Page 1

História dos Centros de Informação e Assistencia Toxicológica: O desenvolvimento da Toxicologia Clinica como disciplina Dr. Carlos Augusto Mello da Silva MD Prof. de Medicina de Emergencia e Toxicologia Universidade de Caxias do Sul(UCS),RS Médico do Centro de Informaç Informação Toxicoló Toxicológica(CIT),Porto Alegre,RS ExEx-Presidente da ABRACIT,2001ABRACIT,2001-2003 Presidente da Soc.Brasileira de Toxicologia(SBTox ),2010--2011 Toxicologia(SBTox),2010 Diretor da Toxikonsult Consultoria Especializada em Toxicologia

contato@toxikonsult.com.br


História dos CIATs Século XIX Primeiros registros de serviços relacionados à Toxicologia (“pré história”) „ 1879: “Delirium ward” Royal Infirmary Edimburgo ,Escócia ‰ 1886: Instituto Nacional de Toxicologia Barcelona/ Madri/ Sevilha , Espanha ¾ ¾ ¾

Informação somente às Cortes de Justiça Análises laboratoriais Ensino e pesquisa


História dos CIATs Século XX Primeiras décadas anos 1930: Dr. Louis Gdalman Pharm Hosp. St Lukes, Chicago EUA ¾

¾

¾

Serviço para auxiliar no atendimento de emergencias toxicológicas/Atendido por farmacêuticos Acumulou enorme biblioteca com dados sobre manejo de intox.agudas e crônicas Criou formulário padronizado para o atendimento telefônico/ Chicago e outros locais do país

( Botticelli JT,Pierpaolli PG.Am J Hosp Pharm 1992,49(6):1445-50)


História dos CIATs Século XX Pós II Guerra Mundial 9 Grande número de produtos químicos no mercado e ambiente doméstico 9 Aumento de tentativas de suicídio com produtos químicos 1949:Enfermarias especializadas em atender intoxicados Budapeste , Hungria Copenhagen,Dinamarca:Bispebjerg Hospitalet (barbitúricos )


História dos CIATs Século XX

‰

Pós II Guerra Mundial 1949: Serviço de Informação Toxicológica,Holanda

1952: AAP(American Academy of Pediatrics) Estudo pioneiro sobre “acidentes” (injúria/dano físico não intencional) 51% dos casos registrados eram de ingestão de produtos químicos ‰

1953:Primeiro Centro de Informação Toxicológica(Poison Ctrl Center,PCC), Chicago Dr. Edward Press ‰

Programa colaborativo/11 dep.Pediatria das escolas médicas da região


História dos CIATs Século XX Anos 1950 ‰

‰

‰

1955: 1a ed do “ Handbook of Poisoning” de R. Dreisbach

1957: 17 PCCs EUA Informam composição/toxicidade dos produtos Criada Nat.Clearinghouse for PCCs( Bureau of Products Safety/ FDA) * Centros coletam dados para enviar a FDA * “ Drug information cards” padronizadas 1957: 1a ed do “ Clinical Toxicology of Commercial Products” de Gleason,Gosselin & Hodge


História dos CIATs Século XX ‰

‰

Anos 1950 1958 : Fundada a American Association of PCCs (AAPCC)

1959: Unidade de Tratamento Intensivo para Intoxicações ( Réanimation Toxicologique) Hôpital Fernand Widal, Paris Dr. M. Gaultier


„

Réanimation Toxicologique Hôpital Fernand Widal(1991) Dra. C. Bismuth


Réanimation Clinique et Toxicologique Hôpital Lariboisiére,2010


Réanimation Cl. Et Toxicologique.H.Lariboisiére,2010 ( Service du Prof.Dr. Frederic Baoud ) Prof. Dr. Bruno Megarbane


Anos 1960 ‰

‰

‰

‰

História dos CIATs Século XX

1961: Lei Federal cria a “ Poison Prevention Week”,Março

1963: Criados o National Information Service Guy Hospital , Londres Inglaterra Dr. R. Goulding Regional Poisoning Treatment Ctr Royal Infirmary , Edimburgo Escócia Dr. H. Matthew 1964: Fundada a European Ass.Poison Ctrs. & Clinical Toxicologists (EAPCCT) Tours, França Dr. Roche 1968: Fundada a Amer. Academy of Clin.Toxicology( AACT)/ Inicia a publicação da Clinical Toxicology


História dos CIATs Século XX

Anos 1970 ‰ A maior parte da Europa (> 20 países) tem Centro ativo( + novos: Madri, 1971) ‰ América Latina CCI,Prefeitura de S.Paulo,1971 CIAT,Montevideo,Uruguay,1975 CIT,S.Est.Saúde&Meio Amb,P.Alegre,1976 Centros na Argentina e Chile ‰

1971:1a ed do “ Intoxicações Agudas” de S. Schvartstman, Prof. da USP.um dos

‰

1972: Micro-fichas substituem cartões de papel( Poisindex/ Toxfile)

‰

pioneiros no ensino e pesquisa em Toxicologia Médica no Brasil( epidemiologia das intoxicações agudas em S.Paulo desde o início dos anos 1960)

1974: Amer.Board of Med.Toxicology (ABMT)inicia avaliação de médicos candidatos a especialistas na área


„

Centre Anti- Poisons,Paris Ctre. De Pharmacie e Toxicologie Mme. M.L. Efthmyou

„

Micro-fichas (1989)


„

„

Hôpital Fernand Widal

Centre Anti- Poisons Paris,France


„

National Poison Information Service New Cross Hospital

Avonley Road,Londres (Guy’s&St.Hosp.Trust) Dr. G. Volans (1991) ‰

Laboratório de Análises Toxicológicas ,NPIS


Swedish Poison Information Centre (Giftsinformationzentralen) Karolinska Hospital,Stockholm


História dos CIATs Século XX Anos 1970 ‰

‰

1978: 1a ed de “Goldfrank’s Toxicological Emergencies”, primeiro livro editado pela equipe de um Centro ( NY City PCC)

Proliferação descontrolada de Centros, EUA 661 no país/ 100 só em Illinois! *Interesses dos hospitais privados( atrair pac.) *Serviços precários( emerg/farmácias) *Somente horário comercial

‰

Resposta da AAPCC: estabelece normas para os Centros( qualif. Equipe/24 h/1-10 milhões hab)


História dos CIATs Século XX Anos 1980 ‰

‰

Brasil: Min. Saúde cria Sist.Nac.Informações TóxicoFarmacológicas(SNITF) FIOCRUZ Dr. A.F. Rahde 1982: Brasil com Centros ativos em Salvador,Belo Horizonte,S.Paulo e P.Alegre + implantando novos em Campo Grande,Curitiba e Florianópolis

( Rahde AF. Toxicology and Information: Introducing a new system in Brazil.J Toxicol Medicale 1982.2(2):157-60) ‰

1985: Brasil com novos Centros em Natal, J.Pessoa, Brasilia,Campinas,R.Preto,Botucatu e Taubaté


História dos CIATs Século XX Anos 1980 ‰ África: África do Sul, Argélia, Egito, Marrocos, Tunisia ‰ 1986: Japão ‰ Meados da década: Austrália,N.Zelandia ‰ Outros países ( Asia/ Oriente Médio): Irã, Iraque, Israel, Síria, China, Filipinas,Formosa, Vietnã, Cingapura, SriLanka, Tailandia


Hospital Provincial,norte da Tailandia(1989) AntĂ­dotos para OF


História dos CITs Século XX Anos 1980 ‰

‰

‰

EUA:CD-ROM (Poisindex) substitue fichas 1985: Criado Amer. Board of Applied Toxicology (ABAT), que passa a certificar especialistas não médicos ( PharmD / PhDs Pharmacology) 1988:1a ed do “Medical Toxicology” de M. Ellenhorn.Pela primeira vez,um livro texto de medicina exibe, no título, a especialidade


História dos CIATs Século XX Anos 1990 ‰

‰

‰

‰

‰

1990: 1a ed do “Poisoning&Drug Overdose” de K.Olson,também editado por equipes de vários centros(Califórnia PC System) 1992: Reconhecimento formal da especialidade de Medical Toxicology pelo Amer. Board of Medical Special.(ABMS)

1993: Centros Regionais de Tratamento Toxicológico nos EUA, Australia e Rússia 1997:Devido as exigencias da AAPCC,restam ativos 75 Centros nos EUA( 64% certificados) Clinical Toxicology (EAPCCT/AACT) publica normas de atendimento de emergencias toxicológicas(Position statetments)


História dos CIATs Século XXI 9

¾ ¾ ¾

9

EUA: Pós 11 Setembro,2001 Centros envolvidos no combate ao terrorismo ( Homeland Security) > Aporte de recursos Detecção de atentados com armas químicas/biológicas Planos de contingencia Treinamento de equipes de saúde

América Latina/ Caribe: Redes nacionais de Centros e profissionais integrados pela web ( RETOXLAC,Cepis/OPAS)


História dos CIATs Século XXI 2001: Brasil. Fundada a ABRACIT Assoc. Bras. Centros de Inf. Assist.Toxicológica

„

‰

‰

‰

I Cong.Panamericano de Centros I Cong. Brasileiro de Toxicologia Clínica,P.Alegre 2002/2004: ANVISA+Centros+ABRACIT estabelecem critérios e normas para funcionamento dos Centros 2005: RDC-ANVISA número 19, 3 de fevereiro, cria a RENACIAT 2007: I Congresso da ABRACIT II Congresso Brasileiro de Toxicologia Clínica Vitória,ES Consolidação da ABRACIT


Cong.Panamericano de CIATs I Cong.Brasileiro Toxicologia Clínica,P.Alegre,Maio2001 „

Fundação da ABRACIT


XIII Cong.Bras. Toxicologia(SBTox),Londrina,2003 Eleição da 2a Diretoria da ABRACIT Dra.Sony Freitas Itho,Presidente


XVI Cong.Bras.Toxicologia Belo Horizonte,MG,10-14 Outubro,2009 Mesa Redonda:”O Ensino e o reconhecimento institucional da Toxicologia Clínica” Toxicologia Clinica como área de atuação


Diretrizes para atividades de Toxicologia relacionadas à Vigilância e Atenção à Saúde no Sistema Único de Saúde(SUS) Portaria 298 do MS( 10.02.2010) Profa.Dra. Marlene Zanin, Presidente da ABRACIT(2008-2010)


III Congresso Brasileiro de Toxicologia Clinica


Krenzelok EP. Przegl Lek 2001;58(4):175-6 “

Centros de intoxicação prestam um serviço vital a sociedade, reduzindo mortalidade e morbidade.Os seus benefícios financeiros não costumam ser reconhecidos. Prevenindo muitas internações desnecessárias e fornecendo consultoria especializada, que reduz o uso de antídotos caros e o tempo de tratamento, os centros poupam cerca de US$ 6,50 para cada dólar que se investe em seu funcionamento. Seu custo-benefício é comprovado por vários estudos publicados. Todas as instituições que se beneficiam dos serviços dos centros de intoxicação deveriam contribuir para seu suporte financeiro ”

História Mundial dos Centros de Assistência Toxicológica  

Apresentação realizada no Seminário de Toxicologia promovido pelo CIAVE em 30 de agosto de 2010, em Salvador.