Page 13

pressivo número de estudantes que, muitas vezes, buscam memorizar os conteúdos sem compreender o seu significado. Nesse sentido, mesmo inseguro diante do novo, ousei incorporar a tecnologia nos processos de ensino aprendizagem. Vi nos recursos das novas tecnologias possibilidades de transformar a prática pedagógica criando novas situações de aprendizagem que fossem mais significativas para os alunos. A experiência trouxe resultados altamente positivos para a aprendizagem dos alunos que se motivaram com a metodologia usada. As Escolas da Rede ESI, em sua maioria, foram pioneiras na montagem de laboratórios de informática em suas regiões, procurando levar a tecnologia para a sala de aula, ampliando assim o processo de ensino aprendizagem, ajudando os alunos no aprimoramento do conteúdo ministrado em sala de aula, com o uso das novas tecnologias. Escolas e pro-

fessores buscam estar “antenados” com a evolução tecnológica. Exemplo disso é a implantação de Smart Boards* nas salas de aula que leva aos alunos informações em tempo real. Diante destas novidades tecnológicas, cabe aos educadores assumirem o papel de mediadores, acompanhando e estimulando a busca do conhecimento na aprendizagem dos alunos. Os professores estão hoje buscando novas maneira de planejar, desenvolver e avaliar suas aulas, utilizando – sempre que possível – conteúdos e materiais didáticos já disponibilizados na rede. É preciso inovar, atualizar, reinventar o papel pedagógico e, dessa forma, apropriar-se do conhecimento dessas novas ferramentas e plataformas, entendendo a sua aplicabilidade, em busca de um maior objetivo: a aprendizagem do aluno. Cabe à escola oferecer aos seus alunos não só o acesso aos recursos tecnológicos, mas também criar

situa­ ções que venham a favorecer o processo ensino aprendizagem. Diante dos desafios atuais, a escola busca formar alunos capacitados com conhecimento e visão critica para participar deste mundo globalizado. O obstáculo não é apenas o acesso ao recurso material, e sim o seu direcionamento, seus objetivos dentro da aprendizagem. Com tantas tecnologias disponíveis e um novo perfil de estudantes, torna-se desafiador, para os educadores scalabrinianos que buscam a excelência na educação, estimular processos motivadores da formação integral. A Escola tem um papel que vai além do domínio das tecnologias pelos alunos e professores. Ela busca formar cidadãos capazes e engajados na sociedade do conhecimento e comprometidos com a cidadania universal. João Ribeiro Franco Neto ESI - Colégio Santa Teresa Ituiutaba - MG

* São lousas interativas conectadas a um computador que, além de manterem a função da escrita, possibilitam que o professor exiba, selecione e modifique informações armazenadas no computador ou na internet através do touch screen (tela de toque).

Esperança | 2º semestre de 2013 | 11

Revista Esperança nº10  
Revista Esperança nº10  
Advertisement