Issuu on Google+

Nº 36 -

ANO ROTÁRIO 2008/2009

- LAVRAS(MG), 6 DE ABRIL DE 2009

- PARA CIRCULAÇÃO NA 2.635ª REUNIÃO

. . . .

2008 /2009 Lema 200 8/200 9

Reuniões às Segundas-feiras - 19:30 horas Envie sua colaboração pelo E-mail: bertolucci@superig.com.br

AVENIDA DR.ª DÂMINA, Nº 28

-

TELEFONE (35) 9827-8755

-

LAVRAS

-

37.200-000

-

MINAS GERAIS

-

BRASIL


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09 ROTARY CLUB DE LAVRAS – ANO ROTÁRIO 2008/2009 PRESIDENTE DE RI: DONG KURN LEE GOVERNADOR DO DISTRITO 4560: MURILLO AFFONSO FERREIRA GOVERNADOR ASSISTENTE: MOZART VICTOR DE CARVALHO PRESIDENTE: EMERSON NONATO SILVA PRESIDENTE DA RODA DA AMIZADE: SILENE LOPES DE CARVALHO PEDROSO VICE-PRESIDENTE: GERALDO BERTOLUCCI JÚNIOR SECRETÁRIO: ADEJAR ALVARENGA 1ª TESOUREIRA: HEBE OLIVEIRA DINALLI 2° TESOUREIRO: MURIEL SANTOS RIZENTAL 1° DIRETOR DE PROTOCOLO: WALTER DE ASSIS TOLEDO JÚNIOR 2° DIRETOR DE PROTOCOLO: VALDIR CURI DIRETOR SEM PASTA: OSWALDO LOUZADA SERRA DIRETOR SEM PASTA: GABRIEL DE SIQUEIRA LOPES DIRETOR SEM PASTA: JOÃO MÁRCIO DE CARVALHO RIOS COMISSÕES PERMANENTES: COM. DE ADMINISTRAÇÃO DO CLUBE: SEBASTIÃO MELLO DE OLIVEIRA COMISSÃO DE RELAÇÕES PÚBLICAS: GERALDO BERTOLUCCI JÚNIOR COMISSÃO DE ADMISSÃO: RENATO PAIVA COMISSÃO DA FUNDAÇÃO ROTÁRIA: EGD GABRIEL DE SIQUEIRA LOPES e RITA DE CÁSSIA SOUZA GOULART COM. DE PROJETOS DE PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS: WAGNER NOGUEIRA COMISSÃO DE SERVIÇOS INTERNOS: PRESIDENTE: EGD JOÃO MÁRCIO DE CARVALHO RIOS SUBCOMISSÃO DE PROGRAMAS: EGD JOÃO MÁRCIO DE CARVALHO RIOS e RICARDO AUGUSTO BARBOSA SUBCOMISSÃO DE REVISTA: HEBE DINALLI SUBCOMISSÃO DE CLASSIFICAÇÕES: SEBASTIÃO MELLO DE OLIVEIRA SUBCOMISSÃO DE DESENVOLVIMENTO DO QUADRO SOCIAL: FLÁVIO MEIRA BORÉM SUBCOMISSÃO DE FREQUÊNCIA: SEBASTIÃO MELLO OLIVEIRA SUBCOMISSÃO DE COMPANHEIRISMO: VALDIR CURI, RENATO PAIVA e SEBASTIÃO DE ASSIS VILELA SUBCOMISSÃO DE BOLETIM: GERALDO BERTOLUCCI JÚNIOR SUBCOMISSÃO DE PATRIMÔNIO: ADEJAR ALVARENGA SUBCOMISSÃO DE RETENÇÃO E DE RECRUTAMENTO DE COMPANHEIROS: NEISSON O. COSTA E OSMAR FCO. M. DE CARVALHO SUBCOMISSÃO DE IMAGEM PÚBLICA DO ROTARY: EMERSON NONATO SILVA COMISSÃO DE SERVIÇOS À COMUNIDADE: PRESIDENTE: WAGNER NOGUEIRA SUBCOMISSÃO DE PARCERIA NO SERVIR: CARLOS ALBERTO DE CARVALHO SUBCOMISSÃO DE PROTEÇÃO AO MEIO AMBIENTE: WAGNER NOGUEIRA SUBCOMISSÃO DE DES. HUMANO: FLÁVIO MEIRA BORÉM SUBCOMISSÃO DE DES. COMUNITÁRIO: SÉRGIO AUGUSTO PEDROSO COMISSÃO DE SERVIÇOS PROFISSIONAIS: PRESIDENTE: RENATO PAIVA SUBCOMISSÃO DE RECONHECIMENTO PROFISSIONAL: RENATO PAIVA SUBCOMISSÃO DE ORIENTAÇÃO PROFISSIONAL: SEBASTIÃO DE ASSIS VILELA SUBCOMISSÃO DE CONSCIENTIZAÇÃO PROFISSIONAL: HILTON JOSÉ REIS SUBCOMISSÃO DA PROVA QUÁDRUPLA: FLÁVIO MEIRA BORÉM COMISSÃO DE SERVIÇOS INTERNACIONAIS: PRESIDENTE: ANTÔNIO ADOLFO C. G. SBAMPATO SUBCOMISSÃO DE INTERCÂMBIO DE JOVENS: RITA DE CÁSSIA SOUZA GOULART SUBCOMISSÃO DE SERVIÇOS À COMUNIDADE MUNDIAL: WALTER DE ASSIS TOLEDO JÚNIOR COMISSÕES ESPECIAIS: ASSESSOR ESPECIAL DA PRESIDÊNCIA: EGD OSWALDO LOUZADA SERRA ASSESSORIA ESPECIAL DA PRESIDÊNCIA PARA O IGE: ANTÔNIO ADOLFO C. G. SBAMPATO INTERACT E ROTARACT: GERALDO BERTOLUCCI JÚNIOR e DALSO ARAÚJO NOGUEIRA BANCO DE CADEIRA DE RODAS: SÉRGIO AUGUSTO PEDROSO e RICHARD ODEON GOUVÊA CERIMONIAL DA ALIMENTAÇÃO E BEM ESTAR: TODOS OS COMPANHEIROS OUT DOOR: SÉRGIO AUGUSTO PEDROSO RECONHECIMENTO ACADÊMICO: EMERSON NONATO SILVA EGD JOÃO MÁRCIO DE CARVALHO RIOS VALDIR CURI e ANTÔNIO ADOLFO SBAMPATO ADDRESSES & PHONES - ENDEREÇOS E TELEFONES FESTIVAL DO SORVETE: PARA CORRESPONDÊNCIAS E BOLETINS: SEBASTIÃO DE ASSIS VILELA ROTARY CLUB DE LAVRAS/SUBCOMISSÃO DE BOLETIM FLÁVIO MEIRA BORÉM COMP. GERALDO BERTOLUCCI JÚNIOR RICARDO AUGUSTO BARBOSA HEBE OLIVEIRA DINALLI RUA SÍLVIO MODESTO DE SOUZA, Nº 209 – BAIRRO NOVA LAVRAS HILTON JOSÉ REIS TEL: (035)3822-3594 – (035)9105-9875 – (035)9144-3374 WAGNER NOGUEIRA 37200-000 - LAVRAS - MINAS GERAIS - BRAZIL CONSELHO DE GOVERNADORES: E-mail: bertolucci@superig.com.br OSWALDO LOUZADA SERRA GABRIEL DE SIQUEIRA LOPES JOÃO MÁRCIO DE CARVALHO RIOS PRESIDENTE ELEITO 2009/2010: GERALDO BERTOLUCCI JÚNIOR PRESIDENTE INDICADO 2010/2011: WALTER DE ASSIS TOLEDO JÚNIOR

2


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

A

revista que você está lendo é uma das mais antigas tradições do Rotary. Em janeiro de 1911 foi publicado o The National Rotarian, boletim de 12 páginas que continha notícias, editoriais e um ensaio de Paul Harris, chamado “Rational Rotarianism”. Sobre a publicação ele escreveu: "O principal objetivo da The National Rotarian é propiciar a troca de idéias entre rotarianos do mundo todo, e não somente dar aos dirigentes um veículo para expressar suas opiniões. As mensagens aqui presentes não foram escritas somente para ocupar espaço. Já antevejo o dia em que este mesmo es-

paço estará tomado por ricas idéias de rotarianos ansiosos por compartilhá-las." Hoje, com rotarianos em mais de 200 países e regiões, as revistas rotárias assumiram papel mais complexo e vital que nunca. Com tiragem de 500.000 exemplares, a revista The Rotarian é feita na sede mundial em Evanston. Mundo afora, são publicadas 31 revistas em 24 idiomas, perfazendo um total de 32 revistas impressas pela Rotary World Magazine Press, com circulação de 1,25 milhão de exemplares. Abril é o Mês da Revista no calendário rotário, momento de avaliar o papel dessas publicações em nossas vidas e o que podemos fazer por elas. Para que as revistas concretizem a visão de Paul Harris é necessário haver mais do que funcionários na redação. É preciso haver o trabalho dos rotarianos. A melhor parte de se ler uma publicação rotária é poder tomar conhecimento sobre o que outros clubes estão fazendo. Cada edição, cada artigo, é uma chance a mais de encontrar não só informação mas também inspiração. Nesta era em que a comunicação eletrônica parece estar em todos os lugares, a revista impressa ainda é relevante para nossa organização. As revistas rotárias nos dão um panorama do que está acontecendo nos clubes e distritos, além de fornecer notícias importantes da sede mundial. Mesmo os internautas mais aficionados acharão algo de seu interesse nas revistas rotárias. É um grande privilégio escrever aqui uma mensagem assim como Paul Harris o fez, e ver que a visão dele, de uma revista cheia de artigos com excelentes trabalhos e idéias de rotarianos, tornou-se realidade. Presidente de RI D. K. Lee

3


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

TRIGÉSIMA-QUINTA DO ANO ROTÁRIO 2008/2009 N° 2.634 DESDE A FUNDAÇÃO – DIA 30 DE MARÇO DE 2009 os 30 dias de março de 2009, às 19h30min foi realizada a 35ª reunião do Rotary Club de Lavras, sendo a mesa diretora composta pelo Companheiro Presidente Emerson Nonato Silva, Companheiro Governador Murillo Affonso Ferreira, Companheiro Fábio Eduardo Ribeiro Lima, Companheiro Herminio Amorim, futuro Presidente do Rotary Lavras/Sul e as convidadas Maria da Conceição Santos Andrade, Secretaria Municipal de Educação do município de Ibituruna, Maria Eulália Gonçalves Amarante Reis, representante da Secretaria Municipal de Educação deste município de Lavras e Tatiane Rodrigues de Souza, diretora da Escola Municipal Umbelina Azevedo Avellar. Após a mensagem inicial proferida pelo Companheiro Fábio Eduardo o diretor de protocolo Júnior Toledo anunciou também a presença dos seguintes convidados da cidade de Ibituruna; Márcia Teixeira dos Santos, Elisângela Rodrigues, Helciene Abigail A. Machado, Patrícia C. Aparecida Monteiro, Efigênia das Graças Costa e a coordenadora distrital das Casas da Amizade Norma de Almeida Ferreira, esposa do governador Murillo. Para completar a lista de convidados, tiveram presentes na reunião diversas professoras das escolas Umbelina Azevedo Avellar, a coordenadora da Creche Arco-íris, do Bairro Novo Horizonte Jussara Sales, da ex-diretora da Escola Municipal Francisco Sales Alcione Penoni Barbosa, que vieram assinar uma Carta de Intenções com o clube para continuação das parcerias em andamento e também assistir à palestra da noite feita pela educadora Maria Eulália Gonçalves Amarante Reis sobre “As Metas para a Alfabetização em 2009 – Retornando os Compromissos e Fazendo a Diferença em 2009”. Também anunciou a presença dos demais convidados e visitantes, bem como a Companheira Liz, do Rotary Lavras/Sul. Em seguida o Companheiro Bertolucci fez uso da tribuna para anunciar a carta de intenções e a referida parceria com as representantes das entidades presentes; Escola Francisco Sales, Umbelina Azevedo Avellar, Creche Arco-íris e Pré-Escolar Chapeuzinho Vermelho de Ibituruna, que terá a devida continuidade a partir de sua gestão como Presidente do Rotary Club de Lavras, ano rotário 2009/10. Em seguida o Companheiro EGD João Marcio foi à tribuna para homenagear a educadora Efigênia das Graças Costa – a “Tia Lena” da Escola Chapeuzinho Vermelho de Ibituruna, com o certificado de Reconhecimento Rotário, pela excelência de seus serviços prestados à educação de Ibituruna e cujo histórico foi alvo de matéria publicada no número anterior do boletim. Em suas palavras finais, o presidente Emerson Nonato Silva agradeceu a presença numerosa dos visitantes, do governador Murillo que veio prestigiar a reunião especial que enfatizou a alfabetização, já que março é o mês da alfabetização em Rotary. Por fim, convidou a todos para o jantar, que foi preparado por dona Patrocínio e com a saudação à Bandeira Nacional, deu-se por encerrada a reunião. Nada mais havendo a tratar, eu, Adejar Al-

A

4


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

varenga, secretário, lavrei a presente ata que vai assinada por mim. Lavras, 30 de março de 2009. Adejar Alvarenga

Mesa principal. A partir da esquerda: Comp. Fábio Lima, Comp. Hermínio Amorim, presidente 2009/2010 do Rotary Lavras/Sul, governador 2008/2009 do distrito 4560 Comp. Murillo Affonso Ferreira, presidente 2008/2009 do RCLavras Emerson Nonato Silva, diretora da Esc. Mun. Umbelina A. Avellar Tatiane Rodrigues de Souza, representante da Secretaria Municipal de Educação de Lavras Maria Eulália Amarante Reis e a Secretária Municipal de Educação de Ibituruna Maria da Conceição Andrade.

Momentos marcantes: o salão do RCLavras completamente tomado, a palestra de Maria Eulália e o instante da assinatura da Carta de Intenções com os educandários. 5


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

Os rotarianos e os representantes dos educandários parceiros. Da esquerda para a direita: presidente 2009/2010 do RCLavras Geraldo Bertolucci Júnior, governador 2008/2009 do distrito 4560 Murillo Affonso Ferreira, diretora da Escola Municipal Umbelina A. Avellar Tatiane Rodrigues de Souza, coordenadora do Pré-Escolar Chapeuzinho Vermelho de Ibituruna Márcia Teixeira dos Santos, coordenadora da Creche Arco-íris Jussara Sales, ex-diretora da Escola Municipal Francisco Sales Alcione T. Penoni Barbosa, presidente 2008/2009 do RCLavras Emerson Nonato Silva e Secretária Municipal de Educação de Ibituruna Maria da Conceição dos Santos Andrade.

Coube ao Comp. EGD João Márcio fazer a homenagem à educadora Efigênia das Graças Costa, a “Tia Lena”, que recebeu do Comp. EGD Oswaldo Louzada Serra o Certificado de Reconhecimento Rotário 6


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

Acima: mais um registro do recinto do RCLavras, dando ênfase, em primeiro plano, à comitiva ibiturinense e às representantes das Escolas Umbelina Azevedo Avellar e Creche Arco-íris. Ao lado: em nome da comunidade de Ibituruna, tomada de emoção, a coordenadora do Pré-Escolar Chapeuzinho Vermelho, Márcia Teixeira dos Santos, agradece aos rotarianos não só a bem-sucedida parceria com aquela entidade, como também a justa homenagem prestada à educadora Efigênia das Graças Costa, a “Tia Lena”.

DIA 06 DE ABRIL DE 2009 36ª DO ANO ROTÁRIO 2008/2009 Reunião n° 2.635 desde a fundação do RCLavras 1) COMISSÃO DE PROTOCOLO: Comp. Walter de Assis Toledo Júnior/Valdir Curi 2) MENSAGEM INICIAL 3) SAUDAÇÃO À BANDEIRA NACIONAL 4) SECRETARIA: Comp. Adejar Alvarenga 5) TESOURARIA: Compª. Hebe Oliveira Dinalli/Muriel Rizental 6) COMPANHEIRISMO: Comp. Valdir Curi/Renato Paiva/Assis 7) COMISSÕES 8) PALESTRA 9) PALAVRAS FINAIS 10) SAUDAÇÃO À BANDEIRA NACIONAL 11) JANTAR 12) COMPANHEIRISMO 7


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

Por: EGD Alberto Bittencourt – distrito 4500 sempre vejo o Rotary como uma grande escola onde cada rotariano é ao mesmo tempo mestre e aluno. Na verdade, desde o seu início o Rotary sempre foi uma escola, uma escola de trabalho, na qual todos aprendem trabalhando e trabalham aprendendo. Nessa escola universal do Rotary, que tem mestres e alunos de todos os idiomas, raças, credos e costumes, temos a oportunidade de nos desenvolver, de aprender, de ensinar, de crescer espiritualmente. Consciente dessa condição, as três principais tarefas do líder rotariano do presente são: DAR VISIBILIDADE ÀS REALIZAÇÕES DO CLUBE, PROMOVER A INTEGRAÇÃO DA FAMÍLIA ROTÁRIA e EFETUAR A MOBILIZAÇÃO DO QUADRO SOCIAL. Seja a nossa primeira tarefa, a de dar visibilidade a todo o bem que o Rotary faz no mundo. O presidente Glenn (Glenn E. Estess – presidente de RI 2004/05) disse que o Rotary nada tem a esconder. Não tem senhas nem códigos secretos. Tudo é claro e transparente, para ser partilhado com a humanidade. Para divulgar Rotary, podemos usar recursos de marketing, da mídia, o que estiver ao nosso alcance para que todos o conheçam e aprendam a admirá-lo. Devemos levar o nome do Rotary ao nosso ambiente de trabalho, às nossas profissões, aos nossos círculos de amizades, à nossa casa, mostrar as ações, os feitos, as realizações de nossos clubes. A nossa segunda tarefa é integrar a Família RoEGD Alberto Bittencourt tária na vida do clube. É integrar o clube com outros clubes de serviços, com órgãos públicos, com empresas privadas, no que se chama de mútua cooperação. É desenvolver e motivar as pessoas. É ensinar ao novo companheiro, como ser um autêntico rotariano, despertando-lhe a vocação de serviço. É transformar o velho companheiro, já cansado e desestimulado, em autêntico homem de ação, verdadeiro líder, reacendendo em seu coração a chama da amizade, da boa vontade, da paz e compreensão. A terceira grande tarefa é a de mobilizar o quadro social para atender ao chamamento do serviço. É fazer com que todos os rotarianos sejam cúmplices uns dos outros, na busca dos ideais rotários. Sabendo que cada clube é a soma de seus membros, o reflexo de seus sócios, quanto mais eficientes formos, maior eficiência terá o clube. Clubes de qualidade correspondem a homens dispostos, devotados ao ideal de servir, consagrados à ação como produto de sua fé. O rotariano através de sua ação, de sua devoção, de sua identificação total com os objetivos do Rotary, é quem deve ensinar a todos o caminho da paz e do bem, pelo uso de sua voz e do seu exemplo. É com realizações concretas de nossos

Eu

8


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

Rotary Clubs que podemos elevar a imagem do Rotary ante tantos que nos rodeiam, em nossas comunidades e no mundo.

FAZER EXERCÍCIOS com pesos para aumentar a massa muscular é uma atividade praticada desde os tempos mais remotos. Na Grécia Antiga os soldados e os atletas olímpicos utilizavam cargas de peso para desenvolver a força dos músculos. Em Roma, legionários e também os gladiadores, se submetiam a este treinamento

para enfrentar o calor das batalhas contra exércitos inimigos e das lutas nas arenas do Coliseu. Hoje, esta prática está mais do que consolidada e consagrada no mundo inteiro. A musculação é tida como uma atividade física muito importante, já que trabalha os grupos de músculos de forma separada,através de contrações e estiramento das fibras musculares. Com a prática constante, o complexo muscular do organismo vai se tonificando, deixando as fibras musculares maiores, combatendo assim a flacidez e modelando o corpo, ajudando no aumento da massa magra(o tecido que forma o músculo) e queimando as gorduras que são utilizadas como energia durante a realização dos exercícios. A musculação ajuda no controle do colesterol, pois a prática aumenta o calibre das artérias,permitindo que o fluxo de sangue passe com mais facilidade. Também ajuda no combate à osteoporose, pois músculos mais fortes absorvem melhor os nutrientes ingeridos pelo organismo,como o cálcio, que é fundamental para boa formação da massa óssea , o que previne o aparecimento da doença.

COM A CHEGADA do outono/inverno, cresce o número de pessoas que sofrem com as alergias respiratórias, uma doença hereditária que está relacionada ao sistema imunológico de cada pessoa. Mas a região e o ambiente onde as pessoas vivem também pode facilitar o desencadeamento de doenças respiratórias. Um especialista deve ser consultado em caso de tosses constantes, dores no peito e nariz escorrendo, com freqüência. Na maioria dos casos, as causas das alergias podem ser controladas e os sinais da doença devem ser tratados para que ela não progrida. Em algumas situações, no en9


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

tanto, é necessária a prescrição de medicamento antialérgico. Já a asma não controlada é um caso mais grave e deve ser tratada com urgência. Enquanto a reação anafilática - que pode ser desencadeada por picada de insetos, medicamentos e ingestão de certos alimentos -, tem como sintomas: incha-

ço na região do rosto, dificuldade de respirar e tontura. Por isso, os médicos alertam para a importância de minimizar os fatores de risco. Para quem sofre de alergias respiratórias, o ideal é procurar viver em sem umidade, ventilado, sem fungo e ácaro e sem poeira. Isso descarta o uso de espanadores, carpetes e bichos de pelúcia.

AO CONTRÁRIO do que muitos pensam, o problema não é estomacal e ficar em jejum não o causa. Uma simples visita ao dentista pode resolver a questão, que provoca desde o isolamento social até a perda de oportunidades profissionais e pessoais Tem coisa mais incômoda do que mau hálito? O problema, chamado também de halitose, é mais comum do que se imagina: estatísticas extra-oficiais mostram que 30% dos adultos convivem com o odor bucal. Na faixa etária dos 14 anos, 14% das pessoas sofrem com o mal; entre os 40 e os 65 anos esse número sobe para 47% dos indivíduos, enquanto 67% das pessoas acima dos 65 anos passam pelo problema. A dura verdade é que, em algum momento da vida, 100% das pessoas terão esse transtorno, ao menos ao acordar pela manhã... A halitose – ou mau hálito – é o odor desagradável emitido pela boca. Em 90% dos casos, esse mau cheiro é provocado pelo acúmulo de resíduos de alimentos na língua (chamado de saburra) que, se não forem removidos corretamente, fermentam, criam bactérias e liberam o enxofre. “É esta substância – o enxofre – que causa o cheiro ruim que sentimos”, diz o especialista Dr. William Aguilar. O dentista explica que 90% dos casos de halitose são causados pela boca. “Além do acúmulo de saburra, dentes cariados, periodontite, gengivite e placa bacteriana podem causar o odor”, diz. Os outros 10% podem estar ligados a doenças como o diabetes e insuficiências renal e hepática. Ao contrário do que se pensa, dizer que a halitose vem do estômago é um mito. “O estômago possui válvulas que se fecham, permitindo apenas a passagem de eructação gástrica, o chamado arroto, e não odores. O mau hálito vem mesmo é da boca”.

Ficar em jejum também não causa mau hálito. “O que acontece é que a pessoa saliva menos e o alimento acumulado na língua fermenta, liberando o enxofre. Quando a pessoa come, saliva mais e a língua parece mais limpa”.

Quem tem halitose geralmente não sabe que passa por este constrangimento. Isto porque o organismo humano ‘se acostuma’ com seus próprios odores e são pouquíssimas as pessoas que conseguem ser sinceras com quem tem mau hálito, informando a pessoa disso. Por isso, um indivíduo pode passar anos e anos sendo discriminado. “O isolamento social é terrível, já que o medo de abalar uma relação dificulta muitos diagnósticos”, diz Aguilar. Ele explica, porém, que uma simples visita ao dentista pode resolver a questão. “Se o problema for local, na boca, o tratamento será feito pelo dentista. Em 90% dos casos, a escovação mais intensa, o uso do raspador de língua e do fio dental resolvem o problema. Quando ele é sistêmico, ou seja, causado por doenças como o diabetes, o paciente é encaminhado para um especialista”, comenta. 10


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

O ABACAXI é uma fruta tropical natural das regiões costeiras da América do Sul e o nome aqui no Brasil vem do tupi iba-cati, que significa “fruto que cheira muito bem”. Isto mostra que a sabedoria indígena tinha razão,pois além do sabor, o aroma perfumado desta fruta é uma dos principais motivos do sucesso que ela tem junto aos paladares ao redor do mundo. O abacaxi é muito consumido como sobremesa, no café da manhã e também como lanche, sendo comido puro nos intervalos entre as

DIA 07/04

08/04

09/04

refeições. Também é muito utilizado como acompanhamento em pratos de carnes salgadas, como porco,aves e até peixes e crustáceos. Também é apreciado no preparo de sucos e doces, como sorvetes e geléias. Além do gosto tão apreciado, o abacaxi também é rico em substâncias fundamentais para o bom funcionamento do nosso organismo. Possui alto teor de vitamina C, é rico em sais minerais como cálcio, fósforo e ferro,contém celulose, um nutriente indispensável para o bom funcionamento intestinal e a bromelina, que ajuda na digestão das carnes. Para saber se um abacaxi estará pronto para o consumo, o ideal é verificar as folhas da coroa. O abacaxi está no ponto quando elas se soltam com facilidade. Também é possível fazer o teste, pressionando o abacaxi com os dedos. Caso ele esteja muito duro, ainda está verde. Já a casca apresentando manchas escuras e partes amolecidas,significa que ele está maduro demais,já tendo passado do ponto Depois de cortado, deve ser guardado em recipiente fechado, dentro da geladeira. (BemStar)

PERÍODO - DE 06/04/2009 A 12/04/2009 DIA DO MÉDICO LEGISTA 1831 – ABDICAÇÃO DE DOM PEDRO I DIA MUNDIAL DA SAÚDE DIA DO CORRETOR DIA DO JORNALISTA 1843 - FUNDAÇÃO DA OAB FUNDAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE IMPRENSA DIA DO DESBRAVADOR DIA DO CORREIO DIA MUNDIAL DE COMBATE AO CÂNCER DIA DO PROFISSIONAL DE MARKETING DIA DE LEMBRANÇA DO HOLOCAUSTO DIA DA NATAÇÃO DIA MUNDIAL DA JUVENTUDE 11


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

10/04

11/04 12/04

DIA DA BIBLIOTECA DIA DE SANTA CACILDA DIA NACIONAL DO AÇO SEXTA-FEIRA DA PAIXÃO FUNDAÇÃO DO EXÉRCITO SALVAÇÃO DIA DA ENGENHARIA DO EXÉRCITO DIA DE SANTO EZEQUIEL ANIVERSÁRIO DA ORGANIZAÇÃO INTERNACIONAL DO TRABALHO DIA DE SANTO ESTANISLAU DOMINGO DE PÁSCOA – FESTA DA RESSURREIÇÃO DE JESUS DIA DO OBSTETRA DIA DA INTENDÊNCIA - EXÉRCITO BRASILEIRO

primeira vista, os 20 sócios do Rotary Club de Rushden Higham, em Northamptonshire, parecem diferentes de outros rotarianos da Inglaterra. Para começar, sua idade média é 32 anos e ainda por cima apenas quatro são homens. Entretanto, o mesmo espírito de serviço e companheirismo, a essência do “Dar de Si Antes de Pensar em Si” que move mais de 33.000 Rotary Clubs no mundo inteiro também está presente neste clube. Três ex-sócios do Rotaract Club de Rushden -- Miranda Barley, Claire Mercer e Steve Wilkins -- tiveram a ideia de fundar um novo Rotary Club quando fizeram 30 anos e não se qualificavam mais para fazer parte do Rotaract. Eles pensaram em entrar para um dos Rotary Clubs existentes em sua região, mas viram que seus sócios eram na maior parte homens e mais velhos. Decidiram então que um novo clube com reuni-

À

ões informais à noite e muitos projetos com oportunidades de serviços voluntários seria mais atraente. O novo clube foi patrocinado pelo Rotary Club de Rushden e contou com a ajuda de dois rotarianos deste último -Jim Kearns e Mark Winfield. "Homens e mulheres de idades diversas contribuem de forma diferente ao Rotary. Acho que em parte é isto que torna o movimento rotário tão interessante", reflete a nova presidente do clube, Miranda Barley.

Sócios do Rotary Club de Rushden Higham (à partir da esquerda): Steve Wilkins, Rachel Thompson, Natalie Parker, Mark Lees, Elizabeth Maurice, Rebekah Hawkins, Claire Mercer, Pat Keogh, Rachel Hawkins, Hayley Sansome, Karen Kearns, Steve Jones, Michelle Withers, Miranda Barley, Jo Underwood, Marie Gallacher, Michelle Jones e Alison Baker. Foto cedida por Rotary Today

12


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

Para recrutar mais sócios, os três amigos colocaram anúncios no jornal local e espalharam panfletos divulgando a noite de inauguração em abril de 2008. Ex-sócios dos Rotaract Club de Kettering e Northampton decidiram juntar-se aos jovens e convidaram amigos e colegas. Alguns meses depois, o pequeno grupo havia se transformado em um clube com 20 sócios que foi admitido ao Rotary International no início deste ano. "Acho que temos

um grupo de pessoas bem variado e interessante, gosto do aspecto social do clube", conta Barley. "Antes eu conhecia apenas quatro dos sócios. Com o clube, tenho mais 16 amigos." Até agora o clube pintou a cerca de um parque infantil, recolheu lixo, colaborou com eventos comunitários e ajudou um abrigo local. "Para mim o importante é colaborar através do Rotary com a comunidade em que vivemos", diz Barley. "No futuro gostaria de implementar projetos na nossa região para realmente melhorar a vida de seus habitantes, além de atrair mais sócios -- sejam eles homens ou mulheres -- e valorizar o perfil do nosso clube e do Rotary."

DATA

ADMISSÃO DE COMPANHEIROS - MÊS DE ABRIL

10/04/73

COMP. EGD JOÃO MÁRCIO DE CARVALHO RIOS – 36 ANOS

DATA

ANIVERSÁRIOS E CASAMENTOS – 06/04/09 A 12/04/09

06/04 07/04 07/04 08/04 11/04

CLARA – NETA DO COMP. ADEJAR E MARIA AMÉLIA CAIO MÁRCIO – FILHO DO COMP. TATÃO E MARÍLIA DONA MARIA AMÉLIA – MÃE DO COMP. CARLOS ALBERTO COMP. HONOR. ROBERTO ALVARENGA HORTA BARBOSA JOÃO JOSÉ – NETO DO COMP. EGD JOÃO MÁRCIO E NILDA

M

ais uma vez nos foi enviado pela Compª. Silene Pedroso, presidente da Roda da Amizade, o relatório de atividades do mês de março/2009. Silene tem sido um exemplo a ser reconhecido por todos nós rotarianos e damas da Roda da Amizade. Tem mostrado que para o “servir” não existem barreiras. Aliás, não é só na Roda que Silene exercita seu lado humano e caridoso. É também como membro da Sociedade de São Vicente de Paulo (SSVP), nos movimentos cristãos-católicos, enfim, onde existe uma ‘porta’ para a solidariedade, ali estão não só Silene, como também o Comp. Sérgio Pedroso, mesmo com todos os percalços do momento, numa demonstração concreta de que para eles DEUS não os coloca à prova, simplesmente lhes proporciona “ferramentas para a purificação... para a santificação”. Acompanhe, a seguir, as atividades do mês de março: 13


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

Dia 04/03/09 - Reunião ordinária mensal da Roda da Amizade, na sede do Rotary Club de Lavras, às 19:30 h, sob a presidência da Comp. Silene Pedroso. Reunião de trabalho, onde foram discutidos vários assuntos, porém com mais importância para o Chá da Roda da Amizade que será organizado no Clube de Lavras, dia 16 de abril, às 19:00 h. Foi falado sobre a distribuição de tarefas, venda dos ingressos e arrecadação de brindes. A reunião contou com a presença do Presidente do Rotary Club de Lavras, Comp. Emerson e do ex-presidente Comp. Tatão. No jantar foi servido um delicioso arroz com bacalhau. Ao lado. A partir da esquerda: Telma Sampaio Rezende, Marília Oliveira e o esposo Tatão, Ceila Costa, Alcione Moura, Odete Marani. Abaixo. No mesmo sentido: o presidente do RCLavras Emerson, Maria Amélia Alvarenga, Margo Senna, Telma Sampaio Rezende e Marília Oliveira.

Acima: Clara Nogueira e Rosângela Borém. A propósito: por onde anda o Comp. Flávio Borém. Estamos sentindo sua falta! Ao lado: Alcione Moura e Odete Marani. Abaixo: a próxima presidente da Roda da Amizade Ione Dias Bertolucci.

Dia 06/03/09 – Foi solicitada pelo comp. Osmar do Rotary Club de Lavras (Dr. Osmar – Pediatra), ajuda a uma senhora (Anália), mãe de quatro crianças, sendo os mais novos, gêmeos de quatro meses (Tales e Taylor), uma criança de um ano e dois meses (Iago) e uma garota de 14 anos. A Roda da Amizade, através da comp. Silene, fez uma visita, levantando as necessidades que, quando levado em reunião, todas apro14


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

varam uma ajuda mensal com fraldas descartáveis e alimento suplementar enriquecido - Nestogeno. Veja os registros:

Silene, a mamãe Anália, os gêmeos Tales e Taylor e num dos registros também o filho Iago.

Dia 11/03/09 – A comp. Maria Amélia, muito bem representou a Roda da Amizade na reunião mensal do Conselho Municipal de Assistência Social. Dia 19/03/09 - A Roda da Amizade recebeu da companheira Clara a cesta básica do mês que foi enviada a uma família necessitada. Dia 20/03/09 – Doação de 80 kg de macarrão para o Asilo de Lavras e remédios para os assistidos da Roda da Amizade. Dia 25/03/09 – A Roda da Amizade fez a doação de um pacote de fraudas descartáveis para a Pastoral da Criança. Logomarca da Roda da Amizade, cada vez mais presente na comunidade

A Compª. Maria Amélia, que representou a Roda da reunião do Cons. Mun. de Assistência Social 15


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

A

proxima-se o dia do tradicional Chá Beneficente da Roda. Será no dia 16 de abril, a partir das 19 horas, no recinto do clube de Lavras. Assim, procuremos – cada um de nós – ajudar, colaborar para que mais uma vez o evento seja repleto de êxito. É através, principalmente, da renda obtida na venda de convites a cada ano que a Roda da Amizade dá o necessário suporte às suas atividades filantrópicas, auxiliando famílias e pessoas carentes, além de entidades assistenciais. Importante lembrar aos maridões, que cabe a nós “carregarmos o piano” ou, trocando em miúdos, ajudarmos na venda de bebidas e refrigerantes como acontece todo ano. Vejam mais uma foto de arquivo do Chá realizado há um ano. Portanto, arregacemos as mangas!

PERGUNTE A SI MESMO: Como você se sente quando alguém lhe ouve sem interrupções? Provavelmente se sentirá uma pessoa importante. Pois é, este é o

principal efeito que o saber ouvir causa nas pessoas. É só ouvindo que conseguimos saber o que dizer. Além do mais, quando se ouve uma pessoa com a devida atenção, pode-se ganhar mais confiança e estabelecer uma relação de empatia. Mas ouvir não é apenas um requisito para conquistar pessoas, também é fundamental para tornar nossa comunicação fluente e nosso trabalho mais leve. É o caminho pelo qual se criam laços e compromissos de afeto pela compreensão mútua. Há muitas vantagens em saber ouvir: Ouvir pode ser uma solução para fazer com que inimigos tornem-se amigos. Afinal, é quando damos ao outro o espaço e a oportunidade para que possa expressar sua opinião; 16


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

Na vida social, por exemplo, ouvir pode transformar “papos” informais em negócios e oportunidades; Nos negócios, o simples fato de ouvir pode transformar um cliente aborrecido em um cliente satisfeito e, quem sabe, até fazer ganhar um amigo. Ouvir o cliente é dar atenção a uma pessoa que merece respeito e aceitação. Não tem nada a ver com as normas de atendimento de uma empresa, e sim com um compor-

tamento que proporciona ganhos em nossas relações interpessoais. O ato de ouvir é quase tão importante quanto "o que está sendo ouvido", o que nos garante assimilar as informações para aprender e, efetivamente, corresponder ao que foi transmitido. Ouvir atentamente encoraja as pessoas a conversar e cria uma atmosfera muito mais agradável. (Guia dos Empretecos)

E

stivemos, nos dias 28 e 29 de março último, participando do PETS – Seminário de Treinamento de Presidentes Eleitos. O clube anfitrião foi o Rotary Club de Varginha, nosso clube-afilhado, que através do presidente Juliano Vinhas e demais membros, muito bem recepcionaram um grupo composto de mais de 80 participantes, entre presidentes de clubes e de Casas da Amizade eleitos e membros de diretoria entrante. Como presidente eleito este editor voltou do evento ainda mais motivado e revigorado a administrar o Rotary Club de Lavras, a partir do próximo dia 1° de julho. Tivemos a chance de interagir com diversos companheiros que, assim, como nós, estarão assumindo esta importante missão. Uma gama bem elaborada de informações e treinamentos nos foi passada por exímios palestrantes. Destaque para os EGD’s lavrenses João Márcio de Carvalho Rios e Juventino Júlio de Souza, ambos prelecionistas do evento, Ato de abertura dos trabalhos tendo ao centro o presidente dentre outros. do RCVarginha Juliano Vinhas Ferreira, à sua direita o goAssuntos relacionados ao vernador 2009-10 Carlos Alberto D. Coelho, o EGD Luiz de próximo lema rotário “O FUAraújo Filho, e à sua esquerda o governador 2008-09 Murillo Affonso Ferreira e o EGD Edmundo Pereira Dantas Filho. TURO DE ROTARY ESTÁ EM SUAS MÃOS” foram a tô17


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

nica do encontro. O anúncio de novos programas, bem como a continuidade e incremento dos já existentes, o planejamento de atividades e projetos dos clubes, a prática da liderança pelos presidentes, a organização dos clubes e o desenvolvimento do quadro social foram amplamente discutidos durante os trabalhos. O governador 2009-10 Carlos Alberto Dias Coelho, com certeza, retornou satisfeito com o que viu, principalmente pelo interesse dos presentes em exercer uma boa administração sob seu comando. Como continuidade, teremos no próximo dia 26 de abril, em São Gonçalo do Sapucaí a Assembléia Distrital, onde os integrantes do próximo conselho diretor deverão estar presentes para receber ainda mais instruções para gerirmos os destinos do Rotary Club de Lavras neste novo ano rotário que se avizinha. Veja, a seguir, mais alguns registros do PETS: Ao lado: o salão de convenções do SEST SENAT de Varginha e os participantes do PETS. Abaixo: o Comp. EGD João Márcio quando fazia sua brilhante palestra sobre a administração dos clubes.

Ao lado: o Comp. EGD Juventino Júlio de Souza quando de sua importante palestra sobre a Fundação Rotária.

O Comp. governador 2009-10 Carlos Alberto Dias Coelho fez questão de postar-se para um registro com os dois EGD’s de suas duas gestões como presidente do RCItajubá: EGD Luiz de Araújo F°. e o EGD João Márcio de Carvalho Rios. 18


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

O

governador Murillo Affonso Ferreira, faltando três meses para o final de sua gestão, está nos conclamando para o aumento do quadro social. Neste quesito felizmente o Rotary Club de Lavras – assim como em vários outros – será mais uma vez referência neste ano rotário. Com o ingresso dos companheiros Osmar Carvalho, Richard Gouvêa (Chinha), Rita Goulart, Muriel Rizental, o reingresso do Comp. Neisson Costa, além da recente posse de Acir Pimenta e Fábio Lima, já contabilizamos nada menos que 7 (sete) novos rotarianos, que poderão chegar a 9 (nove) com o possível ingresso de Vanda Amâncio Bezerra Mendes e Evaldo Lucas na festiva de aniversário do clube, em maio próximo. Ainda neste tocante, poderemos ter o reingresso do Comp. Dalso Araújo Soares que, apesar de ter tomado posse, quase que imediatamente por uma questão de remanejamento em suas lides profissionais, não conseguiu conciliar seus horários com os encontros rotários, contudo, ao que tudo indica um novo remanejamento poderá ocorrer, o que resultará no seu retorno ao clube.

Compª. Muriel

Comp. Richard

Comp. Osmar

Compª. Rita

Comp. Neisson

Comp. Fábio Comp. Acir

Em sua mensagem deste mês de abril, o Gov. Murillo nos lembra, em nome do presidente de RI Dong Kurn Lee, desta meta a ser alcançada, bem, como da premiação aos clubes que obtiverem os maiores percentuais de aumento no quadro social. Certamente o RCLavras será um dos contemplados. 19


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

Também nos lembra do “encontro marcado” na CONFERÊNCIA DA VIDA, que dentro de pouco mais de um mês estará se realizando na aprazível estância hidromineral de São Lourenço. Lembramos os companheiros para não deixarem para a última hora as reservas na rede hoteleira de São Lourenço e que é meta do Comp. presidente Emerson Nonato Silva levarmos uma expressiva comitiva ao evento máximo do distrito, uma forma de exercitarmos o companheirismo e prestigiarmos o Comp. Murillo Affonso Ferreira que, diga-se de passagem, possui no Rotary Club de Lavras uma grande base de apoio à sua gestão. Leiamos, com atenção, a mensagem do governador Murillo Affonso Ferreira: Companheiros, A três meses do encerramento de nossa gestão, dirijodirijo-me a vocês, em nome de nosnosso presidente D.K.Lee no sentido de solicitar que sigam em fren frente na conquista de novos sócios. É de suma importância que, neste momento, os líderes líderes distritais, presidenresidentes e secretários de clubes e, enfim, os companheiros todos estejam imbuídos e momotivados na captação do maior número possível de novos só sócios. Sei que poderei contar com todos nesta fase final, no sentido de manter a sustentabilidade cluubes sustentabilidade dos clubes, a dedicar maior atenção principalmente àqueles cl com menos de 20 sócios, atentando para a meta proposta e divulga divulgada em nossas visitas (metas propostas pelo presidente D.K.Lee) no aumento de 10% do quadro social, a fundação de 2 novos clubes e a elevação para 20 o número de só sócios nos clubes menores. Antecipadamente, deixo aqui o meu sincero agradecimento pelo empenho e rotá ário de 2008/2009, dedicação e a satisfação de trabalhar com vocês neste ano rot na certeza de que poderei contar com todos até o dia 30 de junho, último dia de nossa gestão, com o mesmo entusiasmo e que possamos atingir a meta bra brasileira de chegar aos 54.000 sócios. Quanto maior o número de sócios, maior o número de cabeças a pensar, maimaior o número de mãos a trabalhar. Não se esqueçam que a grande força opera operacional, hoje, está nas mulheres e nos adolescentes. Em nossa conferência distrital, a CONFERÊNCIA DA VIDA, VIDA, iremos premiar os clubes meno menores que conseguiram atingir a meta de 10 e 20 sócios e aos maiores com o maior número de percentual de elevação do quadro ssoocial.

20


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

Não

havia noticiário na televisão, no primeiro século. Mas, se tivesse havido, você pode imaginar o que um comentarista poderia ter relatado na manhã da ressurreição, cerca de 1976 anos atrás: "Bom dia, senhoras e senhores. Aqui fala Claudius Marcellus diretamente de Jerusalém. Estamos aqui na cena de um desaparecimento espantoso... mas antes de discutir isso, deixem-me preencher alguns detalhes do cenário. Há cerca de três anos este homem, Jesus, começou a viajar pelo interior da Judéia pregando um novo tipo de religião. Enquanto conseguia muitos seguidores, ele desagradava a maioria dos líderes religiosos da Palestina. Na manhã de sexta-feira, ele foi crucificado por acusação de traição e blasfêmia. Na tarde dessa sexta-feira, ele foi tirado da cruz e colocado num túmulo em forma de caverna, no qual agora me encontro. Agora, domingo de manhã, o corpo se foi. As únicas coisas deixadas são as mortalhas, bem dobradas e deixadas de lado. A cena aqui é de confusão e alvoroço. A pergunta na boca de cada pessoa é: 'O que aconteceu com o corpo?'" A questão do desaparecimento do corpo de Jesus de um túmulo em Jerusalém, dois milênios atrás, ainda é fundamental para a fé cristã. Cerca de 50 dias depois do "desaparecimento", os apóstolos de Jesus começaram a pregar sua ressurreição e milhares começaram a ser convertidos. Os céticos denunciavam os apóstolos e seu ensinamento e perseguiam violentamente os seguidores de Jesus, mas ninguém jamais disputou o único fato incontestável: o túmulo estava vazio. Teria sido impossível discutir este ponto. Uma caminhada de quinze minutos por uma secretária de Jerusalém, no intervalo do seu almoço, poderia ter confirmado visualmente o fato. O túmulo estava vazio! A resposta à questão do túmulo vazio requer investigação da evidência, indo desde o depoimento de testemunhas a uma análise das circunstâncias. Esta evidência precisa ser objetivamente esmiuçada para determinar o que, de fato, aconteceu.

FATOS VERIFICÁVEIS  JESUS VIVEU. Sobre isso não há dúvida substancial. Documentos escritos por cristãos (Mateus, Marcos, Lucas, João, Paulo, Pedro, etc.) no primeiro século confirmam este fato. Assim também o fazem os escritos de historiadores romanos (Tácito e Suetônio) e judeus (Josefo).  JESUS MORREU. Depois de ser espancado e açoitado, Jesus foi crucificado. Os soldados furaram seu lado, do qual escorreram sangue e água, confirmando que ele tinha morrido (João 19:33-34). O governador romano, Pilatos, depois de verificar sua morte, liberou o corpo para ser tirado da cruz e sepultado (Marcos 15:44). 21


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

 JESUS FOI SEPULTADO. Um proeminente chefe religioso judeu, que era um discípulo secreto de Jesus, um homem chamado José, tinha um túmulo novo escavado na rocha, dentro do qual ele colocou o corpo de Jesus (Mateus 27:57-61; Marcos 15:42-47; Lucas 23:50-56; João 19:38-42). Diversas mulheres observaram José e seu amigo Nicodemos colocarem o corpo dentro do túmulo em forma de caverna e rolarem uma grande pedra sobre sua abertura. Eles tinham tido pouco tempo para embalsamar o corpo adequadamente, pois o sábado judaico começava ao pôr-do-sol da noite de sexta-feira. As mulheres fizeram planos para virem cedo na manhã de domingo com mais especiarias para completar o embalsamamento. Mas quando chegaram, encontraram a pedra tirada e nenhum corpo no túmulo.  TESTEMUNHAS OCULARES ALEGARAM QUE VIRAM JESUS VIVO. Entre estas estavam discípulos que viram Jesus muitas vezes num período de 40 dias e puderam tocá-lo, falar com ele e até mesmo comer junto com ele. Como julgaríamos o depoimento destas testemunhas? Geralmente, avaliamos o testemunho por fatores tais como honestidade, competência e número. HONESTIDADE: Os apóstolos nada ganhavam (dinheiro, popularidade, etc.) por terem pregado a ressurreição. De fato, foram freqüentemente mortos por causa disso. Sua disposição a morrer por sua crença confirma sua integridade. COMPETÊNCIA: Os escritos destes homens demonstram competência mental, lucidez e atenção aos pormenores. O fato que muitos deles já conheciam bem Jesus e foram capazes de ter contato físico íntimo com ele certamente os coloca em posição de verificar a ressurreição. NÚMERO: Normalmente, duas ou três testemunhas são suficientes para estabelecer um fato histórico, mas neste caso, houve literalmente centenas (1 Coríntios 15:6). A relutância inicial das testemunhas oculares em crer reforça seu testemunho (Marcos 16:11, 13; João 20:19-29). Alguns a quem Jesus apareceu nem eram discípulos antes de terem visto Jesus ressuscitado: seu irmão Tiago, por exemplo (João 7:5; 1 Coríntios 15:7) e Saulo (Paulo).  JESUS FOI RESSUSCITADO. Esta é a única explicação que leva e conta, adequadamente, todos os fatos do caso. Mas, se Jesus foi ressuscitado, o que isto significa para nós?

IMPLICAÇÕES DA RESSURREIÇÃO RESSURREIÇÃO  A RESSURREIÇÃO DE JESUS GARANTE NOSSA RESSURREIÇÃO (1 Coríntios 15; 1 Tessalonicenses 4:13-18), A ressurreição de Jesus não é um assunto de mero interesse histórico, mas serve como o protótipo da ressurreição de todo ser humano. Sua ressurreição é a base para a esperança (1 Pedro 1:3).  A RESSURREIÇÃO DE JESUS PROVA QUE ELE JULGARÁ O MUNDO (Atos 17:3031). Ele ainda vive e todos os homens o enfrentarão como Juiz, um dia. Este fato deve provocar sóbria reflexão em nossa vida.  A RESSURREIÇÃO CONFIRMA AS DECLARAÇÕES DE JESUS DE SER O FILHO DE DEUS (Romanos 1:4). Serve como fundamento de seu reinado (Efésios 1:19-23) e sacerdócio (Hebreus 7:23-28).  A RESSURREIÇÃO DE CRISTO PROVÊ O MODELO (ROMANOS 6:3-5) E O PODER (1 PEDRO 3:21) DO BATISMO CRISTÃO. Os pecadores precisam morrer para o pecado como Jesus morreu na cruz. Eles precisam ser sepultados com Jesus no batismo para que possam ser erguidos para caminhar numa nova vida, como Jesus foi erguido dentre os mortos. Uma reportagem noticiosa 1976 anos atrás teria perguntado: "O que aconteceu com o corpo?" Hoje somos desafiados a responder à mesma pergunta. O modo como respondermos mudará nossa vida. - por Gary Fisher (Estudos da Bíblia) 22


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

Charge de Duke O Tempo/MG

ÉPOCA – Década de 30 – Semana Santa – Procissão desce a Praça das Mercês Feliz Páscoa.............................................................................Comp. Bertolucci 23


INFORMATIVO SEMANAL ‘ROTARY LAVRAS’ – Nº 36 – ANO ROTÁRIO 2008/09

O ROTARY INTERNATIONAL E O ROTARY CLUB DE LAVRAS AGRADECEM AOS ÓRGÃOS DE IMPRENSA LAVRENSES E REGIONAIS A DIVULGAÇÃO GRATUITA DE SEUS VÍDEOS E ÁUDIOS INSTITUCIONAIS, BEM COMO DE SUAS REUNIÕES E EVENTOS COMUNITÁRIOS

24


036#06#04#2009