Page 1

05 de junho de 2013

Página 5

CIÊNCIA Saiba + : Quais são as Saiba + : Por quê? outras evidências que o Eberlin - Duas coisas fazem ser contra o evo- colidindo se espatifam, lucionismo? nunca não se grudam. Eberlin - Na ciência, a Imagine duas pedras gente se baseia em evi- congeladas: batem, aquedências. O método cien- cem, fundem, grudam e tífico nos fala pra avaliar as duas se juntam. Isso os dados. O registro fós- nunca aconteceria, tosil de cabo a rabo é con- das as simulações, todos tra a evolução. Não tem os processos físicos são nenhuma forma gradual contra, mas esse é o molenta, não tem nenhum delo pelo qual se explica registro das “É muito mais fácil formas transicionais, da você fazer um evolução lenhomem do barro” ta, gradual e sucessiva, não tem. Os elos perdidos são os grandes o surgimento do planeta fiascos da evolução, to- Terra, porque pequenos dos os elos perdidos entre fragmentos de rocha coo homem e o macaco ou lidem, se fundem e grueram falsos ou eram fu- dam para formar o plarados. Aquele pássaro lá neta. Aí o planeta Terra é que diziam Pterodáctilo... rochoso perto do sol, não Aquilo é um réptil que tem como explicar isso... tinha penugem? Nunca Tem água no planeta Teraquilo foi provado. ra. Saiba + : Mas por que essa ainda é a visão vigente e mais aceita na comunidade científica? Eberlin - Porque isso é proibido. É proibido discordar do paradigma. Você pode modificar o paradigma, mas nunca discordar dele. É um impacto, né? Isso não existe em ciência, é o sobrenatural que formou esse universo e acabou. Pense na formação do Planeta Terra: formou-se uma poeirinha, a poeirinha começou a se juntar, as pedrinhas vão aumentando e aí uma rocha bate com a outra, aquece, funde e aumenta de tamanho. Nunca, jamais isso aconteceria, jamais.

Saiba + : Você acredita em Deus, acredita na criação do Universo, na Genêsis? Eberlin - Mas aí eu estou falando como cientista, eu não vou discutir isso. Saiba + : Você não tem um ponto de vista? Eberlin - É obvio que eu acredito. Eu sou o mais maluco beleza que você pode imaginar. Eu sou um criacionista. Isso, do ponto de vista filosófico e teológico. Agora, como cientista, eu não posso dizer. Saiba + : E a teoria criacionista? Há alguma forma de comprovar os fatos registrados

na Bíblia? Eberlin - Não tem como você comprovar isso, a costela de Adão não. É óbvio que a Bíblia tem várias colocações que podem e são comprovadas pela ciência. Mas tem muita coisa na Bíblia que não é, nem será. Então o cara fala: “o criacionismo cientifico”. Eu acho isso um absurdo, na realidade, porque o criacionismo é muito maior do que a ciência e ele transcende a ciência. Na verdade, a gente quer pegar uma coisa limitada, extremamente falha, feita por homens, que é a ciência, que só tem o método científico para trabalhar, só consegue lidar com experimentos que são reprodutíveis em laboratório, quando não faz experimento ela só pode fazer inferências, não tira conclusão nenhuma. E o que nós fazemos? A gente quer pegar essa coisa limitada e jogar o criacionismo bíblico lá dentro. É um absurdo, porque o criacionismo é muito maior e mais amplo e muito mais importante e abrangente do que a ciência.

ro. Por que o que tem no muito mais do que forbarro? Água, nós somos ça, energia e matéria 80% de água. Sais, nós nesse universo. temos. Matéria orgânica, temos. O sopro da vida Saiba + : Por ser uma é o quê? CO2, carbono. minoria no meio cienSe há descrições absurtífico que acredita na das sobre o surgimento Teoria do Design Indo mundo, o barro é o teligente, você se se menos absurdo. Agora, sente pressionado? essas são as minhas posiEberlin - O que a gente ções filosóficas e teológifala hoje, como defencas. Quando eu abro meu sores da teoria, é que lado bíblico, ele bate com é tão forte a evidência a ciência de que que eu há uma “O criacionismo é conheço. muito maior do que a m e n t e Agora, inteliciência” eu provo gente que foi por trás feito do de tudo barro? Absolutamente que, sabendo do pacto não. que a academia fez, sabendo do risco que Saiba + : Há um grua gente tem de expor po de cientistas no País a nossa carreira cienque enviou uma carta tífica defendendo isso, à Academia Brasileimesmo assim a gente ra de Ciências pedindo está dando a cara para medidas que freassem bater. Por que fizemos a atuação de visões reisso? Por que cientistas trógradas, se referindo academicamente bem à sua atuação e à Teoria estabelecidos, já comdo Design Inteligente. sua carreira formada e Como essa polêmica tudo mais, que seriam surgiu? recebidos de braços Eberlin - Antes de tudo, abertos pela academia é importante entender a se assinassem o pacto, estratégia do outro lado mesmo assim põem a pra derrubar a teoria do sua carreira em risco, ser intesua vida em jogo? Os ligente. caras mandam demiSaiba “Antes de tudo, é Com o tir, caçam, mandam + : E importante entender Ilumimanifestos anônimos, quanto a estratégia do outro n i s m o , cancelam palestras. à narqualMesmo com tudo isso, rativa lado pra derrubar a q u e r a gente diz “não eu bíblica teoria do ser coisa vou defender a teoria”, do Gêinteligente” que é porque a força dos danesis? fora de dos é estúpida. Eberlin energia, Eu me recuso, como - Eu já cientista, a fechar falei que acredito que o matéria e força, é obsmeus olhos para uma homem foi feito de barro. cura, é medieval, é igavalanche imensa de É muito mais fácil você norância, é tudo. Então, dados que mostram fazer um homem do bar- qualquer coisa que atrele para o sobrenatural, qualque sim, foi uma menquer explicação que apete inteligente. le para o sobrenatural é O que me preocupa ignorância. nisso, na realidade, não Isso foi falado no Ilumié que eu possa ou não nismo. E aí o que é que a sofrer por causa disso. ciência fez? Ela fechou a Preocupa-me a forma questão. Esse é o grande como a discussão está problema hoje da ciênsendo conduzida, pois cia. Na realidade, a gennão há debate, apenas te disse que ia explicar a contestação de um tudo com força, energia grupo que se recusa a e matéria. E hoje a gensentar e discutir com te descobre que não, que base em uma boa arguinfelizmente não. Existe mentação.

Para Eberlin, o argumento da criação a partir do barro é mais plausível

Pág 5  
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you