Page 1

www.sbdpr.org.br sbdpr@sbdpr.org.br

Informativo Trimestral da Dermatologia Paranaense

SBD-PR na campanha de câncer de pele

No dia 29 de novembro, a Sociedade Brasileira de Dermatologia promoveu ações em todo o Brasil para lembrar a importância da prevenção da doença. No Paraná, a SBD-PR montou postos de atendimento nas cidades de Apucarana, Cascavel, Curitiba, Guarapuava, Londrina, Paranavaí e Toledo. A campanha continua com a ação Dezembro Laranja, incentivando dermatologistas e a população a vestirem qualquer peça de roupa laranja e publicar a foto nas redes sociais com o hashtag #dezembrolaranja. Saiba mais nas páginas 4 e 5

Ano XVIII    nº 80  dezembro de 2014

64ª Jornada Paranaense em Paranaguá

O evento, que aconteceu nos dias 21 e 22 de novembro, encerrou as atividades científicas da SBD-PR em 2014 e apresentou temas como rejuvenescimento com laser fracionado, acidentes com águas vivas e demato zoonoses, margens histológicas da CBC, entre outros assuntos. Os participantes também participaram atividades recreativas e ganharam o presente de fim de ano: um guarda-sol com o logotipo da Sociedade para lembrar a importância da prevenção do câncer de pele. Confira na página 6

Pinhão Entrevista Nesta edição, o Dr. Lorivaldo Minelli, fundador do Serviço de Dermatologia do Hospital Universitário do Norte do Paraná e ex-secretário de Saúde de Londrina, conta um pouco mais de sua história e experiências como dermatologista. Página 7

Conscientização sobre a psoríase A SBD-PR foi uma das regionais que participou da campanha, que neste ano teve o slogan “Psoríase: fere mais que a pele. Com tratamento é possível ter uma qualidade de vida”. As ações ocorrem no dia 29 de outubro, com a parceria das concessionárias de pedágio Autopista Litoral Sul e Ecovia Caminho do Mar S/A. Saiba mais na página 8.


INTERIOR

CURTA

EDITORIAL

Cirurgia micrográfica

É hora de balanço

Jornada da região norte é marcada pelo encontro de ex-alunos do Dr. Minelli Nova presidente da SBD-PR esteve presente ao evento

José Roberto Toshio Shibue Presidente da SBD/PR (2013/2014)

Mais um ano se encerra. Um novo ano se aproxima, com sonhos, desejos e objetivos renovados. A atual gestão da Diretoria da SBD–PR chega ao fim de seu mandado. Está na hora de fazermos balanços e desejarmos boa sorte para a próxima gestão. Nesses dois anos, muitas ideias não puderam ser concretizadas. Porém, várias metas foram alcançadas. O site da nossa regional está sendo reformulado. Em breve, todos os sócios terão acesso a um site moderno e funcional. Nesse período eventos foram realizados: a área científica foi de alto nível e, temos certeza, que todos que participaram tiveram excelente aproveitamento. Gostaria de agradecer toda a Diretoria da SBD–PR, que chega ao fim do seu mandado. Todos os membros da Diretoria realizam um trabalho árduo, independente do cargo ocupado, muitas vezes deixando de lado suas atividades profissionais e suas clínicas para participar de compromissos ligados à SBD – PR. Dras. Lígia e Iara, inúmeras vezes, deslocaram-se de suas cidades para a capital para participar de reuniões da Diretoria. Dr. Anber foi ativo e presente nas sessões junto ao CRM, na Defesa Profissional da Dermatologia. Dra. Flávia Prevedello foi a responsável pela elaboração das jornadas paranaenses e sul-brasileira, cuja programação científica foi elogiada por todos os participantes. À nova Diretoria, sob o comando da Dra. Lígia Martin, nossos votos de sucesso. A todos desejamos um Natal de confraternização e amor fraternal e uM 2015 próspero e de muita saúde!

No dia 6 de outubro, no auditório do INC (Instituto de Neurologia de Curitiba), a SBD-PR realizou o Encontro Paranaense de Cirurgia Micrográfica, com a participação do professor Kenneth Gross, de San Diego, California. O palestrante apresentou seus estudos e sua vasta experiência em cirurgia micrográfica. “Nós agradecemos todo o empenho do Departamento de Cirurgia Micrográfica, sob a coordenação Dr. Roberto Gomes Tarlé, que nos deu todo o apoio necessário para esse evento”, diz o presidente da SBD-PR, Dr. José Roberto Shibue.

AGRADECIMENTO

A SBD-PR agradece a todoS os patrocinadores dos eventos e do informativo neste ano. PATRO CINADORE S DOS E VENTOS B A BAYER E R

PARCEIROS DO PINHÃO

2

O PINHÃO / MARÇO DE 2014

Ocorreu no dia 8 de novembro, no Hotel Golden Blue, em Londrina, a I Jornada da SBD Distrital Norte do Paraná e o V Encontro de ex-alunos do Dr. Minelli. Foram convidados os palestrantes: Dr. Jorge José de Souza Filho (SC), Dr. Fabiano Roberto Pereira de Carvalho Leal (RJ), Dr. Vitor Azulay (SC), Dr. Paulo Müller Ramos (PR) e Dr. Marcelo Marcondes do Prado (PR). Dermatologistas do norte do Para-

ná e norte pioneiro (Maringá, Rolândia, Apucarana, Londrina, Cornélio Procópio, Santo Antônio da Platina) assistiram aos diversos temas abordados como: tratamento de campo de cancerização, atualização em cosmiatria e novidades do EADV de 2014, preenchimento malar e nasojugal, reações adversas por fitoterápicos, alopecias, qualidade de vida e meditação. O evento contou com a presença do

Prof. Dr. Lorivaldo Minelli, da presidente eleita da SBD-PR, Dra. Lígia Marcia Mario Martin, do presidente da SBD Distrital Norte do Paraná e seu vice, Dr. Rafael Garani e Dr. Rafael Leszczynski. Ao final, o Dr. Helio Celestino da Silva, em nome dos organizadores da Jornada, presenteou o Dr. Minelli com um jaleco. Segundo os coordenadores, Dra Silvia Ávila Santilli e Dr. Rubens Pontello Júnior, o evento foi produtivo e agradável.

Hanseníase é tema de capacitação em Ibiporã Objetivo é saber identificar sinais da doença A Prefeitura de Ibiporã, por meio da Secretaria de Saúde, realizou entre os meses de setembro e outubro com todos os profissionais de saúde, uma capacitação sobre hanseníase, devido ao baixo índice de diagnóstico no município. A média nacional é de 1,5 a cada 10 mil habitantes. Atualmente, Ibiporã conta com 51 mil e apenas quatro pessoas fazem o tratamento. O objetivo da administração municipal foi reciclar os profissionais para que identifiquem as primeiras manifestações da doença. A capacitação abordou diversos temas importantes para a prática profissional: a história da hanseníase, o diagnóstico, a notificação da doença, o tratamento, a atuação da equipe multidisciplinar, as complicações e sequelas.

De acordo com o dermatologista do Centro de Referência de Especialidades Médicas de Ibiporã (Cremi) e um dos palestrantes, Rafael Garani, a ação é muito satisfatória. “Conseguimos nos atualizar e alertar os servidores que estão na rede para que observem mais os pacientes. Com o olhar mais crítico direcionado à hanseníase a identifi-

cação de novos pacientes será mais rápida. Com certeza o município tem mais doentes que ainda não sabem que possuem a doença”, explica o dermatologista. A coordenadora de programas de saúde do município, Rosângela Borges, tem a expectativa que a demanda aumente. “Isso não significa que mais pessoas ficarão doentes, entretanto, aquelas que já estão e ainda não sabem serão diagnosticadas e iniciarão o tratamento”, acredita. A capacitação foi ministrada por profissionais da rede básica de saúde em parceria com o Consórcio Intermunicipal de Saúde do Médio Paranapanema (Cismepar), o centro de referência da doença na região. O PINHÃO / MARÇO DE 2014

3


CONSCIENTIZAÇÃO

COMUNICADOS

Campanha de câncer de pele mobiliza dermatologistas em todo o país

SBD-PR na Band A SBD-PR foi parceria da TV Bandeirantes na veiculação de um projeto que homenageia alguns paranaenses ilustres, como Paulo Leminski, Didi Caillet entre outros. No material produzido são contadas as historia de cada um dos homenageados.

No Paraná, 2.300 pessoas foram atendidas

SBD emite nota oficial sobre uso de hidrogel

Para lembrar a importância de cuidar da pele para prevenir o câncer, a Sociedade Brasileira de Dermatologia promoveu no dia 29 de novembro ações para a conscientização sobre o tema. Cerca de quatro mil dermatologistas voluntários realizaram atendimentos para análise, diagnóstico e posterior tratamento da doença em hospitais públicos credenciados e postos de saúde, em diversas cidades do Brasil. No Paraná, aproximadamente 2.300 pessoas foram examinadas nos pontos de atendimento que a SBD-PR montou nas cidades de Apucarana, Cascavel, Curitiba, Guarapuava, Londrina, Paranavaí e Toledo. “Graças ao trabalho dos coordenadores de cada região, voluntários e residentes conseguimos fechar nossa campanha com um saldo muito positivo de atendimentos”, avalia a assessora científica da SBD-PR, Dra. Flavia Prevedello. Os dermatologistas responsáveis pelas ações foram: Dr. Alfredo Bacciotti de Lima em Apucarana, Dr. Hirofumi Uyeda em Cascavel, Dr. Guilherme Athássios Shwetz no Hospital Evangé-

4

O PINHÃO / MARÇO DE 2014

lico, Dr. Sergio Fonseca Tarlé na Santa Casa de Misericórdia, Dr. Jesus Rodriguez Santamaria no Hospital de Clínicas, Dra. Iara Rodrigues Vieira em Guarapuava, Dra. Bruna Tuma em Londrina, Dra. Monica Cohen Esperidião em Paranavaí e Dr. Orley Alvaro Campagnolo em Toledo.

mos uma ação como esta. Durante todo o dia, conseguimos orientar não só os próximos passos do tratamento para quem já foi diagnosticado com câncer, mas também educarmos os outros cidadãos sobre os cuidados que são necessários para um bem-estar da pele”, afirma.

guindo os mesmos princípios das ações do Outubro Rosa (câncer de mama) e do Novembro Azul (câncer de próstata), que mobilizam o Brasil inteiro. Para que a campanha dê resultado, a Sociedade Brasileira de Dermatologia incentiva todos os dermatologistas e a população a vestirem qualquer peça de roupa laranja, decorar a casa com es-

sa cor e publicar a foto nas redes sociais com o hashtag #dezembrolaranja. “Todos podem ajudar na prevenção do Dezembro Laranja. Toda forma de apoio será bem-vinda contra a doença”, convida a presidente da SBD, Denise Steiner. Para mais informações sobre o Dezembro Laranja, acesse http://www.dezembrolaranja.com.br/.

BALANÇO GERAL DO PARANÁ

A Dra. Flávia lembra que as campanhas, que vêm sendo realizadas desde 1988 em todas as regiões do Brasil, consolidam a função do dermatologista em oferecer uma orientação preventiva aos pacientes. “Nós temos um papel importante na sociedade, principalmente quando realiza-

Dezembro laranja De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), o câncer de pele afeta cerca de 25% dos brasileiros, sendo hoje o mais frequente no país. Para dar continuidade à conscientização da população sobre os riscos do câncer de pele, a SBD propôs o Dezembro Laranja, se-

POSTOS CREDENCIADOS HC EVANGÉLICO SANTA CASA LONDRINA APUCARANA

TOTAL DE ATENDIMENTOS 438 50 470 263 170

CASCAVEL GUARAPUAVA PARANAVAÍ TOLEDO TOTAL

52 601 110 133 2.287

GUARAPUAVA: OUTRAS DERMATOSES: 318 SEM DERMATOSES: 117 PARANAVAÍ: PRÉ-NEOPLASIA: 45

CBC

CEC

MM

27 08 35 13 21

08 03 13 18 -

06 07 01 -

OUTROS TUMORES MALíGNOS 02 02 04 02 -

54 15 18 191

09 11 9 71

09 01 01 25

01 11

SANTA CASA DE MISERICÓRDIA: PRÉ-NEOPLASIAS: 43 OUTRAS DERMATOSES: 294 AUSÊNCIA DE DERMATOSES: 70

A modelo Andressa Urach, 27 anos, está internada em estado grave na UTI do Hospital do Coração, em Porto Alegre, para tratar de uma infecção na coxa esquerda decorrente da aplicação de hidrogel realizada há cinco anos. A Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) faz alerta às autoridades, inclusive, Ministério Público, para o risco de aplicações de substâncias na pele por não médicos. “Os procedimentos estéticos podem parecer simples, mas não são. Para aplicação de substâncias no corpo é preciso conhecer a anatomia, fisiologia, imunologia e as interações dos medicamentos que são utilizados no processo”, diz a presidente da SBD, Denise Steiner, em comunicado oficial. “Esse caso nos faz refletir e serve de alerta mais uma vez para a importância da realização de procedimentos estéticos por um médico especialista, profissional que é apto para lidar, inclusive, com as possíveis complicações”, prossegue o comunicado. A presidente lembra que a missão da SBD é prioritariamente proteger a população, evitando o exercício da medicina em condições inadequadas, assim como o uso de produtos sem reconhecimento científico. “Esses tratamentos não podem ser banalizados e os produtos não podem ser utilizados de maneira livre, mesmo que seus perigos sejam conhecidos”, destacou. A SBD alerta que o médico é o profissional da saúde capacitado ao longo de seis a dez anos para diagnosticar complicações clinicas, como a embolia pulmonar (causa da morte da paciente) e tratá-las de forma adequada.

O PINHÃO / MARÇO DE 2014

5


64ª Jornada Paranaense de Dermatologia encerra atividades científicas da SBD-PR de 2014 Evento lançou a campanha de câncer de pele

A SBD-PR promoveu entre os dias 21 e 22 de novembro, a 64ª Jornada Paranaense de Dermatologia, em Paranaguá. O evento marcou o encerramento das atividades científicas da SBD-PR em 2014. Entre os destaques, a palestra com o Dr. Vidal Haddad Junior sobre acidentes com água vivas e dematozoonoses; a Dra. Renata Magalhães com o tema hiperidroses; a Dra. Luciana Faucz falando sobre rejuvenescimento com laser fracionado, e a aula da Dra. Betina Werner abordando margens histológicas da CBC. “Também conseguimos aprender muita coisa com os casos clínicos apresentados por nossos residentes”, acrescentou a assessora científica da gestão 2013/2014, Dra. Flavia Prevedello. Ela lembrou ainda que o evento serviu de confraternização entre os associados e seus familiares. “Foi uma comemoração ‘bem família’”, disse. Os participantes da Jornada puderam conferir outras atrações durante o evento: foi realizada uma gincana der-

matológica, que uniu conhecimento e diversão. Também foi feita uma visita ao aquário de Paranaguá. No jantar, a banda local “Pior que Dor no Dente” – cujos integrantes são, em sua maioria, dentistas, divertiram o público com um repertório variado. “Um destaque foi a secretária, Luciana Soberay, que subiu ao palco e cantou com a banda. Ela nos deu uma ‘palhinha’ e mostrou que, além de ser muito eficaz em sua função de secretária, também é uma ótima cantora”, afirmou Dra. Flávia. A 64ª Jornada Paranaense de Dermatologia marcou o início da Campanha de Câncer de Pele no Paraná. Os coordenadores, os dermatologistas XXX e XXX, tiveram a oportunidade de compartilhar a experiência na organização da ação promovida desde 1988 no Estado, as particularidades e a importância da participação de cada região, os benefícios para a população com o diagnóstico precoce e a agilidade na resolução dos casos de câncer de pele. Aproveitando a divulgação

da campanha, os participantes receberam o presente de fim de ano da Diretoria da SBD-PR – Gestão 2014/2014, um guarda-sol com o logotipo da Sociedade. “Nosso objetivo é passar a mensagem que tanto priorizamos: sol na medida é pele protegida”, disse Dra. Flávia. A assessoria científica da SBD-PR agradece a participação de todos que compareceram às Jornadas e aos eventos realizados nos últimos dois anos e reforça o convite para que mais associados frequentem as atividades promovidas pela Sociedade. “Embora sabido da grande diversidade de congressos, jornadas e cursos que são ofertados durante todo o ano, nossos eventos locais primam por aulas de qualidade e por proporcionar um momento de união e confraternização entre os dermatologistas paranaenses”, ressalta e lembra: “a assessoria científica da SBD-PR também aguarda sugestões de todos os associados, sempre pensando na possibilidade de melhorar para atender a expectativa de todos.”

PINHÃO ENTREVISTA

Estudar sempre Experiência em aprender e ensinar não lhe faltam. Dr. Lorivaldo Minelli, fundador do Serviço de Dermatologia do Hospital Universitário do Norte do Paraná e ex-secretário de Saúde de Londrina, é médico dermatologista, mas também fez residência em Cardiologia, formação em Medicina do Trabalho, cursou Direito e agora está decidindo entre História ou Filosofia. Professor desde muito jovem, gosta de estar em contato com o universo acadêmico e do conhecimento. O Dr. Lorivaldo Minelli é o convidado desta edição do Pinhão Entrevista. Pinhão: Conte-nos sobre a Fundação do Serviço de Dermatologia do Hospital Universitário do Norte do Paraná. Dr. Lorivaldo Minelli: Fundamos o Serviço de Dermatologia do Hospital Universitário do Norte do Paraná, pertencente à Universidade Estadual de Londrina, numa época em que as exigências para tal não eram tão difíceis como nos dias atuais. Não tivemos grandes dificuldades para a sua criação. Alguns documentos, algumas necessidades, que nosso Setor de Dermatologia possuía naquele momento, tanto pessoal e material, como também docentes com formação, foram suficientes para a sua instalação. Claro que, com o passar dos anos, o Serviço foi se adequando às novas exigências que foram surgindo. Pinhão: Quais os principais empecilhos na época? Dr. Lorivaldo Minelli: As maiores dificuldades foram financeiras, o que impediu um desenvolvimento mais rápido do Serviço. Hoje, essas dificuldades são cada vez mais comuns e generalizadas em nosso país. Pinhão: Fale sobre a sua formação e sua carreira. Dr. Minelli: Formei-me em Medicina pela Universidade Federal do Paraná em 1967. Fiz Residência em Clínica Médica no Hospital do Servidor Público Estadual de São Paulo, onde adentrei

6

O PINHÃO / MARÇO DE 2014

“Dentro da Medicina gostaria de poder permanecer em contato com alunos, transmitindo a eles minha experiência e deles obtendo o interesse do aprendizado constante.”

por concurso para me especializar em Cardiologia. Durante essa residência acabei me interessando pela Dermatologia, fato esse que não havia acontecido quando cursei Medicina. Terminada a residência fui aprovado em concurso para dermatologista da Secretaria de Estado da Saúde do Estado de São Paulo e também em concurso para dermatologista do Hospital do Servidor Público Estadual do Estado de São Paulo. Acabei não assumindo tais cargos e, por questões pessoais, aceitei ser professor-assistente da Faculdade de Medicina do Norte do Paraná, que atualmente pertence ao Centro de Ciências da Saúde da Universidade Estadual de Londrina. Em 1970 fui aprovado em concurso do TED da SBD, durante o Congresso Brasileiro de Dermatologia realizado em Goiana (GO). No ano de 1975, defendi tese de doutorado, com o título de “Geografia Médica do Pênfigo Foliáceo no Estado do Paraná”, com a orientação do professor-Dr. Raimundo Martins Castro. Ainda em 1975 me formei em Medicina do Trabalho e, posteriormente, tive a honra de exercer os cargos de secretário da Saúde de Londrina e presidente da autarquia de Saúde de Londrina. Mais tarde, de professor-assistente passei a professor-assistente-Doutor e professor-adjunto. Encerrei minha carreira acadêmica como professor-associado e, na sequência, como professor-senior.

Pinhão: Como o Direito entrou na sua vida? Dr. Minelli: Terminei Direito em 2012 e recomendo a todos que se tiverem oportunidade, façam esse curso. Ele abre um leque extenso de conhecimento que todos nós utilizamos em nossas atividades diárias. Tenho certeza que todo curso superior deveria ter com um semestre de noções básicas de Direito. Pinhão: Quais os atributos que o dermatologista deve ter nos dias de hoje? Dr. Minelli: Trabalho, estudo, dedicação, interesse, responsabilidade, diálogo com o paciente, dando a ele toda a atenção necessária são os atributos principais para exercer o ofício de dermatologista. Pinhão: Quais os seus passatempos preferidos? Dr. Minelli: Gosto de cinema, futebol e conversar com amigos e faço isso dentro das minhas possibilidades. Mas, não tenho nenhum hobby específico. Pinhão: Quais seus projetos? Dr. Minelli: Ainda dentro da Medicina gostaria de poder permanecer em contato com alunos, transmitindo a eles minha experiência e deles obtendo o interesse do aprendizado constante. Fora dessa área, estou pensando em fazer Curso de História ou Filosofia. O PINHÃO / MARÇO DE 2014

7


Conscientizar sobre a Psoríase é foco da SBD

EXPEDIENTE

Presidente José Roberto Toshio Shibue (Curitiba) Vice-presidente Iara Rodrigues Vieira (Guarapuava) Secretária Lígia Márcia Mário Martin (Londrina) Tesoureira Cyntia Sumire Cooti (Curitiba) Ass. Atividades Científico-social Flávia Costa Prevedello (Curitiba) Ass. Ética e Defesa Profissional Anber Ancel Tanaka (Curitiba) Delegados ƒƒAnber Ancel Tanaka (Curitiba) ƒƒCaio Cesar Silva de Castro (Curitiba) ƒƒGustavo Bráz Thá (Curitiba) ƒƒLincoln Helder Zambaldi Fabricio (Curitiba) ƒƒRoberto Gomes Tarlé (Curitiba) Redação Expressa Comunicação Jornalista Responsável Kristiane Rothstein – 3378/13/09 Diagramação Pedro Vieira Impressão Gráfica São Leopoldo

O Dia Mundial da Psoríase é lembrado em 29 de outubro e, desde 2006, a Sociedade Brasileira de Dermatologia promove a Campanha Nacional de Conscientização da Psoríase. O objetivo é ajudar no combate ao preconceito com a doença e seus portadores, esclarecendo dúvidas para a população e melhorando a qualidade de vida do paciente. O slogan desse ano foi: “Psoríase: fere mais que a pele. Com tratamento é possível ter qualidade de vida”. A SBD-PR participou da campanha, que teve como embaixadores a bicampeã olímpica de vôlei, Thaisa Daher, e o presidente do Instituto Barrichello Kanaan, Rubens Barrichello, pai do piloto da Stock Car, Rubinho Barrichello. A SBD também lançou um hotsite www.psoriasetemtratamento.com.br e um aplicativo (que está disponível para download no site) para apresentar mais informações sobre a psoríase e fez um convite às pessoas a enxergarem como é ser um portador da doença e compartilhar a foto nas redes sociais, com a hashtag #PsoriaseTemTratamento. A SBD-PR teve como parceiro as concessionárias de pedágio Autopista Litoral Sul e Ecovia Caminho do Mar S/A. No dia 29 de outubro, os funcionários das praças vestiram a camisa com o slogan da Campanha “Psoríase: fere mais que a pele. Com tratamento é possível ter uma qualidade de vida”, colaram cartazes e distribuíram cerca de 8 mi8l folhetos explicativos para a população que passava pelas cabines de pedágio. Já em Curitiba, os ônibus da capital e as linhas que cortam a região metropolitana circularam com o cartaz da Campanha.

Paranaense é premiada no Congresso Brasileiro de Hansenologia Ocorreu em Curitiba, de 21 a 25 de novembro, o 13º Congresso Brasileiro de Hansenologia. A Dra. Lucia Emiko Imazu foi uma das premiadas como o trabalho “Lesões pápulo-ceratóticas em hanseníase altamente bacilífera”. Outros dermatologistas da SBD-PR participaram do evento, apresentando trabalhos. Entre eles estão, os Drs: Cristina Maria Aranda, Ewalda von Rosen Seeling Stahlke, Iara Rodrigues Vieira, Katia Sheyla Malta Purim, Marcos Vinicius Clarindo e Noely do Rocio Vigo.

Secretária Luciana Soberay

Horário de Atendimento Secretaria SBD-PR 13 às 18 horas As matérias e textos assinados são de inteira responsabilidade de seus autores.

AGENDA 2015 Já está definida a programação científica da SBD-PR para 2015. Confira e marque na sua agenda: 65ª Jornada Paranaense de Dermatologia

66ª Jornada Paranaense de Dermatologia

67ª Jornada Paranaense de Dermatologia

Data: 11 de abril Local: Curitiba

Dta: 1º de agosto Local: Interior

Data: 24 de outubro Local: Curitiba Hotel: Tulip Inn

Impresso Especial 9912275316/2011 DR/PR SOCIEDADE BRASILEIRA DE DERMATOLOGIA

CORREIOS

FECHAMENTO AUTORIZADO PODE SER ABERTO PELA ECT

REMETENTE

SBD REGIONAL DO PARANÁ

Av. Sete de Setembro, 4698, cj. 108 80240-000 – Curitiba / PR Tel/fax: (41) 3243-1941

O Pinhão · nº 80 · dezembro/2014  

Informativo trimestral da Sociedade Brasileira de Dermatologia - Paraná

O Pinhão · nº 80 · dezembro/2014  

Informativo trimestral da Sociedade Brasileira de Dermatologia - Paraná

Advertisement