Page 53

Em Órbita

O Progress M-18M iniciava então uma perseguição rápida à estação espacial internacional, realizando uma série de manobras orbitais para aproximar a sua órbita à órbita da ISS. Este perfil de voo envolve somente quatro órbitas em vez das usuais 34 órbitas. A primeira manobra teve lugar durante a 1ª órbita às 1523:52UTC com os motores do veículo a serem accionados durante 67,2 s e proporcionando uma alteração de velocidade (∆V) de 26,71 m/s. Após esta manobra o veículo ficou colocado numa órbita com um apogeu a 285,64 km de altitude, perigeu a 223,2 km de altitude, inclinação orbital de 51,65º e período orbital de 89,51 minutos. A segunda manobra orbital foi levada a cabo na 2ª órbita às 1557:54UTC com os motores do veículo a serem accionados durante 46,1 s e proporcionando uma alteração de velocidade 18,29 m/s. Após esta manobra o Progress M-18M ficou colocado numa órbita com um apogeu a 302,58 km de altitude, perigeu a 248,1 km de altitude, inclinação orbital de 51,67º e período orbital de 90,14 minutos. Após a realização da segunda correcção orbital, o computador de bordo TsVM-101 recebe os novos parâmetros orbitais enviados pelo Centro de Controlo de Voo TsUP. O computador realiza então as correcções que devem ser implementadas. A 3ª manobra orbital teve lugar às 1645:21UTC, efectuando-se também na 2ª órbita. Desta vez os motores do veículo foram accionados durante 18,4 s e proporcionaram um impulso de 7,00 m/s. Após esta manobra o veículo de carga ficou colocado numa órbita com um apogeu a 317,7 km de altitude, perigeu a 285,0 km de altitude, inclinação orbital de 51,67º e período orbital de 90,39 minutos. Finalmente, a 4ª manobra orbital teve lugar às 1715:21UTC (2ª órbita) com os motores a serem accionados durante 18,4 s e proporcionaram um impulso de 7,00 m/s. Após esta manobra o veículo de carga ficou colocado numa órbita com um apogeu a 337,93 km de altitude, perigeu a 299,4 km de altitude, inclinação orbital de 51,64º e período orbital de 90,59 minutos. A acoplagem automática com o módulo Pirs utilizando o sistema Kurs teve lugar às 2035:21UTC após um voo e aproximação nominais e sem qualquer problema, e com uma duração de 5 horas 53 minutos e 35 segundos. Após a acoplagem e após a dissipação das forças residuais entre os dois veículos, os ganchos do sistema de acoplagem são encerrados e o controlo de atitude da ISS passou do centro de controlo russo para o centro de controlo norteamericano (geralmente controlada pela Centro de Controlo de Houston, a atitude da ISS é sempre transferida para o Centro de Controlo de Korolev quando se dá a chegada ou partida de um veículo espacial russo).

Em Órbita – Vol.13 – .º 134 / Março de 2013

52

Profile for Rui Barbosa

Em Órbita n.º 134 - Março de 2013  

Edição de Março de 2013 do Boletim Em Órbita com vários artigos sobre os lançamentos orbitais levados a cabo em Fevereiro de 2013.

Em Órbita n.º 134 - Março de 2013  

Edição de Março de 2013 do Boletim Em Órbita com vários artigos sobre os lançamentos orbitais levados a cabo em Fevereiro de 2013.

Advertisement