Page 25

Em Órbita A sequência sincronizada de lançamento (caracterizada pela colocação da chave de lançamento no sistema de ignição) foi iniciada às 1920:53UTC, com o estágio Fregat-M a começar a utilizar as suas baterias internas para o fornecimento de energia pelas 1922:03UTC. Às 1824:38UTC era enviado o comando de desvio do sistema umbilical ao sistema compósito superior e às 1926:23UTC procedia-se à transferência da fonte de energia ao lançador. O mastro umbilical de fornecimento ao estágio inferior era removido às 1926:43UTC e a ignição ocorria às 1926:26UTC, atingindo-se o nível de força preliminar às 1926:27UTC e a potência total às 1927:00UTC. O lançamento acabaria por ter lugar às 1927:03,396UTC.

Rapidamente abandonando a plataforma de lançamento, o foguetão desapareceria por entre as nuvens que pairavam sobre o complexo de lançamento. A separação dos quatro propulsores laterais ocorria às 1929:01UTC, com a separação da carenagem de protecção (agora desnecessária) a ter lugar às 1930:32UTC e o final da queima e separação do segundo estágio a ter lugar às 1931:51UTC. Com o terceiro estágio em ignição, o conjunto iria atingir uma órbita inicial. A ignição do terceiro estágio Blok-I terminaria às 1936:26UTC.

Em Órbita – Vol.13 – N.º 139 / Agosto de 2013

24

Profile for Rui Barbosa

Em Órbita 139 Agosto de 2013  

Edição n.º 139 do Boletim Em Órbita para o mês de Agosto de 2013.

Em Órbita 139 Agosto de 2013  

Edição n.º 139 do Boletim Em Órbita para o mês de Agosto de 2013.

Advertisement