Page 1

Magazine | Abril 2011 Viver Viver Magazine | Novembro 2010

11


22

ViverMagazine Magazine | | Novembro Abril 2011 2010 Viver


Magazine | Abril 2011 Viver Viver Magazine | Novembro 2010

33


EDITORIAL

O mês de Abril realmente é muito especial para mim, e não é só por ser o meu aniversário, mas também porque é o aniversário do meu filho caçula (Alex Campos) e meu aniversário de casamento, e tudo isto no mesmo dia, 23 de Abril. Então, seria impossível não ter um carinho especial por este mês. Abril também é sinônimo de muito trabalho, de busca, onde as pessoas começam a executar as coisas que planejaram para o ano. O mês de Março oscilou entre celebrações e tragédias pelo mundo. O Japão nos surpreende a cada dia, com o modo com que as pessoas se comportam diante da destruição e da catástrofe que acabaram com a vida de milhares e com a estrutura de outros tantos, nos dando uma lição de serenidade, paciência , educação e sabedoria. Se o que aconteceu no Japão tivesse sido no Brasil, acredito que as pessoas estariam divididas entre o desespero pelas perdas sofridas e o medo de futuros saques, roubos, vandalismos e violência. Nós temos sim, muito a aprender com o Japão, e acho que o resto do mundo também tem, e admitir isto já é um bom começo. Na edição anterior eu falei sobre a importância de continuarmos firmes nos propósitos que nos trouxeram a este país, e principalmente na importância de não perdermos a fé e a alegria de viver. Eu continuo com a mesma opinião, e continuo também acreditando que sempre há o que fazer diante de situações difíceis, e mesmo que tudo pareça complicado demais, é preciso manter o bom senso e a lucidez, sem deixar que as emoções nos dominem por completo. Eu sei que o tempo, a distância e a solidão nos tornam pessoas mais sensíveis e emotivas, mas devemos encontrar um caminho para amenizar esses sentimentos e emoções, e não deixar que eles atrapalhem os nossos objetivos. Eu pude me ver diante de sentimentos e emoções muito fortes no final do mês de Março, quando me deparei com minha irmã deitada numa cama de hospital, por 6 dias, rodeada de médicos que não conseguiam descobrir o que estava causando tanta dor e sofrimento a ela. Eu, que sempre senti o peso de ser considerada uma mulher forte e de pés no chão, principalmente por minha família e amigos próximos, me vi quase dominada pelo sentimento de desespero e angústia. E digo quase, porque eu consegui, em meio à todas as minhas fraquezas, encontrar um ponto de equilíbrio e lucidez, e exercitar a minha fé no Deus de milagres que mora em meu coração e a confiança na inteligência que este mesmo Deus deu aos médicos. Em nenhum momento eu deixei que ela sentisse a minha angústia, e mais uma vez pude honrar a tarefa que minha mãe me deu ao permitir que ela viesse viver perto de mim,

44

ViverMagazine Magazine | | Novembro Abril 2011 Março 20112010 Viver

de cuidar e protegê-la. Então, de posse do meu bom senso, me lembrei que nós brasileiros temos o privilégio de ter aqui em Atlanta um médico brasileiro digno do nosso orgulho e respeito, que por minha sorte é também um grande colaborador da Viver Magazine, escrevendo todos os meses artigos de muita utilidade para todas nós mulheres, alem de nos dar dicas preciosas e informações importantíssimas para toda a comunidade. O Dr. Guilherme Cantuária, Ginecologista, especializado em oncologia, que hoje integra o hanking de “Best doctors of América”. Ao ver a minha ansiedade, e apesar de não estar diante da sua especialidade, gentilmente tomou a atitude de ligar e falar com os médicos que estavam atendendo a minha irmã, o que eu não tenho dúvidas, fez toda a diferença, pois a partir daí pude notar uma grande mudança, tanto no tratamento pessoal como no interesse dos médicos em encontrar com um pouco mais de urgência a causa e solução para o sofrimento dela. Isto me fez sentir mais segura e também me tranqüilizou muito ao ouvir de um médico de confiança e competência incontestáveis que todas as providencias estavam sendo tomadas. No dia seguinte ela foi operada, depois do diagnostico de estar com um nó nas tripas, eu sei que isto é esquisito, e que não parece ser comum, mas acontece, e ela poderia ter morrido se não tivesse sido operada com urgência. Graças a Deus ela está bem. E eu deixo aqui, publicamente o meu agradecimento ao Dr. Guilherme Cantuária, pelo carinho e dedicação. Mas o que quero dizer com isto à você, caro leitor, é que mesmo diante de situações difíceis, se conseguirmos um ponto de equilíbrio, também teremos a oportunidade de nos lembrar de pessoas que possam nos ajudar, de coisas e saídas para os nossos problemas. Estou muito feliz, comemorando os meus 42 anos, celebrando a homenagem da Associação Brasileira de Imprensa Internacional e do Brazilian International Press Award na sua 14ª edição anual, que acontece nos dias 15 e 16 de abril em Fort Lauderdale, Flórida, onde irão homenagear como “Personalidade de Imprensa do Ano”, as mulheres líderes da mídia comunitária brasileira nos Estados Unidos e Canadá, e eu tive a honra de estar entre estas mulheres homenageadas (este sim, foi um belíssimo presente de aniversário). Muito Obrigada por este carinho e reconhecimento do trabalho árduo que fazemos com tanto amor. Eu acho que a minha felicidade refletiu nesta edição, pois a Viver Magazine de Abril está especialmente alegre e cheia de fotos de pessoas celebrando a vida. É isto que eu desejo a todos vocês, muitos sorrisos, motivos para celebrar a vida. Agradeço a Deus por mais um ano, pelo presente que ele me deu no dia do meu aniversário, meu filho Alex, pela família e amigos lindos que eu tenho, e também agradeço pela oportunidade que tenho tido de levar até você, querido leitor, mais informação, alegria e entretenimento. Eu sou pequenininha, mas o meu coração é grande, e quero muito colaborar para a melhora na qualidade de vida cultural da comunidade brasileira em Atlanta. Feliz Páscoa a todos!

Dilla Campos. Publicadora Viver Magazine

Expediente EDIÇÃO E PUBLICAÇÃO Dilla Campos PROJETO GRÁFICO Direção de Arte - Saulo Oliveira S2dm | www.s2dm.com © 2010 - Todos os Direitos Reservados. FOTOGRAFIA Indy Zana Viver Magazine COLUNISTAS Dilla Campos Gabriel Mialchi Pr. Sergio Santos COLABORADORES Dr. Guilherme Cantuária Pr. Sergio Santos Kamilla Oliveira DISTRIBUIÇÃO Metro Atlanta, GA

A Viver Magazine® é uma publicação independente com a finalidade de informar a comunidade brasileira e divulgar produtos e serviços que sejam de interesse dessa comunidade. As informações aqui veiculadas são resultado da demanda de nossos leitores e variam de acordo com a atualidade, podendo ser alteradas sem aviso prévio. Esta é uma publicação aberta a participação de leitores e da comunidade brasileira em geral, na qual encorajamos e agradecemos. A publicação de conteúdo e fotografias enviadas para a redação está sujeita a aprovação e disponibilidade de espaço e não é prometida ou garantida. Os anúncios aqui contidos, bem como seus conteúdos são de responsabilidade de cada anunciante. A diversificação e conteúdo dos artigos são de responsabilidade de seus autores e não refletem necessariamente a opinião desta publicação. Todo e qualquer conteúdo e anúncio aqui contidos são de propriedade da Viver Magazine e não devem ser reproduzidos total ou parcialmente. A versão impressa desta publicação é gratuita, assim como nossa versão online. Outros veículos de comunicação online na qual fazemos parte estão à disposição de nossos anunciantes e da comunidade em geral nos seguintes segmentos: Facebook / Twitter / Orkut e no nosso portal: www.vivermagazine.com. É proibida qualquer reprodução impressa ou digital, cópia do conteúdo, matérias, anúncios ou elementos visuais, bem como do projeto gráfico apresentados na Viver Magazine com base na LEI DE DIREITOS AUTORAIS Nº 9.610, DE 19 DE FEVEREIRO DE 1998, com respaldo internacional. Tiragem: 5.000 exemplares

www.vivermagazine.com 770-953-4250

E-mail: vivermagazine@gmail.com


www.vivermagazine.com

Conteúdo 6 8 10

Edição: Abril 2011

AGENDA

ACONTECE

Na capa

CAPA

Tatuagens – Rebeldia ou Arte Expressada no Próprio Corpo?

18

A arte de tatuar é muito mais antiga do que podemos imaginar, provas arqueológicas mostram que, egípcios e romanos já se tatuavam, a 4000/2000 AC para participações de rituais religiosos [como a feitiçaria].

SAÚDE Câncer de Ovário Fatores de Risco e Prevenção.

Tatuagens

22 32 38

Os ovários são as glândulas de produção dos hormônios femininos, estrogênio e progesterona. As mulheres têm dois ovários, um de cada lado da pelve, ligados ao útero pelas trompas.

20

MÚSICA Novas Tendências Radiofônicas

O ano de 2010 foi muito corriqueiro para a indústria fonográfica. O Arcade Fire lançou um disco tão bem aceito pela crítica que levou o Grammy. Mas quem é Arcade Fire?

COMPORTAMENTO Toc! Toc! Toc! O que será! ...Isso me dá tic, tic nervoso!

ECONOMIA Você não criou a crise, mas pode criar as oportunidades O erro da atual situação econômica não é de sua responsabilidade. Afinal, você não especulou com derivativos e não financiou casas no mercado norte-americano. E daí? Nem por isso você precisa se colocar na posição de vítima, muito menos esperar passivamente que a crise acabe.

VEJA AINDA... ESPIRITUALIDADE CONSUMO MODA ENTRETENIMENTO

28 42 46 50

BELEZA Você sabe como cuidar adequadamente dos seus cabelos?

Quem não sonha em ter cabelos sedosos, macios e com muito brilho? Todas as mulheres, incondicionalmente! Mas, para isso são necessários alguns cuidados como; alimentá-lo com vitaminas, proteínas e outras substâncias essenciais para a saúde dos fios de cabelo.

Rio (3D) é um dos destaques nos Cinemas em Abril. Viver Viver Magazine Magazine | |Março Abril 2011 Viver Magazine | Novembro 2010

55


< Agenda< 7

Maio

PBR - Professional Bull Riders

Maio

Permanente Atlanta City Tour with Bicycle Tours of Atlanta

Foto: Andy Watson

Baile do dia das Mães

“É bão demais da conta, a festa”

Local: Salão de Festas da Holy Family Catholic Church 3401 Lower Roswell Road Marietta, GA 30068 Informações: 404-771-8979

16

Foto: Divulgação

13 e 14

Abril

Lasershow Spectacular at Stone Mountain Park

9 a 17

Abril

The Atlanta Passion Play Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Local: The Arena At Gwinnett Center 6400 Sugarloaf Parkway, Duluth, Georgia 30097 Informações: 800-224-6422 www.gwinnettcenter.com

15 a 17

Local: Studioplex Lofts 659 Auburn Avenue Atlanta, GA 30312 Informações: 404-273-2558 www.biketoursatl.com

Local: Stone Mountain Park Highway 78 East Stone Mountain, GA 30086 Informações: 770-498-5690 www.stonemountainpark.com

Abril

Permanente

75th Annual Atlanta Dogwood Festival

Atlanta City Tour Atlanta by Air, Inc

Local: Boisfeuillet Jones Atlanta Civic Center 395 Piedmont Ave Atlanta, GA 30312 Informações: 404-523-6275

Foto: Divulgação

www.atlantapassionplay.org

Local: Location: Piedmont Park Piedmont Avenue at 14th Street Atlanta, GA 30309 Informações: 404-875-7275 www.dogwood.org

66

ViverMagazine Magazine | | Novembro Abril 2011 Março 20112010 Viver

Foto: Divulgação

Permanente

Local: Peachtree Dekalb Airport 1 Corsair Drive Chamblee, GA 30341 Informações: 678-536-9166 www.atlbyair.com

Zoo Atlanta Visitando a galeria dos pandas Local: 800 Cherokee Avenue, SE Atlanta, GA 30315 Informações: 404-624-WILD www.zooatlanta. org/1212/panda_cam * Todas as programações estão sujeitas a alterações sem aviso prévio.


Magazine | Abril 2011 Viver Viver Magazine | Novembro 2010

77


Acontece Exames de Câncer de Pele Gratuitos Você sabia que mais de dois milhões de novos casos de câncer de pele serão diagnosticados este ano, tornando-o este o tipo de câncer mais comum? Como com muitos canceres, DETECÇÃO PRECOCE É A CHAVE! Northside gostaria de ajudá-lo a se preparar para o sol com exames de câncer de pele GRÁTIS. Os médicos e o pessoal médico licenciado realizará avaliações de corpo inteiro ou parcial, realizado em um ambiente privado. Todos estão convidados a participar.

Precisa de uma mamografia, mas não tem condições de pagar pelo exame? Northside Hospital conta atualmente com um fundo para mamografias e serviços de diagnóstico de mama para os candidatos qualificados. Segundo a American Cancer Society, a mamografia desempenha um papel fundamental na detecção precoce do câncer de mama. A verdade é que nem todas as mulheres podem ter recursos para este exame que salva vidas. Como líder na área da saúde da mulher, Northside Hospital tem recursos para ajudar os candidatos qualificados obter mamografias e serviços de diagnóstico de mama. Requerimentos necessários: • Não possuir seguro saúde • Ter ordem escrita do seu médico • Deve atender aos requisitos de renda • Residente de Cherokee, Clayton,Cobb, DeKalb, Fayette, Fulton, Forsyth, Gwinnett, Henry ou Rockdale • Idade 35 ou mais para mamografia Para maiores informações ligue: (770) 667-4400 *Fundos disponíveis até que os recursos estão esgotados.

3 endereços disponíveis:

Cherokee Terça 12 de April 12 de 2011 Northside Hospital-Cherokee Outpatient Rehabilitation Services 211 Hospital Rd. Canton, GA 30144 6 - 8 p.m.

Forsyth Terça 17 de Maio de 2011 Northside Hospital-Forsyth Cancer Center 1100 Northside Forsyth Dr., Suite 140 Cumming, GA 30041 6 - 8 p.m.

Locks of Love Locks of Love é uma instituição que ajuda às crianças que perderam os cabelos a melhorarem a sua alta estima. O evento vai acontecer no Chick-fil-e do Chastain park com participação das escolas da região. Vamos ter “Castelo Inflável”e outras atividades para as crianças. Alguns cabeleireiros brasileiros vão participar oferecendo cortes de cabelo gratuito para pessoas que fizerem a doação dos seus cabelos todas as doações são bem vindas. Pra doar os cabelos, eles precisam ter 10 inch. Acima. Participe!!! Doe os seus cabelos.

Dia 23 de Abril entre 2:00 e 5:00 4285 Roswell Rd Atlanta GA 30062 www.locksoflove.org

1ª. Roda de Chimarrão da Igreja MSBN Dia 17 de Abril, às 6:00 da noite. Com Churrasco, Apresentações e muita música gaúcha. Venha e traga a sua família Local: Igreja MSBN (Pr. Saulo) 505 Commerce Park Dr. Marietta, GA 30060 Maiores informações: 678-581-0471

Atlanta Terça 24 de Maio de 2011 Northside Hospital-Atlanta Cancer Center 1000 Johnson Ferry Rd. Atlanta, GA 30342 6 - 8 p.m. É necessária a confirmação de participação através do telefone: (404) 845-5555 pressione “0” para agendamentos. www.northside.com

Pure & Simple Salon Spa O Pure & Simple Salon Spa, Está atendendo os clientes do Cabeleireiro Daniel, que antes de retornar ao Brasil, tratou de nos recomendar aos seus clientes, com a preocupação de não deixá-los sem a qualidade dos seus serviços. Estamos localizados à 2700 Town Center Dr. Suíte 132, Knennesaw GA, 30144. O nosso telefone é: 770-792-988

Brazilian Wax By Andréia

A Brazilian Wax By Andréia, tem a honra de informar à comunidade brasileira que está com mais uma loja para melhor servi-los, localizada no endereço: 6601 Roswell Rd Atlanta Ga 30328. Fone: 404-303-3000 Faça nos uma visita e confira nos preços e serviços!! www.waxingatlanta.com

WebRadios em Atlanta Web Radio Brazilis www.radiobrazilis.com Web Radio Canção Nova www.cnusa.com Você também pode participar ao vivo pelo telefone: 770-644-0068 Radio 1080AM – com o Programa “Mais que Vencedor”. Tel: 770-416-0010 ou www.laleyam.com Web Radio Nitro www.radionitro.com.br

Este espaço é Seu!!! A Viver Magazine abre aqui um espaço para o leitor. Queremos saber sua opinião, crítica ou algo mais que você deseja compartilhar com a comunidade. A sua participação é muito importante para nós. Envie sua mensagem através do email: vivermagazine@gmail.com (*As mensagens estarão sujeitas a edição para o melhor aproveitamento de espaço).

88

ViverMagazine Magazine | | Novembro Abril 2011 Março 20112010 Viver


Viver Magazine | Abril 2011 Viver Viver Magazine Magazine | |Novembro Fevereiro 2010 2011

99


CAPA Por: Dilla Campos

Tatuagens – Rebeldia ou Arte Expressada no Próprio Corpo?

Foto: Banco de Imagens

A arte de tatuar é muito mais antiga do que podemos imaginar, provas arqueológicas mostram que, egípcios e romanos já se tatuavam, a 4000/2000 AC para participações de rituais religiosos [como a feitiçaria].

Fazer tatuagens numa parte do corpo é uma expressão de arte individual, e é preciso ter muita personalidade, não fazêlo apenas porque [está na moda]. Veja alguns estilos de tatuagens: Tatuagem japonesa: O Japão é conhecido mundialmente, pelos seus desenhos de tradição antiga, baseados na beleza e arte de 1800, [desenhos de samurais, carpas, dragões, gueixas, figuras mitológicas, cachorros, leões, flores, guerreiros e muitos movimentos de traços cheios, que dão mais vida aos desenhos, existindo um significado para cada um deles]. Técnica de tatuagem japonesa: Tebori [entalhar] ou Irezu-

10 10

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro

mi [gravar com as mãos]. A tatuagem é elaborada com a utilização de longas agulhas feitas em marfim, bambu ou madeira, mergulhadas em tintas especiais, e aplicadas na pele por pontadas repetitivas. No Japão esta técnica tornou-se muito famosa, por estampar corpos inteiros da yakuza japonesa que, são clientes incondicionais. O grupo da yakuza exibe sua tatuagem, para demonstrar que se uniu a máfia prometendo honra e respeito a ela, sendo capaz de dar sua própria vida pela sociedade. [No mundo da yakuza], tatuagens nas costas, antebraços ou tórax, expressam a beleza, sorte, coragem e a honra entre eles. Fácil notar um integrante da yakuza, basta observar os desenhos das tatuagens específicas, utilizados por eles como cerejeiras, peixes, dragões e samurais, todos com um significado em especial. Japoneses preservam até hoje a tradição dessa tatuagem, mesmo com a modernidade elétrica, defendem a técnica Tebori, como técnica que tem um “significado”, contrário das demais. Tatuagem Polinésia: A mais artística do mundo antigo, que se desenvolveu em Tonga e Samoa tornando-se uma obra de arte levando o nome [TATAU] que deu origem ao nome tattoo. Técnica de tatuagem Polinésia: Totalmente artesanal, utilizando um objeto parecido com um pente, com os dentes bem afiados e pontiagudos preso em cabo de madeira. Desta forma, o pente era mergulhado em tinta de carvão vegetal e inserido na pele, batendo o instrumento levemente com uma marreta. [ai, ai, ai que dor, dá arrepios só em imaginar]!! Tatau: Tatuagem mais de forma decorativa, com designs geométricos, identificando o clã e a hierarquia de cada tribo. A arte TATAU, ainda hoje é praticada na Nova Zelândia pelos “aborígenes”, famosos por se tatuar por inteiro, inclusive seus rostos [com muita coragem e determinação]!?! Existem ainda pessoas místicas que se tatuam acreditando que certos desenhos trazem proteção mágica. Outras como forma de protestos ou patriotismo, de amizade e de amor. Se a pessoa decide mesmo realizar o procedimento, a escolha do profissional e da clínica deve ser consciente. Devem ser evitados locais que não tenham o selo de qualidade da Secretaria de Saúde. Esse documento é a garantia de que o estabelecimento segue as condutas mínimas de higiene recomendadas. A escolha do profissional também é muito importante. “O resultado imediato, tanto de piercings como de tatuagens é sempre muito bom. Entretanto, a médio e longo prazo podem aparecer problemas e o profissional deve deixar isso muito claro para quem se dispõe a realizar um desses dois procedimentos”. As chamadas “maquiagens permanentes”, feitas especialmente nos olhos ou nos lábios, o cuidado deve ser ainda maior porque as chances de reversão são ainda menores que em outros tipos de tatuagens. Isso sem falar que o risco de doenças é maior devido à sensibilidade das regiões onde


Foto: Banco de Imagens

são feitas. Na tatuagem, devem ser observadas as características das tintas, como sua atoxicidade e prazo de validade. Quando aos piercings, também devem ser atóxicos e constituídos de material biocompatível, reconhecidamente apto para implante subcutâneo e de qualidade tal que evite riscos à saúde. Deve ser exigido, por exemplo, que o material, como lâminas e agulhas seja retirado de invólucros lacrados, na frente do cliente, e depois descartados. Os estúdios também precisam de um local específico, onde são processadas a limpeza a desinfecção e esterilização dos materiais. O profissional

tem que estar uniformizado, com as mãos lavadas e usando luvas, portando máscara e touca, além de avental de cor clara. Antes de qualquer aplicação, tratar a higienização do local onde o cliente for receber a aplicação. Por isso, a escolha deve ser consciente. E mesmo que o resultado imediato seja bom na maioria dos casos, ao decidir por realizar o procedimento, a escolha de um profissional especializado é imprescindível. Assim como tudo a nossa volta, que vai se modernizando, se atualizando cada dia mais, também no mundo das tattoos, não é diferente, tanto com o material quanto com as tintas e todo o universo que envolve esse mundo, desenhos cada vez mais modernos, em 3D, alto relevo, designers cada vez mais surpreendentes e de melhor qualidade, dando diversas opções de escolha a quem quer ser tatuado. A tatuagem se tornou uma prática bem comum em nosso meio, já não é mais sinomimo de rebeldia ou agressividade, claro que isto varia de acordo com o desenvolvimento de cada País, Estado, Cidade e até mesmo Grupos Sociais. Mas é preciso observar e levar em conta que na vida tudo o que é feito sem disciplina, sem ética, se medidas, sem critérios e principalmente com “exageros”, perde o tempero, sai da linha do moderno, do elegante e do atraente, caindo inevitavelmente no ridículo, no grotesco. Tanto o açúcar quanto o sal, podem tornar a vida muito mais saborosa, mas qualquer um dos dois

em exagero, transformam o que poderia ser perfeito em lixo. Ou seja, o bom senso é mais uma vez o melhor aliado na hora de decidir se e o que fazer no seu corpo, e seja qual for a sua decisão, seja prudente e escolha um tatuador de confiança para que a sua tatuagem fique perfeita e harmoniosa, tornando menos provável um futuro arrependimento. A tatuagem é uma arte, muito embora alguns grupos da sociedade ainda a discrimine. Em muitos países, como os Estados Unidos, Holanda, Dinamarca e Alemanha, há exposições de temas, competições, convenções, que têm por objetivo promover e divulgar a atualização de novas técnicas de aplicação e assepsia e, por não dizer, quebrar barreiras de discriminação e preconceito, tanto com relação ao tatuado quanto ao tatuador. Inúmeras podem ser as formas de expressão de um sentimento, seja através de um livro, uma pintura, escultura ou uma música. A arte se expressa de maneiras diferentes e a tatuagem está entre estas maneiras. Gostar ou não, é um direito de cada um, mas o respeito às diferenças preferenciais e de estilos de vida é um dever do ser humano. Tatuagem é arte. A arte de tatuar o corpo, o que não muda a personalidade, a fé, nem diminui os valores morais de uma pessoa. Rebeldia tem haver com comportamento, educação e caráter. Portanto, Arte e Rebeldia são duas coisas completamente diferentes.

Viver Magazine | Abril2010 2011 Viver Magazine | Novembro

11 11


12 12

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro


Viver Magazine | Abril2010 2011 Viver Magazine | Novembro

13 13


14 14

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro


Viver Magazine | Abril2010 2011 Viver Magazine | Novembro

15 15


16 16

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro


Viver Magazine | Abril2010 2011 Viver Magazine | Novembro

17 17


SAÚDE

Câncer de Ovário Fatores de Risco e Prevenção.

Guilherme Cantuaria MD, PhD, FACOG Medical Director, Principal Investigator NCCCP, Northside Hospital University Gynecologic Oncology Tel: 404-300-2990 www.ugynonc.com

Os ovários são as glândulas de produção dos hormônios femininos, estrogênio e progesterona. As mulheres têm dois ovários, um de cada lado da pelve, ligados ao útero pelas trompas.

Fotos: Banco de Imagens

jável ainda é encontrar meios para prevenir o seu desenvolvimento.

O câncer de ovário pode ocorrer em qualquer faixa etária, mas acomete principalmente as mulheres acima de 40 anos de idade. É a quarta causa de morte por câncer em mulheres, sendo o mais letal dos tumores ginecológicos. Em 2010, aproximadamente 21,880 mulheres desenvolveram o câncer de ovário nos EUA e aproximadamente 13,850 morreram da doença. No Brasil, a incidência supera a dos países industrializados, pelo menos em dois registros de câncer de base populacional: Porto Alegre (13/100.000 mulheres) e São Paulo (11/100.000 mulheres). O risco de vir a ter câncer de ovário durante a vida aumentou de 1 em cada 70 mulheres, em 1970, para 1 para 55 mulheres, em 2006. A grande maioria dos casos, 80% ocorreram em pacientes na pós-menopausa. A alta mortalidade deste câncer é em grande parte devido à detecção tardia da doença. Por volta 70% dos casos são inicialmente detectados em estágios avançados. Isto ocorre, em parte, porque o quadro clínico é inespecífico e vago levando a paciente, e muitas vezes também o médico, a ignorem os sintomas e a não suspeitar de um câncer de ovário. Os sintomas principais são dor abdominal difusa, constipação, aumento de volume abdominal e outros sintomas gastrointestinais vagos. E, apesar dos avanços no tratamento, a sobrevida no longo prazo ainda é pequena: apenas cerca de 24-46% do total das pacientes chegam aos 5 anos. Para melhorar o prognóstico do câncer de ovário, necessitamos encontrar meios para detectar a doença em estágios mais precoces. Detecção precoce ou screening para um tipo de câncer é o processo de procurar um determinado tipo de câncer na sua fase inicial, antes mesmo que ele cause algum tipo de sintoma. Mais dese-

18 18

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro

Fatores de Risco O perfil epidemiológico típico para risco de câncer de ovário é o da mulher após a menopausa, que nunca teve filhos, de nível socioeconômico mais elevado. Uma história familiar de câncer de ovário, principalmente se diagnosticado na prémenopausa, é um fator de risco forte. Estas pacientes podem sofrer da síndrome do câncer de mama e ovário hereditário. É estimado que 10% dos cânceres de ovário são hereditários. Estes casos estão relacionados a uma mutação genética. Na maioria dos casos é uma mutação genética nos genes BRCA1 e BRCA2, afetando sua função e conseqüentemente aumentando o risco tanto do câncer de mama como de ovário. Na população em geral, o risco de se desenvolver o câncer de ovário até a idade de 70 anos é de 1.6%. Este risco aumenta para 20-40% se a paciente tiver uma nos genes BRCA. Estudos demonstram que vários fatores relacionados à vida reprodutiva e estilo de vida alteram o risco de desenvolver o câncer de ovário. A menstruação precoce como a menopausa tardia são associados ao risco de desenvolver a doença. Mulheres que nunca engravidaram têm mais chance de ter esse tipo de câncer. E quanto mais vezes uma mulher engravida, menor é o seu risco de desenvolver um câncer de ovário. O risco diminui 30% com a primeira gravidez e 14% adicional com cada gravidez subseqüente. Amamentar confere uma proteção contra esse tipo de câncer. Para cada mês de amamentação o risco diminui 1-2%. Mulheres que fizeram ligadura de trompa ou histerectomia (retirada cirúrgica do útero) tem 18-40% menos chance de ter esse tipo de tumor. O anticoncepcionais orais (ACOs) reduzem o risco de câncer ovariano em 40 a 50%, sendo que este efeito é ainda maior com o uso a longo prazo. Evidências atuais têm sugerido que, mesmo após sua suspensão, os ACOs mantêm seu efeito protetor por até 10 anos. Apesar de controverso, o uso de vitamina D parece conferir proteção em alguns estudos. Existem dúvidas quanto a diversos fatores de risco, tais como ao índice de massa corpórea, a dieta pobre em vegetais ou rica em gordura, o consumo de álcool e o tabagismo. Fatores que aumentam o risco de câncer de ovário incluem o uso de talco na área genital e história de infertilidade e endo-

metriose, e provavelmente também o uso de hormônios que estimulam a ovulação. Existem várias teorias para explicar estes fatores de risco. A teoria mais popular é da “ovulação incessante”. Esta teoria propõe que em cada ovulação o epitélio ovariano (camada de células que reveste o ovário) sofre traumas e que na sua reparação e renovação, podem ocorrer mutações e alterações carcinogênicas (malignas). Portanto, quanto maior o número de ovulações, maior seria a chance de ocorrerem estas alterações. Outras teorias enfatizam alterações hormonais que estimulam o epitélio do ovário. A inflamação crônica também pode levar a danos do DNA e conseqüentemente ao desenvolvimento do câncer. Este mecanismo poderia explicar o risco aumentado associado à endometriose, uso do talco genital e ovulação. Condutas Para Prevenção É estimado que 100,000 mortes devido ao câncer de ovário foram prevenidas com a introdução da pílula anticoncepcional 50 anos atrás. Não se sabe ao certo o mecanismo pelo qual a pílula anticoncepcional previne o câncer, mas provavelmente se deve à inibição da ovulação e/ou à presença do progestágeno, um dos hormônios contidos na pílula que funciona como fator protetor. O aleitamento materno deve ser estimulado após o parto. Mulheres devem ser aconselhadas à usarem talco na área genital. Uma óbvia medida de proteção é a retirada preventiva dos ovários e trompas em mulheres com alto risco, como aquelas com predisposição genética e história familiar importante. A cirurgia se chama ooforectomia profilática. Uma mulher com 2 ou mais parentes com câncer de ovário ou história familiar de câncer de mama diagnosticado na pré-menopausa deve servir como sinal de alerta. Conclusão O câncer de ovário é uma doença altamente letal, principalmente em decorrência do diagnóstico tardio na maioria dos casos. A determinação de fatores de risco ajuda porém a esmagadora maioria das pacientes não se encaixa em qualquer grupo de risco. Os métodos preventivos atualmente disponíveis estão longe de serem 100% confiáveis, mas é preciso estar sempre alerta para a possibilidade desta doença. O tratamento do tumor, nas fases iniciais, permite cura em boa parte das pacientes.


Viver Magazine | Abril2010 2011 Viver Magazine | Novembro

19 19


20 20

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro


Viver Magazine | Abril2010 2011 Viver Magazine | Novembro

21 21


COMPORTAMENTO

Toc! Toc! Toc! O que será! ...Isso me dá tic, tic nervoso!

Preocupar-se excessivamente com limpeza, lavar as mãos a todo o momento, revisar diversas vezes portas, janelas ou o gás antes de deitar, não usar roupas vermelhas ou pretas, não passar em certos lugares com receio de que algo ruim possa acontecer depois, ficar aflito caso os objetos sobre a mesa não estejam dispostos de uma determinada maneira... Esses são alguns exemplos de ações popularmente consideradas “manias” e que, na verdade, são sintomas de um transtorno: o Transtorno Obsessivo-Compulsivo, ou TOC. Transtorno ObsessivoCompulsivo – TOC O TOC é considerado uma doença mental e incapacitante grave por vários motivos: esta entre as dez maiores causas de incapacitação, pois a pessoa que sofre desse mal, fica refém das suas próprias obsessões e compulsões. No entanto, hoje se sabe que existem vários níveis desse transtorno. De acordo com a Organização Mundial de Saúde; acomete preferivelmente os jovens ao final da adolescência e muitas vezes começa ainda na infância, e se não tratada, se mantém para o resto da vida. E a doença secreta que muitos sofrem calados, por medo do diagnostico; conhecida ainda como a “doença das manias”. Ate bem pouco tempo, era uma doença rara e pouco estudada. So os casos mais graves eram reconhecidos, e tratados, no entanto, hoje se sabe que existem vários níveis desse transtorno. Atualmente, porém, já se sabe que é uma doença mental mais comum que a esquizofrenia, sendo a quarta na classificação das doenças mais freqüentes, ficando atrás da depressão, 22 22

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro

das fobias, das dependências químicas e atingindo quase 3% da população mundial. Muitas pessoas embora tenham suas vidas gravemente comprometidas pelos sintomas, nunca foram diagnosticadas e tampouco tratadas. Talvez a maioria desconheça o fato de esses sintomas constituírem uma doença para a qual já existem tratamentos bastante eficazes. Para a psiquiatra e pesquisadora sobre TOC, do Instituto de Psiquiatria do HCFM-USP-Brasil Maria Conceição do Rosário Campos, muitos doentes deixam de procurar ajuda por desconhecer a doença e o tratamento, ou simplesmente por vergonha. “São pessoas que, provavelmente, vêm se sentindo mal e se sentido diferente há muito tempo. Pode parecer simples, mas o TOC é muito intenso. As pessoas devem sempre procurar acompanhamento médico e psicológico, o que não significa precisar de tratamento. Conhecer a doença já auxilia a muitos portadores”. E o que são obsessões e compulsões? Podemos definir as obsessões como idéias, pensamentos, imagens ou ações que invadem a mente de forma repetitiva e persistente e aumentam a ansiedade ou o desconforto. As mais comuns envolvem: • preocupação, dúvidas excessivas com sujeira, contaminação. • preocupação com simetria, exatidão, ordem ou alinhamento. • pensamentos, imagens ou impulsos de ferir, insultar ou agredir outras pessoas. • pensamentos, cenas ou impulsos indesejáveis e impróprios, relacionados a (sexo violento, abusar sexualmente

Por: Marcia Silva Psicologa, Neuropsicologa Clinica e mestre em Ciencias da Educacao Superior

de crianças, homossexualidade, falar obscenidades). • armazenar, poupar, guardar coisas inúteis ou economizar. • preocupações com doenças ou com o corpo. • religião (pecado, culpa, escrúpulos, sacrilégios ou blasfêmias). • conteúdo mágico: preocupação com números especiais, cores de roupa, datas e horários (podem provocar desgraças). • palavras, nomes, cenas ou músicas intrusivas e indesejáveis. As obsessões podem ainda ser imagens, palavras, frases, números, músicas, etc. Sentidas como estranhas ou impróprias, elas geralmente são acompanhadas de medo, angústia, culpa ou desprazer. As compulsões ou rituais são comportamentos ou atos mentais voluntários e repetitivos, executados em resposta a obsessões, ou em virtude de regras que devem ser seguidas rigidamente. São geralmente idéias, imagens ou ações que reduzem a ansiedade pela esquiva ou neutralização daqueles eventos. As mais comuns são: • lavagem ou limpeza. • verificações ou controle. • repetições ou confirmações. • contagens, ordem, simetria, seqüência ou alinhamento. • acumular, guardar ou colecionar coisas inúteis. • compulsões mentais: rezar, repetir palavras, frases, números. • diversas: tocar, olhar, bater de leve, confessar. Algumas compulsões não são percebidas pelas demais pessoas, pois são realizadas mentalmente e não mediante comportamentos motores, observáveis. São as compulsões mentais, elas têm a mesma finalidade: reduzir a aflição associada a um pensamento. Alguns exemplos são: repetir palavras especiais ou frases; rezar, orar; relembrar cenas ou imagens; contar ou repetir números; fazer listas; marcar datas; tentar afastar pensamentos indesejáveis, substituindo-os por pensamentos contrários. E mais recentemente entraram também para essa lista, o uso compulsivo da internet, vídeo games e TV. TOC ou SOC? - Outros transtornos a serem observados: Você só sai de casa com um guardachuva azul? Só beija uma pessoa no lado direito? Só assiste aos jogos do time do coração em casa? E Transtorno Obsessivo Compulsivo – TOC; Sintoma Continua...


Viver Magazine | Abril2010 2011 Viver Magazine | Novembro

23 23


Obsessivo Compulsivo – SOC, ou é só uma MANIA mesmo? O Sintoma Obsessivo Compulsivo – SOC. Com toda a complexidade da nossa mente, para além da mania existe também os Sintomas Obsessivos Compulsivos – SOC, que são corriqueiros em nossas vidas. São pequenos rituais que não te tiram do eixo e que, se eventualmente você não puder fazê-los, não vão gerar nenhum tipo de sofrimento ou penitência. Enquanto a pessoa com TOC pode gastar até 15 horas concluindo todos os seus rituais, o paciente com SOC não perde nem 10 minutos se tiver distraído com alguma outra coisa. Quase todo mundo tem SOC. É quando, por exemplo, a pessoa checa ou ainda confirma com alguém cinco ou mais vezes ao dia se a porta do carro está trancada ou se o gás do fogão está desligado. “É obsessivo porque ela precisa cumprir esse ritual e compulsivo por causa do número de repetições”. Se o SOC não está interferindo muito na rotina da pessoa é perfeitamente normal. Porém, se o SOC se tornar muito intenso e fizer com que a pessoa ocupe boa parte do seu tempo com isso, cuidado. Pode ser o TOC. Avalie a possibilidade de você ser ou não um portador do TOC • Preocupo-me demais com sujeira,

24 24

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro

germes, contaminação, pó ou doenças. • Lavo as mãos a todo o momento ou de forma exagerada. • Limpo ou lavo demasiadamente o piso, móveis, roupas ou objetos. • Tomo vários banhos por dia ou demoro demasiadamente no banho. • Não toco em certos objetos (corrimãos, trincos de portas, dinheiro, etc.) sem lavar as mãos depois. • Evito certos lugares (banheiros públicos, hospitais, cemitérios) por considerá-los pouco limpos ou achar que posso contrair doenças. • Verifico portas e janelas mais do que o necessário; • Verifico repetidamente o gás, o fogão, as torneiras e os interruptores de luz após desligá-los. • Minha mente é invadida por pensamentos desagradáveis e impróprios, que me causam aflição e que nem sempre consigo afastá-los. • Tenho sempre muitas dúvidas, repetindo várias vezes a mesma tarefa ou pergunta para ter certeza de que não vou errar. • Preocupo-me demais com a ordem, o alinhamento ou simetria das coisas, e fico aflito(a) quando estão fora do lugar. • Necessito fazer coisas de forma repetida e sem sentido (tocar, repetir certos números, palavras ou frases).

• Sou muito supersticioso com números, cores, datas ou lugares. • Necessito contar enquanto estou fazendo coisas. • Guardo coisas inúteis (jornais velhos, caixas vazias, sapatos ou roupas velhas) e tenho muita dificuldade em desfazer-me delas. Caso tenha respondido positivamente a uma ou mais dessas afirmativas, é provável que você seja portador do TOC. Se estes sintomas e comportamentos que você relatou não estão trazendo prejuízos para você em suas atividades, trabalho, escola, família, vida social, estudos, etc. isto não pode ser classificado como TRANSTORNO mas apenas alguns sintomas e comportamentos compulsivos. Portanto, avalie se estes sintomas estão lhe trazendo TRANSTORNOS, e, caso conclua que sim, procure a ajuda de um profissional da saúde mental (médico ou psicólogo). Para o diagnóstico definitivo, os sintomas devem causar desconforto ou interferir de forma significativa na sua rotina, no seu desempenho profissional, ou nas suas relações sociais e ocupar pelo menos uma hora por dia do seu tempo. Em caso positivo ou se tiver dúvidas, discuta com um psicólogo clinico ou um médico. “Na paz daquele que é o maior, e que esta em nós”!


Viver Magazine | Abril2010 2011 Viver Magazine | Novembro

25 25


26 26

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro


Viver Magazine | Abril2010 2011 Viver Magazine | Novembro

27 27


ESPIRITUALIDADE ESPIRITUALIDADE

A força que move o planeta Recentemente testemunhamos o caos da sociedade considerada como a mais racional do mundo. No dia 11 de março, o Japão foi surpreendido por um terremoto de magnitude avaliada em 9.0 graus. Os relógios britânicos ficaram 1,8 milionésimos de segundo atrasados. A velocidade da terra foi alterada; tendo sido deslocada do seu eixo. O Japão hoje encontra-se mais ao leste. Depois do terremoto, um muro de três andares de água dissolveu o que o tremor de terra deixara nas cidades litorâneas. Como se não bastasse, o pior ainda estava por vir: os geradores responsáveis por refrigerar os reatores da usina do complexo Fukushima Daiichi foram afogados. O colapso total estava iminente. Os níveis de radiotividade ficaram 23 vezes mais elevados do que o normal, a ponto de a Casa Branca colocar em pauta a discussão do assunto da segurança nuclear. E mais: em três dias, 700 bilhões de dólares foram sacados do Banco de Tóquio. O que começou nas placas tectônicas do arquipélago japonês terminou nas bolsas de valores do mundo. A terceira maior economia mundial foi abalada. A força que move este planeta contraria qualquer previsibilidade humana. Nada contém essa força, pois está para além das probabilidades, especificações, habilidades, planejamentos e hipóteses. Quem não se renderia a ela? Tem que haver um Deus que está por trás dessa força; um Deus cujo propósito é maior que nossa capacidade de compreensão. Quando se ouve a respeito de uma tragédia dessa magnitude, é fácil questionar onde Deus está. Quando tudo parecia estar tão seguro, de repente a terra treme debaixo dos meus pés!! Minha casa caiu! As ondas do mar submergiram meus sonhos! O vento me é contrário! Tudo acabou...!! Tragédias semelhantes acontecem com gente normal o tempo todo - claro, guardadas as devidas proporções. Mas o chão debaixo dos meus pés está sujeito a tremer

28 28

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro

a todo instante. Quando isso ocorre é preciso fé suficiente para saber encontrar Deus. Onde posso encontrá-lo? Deus está na força que recobra o ânimo do desvalido. Deus é quem dá força para que ninguém se desespere. Onde está Deus? Digo que ele está na resistência de um povo dotado de uma característica peculiar de resignar-se diante do sofrimento. Deus está na força que emerge do desejo de recomeçar. Alguns podem atribuir essa idéia ao mérito do estoicismo da cultura japonesa; eu prefiro acreditar que essa resistência venha de Deus. Somente Deus pode dar força para quem sofreu grandes perdas, assim penso eu. Deus está com o contrito e abatido (Is. 57:15). Ele dará força aos japoneses, tal como foi no Grande Terremoto de Kanto, em 1923, embora considerado em proporções menores. Onde mais Deus pode estar? Deus está na força que preserva a humanidade no caos. Deus está quando o pior acontece, e o ser humano se mostra mais humano. Desastres naturais desnudam o melhor e o pior das pessoas. Foi extraordinário assistir à demonstração de dignidade com que os japoneses enfretaram a sequência de desastres. Os noticiários não relataram saques, violências nem tumultos. Não se vê gente aproveitando da dificuldade dos demais para “se dar bem”. Onde está Deus? Vejo que ele está na mente serena que aguarda sua vez com longanimidade. Deus está na paciência compreensiva que não reclama seu direito, tal como os japoneses demonstraram ao não reclamarem nas filas por abastecimento de combustível e água. Deus está na ideia de que todos somos humanos e sofremos as mesmas dores, por isso precisamos agir com compaixão e compreensão. Onde está Deus? O endereço de Deus é ao lado da educação e da gentileza. Ele está junto aos 450 mil desabrigados que calmamente respondem com presteza aos simples gestos de ajuda. É necessário fé para saber encontrar Deus em meio ao caos. Não há melhor lugar para

Por: Pr. Sergio Santos e-mail: orasergio@gmail.com

encontrar Deus do que em Sua palavra – A Bíblia. Ela está repleta de histórias de perdas e recomeços. Eu ousaria afirmar que essas duas palavras poderiam sintetizar a mensagem da Bíblia. Ora, o Antigo Testamento fala da perda da humanidade e o Novo Testamento, por sua vez, relata o recomeço da humanidade na esperança do Evangelho trazido por Jesus Cristo. Você encontra Deus na Bíblia, na palavra que se tornou carne e habitou entre nós – refiro-me a Jesus, o Verbo de Deus. A palavra que deixou de ser dita e encarnou um corpo humano para comunicar com mais eficiência o amor de Deus pelos homens. Onde realmente Deus está? Deus está na cruz de Jesus demonstrando seu amor pelos homens. Deus está em Jesus crucificado, proclamando ao mundo que todos os pecados da humanidade podem ser quitados, se houver aceitação e fé, nesse ato. Insisto na afirmação: Deus está na sua palavra, a qual não passará. “Passarão os céus e a terra, porém as minhas palavras não passarão” (Mc. 13:31), afirmou Jesus. Acrescentou ainda, ao falar do tempo do fim: “Quando, porém, ouvirdes falar de guerras e rumores de guerras, não vos assusteis; é necessário assim acontecer, mas ainda não é o fim. Porque se levantará nação contra nação, e reino contra reino. Haverá terremotos em vários lugares e também fome: Essas coisas são os princípio das dores” (Mc. 13:7-8). Não deveríamos desprezar o que aconteceu no Japão. Esse tipo de catástrofe natural já foi predito por Jesus. É apenas um sinal do princípio do que ainda está por vir. Por outro lado, não deveríamos desprezar profecias; aliás, não é recomendável assim fazer, principalmente as profecias que se fundamentam na Bíblia. Isso revela a necessidade que o homem moderno tem de credibilizar mais a palavra de Deus. Sim, a palavra de Deus deve ser credibilizada, pois ela nos ajuda a entender o que se passa com a humanidade e o que está por vir. A palavra de Deus contém histórias que nos convencem sobre quem tem a força que move o planeta.


Viver Magazine | Abril2010 2011 Viver Magazine | Novembro

29 29


30 30

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro


Viver Magazine | Abril2010 2011 Viver Magazine | Novembro

31 31


ECONOMIA Por: Gisela Kassoy Consultora e Especialista em Criatividade e Inovação.

Você não criou a crise, mas pode criar as oportunidades O erro da atual situação econômica não é de sua responsabilidade. Afinal, você não especulou com derivativos e não financiou casas no mercado norte-americano. E daí? Nem por isso você precisa se colocar na posição de vítima, muito menos esperar passivamente que a crise acabe. Também não dá para fugir dela, mas você pode escolher arrancar oportunidades do novo cenário econômico. Acredite: ele mudará a vida de todos nós, e já que é assim, trará grandes chances para quem conseguir aproveitar as transformações. Enquanto as pessoas ao seu redor estão retraídas por causa da percepção que adotaram, escolha garimpar oportunidades. Saia fora das angústias padrão. Em vez de chorar junto com os que se imobilizam devido à crise financeira, avalie as atitudes que os agentes econômicos (seus colegas, chefes ou concorrentes) adotam. Sobretudo, fique de olho no contrapé do mercado para alavancá-lo a seu favor. Algumas pessoas se comportam como o “arauto do apocalipse” – trazem más notícias, fomentam o pânico. Assim elas são ouvidas, conseguem impressionar. Se as notícias forem verdadeiras, pelo menos estão acrescentando informação. No mais, é só contribuição para o medo e baixo as-

32 32

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro

tral. Quem não suporta a incerteza tende a preenchê-la com fantasias. Pior, tende a insistir com sua hipótese ao ponto de negar outras possibilidades. Nada pode ser mais perigoso. Assumir o desconhecimento é muito mais construtivo do que se apegar a uma única opinião. Momentos difíceis precisam de sugestões e ousadia. Como em todas as crises, esta é uma oportunidade para as pessoas aparecerem. Quem perceber que uma idéia faz sentido vai lutar por ela. E se alguém achar que a idéia não é boa, estará muito ocupado discutindo a crise para criticá-la. Saiba distinguir as desculpas adotadas por oportunismo das justificativas de quem quer achar novos caminhos. Estou falando de clientes, líderes e colegas que estão ávidos para ter sua ajuda e arrancar leite de pedra, num cenário em que o crédito está escasso. Que paradoxo! As empresas precisam desesperadamente do novo, mas estão contagiadas pelo medo de assumir novos riscos. Ou seja, você precisa ser criativo, mas deve também ser cauteloso. Você pode e deve contribuir não só com idéias, mas também na administração dos riscos. Trata-se de uma atitude muito diferente de fugir da ousadia. Nada de dizer que não vai dar certo. A questão é como

fazer para dar certo. Portanto, sua hora é agora. Reforce a sua presença diante de potenciais clientes, das lideranças de sua organização, de seus colegas. Tenha a coragem de apresentar soluções que coloquem seus parceiros em vantagem competitiva diante dos concorrentes. Estimule o movimento enquanto o mercado ainda está imobilizado. Você se destacará se souber apresentar propostas que se transformem em fisioterapia gerencial para seus aliados. Aponte ganhos que surgirão de atitudes que envolvam riscos administrados e que possam ser adotadas a baixo custo. Registre possibilidades futuras. Pense em inovações de peso, sempre acompanhadas de estudos responsáveis sobre seus riscos e possibilidades de contorná-los. Crie o círculo virtuoso que destacará da concorrência sua empresa e a empresa de seu cliente. Assim você se tornará a referência positiva. Outros vão continuar a perder negócios enquanto continuarem dopados pelos discursos e manchetes que lêem. Não esqueça: enquanto as mentes e a verbas encolhem, as oportunidades aumentam.


Viver Magazine | Abril2010 2011 Viver Magazine | Novembro

33 33


34 34

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro


Viver Magazine | Abril2010 2011 Viver Magazine | Novembro

35 35


36 36

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro


Viver Magazine | Abril2010 2011 Viver Magazine | Novembro

37 37


Foto: Banco de Imagens

BELEZA

Você sabe como cuidar adequadamente dos seus

cabelos? Quem não sonha em ter cabelos sedosos, macios e com muito brilho? Todas as mulheres, incondicionalmente! Mas, para isso são necessários alguns cuidados como; alimentá-lo com vitaminas, proteínas e outras substâncias essenciais para a saúde dos fios de cabelo. Como parte integrante do corpo humano o cabelo sofre varias influencias internas e externas, que podem, por fim, levar a um visual saudável ou nem tanto. Como o fio cresce em media um centímetro ao mês, partindo do bulbo capilar, fatores como alimentação, ou mesmo exposição continuada ao sol, cloro da piscina, agentes poluentes do ar ou mesmo o uso excessivo de tinturas podem danificar a estrutura dos fios, levando a um resultado, muitas vezes, desagradável. Para a revitalização dos cabelos, se faz necessário uma mudança de hábitos básicos que no final serão ricamente evidenciados no visual desejado. Um cardápio saudável, rico em vitaminas, seguramente é a chave do sucesso. A vitamina C, presente em frutas cítricas e tomate, é um antioxidante importante para o organismo, melhora a irrigação sanguínea e com isso estimula o crescimento dos fios; a vitamina A, controla a produção de sebo no couro cabeludo e está presente em alimentos como óleo de fígado de peixe, espinafre, cenoura, gema de ovo, vegetais amarelos ou verde-escuros, melão e pêssego; as vitaminas do complexo B, auxiliam na renovação celular e no crescimento saudável dos fios estando presentes nas carnes magras, peixes, frutos do mar, leite, vegetais folhosos, cereais integrais, legumes, grãos e no-

38 38

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro

zes; por fim os minerais de Zinco, Cobre, Ferro e Iodo ajudam no fortalecimento e crescimento dos cabelos, são encontrados principalmente em: carnes vermelhas e brancas, fígado, frutos do mar, gérmen de trigo, cereais integrais, peixes de água salgada, dentre outros. Distúrbios hormonais e estresse podem também influenciar na queda do cabelo e diminuir o crescimento dos fios, fazendose necessário estar em dia com as consultas periódicas ao ginecologista e endocrinologista. Evite o uso de água muito quente, que causam irritações no couro cabeludo deixando os fios muito oleosos. Por fim, deixe o cabelo respirar. Quando ele vive abafado em lenços, bonés, rabos ou coques, os fungos podem proliferar com mais facilidade. Eles descamam o couro cabeludo, entupindo os poros e impedindo que novos fios capilares brotem. E se você é do tipo que adora emplastar seu cabelo com cremes, é bom ficar atenta, pois muitos cremes, sem a limpeza necessária, acabam prejudicando os fios e acumulando-se nas raízes, impedindoos de crescer. Por isso, a recomendação é que, pelo menos uma vez por semana, os cabelos sejam lavados com um xampu anti-resíduos, para que todo o excesso de cremes seja retirado completamente. Cor-

Isaias de Jesus - Hairstylist

tar o cabelo a cada dois meses, ainda que seja apenas as pontinhas, deixa o cabelo com boa aparência, mais leve e com vida. A regra número um para quem quer manter cabelos sempre bonitos e com brilho é hidratar os fios sempre. A freqüência vai depender do tipo ou mesmo do estado em que se encontra seu cabelo. Quanto mais seco ou danificado os fios estiverem, menor deve ser o tempo entre uma hidratação e outra. Em alguns casos, é necessário até uma hidratação semanal. A hora do banho também pode se transformar em um momento dedicado a alguns cuidados básicos, que garantem um bom resultado a longo prazo. O simples ato de lavar os cabelos guarda alguns pequenos truques que podem contribuir na beleza do seu visual. Um tratamento básico de beleza inclui a utilização de bons produtos, como xampus, cremes e condicionadores. Os produtos precisam ser adequados ao seu tipo de cabelo. Assim, quem tem cabelo ressecado não pode escolher um xampu para cabelos normais, pois os fios continuarão com o aspecto ressecado. E lembre-se sempre, que um bom diálogo com um profissional de beleza ira contribuir em muito, para que sejam tomados os cuidados adequados ao seu tipo de cabelo para que você obtenha o resultado planejado. Cuide da saúde e da aparência dos seus cabelos, isto pode fazer uma grande diferença em sua vida social e pessoal também. Por: Isaias de Jesus Hairstylist 770).896.4929 Shirley Salon & Spa 2852 Delk Road Suite 206 Marietta, GA 30067


Viver Magazine | Abril2010 2011 Viver Magazine | Novembro

39 39


40 40

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro


Viver Magazine | Abril2010 2011 Viver Magazine | Novembro

41 41


Imagens Meramente Ilustrativas.

CONSUMO

10

$

Nemo Digital Iron Man 3D Sculpt Earbuds www.overstock.com

10

$

Nemo Digital Spider-Man 3D Earbud Headphone www.overstock.com

10.95

$

Bauble toe flip flops www.gap.com

Graphic analog watch www.gap.com

11.99

$

Samsung Red TL220 12.2MP Camera with 27mm Wide-Angle 4.6x Optical Zoom and Dual LCD Screens www.overstock.com

207.95

$

Premium BlackBerry 8520/ 8530/ 9300 Pink Silver Heart Rhinestone Case www.overstock.com

ELF hypershine lip gloss spring blossom www.target.com

4.99

$

29.99

$

Recycled Plastic Bag Clutch www.uncommongoods.com

9.95

$

Alien USB Collectible www.thinkgeek.com

Recycled Plastic Belt www.uncommongoods.com

29.99

$

85

$

19.99

$

Missing Piece Puzzle Necklace www.uncommongoods.com

*Todos os produtos e/ou preços aqui apresentados são de responsabilidade dos seus respectivos fabricantes e podem sofrer alterações sem aviso prévio. A disponibilidade do produto não é garantida.

42 42

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro


Viver Magazine | Abril2010 2011 Viver Magazine | Novembro

43 43


44 44

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro


Viver Magazine | Abril2010 2011 Viver Magazine | Novembro

45 45


http://bananarepublic.gap.com

$15.99

Por: Kamilla Oliveira

Thick Braidie Headband

www.sephora.com

$30

Juicy Couture Juicy Letter Heart Headband

$10

www1.bloomingdales.com

Headband – Os acessórios que vão fazer sua cabeça! O primeiro headband surgiu na Grécia. Os gregos usavam coroas de folhas ao redor da cabeça para homenagear pessoas importantes em determinadas ocasiões. Os romanos também tinham acessórios parecidos, mas eram mais sofisticados, decorados com ouro e prata. O headband também foi símbolo do movimento hippie. Nas décadas de 60 e 70 o acessório era usado por homens e mulheres. Hoje o headband volta como uma super tendência para as próximas estações e aparece com diversos tamanhos, materiais, cores e modelos diferentes.

Normalmente o headband é usado ao redor da cabeça por cima do cabelo e da franja, mas você pode adaptar ao seu estilo. Use de diversas formas diferentes: com o cabelo solto, com um coque ou com trancinhas, por exemplo. Existem infinitas opções de headbands disponíveis no mercado: com flores, tachas, renda, pérolas, paetês, fitas, penas, tecidos etc. Os modelos são diversos e podem ser usados em qualquer ocasião, como em uma balada ou para trabalhar.

$16 UO Guitar Strap & Bead Headwrap www.urbanoutfitters.com

Studded Flower Metal Headband www.wetseal.com

$6 Rosette Beaded Headband www.forever21.com

$16 Set of 2 Braided Suede Headwraps

$4.80

$6.80 Juicy Couture Charm Headbands (Set of 3) http://couture.zappos.com

www.urbanoutfitters.com

Beaded Twist Headband

www.forever21.com

46 46

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro

$24

Imagens Meramente Ilustrativas

Moda

Glamour headband


Viver Magazine | Abril2010 2011 Viver Magazine | Novembro

47 47


48 48

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro


Viver Magazine | Abril2010 2011 Viver Magazine | Novembro

49 49


ENTRETENIMENTO

Nos Cinemas Estreias para o mês de Abril

Imagens: Divulgação

Rio Scream 4

African Cats

Estreia: dia 15 Gênero: Suspense, Horror

Estreia: dia 22 Gênero: Ação, Aventura, Documentário

The Conspirator

Tyler Perry’s Madea’s Big Happy Family

Estreia: dia 15 Gênero: Drama

The Double Hour Estreia: dia 15 Gênero: Drama, Ficção Científica, Mistério

Estreia: dia 15 Gênero: Ação, Aventura, Comédia, Animação

13 Assassins Estreia: dia 29 Gênero: Ação, Aventura

Estreia: dia 22 Gênero: Comédia, Drama

When Harry Tries to Marry

Cave of Forgotten Dreams

Estreia: dia 22 Gênero: Comédia

Estreia: dia 29 Gênero: Documentário

Footprints

Fast Five

Estreia: dia 15 Gênero: Drama

Estreia: dia 29 Gênero: Ação, Aventura

Dylan Dog: Dead of Night

The Princess of Montpensier

Hoodwinked Too! Hood vs. Evil

Estreia: dia 15 Gênero: Arte, Drama, Adaptação

Clássico

Estreia: dia 29 Gênero: Suspense, Horror, Adaptação

Exporting Raymond Estreia: dia 29 Gênero: Comédia, Documentário

Estreia: dia 29 Gênero: Criança, Família, Animação

Circulando

www.hulu.com 50 50

Após a derrota do Sul na Guerra Civil e do assassinato de seu irmão mais novo, Frank e Jesse James procuram a sua própria marca de justiça. Como bandidos, eles ganham fama por sua ousadia assaltos de bancos, trens e diligências. Idioma: Inglês Duração: 1h45 min.

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro

Fotos: Divulgação

Fotos: Divulgação

Frank and Jesse

Monsters, Demons and WingedBeasts: Composite Creatures in the Ancient World Até 19 de Junho Sábados: de 10a.m. até 4p.m. Domingos de 12a.m a 4p.m. Local: 571 South Kilgo Circle Atlanta, GA 30322 Informações: 404-727-4282

www.carlos.emory.edu


Viver Magazine | Abril2010 2011 Viver Magazine | Novembro

51 51


52 52

Viver 2011 2010 ViverMagazine Magazine | | Abril Novembro

Viver Magazine Ediçao Abril 2011  

The biggest, best and oldest publication for Brazilians in Atlanta, GA, USA. The original. No copies.