Page 92

O foguetão seria electricamente activado às 0230UTC, com o seu sistema de orientação a ser submetido a uma série de testes que terminariam pelas 0355UTC. Por outro lado, os sistemas de banda C e de banda S também foram testados. Com a contagem decrescente a entrar nas 4 horas finais, deu-se o teste das baterias internas pelas 0304UTC. Devido ao perigo das operações que se iriam iniciar com o abastecimento do lançador, pelas 0334UTC são estabelecidos perímetros de segurança em torno da plataforma de lançamento ao mesmo tempo que o sistema de supressão sónica com a utilização de água é configurado. A contagem decrescente entrava na sua primeira paragem prevista a T-2h (0424UTC). Com o lançamento previsto para ter lugar às 0704UTC, esta pausa inicial teve como objectivo proporcionar à equipa de lançamento alguma margem nos procedimentos da contagem decrescente para resolverem algum problema ou retomar alguma actividade que entretanto se houvesse atrasado. Por esta altura, todos os trabalhos haviam sido finalizados na plataforma de lançamento e como tal todos os técnicos abandonavam o complexo. O director de lançamento da ULA no denominado Atlas Spaceflight Operations Center, consultava a sua equipa sobre os procedimentos da contagem decrescente antes de entrar nas duas horas finais de preparativos para o lançamento. Com todos os operadores a responderem afirmativamente, a contagem decrescente era retomada às 0454UTC (T-2h) fazendo-se os preparativos finais para o abastecimento do Atlas-V. Estes preparativos passaram pelo acondicionamento térmico da plataforma de lançamento móvel sobre a qual assentava o lançador. Este acondicionamento térmico tem como objectivo diminuir o choque térmico resultante da passagem dos propolentes criogénicos durante ao abastecimento do foguetão. No seguimento destas operações, o mesmo tipo de acondicionamento térmico ocorre nas condutas de transferência para o estágio Centaur cujo abastecimento de oxigénio líquido (LOX) tem início às 0508UTC. O LOX é abastecido a uma temperatura de -183ºC. Enquanto se inicia o abastecimento de LOX ao estágio Centaur, decorre o acondicionamento térmico das condutas de LOX do estágio Atlas cujo abastecimento se inicia às 0523UTC. Por outro lado, às 0529UTC é iniciado o acondicionamento térmico das condutas de hidrogénio líquido (LH2) que irão abastecer o estágio Centaur. Nesta altura os engenheiros do centro de controlo detectaram um problema de transmissão com uma das válvulas de ventilação do estágio Atlas. O problema não impediu a continuação dos procedimentos de abastecimento e às 0546UTC procedia-se ao acondicionamento térmico do motor do estágio Centaur. A equipa especializada que analisa as anomalias durante a contagem decrescente, recomendaria o seu prosseguimento às 0556UTC. Pelas 0548UTC, as condições meteorológicas levavam a que o lançamento não fosse autorizado pois havia a violação da regra de presença de nuvens ‘cumulus’. Nesta fase, o lançamento mantinha-se marcado para as 0704UTC, mas a janela de lançamento prolongava-se por duas horas havendo assim uma grande margem que permitiria adiar o lançamento para se aguardar que o problema meteorológico se resolvesse.

91 Em Órbita – Vol.13 – N.º 141 / Outubro de 2013

Profile for Rui Barbosa

Em orbita 141 Outubro de 2013  

O lançamento de três novos membros para a tripulação da ISS a bordo da Soyuz TMA-10M e a primeira parte dos artigos relacionados com os lanç...

Em orbita 141 Outubro de 2013  

O lançamento de três novos membros para a tripulação da ISS a bordo da Soyuz TMA-10M e a primeira parte dos artigos relacionados com os lanç...

Advertisement