Page 1

LIVRARIA DA VILA


UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA FACULDADE DE ARQUITETURA E URBANISMO E DESIGN - FAUED ATELIER DE ESPAÇOS COMERCIAIS - ESTÉTICA DOCENTE: SIMONE VILLA DISCENTE: LARISSA SALUSTIANO

_estudo marca

produto cliente


_id A Livraria da Vila foi fundada em 1985 no bairro da Vila Madalena pelo casal Aldo Bocchini e Miriam Gouvea. Para entender o contexto da loja, se faz necessário o entendimento do entorno. Uma das características mais pitorescas do bairro é o nome de suas ruas. São nomes líricos como: Paulistânia, Harmonia, Girassol, Purpurina, Wisard e Original. Segundo historiadores, as ruas foram batizadas por sugestão de estudantes, participantes do movimento anarquista. A adoção de nomes poéticos tinha a intenção de quebrar a tradição urbana de homenagear autoridades públicas. Hoje, o bairro abriga uma concentração de ateliês, lojas de vanguarda, escolas de música e teatro que também fazem a cara do lugar.


_logo


Consolidar um grupo que faz questão de dormir com o livro sobre si, tocá-lo de forma material é a principal premissa do lugar. As lojas da Livraria da Vila são verdadeiros pontos de encontro, lugar de gente que gosta de um bom papo, de dicas interessantes de leitura ou, simplesmente, de não fazer nada. Tornouse um pólo cultural. Para entender como o nicho de mercado é atingido, vejamos os produtos oferecidos pela livraria, mídia utilizada e contexto social da localização das lojas.


_produtos


_inter face digital

aspectos observados: ausência de menus de busca, pesquisa de preço, games e afins.


Lojas de Rua Fradique Coutinho: Rua Fradique Coutinho, 915 Lorena: Alameda Lorena, 1731 (11) 3062-1063 Moema: Av. Moema, 493 (11) 5052-3540 Lojas de Shopping P谩tio Higien贸polis: Av. Higien贸polis, 618 Jk Iguatemi: Av. Juscelino Kubitschek, 2041 Galleria - Campinas: Rod. Dom Pedro I, S/ N潞


Os projetos para a Livraria da Vila livrarias têm sido desenvolvidos a partir de uma idéia central, o que ajudou a definir o caráter da marca / comercial local, bem como um método de trabalho: durante o desenvolvimento de uma série de elementos de identidade forte, que se esforçou para enfrentar os desafios específicos em cada novo projeto - a maioria relacionada com a sua localização - e criar algo novo a partir de um conceito estabelecido.

FRADIQUE


BATEL

MOEMA

ITAIM


O elemento mais marcante da Livraria foi desenvolvido a partir da menor unidade: o livro. Eles dominam os espaços, são empilhados em pedaços de móveis e até mesmo no próprio chão. As prateleiras abraçam o leitor, o convida a explorar os livros e o local, da mesma forma e humor que as velhas livrarias e sebos o fazem. Feitas de madeira escura, cobrem as paredes, dividem espaços e tornam-se vitrines pivotantes e portas de entrada das lojas.

CIDADE JARDIM

LORENA


detalhamento do forro colmĂŠia C15 REFLEX

CIDADE JARDIM


CIDADE JARDIM


Prateleiras com linhas paralelas e sinalização limpa em contraste com a concentração de livros.

IGUATEMI


LORENA

orientação luminotécnica


fechada aberta

LORENA

forma segue função.


LORENA

orintação de composição da forma


p a ra a l é m d o s l i v ro s. . . Atualmente, a rede cresceu e ganhou áreas par vendas de CD e DVD, sempre na mesma proposta, além do café e do auditório. A programação, contudo, é, “99,9% vinculada à literatura, ao cinema e à música; e, desses 99,9%, 97% à literatura. ” Foi preciso um ano de insistência, somado aos trabalhos de divulgação, para consolidar o público dos eventos“. A participação da Livraria da Vila como livraria oficial da Flip-Festa Literária de Paraty, desde 2004, foi outro importante reforço para a marca.


user experience varejista

cliente


_alguns produtos

Obs.: como citado anteriormente, a ausĂŞncia de menus de busca no site disponibiliza apenas os produtos da pĂĄgina inicial.

Estudo de caso LIVRARIA DA VILA  

Material desenvolvido para a disciplina Ateliê de Estética / Curso de Design / Universidade Federal de Uberlândia

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you