Issuu on Google+

Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/2011 – LAVRAS(MG), 23 DE MAIO DE 2011 – PARA CIRCULAÇÃO NA 2734ª REUNIÃO

Nº 41 2010/2011


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

ROTARY INTERNATIONAL – ANO ROTÁRIO 2010/2011 PRESIDENTE DE RI: RAY KLINGINSMITH GOVERNADOR DO DISTRITO 4560: WALMOR ZAMBROTI GOVERNADOR ASSISTENTE – ÁREA 4: VIRGÍLIO A. RESENDE BANDEIRA PRESIDENTE DA RODA DA AMIZADE DO ROTARY CLUB DE LAVRAS: ANA LUÍZA DE CARVALHO TOLEDO

ROTARY CLUB DE LAVRAS CONSELHO DIRETOR

PRESIDENTE: Walter de Assis Toledo Júnior VICE-PRESIDENTE: Antônio Adolfo Corsini Gattini Sbampato 1° SECRETÁRIO: João Márcio de Carvalho Rios 2° SECRETÁRIO: Acir Pimenta 1° TESOUREIRO: Adejar Alvarenga 2º TESOUREIRO: Renato Paiva DIRETORES DE PROTOCOLO: Vanda Amâncio Bezerra Mendes e Lauro Antônio Fernandes de Souza

COMISSÕES PERMANENTES

COMISSÃO DE ADMINISTRAÇÃO DO CLUBE: Sebastião Mello de Oliveira COMISSÃO DE IMAGEM PÚBLICA DO ROTARY: Geraldo Bertolucci Júnior e Emerson Nonato Silva COMISSÃO DE ADMISSÃO: Renato Paiva e Sebastião Mello de Oliveira COMISSÃO DA FUNDAÇÃO ROTÁRIA: EGD Gabriel de Siqueira Lopes e Ricardo Augusto Barbosa COMISSÃO DE PROJETOS DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS: Wagner Nogueira e Emerson Nonato Silva

AVENIDAS DE SERVIÇOS AVENIDA DE SERVIÇOS INTERNOS PRESIDENTE: Adejar Alvarenga COMISSÃO DE REVISTA: João Márcio de Carvalho Rios COMISSÃO DE CLASSIFICAÇÕES: Sebastião Mello de Oliveira COMISSÃO DE PATRIMÔNIO: Hebe Oliveira Dinalli e Tiziana Barellini Cresti COMISSÃO DE FREQUÊNCIA: Acir Pimenta e Sebastião Mello de Oliveira COMISSÃO DE PROGRAMAS: Geraldo Bertolucci Júnior e Valdir Curi COMISSÃO DE DESENVOLVIMENTO DO QUADRO SOCIAL: Renato Paiva COMISSÃO DE COMPANHEIRISMO: Hebe Oliveira Dinalli e Sebastião de Assis Vilela COMISSÃO DE BOLETIM: Geraldo Bertolucci Júnior COMISSÃO DE RETENÇÃO E DE RECRUTAMENTO DE COMPANHEIROS: Geraldo Bertolucci Júnior e Acir Pimenta COMISSÃO DE RELAÇÕES PÚBLICAS DO ROTARY: Alysson Massote Carvalho e Geraldo Bertolucci Júnior

AVENIDA DE SERVIÇOS À COMUNIDADE PRESIDENTE: Emerson Nonato Silva COMISSÃO DE PARCERIA NO SERVIR: Valdir Curi COMISSÃO DE PROTEÇÃO AO MEIO AMBIENTE: Wagner Nogueira COMISSÃO DE DES. HUMANO: Tiziana Barellini Cresti COMISSÃO DE DESENVOLVIMENTO COMUNITÁRIO: Sérgio Augusto Pedroso e Valdir Curi

AVENIDA DE SERVIÇOS PROFISSIONAIS

PRESIDENTE: Valdir Curi COMISSÃO DE RECONHECIMENTO PROFISSIONAL: Valdir Curi e Neisson de Oliveira Costa COMISSÃO DE ORIENTAÇÃO PROFISSIONAL: Tiziana Barellini Cresti COMISSÃO DE CONSCIENTIZAÇÃO PROFISSIONAL: Carlos Alberto de Carvalho COMISSÃO DA PROVA QUÁDRUPLA: Renato Paiva

AVENIDA DE SERVIÇOS INTERNACIONAIS PRESIDENTE: Renato Paiva COMISSÃO DE INTERCÂMBIO DE JOVENS: Ricardo Augusto Barbosa COMISSÃO DE SERVIÇOS À COMUNIDADE MUNDIAL: Tiziana Barellini Cresti e Alysson Massote Carvalho

COMISSÕES ESPECIAIS ASSESSOR ESPECIAL DA PRESIDÊNCIA: EGD Oswaldo Louzada Serra ASSESSOR ESPECIAL DA PRESIDÊNCIA PARA O IGE: Ricardo Augusto Barbosa COMISSÃO DE SUPORTE AO ROTARACT: Emerson Nonato Silva e Geraldo Bertolucci Júnior COMISSÃO DE MANUTENÇÃO INTERNA: Neisson de Oliveira Costa e Renato Paiva BANCO DE CADEIRA DE RODAS: Sérgio Augusto Pedroso CERIMONIAL DA ALIMENTAÇÃO E BEM ESTAR: Todos os companheiros em sistema de rodízio OUT DOOR: Sérgio Augusto Pedroso COMISSÃO DO RECONHECIMENTO ACADÊMICO: Lauro Antônio Fernandes de Souza e Emerson Nonato Silva COMISSÃO DE EVENTOS: Antônio Adolfo Corsini Gattini Sbampato e Tiziana Barellini Cresti COMISSÃO EXTRAORDINÁRIA DE EXPANSÃO: Wagner Nogueira e Geraldo Bertolucci Júnior PROJETO INTERACT CLUB DE LAVRAS: Emerson Nonato Silva e Rotaract Club de Lavras PROJETO ROTARY KIDS: Emerson Nonato Silva e Geraldo Bertolucci Júnior

COMISSÕES DE SUPORTE

COLÉGIO DE GOVERNADORES: Oswaldo Louzada Serra, Gabriel de Siqueira Lopes e João Márcio de Carvalho Rios PAST PRESIDENT: Geraldo Bertolucci Júnior PRESIDENTE ELEITO: 2011/2012: Antônio Adolfo Corsini Gatini Sbampato ADDRESSES & PHONES - ENDEREÇOS E TELEFONES PARA CORRESPONDÊNCIAS E BOLETINS:

ROTARY CLUB DE LAVRAS/COMISSÃO DE BOLETIM: GERALDO BERTOLUCCI JÚNIOR RUA SÍLVIO MODESTO DE SOUZA, Nº 209 – BAIRRO NOVA LAVRAS - TEL: (035)3822-3594 (035)8855-9436 37200-000 - LAVRAS - MINAS GERAIS - BRAZIL - E-mail: bertolucci@superig.com.br

2


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

N

3

o passado, a fumaça da pólvora era tão densa no campo de batalha que era preciso esperar a névoa se dissipar para saber quem havia vencido. Da mesma forma, só poderemos avaliar o sucesso deste ano rotário após o seu encerramento. Apesar disto, alguns resultados já são claros. A criação de uma cultura de inovação foi uma realização importantíssima, pois incentivou rotarianos e funcionários do RI a analisar os procedimentos usados para determinar se eram as melhores práticas ou simplesmente práticas tradicionais. Como resultado, implementamos métodos administrativos mais modernos e eu estou entusiasmado com o progresso que alcançamos. Neste clima de inovação, o RI desenvolveu um Plano Estratégico moderno e simplificado, que pede para fortalecermos e apoiarmos os nossos clubes, darmos mais enfoque e expansão aos serviços humanitários e aumentarmos a projeção da imagem pública da organização. As duas primeiras prioridades reforçam os nossos valores e a terceira reconhece a necessidade de aumen mentar a conscientização pública e apoio em comunidades locais de todo o mundo. O plano possui metas mensuráveis e fornece um excelente mapa para o desenvolvimento do Rotary. Outra importante inovação foi a criação do programa de coordenadores do Rotary, cuja função é ajudar os governadores de distrito a ajudarem seus clubes a se tornarem Maiores, Melhores e Mais Fortes. O novo programa de Menção Presidencial forneceu uma folha de avaliação para os clubes compararem sua atuação às de outros clubes em seu distrito, sendo que os resultados serão úteis para os governadores atual e entrante, e também para o RI. Este ano aumentamos ainda mais a atenção aos programas de Novas Gerações, especialmente ao Rotaract e Intercâmbio de Jovens, e demos en-


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

4

foque à iniciativa Ajuda à África. Temos uma nova abordagem para a capacitação de governadores eleitos e ampliamos a participação de exgovernadores. Em geral, fizemos melhorias significativas. Mas a pergunta mais importante é: Será que pavimentamos o caminho para que o Rotary seja ainda melhor no futuro? Só saberemos a resposta quando a fumaça se dissipar... Ray Klinginsmith, Presidente do RI

QUADRAGÉSIMA DO ANO ROTÁRIO 2010/2011 N° 2.733 DESDE A FUNDAÇÃO – DIA 16 DE MAIO DE 2011 dezesseis dias do mês de maio de 2011, às 19h50, a Diretora de Protocolo Vanda Amâncio Bezerra Mendes, anunciou a mesa diretora assim constituída: Presidente Walter de Assis Toledo Junior e os companheiros Paulo de Souza e Celso Furtado, do Rotary de Lavras-Sul. A mensagem inicial foi apresentada pela companheira Ana Tereza, após a qual se seguiu a saudação à Bandeira Nacional. A Diretora de Protocolo saudou os companheiros e companheiras presentes, os membros do Rotary Kids e os convidados Professores Ricardo Pacheco e Fernando de Oliveira e a jovem Tainá e visitantes. A Secretaria informou o recebimento de um E-mail do EGD Peçanha, do Rotary Club de Divinópolis-Leste, sobre questões ligadas a projetos de subsídios equivalentes; apresentou exemplares do mês de abril do Jornal “Agora” e leu notícia publicada no site da UFLA sobre a participação da Pauline, patrocinada pelo Rotary Club de Lavras, no último IGE. O Tesoureiro Adejar lembrou que a parcela adicional da mensalidade de abril deve ser paga diretamente a ele, pois não foi possível incluí-la no sistema de débito em conta. Pelo companheirismo, a companheira Hebe informou os aniversariantes da semana e as datas festivas do período, dentre as quais destacou o aniversário de fundação do Rotary Club de Itajubá-Oeste; finalmente, com a colaboração do companheiro Valdir Curi, prestou informações sobre o “Café Rotário” do último dia 13 de maio. Em seguida, o companheiro Sérgio apresentou uma instrução rotária sobre “Desenvolvimento do Quadro Social”, abordando seus principais aspectos. Após, o companheiro Emerson coordenou a entrega de lotes de tênis, frutos da campanha “Bote seu tênis Usado pra Correr”; inicialmente, ao Professor Ricardo Pacheco, coordenador do projeto “Arremesso para um Novo Horizonte”, que se fazia acompanhar por uma de suas atletas, Tainá. Aliás, ele informou que essa jovem estava ali por que venceu uma disputa de lances livres promovidos entre todas as participantes desse projeto, para definir a representante nesta ocasião; Tainá recebeu um par de tênis feminino das mãos da companheira Vandinha e o Prof. Ricardo recebeu, simbolicamente o lote de tênis das mãos do Presidente Junior Toledo; o Prof. Fernando Oliveira, coordenador do projeto “CRIA”, da UFLA, recebeu, também, simbolicamente outro lote de tênis, representado por um par de sapatilhas, das mãos EGD João Márcio; nessa ocasião, destacou-se um par de tênis, de uso pessoal do EGD Luiz de Araújo Filho, que ele fez questão de doar para essa campanha; no final, o Prof. Ricardo Pacheco agradeceu essa colaboração e deu notícias do sucesso que seu projeto vem alcançando e também deu das atividades desse projeto. A Presidente da Roda da Amizade, Ana Luíza, ocupou a tribuna para propor a realização de uma festa de companheirismo e congraçamento tendo como mote o encerramento do ano rotário; sugeriu uma festa junina, a ser realizada provavelmente no Clube de Campo dos professores da UFLA, no próximo dia 04 de junho, adiantando alguns detalhes, a qual foi muito bem acolhida, recebendo imediato apoio dos companheiros e companheiras. O companheiro Renato Paiva fez questão de subir à tribuna para se penitenciar do desencontro com o companheiro Neisson por ocasião de seu aniversário; justificado esse desencontro, ele entregou ao aniversariante da semana passada, um belo presente, consideradas as circunstâncias atuais: uma vistosa camisa do Cruzeiro Esporte Clube. A seguir, os companheiros EGD João Márcio e Valdir, pela ordem, apresentaram um breve relatório da XL Conferência Distrital,

Aos


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

5

realizada em Poços de Caldas no último fim de semana, cada qual fazendo seus comentários pertinentes e relacionados com as atividades ali desenvolvidas. Neste ponto, o Presidente Junior Toledo, em seus minutos finais, informou da audiência agendada com a Prefeita Municipal, da qual também participará o médico e vereador Hélio Haddad, na próxima quarta-feira, dia 18 de maio, para tratar das providências necessárias para permitir a instalação e funcionamento adequados do Banco de Leite Materno, de forma a permitir seu perfeito funcionamento e a prestação de contas final à Fundação Rotária e ao parceiro internacional; deu notícias do companheiro Bertolucci, que devido a problemas com sua prótese, está impossibilitado de andar e não pode comparecer à reunião; informou os prêmios recebidos na Conferência Distrital e em reconhecimento a atividades desenvolvidas neste ano rotário: Primeiro lugar para nosso Boletim Semanal; troféu por sua interação comunitária, simbolizada pelo Banco de Cadeiras de Rodas; troféu pela criação do Rotary Kids e um troféu pela participação nesse evento; destacou que além de uma caravana significativa de rotarianos e familiares, o Clube se destacou por ser o único que contou com a presença de três EGD‟s nesse encontro; agradeceu a Ana Luíza pela iniciativa da festa junina, agradeceu a presença dos companheiros e companheiras, dos visitantes e dos convidados e ao companheiro Emerson pela responsabilidade da preparação do jantar, para o qual convidou todos os presentes e encerrou esta reunião, que teve a freqüência provisória de 88%, às 21h15, com a tradicional saudação à Bandeira Nacional. E para constar eu, João Márcio de Carvalho Rios, Secretário, lavrei a presente ata que vai por mim assinada.

João Márcio de Carvalho Rios

Mesa diretora formada pelo presidente Walter de Assis Toledo Júnior e pelos Comps. Celso Furtado e Paulo de Souza, ambos do Rotary Club de Lavras-Sul. À mesa, expostos para os presentes, os troféus conquistados pelo clube na Conferência Distrital: 1º lugar – Boletim Semanal; 2º lugar – troféu interação, pelo segundo melhor projeto de interação comunitária (Banco de Cadeiras de Rodas); Criação do Rotary Kids e, por fim, troféu de participação.


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

6

;

Acima, momentos importantes do último encontro: Compª. Vanda Amâncio Bezerra Mendes no protocolo; pelo expediente da secretaria o Comp. EGD João Márcio de Carvalho Rios; o Comp. Adejar Alvarenga pela tesouraria; no ‘soluço rotário’ o Comp. Sérgio Pedroso; pela Roda da Amizade sua presidente Ana Luíza Toledo; falando sobre a Conferência Distrital o Comp. Valdir Curi; usando a tribuna para presentear o Comp. Neisson Costa, que se aniversariou semana passada o Comp. Renato Paiva.

Abaixo, instante dos mais solenes: os neo-companheiros honorários João Batista de Oliveira e João Sampaio recebem dos EGD’s Oswaldo Louzada Serra e Gabriel de Siqueira Lopes os respectivos dísticos rotários, trazidos especialmente pelo Comp. presidente Júnior Toledo da 40ª Conferência distrital.


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

Acima, o momento máximo do último encontro: o encerramento da campanha ‘Bote seu Tênis Usado pra Correr’, com a entrega simbólica de pares de tênis a dois projetos – ‘Arremesso para um Novo Horizonte’ e ‘CRIA’, dos professores Ricardo Pacheco e Fernando Roberto de Oliveira, respectivamente. A campanha, coordenada pelo presidente da Avenida de Serviços à Comunidade Comp. Emerson Nonato, irá beneficiar dezenas de jovens e crianças esportistas.

7


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

8

DIA 23 DE MAIO DE 2011 41ª DO ANO ROTÁRIO 2010/2011 Reunião n° 2.734 desde a fundação do RCLavras 1) COMISSÃO DE PROTOCOLO: Compª. Vanda Amâncio Bezerra Mendes/Comp. Lauro Antônio Fernandes de Souza 2) SAUDAÇÃO À BANDEIRA NACIONAL 3) SECRETARIA: Comp. EGD João Márcio de Carvalho Rios/Comp. Acir Pimenta 4) TESOURARIA: Comp. Adejar Alvarenga/Comp. Renato Paiva 5) COMPANHEIRISMO: Compª. Hebe Oliveira Dinalli/Comp. Sebastião de Assis Vilela 6) EXIBIÇÃO DO BOLETIM EM MULTIMÍDIA 7) RELATÓRIO SOBRE O INTERCÂMBIO DE GRUPOS DE ESTUDOS: pela intercambista e presidente do Rotaract Club de Lavras Pauline Freire 8) PALAVRAS FINAIS 9) SAUDAÇÃO À BANDEIRA NACIONAL 10) JANTAR 11) COMPANHEIRISMO

O PÓLO NORTE PODE FICAR SEM GELO EM 2019

O

aquecimento global está derretendo o gelo do Ártico a uma velocidade acelerada. Um gráfico feito recentemente pela equipe do Centro de Ciência Polar da Universidade de Washington dá uma ideia do que significa a tendência atual.

Seguindo o histórico de encolhimento da superfície gelada dos últimos anos, a projeção é que o Pólo Norte fique sem gelo por volta de 2019, durante algumas semanas de setembro. O mais impressionante é que, segundo a mesma projeção, o Ártico pode ficar sem gelo também no inverno a partir de 2033. O gráfico abaixo mostra o recuo da superfície total de gelo no Ártico nos últimos anos. Cada linha representa um mês. A linha inferior, em vermelho, corresponde a setembro, no fim do verão, o ápice do derretimento. O período observado vai de 1979 a 2009. A partir desta data, uma projeção da tendência decrescente da linha vermelha, de abril, levaria a um verão sem gelo em 2019. A linha mais alta, em roxo, corresponde a abril, no fim do inverno, quando há mais gelo acumulado. A projeção da evolução da linha roxa chegaria a um momento sem gelo em 2033. O derretimento do Ártico não eleva diretamente o nível dos mares porque ele já está flutuando sobre a água. Mas tem vários impactos no


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

clima da Terra. Primeiro, muda correntes marinhas importantes, como as que regulam o clima do Atlântico Norte. Também acelera o aquecimento geral do planeta porque acaba com a camada branca reflexiva do gelo, que hoje representa o maior mecanismo de resfriamento da Terra. O derretimento do Ártico pode apressar o colapso das grandes geleiras da Groelândia. Essas sim têm capacidade para elevar em alguns metros o nível do mar.

O

COMO SERÃO NOSSAS COMPRAS NO FUTURO

futuro das nossas compras está nas mãos de uma polêmica de difícil desfecho. O centro da discórdia é a sacolinha plástica, tão antiga nos supermercados quanto o carrinho ou o caixa registrador. De um lado, os ambientalistas apontam as sacolinhas como vilãs do meio ambiente. Elas demorariam séculos para se decompor quando descartadas em aterros. Muitos sacos ainda acabam nos rios e entopem os mares de lixo. Elas se acumulam em ilhas no meio oceano, matam golfinhos e outros animais marítimos por asfixia. Mas há também quem defenda sua permanência. Os fabricantes de plástico afirmam que 100% das sacolinhas são reutilizadas quando chegam à sua casa. Se não para armazenar os resíduos, servem de embalagem de sapato para colocar na mala. Ou para proteger um braço engessado na hora do banho. Ou até para fazer bolsa de gelo.

Há pouco tempo o governo de São Paulo fez um acordo com os grupos de varejo do estado. Eles querem abolir os saquinhos plásticos das lojas até o final do ano – e substituí-los por ecobags (as sacolas retornáveis de ráfia, algodão ou mesmo de… plástico). Ou por sacolas biodegradáveis feitas de amido de milho. Algumas cidades, como Belo Horizonte, transformaram a medida em lei. Desde meados de abril, é proibido distribuir sacolinhas plásticas nos supermercados da capital mineira. Foi suficiente para gerar uma boa polêmica.

9

Primeiro porque a restrição mexe no bolso do consumidor. A ecobag sai por R$ 1,98. Cada sacola de milho custa R$ 0,19. É muito quando multiplicado pela quantidade de embalagens necessárias para uma compra maior. Segundo porque o saquinho biodegradável não tem se mostrado tão eficiente. Além de não aguentar o peso que promete (6 quilos), ele não conseguiria se decompor no prazo de seis meses. A pergunta que fica é: a melhor alternativa às sacolinhas plásticas de petróleo é mesmo a feita com amido de milho? O Brasil ainda não produz este tipo de embalagem. Os saquinhos biodegradáveis vêm dos Estados Unidos. A Unicamp tem projetos nesta área, mas não há escala industrial. Quanto o transporte deste material emite de gases causadores do efeito estufa (e das mudanças climáticas)? A pegada de carbono do saco de milho é menor do que a da embalagem de petróleo, feita com um recurso não renovável? Eu nunca vi esta conta. Você já viu?

POR UMA ÁGUA DE COCO GELADA E MAIS ECONÔMICA

D

epois de caminhar alguns quilômetros na praia de Ipanema, Rio de Janeiro, Alexandre Mansur parou em um quiosque e pediu uma água de coco bem gelada. O vendedor apontou para o tambor de plástico com as frutas expostas ao sol e disse: “Gelado, só no copo ou na garrafa.” Sua primeira reação foi reclamar ou partir para outro quiosque. Mas logo avaliou melhor. Faz sentido.


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

Beber um coco bem gelado é um luxo. Mas também um desperdício de energia. A casca e a parte fibrosa do coco são como isolantes térmicos. Colocar o coco inteiro para gelar é algo equivalente a encher uma garrafa térmica com água e colocar na geladeira para esfriar o líquido lá dentro. Desconheço se alguém já calculou quanta energia se economiza gelando a água do coco fora da fruta. Na máquina, do lado dos cocos, a água da fruta passa por uma serpentina mergulhada em pedras de gelo. O líquido sai gelado na hora, pela torneira, do outro lado. Parecia o único jeito de dar conta da demanda naquele quiosque num feriadão ensolarado e cheio de turistas. É claro que o coco gelado é mais charmoso. Mas em tempos de eficiência energética e combate ao desperdício, o meio de gelar o produto faz diferença. Inclusive considerando que as empresas brasileiras dizem que não pagariam mais caro por energia mais limpa. Por quanto tempo ainda poderemos desfrutar desse privilégio do coco gelado?

COM A EXTINÇÃO DAS SACOLINHAS, ONDE COLOCO MEU LIXO?

T

odo mundo deve estar com esta pergunta entalada na garganta. Quando as sacolinhas desaparecerem dos supermercados, onde vamos colocar o lixo nosso de cada dia? A Câmara de São Paulo já aprovou uma lei que veta sacolas plásticas no comércio e tal iniciativa em pouco tempo deverá se alastrar por todo o Brasil. O projeto, se aprovado, começa a valer a partir do próximo ano. O pessoal do blog Rede ECOBlogs tem uma dica preciosa: sacos feitos com jornal que iria para o lixo. Usando a técnica de origami. A ideia, de autoria de Juliana Valentini, é fácil e rápida. O saquinho pode ser feito em cerca de 20 segundos. A resistência depende do número de folhas que você usa.

Fonte: http://revistaepoca.globo.com/

10

O PASSO A PASSO 1. “Faça uma dobra para marcar, no sentido vertical, a metade da página da direita. Dobre a beirada dessa página para dentro até a marca, e assim terá um quadrado. Dobre a ponta inferior direita sobre a ponta superior esquerda, formando um triângulo. 2. Dobre a ponta inferior direita do triângulo até a lateral esquerda. 3. Vire a dobradura e, novamente, dobre a ponta da direita até a lateral esquerda. 4. Para fazer a boca do saquinho, pegue uma parte da ponta de cima do jornal e enfie para dentro da aba que você dobrou por último, fazendo-a desaparecer lá dentro. 5. Sobrará a ponta de cima que deve ser enfiada dentro da aba do outro lado. Então vire a dobradura para o outro lado e repita a operação. 6. Abrindo a parte de cima, está pronto saquinho! É só encaixar dentro do seu cestinho e parar pra sempre de jogar mais plástico no lixo!” Caso você queira ver o passo a passo em imagens, acesse: http://colunas.epoca.globo.com/planeta/2011/05/1 8/com-a-extincao-das-sacolinhas-onde-eu-colocomeu-lixo/


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

DIA 23/05

24/05

25/05

26/05

27/05

28/05

29/05

PERÍODO - DE 23/05/2011 A 29/05/2011 DIA DO ROTARY CLUB DE ITAPECERICA – FUNDAÇÃO 23/05/1970 DIA DO SOLDADO CONSTITUCIONALISTA DIA MUNDIAL DAS COMUNICAÇÕES SOCIAIS DIA MUNDIAL DA TARTARUGA DIA DO TELEGRAFISTA DIA NACIONAL DO MILHO DIA DO DATILÓGRAFO DIA DA INFANTARIA DIA DO DETENTO DIA DO VESTIBULANDO DIA DO CAFÉ DIA DE NOSSA SENHORA AUXILIADORA DIA DO TRABALHADOR RURAL DIA DA INDÚSTRIA/INDUSTRIAL DIA DA COSTUREIRA DIA DO MASSAGISTA DIA NACIONAL DA ADOÇÃO DIA DO SAPATEADO DIA INTERNACIONAL DAS CRIANÇAS DESAPARECIDAS DIA MUNDIAL DOS VIZINHOS DIA DO DESAFIO DIA DO ORGULHO NERD DIA NACIONAL DO MUSEU DIA DO REVENDEDOR LOTÉRICO DIA NACIONAL DE COMBATE AO GLAUCOMA DIA DO PROFISSIONAL LIBERAL DIA NACIONAL DA MATA ATLÂNTICA DIA DO SERVIÇO DE SAÚDE DO EXÉRCITO DIA DA IMPRENSA DO INTERIOR DIA MUNDIAL DA ESCLEROSE MÚLTIPLA DIA MUNDIAL DOS MEIOS DE COMUNICAÇÃO DIA DO ROTARY CLUB DE DIVINÓPOLIS – FUNDAÇÃO 28/05/1956 DIA DO CERAMISTA DIA INTERNACIONAL DE LUTA CONTRA A MORTALIDADE MATERNA DIA MUNDIAL DO DESAFIO DIA DO ESTATÍSTICO DIA DO POLICIAL DIA DO GEÓGRAFO

11


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

12

DIA INTERNACIONAL DOS SOLDADOS DA PAZ DAS NAÇÕES UNIDAS DIA MUNDIAL DA ENERGIA DIA DO SOCIÓLOGO

ADMINISTRAÇÃO DA FUNDAÇÃO ROTÁRIA. A Fundação Rotária é administrada por 14 curadores que, com a aprovação do Conselho Diretor do Rotary Internacional, são nomeados pelo Presidente. Ditos treze curadores representam as seis regiões do mundo rotário. Quatro curadores são expresidentes de R.I., outros, são rotarianos nomeados devido à sua experiência em finanças ou em Setores da Fundação Rotária. Os curadores desempenham suas funções independentemente de remuneração. O mandato dos curadores é de quatro (4) anos. UM BRASILEIRO ELEITO CURADOR O Comp. Antonio Hallage, do Rotary Club de Curitiba, atual diretor do RI, foi eleito Curador da Fundação Rotária e irá exercer essa função a partir de 1º de julho próximo, até dia 30 de junho de 2015, representando todos os rotarianos sul americanos. MANUTENÇÃO DA FUNDAÇÃO ROTÁRIA. A Fundação Rotária é mantida pelas contribuições voluntárias de Rotary Clubes, rotarianos e outros. Uma das formas de contribuições, a mais importante delas são os títulos de Companheiro ou Contribuinte Paul Harris, destinados à pessoa - homem, mulher ou criança que contribuam, ou em nome da qual contribuíram, com US$ 1.000 para a Fundação Rotária, de uma só vez ou parcelamento. É dever de todo rotariano conhecer e divulgar os programas da Fundação Rotária, bem como envidar esforços no sentido de proporcionar maiores donativos a ela, para que tenha condições de continuar seus programas e expandi-los.


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

13

PROGRAMAS DA FUNDAÇÃO ROTÁRIA O conselho diretor do RI e o Conselho de curadores da Fundação aprovaram, como meios eficazes para promover o objetivo da Fundação Rotária, 11 programas, divididos basicamente em duas áreas: Programas Educacionais e Programas Humanitários: 1. Bolsas Educacionais; 2. Centros Rotary de Estudos Internacionais; 3. Subsídios Rotary para Professores Universitários; 4. Intercâmbio de Grupos de Estudos – IGE; 5. Subsídios Distritais Simplificados; 6. Subsídios para Serviços Voluntários; 7. Subsídios Equivalentes; 8. Subsídios "Saúde, Fome e Humanidade" (3-H); 9. Recuperação em caso de catástrofes; 10. Pólio Plus; 11. Subsídios Pólio Plus.

No informativo da semana passada trouxemos a alVissareira notícia de que o Comp. Hon. Roberto Alvarenga Horta Barbosa havia recebido o título Companheiro Paul Harris durante a Conferência Distrital do distrito 4530, ao qual pertence o RC Brasília-Lago Sul, onde é sócio representativo. Naquela matéria aproveitamos para relembrar um passado não muito remoto em que contávamos com presença – embora esporádica – do Comp. Roberto, motivo que o levou a ser titulado ‘companheiro honorário’ do clube. Pois bem! Como assíduo leitor do boletim, o caríssimo Roberto tomou conhecimento do noticioso e nos enviou um sensibilizante testemunho, que no outro dia foi ainda enriquecido com uma belíssima oração de Chico Xavier.


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

14

Só o depoimento do Comp. Roberto já seria merecedor de menção neste informativo, o qual, com muita alegria e honra publicamos a seguir juntamente com a linda oração, que na opinião de Roberto – que com certeza será por todos endossada – tem ‘tudo a ver com a filosofia rotária. Vamos a eles:

Caros Companheiros e amigos do Rotay Club de Lavras, Foi com grata surpresa que li no Boletim de hoje o destaque que deram ao honroso momento que vivi em Caldas Novas, ao receber o Título Companheiro Paul Harris. Para quem entrou no Rotary há tão po uco tempo, significa realmente uma alegria muito grande. Que, é claro, devo a todos vocês e, em especial, ao Companheiro Adejar. Comecei a ir a Lavras, para dar apoio à minha Tia Mariinha, em 2003, mas, em 2004, quando as minhas idas à Cidade tornaram-se regulares em função da piora da sua saúde, o Companheiro Adejar (que, carinhosamente, chamo e chamarei sempre de "Seu" Adejar), observando que eu ficava só, apenas saindo durante o dia para resolver as muitas pendências que surgiam, convidou-me a conhecer o Rotary. Disse-me que era um grupo do qual ele acreditava que eu iria gostar. Além do mais, ao final, era servido um delicioso jantar. Fui, sim, e gostei. Como vêem, o Comp. Adejar se preocupava comigo. Queria tirar-me, mesmo que por poucas horas, das preocupações e de um ambiente inevitavelmente pesado, em torno de doença. Hoje eu entendo o que é espírito rotário... No Rotary, o que me chamou a atenção de forma muito intensa, foi o contato que tive com a "Prova Quádrupla", logo na primeira vez que participei de uma reunião rotária. Transcrevi para o meu bloquinho de anotações (a folha eu guardo até hoje) e, volta e meia, refletia sobre os valores e princípios contidos naqueles questionamentos. Afinal, eu dava consultoria em organizações e ainda não havia visto nada igual antes. Os anos se passavam, ia a Lavras todo mês, ficava por mais ou menos uma semana e voltava para Brasília. Mas ia sempre à reunião do Rotary. Aquilo já fazia parte da viagem. Eu ganhava energia ali - da mesma forma que me estruturava espiritualmente na Igreja, no sábado. Curioso que a Da. Maria Amélia disse-me, certa vez, que o Comp. Adejar convidou-me para visitar o Rotary porque confiava em mim. Caso contrário, não me teria convidado. Ali reencontrei o Companheiro Lousada, muito amigo do meu pai, e que conheci ainda criança. Quando íamos a Lavras visitar os meus avós, os meus pais visitavam o Lousada e a sua família. Na mesma rua. Na mesma casa. No Rotary de Lavras fiz amizades novas, preciosas, e devo, sem desmerecer ninguém, ressaltar os nomes do Adejar, do Lauro, do Valdir Curi, do Sérgio Pedroso. Todavia, interagi com todos em um ambiente inequivocamente sadio, de cordialidade, de ajuda ao próximo, que continuava me passando amparo, energia, confiança, sentimento de dignidade. Algo chamado companheirismo, que mais tarde fui compreender. Ter sido distinguido com o Título de Companheiro Honorário foi inesperado e, pensei, até imerecido. Restava-me honrar aquele presente. Minha Tia morreu. Tocou-me profundamente a presença de vários companheiros no Velório, dandome apoio, encorajando-me. Voltei a Brasília. Aos poucos retomei a vida que aqui levava. Aposentado no Banco Central desde 2003, retomei as consultorias. Mais adiante, voltei a advogar. Toquei a minha plantação de flores tropicais, agora com direcionamento comercial (inclusive recebi orientação da Patrícia, esposa do Renato Paiva, relativamente à adubação). MAS FALTAVA ALGO. EU SENTIA FALTA DO TAL COMPANHEIRISMO... Sentia saudades das reuniões. Recorri, então, a amigos daqui. Contei-lhes como sentia falta do Rotary. A "teia" se formou, levaram-me ao encontro do Presidente do RC Lago Sul à época, Ruy Cerqueira, que me apadrinhou. Passei a frequentar as reuniões (já havia aprendido em Lavras). Posse em 15 de maio de 2009. Acho que a vontade de curtir o Rotary era tanta, que ganhei o Companheiro 100% logo no primeiro ano - já que não faltava a nenhuma reunião. O que mais me supreendeu, no entanto, foi a rapidez e a facilidade com que a Paula, minha mulher, antes reticente, incorporou-se (ou foi envolvida e incorporada) às atividades rotárias. O que temos vivido é muito bom. Mas, como vêem do relato, confirmando o que foi dito no Boletim, tudo começou aí, no Rotary de Lavras, onde comecei a compreender o que é o espírito de Rotary. A vocês todos "muito obrigado" sempre será pouco. Mas fica, sim, a profunda gratidão e a convicção de que a sementinha que lançaram vingou. Que eu seja digno de vocês, sempre. A propósito, a partir de 1º de julho serei o novo Secretário do RC Brasília Lago Sul.

Roberto Alvarenga Horta Barbosa


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

15

A ORAÇÃO: Caro Bertolucci, esta oração passa muito do que persigo e complementaria numa boa o texto de agradecimento aos companheiros do RC Lavras. Acho, no entanto, que ele traduz o espírito do Rotary. Não tem nada a ver com religião. É, sim, uma profissão de fé no bem. Abração. Roberto

Oração Nossa Senhor ensina-nos a orar, sem esquecer o trabalho. A dar, sem olhar a quem. A servir, sem perguntar até quando... A sofrer, sem magoar, seja quem for. A progredir, sem perder a simplicidade. A semear o bem, sem pensar nos resultados... A desculpar, sem condições. A marchar para frente, sem contar os obstáculos. A ver sem malícia... A escutar, sem corromper os assuntos. A falar, sem ferir. A compreender o próximo, sem exigir entendimento... A respeitar os semelhantes, sem reclamar consideração. A dar o melhor de nós, além da execução do próprio dever, sem cobrar taxas de reconhecimento... Senhor, fortalece em nós, a paciência para com as dificuldades dos outros, assim como precisamos da paciência dos outros, para com as nossas próprias dificuldades... Ajuda-nos para que a ninguém façamos aquilo que não desejamos para nós... Auxilia-nos, sobretudo, a reconhecer que a nossa felicidade mais alta será, invariavelmente, aquela de cumprir seus desígnios onde e como queiras, hoje, agora e sempre. Chico Xavier


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

DATA

ADMISSÃO DE COMPANHEIROS - MÊS DE MAIO

08/05/54 27/05/96 03/05/99 14/05/01 14/05/07

COMP. GOV. OSWALDO LOUZADA SERRA – 57 ANOS COMP. COMP. WAGNER NOGUEIRA – 15 ANOS COMP. NEISSON OLIVEIRA COSTA – 12 ANOS COMP. EMERSON NONATO SILVA – 10 ANOS COMP. ANTÔNIO ADOLFO SBAMPATO – 4 ANOS

DATA

ANIVERSÁRIOS E CASAMENTOS – 23/05/11 A 29/05/11

23/05 24/05 24/05 24/05 28/05 28/05 29/05

MARCOS – GENRO DO COMP. EGD JOÃO MÁRCIO E NILDA MATEUS – FILHO DO COMP. ANTÔNIO ADOLFO VICTOR – NETO DO COMP. EGD JOÃO MÁRCIO E NILDA ÉLTON – GENRO DO COMP. EGD GABRIEL E MARIA STELLA MOEMA – FILHA DO COMP. EGD OSWALDO LOUZADA SERRA JOÃO PAULO – FILHO DO COMP. SÉRGIO PEDROSO E SILENE COMP. ACIR PIMENTA

16

OS DESTAQUES DA SEMANA A partir desta edição, sempre que houver tempo, passaremos a publicar os destaques semanais dados às ações do Rotary Club de Lavras pela mídia impressa, eletrônica, televisiva e falada. Além de colocarmos os leitores a par do grande apoio que temos tido da imprensa, ainda é uma maneira de homenagearmos nossos apoiadores. Nesta semana fomos notícia no portal eletrônico de notícias Lavras24horas e nos semanários Tribuna de Lavras e a Gazeta. Vejam as imagens capturadas:

Lavras24horas – 19/05/2011


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

A GAZETA – 20/05/2011

TRIBUNA DE LAVRAS – 21/05/2011

À mídia local, os agradecimentos do Rotary Club de Lavras.

17


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

18

Em 12 de janeiro, centenas de pessoas do Distrito 5330 estiveram no Ray K Corral em Menifee, um encontro com temática de velho oeste. O destaque foi uma campanha do distrito que desde 1° de julho já trouxe US$133.000 ao Desafio do Rotary. A quantia foi equiparada por Al Braswell, do Rotary Club de Yucaipa, totalizando US$266.000. Os 59 clubes do distrito contribuíram. O presidente do RI, Ray Klinginsmith, fez o discurso principal e as festividades incluíram jantar, Presidente Ray Klinginsmith recebe simbolicamente a dança ao som de banda country e uma contribuição do Rotary Club de Redland de mais de US$8.000 ao Desafio do Rotary. A partir da esquerda, cadeia tipo quermesse, onde era preciso aparecem a presidente do clube, Pmela Huston, Ray, e a fazer doações de US$5 para libertar "os governadora Cherie Curzon. presos". "O Distrito 5330 tinha se proposto a levantar US$100.000 em 2010-11", disse a associada de um clube do distrito, Karen Hobson. "A gente fez campanhas de arrecadação de fundos por todo o distrito, e todos nós fizemos bonito."

- CONCERT TO END POLIO “ELE FOI UMA VÍTIMA DA PÓLIO” Itzhak Perlman, violinista consagrado e sobrevivente da pólio, se apresentou com a Filarmônica de Nova York no Concert to End Polio, que aconteceu no New York City‟s Lincoln Center for the Performing Arts em dezembro e teve os ingressos esgotados. O concerto trouxe mais de $100.000, que vão nos ajudar a chegar mais perto dos $200 milhões e assim vencer o desafio de equiparar parte dos $355 milhões doados pela Fundação Bill e Melinda Gates. A erradicação da pólio significa muito para Perlman, que contraiu a doença quando tinha quatro anos de idade e teve que vencer várias dificuldades até se tornar um dos músicos mais renomados do mundo. “É inaceitável que a pólio ainda exista. Não há desculpa para isso”, disse Perlman. “A pólio tem que ser eliminada o quanto antes.”


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

19

O evento ajudou a aumentar a conscientização sobre a doença, pois há muitos que acham que ela não é mais uma ameaça às crianças. Na realidade, o vírus ainda circula no Afeganistão, Índia, Nigéria e Paquistão. O Rotary, a Organização Mundial da Saúde, o Unicef e o Centro Norte-Americano de Controle e Prevenção de Doenças lançaram a Iniciativa Global de Erradicação da Pólio em 1988. Desde então, os casos da doença caíram em mais de 99%, evitando cinco milhões de casos de paralisia infantil e 250.000 mortes.

FALTA SÓ ISTO


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

20

NOVOS RECURSOS E TÁTICAS NOVOS RECURSOS E TÁTICAS, somados ao aumento do suporte de líderes da arena política, contribuíram para o progresso do Rotary na erradicação da pólio. A nova vacina oral bivalente — eficaz contra os dois tipos de vírus selvagem remanescentes (tipo 1 e 3) — foi usada em Dias Nacionais de Imunização (DNIs) nos quatro países onde a pólio é endêmica. As campanhas de imunizações em massa visaram chegar a todas as crianças dos países endêmicos e aqueles para onde o vírus foi exportado. Em se tratando de arrecadação de fundos, o Desafio 200 Milhões de Dólares ultrapassou a metade da meta antes do previsto. Rotarianos e amigos do Rotary na Áustria, Alemanha, Grã-Bretanha e Irlanda levantaram quase $5,25 milhões ao Desafio com atividades no Dia Mundial da Pólio, em 24 de outubro. Rajashree Birla, associado honorário dos Rotary Clubs de Bombay e Mulund, Maharashtra, Índia; e Usha Mittal, esposa de Lakshmi Mittal, CEO da Arcelor Mittal, deram sequência a seu apoio financeiro à campanha. “O Rotary International tem exercido um papel extraordinário na Iniciativa Global de Erradicação da Pólio, não somente por ter sido um dos pioneiros dessa frente, como também por trazer recursos financeiros, engajamento político e voluntários à iniciativa”, afirmou o Dr. Bruce Aylward, diretor da Iniciativa na Organização Mundial da Saúde.

O

Banco de Cadeiras de Rodas (BCR), dando continuidade ao novo segmento abraçado – REFORMA, CONSTRUÇÃO E RECONSTRUÇÃO DE CASAS – já iniciou mais um empreendimento social: está construindo a casa de outra família necessitada. A obra está sendo realizada perto daquela casa que foi recentemente reconstruída, no alto da Rua Paulo Costa Pereira (saída para a Ponte do Funil).


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

21

Trata-se da família de Alessandra, cujo marido encontra-se preso. Mãe de três crianças, sendo a mais velha com 12 anos de idade, ela, desde que o marido envolveu-se numa briga que resultou em sua prisão, tenta a duras penas sustentar os filhos e vem trabalhando como gari na empresa concessionária do serviço em Lavras. Eles moram em dois cômodos: quarto e banheiro, tendo apenas uma cama de casal para todos. Praticamente sem qualquer perspectiva na vida, Alessandra agora começa a divisar um novo tempo para sua família. A reconstrução vem sendo supervisionada pelo amigo José Marcos Alvarenga, representante do Juizado Especial de Pequenas Causas da Comarca de Lavras, órgãoparceiro nesta nova empreitada É neste espaço onde ainda vive Alessandra: dois cômodos, sendo um banheiro e um quarto com uma cama de casal, onde dormem a mãe e três crianças. do BCR. Pelo Banco de Cadeiras de Rodas/Rotary Club de Lavras, o Comp. Sérgio Augusto Pedroso tem acompanhado a evolução dos trabalhos e até, como o leitor poderá constatar abaixo, „colocado a mão na massa‟, literalmente!!! No local já existia uma base construída pelo irmão de Alessandra, mas nem um tijolo levantado. Atualmente, a construção já vai tomando „forma‟ e, dentro de pouco tempo, Alessandra poderá adentrar à sua nova morada, com 70,00 m2 de área e que também será mobiliada, não só através do BCR, como também através de doações a serem pleiteadas junto à comunidade. Todos os rotarianos estão convidados a se dirigir até o local e também acompanhar mais este benefício aos mais necessitados. Acompanhe alguns registros da construção da novo lar de Alessandra:

A obra em dois momentos: na primeira sequência acima, as paredes da casa sendo levantadas, inclusive, com uma ‘mãosinha’ do Comp. Sérgio Pedroso, que a tudo acompanha; na sequência seguinte já podemos ver a casa com as paredes levantadas e a colocação de laje, telhas e janelas. A criança que aparece na foto é uma das filhas de Alessandra.

PREMIAÇÃO É bom lembrar que o Rotary Club de Lavras acaba de ser agraciado com o Troféu Interação, na 40ª Conferência Distrital, justamente pelo novo modelo de projeto adotado pelo BCR. Agora, além de


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

22

cadeiras de rodas, de banho e acessórios afins, surge esta nova realidade, que muitos benefícios trará à comunidade. É muito gratificante testemunharmos a transformação na vida de pessoas que pouca ou quase nenhuma perspectiva tinha de melhoria de qualidade de vida. É o resgate da dignidade humana, da cidadania, da auto-estima.

O

Comp. Emerson Nonato Silva nos passou os números finais da campanha „Bote seu Tênis Usado pra Correr‟. Três postos de coleta foram colocados, sendo um no Auto Posto Lavras Shell, um no Instituto Presbiteriano Gammon e outro na SELT, contudo, louve-se a mobilização pessoal de cada um dos rotarianos, recolhendo de seus guardados e de amigos e familiares, alguns pares de tênis para a campanha. Ressalte-se ainda o gesto de companherismo e solidariedade do Comp. EGD Luiz de Araújo Filho que, tendo tomado conhecimento da campanha através do boleboletim, não se furtou a dar a sua contribuição. Também ressaltamos aqui mesmo gesto dos companheiros do Rotary Club de Campo Belo e dos componentes do Tiro de Guerra daquela cidade. Igualmente, tomando conhecimento pelo boletim, enviaram 8 pares de sapatilhas para a empreitada. No total, 96 pares de tênis usados, mas em boas condições, foram arracadados. Os calçados, como divulgado, foram doados a dois projetos em Lavras: „CRIA – Centro Regional de Iniciação ao Atletismo‟ e „Arremesso para um Novo Horizonte‟. Além disso, o próprio Comp. Emerson Nonato pôde destinar alguns pares do calçado aos projetos esportivos, que por ele são desenvolvidos na cidade de Ijaci.

Trabalho, Equipe, Cooperação e Sucesso

A

ssisti a uma palestra de um dos mais famosos “coaches” (técnicos) do time de futebol americano 49ers de Los Angeles. Na palestra, para empresários, ele dizia que o sucesso de qualquer equipe está na “conscientização de seus membros de que as necessidades, compromissos e problemas individuais devem subordinar-se aos com-

(*) Luiz Marins

promissos, necessidades e problemas da equipe.” “- Isso nem sempre é fácil”, dizia ele. Todos temos compromissos, necessidades e problemas individuais e ninguém gosta de abrir mão de seus compromissos pessoais, em benefício do funcionamento perfeito da equipe. Ficamos mesmo às vezes indignados quando a equipe exige de nós algum comprome-


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

timento extra. Mas, está aí, dizia ele, a razão do sucesso das equipes vencedoras.

Após a palestra fizemos um trabalho de correlação entre o que o famoso técnico disse e nossas equipes de trabalho nas empresas. O mesmo fenômeno parece ocorrer nas empresas. Hoje o trabalho está cada vez mais centrado em equipes. Sejam programas de qualidade e produtividade, sejam equipes de manutenção, sejam grupos de apoio adminis-

23

trativo. Quando temos equipes compostas de pessoas que pensam “individualisticamente” fica quase impossível obter sucesso. Quando os membros da equipe não agem como um corpo único, autosuportado, nada funciona como deveria. É ilusão pensar que poderemos fazer parte de uma equipe onde seus membros queiram sempre manter seus compromissos, resolver seus problemas e atender suas necessidades individuais em primeiro lugar. Trabalhar hoje é trabalhar em equipe. E a equipe exige de nós compromissos, atitudes e comportamentos que muitas vezes irão se chocar com necessidades individuais. Porém, se quisermos ser uma equipe vencedora, a opção será sempre clara e rápida em favor do grupo. Pense nisso. Sucesso!

O Prof. Luiz Marins é Consultor e Conselheiro de empresas e organizações nacionais e internacionais desde 1984, famoso por ministrar palestras de auto-ajuda e de lições de empreendedorismo.

Um

esclarecedor relato sobre a 40ª Conferência Distrital, a Conferência da Fraternidade nos foi passado pelos companheiros EGD João Márcio de Carvalho Rios e Valdir Curi, durante nosso último encontro. Ambos discorreram pormenorizadamente todos os detalhes do evento, principalmente seus pontos altos. O Rotary Club de Lavras mais uma vez brilhou, conquistando 4 troféus: 1º lugar – Boletim Semanal; 2º lugar (Troféu Interação) – Projeto do Banco de Cadeiras de Rodas; Troféu pela criação do Rotary Kids (único clube a ter sucesso nessa iniciativa que, diga-se de passagem, iniciou-se na gestão do Comp. Emerson Nonato Silva; Além de um quarto troféu de participação. A comitiva lavrense foi uma das maiores dos últimos tempos, tendo comparecido a Poços de Caldas os seguintes companheiros, além de filhos e familiares: o presidente Walter de


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

24

Assis Toledo Júnior, Ana Luíza, Ana Carolina, Isabela e Alice; Valdir Curi; Acir Pimenta e Cleide; Sérgio Pedroso, Silene, o filho Sérgio Henrique e dona Cecília sua sogra; Neisson Costa, Ceila e o filho Pedro Henrique; Wagner e Clara; EGD Oswaldo Louzada Serra, Cleurice e o genro Carlos Alberto; Gabriel, Maristellla e o filho Reminho; EGD João Márcio de Carvalho Rios e Nilda, Sebastião Mello de Oliveira e Marília, Antônio Adolfo Sbampato, Alessandra e os filhos Mateus e Laura, Emerson Nonato e Elisângela. Ao todo 33 pessoas, entre membros do RCLavras e familiares compareceram. Ressalte-se que somente o Rotary Club de Lavras estava presente com três EGD‟s, tendo eles efetivamente participado de momentos importantes do evento, dentre os quais, a saudação do Comp. EGD Gabriel Lopes na cerimônia de plantio da “Árvore da Amizade” e a saudação ao casal representante do presidente do RI, EGD 1995/96 Paulo Chedid e Maria Regina, a cargo do Comp. EGD João Márcio de Carvalho Rios. Ainda como missão rotária, ficou o casal João Márcio e Nilda responsável pelo suporte ao EGD Chedid e esposa durante toda a conferência. A tônica reinante entre os componentes da caravana de Lavras foi uma só: o companheirismo! Todos tiveram a oportunidade de mais uma vez desfrutar do mais autêntico e salutar companheirismo durante os três dias do encontro, não só entre si, mas também entre os companheiros do RC Lavras-Sul e os demais convencionais. Restou o propósito de todos se esforçarem por comparecer à próxima Conferência Distrital, desta vez do Comp. GDE Fabiano Antônio de Souza, que se realizará entre os dias 18 e 20 de maio de 2012, na não menos paradisíaca estância de Caxambu. O palco do evento novamente será o Hotel Glória, berço de vários encontros distritais, dentre eles, podemos destacar a „Conferência de Ouro‟ do Comp. EGD Gabriel Lopes, realizada no ano rotário de 1990/91. Recebemos mais alguns registros fotográficos da „festa rotária‟ e estamos publicando a seguir, deixando certo que todo o elenco fotográfico da conferência se encontra hospedado em nossa página no Facebook, cujo endereço é:................................................................................. http://www.facebook.com/media/set/?set=a.167025366691757.41219.100001528856501


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

25


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

26

BLOCO VAI KEM KÉ CONTINUA NA AVENIDA PASSADOS 60 dias da maior festa do planeta, o bloco carnavalesco Vai Kem Ké, continua arrastando foliões agora na esteira da solidariedade. Representado pelos presidente e vice-presidente, Odair Barra Mansa e Ismael (Porão) respectivamente, a agremiação tocou forte nos corações dos assistidos da Casa do Vovó. Com o montante arrecadado com a venda dos kits, eles fizeram à entrega de fraldas geriátricas que são bastante utilizadas. Somada a esta ação o bloco também ainda mantém uma parceria com a Associação das Senhoras de Rotarianos (Roda da Amizade) do Rotary Club de Lavras.


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

27

Conforme frisou Odair, este é o 12º ano consecutivo que o bloco desenvolve trabalhos sociais que acontece segundo suas palavras, pela legião de seguidores que consolidou neste período de 17 anos de alegria, diversão e responsabilidade social.

10 ANOS DE LAVRAS FOLIA PENSANDO NA COMUNIDADE NA ÚLTIMA QUARTA-FEIRA, dia 18 de maio, aconteceu nas dependências do escritório do Lavras Folia (foto) uma reunião com os corresponsáveis pelo carnaval fora de época mais badalado de Minas Gerais, representados através de Rodrigo Pacheco e Odair Barra Mansa. O momento foi destinado à apresentação de um novo e promissor projeto de responsabilidade social da marca Lavras Folia, que este ano completará 10 anos e compartilhará com algumas entidades esta data festiva, através de uma grande feijoada onde a renda será quase que totalmente revertida para as mesmas. O evento ocorrerá no dia 10 de julho (domingo) nas dependências do Mercado Municipal. O Lavras Folia e o escritório da R2 Festas e Formaturas entrarão com toda a logística passando por decoração, confecção da feijoada, contratação de banda, sistema de som, dentre outras coisas, ficando a instituições com apenas o compromisso de vender os ingressos, que serão oferecidos por R$15,00 (a cada ingresso vendido, a entidade recebe livre R$10,00 e os outros R$ 5,00 serão para a organização da festa). A expectativa dos organizadores e que se coloque entre 700 e 1.000 convites à disposição das entidades para serem vendidos. Representando nosso clube o companheiro Emerson Nonato foi o primeiro a aderir à proposta, seguido pelos demais. Em breve teremos mais informações.


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

MAIS ALGUMAS PROVIDÊNCIAS

28

foram dadas nesta semana com vistas à viabilizar, dentro de pouco tempo, a utilização de nossa nova sede. Após serem retiradas algumas antigas armações de mesas e cadeiras de um cômodo existente nas dependências do edifício, o presidente Júnior Toledo tratou de solicitar um parecer de profissionais da área, convidando que fossem até lá os proprietários da JP Móveis. Após uma análise do material feita pelo Sr. Paulo, este chegou à conclusão de que valor comercial aquelas armações não teriam, da mesma forma que seriam inviáveis para o clube, uma vez que as mesmas não são passíveis de um empilhamento, o que faria com as mesmas ficassem – caso fossem utilizadas – sempre espalhadas pelo salão nobre do edifíci, dificultando até mesmo a realização de eventos específicos. Nos dias atuais, o que mais se usa são cadeiras em polipropileno, facilmente manuseáveis, de baixo peso e passíveis de serem empilhadas. Assim, o Sr. Paulo sugeriu que as disponibilizássemos para doação a entidades que eventualmente necessitem, ficando o Sr. Paulo e sua empresa (JP Móveis), responsáveis pela reforma, pintura e colocação de assentos, encostos e tampos nas referidas armações. Desta forma e, entendendo que poderemos, inclusive, estar dando uma pequena cota de cintribuição a entidades da comunidade, as armações já foram repassadas à JP Móveis, que procederá às reformas e as disponibilizará para doação. No início desta semana (fotos) as armações já foram recolhidas para o referido procedimento.


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

29

TELHADO QUASE PRONTO A cobertura do Edifício Clube dos Comerciários já está quase totalmente refeita. Os caibros e sarrafos podres já foram trocados, telhas francesas já foram providenciadas e, com certeza, esta semana teremos todo o problema, que resultou em sérias infiltrações, resolvido de forma econômica e sólida. Todo o trabalho contou com a supervisão dos companheiros Neisson Costa e Sebastião Mello de Oliveira, tendo o Comp. Neisson acompanhado todo o serviço, até mesmo em função de sua larga experiência no assunto (fotos). Tão logo a equipe contratada para as reformas do prédio termine a cobertura – ato contínuo – cuidará a mesma de refazer o piso de tacos do salão principal do prédio. Posteriormente cuidaremos de proceder ao lixamento do mesmo e, num segundo momento, decidiremos que tipo de preparado ou resina colocaremos no referido piso.

REUNIÃO NESTE SÁBADO

O presidente Júnior Toledo está convidando a todos os companheiros para estarem reunidos na nova sede neste próximo sábado, dia 28 de maio, às 11 horas, para um companherismo e acompanhamento das reformas que estão sendo executadas no prédio. Veja, a seguir, as fotos do trabalho em andamento na cobertura do edifício:


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

30

A IDEIA NOS TRAZIDA pela presidente da Roda da Amizade, Ana Luíza de Carvalho Toledo, na última reunião, de fazermos um congraçamento já com vistas à despedida deste ano rotário, ganhou ‘corpo’ e já está sendo preparada. Será o ‘ARRAIÁ ROTÁRIO’, uma festa junina com direito a comidas e bebidas típicas e até um ‘casamento caipira’. O local já está reservado. Será no Clube de Campo da ADUFLA, antiga ASPESAL, neste próximo dia 4 de junho, a partir das 15 horas. Será uma ‘Festa da Família Rotária. Um companheirismo que envolverá todos os segmentos rotários do clube: Rotary Club de Lavras, Roda da Amizade, Rotaract Club de Lavras e Rotary Kids. Os companheiros do Rotary Club de Lavras-Sul também serão convidados a virem congraçar conosco. Os custos serão rateados ao preço de R$10,00 por adulto e R$5,00 para crianças até 10 anos e para os rotaractianos. Os preparativos estão a cargo das senhoras da Roda da Amizade e esperamos que todos estejam presentes para mais este grande momento da vida rotária lavrense. Veja, acima, o convite confeccionado e que será enviado a todos os integrantes da família rotária:

COMO DE COSTUME tivemos nesta última sexta-feira, dia 20, a realização de mais um Café da Manhã Rotário. Foi uma manhã especial, onde quem lá esteve, pôde compartilhar de um belo companheirismo interclubes. Desta vez tivemos a presença de um ilustre casal:


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

31

Comp. Sérgio Pedroso e sua esposa Silene. Silene, que presidiu a Roda da Amizade por dois anos rotários, só veio abrilhantar e enriquecer nossas sempre salutares manhãs de sexta-feira. Além do casal Sérgio e Silene, estiveram por lá os companheiros Emerson Nonato Silva, Marcos Cherezi, EGD Juventino Júlio de Souza, Acir Pimenta, Valdir Curi. Também esteve por lá, embora rapidamente, em função de compromissos profissionais, o Comp. Carlos Frederico Leite Corrêa. Veja o flagrante:

COMISSÃO ROTÁRIA SE REUNIU COM PREFEITA NESTA quarta-feira passada, dia 18 de maio, uma comissão formada pelos companheiros presidente Júnior Toledo, Valdir Curi, João Godinho Sampaio, Ricardo Barbosa e João Batista de Oliveira, além do médico e vereador Hélio Haddad, diretor da entidade parceira do clube nesta empreitada – AMIRH – Associação Materno-Infantil Rosa Haddad, esteve reunida com a prefeita municipal de


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

32

Lavras, Jussara Menicucci de Oliveira a fim de obter da chefe do executivo a agilidade necessária para finalizarmos o Projeto de Subsídios Equivalentes junto à Fundação Rotária. Como já é do conhecimento de todos, a prestação de contas financeira do projeto já foi apresentada e aprovada na FR, contudo, há a necessidade de que seja demonstrado o efetivo funcionamento do projeto. Também, como é sabido por todos, o Rotary Club de Lavras levantou, dentro das formalidades necessárias, todo o recurso para o aparelhamento do Banco de Leite Humano – cerca de R$30 mil. A prefeita Jussara Menicucci, no momento em que repassava à comissão Por parte da entidade parceira rotária uma cópia do decreto que criou o Cômite Municipal de Incentivo ao – a AMIRH – convencionou-se Aleitamento Materno, criado para dar suporte ao Banco de Leite Humana a disponibilização do espaço necessário para o funcionamento do empreendimento social. A disponibilização do referido espaço restou abraçada pelo poder público municipal, através de um acordo entre AMIRH e Prefeitura Municipal. Em 8 de dezembro do ano passado tivemos uma reunião com a prefeita Jussara Menicucci no Centro Viva Vida, local onde está prevista a construção de um anexo para o funcionamento do Banco de Leite. Naquela época, a senhora prefeita, com muito otimismo e determinação, chegou a estabelecer – inclusive – a data para a inauguração do Banco de Leite (veja matéria na edição nº 21 do boletim semanal). Seria no dia 8 de março de 2011 – Dia InternaFlagrante da reunião com a prefeita, vendo-se, a partir da esquerda: Comp. João Batista de Oliveira, médico e vereador Hélio Haddad, prefeita Jussara cional da Mulher. Todavia, Menicucci, Comp. João Sampaio, Comp. Valdir Curi e Comp. Ricardo Barboas. O Comp. presidente Júnior Toledo foi o ‘fotógrafo’. conforme explicações da senhora prefeita, os projetos de construção sofreram um significativo atraso junto aos órgãos de vigilância sanitária.


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

33

Por parte do executivo municipal obtivemos da senhora prefeita o firme propósito de que, destarte os atrasos ocorridos, o empreendimento destinado ao Banco de Leite Humano será edificado. Ainda nesta semana será publicado o edital de construção do prédio, ficando estabelecido um prazo de 4 meses para conclusão da obra que terá 130m 2 de construção e será referência em todo o estado de Minas Gerais, devendo ser uma unidade moderna e mais avançada que a unidade-referência no estado, a da Maternidade Odete Valadares. Um Comitê Municipal de Incentivo ao Aleitamento Materno já foi criado, além de outras iniciativas inerentes. Um projeto-piloto, com a capacitação de profissionais será iniciado dentro de alguns dias. O Rotary Club de Lavras precisa urgentemente finalizar este projeto junto à Fundação Rotária, uma vez que nosso atraso começa a prejudicar outros projetos em fase inicial no distrito, ou seja, se não o finalizarmos, a FR não irá liberar novos projetos para qualquer clube do distrito. Possivelmente, este projeto-piloto poderá resolver o problema. Tão logo tenhamos a documentação pertinente a estas novas iniciativas por parte da senhora prefeita, iremos catalogá-las e enviá-las à FR, solicitando – ato contínuo – a quitação do projeto. Estamos certos de que, apesar do atraso, nossa empreitada social não será em vão. Estamos convictos de que o futuro Banco de Leite Humano será um grande benefício à comunidade.

Trazemos para o leitor mais uma crônica de autoria do Comp. Emerson Nonato Silva. Acompanhe:

Escola Umbelina Azevedo Avellar: Nem melhor nem pior: apenas diferente

P

ois é, algumas coisas acontecem do nada, como diria o velho e bom ditado popular. Tal fato ocorre em todas as áreas, em todas as profissões. Como professor, já trabalhei em muitas escolas: particulares, estaduais e uma municipal. Confesso que o bairro Vale do Sol, é um lugar místico e que não poderia deixar de ser também a Escola Umbelina Azevedo Avellar, que carrega uma história linda em sua vida educacional. Não gostamos que a escola se apresente somente em números, eles são frios, e quase sempre não retratam o verdadeiro sentido da educação.


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

34

Gostamos sim, de chamarmos o aluno pelo seu nome, mostrando assim sua identidade, seu cartão de visita ao mundo. E assim, cada um é valorizado, escutado, atendido e amado por todos. Os professores, mestre por vocação e semeadores do futuro por dom, dedicam-se ao máximo, seja através de reuniões e sistemas continuados, seja em aulas amorosamente planejadas que tão de perto observo,seja na preocupação no desenvolvimento da criança no contexto familiar. Os talentos pelos professores que ao longo do sacerdócio vão surgindo;os tornam: cantores,artistas,poetas, desenhistas... Trabalho em uma escola, onde não serve somente merenda, (sopa): as responsáveis pela limpeza e refeição nutrem todos para o saber, para que o aprender, seja diferente, seja capaz de saciar novos ares. Trabalho em uma escola onde a direção não é somente reservada para broncas, que nada! Está sempre aberta, aliás, as portas sempre estão assim, para que haja uma interação entre pais-professores e alunos. Trabalho em uma escola onde o Sol nasce todos os dias, nos 200 dias letivos, pois cada criança que se apresenta em cada amanhecer traz consigo o brilho incondicional do astro rei, a energia, o calor que aquece a todos e tudo, sendo assim, não tenho parâmetros para enquadrar nossa escola sendo a melhor ou pior; a pluralidade de vertentes me impossibilita. No entanto o que posso afirmar é que o comprometimento que todos têm aqui faz dessa escola, uma escola especial, mágica, única, dotada de poderes que nos inebriam, deixando-nos contagiados. Há um texto Zen Budista, que talvez possa em breves palavras mostrar o valor que todos vocês têm no processo educacional.“O professoreducador/ (funcionários da escola) na arte da vida fazem pouca distinção entre seu trabalho e lazer; sua mente e seu corpo, sua educação e sua recreação, seu amor e sua religião. Eles dificilmente sabem distinguir um do outro. Eles simplesmente perseguem sua visão de excelência em tudo o que faz, deixando aos outros a decisão se ele está trabalhando ou se divertindo”. Ele esta sempre fazendo ambos simultaneamente. Por isto não somos apenas meros trabalhadores, tornamos-nos eternos parceiros da Escola Municipal Professora Umbelina Azevedo Avellar. Nem melhor, nem pior, apenas diferente. Emerson Nonato Silva


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

35

Charge de Thomate A Cidade/São José do Rio Preto/SP

Época: Anos 40 – Vista geral da Praça da Bandeira (atual Praça Leonardo Venerando) e da Praça Dr. Augusto Silva, vendo-se as suas belas palmeiras. Até a próxima........................................................................ Comp. Bertolucci


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

36

ROTARY INTERNATIONAL E O ROTARY CLUB DE LAVRAS AGRADECEM AOS ÓRGÃOS DE IMPRENSA LAVRENSES E REGIONAIS A DIVULGAÇÃO GRATUITA DE SEUS VÍDEOS E ÁUDIOS INSTITUCIONAIS, BEM COMO DE SUAS REUNIÕES E EVENTOS COMUNITÁRIOS


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

37


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

38


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

39


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 41 – ANO ROTÁRIO 2010/11

40

- Qualquer informação, ligue para os telefones: (37) 99276100 (Polícia Militar) ou (37) 9916-3932 (Tânia). Ou então, ligue diretamente para a Polícia Militar de sua cidade.


041#23#05#2011