Page 1

Boletim paroquial  Calhariz de Benfica

07 Outubro 2019

Nº 1.139

Av. Conselheiro Barjona de Freitas, 12 – 1500-204 LISBOA Tel. 217 740 463; Site: http://paroquiafamilia.net E-mail: paroqsgfm@gmail.com Director: Frei António Martins - Pároco

Catequese: Lugar de Encontro? Na nossa vida cristã onde nos “encontramos”? Nas eucaristias dominicais, na celebração dos vários Sacramentos ao longo da nossa vida e da vida da nossa família. De facto, há muitas outras oportunidades de nos encontrarmos como cristãos. Relembremos que Jesus nos disse «Pois, onde estiverem dois ou três reunidos em meu nome, Eu estou no meio deles.» (Mt 18, 20). A catequese paroquial é, sem dúvida, uma forma de nos encontrarmos com Cristo. Se, antigamente se falava da “lição de catequese” ou de “ir à doutrina” como quem falava em ir à escola e ter umas lições, hoje em dia, e cada vez mais, esta imagem está completamente ultrapassada. A catequese não é um lugar onde “aprendem algumas coisas” sobre Jesus ou sobre Deus. A catequese é o lugar onde nos encontramos com Jesus. O catequista e o seu grupo percorrem um caminho juntos na fé. Ao longo do tempo, esta fé vai crescendo em cada um dos membros do grupo, mas também no catequista. O papel do catequista é guiar o grupo e cada um dos seus membros na caminhada que é o projeto que Deus tem para cada um de nós. Segundo São João Paulo II, na sua exortação apostólica Catequese para Hoje, «a Comunidade Cristã é a origem, o lugar e a meta da catequese». De facto, a catequese tem de levar os catequizandos a integrarem-se na comunidade cristã uma vez que é principalmente na Igreja que se dá o encontro com Jesus Cristo. Este “ENCONTRO” dá-se na Palavra de Deus, na Liturgia, mas, em especial, na Eucaristia e nos Sacramentos assim como na prática da caridade. Deste modo, teremos de trabalhar mais e cada vez melhor para que a catequese seja facilitadora deste encontro com Jesus Cristo, encontro este que é imprescindível para o acolhimento e anúncio do Seu Evangelho.

Cecília Perdigão Coordenadora da Catequese Paroquial


DOMINGO XXVIII DO TEMPO COMUM LEITURA I (2 Reis 5, 14-17) Naqueles dias, o general sírio Naamã desceu ao Jordão e aí mergulhou sete vezes, como lhe mandara Eliseu, o homem de Deus. A sua carne tornou-se tenra como a de uma criança e ficou purificado da lepra. Naamã foi ter novamente com o homem de Deus, acompanhado de toda a sua comitiva. Ao chegar diante dele, exclamou: «Agora reconheço que em toda a terra não há outro Deus senão o de Israel. Peço-te que aceites um presente deste teu servo». Eliseu respondeu-lhe: «Pela vida do Senhor que eu sirvo, nada aceitarei». E apesar das insistências, ele recusou. Disse então Naamã: «Se não aceitas, permite ao menos que se dê a este teu servo uma porção de terra para um altar, tanto quanto possa carregar uma parelha de mulas, porque o teu servo nunca mais há-de oferecer holocausto ou sacrifício a quaisquer outros deuses, mas apenas ao Senhor, Deus de Israel». Palavra do Senhor

LEITURA II (2 Tim 2, 8-13) Caríssimo: Lembra-te de que Jesus Cristo, descendente de David, ressuscitou dos mortos, segundo o meu Evangelho, pelo qual eu sofro, até ao ponto de estar preso a estas cadeias como um malfeitor. Mas a palavra de Deus não está encadeada. Por isso, tudo suporto por causa dos eleitos, para que obtenham a salvação que está em Cristo Jesus, com a glória eterna. É digna de fé esta palavra: Se morremos com Cristo, também com Ele viveremos; se sofremos com Cristo, também com Ele reinaremos; se O negarmos, também Ele nos negará; se Lhe formos infiéis, Ele permanece fiel, porque não pode negar-Se a Si mesmo. Palavra do Senhor ALELUIA (cf.1 Tes 5, 18) Em todo o tempo e lugar dai graças a Deus, porque esta é a sua vontade a vosso respeito em Cristo Jesus. EVANGELHO (Lc 17, 11-19) Naquele tempo, indo Jesus a caminho de Jerusalém, passava entre a Samaria e a Galileia. Ao entrar numa povoação, vieram ao seu encontro dez leprosos. Conservando-se a distância, disseram em alta voz: «Jesus, Mestre, tem compaixão de nós». Ao vê-los, Jesus disse-lhes: «Ide mostrar-vos aos sacerdotes». E sucedeu que no caminho ficaram limpos da lepra. Um deles, ao ver-se curado, voltou atrás, glorificando a Deus em alta voz, e prostrou-se de rosto em terra aos pés de Jesus, para Lhe agradecer. Era um samaritano. Jesus, tomando a palavra, disse: «Não foram dez os que ficaram curados? Onde estão os outros nove? Não se encontrou quem voltasse para dar glória a Deus senão este estrangeiro?». E disse ao homem: «Levanta-te e segue o teu caminho; a tua fé te salvou». Palavra da Salvação

Diante dos povos manifestou Deus a salvação. (Salmo 97)


O NOSSO CENTO SOCIAL-PAROQUIAL O Centro Social Paroquial do Calhariz de Benfica, assume parte da ação socio caritativa da Paróquia da Sagrada Família do Calhariz de Benfica, e em conjunto com protocolos com a Segurança Social e Ministério da Educação, oferece respostas sociais na área da infância e 3ª idade. Com uma equipa de 31 colaboradores e uma Direção composta por 5 voluntários, o Centro Social tem em funcionamento uma resposta social de apoio à infância na valência de Creche com 42 crianças e Jardim de Infância com 69 crianças, podendo assim apoiar as famílias com crianças entre os 4 meses e a entrada no 1º ciclo de escolaridade. Na resposta social de apoio a idosos, dispomos da valência de Centro de Dia para 15 idosos e de Serviço de Apoio Domiciliário para 50 idosos. Este apoio permite que as pessoas a quem a doença e a idade vão somando limitações, fragilidades e dependências, possam permanecer no seu espaço familiar o máximo tempo possível, ou apenas ultrapassar uma situação de limitação temporária que os impede de ser autónomos e independentes como acontece nas recuperações de intervenções cirúrgicas. Todos os pagamentos por serviços prestados, são calculados em função do rendimento de quem os solicita, tanto na área da infância como na área da 3ª idade. Porque queremos ser uma instituição aberta à comunidade, temos a funcionar duas vezes por semana aulas de TAI-CHI que podem ser frequentadas por paroquianos, bem como aulas de pintura e artes decorativas. Quase a completar 26 anos de existência, continuamos atentos às necessidades das famílias e a trabalhar para corresponder às expectativas daqueles que nos procuram. Drª Eduarda Brás Técnica de Serviço Social


LEITURAS DA SEMANA XXVIII DO TEMPO COMUM (Semana IVSaltério) DIA 2ª Feira (14 Out) 3ª Feira (15 Out) 4ªFeira (16 Out) 5ª Feira (17 Out) 6ªFeira (18 Out) Sábado (19 Out ) DOMINGO 20

1ª LEITURA SAL Rom 1, 1-7 97 Rom 1, 16-25 18A Rom 2, 1-11 615 Rom 3, 21-30a 129 2 Tim 4, 9-17b 144 Rom 4, 13. 16-18 104 L1 Ex 17, 8-13 | Sal 120

EVANGELHO FESTA Lc 11, 29-32 S. Calisto Lc 11, 37-41 S. Teresa de Jesus Lc 11, 42-46 S. Hediges; S Margarida Maria Lc 11, 47-54 S. Inácio de Antioquia Lc 10, 1-9 S. Lucas Evangelista Lc 12, 8-12 S. Pedro de Alcântara | L2 2 Tim 3, 14-4,2 | Ev Lc 18, 1-8

VIDA PAROQUIAL HORÁRIO DAS MISSAS 2ªF a Sábado: 8h, 1 2h e 19h Domingo: 10h; 12h; 19h Celebração Palavra (C. Social) 3ª Feira e 4ª Feira: 21h30 CONFISSÕES 2ª a 6ª Feira - 30 min. Antes Missas

RECEÇÃO DA PARÓQUIA 2ª a Sábado 10h00 às 12h00 e 15h30 às 19h00 Domingo 9h00 às 12h00 e 17h30 às 19h00 CARTÓRIO PAROQUIAL 1ºAndar Dto 3ª a 6ª Feira – 16h00 às 18h00 BAR PAROQUIAL VICENTINO

Abre brevemente.... ACONTECE NA PARÓQUIA Segunda-Feira 21h00 - Gr.Biblico Sta Clara Assis (15/15 dias)

Quarta-Feira 15h30 – Gr. Bíbl. Sto António 17h30 – G. B. S. Francisco Assis 18h/20h – Atend./Acolhiento Social Quinta-feira 10h/11h - Atend./Acolhiento Social 19h00 – Vésp/Exp. SS Sacramento VICENTINOS (15/15 dias) 3ª Fª – 15h - S. João XXIII 6ª Fª – 21h - S. Francisco Assis

CATEQUESE

Domingo – 1º, 2º, 3º 4º (na paróquia) às 17h30 e 5º, 6º, 8º (Centro Social) 2ºF–3º(18h), 5º/9º(19h) e 7º (19h15) 3ºF – 8º ano (19h) 4ºF- 1º/2º (18h30), 4º (18h e 6º(19h) Sábado - 10º às 10h00 (na paróquia)

ROSÁRIO 2ª a 6ª Feira às 18h30

“UM DIA COM A VIRGEM MARIA” Como anunciamos, este domingo é dedicado à Virgem Peregrina que nos visita este dia 13. O Programa preparado vai desde as 09h30 até às 20h30 e engloba a celebração das eucaristias dominicais onde se integrarão a Consagração das Famílias e da Paróquia; a Imposição do Escapulário de Maria, a Recitação solene do Terço e diversas Meditações Marianas. Estarão connosco a ajudar-nos os “Missionários de Maria”.

OUTUBRO - MÊS MISSIONÁRIO DAS MISSÕES Há muitos anos que a Igreja dedica o 3º domingo de outubro como o DIA MUNDIAL DAS MISSÕES: Este ano coincide com o encerramento dum ano inteiro dedicado a esta dimensão essencial da vida da Igreja: cumprir o mandato missionário que o Seu Fundador lhe incumbiu: “IDE, ENSINAI E BATIZAI”. O Grupo de Ação Missionária (GAM) da Paróquia, promove uma tarde de oração missionária. Será no próximo sábado, dia 19. Começa às 17h00 com exposição do Santíssimo e o cântico de vésperas. Segue-se a solenização do Terço Missionário e conclui com a Eucaristia das 19h00. No final da celebração, haverá um convívio no salão do 1º andar com jantar partilhado e um PowerPoint missionário… PARTICIPE!

INSCRIÇÕES PARA O CRISMA Durante o decorrer deste ano pastoral (no dia 2 de fevereiro de 2020) teremos a celebração do Sacramento do CRISMA na Paróquia. Os Jovens e Adultos que ainda não estão crismados e queiram fazê-lo, devem inscrever-se na Receção.

Brevemente começarão as preparação dos crismandos.

sessões

de

Profile for Sagrada Família

Boletim paroquial nº 1139 (13 de Outubro 2019)  

Boletim paroquial nº 1139 (13 de Outubro 2019)  

Advertisement