Page 62

Em Órbita

Cronologia Astronáutica (LXXXV) Por Manuel Montes -Abril de 1952: A NACA ordena aos seus diversos centros de investigação o estudo de qual é a tecnologia necessária para conseguir uma nave espacial tripulada, em principio um avião capaz de alcançar a órbita e regressar. -8 de Abril de 1952: O míssil Hermes-C1, em pleno desenvolvimento no Redstone Arsenal, recebe o nome oficial de Redstone. Segundo os planos, o centro, a cargo da equipa de engenheiros liderada por von Braun, deverá proporcionar 12 mísseis de teste em Maio de 1953. Os primeiros, porém, começarão a estar prontos em Janeiro de 1953 para ensaios de propulsão, orientação, etc. -17 de Abril de 1952: Walter Dornberger, que trabalha para a Bell Aircraft, propõe um conceito melhorado do seu avião-míssil bombardeiro. Baseado nas ideias de Sänger (Silverbird), que se tentou em vão trazer para os Estados Unidos desde França, o BOMI (Bomber-Missile) consiste num veículo de duas etapas que será oferecido à US Air Force. A primeira é um acelerador con asa delta e cinco motores, e a segunda um foguetão planador duplo de três motores. O seu comportamento suborbital faria-o quase invulnerável, com um alcance de quase 5.000 km e uma velocidade máxima de Mach 4. Também é mencionada uma versão orbital. O BOMI transportaria duas bombas nucleares. -17 de Abril de 1952: A RAF britânica realiza o primeiro voo sobre território soviético para fotografar possíveis objectivos. Os aviões utilizados são os RB-45C Tornados. Mais adiante, serão os Estados Unidos que empregarão RB-47 Stratojets para a mesma função de espionagem. Os sobrevoos mediante aviões aparecem inicialmente como uma boa opção mas rapidamente alguns deles serão derrubados e se irá impor continuar o desenvolvimento de satélites de reconhecimento. -20 de Maio de 1952: É lançado desde White Sands a V-2 número 59/TF-2. Trata-se de outro voo de treino do US Army que também transporta instrumentos científicos. Alcança 124 km de altitude (limitada expressamente). Durante a sua trajectória deve capturar diversas amostras de ar da alta atmosfera para serem depois examinadas em terra. O foguetão JATO que devia separar o cone não chega a funcionar, mas permite a actividade da carga útil. São recuperadas com êxito várias garrafas com as amostras e uma câmara. -20 de Maio de 1952: É lançado desde Hamaguir o primeiro míssil francês Véronique-N (N-1). A missão fracassa devido à ruptura da estrutura de uma aleta. No dia seguinte, o N-2 falha também devido ao facto de o motor não queimar correctamente. Por fim, a 22 de Maio, o N-3 funciona de forma satisfatória (70 km de altitude). Até 29 de Outubro de 1954 serão lançados 15 mísseis N e NA. Muitos fracassarão devido ao fenómeno desconhecido da instabilidade na combustão. Por sua parte, o modelo NA terá maior capacidade de combustível. O NA-14, por exemplo, alcançará 135 km de altitude. Depois, os Véronique desaparecerão do panorama dos mísseis até que sejam adoptados para experiências atmosféricas em Março do Ano Geofísico Internacional (AGI), em 1959. -21 de Maio de 1952: É lançado o foguetão-sonda Aerobee RTV-A-1 (USAF-26). A missão, chamada Aeromed-3, transporta dois macacos (Patricia e Michael) e dois ratos. Todos são recuperados após viajarem anestesiados. Os macacos utilizam máscaras de oxigénio. A cápsula alcançará 62 km de altitude. A partir deste momento, os Estados Unidos abandonarão as suas investigações com primatas em voo, mas só até a URSS demonstrar que se dispõe a enviar um homem para o espaço, vários anos depois. -Junho de 1952: O RAND atribui um contrato à RCA para que esta empresa examine diversas possibilidades sobre sistemas de câmaras de reconhecimento desde o espaço. Serão estudadas câmaras fotográficas, de televisão, detectores de radiação, métodos de gravação e transmissão, etc. Em Órbita – Vol.13 – .º 133 / Fevereiro de 2013

61

Profile for Rui Barbosa

Em Órbita n.º 133 - Fevereiro de 2013  

Edição do Boletim Em Órbita para Fevereiro de 2013 com vários artigos sobre oa lançamentos orbitais em Janeiro de 2013 e as habituais secçõe...

Em Órbita n.º 133 - Fevereiro de 2013  

Edição do Boletim Em Órbita para Fevereiro de 2013 com vários artigos sobre oa lançamentos orbitais em Janeiro de 2013 e as habituais secçõe...

Advertisement