Page 1

Janeiro de 2019 Ano 12- Nº 135

www.maiorde60.com.br

A psicóloga Lidiane Andreza Klein, em seu artigo este mês, fala sobre a sexualidade do idoso Página 3

Associação dos Trabalhadores Aposentados e Pensionistas de Novo Hamburgo Página 4 e 5

Dia do Aposentado: temos o que comemorar? Só para ilustrar: Quem depende de aluguel e pagou em janeiro de 2018, R$ 954,00 (salário mínimo), terá um reajuste de 7,55%, ou seja, passará a pagar a partir deste mês R$ 1.026,05*. (*) http://calculoexato.com.br

Isto fere a dignidade humana, falta política séria aos idosos, que são obrigados a ouvir que a reforma da Previdência combaterá privilégios. Que privilégios são estes? O aposentado no Brasil é mais um reflexo do descaso da classe política para com os cidadãos. Por outro lado, esta batalha não é só do aposentado de hoje, mas daqueles que pretendem, um dia, desfrutar do seu direito, pois contribuem mensalmente para isto. Para aqueles que estão quase lá, é justo mudar as regras do jogo duNo dia 24 de janeiro comemora-se o Dia do Aposentado no país. Apesar de ser uma data importante, não se rante a partida? tem muito o que comemorar. Será que jovens que estão entranMal começou o ano e os aposentados brasileiros já sofreram mais um revés, com o reajuste do salário mínimo do no mercado de trabalho agora, abaixo dos R$ 1.006,00 propostos anteriormente. conseguirão se aposentar um dia? Hoje, cerca de 70% dos aposentados do INSS recebem a faixa salarial mínima no país e, apesar do Governo Será que ainda terão saúde para Federal agir conforme a legislação, não é justo ou razoável para com cerca de 30 milhões de aposentados. desfrutá-la? Aposentados que recebem o salário mínimo e não conseguem se sustentar com esse dinheiro, precisam recorSerá? rer à família ou vivem em situação de miserabilidade. Será? Este reajuste, na prática, não compensa o aumento, dos alimentos e medicamentos que o idoso tem de arcar. Será?


2 | JANEIRO DE 2019 | MAIOR DE 60

OPINIÃO

O triplo filtro de Sócrates

O gue du zápe?

Na Grécia Antiga, Sócrates detinha uma alta reputação e era muito estimado pelo seu elevado conhecimento. Um dia, um conhecido do grande filósofo aproximou-se dele e disse: – “Sócrates, sabe o que eu acabei de ouvir acerca daquele teu amigo?”

Fesdêchos te fín te ãno! Cumôia! Máin Cott! Ônte vômo bará? Dô checãndo no limít! Zín, eu zêi gue o ãno mál gomezô e eu chá dô chincãndo...Máis ísdo zê refere ao final te tôis mil e tsôido. Na vertáde ísdo zê rebéte dôtos os ãno: gorería, gômo zê o múnto fôs agapá. E brá múidos abrezatínho acapô mesmo, no montôn te azitênd nas esdráta. Taí vên a guestôn tos foquêt! Alquén bóde me espliquíra a foquetãma no Nadál? Dên esblicassôn ô é zó a logúra cheneralissáda gue gáda vêiz aumênda máiz? No tía drinda e um chá gomézan timanhã... esbalhãnto mêto e aflissôn em pícho e bezôa. Alquén me esblíc o brassêr gue ísdo broborziona?

É o chêido mais rábit te castá tinhêro: um zecúndo e chlúp, lá zê foram tessênas te real. E bor guê nôn cóstan tos fogo te artifís? Túra máiz dêmbo, é múido ponído, tá brá fotocrafíra e non fáiz parúlho, uma vêiz. E brá êsde ãno eu cosdaria gue as bezôa cuidás máiz da bróbria víta, dipo azín:

O que dú “zápe” bor derzêro, du nôn zápe. O gue du “zápe” borgue benzô, du non zápe. O gue du “zápe” borgue ovíu falá, du non zápe!" Endôn é ísdo, menos tivulcassôn to gue a chênde non zápe, melhora as relazôn gon o múnto à dua vólda e gonzeguentemêt, o deu chúndo!

CLOSSÁRIO Abrezatínho apressadinhos Acapô - acabou Artifís - artifício Azitênd - acidentes Bará - parar Benzô - pensou Checãndo - chegando Cheneralissáda - generalizada Chincãndo - xingando Chúndo - junto Cosdaria - gostaria

Cóstan - gostam Cuidás - cuidassem Cumôia - bom dia Derzêro - terceiro Dôtos - todos Drinda - trinta Dua - tua Esblíc - explica Esblicassôn explicação Esdráta - estrada Espliquíra - explicar Fesdêchos - festejos

Foquêt - foguetes Fôs - fosse Fotocrafíra - fotografar Gáda - cada Gomezô - começou Gorería - correria Guestôn - questão Logúra - loucura Máin Cott Meu Deus Mêto - medo Montôn - montão Múnto - mundo

Ônte - onde Rábit - rápido Rebéte - repete Relazôn - relação Tessênas - dezenas Tivulcassôn divulgação Tsôido - dezoito Túra - dura Vólda - volta Vômo - vamos Zápe - sabe Zecúndo - segundos

Jornal Maior de 60 - CNPJ: 27.950.751/0001-25 - Inscrição Municipal: 9867 Av. Presidente Lucena, 1746 - 93900-000 - Ivoti - RS - Fone: 51. 99400.9911 Diretora geral: Sandra Carvalho de Alcantara - Comercial: Gilberto R. Winter - Fone: 51.98456.4614 Jornalista Responsável: Rafael Geyger - MTb/RS: 12397 saberviver3@gmail.com | www.maiorde60.com.br - facebook.com/maiorde60 Retire seu exemplar gratuitamente em Novo Hamburgo: Tabacaria do Junka Em São Leopoldo: Tabacaria Central Os artigos assinados são de inteira responsabilidade de seus autores

– “Espera um minuto”, respondeu Sócrates, “Antes que me digas alguma coisa, gostaria de te fazer um teste. Chamase o “Teste do Filtro Triplo.” – “Filtro Triplo?” – “Sim”, continuou Sócrates, “Antes que me fales do meu amigo, talvez fosse uma boa ideia parar um momento e filtrar aquilo que vais dizer. Por isso é que eu lhe chamei o Filtro Triplo.” E continuou: “O primeiro filtro é a VERDADE. Tens a certeza absoluta de que aquilo que me vais dizer é perfeitamente verdadeiro?

– “Não”, disse o homem “o que acontece é que eu ouvi dizer que…” – “Então”, diz Sócrates, ”não sabes se é verdade. Passemos ao segundo filtro, que é BONDADE. O que me vais dizer sobre o meu amigo é BOM?” – “Não, muito pelo contrário.” – “Então", continuou Sócrates, “queres dizer-me algo mau sobre ele e ainda por cima nem sabes se é ou não verdadeiro. Mas, bem, pode ser que ainda passes o terceiro filtro. O último filtro é UTILIDADE. O que me vais dizer sobre o meu amigo será útil para mim?” – “Não, acho que não…” – “Bem, se o que me dirás não é nem bom, nem útil e muito menos verdadeiro, para quê dizer-me?” Concluiu Sócrates. (Autor Desconhecido)


MAIOR DE 60 | JANEIRO DE 2019 | 3

SAÚDE

Envelhecimento e sexualidade Lidiane Andreza Klein Psicóloga - CRP07/22872

No artigo deste mês vamos falar sobre sexualidade do idoso. Ano passado realizei palestras e rodas de conversa sobre o tema e confesso que foram trocas bem legais. Não só transmiti meu conhecimento como também aprendi muito, o público inicialmente tímido ia se soltando e fazendo seus questionamentos, com muitas dúvidas sobre o tema. Sabemos que falar de sexo no envelhecimento ainda é um tabu, mas precisamos trazer este assunto à tona, conversar e esclarecer dúvidas, pois cada vez mais os idosos estão sexualmente ativos. Considero importante a psicoeducação do idoso quanto à sua sexualidade, para que ele possa ter a concepção correta do que ocorre nesta fase (mudanças físicas e emocionais), sem ser repelido e sem ter vergonha disto; desmistificando que a sexualidade é privilégio apenas das pessoas mais jovens, e principalmente trabalhando em cima da prevenção de DSTs (doenças sexualmente transmissíveis), tendo em vista o crescente aumento de casos nesta faixa etária.

Mas o que é sexualidade? A Organização Mundial da Saúde (OMS) define sexualidade como “uma energia que nos motiva para encontrar amor, contato, ternura e intimidade; ela integra-se no modo como sentimos, movemos, tocamos e somos tocados. A sexualidade influencia pensamentos, sentimentos, ações e interações e, por isso, influencia também a nossa saúde física e mental”. A sexualidade possui várias formas de manifestação, incluindo: afeto, abraços, carícias, beijos, amor, carinho e contato. Erroneamente as pessoas relacionam a sexualidade com o ato sexual em si, mas ele é só uma parte. Não é a idade que determina a ausência do desejo e, muito menos, a ausência ou a presença de relações sexuais mesmo, que estas possam ser inscritas na velhice sob tecidos diferentes daqueles encontrados na adolescência e na vida adulta. A sexualidade do idoso pode encontrar caminhos inéditos nos quais o desejo, que não morre, encontra outras maneiras de inscrição. Como em qualquer outra idade, na velhice a pessoa também sente o desejo de amar, de se sentir amado, de continuar sendo objeto de atenção e afeto. Quando uma pessoa idosa apresenta queixas sexuais, é essencial esclarecer se a mudança é parte do processo normal de envelhecimento, ou se é devido a algum acometimento relacionado com a idade. Um profissional especializado poderá auxiliar neste diagnóstico. São vários os fatores que podem interferir na sexualidade do idoso, como: problemas emocionais (depressão, ansiedade, estresse, luto-viuvez), medicamentos, doenças degenerativas, baixa auto-estima, vergonha, sentimento de culpa, mudança corporal, entre outros problemas clínicos. É importante que a pessoa idosa leve estas questões para a consulta médica e não tenha vergonha de expor sua situação. O profissional não irá te julgar, mas só poderá te auxiliar se souber das tuas questões.

Estudos alertam para o aumento de DSTs entre idosos!! Segundo os últimos dados do Ministério da Saúde, cerca de 4% a 5% da população acima de 65 anos são portadores do vírus HIV, um aumento de aproximadamente 103%. Os homens e mulheres na terceira idade estão fazendo sexo sem prevenção e se contaminando com o vírus da AIDS e outras DSTs. O aumento das DSTs está diretamente relacionado à ausência do uso de preservativos. O homem mais velho tem mais dificuldade de aceitar o uso do preservativo, porque ele associa isso à sua juventude, quando não se usava muito a camisinha e as DSTs ainda não eram propagadas. Porém, o melhor caminho para prevenir e frear infecções sexualmente transmissíveis é lembrar daquele famoso conselho: use camisinha, não tem outra forma! Vale lembrar que o sexo seguro e consciente traz diversos benefícios, servindo como forma de fazer exercício físico, queima gorduras e libera endorfinas, aumenta a auto-estima e a sensação de bem-estar. Para as mulheres, mantém e fortalece as secreções e paredes vaginais, nos homens estimula a liberação de testosterona, que fortifica ossos e músculos. No envelhecimento o desejo existe, a forma de caminhar é que é diferente, porém o caminho não deixa de ser percorrido! Este caminho vai ficando deslumbrante, quanto mais segura e tranquila a pessoa estiver com relação à sua sexualidade. Não tenha vergonha de buscar auxílio, não tenha vergonha de demonstrar seu desejo, não tenha vergonha de ser feliz, mas utilize preservativo!


PALAVRA DO PRESIDENTE Com a chegada do ano de 2019, agradeço aos associados a participação em todos os momentos que passamos juntos. É nosso dever agradecer a todos, inclusive aos colaboradores. A Atapnh está à disposição, contem sempre com a gente, em tudo que podemos disponibilizar aos nossos associados. Importante é divulgar os benefícios oferecidos aos associados, como Ginástica, Yoga, Dança do Ventre, Jogo de Câmbio, Excursões e festas alusivas. A ATAPNH sempre teve como meta, proporcionar o bem-estar ao nosso idoso, com atendimento jurídico; fisioterapias, de segunda a sexta-feira; consultas médicas, quatro vezes por semana, por agendamento antecipado. A área da Saúde sempre foi e tem sido o carro-chefe da Associação dos aposentados, para o bem-estar dos idosos. Idaílton Alexandre Velho

24 de Janeiro: o Dia do Aposentado Segue algumas frases sobre o tema, algumas sérias, outras divertidas, mas todas trazem uma mensagem otimista: Não aja de acordo com sua idade [na aposentadoria]. Aja como a pessoa jovem que você sempre foi. J.A. West Não apenas se aposente de algo; tenha algo para qual se aposentar. Harry Emerson Fosdick Aposentadoria é o tempo que você nunca faz tudo o que planejava fazer quando ainda trabalhava. Autor desconhecido Você só vive uma vez – mas se viver corretamente, apenas uma vez é o bastante. Joe E. Lewis Os melhores amigos são os ingredientes mais importantes na receita da aposentadoria. Desconhecido Um marido aposentado às vezes se torna o trabalho integral da esposa. Ella Harris Não fique triste em ficar mais velho. É um privilégio que é negado para várias pessoas. Desconhecido

ESTAMOS ENGAJADOS

ANOTE:

óxima r p s sa A nos bleia será Assem dia no o març e d 8 2

Alzira Keiber Faleiro | Lourenço da Silva Viana | Maria Marlene Möller ! Osmar Rodrigues da Silva Nossos sentimentos aos familiares e amigos!


MAIOR DE 60 | JANEIRO DE 2019 | 5

Albino José de Oliveira Reis nasceu dia 29 de agos-

to de 1942 no município de São Francisco de Paula. Veio para Novo Hamburgo em 1961 em busca de trabalho. Sua primeira profissão foi em uma metalúrgica – Aços Plangg. Aposentou-se como motorista; Casado com Norma de Oliveira Reis, tem duas filhas, Raquel e Fernanda e dois netos, Gabriela e Nicolas. Seu passatempo é fazer alguns pequenos trabalhos de casa e nos finais de semana assistir futebol e fazer churrasquinho em família.

Janeiro/2019

4200

Associados

GALERIA DE FOTOS

Mais um pouco da Festa de Confraternização, ocorrida no dia 30 de novembro, na Sociedade Fraternal, no bairro Pátria Nova

ASSEMBLEIAS De março a novembro Sempre na última quinta-feira do mês às 14h30min


SAÚDE

Janeiro 2019 Ano 3 - Nº 38 Circulação mensal

Harmonização Facial Antes

Depois

Com a evolução da estética e da odontologia, a harmonização facial tem se tornado a queridinha, não só das mulheres, como dos homens, também. Muitos, depois de passarem por tratamento odontológico, não ficavam totalmente satisfeitos com a imagem diante do espelho, constatando que o rosto, como um todo, não apresentava a harmonia desejada. Buscaram pela harmonização facial, nome dado ao conjunto de vários procedimentos estéticos, que englobam os dentes, lábios, gengivas, músculos faciais, marcas e expressões faciais. Essa tão sonhada harmonização passa por estes dois pontos chave: a pele e o sorriso. Mesmo as pessoas mais resistentes aos procedimentos estéticos, chegam a um determinado momento da vida em que se rendem, começando com o procedimento que seja apenas para dar aquela aparência de pele “descansada”. Principalmente porque é muito comum a pele perder, ao longo dos anos, elasticidade, hidratação ou “viço” e não existe elogio melhor do que ouvir que nossa sua pele está viçosa, já que isto é sinônimo de jovialidade, leveza. Outra vantagem destes tratamentos estéticos atuais é em relação à recuperação, cada vez mais rápida.

BAIA, com Eduardo e Natalia

FRIDA, com Manú

KIARA, com Luana e Eduardo

KIKA, com Nara

LICI, com Aquiles

MEG, com Nelsi

MEL, com Raquel

ODIM, com Juliana Birk e William Duarte

SANDY, com Mariane

TELÚRIO, com Cris

Botox na Harmonização Facial

A aplicação de Botox (toxina botulínica) não tem apenas função de dar aquela esticada na pele. Pode ser usado no procedimento da harmonização na estética do sorriso, como também para diminuir a contração de alguns músculos que podem estar interferindo na sua mastigação adequada, ou mesmo em funções da fala. Seu efeito dura, em média, de quatro a seis meses. Ácido hialurônico como preenchedor na harmonização orofacial Ele é usado no preenchimento labial, mas também pode ser usado em outros pontos do rosto, para corrigir o famoso e detestado “bigode chinês”, assim como em possíveis irregularidades faciais.

Mas o que é ácido hialurônico?

É uma substância naturalmente presente no organismo humano, uma molécula de açúcar que atrai a água e pode atuar como um lubrificante e absorver choques em partes móveis do corpo, como as articulações. Do ácido hialurônico no nosso corpo, 56% dele está na pele, onde atua preenchendo o espaço entre as células, o que a mantém lisa, elástica e bem hidratada. Porém, com o tempo, sua concentração na pele diminui, o que causa o aparecimento de rugas e também seu ressecamento. Dra. Márcia Schardosim CRO 12316


Quanto vale o seu tempo? ADESTRAMENTO

Você tem tempo para parar uns minutinhos e ler esse texto? Se tiver, você é um privilegiado e merece meu respeito. Escrevi para você. O mundo está mudando e as pessoas estão mudando também, isto você já deve ter percebido e talvez esteja resistindo a estas mudanças. Mas esta resistência te faz bem? Beneficia seu tempo, seu mundo no dia-a-dia? Insensibilidade, sensibilidade, intolerância, tolerância, desrespeito, respeito ... tempo. Qual destas palavras têm preferência no seu tempo? Ser sensível aos problemas dos outros te faz bem ou te enfraquece? E a tolerância com os erros dos outros, te irrita ou te ensina? Como é bom ser respeitado, mas você, pratica isto também? Muitas perguntas sempre nos levam à reflexão, não é? Oh, mais uma. Bem, gostaria muito que depois de ler estas simples palavras, você consiga ter tempo para fazer a reflexão e considerar que, o que não te faz bem, pode não fazer bem ao outro também e que o emprego inteligente daquilo que te faz bem, deve ser praticado com mais frequência no seu dia-a-dia. Respeite para ser respeitado. Seja sensível com aqueles insensíveis e mostre a eles que você é mais, para que eles te invejem e queiram ser mais também. Tolere a ignorância e mostre que é bom ter conhecimento. Tolere os erros e dê risada deles.

Por fim, tenha tempo para você, para sua família, para seu cão, seu gato, sua casa e tenha tempo para o "nada". Agora, você deve estar pensando de novo, mas eu não tenho tempo! Será? Se não tem, é porque o está usando de forma insensível, desrespeitosa e intolerante. E tenho certeza que você não merece isso. Você merece muito mais. Obrigado pelo seu tempo.

Raphael Piccoli Adestrador desde 1997, especialista em comportamento e obediência

Janeiro de 2019 | Bichos de Estimação

7


Profile for Gilberto Winter

MAIOR DE 60 JANEIRO 2019  

jornal dirigido à Terceira Idade na Grande Porto Alegre

MAIOR DE 60 JANEIRO 2019  

jornal dirigido à Terceira Idade na Grande Porto Alegre

Advertisement