Page 103

Sciences Corporation, e dois satélites MSS (Mobile Satellite Services), projectados e construídos pela Boeing Company (MEXSAT Centenario e MEXSAT Morelos 3) O sistema MEXSAT será utilizado por todos os departamentos governamentais mexicanos, isto é, pelo SEDENA (Defesa), SEMAR (Marinha), SEGOB (Negócios Estrangeiros), PGR (Justiça) e SSP (Interior), tendo assim acesso ao um serviço de comunicações por satélite tecnologicamente avançado, flexível, e fiável. O sistema MEXSAT será utilizado em tele-medicina, educação rural e ajuda em desastres. Este sistema representa a terceira geração de satélites governamentais mexicanos e deverá estar operacional até 2028. A SCT já desenvolveu os satélites Morelos-1 e Morelos-2 nos anos 80 e os satélites Solidariedad-1 e Solidariedad-2 nos anos 90. A TELECOM foi designada como a operadora do sistema MEXSAT

O satélite é baseado na plataforma Star-2.4E desenvolvida pela Orbital Sciences Corporation, que este ano comemora o seu 30ºaniversário. A seguinte tabela mostra as principais características do satélite Dimensões (m)

4,90 x 3,30 x 2,50, envergadura 18 metros

Massa (kg)

2.934,3 (lançamento)

Energia

Carga > 6.750kW 2 baterias de iões de lítio Biliquida (MMH & NTO)

Propulsão

Estabilização Capacidade de Transmissão

Motor de apogeu 454 N e motores 22 N / 0,9 N / 0,3 N para controlo orbital Rotação longitudinal na separação; estabilização nos três eixos espaciais em órbita operacional 12 repetidores banda Ku 12 repetidores banda C

Posição Orbital

114,9º Oeste

Cobertura

América do Sul

Tempo de vida útil (anos)

> 16

Em Órbita – Vol.13 – .º 132 / Janeiro de 2012

102

Profile for Rui Barbosa

Em Órbita 132 - Janeiro de 2013  

Primeira edição do Boletim Em Órbita para o ano de 2013. Neste número: a missão espacial Soyuz TMA-07M, os lançamentos orbitais realizados e...

Em Órbita 132 - Janeiro de 2013  

Primeira edição do Boletim Em Órbita para o ano de 2013. Neste número: a missão espacial Soyuz TMA-07M, os lançamentos orbitais realizados e...

Advertisement