Page 80

A carga da missão VV02 A bordo da missão VV02 seguiam os satélites Proba-V, VNREDSat-1A e ESTCube-1. O Proba-V (Project for On-Board Autonomy and Vegetation) é o quarto satellite da série Proba desenvolvida pela Agência Espacial Europeia e foi projectado para apoiar o desenvolvimento de novas tecnologias espaciais. O principal objectivo do satélite (imagens ao lado cedidas pela ESA) é o de continuar a missão iniciada pelo instrumento Vegetation transportado a bordo dos satélites Spot-4 e Spot-5. Os dados obtidos pelo satélite serão fornecidos à comunidade mundial de cientistas e fornecedores de serviços. As utilizações do Proba-V são várias desde o seguimento diário das condições meteorológicas extremas, criação de alertas para as autoridades sobre problemas nas colheitas, monitorização dos recursos aquáticos nas comunidades interiores e seguimento da evolução das áreas desertas e desflorestação. Construído pela QinetiQ Space Belgium e tendo uma massa de 140 kg no lançamento, o Proba-V opera numa órbita sincronizada com o Sol a uma altitude de 820 km. No lançamento o satélite tinha uma massa de 138,2 kg, com as dimensões 0,84 x 0,76 x 0,73 metros. A bordo do satélite viajam outras experiências tais como um amplificador de gálio nítrico incorporado no sistema de comunicações, um telescópio de partículas energéticas, o monitor de radiação SATRAM, o detector de sinais de aviões ADS-B e uma experiência fotónica de fibra óptica. O satélite VNREDSat-1A (Vietnam Natural Resources, Environment and Disaster-monitoring Satellite-1A) foi construído pela Astrium para o Instituto de Tecnologia Espacial da Academia Vietnamita de Ciência e Tecnologia, fundado pelo Ministério de Ciência e Tecnologia. Em Agosto de 2010 foi atribuído à EADS Astrium um contrato para o desenvolvimento do satélite e do seu segmento do solo. Este contrato foi atribuído em consequência de um acordo intergovernamental sobre cooperação espacial entre a França e o Vietname em Novembro de 2009, no qual o governo francês afirmou o seu empenho na construção de uma parceria mais estreita com aquele país asiático no domínio da ciência e tecnologia. Este programa é o resultado de uma iniciativa do governo vietnamita para criar uma infra-estrutura espacial que permita ao país a obtenção de meios para melhor monitorização dos efeitos das alterações climáticas, prever e tomar medidas no sentido de prevenir desastres naturais, e optimizar a gestão dos seus recursos naturais. De forma mais geral, irá permitir ao país avançar o seu conhecimento no campo da engenharia espacial e beneficiar do consequente crescimento económico e tecnológico para criar novas oportunidades de emprego. O VNREDSat-1A utiliza a plataforma AstroSat-100 da EADS Astrium e a estrutura do satélite é composta por uma caixa com as dimensões 0,60 x 0,60 x 1,00 metros. O quadro seguinte mostra as principais características do satélite.

Em Órbita – Vol.13 – N.º 137 / Junho de 2013

79

Profile for Rui Barbosa

Em Órbita n.º 137 - Junho de 2013  

Edição 137 para o Boletim Em Órbita onde encontraremos vários artigos sobre o voo espacial tripulado, sobre os lançamentos orbitais realizad...

Em Órbita n.º 137 - Junho de 2013  

Edição 137 para o Boletim Em Órbita onde encontraremos vários artigos sobre o voo espacial tripulado, sobre os lançamentos orbitais realizad...

Advertisement