Page 1

Primeiras Palavras Desde o mês de abril, muitas pessoas andam pelo Bosque das Brotas com o objetivo de “catar pinhões”. E não há quem chegue ao santuário com este objetivo e saia com a sacola vazia! Este é um fato comum que continua também no mês de junho, embora a bonança do mês mariano não seja mais a mesma! E neste ano de 2015 as araucárias foram muito generosas. A produtividade foi surpreendente. Fico questionando às vezes: “Quantas sacolas de pinhão saíram do bosque das Brotas neste ano?” Acredito que podemos utilizar da experiência do “juntar pinhões no Santuário de Piraí do Sul” para refletir sobre a nossa fé e devoção. É sempre

uma tentativa de encontrar nos elementos mais comuns da vida diária as manifestações da graça de Deus. Em primeiro lugar, a beleza e a grandiosidade das araucárias! Como são magnificas. Elas imperam no bosque. São robustas e altas. Guardam consigo a experiência de tantos anos! Podem indicar perfeitamente a presença de Deus no mundo. Ele é Senhor; é maior do que tudo e todos. Os “pinheiros”

Informativo Unidos com Maria | Ano V | nº 44 | Junho 2015

com a ajuda de alguns instrumentos! Em segundo lugar, aquelas araucárias enormes deixam cair os pinhões. Eles caem das extremidades, lá do alto! É um jeito de se aproximar. Como o homem não pode chegar lá, os pinhões caem no chão. É a graça divina vindo encontrar o homem e a mulher na sua condição! Deus é sempre generoso em derramar o seu amor, assim como os pinheiros em deixar cair os

nhor! Em terceiro lugar, para pegar os pinhões a pessoa precisa se abaixar. Isso pode nos fazer pensar na atitude de humildade com a qual cada ser humano acolhe a graça divina. Enquanto os olhos se voltam para o pinhão que deve ser recolhido, todo o cor-

"Deus é sempre generoso em derramar o seu amor, assim como os pinheiros em deixar cair os pinhões que parecem nunca terminar". do bosque não podem ser alcançados por simples e pequenos seres humanos. Como subir ao topo? Quase impossível, a não ser com muito esforço e

pinhões que parecem nunca terminar. Passa um, passa outro e depois vem o terceiro e o quarto, e sempre há pinhões. Inesgotável fonte de graças é o Se-

Programação do mês >> Missa com Novena: todos os Domingos às 16h e todo dia 27 do mês às 19 h. >>Missa ou Culto: Toda e segunda ou terça-feira, às 19h. >> Novena: toda quarta-feira e todo dia 27, às 7h. >> Reza do Santo Terço no Caminho João Paulo II: Todo dia 27 do mês, 7h30, 15h, 19h e 20h (com velas). >> Adoração ao Santíssimo Sacramento: Quintas-feiras, às 17h. >> Confissões e Direção Espiritual: Todo dia 27 e toda segundafeira, das 9h às 11h30 e das 14h às 18h. >> Projeto “Cenáculo” – Visita ao Santuário: Dia 28 de junho – Joaquim Murtinho e Roseta; Dia 26 de julho – Pedrinhas, Jararaca e Sertão. >> Almoço Comunitário: 21 de Junho e 19 de Julho. >> Missa da Família com Maria: 27 de Junho, Sábado, às 19h.

po se abaixa diante do pinheiro, como que reverenciando aquele que é muito grande. Humildade é bem isso: abaixar-se para acolher a graça e reve-

Pe Evandro, Reitor

renciar aquele que é o Senhor! Neste mês de muito frio e da coleta dos últimos pinhões, possamos reconhecer a grandiosidade de Deus Amor, a abundância da graça que se derrama sobre todos e a importância da humildade. Nossa Senhora das Brotas fez assim, por isso a veneramos e ajudamos o Santuário a ela dedicado!

Oração Consagremos nossa vida e nossas lutas diárias a Nossa Senhora das Brotas: “Eu te escolho hoje, ó Maria, na presença de toda a corte celeste, por minha Mãe e minha Rainha. Eu te entrego e consagro, com toda submissão e amor, meu corpo e minha alma, meus bens interiores e exteriores, e, também, o valor de minhas boas ações passadas, presentes e futuras. Concedo-te inteiro e pleno direito de dispor de mim e de tudo o que me pertence, sem exceção, segundo tua boa vontade, para maior graça de Deus. Amém.” www.catequisar.com.br/texto/oracao/maria/22.htm


02

| Informativo Unidos com Maria | Ano V | nº 44 | Junho 2015

Maria: mulher do consolo

Queridos filhos, q u e ridas filhas. No mês em que celebramos o Imaculado coração de Maria, somos convidados a nos aproximarmos do colo da Mãe. A Virgem Maria consola-nos. Ela reúne ao seu redor os filhos e as filhas que, com grandes sacrifícios, vão ao Santuário de Nossa Senhora das Brotas para olhar para a Mãe e se deixar olhar por Ela. Lá encontram a força de Deus para suportar os sofrimentos e as fadigas da vida. Vejo o exemplo de tantas pessoas que coti-

dianamente vão ao encontro da Virgem Maria e na simplicidade, na humildade passam alguns minutos, algumas horas e voltam para suas casas renovados e muitas vezes consolados. Creio que como a São Juan Diego, Maria nos oferece a carícia da sua consolação materna e diz a cada um de nós: “Não se perturbe o que tem coração, não tenhas medo. Não estou aqui eu, que sou tua Mãe”? Consolação essa que nos motiva a continuarmos nossa caminhada de fé e as nossas lutas cotidianas. Tantas mães, pais, filhos, sacerdotes, religiosos que precisam

sentir o consolo de Deus. Nossa Senhora das Brotas, consola vossos filhos e filhas, para dizermos o nosso sim com generosidade. Dê-nos a santa ousadia de buscarmos novos caminhos para que chegue a todos o dom da beleza que não se apaga. Mãe do amor e do conso-

Experiências de Fé No dia 19 de maio estava com minha sobrinha em casa. À tarde fizemos a Novena de Nossa Senhora das Brotas na Igreja. Quando a novena terminou a Rebeca foi brin-

Imagem ilustrativa.

car no barracão ao lado, tropeçou e caiu com o nariz num banco. Foi bastante grave. Na hora vi que ela tinha quebrado o nariz e fiquei desesperada. Fui até a imagem de Nossa Senhora e pedi a ela que protegesse e fomos para casa. Não sabia como falar para a mãe e me sentia culpada pelo ocorrido porque a criança estava sob meus cuidados. Os pais a levaram ao medico e pelo RX foi comprovado que havia fratura. O médico ainda falou que teria que se fazer

cirurgia. Quando soube da cirurgia, eu me dirigi a Nossa Senhora e pedi com muita fé que cuidasse da Rebeca. Assim como estava com seu filho nos braços, pedi que tomasse minha sobrinha. Dois dias depois foi constatado novamente, por RX, que o nariz da pequena Rebeca estava perfeito e não precisava de mais nada. Fora os hematomas do rosto ela estava bem. Obrigada, Nossa Senhora das Brotas. Marciane Iank Jacó

lo ajude-nos a vivermos o testemunho da comunhão, do serviço, da fé ardente e generosa, da justiça e do amor aos pobres, para que o consolo e a alegria do Evangelho cheguem até os confins da terra. Pe. Janescleo G. Souza Vigário Paroquial

Nossa Senhora em minha casa

"Obrigada minha Mãe N. Sra. das Brotas! Protegei hoje e sempre a minha Família!"

Vera Lucia Saldanha Sguario

Se você possui uma imagem de Nossa Senhora das Brotas, tire uma foto e envie para marketing@ santuariodasbrotas.com.br, que ela será divulgada na página do santuário. Pode colocar uma frase de devoção.

Envie-nos seu testemunho, pergunta ou sugestão! Escreva para: Unidos com Maria - Informativo Mensal do Santuário de Nossa Senhora das Brotas, Rua Alfredo Ribeiro de Souza, 75, Centro, Piraí do Sul, Paraná, CEP: 84.240-000. Envie e-mail para: marketing@santuariodasbrotas.com.br. Site: www. santuariodasbrotas.com.br. Fanpage: www.facebook.com.br/santuariodasbrotas. Tiragem: 1.000 exemplares. Arte e diagramação: Felipe Martins de Oliveira. Fotos desta edição: Toninho Anhaia, Vânia Bonin Reis, Luiz Carlos Pithan, Paulino, Pe. Evandro Luis Braun, Altair Bueno, Irmã Basiléa de Jesus.


Informativo Unidos com Maria | Ano V | nº 44 | Junho 2015 |

03

Nossa Senhora das Brotas

Padroeira da Rota dos Tropeiros - Parte 2 O aumento significativo de turistas que visitam o Santuário e a íntima relação com o tropeirismo fez com que, em 21 de dezembro de 1999, o Governo do Estado do Paraná instituísse Piraí do Sul como Polo Turístico Religioso e, em 2004, Nossa Senhora das Brotas fosse conclamada Padroeira da Rota dos Tropeiros, título este que perpassa os estados de São Paulo, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Atualmente muitos movimentos de tropeadas são realizados com a presença da imagem da padroeira, alguns no próprio município com registros que variam entre 800 a 1000 participantes, todos caracterizados, unindo-se à comitiva carros de boi, charretes, carroças, outros movimentos advindos de cidades vizinhas ou mesmo distantes, como a comitiva que parte da localidade de Campo Magro, Região Metropolitana de Curitiba, pela PR 090, também conhecida por Estrada do Cerne. A imagem da Padroeira da Rota dos Tropeiros está presente em diversas capelas da região, resultante das peregrinações feitas sob a forma de tropeada pelos municípios dos Campos Gerais. Não se concebe um movimento de tropeada sem ter à frente a imagem de Nossa Senhora das Brotas e os pavilhões nacional, estadual e dos municípios participantes do evento.

Diácono e Membro do grupo de tropeiros Nossa Senhora das Brotas, ao término de uma tropeada em Telêmaco Borba, PR.

Do Texto: Caracterizando o destino Turístico Religioso sem se perder a característica de Santuário. Diác. Paulo Henrique Capillé Fernandes, 2012. Comissão de Acolhida e Evangelização Santuário de Nossa Senhora das Brotas.

Nossa Senhora das Barracas Provavelmente a única Capela portuguesa de Nossa Senhora das Barracas se encontra na Freguesia de Azevedo, no Distrito de Viana do Castelo. Foi construída, em estilo barroco, nos anos de 1764. É caracterizada por uma decoração que é muito expressiva que traduz um espírito

de Igreja daquela época: uma Igreja Rica que procura se afirmar diante das ameaças do protestantismo. Atualmente esta Capela parece estar abandonada em uma ampla fazenda e não contém, no seu interior, nenhuma imagem da Virgem Maria. É difícil também de precisar a ligação desta

capela com toda a história de Nossa Senhora das Barracas presente na cidade de Lisboa – Portugal. A construção desta capela comprova que a devoção a Nossa Senhora das Barracas não é específica de um lugar de Portugal, mas esteve muito presente em pelo menos dois lugares: Viana do Castelo e Lisboa.

Fonte: freguesiasdeportugal.com

A Capela de Portugal

Capela de N. Sra. das Barracas, Freguezia de Azevedo, Portugal.


04

| Informativo Unidos com Maria | Ano V | nº 44 | Junho 2015

Aconteceu no Santuário...

Ao término do mês de Maio, houve a coroação de Nossa Senhora das Brotas. Na foto da esquerda, a coroação ocorrida no Santuário. Na foto da direita, a coroação na Igreja São José Operário.

O Almoço Comunitário do mês de Maio movimentou o Santuário no terceiro domingo.

No mês de Maio foi dado início à colocação dos meios-fios centrais no estacionamento do Santuário.

Missa da família com Maria, dia 27 de Maio, quarta-feira, no Santuário.

O grupo "Getsêmani", da Ig. Adventista, em uma tarde no Santuário.

Uma romaria da Paróquia Bom Jesus de Ponta Grossa, no dia 17 de Maio.

Batizado realizado no terceiro domingo de Maio, pelo Diácono Paulo.

O Santuário recebeu da CCR-RodoNorte uma cadeira de rodas do projeto "Lacre Solidário", para utilizar com visitantes com necessidades motoras.

Terço Luminoso, realizado todas as segundas-feiras do mês de Maio, no Caminho João Paulo II.

Funcionários da CCR Rodonorte, Iguaçu Celulose e Schoeler Suínos em visita ao Santuário visando conhecer as estruturas e projetos desenvolvidos.

Projeto Atletismo no Dia do Desafio, junto da Professora Jucinéia.

Projeto Cenáculo, com a comunidade do Tijuco Preto. Capela N. Sra. das Barracas.

Profile for Santuário de Nossa Senhora das Brotas

Informativo Unidos com Maria n. 44 - Junho 2015  

Informativo Unidos com Maria n. 44 - Junho 2015  

Advertisement