Page 84

A missão VV02 O lançamento da segunda missão do mais pequeno foguetão europeu estava inicialmente previsto para as 0206:31UTC do dia 4 de Maio de 2013 a partir do Complexo de Lançamento ELA1/ZLV do CSG Kourou (este complexo de lançamento foi anteriormente utilizado pela Arianespace para o lançamento dos foguetões Ariane-1, Ariane-2 e Ariane-3). No entanto, as condições meteorológicas não eram as ideais pois a ocorrência de fortes ventos a grande altitude poderiam implicar a queda de detritos foram das zonas de segurança no caso de um acidente durante a fase inicial do voo. Como a janela de lançamento prevista para a missão era de somente 1 segundo, foi tomada a decisão de se proceder a um adiamento no lançamento. A contagem decrescente para o lançamento do segundo foguetão Vega tem início a T-7h 45m (1821UTC do dia 6 de Maio). A activação da unidade de controlo multifunções MFU do lançador ocorre a T-5h 40 m (2026UTC), seguindo-se a T-5h 30m (2036UTC) a activação do sistema de referência inercial e dos transmissores de telemetria. O computador de bordo ocorre a T-4h 55m (2111UTC), seguindo-se a introdução do programa de voo. A unidade principal de segurança SMU é activada a T4h 50m (2116UTC), seguindo-se a T-4h 25m (2141UTC) a sincronização do relógio de bordo com a hora UTC. O alinhamento e a verificação do sistema de referência inercial ocorre a T-4h 20m (2146UTC). A contagem decrescente decorre com os controladores a verificarem cuidadosamente todos os sistemas do lançador, da sua carga e da plataforma de lançamento, mantendo também contacto com as diferentes estações de rastreio que serão utilizadas para seguir o veículo durante o seu voo. Os dispositivos de segurança do lançador são removidos a T-3h 40m (2226UTC) e a remoção da estrutura móvel de serviço ocorre a T-2h 40m (2326UTC). Após a remoção desta estrutura, dá-se a activação do SRI a T-1h 55m (0011UTC do dia 7 de Maio) e a activação dos sistemas de transmissão de telemetria a T-1h 20m (0046UTC), ao mesmo tempo que são activados os repetidores.

O sistema do lançador está pronto para a missão a T-34m (0132UTC). Nesta altura as imagens recebidas através da transmissão da Arianespace mostravam que chovia copiosamente em Kourou, no entanto as condições meteorológicas eram definidas como não sendo capazes de interromper as actividades que levariam ao lançamento do foguetão Vega. O último relatório meteorológico antes do lançamento era emitido a T-10m (0156UTC). Em Órbita – Vol.13 – N.º 137 / Junho de 2013

83

Profile for Rui Barbosa

Em Órbita n.º 137 - Junho de 2013  

Edição 137 para o Boletim Em Órbita onde encontraremos vários artigos sobre o voo espacial tripulado, sobre os lançamentos orbitais realizad...

Em Órbita n.º 137 - Junho de 2013  

Edição 137 para o Boletim Em Órbita onde encontraremos vários artigos sobre o voo espacial tripulado, sobre os lançamentos orbitais realizad...

Advertisement