Issuu on Google+

Rui Santos | Portfolio 2013


002 RUY SANTOS PORFOLIO

www.ruysantos.pt geral@ruysantos.pt tel: 965512963 Como arquitecto: Licenciado em Arquitectura, pela Universidade Lusíada de Lisboa, no ano de 1999. Actualmente trabalha como arquitecto desde Abril de 1999 no atelier Projectório – Arquitectos, Consultores Lda. Em 2013, funda o atelier ruysantos arquitectos, onde se presta serviços como: Estudos de viabilidade / consultadoria Levantamentos arquitectónicos Licenciamentos; Loteamentos Arranjos exteriores Legalizações Projectos de execução Acompanhamento de obra Embora o atelier ruysantos tenha sido fundado recentemente, a experiência reunida ao longo dos anos, proporciona um vastíssimo curriculum em diferentes áreas, desde complexos industriais até ao simples levantamento arquitectónico. Para que possa ter a percepção, embora que pontual, do trajecto profissional, consulte o Portefólio onde poderá encontrar exemplos que possam coincidir com as suas necessidades. Como formador:​ Exerce desde 1995 a função de For​ mador Profissional – ministrando os módulos de autocad 2D, 3D e 3Dstudio

max. Exerceu ainda a função de Coorde nador Pedagógico entre 1997 e 2000, sendo responsável por: coordenação de todos os cursos de informática e todo o respectivo pessoal envolvido; organização de plannings e orientação de todas as acções de formação; organização e estruturação dos conteúdos da formação, criando nesse período toda a documentação e manuais dos respectivos cursos, destacando os seguintes manuais, “Internet”, “Cad 2d e 3d”, “Viz”. ​ Formador, Certificado de Aptidão Profissional como formador pelo IEFP, Formação Pedagógica de Formadores.

Como informático: ​ Um forte interesse e aptidão para as TI’s, juntamente com as responsabilidades ao longo da vida profissional, criaram espaço para o desenvolvimento e implementação de novas aplicações tecnológicas. Actualmente e consciente das dificuldades dos arquitectos em obter ferramentas práticas e úteis para o desenvolvimento da sua própria empresa, e com total conhecimento e sensibilidade para os pormenores que verdadeiramente interessam, são factores que nos dias de hoje tem de ser bem ponderados e aplicados. Apaixonado pela informática e arquitectura desenvolve e aprofunda os seus con-

hecimentos no domínio da Domótica.


003 RUY SANTOS PORFOLIO

• • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • • •

Colaboração na conceção de projetos de arquitectura desde o estudo prévio ao projecto de execução. Elaboração de desenhos técnicos (gerais, parciais, detalhes) e peças escritas (memórias, cadernos). Coordenação de uma equipa de trabalho em projetos executados para Angola. Responsável pelo acompanhamento da obra “Escola EB1+ JI, Alto de Algés”, respondendo às dúvidas e conflitos. Responsável pelo acompanhamento da obra “Escola EB1+ JI, Porto Salvo”, respondendo às dúvidas e conflitos. Elaboração de modelos 3D e a sua renderização Responsável pela gestão de todo o parque informático do atelier. Resolução de problemas hardware e software. Projeto de execução e reordenamento do Parque Urbano II | Estufa-fria, Huambo | PGE Lda. | Em construção Projeto Base Estádio Futebol São Januário | Vasco da Gama | Rio de Janeiro | Concluído e apresentado Estudo Centro Comercial | São Tomé e Principe | cliente ALLWAYS ON Complexo Habitacional | São Tomé e principe | cliente ALLWAYS ON Concurso Público para Novo Edifício dos Serviços Técnicos do SMAS de Oeiras e Amadora, Leceia Projeto de execução Valor Sul | Balneários e refeitório | Concluído Centro de Negócios escritórios | Auditório | São Tomé | Estudo prévio Projeto de execução escritórios Presidência da Fundação Liberdade Santarém TAP Manutenção e Serviços | Reduto, novas oficinas | Concluído Estudo Prévio para Centro Cultural em Huambo, Angola Concurso Público para a aquisição do Projecto de remodelação da estação ferroviária de Entrecampos, Lisboa Concurso Público para a Escola EB / JI Gomes Freire de Andrade | Oeiras Escola tipo | Municipio Angola | Projecto Base Concurso Público para a Escola EB / JI Alto de Algés | Oerias Primus| Construido BPN depedencia de Belém | Lisboa Loteamento Casas do planalto Moradias | Huambo | Cliente IMOCOM | Construido Projecto de requalificação e ampliação do conjunto nos Olivais | Lisboa Várias agências bancárias BPN a nível nacional BPN dependência de Castelo Branco Concurso Público Internacional para a aquisição do Projecto da Escola EB1 JI de Linda-a-Velha Sistemas McDonald´s Alvalade | Lisboa | construido


004 RUY SANTOS PORFOLIO

Escola EB1/JI Alto de Algés. Este novo estabelecimento de ensino insere-se no Plano Estratégico para os Equipamentos Educativos que prevê a requalificação global do parque escolar, com a construção de novas escolas e a ampliação e requalificação dos estabelecimentos existentes. Com capacidade para 16 turmas do 1º ciclo (384 alunos entre os 6 e os 10 anos)


005 RUY SANTOS PORFOLIO

A rede de escolas do 1.º ciclo do ensino básico deve garantir o princípio da escola a tempo inteiro, procurando assegurar a permanência dos alunos durante todo o dia e adaptando modos e tempos de funcionamento às necessidades das famílias, mediante o prolongamento de horário e através da oferta de actividades de enriquecimento curricular. Enquanto a escola não está ocupada, ao final do dia e aos fins-de-semana, a comunidade pode usar as instalações como local de encontro, como espaço para a aprendizagem ao longo da vida, para cidadãos de todas as idades. Para dar resposta às novas necessidades, as escolas serão equipadas com salas de expressão plástica, de música, laboratórios para a iniciação à experimentação científica, informática, centros de recursos / bibliotecas, salas de estudo, cozinha e refeitório em conformidade, espaços para a actividade desportiva e espaços exteriores seguros e atractivos..


006 RUY SANTOS PORFOLIO

escola alto de algés em colaboração com projectorio em funcionamento desde 2011

Em colaboração com o atelier projectorio Arq. Viana Antunes | Arq. Santos Nunes acompanhamento e execução desde a fase de projecto base à fase de projecto execução e acompanhamento da obra.


007 RUY SANTOS PORFOLIO

EB1/JI do Alto de Algés As novas escolas projectadas para Oeiras pretendem constituir-se como equipamentos para usufruto da comunidade. Este modelo de escola deverá reflectir-se quer na concepção arquitectónica, quer na gestão quotidiana. A congregação de ofertas e de serviços permitirá a rentabilização dos investimentos, com a criação de economias de escala, tanto ao nível dos custos de manutenção, como ao nível da afectação de recursos humanos.


008 RUY SANTOS PORFOLIO

a loja do pão A Casa é também uma Loja e a loja é a sua casa

Loja do Pão. A Casa é também uma Loja e a loja é a sua casa. As opções: Frente da Loja: a opção e ideia principal é a de libertar o espaço da frente de venda, por isso, um grande balcão em vidro, na sua esquerda, a parte refrigerada, ao centro apenas montra de produtos e mais à direita, um pequeno stand-up que pretende acolher melhor os clientes e em simultâneo libertar a frente de venda que se deseja sempre menos confusa, e desta forma possibilitar um melhor atendimento ao cliente.

Espaço de trabalho: O acesso ao espaço de trabalho pode ser realizado por dois lados: porta frontal de assistência ao Stand-up ou pelo topo, acesso para descarga e armazenagem de produtos. No que diz respeito ao armazém escondido, por uma parede de azulejos de um vibrante cor vermelha, encontramos o pequeno armazém de produtos e máquinas indispensáveis à loja, assim como, a principal entrada de serviço (abastecimento de produtos para armazém). Os Materiais: O azulejo e

a madeira são os materiais predominantes no projecto, e surgem como veículo privilegiado para decifração de uma nova modernidade, simultaneamente funcional e confortável. Assumem-se como materiais de ligação entre os vários espaços, ao serem aplicados por exemplo no casa da madeira, no pavimento (público) e ao mesmo tempo no tecto (privado).


009 RUY SANTOS PORFOLIO


0010 RUY SANTOS PORFOLIO


0011 RUY SANTOS PORFOLIO

LOJA TORRE | imagem organizacional e identidade da marca


0012 RUY SANTOS PORFOLIO

Moradia unifamiliar, ampliação em fase de projecto de execução A tuar

ampliação subscreve

que um

se

pretende

programa

efec- trutura familiar, que a actual construção em definido termos de compartimentação não contempla.

pelo dono-da-obra, o qual tem por objectivo a sua adaptação às necessidades Este Programa propõe a alteração do acesso específicas

do

seu

agregado

familiar. principal da habitação, mantendo-se a actual cota de soleira, configurando uma valorização

Esta adaptação determina a ampliação do piso do novo volume resultante da ampliação e que térreo, de modo a cumprir com as condições irá conter a parte mais social da habitação. Vista do alçado principal de habitabilidade exigidas pela natureza e es-


0013 RUY SANTOS PORFOLIO

Entrada principal

Ă€rea ampliada, sala e cozinha

Pormenor do acesso principal

Planta geral


0014 RUY SANTOS PORFOLIO


0015 RUY SANTOS PORFOLIO

Park Rubiks Cube Concurso Espaços habitáveis 1º classificado Com este exercício Hibrido de reinterpretação e reapropriação do espaço. O conceito centra-se na capacidade de conversão do standerizado cubo de Rubiks,( que muitos ainda hoje tentam resolver) e transformá-lo em singular e original “espaço de acolhimento temporário”. A simplicidade deste objecto centra-se na sua multiplicação de faces (com 90cm cada) com capacidade de algumas delas deslizarem sob uma calha proporcionando grandes aberturas que garantem a entrada de luz natural e respectivo arejamento do espaço interior. A sua capacidade para ser repetido e agrupado em núcleos formando aldeias de RUBIKS, transforma-o num objecto com uma linguagem muito rica e onde se poderá explorar uma infinidade de materiais. Podemos dar largas à nossa imaginação e teremos cubos totalmente diferentes: vidro, plástico, cortiça, acrílicos, alumínios, ferro, madeiras etc. com ou sem caixa de luz, todos eles com uma procura no contexto de uma intervenção contemporânea. Considerou-se essencial conceber uma estrutura versátil e “aberta”, multi-funcional, susceptível de se adaptar às especificidades dos lugares e dos seus habitantes. O objecto proposto traduz-se no desenho geométrico de um cubo subdividido em 27 pequenos cubos, de 90 cm de lado, totalizando 27m3 de volume, 54 faces exteriores. Todo o seu interior está modelado com base nas faces exteriores: os módulo da cama, a zona de refeições, os móveis superiores, são todos subdivididos em três módulos, cada um com 90cm. Para suporte das faces existe uma estrutura metálica de encaixe, formando os apoios principais de toda a estrutura do corpo e onde corre as calhas de deslizamento das janelas. Viver a Cores!


0016 RUY SANTOS PORFOLIO

RUY SANTOS

arquitecto geral@ruysantos.pt

TEL:

+351 965 512 963

www.ruysantos.pt


Portefólio Ruy Santos | arquitectura