Issuu on Google+

RP G notícias

DISTRIBUIÇÃO GRATUITA Ano 02 .:. Número 02 Abril 2011 WWW.SBRPG.COM.BR

Reeducação Postural Global

BUENOS AIRES

7º CONGRESSO

Sociedade Brasileira de R P G

INTERNACIONAL DE RPG 1


E S E I C O S AS Para renovar ou associar-se a Sociedade Brasileira de RPG, basta escolher uma das opções abaixo, fazer o depósito* diretamente na conta corrente da SBRPG e nos enviar o comprovante através do Fone/Fax: (11) 5044-0940 ou ainda através de cheque nominal.

Período:

JUNHO 2011 a JUNHO 2012

OPÇÃO 1 | R$ 95,00 para pagamento no mês de Maio

(com direito a 50 folders, refazer o curso básico e muito mais).

OPÇÃO 2 | R$ 100,00 para pagamento no mês de Junho

(com direito a 50 folders, refazer o curso básico e muito mais).

*Dados do banco para depósito: Sociedade Brasileira de RPG | Banco Itaú | Carteira 109 | AG: 1681 | C/C: 05387-0 NÃO EMITIMOS MAIS BOLETOS BANCÁRIOS

Rua Georgia, 210 - Brooklin São Paulo - SP CEP: 04559-010 Tel. (11) 5044-0940 www.sbrpg.com.br sbrpg@sbrpg.com.br

Sociedade Brasileira de R P G


R.P.G. Notícias

O que é RPG?

A

Reeducação Postural Global, mais freqüentemente designada por suas iniciais R.P.G., é um método original e revolucionário nascido da obra “O Campo Fechado”, publicado por Philippe Emmanuel Souchard em 1981, na França, após quinze anos de pesquisas no domínio da biomecânica. Atualmente ela é ministrada aos fisioterapeutas por Souchard e sua equipe, na França, em Saint-Mont (departamento do Gers), e em oito países, entre os quais o Brasil. Foi apresentada em conferências em mais de quinze países e, hoje, mais de oito mil fisioterapeutas a praticam no mundo. A R.P.G. se aplica a todas as patologias que requerem fisioterapia: problemas morfológicos, articulares, neurológicos, traumáticos, respiratórios e esportivos.

Os tratamentos são individuais e duram cerca de uma hora. Para a prevenção e a manutenção, pode-se praticá-la em autoposturas. Para preservar a originalidade, a integridade e a qualidade do ensino do método, a marca R.P.G. foi objeto de registro no INPI. Dr. Oldack Barros Presidente da Sociedade Brasileira de RPG

Mande e-mail ou telefone ao seu Senador manifestando o seu descontentamento com esse projeto de Lei.

Reeducação Postural Global

A RPG Notícias é uma publicação trimestral da Sociedade Brasileira de RPG

Presidente Dr. Oldack Barros

Colaboradores Elisete Marçal Nice Pereira Sandra Zanine Roberta Thorlay Vera Nicolau Mari Mitiko Comercial Vanessa SBRPG Arte Marco Pimenta

...............................................................................................

RP G notícias

...............................................................................................

www.senado.gov.br.

Endereço Rua Georgia, 210 - Brooklin Fone: (11) 5044-0940 CEP: 04559-010 - São Paulo - SP

Sociedade Brasileira de R P G 3


R.P.G. Capa Notícias

Concordância dos Mecanismos Ósteo-Musculares da Coxo-Femoral

T

Texto: Philippe E. Souchard

odos nós conhecemos a originalidade das concepções bio-mecânicas da R.P.G. no âmbito da articulação do quadril. Em dinâmica, quando o fêmur gira em torno de um eixo (da diáfise), os músculos rotadores externos serão mais numerosos e presentes. Em contrapartida, quando há apoio da cabeça femoral sobre a parte superior do acetábulo, o fêmur irá girar de acordo com o eixo mecânico que transforma o íleo-psoas e os adutores pubianos em músculos ântero-pulsores-adutores do fêmur. Podemos falar em inversão da ação muscular (fig.1). A nossa biomecânica nos mostra que quando o íleo-psoas e os adutores pubianos estão retraídos, eles podem não somente colocar o fêmur em ântero-pulsão-adução, mas também podem horizontalizar a bacia (fig.2). O que não me parecia existir até hoje, é que o apoio anterior ou posterior que o acetábulo exerce sobre a cabeça do fêmur muda a rotação do mesmo e vice-versa. Quando a bacia é muito horizontal, o bordo anterior do acetábulo inverte a cabeça do fêmur e a coloca em ântero-pulsão-adução (fig.3). Se o fêmur está em excessiva ântero-pulsão-adução, a cabeça do fêmur irá se apoiar sob a parte posterior do acetábulo e favorecendo a horizontalidade da bacia (fig.4). Em casos de bacia vertical, é a parte posterior do acetábulo que apóia sobre a parte posterior da cabeça do fêmur, colocando-o em retro-pulsão-abdução (fig.5). 4

Fig. 1

Fig. 2

Fig. 3

Fig. 4

Fig. 5


R.P.G. Notícias

A repercussão da posição neutra da articulação sub-talar na coluna vertebral

O

objetivo de qualquer profissional que trabalhe com os pés, é o de restabelecer uma marcha normal, sendo indispensável em primeiro lugar deixar os ossos do pé em uma boa posição. O que significa deixar a articulação sub-talar, quando em pé, o mais próxima de sua posição neutra. Questiona-se o que ocorre no nível das costas com um pé na sua posição normal. Assim, colocamos em questão um estudo para verificar o impacto da posição neutra da articulação sub-talar sobre o posicionamento da coluna. Muitas variantes nos foram apresentadas, por isso estudamos a movimentação ânteroposterior da coluna. Alguns lembretes A posição neutra sub-talar é realmente a posição ideal de uma articulação, ela varia de uma pessoa para a outra e depende da variação dos desenvolvimentos individuais, superfícies articulares, músculos, ligamentos e etc. A articulação sub-talar está na posição neutra quando esta articulação não está nem

Pronada

Supinada

pronada nem supinada. Essa posição neutra pode ser demonstrada visualmente: a curva acima do maléolo lateral deve apresentar-se paralela ou congruente àquela abaixo do maléolo lateral. Pode-se também determinar a posição neutra através da palpação, segurando a cabeça do tálus, entre o polegar e o indicador, e girando o pé para pronação e supinação. A posição neutra é alcançada quando não se pode

Neutra

sentir encostar a parte lateral nem a medial da cabeça do tálus. A posição neutra dessa articulação não é somente um ponto de referência, é ao mesmo tempo a base e a posição ideal para que o pé seja funcional.


XV JORNADA EM SÃO PAULO 2ª JORNADA A C I T Á R P E T N TOTALME

Tema - Lombar e Quadril

18 DE JUNHO

6


INSCRIÇÕES: Sócios Até 10/06/2011 – R$ 100,00 Após essa data – R$ 120,00

Não Sócios Até 10/06/2011 – R$ 150,00 Após essa data – R$ 170,00

Informações: (11) 5044-0940

PROGRAMAÇÃO: PROF OLDACK BARROS 09h00min Abertura 09h30min Avaliação (Lombar e Quadril) 10h30min Coffe Break 11h00min Diagnóstico Palpatório 12h30min Almoço 14h00min Tratamento Hiperlordose Lombar Tratamento Retificação Lombar e Cifose Lombar Tratamento Inversão de Curva Lombar 15h30min Coffe Break 16h00min Antiversão de Quadril Retroversão de Quadril Sacro Horizontal 17h00min Sacro Normal

LOCAL DO EVENTO: Instituto Philippe Souchard Rua Conselheiro Ramalho, 516 Bela vista - São Paulo -SP

7


R.P.G. Capa Notícias

Gestos Econômicos e Ergonômicos

Texto: Philipe E. Souchard

E

u não dou uma entrevista para um público com muitas pessoas sem me ser questionado sobre como devemos nos sentar, deitar, levantar um peso. O que você pensa sobre a ergonomia? Esses problemas, portanto, intrigam suficientemente nossos pacientes para lembrar hoje quais são as respostas da R.P.G. Nenhum gesto pode ser feito de maneira perfeita e econômica se houver dor ou rigidez muscular. O papel dos mecanismos de defesa, que são automáticos, é de evitar qualquer tipo de inconveniente. Nós organizamos, portanto, nossa postura e nossos gestos de forma a evitar qualquer tensão desagradável e muito menos qualquer forma de sofrimento. Assim, nós não sentimos a rigidez de nossos músculos normalmente, enquanto que essa rigidez aparece imediatamente nas posturas da R.P.G. Se nós quisermos modificar um gesto ou a postura sem resolvermos o problema subjacente, que 8

é sempre à rigidez muscular, nós devemos então fazê-lo voluntariamente, o que seria uma tortura mental permanente. Assim vemos perpetuado o mesmo conselho inepto. Para uma lombalgia crônica, certamente recomendam não mais se curvar para frente para levantar um peso, mas sim flexionar os joelhos e se levantar pelo trabalho do músculo quadríceps. Qual trabalhador vai se exigir durante todo o dia esse esforço consciente? Qual secretária irá manter todo o tempo suas costas retas na postura sentada se ela não é capaz de realizar isso automaticamente? Em uma dorsalgia você não irá manter a posição decúbito dorsal durante o sono como é orientado. Esse tipo de conselho me faz lembrar aquelas meninas que usam mini-saias muito curtas e que não param de abaixa-las. O bom gesto econômico só pode ser automático, dependente da nossa postura natural e da flexibilidade dos nossos músculos estáticos. Só se resolve o problema subjacente por posturas de R.P.G. Fa-

zendo a postura e o gesto indolor, econômico e isso tudo automaticamente. No que se diz respeito à ergonomia, nossa posição é evidentemente mais sutil. Obviamente que as cadeiras que permitem evitar a hipercifose lombar, banquinhos estilo os de oração, que apóiam os joelhos, as carteiras escolares reclináveis, os bancos de carro com apoio lombar para manter a lordose são indiscutivelmente úteis. Mas há melhor a fazer. Toda a pessoa que não pode se sentar sem hipercifosar sua região lombar está com rigidez de seus músculos pelvi-trocantéricos. O alongamento em globalidade dentro de uma postura de fechamento do ângulo coxo-femoral permitirá que a pessoa se sente sem nenhum inconveniente em qualquer tipo de banco ou cadeira, mesmo que este não seja muito funcional. Nem os acupunturistas, nem os homeopatas me contradizem, a agressão está em toda a parte, apenas um bom terreno poderá resistir.


7º CONGRESSO

INTERNACIONAL DE RPG

EM BUENOS AIRES “La Reeducación Postural Global - RPG. 1981-2012 30 años de evolución”

27 E 28 DE ABRIL DE 2012 Informações | Tel/Fax: 5044-0940 • 5542-6374 | E-mail: sbrpg@sbrpg.com.br | Site: www.sbrpg.com.br9


R.P.G. Capa Notícias

Resultados Paciente: Rafael

10

de Tratamento

A. R. da Silva

voltando a periodicidade semanal durante picos

Idade: 9 anos

de crescimento, intervalos nas férias escolares.

Altura: 1,45 m

Posturas Realizadas: Rão no chão, sentado,

Terapeuta: Patrícia Baracat

bailarina e de pé no meio.

Diagnóstico: Escoliose torácica direita e lom-

Resultado: RX controle após 3 anos eviden-

bar esquerda, Megapófise transversa VT lom-

ciando ausência de escoliose lombar.

bar a esquerda, frouxidão ligamentar.

Alta relativa aos 12 anos com 1,61m. Acompa-

Tratamento: Sessões semanais de RPG no 1º

nhamento do paciente até 16 anos com altura de

ano de tratamento, sessões mensais no 2º ano

1,87. RX permaneceu sem alterações.


R.P.G. Notícias

Paciente: Guilherme

Soares

Idade: 13 anos Altura: 1,64 Terapeuta: Patrícia Baracat Diagnóstico: Escoliose Lombar direita 42º Tratamento: Sessões semanais de RPG

Guilherme: Escoliose 42 º lombar esquerda

Escoliose 34º lombar esquerda

com intervalos nas férias escolares de outubro de 2008 a agosto de 2010 com intervalos nas férias escolares. Posturas Realizadas: Rã no chão, sentado, bailarina e de pé no meio. Resultado: Escoliose Lombar 30º com altura de 1,67 aos 15 anos. Paciente: Marilda

Guilherme:

RX Controle:

Escoliose 42 º lombar esquerda

Escoliose 30º lombar esquerda

de Lima Dias

Terapeuta: Patrícia Baracat Diagnóstico Médico: Hérnia de Disco L4-L5 Queixa Principal: Dor lombar que não cessava em nenhuma posição. Tratamento: 10 sessões de RPG com ênfase nas posturas rã no chão, sentada, de pé inclinando e de pé no meio. Após realizadas consultas 1 vez ao mês para manutenção dos resultados alcançados. Melhora da dor nas primeiras sessões e melhora da imagem em RNM após 2 anos. 11


DIVULGUE A

RPG

EM SUA CIDADE PROMOVA JUNTO COM A SBRPG UMA JORNADA FALANDO SOBRE O MÉTODO ORIGINAL. • ESCLAREÇA • DIVULGUE • PROMOVA • EVITE PIRATARIA•

ENTRE EM CONTATO CONOSCO Tel/Fax: 5044-0940 • 5542-6374 | E-mail: sbrpg@sbrpg.com.br | Site: www.sbrpg.com.br


GUIA RPG