Page 1

SANTO ANTÔNIO DA PAMPULHA | WWW.SANTOANTONIODAPAMPULHA.ORG.BR

INFORMATIVO MENSAL DA PARÓQUIA SANTO ANTÔNIO DA PAMPULHA • ANO I • NÚMERO 8 • BELO HORIZONTE • DEZEMBRO DE 2009 • www.santoantoniodapampulha.org.br

“Eu anuncio para vocês a Boa Notícia, uma grande alegria para toda a humanidade: na cidade de Belém, nasceu um Salvador, que é o Messias, o Senhor!” (Lc 2, 10-11) para que elas se realizem na nossa sociedade: derrubar as injustiças, as ações poderosas que massacram os humildes e deixar que as mãos de Deus façam proezas. Devemos anunciar o Cristo que nasceu para mostrar a misericórdia de Deus, para encher de bens os famintos e trazer socorro e salvação ao seu povo. Não temos como celebrar o natal se o Menino-Deus, o JesusMessias, não nascer em nossas mentes e coração. Vamos proclamar essa alegria não somente com palavras, mas com a nossa vida, nossas atitudes, com nossos gestos.

Pe. Gleicion Adriano

Para nós cristãos é uma imensa alegria celebrar a festa do nascimento do menino Jesus. Esta é uma época em que o Espírito de Deus contagia a mente e o coração das pessoas, e percebemos uma manifestação diferente nos gestos, na partilha e na alegria dos relacionamentos. O período do Natal do Senhor é cheio de significados importantes para o amadurecimento da fé. É a manifestação de Deus encarnado na pessoa de Jesus. É o nascimento do Salvador que traz a libertação definitiva. Deus se revela de maneiras fantásticas: conforme a Sagrada Escritura o Menino Deus nasceu num lugar humilde, numa manjedoura, entre pastores e rebanho. São essas pessoas simples que receberam a chegada do Messias e que inauguram uma nova história: são pastores pobres, humildes, marginalizados, e que têm a missão de anunciar para o mundo a nova relação de convivência baseada na justiça e no amor fraterno.Portanto, o espírito do natal cristão tem essa missão

desafiadora: levar a todos os cantos da nossa sociedade a mensagem da presença de Jesus Cristo e seus ensinamentos. Um Deus Todo-poderoso, despojado das riquezas materiais e que se apresenta de forma revolucionária, entre os pobres e marginalizados, trazendo novos tempos e novos valores. Não podemos passar pelo natal do Senhor sem ser tocado pelo seu grande mistério:

momento de purificar a vida e deixar nascer em cada um de nós o gesto de partilhar, de acolher, de ser presente na vida das pessoas que amamos, de ensinar sobre atitudes justas que transformam, de acreditar numa sociedade mais fraterna que busca sempre a paz ao invés das violências. A celebração do Natal é o momento de nos alegrar e revigorar a nossa fé. Mas também de nos conscientizar das sábias palavras do cântico de Maria e lutar

Quero que chegue a cada um de vocês a bênção de Deus e a alegria de vos anunciar a grande mensagem de alegria que nossa Igreja está revivendo: Deus se fez humano em Jesus, nasceu da Virgem Maria e renasce hoje na Igreja. É Ele quem traz para todos o amor do Pai Celestial. É Ele o Salvador do mundo! Não tenham medo de abrir o seu coração e de acolhê-lo, para que o seu reino de amor e de paz se torne realidade em nosso meio. FELIZ NATAL!


SANTO ANTÔNIO DA PAMPULHA | WWW.SANTOANTONIODAPAMPULHA.ORG.BR

CRISTO, REI DO UNIVERSO! lebramos a encarnação de Deus entre nós. Para isso é necessária uma vigilância ativa a fim de perceber a salvação próxima. Portanto a Igreja nos convida a participar da Novena de Natal, onde teremos a oportunidade de vivenciar a fraternidade ao refletir entre os vizinhos os textos bíblicos, orações e gestos de irmandade e de esperança.

Ir. M. Auxiliadora, odn

“Na Igreja, no que se refere às celebrações dominicais, o ano litúrgico termina com esta festa”. Ou seja, o ciclo dos vários tempos litúrgicos existentes (tempo comum, tempo quaresmal, tempo pascal etc.) encerra-se com a celebração de Cristo Rei. É o final de uma etapa e o início de uma nova em nossa vida cristã.

Animemo-nos! Convidemos nosso vizinho, vizinha! Formemos uma grande corrente de oração e de partilha para receber o Cristo Rei e Salvador que vem ao nosso encontro para nos salvar e ajudar a outros e outras na construção do mundo novo que Ele começou!

É muito bom poder encerrar o ano litúrgico com a festa que comemora a grandeza de Jesus, Sua majestade, Sua força e Seu amor pela humanidade. Logo começaremos a preparação para comemorar Seu nascimento. Desde já sabemos que Ele é nosso Rei e Senhor.”

Que este tempo de Advento seja para cada um de nós, um novo tempo! Que nos deixemos conduzir por Cristo! Que Ele seja nosso Rei hoje e sempre!

Agora iniciamos o tempo do Seu Advento que prepara o Natal, quando ce-

Nossa Senhora da Conceição clamava. Quatro anos depois Nossa Senhora apareceu à Santa Bernadete, na cidade de Lourdes, autodenominando-se de “Imaculada Conceição”. Um milagre visto que Bernadete era uma menina pobre, e sem os recursos dos meios de comunicação atual, como saberia da proclamação do dogma?

William de Araujo Jesus

Mais do que uma festa religiosa ou feriado, o dia 08 de dezembro é solenemente festejado pela Igreja como o dia de Nossa Senhora da Conceição. A data recorda a definição do dogma da Imaculada Conceição de Maria, ou seja, Nossa Senhora foi concebida sem a mancha do pecado original. Desde os primórdios da Igreja, diversos padres defenderam a Imaculada Conceição de Maria e já no século VIII celebrava-se a festa litúrgica da concepção em 08 de dezembro, nove meses antes da festa da sua natividade. A própria Virgem, no ano de 1830, apareceu a Santa Catarina de Labouré, pedindo que se cunhasse uma medalha com a oração: “Ó Maria concebida sem pecado, rogai por nós que recorremos a vós”.

Caso interessante ocorreu em Portugal no ano de 1646 (dois séculos antes da definição do dogma). Agradecendo à Virgem pela restauração da independência de Portugal da Espanha, o rei Dom João IV declarou Nossa Senhora da Conceição Rainha e padroeira de Portugal. Somente no ano de 1854, exatamente no dia 08 de dezembro, o Papa Pio IX proclamou o dogma da Imaculada Conceição, através da Bula Ineffabilis Deus, tornando assim oficial o que a Igreja há muito tempo aspirava e pro-

Desde então, os monarcas deixaram de usar coroas, por considerarem que só a Virgem tinha esse direito. Nos quadros onde estes aparecem, a coroa está pousada ao lado.

Nossa Fé Católica

Por que a Igreja batiza crianças? A Bíblia não se refere explicitamente ao Batismo de crianças, mas narra que vários personagens pagãos professaram a fé cristã e se fizeram batizar “com toda a sua casa”: Cornélio, o centurião romano (At 10,1s.24.44.47s); a negociante Lídia, de Filipos (At 16, 14s); o carcereiro de Filipos (At 16,3133); Crispo, de Corinto (At 18,8) e a família de Estéfanas (1Cor 1,16). A expressão “casa” designava o chefe de família com toda a sua família, inclusive as crianças que, certamente, não faltavam naqueles tempos. Portanto, indiretamente, a Escritura sugere o Batismo das crianças. Desde os primeiros séculos, existem testemunhos diretos a respeito do batismo de crianças. Santo Agostinho, no século IV, considerou isso inclusive como tradição recebida dos apóstolos. Recorrendo à Sagrada Escritura e à Tradição, os Papas e Concílios intervieram, muitas vezes, para recordar aos cristãos o dever de batizar os filhos pequeninos. Os pais, quando pedem o Batismo dos filhos, desejam para eles a vida verdadeira e feliz, mas não podem garantir este dom durante todo o tempo futuro e desconhecido. Por isso, querem inserir seus filhos na vida divina. E o fazem por meio do batismo. Desta forma, tornam-se os primeiros responsáveis pela educação de seus filhos e afilhados na fé. Fonte: Nossa Fé Católica - CNBB


SANTO ANTÔNIO DA PAMPULHA | WWW.SANTOANTONIODAPAMPULHA.ORG.BR

ECOLOGIA E CIDADANIA situação é séria e necessita de intervenções no sentido de adoção de medidas que minimizem os efeitos nocivos desse aquecimento.

lucianita moraes

A Ecologia, ciência que estuda a relação dos seres vivos entre si e deles com o ambiente, vem intensificando seus estudos sobre a preservação ambiental, enfocando a relação direta entre o homem e a natureza.

É preciso que políticas públicas sejam desenvolvidas não só no âmbito global, mas em todos os locais onde o meio ambiente tem a marca humana, instruindo o cidadão comum para que ele, munido de conhecimento, possa adotar posturas ecologicamente corretas para salvaguardar todo o planeta.

Isso se justifica diante da perigosa interferência humana em seu ambiente, na busca de desenvolvimento e qualidade de vida. Com a Revolução Industrial, o mundo sofreu grandes transformações. O trabalho manual cedeu lugar à máquina, multiplicando a produção e ampliando as possibilidades científicas. A população cresceu levando à necessidade cada vez maior de produção em grande escala. Acreditando na infinita possibilidade da natureza fornecer matéria prima e absor-

ver todo resíduo produzido, a sociedade demorou muito a se dar conta de que a natureza possui recursos esgotáveis e que vem alcançando níveis preocupantes de poluição. A conseqüência mais evidente é o aquecimento global, o qual vem provocando mudanças climáticas assustadoras. Segundo especialistas, a

O homem não é um ser apartado da natureza, ao contrário, faz parte e depende dela para sobreviver. Informação e atitude constituem palavras-chave na recuperação e preservação ambiental. É preciso que todo cidadão assuma seu papel de protagonista de sua própria história no grande livro da vida, não esperando de ninguém o passo decisivo para mudar o curso da história.

O SACRAMENTO DA CRISMA PAULO e KÁTIA

Pelo Batismo nascemos e pelo Sacramento da Crisma crescemos na vida da graça. Por este sacramento, somos fortalecidos pelo Divino Espírito Santo e recebemos a maturidade da vida espiritual. Tornamonos capazes de defender a nossa fé, de vencer as tentações e procurarmos a santidade, servindo ao Senhor na Comunidade Cristã. O ministro do Sacramento da Crisma é o Bispo, pois é o pai de todos os fiéis, ou aquele sacerdote designado por ele. Durante a cerimônia, o celebrante utiliza o Santo Crisma, o óleo perfumado e abençoado na quinta-feira santa, para ungir a fronte dos crismandos, traçando o sinal da cruz e impondo-lhes as mãos sobre a cabeça. A partir desta unção, todos os

crismandos são chamados a dar continuidade à missão de Cristo. Os jovens de nossa comunidade fizeram a confirmação de seu Batismo no dia 23 de agosto às 10h da manhã. Agora cada um está procurando se engajar em uma das pastorais da paróquia para assim, dar continuidade à missão

recebida. Em breve estaremos iniciando o curso de crisma para adultos acima de 25 anos. Se você ainda não foi crismado procure a secretaria paroquial e faça sua inscrição. Que Deus abençoe a cada jovem que deu início a tão bela caminhada e aos adultos que logo começarão o curso!

PASTORAL DA COMUNICAÇÃO CARLOS PEREIRA

Nestes tempos de globalização, onde as informações circulam em altíssima velocidade, a comunicação tornou-se uma ferramenta de indiscutível utilidade. Através dela, nas suas mais variadas formas, as distâncias foram reduzidas a quase nada. A Internet está aí como prova. A Igreja, atenta a estas mudanças, também tratou de acompanhar este processo. Muito se ouvia falar sobre a distância que havia entre a Igreja e a comunidade. Quase nada era divulgado, a não ser o calendário contendo as festividades religiosas. Mas isto é muito pouco. A comunidade precisa de mais informação e integração. Pensando nisto, foram criadas as Pastorais da Comunicação que, antes de ser apenas um canal de informação entre a Paróquia e os paroquianos, também tem a importante função de agregar a comunidade em busca de objetivos comuns. É, com efeito, um veículo muito precioso à disposição de todos. Mas ela, por si só, não tem como atender às necessidades para às quais foi criada. Deve haver uma perfeita harmonia entre todos os paroquianos. Afinal, a Pastoral da Comunicação é uma conquista de todos. Com este pensamento, a Pastoral da Comunicação da Paróquia Santo Antônio da Pampulha foi criada. Seu objetivo primordial é tornar-se um instrumento capaz de agregar as diversas pastorais, movimentos e comunidades existentes. Não é simplesmente transmitir informações, mas tornar-se um importante elo entre a Igreja e a comunidade, numa convivência harmoniosa e frutífera. Com este pensamento e com a graça de Deus, fica a certeza de que este objetivo tem sido alcançado, pois nenhum trabalho propicia os resultados esperados, se não houver uma efetiva participação e integração de todos os envolvidos.


SANTO ANTÔNIO DA PAMPULHA | WWW.SANTOANTONIODAPAMPULHA.ORG.BR

ACONTECEU NA PARÓQUIA

1

2

3

4

Programação Paroquial de Dezembro 05

Sábado

14h15min

06

Domingo

10 horas

07

Segunda

08 10

Terça Quinta

11

Sexta

13 14

Domingo Segunda

17

Quinta

18 20 21 22 24

Sexta Domingo Segunda Terça Quinta

25

Sexta

18 horas

28

Segunda

20 horas

29 31 01 02

Terça Quinta Sexta Sábado

15 horas 20 horas 18 horas 14h15min

15 horas 20 horas 18 horas 20 horas 20 horas 22 horas 20 horas 15 horas 20 horas 20 horas 20 horas 15 horas 20 horas

Preparação para o Batismo II Domingo do Advento - Domingo da Família/Caridade 1ª Eucaristia na Paróquia Batizados Adoração e Missa de Cura Terço dos Homens (CPSA) Feriado - Missa Imaculada Conceição Grupo de Oração Reunião da Intercessão Adoração Boa Viagem III Domingo do Advento - Domingo da Acolhida Terço dos Homens (CPSA) Terço da Misericórdia Grupo de Oração Reunião da Intercessão IV Domingo do Advento - Domingo do Dízimo Terço dos Homens (CPSA) Sagrada Face Natal do Senhor Missa do Natal do Senhor Confraternização do Clero Terço dos Homens (CPSA) Sagrada Face Ação de Graças Missa Maria Mãe de Deus Preparação para o Batismo (CPSA)

Receita do Padre

Strogonoff de BIS 5

6

7 FOTO 01 - Adoração do Santíssimo na Igreja da Boa Viagem feita pela comunidade. FOTO 02 - Almoço no curso de noivos | FOTO 03 - Coral Infantil FOTO 04 - Apresentação Maria Mãe Menina FOTO 05 - Aniversário de ordenação do Pe. Gleicion FOTO 06 - Membros do Curso Alpha FOTO FOTO 07 - Confraternização final do Curso Alpha

INGREDIENTES • 1 lata de 800gr de doce de leite com chocolate; • 3 caixas de 200gr de creme de leite; • 2 pacotes de 140gr de BIS (branco e tradicional); MODO DE FAZER Misture o doce de leite com creme de leite até ficar homogêneo. Corte os pacotes de BIS (branco e tradicional) em pedaços a gosto. Misture metade de cada pacote de BIS ao creme fazendo assim o Strogonoff e coloque para gelar por duas horas. Reserve a outra metade dos pacotes de BIS pica-

dos. Sirva o Strogonoff de BIS acompanhado do restante do BIS.

EXPEDIENTE - Paróquia Santo Antonio da Pampulha - Pça. Santo Antônio no 02 – Jaraguá - BH - MG | Telefax (31) 3427-2866 | Secretaria Paroquial: de 3ªa 6ª, de 8h às 11h e de 14h às 19h. Sábados de 16h às 19h | Missas: 3ª a 6ª às 19h. Sábados 18h. Domingos 8h e 18h | Pároco: Pe. Gleicion Adriano da silva. Atendimento do Pároco: 3ª a 6ª, de15h às 18h | Equipe de Comunicação: : Andréa C. Barbosa, Joaquim N. Barbosa, Cristina dos Santos, Carlos Eduardo, Lucianita Moraes, Carlos Pereira, Denise Duarte, Weber Duarte, Washington Oliveira, Willian de Araujo Jesus, Eloísa Guimaraes | Impressão: Ação Editora / Tiragem: 3.000 exemplares | santoantonio.comunicacao@hotmail.com

Informativo Mensal - Ano I - Nº 8 - Dezembro 2009  

Informativo Mensal da Paróquia Santo Antônio da Pampulha

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you