Page 1

1579

Jornal da Paróquia São Martinho de Lima Novembro de 2012 - Ano VI - 55a Edição

DESTAQUES

5 7 1 9

Conhecendo nosso Padroeiro Com alegria celebramos a santidade de vida de um santo do nosso chão latinoamericano. São Martinho nasceu no Peru em 1579, filho de um conquistador espanhol e uma mulata panamenha. Educado de forma cristã pela mãe, descobriu com a vida que o "aspecto mais sublime da dignidade humana está na vocação do homem à comunhão com Deus” pág. 06

Lazer ­ Receita do mês: Bolinho de arroz especial ­ Cantinho da Criança: Palavra-Cruzada com jesus

pág. 08

João Paulo II João Paulo II é reconhecido por todos como um exemplo de amor e acolhida aos filhos de Deus. Foi incansável em prol da reconciliação entre os povos... pág. 07

coroinhas e acólitos Com alegria celebramos a santidade de vida de um santo do nosso chão latinoamericano. São Martinho nasceu no Peru em 1579, filho de um conquistador espanhol e uma mulata panamenha... pág. 07

Dias: 10 eem1br1o

Festa do Padroeiro

de Nov

P Missa com Benção do Santíssimo P Pastelada dançante P Teatro sobre a vida de São Martinho P Missa para os festeiros P Missa Festiva em louvor à São Martinho P Delicioso Almoço

Notícias / Avisos

MINISTÉRIO JOVEM

P E no dia 11, às 14 horas:

FILHOS DO CÉU pág. 04

Programação da Festa - pág. 05


Jornal da Paróquia São Martinho de Lima - pág.

2

Palavra do Pároco Palavra do Pároco

Que a paz do Senhor esteja no seu coração! Iniciamos nosso mês de novembro recordando com muito carinho de todos os nossos entes queridos que partiram desta vida, e que com certeza já estão descansando na paz do Senhor. Lembre-se que nossa vida está nas mãos de Deus e para Ele todos nós caminharemos. Não deverá ser um dia de tristeza, mas, de saudades e reflexões sobre a nossa vida. Como estamos aproveitando este presente de Deus que nos foi ofertado na sua generosidade, ou seja, nossa Vida, deve ser vivida com muita dignidade. Outro momento importante, é meditarmos sobre a nossa vocação a Santidade, lembrando todos os Santos que deram suas vidas por causa de Jesus, sendo exemplos para todos nós, pois, foram fiéis ao projeto de Deus. Fica um questionamento: Como estamos vivendo a nossa vocação primeira a Santidade? É no dia-a-dia que nos tornaremos santos na simplicidade, assim, como foi nosso querido padroeiro São Martinho de Lima ou de Porres. Iniciaremos a nossa novena no dia 2 de novembro, e recordaremos um ano de dedicação da nossa Matriz dia 06, com a presença de nosso bispo emérito Dom Pedro Fedalto. Teremos nosso novenário do dia 2 ao dia 10, e no dia 11 de novembro, teremos a grande festa externa. Meditaremos a cada dia nas novenas sobre a vida de nosso padroeiro e todo o seu testemunho, ao qual foi um grande exemplo para nós. Vamos conhecê-lo mais ainda para podermos amar e seguir seus ensinamentos. Celebrar um Santo é celebrar a vitória de Cristo Ressuscitado na vida do Santo. Cada paroquiano e irmão que simpatiza com nossa paróquia deverá participar com alegria e doação dos seus serviços, pois, de verdade somos uma paróquia servidora que não fica olhando para trás, mas, segue firme com seus passos, abertos na evangelização e ao serviço para que tudo dê certo. Como já dizia o nosso querido padroeiro: “No final tudo da certo”, mas, depende de cada um fazer bem a sua parte. Um paroquiano que preza e participe na nossa comunidade, já sabe que não podemos fazer corpo mole, pois, o inimigo sempre quer nos atrapalhar para não irmos para frente, portanto, sejamos corajosos. Você que ama nossa paróquia e viu ela crescer não deixe de participar e ajudar com muita generosidade. Este ano estamos empenhados para terminar nossa capela de Santa Catarina de Senna, que faz parte de nossa paróquia e temos a missão de ajudar para assim caminharmos juntos e evangelizar. Estamos no ano da Fé, e poderíamos nos perguntar como anda nossa fé verdadeira e convicta em Jesus Cristo? Em Deus? Nos seus mandamentos? O Ano da Fé nos convida pela santa Igreja a revigorar nossa Fé, participando com mais assiduidade em todas as celebrações. Viver a fé significa deixar-se guiar pelo Senhor da vida que assumiu nossa humanidade e nos resgata de nossas misérias, para que tenhamos vida e em abundância, um amor maior pela eucaristia e pelos sacramentos. Fico contente por ver que neste período quantos de nossa querida paróquia nos últimos dias receberam os sacramentos do batismo, crisma, eucaristia, confissão, matrimonio. Enfermos são visitados e recebem a unção dos enfermos. De verdade, quantas bênçãos nossa comunidade está recebendo e, por isso, só temos que agradecer essas oportunidades que estamos recebendo e, assim, vamos fortalecendo nossa fé e nossa caminhada prossegue com alegria de que o reino de Deus esteja acontecendo. Agradeço desde já todos aqueles que não medem esforços em colaborar com todos os eventos de nossa paróquia tanto com seu dizimo, suas ofertas e nas diversas promoções que aqui realizamos, sempre em prol da própria comunidade. Agradeço a generosidade também para com a coleta das santas missões que já foi entregue na mitra para ser encaminhada para os diversos projetos da Igreja missionária. De nossa pequenez podemos também partilhar, pois, é dando que se recebe e morrendo que se vive para a vida eterna. Que São Martinho de Lima proteja a todos e também os diversos sacerdotes e bispo que virão celebrar conosco este mês. Pe. José Airton de Oliveira Um abraço fraterno a todos!

Expediente da Secretaria da Paroquial Terça à Sábado das 9h às 12h e das 14h às 17h

Região Episcopal: Norte Setor Pastoral: Cajurú Ano de Fundação: 1993 Dedicação: 6/11/2011

Expediente

peairton@hotmail.com

Rua: Natal, 1650 - Cajurú - Curitiba/PR - Fone/Fax: 3226-2310 Diretor Espiritual: Pe. José Airton de Oliveira - Arte Final: Cezar Rocha Colaboração: Todas as Pastorais, Movimentos e Amigos. Impressão: Folha de Londrina - Tiragem: 2.000 exemplares.


Jornal da Paróquia São Martinho de Lima - pág.

Calendário - Novembro 2012 09/11/1974 Adilson José de Oliveira

09/11/1960 Maria Aparecida B. de Souza

16/11/1980 Adriana de Carvalho Abrão 20/11/1965 Aloizio Cubas e Lizimar Dantas

16/11/1958 Maria Aparecida da Silva Campos

28/11/1968 Amarido Machado

24/11/1952 Maria Aparecida M. Campos 25/11/1939 Maria de Jesus dos Santos

21/11/1983 Ana Carolina Gianesini

30/11/1983 Maria Izabel da Silva

28/11/1974 Anadir Mazurechen

05/11/1948 Maria Nadir de Melo Mormito

01/11/1942 Cecilia Kachorroski Vell

19/11/1950 Maria Tereza de Lima

10/11/1977 Claudete de O. Caldas da Silva

17/11/1968 Marilene Pilar Nogueira

25/11/1940 Diácono Saul Torres de Campos 27/11/1972 Mario Alberto da Silva 07/11/1967 Dolores Cardoso Sabino 25/11/1967 Marlene Silva dos Santos 01/11/1922 Edwiga Machinski Rocha 26/11/1972 Meri Cristiane Bim Rocha 14/11/1947 Ester Rocio Rodrigues Araujo

13/11/1955 Miriam Bernadete Ortmeier

20/11/1946 Francisco Martins 19/11/1937 Inês Gorri Gomes

15/11/1964 Neli Felipetto 23/11/1960 Salete Aparecida Andreoli

27/11/1955 João Cezar Boza

03/11/1978 Selma Cordeiro da Silva de Paulo

18/11/1983 Joaquim Soares dos Reis

11/11/1965

08/11/1969 Jocilene do Rocio Trentin

10/11/1972 Silvia Castioni

10/11/1950 José Luiz Kobylarz

24/11/1973 Sirlei Botelho

22/11/1930 Josefa Wur Golombieski

19/11/1989 Taluana Libioda

11/11/1984

09/11/1960 Vaudecir Paulo de Freitas

Juliana Campos Barreto

29/11/1964 Vera Lucia da Silva Conde

16/11/1942 Laisa Martins de Oliveira

01/11/1948 Wilson Santos Nascimento

Calendário - Novembro 2012 Sex Sáb Dom Qua Sáb Dom Qua Sáb Sáb Sáb Dom Qua Sáb Dom Dom Qua

02 03 04 07 10 11 14 17 17 17 18

16h e 19h30 19h 7h30, 10h30 e 19h 10h, 15h e19h30 19h 7h30 e 10h 10h, 10h e 19h30 10h 18h 19h

7h30, 10h30 e 19h 21 10h, 15h e 19h30 24 19h

Missa Finados Missa (Mc. 12, 28-34) Missa (Mc. 12, 28-34) Novena Missa (Mc. 12, 38-44) Missa (Mc. 12, 38-44) Novena Casamento Comunitário Formação para Batismo Missa (Mc. 13, 24-32) Batizados Missa (Mc. 13, 24-32) Novena Missa (Jo. 18, 33-37)

25 7h30, 10h30 e 19h Missa (Jo. 18, 33-37) 25 15h Assembléia Paroquial 28 10h, 15h e 19h30 Novena

DÍZIMO Deus não precisa de nada. Ele é o Senhor de tudo, de todos. Nós é que precisamos de nos libertar da escravidão dos bens terrenos. Dízimo, é um ato de amor, de generosidade, gesto de partilha. É o hino de ação de graças. Quando o dízimo não acontece na vida do cristão, o cristão não acontece para a verdadeira vida. Participe você também da nossa comunidade sendo um(a) dizimista.

Utilidade Batismo Documentos necessários: P Certidão de nascimento da criança P Carteirinha do curso de batismo dos pais e padrinhos Orientações importantes para padrinhos de batismo: P Ser católico e ter recebido os Sacramentos da Iniciação: (Batismo, Eucaristia e Crisma) P Ser casado na Igreja Católica ou ser solteiro P Participar do curso de batismo P Estar presente no dia de batismo

Silmara Orowicz

16/11/1942 Luiza Maia Mendes

3

OBSERVAÇÃO: O Batismo é uma dádiva de Deus, por isso, a nenhuma criança deve-se negar o Batismo. Caso aja alguma dificuldade nos ítens relacionados acima, favor entrar em contato antecipadamente, com a Equipe do Batismo: vanevilarosa@gmail.com Curso de Batismo: 3º Sábado do mês, das 18h às 21h30 Batismo: 2º Sábado do mês, às 19h

Benção de casas Se você deseja que o Padre visite sua casa para uma benção, agende um horário na secretaria paroquial. O Padre atenderá, sempre que possível.

Intenções de Missa Serão lidas somente as missas de 7º dia, 1 mês e 1 ano. Demais datas; falecimento, aniversários, a g ra d e c i m e n to s , d e ve rã o s e r colocadas na caixa de intenções que fica junto à entrada da Igreja.

Secretaria Expediente: Terça-feira à Sábado Horário: 9h às 12h e das 14h às 17h Telefone: 41 3226-2310 Rua Natal, 1650 - Cajuru - Curitiba/PR CEP: 82.930-210 Secretária: Meri Rocha Pároco: Pe. José Airton

Internet Emails da Paróquia: contato@saomartinhodelima.com.br paróquiasml@hotmail.com SITE: www.saomartinhodelima.com.br

Catequese Matrículas; Catequese Infantil A partir do mês de fevereiro (somente sábados) na paróquia, no período da manhã. Matrículas; Catequese Adultos A partir do mês de fevereiro na paróquia, no período da manhã. Documentos necessários: P Uma cópia do batistério P Uma cópia da certidão de nascimento P Uma cópia do comprovante de residência P Uma foto 3x4 P Idade mínima: 9 anos OBSERVAÇÃO: para as crianças transferidas de outras paróquias, trazer a Ficha de Transferência da Catequese. † INÍCIO DA CATEQUESE: No período da quaresma, no último sábado do mês de fevereiro. † FÉRIAS DA CATEQUESE: A partir da 1º semana do mês de fevereiro † RETORNO DA CATEQUESE: A partir do 1º sábado do mês de agosto † ENCERRAMENTO: Na 1º semana do mês de novembro § CATEQUISTAS DA PARÓQUIA: 23 catequistas para 1º Eucaristia e Crisma § CATEQUISTAS DAS CAPELAS: 09 catequistas para 1º Eucaristia e Crisma

Casamento Processo de casamento: P Marcar o casamento e dar entrada ao processo no mínimo 03 meses antes do casamento P Trazer a cópia dos seguintes documentos: ­ Identidade dos noivos ­ Comprovante de endereço ­ Declaração do cartório (Entrada do processo do casamento civil ou certidão de casamento civil) ­ Cursos de noivos (original) ­ Batistério dos noivos “original” (Atual, tirada na Paróquia onde foram batizados, válido por 6 meses)

OBSERVAÇÃO: Se os noivos pertencerem a outra Paróquia, deverão dar entrada no processo na Paróquia do noivo ou da noiva e pedir transferência para a nossa Paróquia, devendo trazer o processo pronto, 15 dias antes do casamento.


Jornal da Paróquia São Martinho de Lima - pág.

4

MINISTÉRIO JOVEM

FILHOS DO CÉU Um texto que vale a pena ler!

TREINAMENTO DE LIDERANÇA CRISTÃ

Jovens do TLC estão se preparando para o 11° retiro. Faça sua contribuição e ainda concorra a prêmios, compre a rifa que esta sendo vendida no inicio ou final da missa das 19:00 horas de domingo, na porta da igreja. E você Jovem que ainda não faz parte dessa família, venha juntar-se a esse projeto de Deus, para maiores informações sobre o retiro procure algum TLCista no final das missas ou ligue para: 9693-8835 (Patrícia) 9822-5475 (Léo)

os prêmios são: 1º Um Tablet 2º Um Celular 3º Um Cobertor de Casal

* Cada rifa custa R$ 2,00 e o sorteio será dia 25/11/12

Participe!

Surgem tristezas durante a vida: traumas e marcas, situações que não aceitamos e que ferem profundamente nosso ânimo. Sofrimentos que chegam quando menos esperamos: o falecimento de alguém, uma doença, dificuldades na família, com o filho, a filha, o marido, a esposa, os pais; situações que às vezes decepcionam. Por algum motivo qualquer, a tristeza pode aparecer. Mas você não pode se entregar a ela. "Não entregue tua alma à tristeza, não atormentes a ti mesmo em teus pensamentos". É o que está escrito no livro do Eclesiástico, um pensador das coisas de Deus, no capítulo 30, versículo 22. A pessoa paga um alto preço quando se entrega ao desânimo, a partir das tristezas da vida. A entrega de si às doenças da alma, quando se perde a alegria, a paz, a saúde, desarticula tudo e tudo se transforma em "pré-ocupações". Desculpe... A vida se transforma num inferno e não é assim que você merece viver. Mesmo que seu marido ou esposa tenha sido infiel, cometendo adultério; mesmo que haja brutalidades dentro de sua casa, ingratidões, irresponsabilidades, se seu marido deixou você na rua da miséria, com os filhos dentro de casa, sem dinheiro, sem pensão, sem nada, não permita que sua chama se apague. Mesmo que você tenha se decepcionado com o amor ou com uma grande amizade, mesmo que sua família esteja dividida, ou você esteja sem nenhuma expectativa de futuro:

O grupo de jovens JUF (Jovens Unidos pela Fé), com um enorme carinho, vem agradecer a todos que nos ajudaram neste evento, contribuindo com doações para a festa das crianças que aconteceu no ultimo dia 12 de outubro na Capela São João Batista. Foi um dia maravilhoso, de muita diversão, onde presenciamos o verdadeiro sentido de se doar ao próximo. Gostaríamos que soubessem o quanto fizeram diferença na vida de muitas crianças. Que Nossa Senhora Aparecida cubra todos vocês de ricas bênçãos e que Deus os abençoe sempre! Lembramos que o JUF realiza seus encontros todos os sábados as 17:30 horas, na Paróquia São Martinho de Lima. Convidamos todos os jovens que sentirem o desejo de fazer parte dessa família. Todos serão muito bem vindos!

"Jamais se desespere em meio às sombrias aflições de sua vida, pois das nuvens mais negras cai água límpida e fecunda". (Provérbio Chinês) Não permita que tudo isso mate sua alma. Mas como conseguir força interior? A decisão já foi tomada, mas... você pode dizer: "Ainda sinto fraqueza... Como conseguir ânimo tão de repente?" Vencer o desânimo passa pelo poder de decisão pessoal. Não estou minimizando seu problema. Talvez você saiba que seu problema é impossível de ser resolvido, mas aí está o mais importante: para que Deus possa agir em sua vida é preciso que você acredite, acolha e DECIDA. Há pessoas que pensam que os problemas acabam com a vida. Não! Os problemas estão aí para serem resolvidos e Deus já lhe deu a força. Essa força chama-se Espírito Santo e é capaz de transformar toda a sua vida. Deus o abençoe! Monsenhor Jonas Abib

JOVEM, EU TE ORDENO: LEVANTA-TE! (LC 7, 14)

CORAGEM! EU VENCI O MUNDO (JO 16, 33)

AVISO AVISO AVISO AVISO AVISO AVISO

TODAS AS PASTORAIS E MOVIMENTOS

Dia 25 de novembro 15h - Assembléia paroquial com todas as lideranças.


Jornal da Paróquia São Martinho de Lima - pág.

Crian?as Evangelizando Crian?as CNBB realiza Encontro Nacional de Responsáveis de Juventude Os responsáveis adultos de arquidioceses, movimentos, congregações, comunidades, pastorais e organismos que trabalham com juventude terão um momento único de comunhão e diálogo sobre a evangelização dos jovens no Brasil. De 29 de novembro a 2 de dezembro de 2012, em Brasília (DF), acontecerá o Encontro Nacional de Assessores da Pastoral Juvenil, promovido pela Comissão para a Juventude da CNBB. Tendo em vista o objetivo de contribuir com os assessores na missão de acompanhar os jovens na educação da fé, são convidados apenas os responsáveis adultos de cada uma dessas expressões que trabalham com juventude. O tema do evento - “A Juventude no Ano da Fé” – foi escolhido dentro da proposta do "Ano da Fé”, convocado pelo Papa Bento XVI e que terá início em todo mundo na quinta, dia 11 de outubro.

Arquidiocese de Curitiba Cerca de 3 mil jovens celebraram o Dia Nacional da Juventude 2012 em Curitiba no sábado, dia 20 de outubro. A 25º edição do DNJ na Arquidiocese, que está sendo celebrado em todo o Brasil, ocorreu nas imediações do Largo da Ordem. Neste ano, o DNJ propôs uma reflexão acerca da vida da juventude, levando o jovem a se questionar sobre "Qual vida vale a pena ser vivida?". A intenção é levá-lo a pensar em seu próprio projeto de vida, conforme explica o assessor eclesiástico do Setor Juventude, Pe. Alex Cordeiro. A Santa Missa foi celebrada às 18 horas pelo arcebispo Dom Moacyr José Vitti. Em sua homilia frisou que a missão de cada jovem é seguir a Cristo por meio do serviço e do auxílio a tantos outros jovens que perderam o sentido da vida. "Devemos mostrar à juventude a alegria de sermos livres por meio da graça de Nosso Senhor. Que todos os jovens possam encontrar na Jornada Mundial da Juventude (JMJ) o Cristo Jesus".

Catecismo da Igreja Católica é instrumento para orientar os fiéis A Igreja comemora, agora em 2012, os 20 anos do Catecismo da Igreja Católica! Este momento vem ao encontro do “Ano da Fé”, anunciado e aberto pelo Papa Bento XVI no dia 11 de outubro, que pede a retomada catequética juntamente com uma vida de sincera conversão. To r n a - s e o p o r t u n o a p r o v e i t a r e s t a s comemorações para recordar os fundamentos da nossa fé e os valores que os sacramentos imprimem em nossa vida. Neste tempo de tantas possibilidades e ofertas, não podemos nos esquecer de que precisamos voltar nosso olhar e interesse pelas coisas de Deus. Por isso, torna-se mais do que necessário retomar a leitura da publicação do Catecismo da Igreja Católica, aprovado a partir da “Fidei Depositum”, (11 de outubro de 1992, do Beato João Paulo II) atualizado após o Concílio Ecumênico Vaticano II.

''POIS ANUNCIAR O EVANGELHO, NÃO É PARA MIM MOTIVO DE GLÓRIA. É ANTES UMA NECESSIDADE QUE SE ME IMPÕE. AI DE MIM, SE NÃO ANUNCIAR O EVANGELHO”.(1COR9,16)

5

A obra Pontifícia da infância missionária – fundada na Franca em 1843 pelo bispo D.Carlos de Forbin-janson, e tornada pontifícia em 1922, pelo papa pio XI continua sendo, também neste nosso tempo, instrumento válido de ação evangelizadora na igreja e no mundo. Por meio da oração, sacrifício, solidariedade e participação, as crianças e adolescentes crescem na experiência e conhecimento de Deus, buscando em Jesus Cristo missionário do pai exemplo de vida doado pelo reino. Para participar da infância e adolescência missionária a criança deve ter entre 05 a 14 anos e demonstrar interesse entusiasmo e ser fiel aos compromissos e disponibilizar um pouco do seu tempo para os encontros e as atividades missionárias ser amigos generosos e saber partilhar. A infância missionária é uma obra a serviço da missão universal da igreja e tem como finalidade animar missionariamente a vida. IAM ( INFÂNCIA E ADOLESCÊNCIA MISSIONÁRIA )


Jornal da Paróquia São Martinho de Lima - pág. A Memória facultativa de São Martinho de Porres, Falecido em Lima (Peru) em 03 de novembro de 1639 e canonizado em 1962, foi inserido no calendário litúrgico em 1969. Nascido em Lima em 1579, filho de um nobre cavalheiro espanhol, pertencente a ordem de cavalaria de Alcântara e de uma liberta negra Ana Velasquez, com a qual ele não se casou, esse filho natural era considerado “mulato” por causa da cor da pele. Foi educado cristamente pela mãe e aprendeu a profissão de cirurgião prático, com amplos conhecimentos de farmácia e cirurgia. A mãe permaneceu em Lima com os dois filhos; O pai foi para o Panamá com o governador. Martinho exerceu sua profissão com grande admiração de todos os doentes dos quais cuidava em seu ambulatório. Algum tempo mais tarde, decidiu entrar para o convento dos frades dominicanos com o pedido de ser simples frade leigo (irmão converso). Em 1603, nove anos depois foi confirmado sua admissão na ordem, e ele se dedicou como enfermeiro a serviço da comunidade conventual e dos doentes de fora, que ele acolhia, primeiro no convento, depois num hospital adaptado na casa de sua irmã. Fundou um orfanato e instituiu uma mesa para os pobres no convento e outras obras de caridade por toda cidade. O Próprio vice rei do Peru o ajudava e o visitava em sua cela. Morreu consumido pelas penitencias e atacado de tifo, em 1639; foi logo venerado por todos como santo. MENSAGEM DE ATUALIDADE PARA NOSSA VIDA

Na oração que fazemos hoje invocamos “Deus que guiou São Martinho para visão de sua glória mediante uma vida humilde e oculta”. Vemos que o exemplo de humildade é relevante neste leigo que mesmo sentindo correr em suas veias o sangue nobre espanhol e consciente de seus conhecimentos e capacidades profissionais quis a humilhação de ser simples irmão leigo, já que, como mulato estava em último lugar na hierarquia social do seu

Conhecendo Nosso Padroeiro

São Martinho de Lima

tempo, porque o estado de mulato vinha depois dos espanhóis, dos índios e dos negros. Por isso, renunciou a ser irmão coadjutor ou sacerdote. Nessa humilhação voluntaria de frade pertencente a ordem Terceira (que eram tidos como servos e não pertenciam em pleno direito à ordem), Martinho preferia os trabalhos mais humildes e protegia os escravos, ao ponto de transformar a rústica enfermaria num verdadeiro centro de caridade para todo, mas principalmente para os mais pobres, os índios; o povo o chamava de “Martinho da Caridade”. Apesar de sua vida humilde e oculta sua fama de santo se espalhou e muitos recorriam a ele não só para ajuda médica, mas, também para pedir conselhos; até o vice rei do Peru o visitava em sua cela e ele, aproveitando a ocasião, pedia ajuda para os mais pobres. A Oração menciona a visão da glória de Deus em paralelo a vida humilde e oculta desse irmão converso. Era um homem de grande

CAPELA SANTA CATARINA DE SENA Após a festa da Padroeira de Sta Catarina de Sena, realizada no dia 29/04/2012, foi demolida a antiga Capela existente há mais de 15 anos, e que se encontrava com muitos problemas e precisava ser reconstruída. No dia 16/07/2012, iniciou – se então a construção da nova Capela . A comunidade simples e humilde espera anciosamente pela nova Capela, assim como sua visita. Agradecemos á todos os colaboradores que ajudaram e continuam ajudando. Se você deseja contribuir de alguma forma, se informe na secretaria da Igreja Matriz. Juntos somos fortes!

Foto da antiga Capela

6

penitência e de vida contemplativa, porque orava longamente à noite, aplicando-se a disciplina três vezes, dormindo no claustro do convento e usando o silício mesmo quando lhe foi prescrito guardar o leito. A intercessão pede “também a nós seja concedido seguir seu exemplo, para sermos unidos a ele na intercessão dos santos”. Nestas frases se sente a influencia do clima da festa de todos os santos e da memória dos defuntos: A sua morte, que se segue a essas duas celebrações litúrgicas, lembra a grandeza desse santo, que já foi proclamado “Patrono da Justiça Social” e “ Patrono das Semanas Sociais” do Peru; Foi reconhecido em homenagem pública em 1939 como primeiro cidadão que assumiu a tarefa de resolver a questão social. De fato, Martinho fundou um hospital no qual não se fazia nenhuma diferença de classe ou de raça ao passo que nos hospitais públicos da capital, para cada classe social se reservava uma ala do edifício. Conseguiu fundar o primeiro colégio da América só para as crianças mais pobres. A atualidade desse exemplo – além dos episódios prodigiosos que o tornaram popular (uma imagem de 1733 representa-o com um cesto cheio de ratos do mato, motivo pelo qual era chamado “Santo contra os ratos”). Pode ser extraído da homilia do dia da sua canonização e citado no ofício de leitura: “Ele amava os homens porque os estimava sinceramente como filhos de Deus e como irmãos seus; antes amava-os mais que a si mesmo, porque, em sua humildade considerava-os mais honestos e melhores do que ele”. Trata-se de um programa de vida para todo cristão que queira imitar este santo, aprendendo como conclui a homilia do Papa “quão suave e feliz é seguir as pegadas de Jesus e observar seus divinos preceitos”. “Glorifiquemos o Senhor que exaltou com dons celestes seu servo humilde São Martinho”. Referência: Os Santos do Calendário Romano, Paulus.

Com o empenho de todos, estamos quase chegando lá!


Jornal da Paróquia São Martinho de Lima - pág.

7

Por:Larissa Sydorak Coroínha

“Curiosidades sobre os coroinhas e acólitos” Coroinha, Acólito Extraordinário ou Acólito Não-Instituído, ("menino do coro") é uma criança, adolescente ou adulto (desde que tenha sido batizado e que já tenha feito a Primeira Comunhão Solene) que auxilia os sacerdotes nas funções do altar. Em 1994, Sua Santidade o Papa João Paulo II autorizou que meninas também servissem ao altar. Atualmente, em algumas paróquias a função de coroinha é permitida também às meninas chamadas assim de Clarissas, mas sua autorização deve provir do Ordinário local. No Brasil, confunde-se "coroinha" com "acólito", todavia, coroinha não é um ministro instituído, isto significa que não é ordenado pelo Bispo, característica do acólito. Há os que dizem que termo coroinha vem da antiga celebração da Santa Missa, em que partes do ritual eram cantadas em coro. Ocasionalmente, alguns dos meninos do coro eram solicitados para auxiliar os padres no altar, donde lhes foi dado o nome coroinhas. Outros que a origem do nome se deve ao fato de que os clérigos recebiam a tonsura quando ordenados - símbolo de pobreza e submissão ao Cristo. Era a raspagem do cabelo no cimo da cabeça em forma de coroa. Alguns coroinhas recebiam também uma pequena tonsura chamada "coroa", daí o nome. Os coroinhas têm Funções litúrgicas nas Missas entre elas está a função de Turiferário. Turiferário é o nome atribuído ao coroinha que é incumbido para manusear o turíbulo durante missas festivas ou dominicais. O turíbulo vai a direita da naveta assim formando o cortejo de entrada. Turiferário é função para meninos, mas também pode ser meninas. Existe também as funções de librífero (missal), credencia (cálice, galhetas, tochas, castiçais, sineta e âmbula). Existe para coroinhas mais desenvolvidos a função de cruciferário que é o que "porta" a cruz celebrativa durante a entrada ao presbitério e durante a saída do qual. Há também a função de cerimoniário que é o que auxilia o padre a ler as orações no missal. Há a tentativa de não usar o nome de acólito para o coroinha para evitar a confusão entre as funções de cada um: Coroinha (ou acólito extraordinário) - jovem que auxilia nas funções litúrgicas no altar e nas para liturgias; Acólito - umas das Ordens menores anteriores ao Diaconato e ao Presbiterado. Além de auxiliar no Presbitério e nas para liturgias também coloca e retira o Santíssimo Sacramento do cibório, píxide ou ostensório durante a cerimônia de Adoração ao Santíssimo Sacramento. As vestes litúrgicas do coroinha em geral seguem alguns padrões: Túnica de cor vermelha, com sobrepeliz branca (Veste oficial da Igreja Católica); Mas normalmente se vê coroinhas e acólitos com a túnica branca (é a mais comum). O Padroeiro dos coroinhas é São Tarcísio, jovem mártir romano dos primeiros séculos da Era Cristã. Alguns consideram também Santa Maria Goretti como padroeira das meninas coroinhas. Em nossa paróquia no ultimo dia 21 de outubro todos nós coroinhas fomos abençoados para exercermos o nosso oficio de servir o altar. Foi uma celebração muito especial que o nosso querido Pe. José Airton realizou. A ele, nosso agradecimento pelo incentivo as crianças. Entre as palavras do Pe. José Airton neste dia, ficamos muito felizes quando ele disse que também nós, pelo nosso serviço que prestamos a Igreja, estamos sendo pequenos missionários e evangelizadores. Muito Obrigado Padre.

“Padroeiro dos coroinhas: São Tarcísio” São Tarcísio viveu em Roma por volta do ano 258 da era cristã. Tarcísio pertencia à comunidade cristã de Roma, era acólito, isto é, coroinha na igreja. No decorrer da terrível perseguição do imperador Valeriano, muitos cristãos estavam sendo presos e condenados à morte. Nas tristes prisões à espera do martírio, os cristãos desejavam ardentemente poder fortalecer-se com Cristo Eucarístico. O difícil era conseguir entrar nas cadeias para levar a comunhão. Nas vésperas de numerosas execuções de mártires, o Papa Sisto II não sabia como levar o Pão dos Fortes à cadeia. Foi então que o acólito Tarcísio, com cerca de 12 anos de idade, ofereceu-se dizendo estar pronto para esta piedosa tarefa. Relativamente ao perigo, Tarcísio afirmava que se sentia forte, disposto antes morrer que entregar as Sagradas Hóstias aos pagãos. Comovido com esta coragem, o papa entregou numa caixinha de prata as Hóstias que deviam servir como conforto aos próximos mártires. Mas, passando Tarcísio pela via Ápia, uns rapazes notaram seu estranho comportamento e começaram a indagar o que trazia, já suspeitando de algum segredo dos cristãos. Ele, porém, negou-se a responder, negou terminantemente. Bateram nele e o apedrejaram. Depois de morto, revistaram-lhe o corpo, nada achando com referência ao Sacramento de Cristo. Seu corpo foi recolhido por um soldado, ocultamente cristão, que o levou às catacumbas, onde recebeu honorifica sepultura. Ainda se conservam nas catacumbas de São Calisto inscrições e restos arqueológicos que atestavam a veneração que Tarcísio granjeou na Igreja Romana. Tarcísio foi declarado padroeiro dos coroinhas ou acólitos, que servem ao altar. Mais uma vez encontramos a importância da Eucaristia na vida do cristão e vemos que os santos existem não para serem adorados, mas para nos lembrar que eles também tiveram fé em Deus. Eles são um exemplo de fé e esperança que deve permanecer sempre com as pessoas. Então, a exemplo de São Tarcísio, estejamos sempre dispostos a ajudar, a servir. Se cada um fizer a sua parte realmente nos tornaremos um só em Cristo.

“A Igreja precisa de santos não de reformadores!”

João Paulo II Promotor da FÉ

Nessa matéria estarei falando do nosso saudoso Beato João Paulo II que a meu ver, foi um grande promovedor da Fé católica nos nossos tempos. Nascido em 1920 na cidade de Wadowice na Polônia, foi batizado como Karol Jósef Wojtyla. Karol Jósef Wojtyla, Foi ordenado padre no dia 1 de novembro de 1946. Completou o curso universitário em Roma e doutorou-se em teologia na Universidade Católica de Lublin. Foi nomeado bispo auxiliar na Cracóvia em 1958, foi capelão universitário e professor de ética na Cracóvia e Lublin. Foi eleito Papa em 16 de Outubro de 1978, sucedendo a João Paulo I. Wojtyla adotou então o nome João Paulo II. A partir de então João Paulo II, inicia, sua batalha, na promoção da Fé, pois visitou 129 países durante seu pontificado. Esteve 4 vezes no Brasil onde visitou várias cidades e reuniu multidões. Exerceu influencia para melhorar as relações entre a religião católica e outras religiões. Fato que levou ser apreciado sempre com muito carisma, por todos os povos e crenças. João Paulo II foi um grande peregrino, da Fé, mas também batalhou, contra o ateísmo e materialismo, no campo intelectual, escreveu diversos livros. Defendeu ferozmente o direito a vida. A 11ª encíclica de João Paulo II, "Evalegium Vitae" (1995), reitera a sua posição contra o aborto, controle da natalidade, fertilização in vitro, engenharia genética e eutanásia. Defende também que a pena capital nunca é justificável. O Beato João Paulo II, deixou um grande legado de Fé e obediência a Deus, pois viveu sua missão, com certeza até o último instante. Eu não consegui achar melhor adjetivo para resumir minha visão de João Paulo II, PROMOTOR, da Fé e dos Princípios Cristãos e do catolicismo aos 4 cantos do mundo e entrou para eternidade lutando por eles. Por: Adrian Espindula


Cantinho da Crianca Bolinho de Arroz Especial

Palavras Cruzadas

Receita

Ingredientes

do mês

3 xícara(s) (chá) de arroz cozido(s) P 2 unidade(s) de ovo P 1 unidade(s) de cebola picada(s) P Salsinha picada(s) P 50 gr de parmesão ralado(s) P Pimenta-do-reino branca moída(s) à gosto P Sal à gosto P Farinha de trigo conforme modo de preparo P ½ colher(es) (chá) de glutamato monossódico P

Modo de preparo Processe o arroz (pode ser no processador de alimentos, no espremedor de batatas ou até no liqüidificador) e misture todos os ingredientes menos a farinha. Acrescente farinha o quanto precisar para formar um creme. Esquente uma quantidade suficiente de óleo em uma frigideira funda e com a ajuda de 2 colheres (sopa) forme os bolinhos e vá fritando imediatamente. Deixe escorrer em papel absorvente.

Anuncie Aqui!

PSML

Anuncie Aqui!

Anuncie Aqui!

3221-7012 / 3365-9642

Palácio

Noivas

Locaçãode Trajes 15 anos Formaturas Eventos em geral. (Masculino, feminino e Infantil)

Tel.: 41 3365-2334 (Em frente ao Terminal)

Rua Eng. Costa Barros, 526 - Vila Oficinas

O Martinho - Novembro 2012  

Jornal da paróquia São Martinho de Lima

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you