disposição do Centro no intuito de auxiliar em um possível resgate de animais atingidos pelo óleo. Segundo informações obtidas, o CECLIMAR ainda não tinha sido acionado pelo CRAN, Centro de Reabilitação de Animais Marinhos. Durante os 3 dias de monitoramento, em conjunto com o Diretor e voluntários de Santa Catarina, o ISSB ficou em constante contato com a Brigada Ambiental de Tramandaí, sempre à disposição dos mesmos caso fosse necessário resgatar animais atingidos pelo óleo. Os voluntários foram recebidos pelo Sargento Luis Fernando Quevedo, que informou que o responsável pelo vazamento havia sido enquadrado no Artigo 54 da Lei 9605/98, que dispõe sobre os crimes ambientais. Além disso, o ISSB ficou em contato com o MPF, acompanhando e auxiliando na investigação e na apuração de possíveis danos em relação à fauna marinha.

91

| Registro de focos isolados de petróleo na areia da praia. | | Sacos coletados na praia pela equipe da TRANSPETRO. |


DIVEMAG International Dive Magazine

Nosso fotógrafo convidado desse mês é o italiano Marcello Di Francesco nascido em La Spezia (pequena cidade perto do mar da Liguria) onde vive e trabalha como agente portuário, no porto local, sua vida inteira esteve ligado ao mar e agora como fotógrafo submarino criou um vínculo indestrutível com o ambiente marinho.

Fotógrafo convidado: Marcello Di Francesco

93


DIVEMAG

FOTÓGRAFO CONVIDADO | MARCELLO DI FRANCESCO |

International Dive Magazine

94

Durante uma viagem para as ilhas maldivas em 2003, encontrei minha paixão pelo mundo submarino, foi amor a primeira vista, o que eu vi foi tão incrível e maravilhoso e senti uma realização e um sentimento tão intenso, que fiz do “mundo azul” minha nova casa.


FOTÓGRAFO CONVIDADO | MARCELLO DI FRANCESCO | Nos últimos anos eu fiz mais de 1000 mergulhos ao redor do mundo nos mares mais bonitos do mundo como: Indonesia, Micronesia, Maldivas, Philippinas, Egito, Sudão, Arabia Saudita, Mexico, Tanzania e Madagascar dentre tantos outros que visitei e fotografei, a paixão por viajar e mergulhar me tomou completamente e tenho certeza que me acompanhará pelo resto de minha vida.

95

DIVEMAG International Dive Magazine


FOTÓGRAFO CONVIDADO | MARCELLO DI FRANCESCO |

DIVEMAG International Dive Magazine

Em 2008 me tornei um instrutor PADI, mas somente em meados de 2009 eu me aproximei realmente do mundo da fotografia submarina, comecei usando cameras compactas de diversos tipos como a Canon A640 e a famosa S90, pequenas mas que sempre possibilitaram ajuste manual e controle o que me ajudou a aprender os conceitos básicos da fotografia e melhorar minhas técnicas, depois adquiri um flash com lentes acessórias, felizmente eu vivo perto da costa o que me ajuda a sempre estar na água treinando e aprendendo.


FOTÓGRAFO CONVIDADO | MARCELLO DI FRANCESCO |

DIVEMAG International Dive Magazine


DIVEMAG International Dive Magazine

98

FOTÓGRAFO CONVIDADO | MARCELLO DI FRANCESCO |


FOTÓGRAFO CONVIDADO | MARCELLO DI FRANCESCO |

DIVEMAG International Dive Magazine


DIVEMAG

Em 2010 eu decidi migrar para o próximo degrau comprando minha primeira DSLR a Canon EOS 450D com uma caixa estanque italiana (Nimar 3D), lentes variadas e 2 flashs Inon Z240, e mais uma gama de outros acessórios, minhas lentes preferidas são a Tokina 10-17 para grande angular, e minha grande predileção em 90% dos meus mergulhos são as Canon 100mm e 60mm para peixes, macro e super macro, minhas verdadeiras paixões.

FOTÓGRAFO CONVIDADO | MARCELLO DI FRANCESCO |

International Dive Magazine


FOTÓGRAFO CONVIDADO | MARCELLO DI FRANCESCO |

DIVEMAG International Dive Magazine


Recentemente, eu comecei a me dedicar ao mundo das competições e editorial, o que me trouxe grande satisfação.

102

FOTÓGRAFO CONVIDADO | MARCELLO DI FRANCESCO |

Tentei desenvolver minhas habilidades na fotografia Grande Angular também mas minha verdadeira vocação são os retratos de peixes e macro, mas continuo aprendendo e melhorando minhas técnicas para fotografia de paisagens.


FOTÓGRAFO CONVIDADO | MARCELLO DI FRANCESCO |


FOTÓGRAFO CONVIDADO | MARCELLO DI FRANCESCO |


FOTÓGRAFO CONVIDADO | MARCELLO DI FRANCESCO | Espero no futuro melhorar meu conjunto de equipamentos e habilidades e continuar apto a viajar e fotografar cada vez mais o mundo submarino, ajudando a divulgar e tocar as pessoas menos afortunadas que não podem ver as belezas do nosso mundo azul atráves das minhas imagens.

105


INFORMATIVO MENSAL | IANTD |

INFORMATIVO MENSAL | NAUI |

CURSO DE FORMAÇÃO DE INSTRUTORES NAUI BRIGHT FUTURE ITC

Essentials Diver Este nível intermediário de educação contínua é desenhado para permitir que mergulhadores certificados melhorem sua performance no mergulho, revisem e coloquem em prática o essencial aprendido em qualquer programa de mergulho da IANTD. As técnicas e conhecimentos adquiridos neste programa preparam o mergulhador para mergulhos mais avançados. O programa de Essentials Diver é recomendado para todos os mergulhadores que desejam melhorar a performance e competência durante seus mergulhos. Este programa não qualificará o mergulhador a mergulhar mais fundo do que é permitido pela sua certificação prévia.

Quem pode lecionar este programa? Um Advanced EANx Instructor ou de graduação maior e certificado como IANTD Essentials Diver É requerido um instrutor de rebreather para que um mergulhador seja certificado como rebreather diver neste nível.

Pré-requisitos:

Encontre a Facility NAUI mais próxima:

Certificação de Open Water (Nitrox) Diver ou equivalente Idade mínima de 15 anos com autorização dos pais ou responsáveis legais, ou um mínimo de 12 anos para qualificação de Junior Diver, ou 18 anos sem autorização prévia

http://naui.com.br/busca/busca_facilities.php

Limites do programa: • Nenhum mergulho pode ser conduzido em profundidades maiores que a qualificação do aluno • Todos os mergulhos devem enfatizar o trabalho em equipe e a interação com o dupla

www.iantd.com.br

16º ENCONTRO INSTRUTORES NAUI 13 a 18 de Agosto de 2012

O Curso de Treinamento de Instrutor NAUI (ITC) é designado para treinar, qualificar e assegurar que o candidato graduado com sucesso adquira conhecimentos técnicos e didáticos, habilidades e postura profissional para ser apto para se tornar membro instrutor NAUI. O ITC qualifica o candidato através do aprendizado de métodos efetivos para ensinar mergulho autônomo e livre em conformidade com as regras e padrões NAUI. O ITC pode ser apresentado em duas fases. A primeira fase, chamada de Programa de Treinamento de Instrutor (ITP), consiste do treinamento para preparação do candidato sem caráter avaliativo. Durante o ITP cada candidato passa em teste por dois avaliadores qualificados, sendo pelo menos um Diretor de Curso (CD Course Director) ou Treinador de Instrutor (IT Instructor Trainer) e um STW (Staff Training Workshop). O ITP pode ser realizado em diversos formatos, com variações de período, compreendendo de uma semana a um período bem mais extenso. A segunda fase ou final, também chamada de Programa de Qualificação de Instrutor (IQP), compreende as avaliações finais, contando obrigatoriamente com um Diretor de Curso. O candidato deverá obter 75% de aproveitamento nas avaliações do curso. PRÉ - REQUISITOS Certificação de Mergulho. Ser um Assistente de Instrutor NAUI (AI) ou Divemaster NAUI (DM); ou ter realizado com sucesso o Programa Preparatório para Instrutor NAUI (PREP) no máximo com 12 meses de validade. Equipamento. Providenciar e ser responsável pelo próprio equipamento adequado para o ensino. Experiência. Ter no mínimo 120(cento e vinte) mergulhos registrados. Os mergulhos devem variar nos aspectos: ambiente, profundidade e tipo de atividade. Materiais. Contate o Departamento de Treinamento NAUI para os requerimentos atuais.

PROXIMA TURMA - ITC PRÓXIMA DATA ITC 12 a 22 de Abril

www.naui.com.br 12 a 22/04


INFORMATIVO MENSAL | PADI |

INFORMATIVO MENSAL | SSI |

E M W SHO A B U C S R U YO

SEJA RECONHECIDO POR MILHARES DE PESSOAS!! www.padibr.com.br

www.divessi.com


INFORMATIVO MENSAL | DAN |

Mergulho Seguro = Zero Acidentes

(Clique na escola para se associar a DAN Brasil)

Estas Empresas compartilham a nossa preocupação em tornar o mergulho ainda mais seguro

Segundo seu treinamento como mergulhador, é difícil evitar acidentes envolvendo as causas abaixo? · · · · · ·

Ficar sem ar Enroscar-se ou ficar aprisionado Problemas relacionados a equipamentos Água agitada Traumatismo Controle de flutuabilidade?

Provavelmente sua resposta foi afirmativa! No seu treinamento básico você certamente aprendeu a lidar com essas situações e, principalmente, como evitá-las. Infelizmente, essas são as seis principais situações que tiveram como consequencia final, um acidente fatal. O artigo ‘Understanding the Triggers of Dive Accidents - Dive Safety: It’s No Accident’ publicado na Alert Diver online Winter 2012, discute essas situações. Voce pode ter acesso a essa matéria, clicando no link http://www.alertdiver.com/No_Accident

+ Alagoas www.explorerdiving.com.br

+ Bahia www.uwbahia.com.br www.bahiascuba.com.br www.aguasabertas.com www.13sul.com

+ Paraná

+ Santa Catarina

www.acquanauta.com.br www.scubasul.com.br

www.patadacobra.com.br

+ Pernambuco www.aguasclaras-fn.com.br www.aquaticos.com.br www.atlantisdivers.com.br

+ Distrito Federal

+ Rio de Janeiro

www.scubadu.com.br

www.abudefduf.com.br www.alfamarapoiomaritimo.com.br www.antaresparaty.com.br www.barracudacabofrio.com.br www.divebrasil.tur.br www.deeptrip.com.br www.gmesrio.com.br www.inacqua.com.br www.litoralsub.com.br www.meinickedivers.com.br www.ocean.com.br www.ondaazul.com.br www.mardomundo.com.br www.mardorio.com.br www.xdivers.com.br

+ Espírito Santo www.acquasub.com.br www.atlantes.com.br www.ciadomergulho.com

+ Mato Grosso do Sul wwww.pantanaldive.com

+ Minas Gerais www.countydivers.com.br www.divelife.com.br www.maramar.com.br

+ Paraíba www.maraberto.net

+ São Paulo www.adventuretours.com.br www.acquacamp.com.br www.amigosdojoe.com.br www.aquaventura.com.br www.aquadive.com.br www.bariturviagens.com.br www.brasilscuba.com.br www.captaindive.com.br www.cns.com.br www.divebuddy.com.br www.divetech.com.br www.diversuniversity.com.br www.divingcollege.com.br www.jornadasub.com.br www.marear.com.br www.narwhal.com.br www.nds-mergulho.com.br www.overdive.com.br www.subaquatica.com.br www.scubapoint.com.br www.scubalab.com.br www.sailinganddiving.com.br www.tropicaldivebrasil.com.br

+ Rio Grande do Norte www.portaldemaracajau.com.br www.cajudivers.com www.coraisdemaracajau.com.br

Foto: Sergio Viégas.

www.danbrasil.org.br

© Sergio Viégas

www.danbrasil.org.br


DIVEMAG www.divemag.org

International Dive Magazine

DIVEMAG | Edição 02 | International Dive Magazine  

Revista de mergulho mensal gratuita em formato PDF