Issuu on Google+

ANO II

EDIÇÃO Nº 78

PORTO VELHO, DE 30 DE NOVEMBRO À 6 DE DEZEMBRO DE 2013

R$ 2,50

www.rondoniagora.com CALEIDOSCÓPIO

Ao indicar Joaquim Babosa para o cargo de ministro do STF, o PT esperava subserviência no julgamento do mensalão.

EXEMPLO EM JI-PARANÁ

PÁGINA 2

MISTÉRIO NA SEDUC

Bueiros instalados Sumiço de objetos no Segundo Distrito será investigado Arquivo/Rondoniagora

Prefeito Jesualdo Pires utiliza mão de obra própria e economiza com dispensa de terceirização. PÁGINA 10

O Tribunal de Contas decidiu apurar o sumiço de bens na gestão da ex-secretária, Isabel Luz. PÁGINA 4

Arquivo/Rondoniagora

Enquanto maioria dos servidores ganha menos de R$ 1 mil

Marajá de Porto Velho recebe mais de R$ 100 mil de salário Foto: João Paulo

Embasados em pareceres criados pela própria categoria, a Procuradoria do Município de Porto Velho virou um antro de marajás. A maioria das Leis que esses privilegiados advogados se amparam são contestadas pelo Ministério Público no Judiciário. Neste mês de novembro, um desses privilegiados, Mirton Moraes de Souza, recebe R$ 103.262,19 de vencimentos. A maioria dos servidores do município ganha menos de R$ 1.000,00. PÁGINA 3

OURO PRETO DO OESTE

Educação ladeira abaixo, com festa A escola estadual Joaquim de Lima Avelino fica na 30ª posição no Enem e assessores comemoram. PÁGINA 13

DIRETO DE BRASÍLIA

Natal generoso Para servidores

“Chega de Atoleiros” Veja reportagem especial da expedição pela BR 319. Buracos, lama, dificuldades e análises de viabilidade econômica para recuperação da pior rodovia do Brasil que liga os estados de RO e AM. PÁGINAS 8 E 9

faleconosco

Anúncios e Assinaturas

(69) 3225-9705

jornal@rondoniagora.com comercial@rondoniagora.com

/jornalrondoniagora

Banco do Brasil disponibiliza pagamento a 140 servidores que tem direito ao Plano Bresser. PÁGINA 14 @rondoniagoranet


2

Opinião

/jornalrondoniagora @rondoniagoranet

PORTO VELHO, DE 30 DE NOVEMBRO À 6 DE DEZEMBRO DE 2013

Caleidoscópio Ivonete Gomes Jornalista

Joaquim Barbosa: Do Cavalo de Troia a Bode Expiatório “Nos grotões onde o PT transforma o povo escravo da própria miséria, é preocupante a tentativa do partido em dar a criminosos o status de presos políticos” Ao indicar o então procurador Joaquim Barbosa a uma das onze cadeiras do Supremo Tribunal Federal (STF), o ex-presidente Lula vangloriou-se da grande genialidade em colocar o primeiro negro na mais alta corte da Justiça brasileira. Ovacionou o jurista, mais pela cor que pela competência, e apostou na benevolência e gratidão do magistrado para livrar os companheiros e a si mesmo da cadeia. Não imaginava o maior beneficiado no esquema do mensalão que este seria um presente de grego para a sigla partidária que ajudou a fundar e, posteriormente, afundar. Inserido no STF numa espécie de Cavalo de Troia, Barbosa desceu de espada em punho, mas travou luta em desfavor dos pretensos credores de seu ápice profissional. Com ética, decepou a cabeça de um monstro que assombrava a maioria esmagadora dos brasileiros: a impunidade. Enquanto o PT apostava na subserviência por reconhecimento ao cargo, o ministro debruçava-se com honradez em pilhas de papéis para garantir a vitória da justiça sobre um plano de perpetuação do poder meticulosamente elaborado e vigorosamente defendido pelos petistas. Quando colocou o Cavalo de Troia dentro do Supremo, o PT esperava a devolução de um favor, não um trabalho a altura da investidura do cargo de ministro da Justiça. Inesperadamente - para eles - o Corcel indomado deu um coice e jogou no cárcere todos os que apostavam na influência

É UMA PUBLICAÇÃO SEMANAL DE CENTRAL DE JORNALISMO, PRODUÇÃO, MARKETING E ASSESSORIA LTDA REGISTRADO NO ISSN: 2238-4243 | CNPJ: 08.892.185 AV. GUAPORÉ, 4248 – CEP: 76.824-370 – BAIRRO IGARAPÉ – PORTO VELHO – RO FUNDADO EM 1 DE OUTUBRO DE 1999 POR ELIÂNIO NASCIMENTO, GERSON COSTA E IVONETE GOMES.

do Planalto para garantir postergação pela eternidade do julgamento do processo. Joaquim Barbosa não foi o único ministro a entrar no STF pelo Cavalo de Troia do PT. O partido também esperava reconhecimento e caridade de outros sete ministros, mas todos, por fim, não só reconheceram a existência do mensalão como condenaram os autores de um dos maiores atentados à democracia brasileira. Sem saída, o partido comandado por Lula revitalizou e avigorou a velha prática de tentar desqualificar o indivíduo quando não consegue desmentir o fato. Desde o pronunciamento da sentença dos mensaleiros, militantes do PT transformam Joaquim Barbosa em bode expiatório. A todo custo, atribuem ao magistrado a culpa que lhes é exclusiva. O golpe que o Partido dos Trabalhadores tenta aplicar para manter a “imaculada” imagem de mandatários do partido atrás das grades esbarra na imprensa livre, mas, principalmente, na genuína liberdade de expressão das redes sociais, onde não se vê o reflexo de pesquisas que apontam Dilma Roussef como vencedora num primeiro turno das eleições de 2014. Na guerra de fotomontagens e nos acalorados debates, a turma condenada perde feio para o STF, mas, nos grotões onde o PT transforma o povo escravo da própria miséria, é preocupante a tentativa do partido em dar a criminosos o status de presos políticos. Afinal, como disse Paul Joseph Goebbels, ministro da propaganda Adolf Hitler na Alemanha Nazista, “uma mentira repetida mil vezes torna-se verdade”.

Jornalista responsável: Gerson Costa – SRT 518/RO Editores: Eliânio Nacimento – SRT 526/RO I Ivonete Gomes – SRT 345/RO Colaboradores: Alexandre Araújo – SRT 699/RO Assem Neto - SRT 023/AC - Carlos Terceiro DRT 325 - Correspondente e representante em Brasília. Projeto Gráfico: Edson de Melo Diagramação: Cesar Prisisnhuki Faria Tiragem: Cinco mil exemplares

(69) 3225-9705 jornal@rondoniagora.com comercial@rondoniagora.com /jornalrondoniagora @rondoniagoranet


Política

/jornalrondoniagora @rondoniagoranet

PORTO VELHO, DE 30 DE NOVEMBRO À 6 DE DEZEMBRO DE 2013

3

Procurador recebe mais de R$ 100 mil de vencimentos Arquivo/Rondoniagora

ENQUANTO MAIORIA DOS SERVIDORES GANHA MENOS DE R$ 1 MIL, PROCURADORIA DO MUNICÍPIO VIROU ANTRO DE MARAJÁS Amparados por leis que eles próprios ajudam a defender – boa parte embargada pelo Ministério Público no Judiciário – os 24 procuradores municipais de Porto Velho formam uma categoria à parte dos miseráveis servidores públicos da Prefeitura. Enquanto a média salarial é pouco superior a R$ 1 mil, há casos em que um único procurador recebe 100 vezes mais esse valor. O sortudo chama-se Mirton Moraes de Souza, atualmente o adjunto da Procuradoria-Geral e vice-Presidente da Federação de Futebol do Estado. Com todos os descontos, ele recebeu R$ 103.262,19 no último mês, segundo os dados do Portal da Transparência. Mirton Moraes de Souza entrou na Prefeitura em 1996. O elevado salário deste mês tem um motivo: diferença de quinquênio de exercícios anteriores, no valor de R$ 56.200,70. O benefício tinha sido suspenso pela Justiça em 2011, após orientação da Procuradoria-geral para que a Prefeitura pagasse o qüinqüênio com base na remuneração dos servidores, o que não poderia acontecer, de acordo com o Ministério Público. No entanto, no final do ano passado, o então prefeito em exercício, Emerson Castro sancionou a Lei garantindo a alegria dos servidores municipais, principalmente os lotados na Procuradoria. Se dependesse apenas do vencimento, Mirton Moraes de Souza já teria um bom salário e acima da média municipal: R$ 10.593,50. Mas no mês teve ainda direito a gratificação de produtividade de R$ 9.211,85 e um grande abono natalino, um verdadeiro presente de natal antecipado: R$ 38.211,27. Entre outros bônus, o salário bruto chegou a Totais:R$ 132.703,24, mas um bom salário tem desconto de impostos maiores, dai que o vencimento do procurador ficou em R$ 103.262,19. Outro procurador com salário altíssimo é Elisabeth Alves Fontenele,que neste mês recebeu R$ 52.963,99, boa parte devida pelos famosos quinquênios atrasados.

Documento do Portal Transparência comprova o gordo contra-cheque do servidor

RÁPIDAS /

“A deputada, a irmã Luciana e mais três seguranças, um deles meu filho, que é policial militar, foram fazer o pagamento”

ADVOGADO TAMBÉM CONFIRMA ACUSAÇÕES O advogado Reginaldo Ferreira, que prestou serviços jurídicos na campanha da deputada “Ana da 8”, relatou que atuou na campanha da parlamentar, mas já no mandato foi chamado pela deputada para tentar resolver a situação do acordo com “Beto Baba”, que até então desconhecia. O profissional diz que procurou “Beto Baba” e ficou sabendo da existência do documento, loteando cargos no gabinete. Ainda segundo ele, “a deputada, a irmã Luciana e mais três seguranças, um deles meu filho, que é policial militar, foram fazer o pagamento. Não posso afirmar se tudo foi pago”.

POLÍCIA CIVIL INVESTIGA GESTÃO DE JOSÉ BIANCO O Tribunal de Justiça de Rondônia, atendendo a Policia Civil de Rondônia, determinou na quinta-feira busca e apreensão, além de sequestro e indisponibilidade de bens, de várias empresas e ex-servidores de confiança da gestão do ex-prefeito José Bianco (DEM) do município de Ji-Paraná. Todos são acusados de engendrar um esquema responsável pelo desvio de R$ 3.302.186,57 da Prefeitura de Ji-Paraná. A Operação Carta Marcada levou esse nome porque constantemente, as mesmas empresas eram declaradas vencedoras dos certames licitatórios de responsabilidade da Prefeitura.


4

Política

/jornalrondoniagora @rondoniagoranet

PORTO VELHO, DE 30 DE NOVEMBRO À 6 DE DEZEMBRO DE 2013

Tribunal de Contas apura sumiço de objetos da Seduc Arquivo/Rondoniagora

POLÍCIA NÃO DEU RESPOSTAS AO CASO E ATÉ UM SERVIDOR MORREU MISTERIOSAMENTE DEPOIS DO SUMIÇO DE TVS E ARCONDICIONADOS Enquanto a Polícia Civil não consegue encontrar respostas para o “mistério” do desaparecimento de 200 televisores, 46 notebooks e 3 centrais de ar de 36 mil BTUs do almoxarifado central da Secretaria de Estado da Educação (Seduc), o Tribunal de Contas de Rondônia resolveu agir “ex-officio” e determinou a instauração de Tomada de Contas Especial para apurar a responsabilidade da ex-secretária Isabel de Fátima Luz e seus principais assessores, incluindo o chefe do local violado à época, Rodrigo Barros Williams. A empresa Rocha Segurança, responsável pela vigilância, também foi chamada para prestar esclarecimentos. Isabel deixou o cargo e não conseguiu explicar o sumiço desses objetos. Um servidor da Seduc, Moisés Rodrigues, morreu em circunstâncias misteriosas e sua família acusa os responsáveis do roubo pelo crime. O inquérito foi reaberto, após a pressão de parentes, mas até agora a Polícia Civil também não deu respostas. Na época do “sumiço misterioso”, o diretor do Almoxarifado, Rodrigo Barros, registrou o Boletim de Ocorrência nº 13E1001001654 na 1ª Delegacia de Polícia de Porto Velho, anotando a expressão “extravio ou perda” e não roubo, como deveria ser. Na inspeção, a Seduc constatou o extravio de 11 aparelhos de televisão de 55 polegadas, 88 (Samsung) de 40 polegadas, 101 (Samsung ) de 40 polegadas, com tecnologia Led; 46 notebooks Positivo e seus acessórios, todos na caixa; e três centrais de ar de 36 mil BTUS cada uma da marca Eletrolux. Os equipamentos foram comprados às escolas públicas estaduais. Iriam servir para equipar as salas de aula, mas acabaram desaparecendo do Almoxarifado sem que ninguém tenha visto quem os levou. No Tribunal de Contas, o conselheiro Edilson Souza e Silva declarou-se impedido de atuar no processo, cabendo ao

G GERSON COSTA IINFORME POLÍTICO Jornalista

/jornalrondoniagora

@rondoniagoranet

gerson@rondoniagora.com

Próximo capítulo Nos próximos dias 2 e 3 de dezembro, os juízes Isabel Carla, Domingos Sávio e Vulmar Coelho Junior serão ouvidos pelo Conselho Nacional de

Justiça (CNJ) para apresentar suas defesas no rumoroso caso dos precatórios.

NEGA, MAS... Deputado federal Amir Lando (PMDB-RO) nega que esteja trabalhando contra a candidatura a reeleição do governador Confúcio Moura (PMDB), mas deixou claro que a legenda precisa de um nome competitivo e com vontade de ganhar.

QUEM TEM MEDO

Isabel Luz não explicou nada Arquivo/Rondoniagora

Da extensa lista de investigados pela Polícia Civil em Ji-Paraná, notou-se a ausência do ex-secretário José Batista da Silva, homem forte do ex-prefeito José Bianco (DEM) e ligado ao irmão Arnaldo Bianco, principal suspeito dos desvios de R$ 3,3 milhões.

RIO PARDO Na segunda-feira, a Assembleia Legislativa realiza audiência à tarde com os posseiros de Rio Pardo. Eles buscam uma solução para o conflito agrário na região, já que a Força Nacional tenta retira-los do local por se tratar de terras de reservas da União.

NÃO LEVA A SÉRIO Até hoje o deputado estadual Cláudio Carvalho (PT) não recebeu as informações requeridas à Comissão de Saúde da Assembleia sobre as 14 mortes na UTI Pediátrica do Hospital de Base. Parece que o assunto caiu no esquecimento até do Ministério Público.

ATRASO NA OBRA Almoxarifado foi violado novo conselheiro da Corte, Benedito Antônio Alves, a relatoria do caso. Ele determinou a abertura de Tomada de Contas Especial. Agora cabe aos técnicos do Controle Externo apurar o que realmente houve no local, embora a responsabilidade maior caiba a polícia.

A suspensão da licitação do sistema de refrigeração do novo prédio da Assembleia Legislativa deve atrasar o cronograma de obras. Os equipamentos devem ser instalados antes do acabamento do edifício.

CANETA PESADA Quem deu a canetada no projeto foi o conselheiro Edilson Souza e Silva. Não adiantou o diretor de Engenharia, Kruger Darwich, tentar convence-lo de alterar o edital e cumprir as orientações do Tribunal de Contas.


Geral

/jornalrondoniagora @rondoniagoranet

PORTO VELHO, DE 30 DE NOVEMBRO À 6 DE DEZEMBRO DE 2013

5

Cacoal comemora seus 36 anos Arquivo/Rondoniagora

“OLHAMOS PARA O PRESENTE COM A CERTEZA QUE NOSSO DESENVOLVIMENTO FOI MAIOR QUE GRANDE PARTE DOS OUTROS MUNICÍPIOS DO PAÍS.” A bela Cacoal chegou aos 36 anos de emancipação com uma festa grandiosa. Durante cinco dias, os moradores foram às ruas prestigiar apresentações de teatro, dança e exposições de arte. Tudo regado a muita comida típica. O evento alusivo à data foi aberto no desfile “Uma Cidade à Frente da História”. O tema escolhido faz jus a um dos mais prósperos e importantes municípios de Rondônia. A ocupação da localidade começou na década de 70 com a instalação de imigrantes do sul e sudeste brasileiros. Como a maioria das cidades ao longo da espinha dorsal do estado, Cacoal começou a ser povoada às margens da BR 364. Recebeu, inicialmente, o nome de Nova Cassilândia, em seguida, em razão da impressionante aptidão para o cultivo do cacau, foi batizado com o nome Cacoal. “Temos muitos motivos para celebrar este aniversário. Nossa cidade é tão jovem e tão próspera. Olhamos para o presente com a certeza que nosso desenvolvimento foi maior que grande parte dos outros municípios do país. Que nesses dias de festa, lembremos da nossa Cacoal como o lugar que escolhemos e da qual fazemos parte,” disse o prefeito Padre Franco Vialetto.

Estudantes, professores e população em geral foram às ruas durante de cinco dias de festa


6

Pesquisa

/jornalrondoniagora @rondoniagoranet

PORTO VELHO, DE 30 DE NOVEMBRO À 6 DE DEZEMBRO DE 2013

Instituto elege melhores prefeitos OURO PRETO, JI-PARANÁ E MACHADINHO ESTÃO ENTRE AS MELHORES AVALIAÇÕES O Instituto Phoenix inicia o mês de dezembro com a avaliação dos melhores gestores de Rondônia. Nesta edição, são divulgados os 10 primeiros prefeitos do Estado. Nas próximas edições do mês, os 10 piores também serão publicados pelo jornal Rondoniagora. E para fechar o ciclo de pesquisas por regiões, o Phoenix se comprometeu a entregar os dados da Região do Vale do Jamari, importante polo econômico que vem recebendo grandes investimentos de infraestrutura. Segundo o diretor do Phoenix, Juvenil Coelho, para chegar aos números dos índices de aprovação dos prefeitos os pesquisadores pedem ao entrevistado que dê uma nota de 0 a 5 ao gestor. De 0 a 2 varia de sofrível a ruim e de 3 a 5 de regular a excelente. Com esses dados o estatístico chega ao cálculo do Índice de Aprovação Popular (IAP). Com os dados recebidos durante o ano, o instituto chegou as seguintes conclusões. Alex Testoni (PSD), prefeito de Ouro Preto do Oeste, é o campeão com 77,3% de aprovação. Considerado um dos melhores nomes dos quadros do PSD para disputar o Governo de Rondônia, o chefe do Executivo de Ouro Preto priorizou a gestão eficaz economizando com salários e despesas da municipalidade. Com os recursos em caixa, ele conseguiu manter a cidade limpa, acabar com a buraqueira nas vias públicas e construir calçadas, além de iluminar o município. Com apoio do irmão, Jaques Testoni (PSD), e do diretor-geral do DER, Lucio Mosquni, Alex garantiu grandes projetos de urbanização e turismo. Ouro Preto, em breve, será uma das cidades mais bonitas do Estado. Herdeiro de grandes problemas estruturais, principalmente no 2º Distrito, Jesualdo Pires (PSB), prefeito de Ji-Paraná, é o segundo melhor avaliado. Ele recebeu 72,3% de índice de aprovação. Engenheiro, Jesualdo reuniu uma boa equipe de técnicos e mandou fazer projetos e enviar para Brasília. Já garantiu recursos para esgoto e aguarda os R$ 200 milhões da drenagem na cidade para acabar de vez com as alagações. Na gestão de Jesualdo, o Governo de Rondônia iniciou grandes projetos, a exemplo do anel viário, 50 quilômetros de asfalto e

no próximo ano inicia o novo aeroporto. Com apoio do senador Acir Gurgacz (PDT-RO), Jesualdo também conseguiu a duplicação da BR-364 e o viaduto para desafogar o trânsito entre os dois distritos e que também serve de corredor para a rodovia. O prefeito de Machadinho do Oeste, Marinho da Caerd (PV), pontou em terceiro lugar. Obteve 68,8% de aprovação popular. O gestor enfrenta problemas com a destinação adequado do lixo, mas ganha pontos com a população ao

manter a cidade limpa e urbanizada. Ele aguarda a chegada da usina do Rio Machado e os recursos de compensação para transformar a cidade. Laerte Queiroz (PSDB), prefeito de Nova Mamoré, chega em quarto lugar com 65,6%. Ele tem feito a gestão semelhante ao prefeito de Ouro Preto, economizando recursos e o que sobra em caixa mantém a limpeza da cidade e aplica em infraestrutura. Em quinto lugar está o prefeito de Espigão do Oeste, Celio Renato (PMDB).

Ele pontuou 65,5% de aprovação. A cidade, rica em minério e com uma reserva indígena que corta o município, tem gerado desenvolvimento com a gestão do prefeito Celio. O prefeito de Cacaulândia, Edmar Amorim (PMN), chega em sexto lugar com 61,4%. Em sétimo, aparece o prefeito de Santa Luzia, Jurandir Oliveira (PMDB), com 59,3%. Em oitavo Marcão da Farmácia (PMDB) de Alto Paraíso com 55,6% e em décimo Izael Dias (PMDB) de Cabixi com 54,2%.


Pesquisa

/jornalrondoniagora @rondoniagoranet

PORTO VELHO, DE 30 DE NOVEMBRO À 6 DE DEZEMBRO DE 2013

07

Veja os 49 melhores prefeitos avaliados por cada região O Phoenix também divulga nesta edição a avaliação de 49 prefeitos por região. Na Região do Madeira, que compreende Nova Mamoré, Candeias, Itapuã, Guajará-Mirim e Porto Velho, quem saiu na frente foi o prefeito Laerte Queiroz (Nova Mamoré). Ele pontuou 65,6%. Dinho de Candeias ficou em segundo lugar com 51,6%.

O prefeito de Porto Velho, Mauro Nazif (PSB), amargou a última posição com 11,5%. Por sinal, Nazif teve a pior das avaliações dos 49 prefeitos, segundo constatou o Phoenix. Na chamada Região da Produção, que compreende Cacaulândia, Alto Paraíso, Buritis e Ariquemes, o prefeito Edmar Amorim (Cacaulândia) ganhou

com 61,4%. O prefeito de Ariquemes, Lorival Amorim (PMN) ficou em último com 34,4%. O Phoenix também avaliou os prefeitos da Grande Ouro Preto, Região Central, Região do Feijão, Vale do Guaporé, Quadrilátero do Café, Vale do Jamari e Cone Sul.


8

Especial

/jornalrondoniagora @rondoniagoranet

PORTO VELHO, DE 30 DE NOVEMBRO À 6 DE DEZEMBRO DE 2013

“CHEGA DE ATOLEIROS”

Expedição pela BR 319 mostra viabilidade de recuperação da estrada Foto: João Paulo

O RESTO DE ASFALTO É RETIRADO DAS LATERAIS E REUTILIZADO PARA TAPAR BURACOS NA PISTA Nos 877 quilômetros que separam Porto Velho de Manaus, o veículo que transportava os repórteres de RONDONIAGORA cruzou com apenas duas pessoas. Um andarilho jovem que não aceita carona de ninguém e um homem à beira dos 60 anos com sérios transtornos mentais alardeando ter saído da Venezuela a caminho da capital rondoniense. Foram 48 horas de uma viagem sob sol, chuva, atoleiros e muitas, muitas incertezas e dificuldades. Houve quem dissesse ser “uma loucura” reavivar o projeto de recuperação da BR 319, rodovia construída há 43 anos no governo militar e hoje resumida a um picadão fantasmagórico, inabitado e de mórbido silêncio. Não há produção agrícola ao longo do percurso. E nem poderia ter, já que seria inviável o escoamento pela rodovia, eleita a pior do Brasil. Vinte e dois carros traçados formaram a expedição “Chega de Atoleiros”, uma iniciativa do senador Acir Gurgacz (PDT), presidente da Comissão de Agricultura e Reforma Agrária. Jornalistas, assessores, militares e representantes de órgãos e entidades ligados à economia e meio ambiente acompanharam o parlamentar na via crucis para desenvolver, em conjunto, um relatório sobre a viabilidade de recuperação da 319.

As pontes quebradas ao longo da estrada colocam membros da expedição em perigo constante

R$ 9 MILHÕES JÁ LIBERADOS Uma placa enferrujada afixada ao longo da BR diz ter havido a disponibilização de R$ 9 milhões para conservação e manutenção dos trechos mais críticos. Mas o que se vê são buracos capazes de encobrir até pneus de trator. A única máquina avistada em toda a viagem – uma pá mecânica – pertence a um empresário que veio socorrer um amigo atolado. O maquinário oficial sumiu do trecho. O superintende do Dnit para Amazo-

nas e Roraima, Fábio Galvão, alega dificuldade para realização de obras no inverno e, enquanto nada é feito, a floresta continua avançando pelos dois lados da pista. Há longos trechos onde não é possível passar um carro e uma motocicleta ao mesmo tempo. O resto de asfalto que chegou ali em 1979 é retirado das laterais da BR, deixando intermináveis valões de tabatinga. Esse mix de pavimentação é transformado em entulho para cobrir os buracos que ficam no centro da rodo-

via. O “serviço porco” agravou o risco de acidentes aos que se atrevem atravessar a 319. “Nós adotamos um planejamento militar para evitar que sejamos surpreendidos. Por meio de rádio, nós avisamos as viaturas que estão atrás sobre os perigos, e toda a ação é coordenada por um oficial que acompanha a comitiva”, explicou o sargento Helmer Clemente, instrutor de selva que empreendeu esforços no socorro mecânico aos veículos que apresentavam problemas. Foto: João Paulo

Gurgacz mantém esperança e aposta em esforço de bancadas O senador Acir Gurgaz manteve a versão de que a abertura da BR 319 é progresso estratégico e “uma questão de soberania nacional”. Alheio às críticas, o senador desclasssificou as denúncias de que a pavimentação da estrada alimentará crimes ambientais como a retirada ilegal de madeira. “Todas as serrarias estabelecidas aqui (ao longo da rodovia) trabalham certinho, com produto mane-

jado que, mais tarde, lhes garantem certificação. Nós temos absoluta certeza de que a madeira ilegal sai pelos rios”, disse o parlamentar. O senador disse que vai buscar apoio das bancadas do Amazonas e Roraima e fazer pressão política junto à Casa Civil da Presidência da República, uma vez que já há recursos previstos no PAC para a reconstrução da BR 319.

“Senador disse que vai buscar apoio das bancadas do Amazonas e Roraima”

Gurgacz a assessores param para observar um dos trechos


Especial

/jornalrondoniagora @rondoniagoranet

Foto: João Paulo

“Babaquice do Ibama” “Isso é uma babaquice”. Reagiu o comerciante Tarcísio Maia Alves, de 65 anos, que testemunhou fatos estranhos que, segundo ele, acabaram com a estrada”. Ele fala de falcatruas e corrupções diversas ocorridas no auge do progresso que o asfalto proporcionava aos dois estados na década de 70. “Deixaram acabar com a nossa estrada. Era muito roubo, desvio de cimento sob as vistas das construtoras Gutierrez e Queiroz Galvão. O governo “Tudo foi militar foi omisso. destruído, Ainda que o asenquanto os falto empregado mercados de tenha sido de boa Belém e outras qualidade essa BR cidades eram não foi feita para abastecidos suportar jamantas com facilidade” que iam e vinham entre Porto Velho e Manaus carregadas de Frango e outras mercadorias. Nada era reparado. Tudo foi destruído, enquanto os mercados de Belém e outras cidades eram abastecidos com facilidade. Imaginem vocês que a Universidade Federal do Amazonas fez um estudo obrigando a Embratel a cruzar os fios da fibra ótica entre um posteamento e outro por que não se pode cortar um galho de embaúba? É muita babaquice mandar fazer passarelas para macacos e mucuras atravessarem a estrada, senão esses animais seriam atropelados”, disse visivelmente irritado o comerciante, que mora em Careiro Castanho com a família e revende materiais de construção trazidos por balsa de Porto Velho.

Grande parte da 319 está situação de completa intrafegabilidade Foto: João Paulo

Carros tiveram pneus arrebentados na viagem

A quem não interessa a recuperação da 319 Se ao longo da 319 nada se produz e, portanto, nada se escoaria em um primeiro momento, resta apenas um argumento aceitável para reabrir a estrada: a velocidade com que mercadorias seriam transportadas entre os dois estados de Rondônia e Amazonas. Mas, ao chegar à Manaus, numa travessia de uma hora e dez minutos sobre os rios Solimões e Negro, após testemunhar o fenomenal encontro das águas, avista-se um poderio industrial astronômico que rende bilhões todo ano a políticos da região, dentre eles Amazonino Mendes

9

PORTO VELHO, DE 30 DE NOVEMBRO À 6 DE DEZEMBRO DE 2013

e outros empresários que exploram o transporte fluvial de mercadorias, fixaram moradia no exterior e aparecem esporadicamente na região. São grandes empreendedores que firmaram negócios vultosos a partir do carregamento de GLP, o gás de cozinha, por exemplo, que leva seis dias para chegar à Porto Velho, assim como o óleo diesel, que também abastece capital e interior do Acre. A esses empresários, que detém fortíssima influência direta e indireta junto ao Congresso Nacional, não há interesse em pavimentar a 319. Seus rendimentos invejáveis de-

pendem de quase tudo que é consumido em Manaus, trazido da capital rondoniense (da água mineral ao tomate, passando pela carne, frango, hortifrutigranjeiros, arroz, feijão e outros). Uma categoria que vibra com uma esperança remota de reconstrução da BR é dos taxistas, muito embora conscientes de que as empresas de ônibus estão de olho nesse negócio há muitas décadas. «Seria bom pra todos. Cobraríamos 300 reais por pessoa, pois a distância e o preço, são os mesmos praticados desde Lábrea até Manaus», disse o permissionário Luciano Mendes.

Impacto ambiental O estudo de Impacto Ambiental e o Relatório de Impacto Ambiental (EIA RIMA), encomendado pela Universidade Federal do Amazonas em 2009, já não tem mais validade. Os ajustes necessários, recomendados pelo Ibama, sequer foram iniciados e o órgão ambiental exige que se faça uma concorrência pública, escolha-se uma empresa e se proceda um novo estudo. “Do contrário a BR não terá licenciamento”, endureceu o tom Mário Lúcio, superintendente do Ibama no Amazonas. Com uma visão limitada sobre prós e contras da reabertura da estrada, o superintende classifica a fauna como o maior entrave do projeto. “Todos os animais desta parte da Amazônia estariam ameaçados se as máquinas abrissem a 319 hoje”, afirmou. Mário Lúcio disse estar ali em nome da superintendência nacional do órgão, dando tom a sua contrariedade em participar da comitiva.

Fecomércio defende redução de alíquota O superintendente da Fecomércio em Rondônia, Raniery Araújo Coelho, tenta desobstruir esta fronteira impiedosa, agravada pela sobretaxação dos produtos que vão e vêm. Ele terá reuniões com os dois governadores, representantes do comércio e indústria, com um apelo a ser feito, diz ele, em nome do consumidor final que é impactado. “Aqui no Amazonas, tudo que chega de Porto velho e tem valor mais baixo aos portovelhenses, custa

de 20% a 30% mais caro em relação a qualquer região do país. Rondônia precisa continuar sendo o maior abastecedor de Manaus, mas para isso deve haver uma quebra do ICMS como condição para compensar o frete. Além disso, a Hidrovia do Rio Madeira, a partir de Porto Velho, está paralisada no PAC e os períodos de navegação são sazonais, as viagens noturnas são proibidas e ainda não há sinalização, drenagem e balizamento de profundidade”. Foto: João Paulo

Aventura e perigo no cruzamento de mais uma ponte


10

Ji-Paraná

/jornalrondoniagora @rondoniagoranet

PORTO VELHO, DE 30 DE NOVEMBRO À 6 DE DEZEMBRO DE 2013

Prefeitura investe em drenagem Arquivo/Rondoniagora

MUNICÍPIO DE JIPARANÁ UTILIZA MÃO DE OBRA PRÓPRIA E ECONOMIZA DISPENSANDO TERCEIRIZAÇÃO DE SERVIÇOS A Prefeitura Municipal de Ji-paraná, por meio Secretaria Municipal de Obras e Serviços Públicos (Semosp), está investindo na construção e recuperação de bueiros na cidade. Trabalhando com mão de obra própria, sem utilizar terceirizados, a SEMOSP está conseguindo economizar nos serviços. O bueiro de tripla vazão construído na T-4 no bairro Riachuelo é um exemplo disso. É um bueiro de dez metros com aplicação de 30 tubos em três linhas que dão capacidade de nove metros cúbicos de água em cada linha. Este bueiro teve custo de aproximadamente R$ 17 mil, ao passo que repassado para empresas terceirizadas o valor cotado seria de quase R$ 32 mil. Outras localidades também tiveram a implementação de bueiros como a rua Chico Mendes no Parque São Pedro, rua Menezes Filho no bairro Vila de Rondônia e também Bela Vista, rua Gonçalves Dias no bairro Jardim dos Migrantes, rua Castanheira no bairro Jorge Teixeira, rua Calama no bairro São Francisco, rua José Geraldo no bairro Duque de Caxias e rua Santa Luzia no Jardim Presidencial. Foram utilizadas manilhas de 60, 80, 1,20 e 2 metros nos bueiros, além de bri-

Os principais bueiros estão sendo colocados no Segundo Distrito ta, areia, cimento, tijolos, seixo e cal. O Secretário Municipal de Obras e Serviços Públicos, Waldeci José Gonçalves, informou que cada bueiro tem custo médio de R$ 8mil reais quando construídos pela Semosp que, além da economia, a sociedade ganha também em celeridade no processo de construção. Conforme Waldeci Gonçalves, quando as chuvas caem com forte intensidade, o volume das águas passam a exceder

a capacidade da vazão, culminando nos alagamentos que causam grandes transtornos a população. A Prefeitura também tem atacado o problema buscando minimizar os transtornos à população, a Semosp está alargando 196 bocas de bueiros instaladas nos principais pontos de captação de águas pluviais da cidade. Essas bocas de bueiros terão o diâmetro aumentado, dando maior vazão às águas, contribuin-

do com isso para que as ruas e residências não sejam tão prejudicadas. Os principais bueiros que estão sendo alargados estão localizados no Segundo Distrito, no bairro Nova Brasília, um dos mais populosos do Município, em pontos localizados na Avenida Brasil e as ruas Manoel Franco, São Luiz e Teresina. A ampliação das bocas de bueiros não resolverá o problema, mas irá minimizar os transtornos com alagamentos.

Arquivo/Rondoniagora

Centro Odontológico é referência no estado O Centro de Especialidades Odontológicas (CEO) de Ji-Paraná, instalado no primeiro andar da Unidade Básica L1 Maringá, já é destaque em número e qualidade de atendimentos para a população. Com oito médicos odontólogos, de segunda a sexta-feira, das 7 às 17h, em sete consultórios, o CEO está mantendo uma média de 60 atendimentos por dia. O prédio foi completamente reformado e, novos e modernos equipamentos foram instalados. O local oferece tratamento de res-

tauração, odontopediatria, periodontia, cirurgia de extração e endodontia (tratamento de canal). Outro importante serviço oferecido pelo CEO é o trabalho de prevenção que é realizado nas escolas e creches municipais. Segundo o prefeito Jesualdo Pires, entre a reforma e a compra de novos equipamentos, foram investidos no CEO recursos na ordem de R$ 150 mil, sendo 50% em recursos próprios do município e 50% em recursos do Programa do Governo Federal, o Brasil Sorridente.

Oito odontólogos atentam população de segunda à sexta-feira


Rolim de Moura

/jornalrondoniagora @rondoniagoranet @rondo ndo n nd do d oni onia nia n iiagoranet

11

PORTO VELHO, DE 30 DE NOVEMBRO À 6 DE DEZEMBRO DE 2013 Arquivo/Rondoniagora

DENIS FARIAS D Jornalista

/jornalrondoniagora

@rondoniagoranet

comercial@rondoniagora.com

Natal de Luz... Calou os críticos de plantão do prefeito Cesar Cassol, a verdadeira multidão que compareceu na quinta-feira (21), durante o lançamento do projeto Natal de Luz, na praça Durvalino de Oliveira. A festa contou com a parti-

cipação de pelo menos dez mil pessoas no Centro da cidade, gente que foi ver o acendimento oficial das luzes, a reinauguração daquele espaço e principalmente o cantor Mattos Nascimento, convidado para abrilhantar o evento.

ILUMINANDO...

A prefeitura rolimourense também já começou a recuperar a iluminação pública da cidade, que havia anos estava deficitária. De carreira, o município tem apenas dois eletricistas, que se viam humanamente impossibilitados de dar conta de todo o trabalho. A jeito foi licitar esse serviço e exigir que a empresa vencedora entregue a cidade em poucos meses 100% iluminada. Quem anda no Centro de Rolim de Moura já nota a diferença. Luminárias da Av. Norte Sul foram as primeiras a receber os reparos, assim como ruas adjacentes, como Fortaleza e Florianópolis. Em breve, os superpostes da Av. 25 de Agosto e todos os bairros devem ter a iluminação totalmente revitalizada.

CONCURSO... Está confirmado o concurso da prefeitura de Rolim de Moura para os próximos dias. O processo, segundo o secretário de administração local, está na CPL para as cotações de preço e para a licitação da empresa que vai gerenciar o certame. As necessidades mais latentes, que devem entrar no edital, são por médicos (variadas especialidades), professores, cuidadores da casa da criança e um ou outro cargo administrativo.

INVESTIMENTOS NO ESPORTE... O estádio municipal Ângelo Cassol, o Cassolão, deve receber nos próximos dias a tão sonhada construção das cabines de transmissão de TV e rádio. Comunicadores da cidade e da região, havia muito tempo, reclamam das condições atuais daquela praça esportiva, na ocasião de grandes jogos pelo campeonato estadual ou em competições amadoras. Serão construídos nove espaços para que as emissoras possam instalar equipamentos e narradores, além de tribunas especiais para autoridades.

RECONSTRUINDO... Obras que no passado caíram ou foram simplesmente esquecidas pelos governantes, aos poucos vão sendo recuperadas pelo poder público. É o caso do local onde ficava a antiga rodoviária. No lugar da estrutura, que veio ao chão após um vendaval, está sendo construída o CEU dos Esportes e da Cultura, lugar que vai concentrar serviços de ação social, quadra de esportes, pista de skate, de caminhada, playground e também um auditório para a comunidade. Outro que está sendo reconstruído é o ginásio de esportes do bairro Olímpico, que também caiu após uma forte chuva. O início das obras deve acontecer nos próximos dias.

FOI BEM... :) Trabalhadores do projeto Natal de Luz. Todos sem exceção que colocaram a mão na massa e deixaram a praça linda. Nossa gratidão!

FOI MAL... :( Padre Tom. O deputado federal tem sido hostilizado nas redes sociais por postar mensagens de apoio aos condenados do mensalão e críticas ao ministro do STF, Joaquim Barbosa, algoz dos mensaleiros.

Diretoria da Acirm reunida com diretores do Sicoob em Rolim de Moura

Acirm quer único posto bancário em Nova Estrela A DIRETORIA DO SICOOB SE MOSTROU RECEPTIVA COM A IDEIA E SE COMPROMETEU EM ESTUDAR AS NECESSIDADES DO DISTRITO DE NOVA ESTRELA A Associação Empresarial de Rolim de Moura (Acirm) recebeu na quarta-feira, 27, diretores da Cooperativa Sicoob com o objetivo de solicitar da instituição a implantação de um posto de atendimento do Sicoob em Nova Estrela, pois o único distrito de Rolim de Moura, localizado a 25 km da sede do município não conta com atendimento de nenhuma instituição financeira, tendo os comerciantes e a população em geral, que fazer suas operações nos bancos de Rolim de Moura, Pimenta Bueno ou Cacoal. Participaram da reunião o Presidente do Conselho do Sicoob, Oberdam Pandolfe Ermita, Presidente da Diretoria Executiva, Jonas Alves Costa, Diretor Operacional, Fábio Correia da Silva e o Gerente da agência em Rolim de Moura, Murilo Assunção, que foram recepcionados pela secretária-executiva da entidade Ester Caliani e a presidente da Acirm, Kelly Rodrigues. A diretoria do Sicoob se mostrou receptiva com a ideia e se comprometeu em estudar as necessidades de Nova Estrela. Na oportunidade, a Presidente da Acirm

lembrou que o distrito é muito importante para a economia de Rolim de Moura, que os moradores precisam ser respeitados, visto que muitos deles são cooperados do Sicoob. “São pessoas corajosas e de muita força e reforçou que a Acirm está solidária nesta causa e que fará tudo o que estiver ao seu alcance para levar mais qualidade de vida aos cidadãos de Nova Estrela” O Vereador Fabrício Melo, que reside no distrito, também participou da reunião e falou das dificuldades que o distrito en- “Moradores frenta por não ter que fazem um banco e faz coro ao pedido da operações Acirm e dos mo- bancárias em radores do local. Rolim, Pimenta A diretoria do Bueno ou Sicoob ficou de estudar a viabili- Cacoal” dade e informar a Acirm no máximo até a próxima semana se implantará ou não um posto de atendimento da cooperativa em Nova Estrela. A diretoria do Sicoob parabenizou a Acirm pela preocupação com o crescimento da economia e se colocou à disposição da entidade para futuras parcerias, “pois somente no cooperativismo e no associativismo o desenvolvimento local se torna forte e efetivo”, frisou Jonas Alves da Costa.


12

Ouro Preto do Oeste

/jornalrondoniagora @rondoniagoranet

PORTO VELHO, DE 30 DE NOVEMBRO À 6 DE DEZEMBRO DE 2013

Sortudo de RO ganha carro da Petrobras Arquivo/Rondoniagora

O MORADOR DE TEIXERÓPOLIS ACHOU QUE ERA VÍTIMA DE UM TROTE A Petrobras Distribuidora entregou um Peugeot 208 a um dos 60 contemplados na promoção “Petrobras 60 anos”. A entrega aconteceu no Auto Posto Dom Bosco, em Ouro Preto do Oeste. O sortudo, André Rodrigues Chaves, morador do município de Teixeirópolis recebeu a chave do carro 0 km das mãos do assessor comercial da Petrobras na região, Iron Leandro, e da empresária Maria Cristina Cristovão Testoni, administradora do Grupo Dom Bosco. Em contato com a nossa reportagem André Rodrigues disse que não acreditou quando recebeu o telefonema da Petrobras informando ser o ganhador da promoção. “Pensei que fosse trote de amigos. Estou muito feliz por este premio que é o meu presente de natal antecipado”, afirmou o único ganhador de veículo 0 km do Estado de Rondônia. A empresária Maria Cristina Testoni afirmou que é um orgulho ímpar para toda equipe do Auto Posto Dom Bosco por ser o local onde foi premiado o único ganhador do Estado de Rondônia com um Peugeot 0 km. Uma funcionária do Auto Posto Dom Bosco, ganhou um Tablet Samsung, durante um sorteio que aconteceu no evento da entrega do veículo.

“É um orgulho ímpar para toda equipe do Auto Posto Dom Bosco por ser o local onde foi premiado o único ganhador do Estado”

Empresária faz entrega da chave do veículo Arquivo/Rondoniagora

Vereadora destaca atuação de Gurgacz A vereadora Cleide Almeida (PDT) ocupou a Tribuna da Câmara municipal de Ouro Preto para destacar o trabalho do senador Acir Gurgacz, líder do PDT no senado federal, em prol do município de Ouro Preto. A vereadora lembrou que o senador pedetista é um fiel aliado dos interesses da população ouropretense com ações verdadeiras através de emendas parlamentares. Cleide Almeida destacou, ainda, a liberação de emendas para aquisição de motoniveladora, construção de calçadas

no perímetro urbano e recentemente uma emenda na ordem de R$ 300 mil para a compra de um micro ônibus. “Ouro Preto tem na pessoa do senador Acir Gurgacz um árduo defensor dos anseios da nossa população e este empenho, nós do PDT, procuramos sempre estar ao lado do povo ouvindo suas reivindicações que são mais do que justas”, disse a parlamentar que vem se destacando no Poder Legislativo municipal pela sua forte atuação em defesa da sociedade.

“Ouro Preto tem na pessoa do senador Acir Gurgacz um árduo defensor dos anseios da nossa população”

Vereadora Cleide Almeid ao lado do senador Acir Gurgacz


Articulista

/jornalrondoniagora @rondoniagoranet

PORTO VELHO, DE 30 DE NOVEMBRO À 6 DE DEZEMBRO DE 2013

13

ALEXANDRE ARAÚJO Jornalista

FIRME E FORTE COMO UMA ROCHA O presidente do Diretório Municipal do PSDB em Ouro Preto, Augusto Lobo, continua firme no comando do partido e a garantida foi dada pessoalmente pelo presidente da Executiva Estadual da sigla, o ex-senador Expedito Junior. Lobão, como é mais conhecido, é um profundo conhecedor das demandas da região já que é morador de Ouro Preto há 36 anos e certamente será um fator positivo nas pretensões de Expedito nas eleições de 2014.

/jornalrondoniagora

@rondoniagoranet

Educação ladeira abaixo O Ministério da Educação (MEC) divulgou as notas médias das escolas de todo o país no Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) de 2012. Essas notas devem ajudar as escolas a elaborar estratégias para melhorar a qualidade do ensino. Pois bem, em Rondônia a primeira colocada foi o Centro de Ensino Classe A e a melhor escola estadual a Marcelo Candia ficou na 26ª posição, já em Ouro Preto a escola estadual Jo-

aquim de Lima Avelino ficou na 30ª. O que chama a atenção é que os aspones do governo do Estado em Ouro Preto estão comemorando o resultado do Enem 2012, com a expressão isso é “fantástico”. Vai entender estes caras de pau que não percebem que a educação pública está indo ladeira abaixo. Apenas para lembrar, o MEC considera como parâmetro de boa educação somente as vinte primeiras escolas de cada Estado. Arquivo/Rondoniagora

VEREADOR SORTUDO

Um conhecido vereador da região central do Estado teve a sorte grande batendo a sua porta e foi o ganhador do prêmio da loto fácil com a bagatela de R$ 432 mil. Bestinha, o nobre edil tratou logo de ficar caladinho e não deixar que a notícia se espalhasse, na certa para não ser incomodado pelos seus eleitores. E na surdina o parlamentar adquiriu 300 cabeças de gado e arrematou um lote rural na região do município de Machadinho do Oeste. Dado o recado, ou melhor, a notícia, cabe agora saber quem é o dito cujo. Façam suas apostas.

VEREADOR APANHA DE CIPÓ DE BOI O vereador Dedê Aboiador (PMDB) da cidade de Vitória do Mearim, uma currutela do interior do Maranhão, tomou uma sova de cipó de boi. O motivo de tanto carinho é que o vereador votou contra as contas do ex-prefeito do município Zé Mario Pinto (PSB) que não gostou da ingratidão do nobre edil e resolveu a peleja na base do cipó de boi. E pense, uma lapada deste instrumento dói até a alma. Agora se a moda pega aqui na terra de Rondon vai ter neguinho com o couro das costas parecendo o mapa hidrográfico do Brasil.

FALTA FISCALIZAÇÃO

FARRA COM VEICULO OFICIAL

A farra com veículos de placa branca pertencente ao governo do Estado na região central do Estado é uma vergonha e extrapola todos os limites da falta de compromisso que governo da enrolação tem com o povo. O fato é que os aspones do governo do estado utilizam os carros com placa branca para ir a supermercado, buscar filhos na escola, ir para Igreja e até mesmo se deslocar para balneários, isso sem falar que fazem do veiculo público um meio privado com conta paga pelo contribuinte. É muita falta de respeito.

comercial@rondoniagora.com

ALEX SÓ ESPIANDO

O prefeito Alex Testoni (PSD), tido como virtual pré-candidato ao governo do Estado, adotou a tática do “João de Barro”. Ao menor perigo da investida da oposição recolhe a cabeça e toca para sua morada. Alex um estrategista na arte de compor aliança sabe que se colocar a cabeça (leia-se dizer que é candidato a governo em 2014) corre o risco de ir para guilhotina sem direito a embargos infringentes. Por via das dúvidas vai cozinhando o galo no banho Maria até o caldo ficar no ponto da degustação, ou seja, definição de quem é quem para a disputa do governo e do senado.

CARLOS MAGNO APOSENTADO? Por enquanto nada oficial, mas corre rumores de que o deputado federal Carlos Magno (PP) pode vir a ser aposentado por motivo de doença. Magno que enfrenta uma árdua luta contra uma hepatite tipo C está na fila de transplante e uma disputa eleitoral requer tempo e boa saúde, fatores que o deputado sente falta. Neste sentindo, aposentaria é legal. Em contra partida, Magno será peça chave com seu apoio nas eleições de 2014.

FRASE DE CAMPEÃO “Flamengo uma paixão sem limite”

Por mais que se façam blitz e palestras sobre trânsito é cada vez mais flagrante que a zorra impera em Ouro Preto do Oeste. O desrespeito às leis de trânsito no município vai desde o motoqueiro insistir em pilotar sua moto sem fazer o uso do capacete, passando por motoristas dirigindo falando ao celular e outras infrações previstas no Código Brasileiro de Trânsito – CBT. Mas, o que chama a atenção é a cara de pau de muitos condutores de veículos que estacionam em vaga destinada aos portadores de necessidade especial. E como a Polícia Militar, Ciretran e prefeitura municipal fazem como Pôncio Pilatos, o cidadão se acha no direito de fazer o que quer no trânsito, a exemplo desta moto estacionada em passagem para cadeirante. (foto)

PNEUS NOVOS OU RECAUCHUTADOS?

O prefeito do Vale do Paraíso, Luiz do Hotel (PTN), está sendo acusado de ter autorizado a compra de pneus para servir a uma caminhonete pertencente a Secretaria municipal de Saúde, no valor de R$ 1.200,00 cada um. Ocorre que esta semana por muito pouco não ocorre uma tragédia quando a carro estava trafegando pela BR 364 levando pacientes para fazer hemodiálise em Ji-Paraná. Os pneus soltaram a borracha e se não fosse a habilidade do motorista todos os ocupantes do veículo teriam sofrido as conseqüências da falta de respeito que o prefeito vem tendo com os munícipes, já que os pneus não são novos e sim recauchutados. O Conselho Municipal de Saúde foi acionado e vai denunciar o caso no Ministério Público – MP.


14

Articulista

/jornalrondoniagora @rondoniagoranet

PORTO VELHO, DE 30 DE NOVEMBRO À 6 DE DEZEMBRO DE 2013

CARLOS TERCEIRO DIRETO DE BRASÍLIA Jornalista

GEAD II

Dessa vez, representante do Ministério do Planejamento vai participar dessa reunião porque a AGU diz que para os casos incontroversos não ordenou o pagamento por culpa do MP e por sua vez, os técnicos do Planejamento dizem que a culpa é da AGU. Se não houver decisão para pagamento nesse encontro, pelo menos os servidores saberão quem, de fato, está mentindo.

O DESESPERO DA TRANSPOSIÇÃO

Chegando perto do Natal, o desespero começou a bater na porta dos servidores estaduais que querem transpor para os quadros da União. O Ministério do Planejamento ainda não confirmou a audiência solicitada pelo coordenador da bancada federal, Nilton Capixaba (PTB). Os sindicalistas estão se organizando para, na semana que vem, fazer pressão junto aos parlamentares. Uma coisa é consenso: nesse ano não dá...

BRESSER O Sindsef emitiu nota para comunicar o pagamento de 140 servidores que têm direito ao Plano Bresser. O dinheiro estará disponível a partir da próxima terça-feira, dia 03 de dezembro no Banco do Brasil. Os outros servidores, cerca de dois mil, apenas precisam esperar pelo recálculo ordenado pelo juízo da Terceira Vara do Trabalho. Fiquem tranquilos, vão receber também.

/jornalrondoniagora

@rondoniagoranet

comercial@rondoniagora.com

Gead I Na próxima terça-feira, na Advocacia Geral da União, a partir das 17h, acontece uma importante reunião sobre a GEAD dos professores federais, juntamente com a bancada

federal, os advogados da União e o presidente do Sindsef, Daniel Pereira. A AGU teima em querer deixar de fora os professores não portadores de diploma.

CAMPANHA SALARIAL

O fórum nacional, que reúne 31 entidades em defesa de servidores e serviços públicos, se reuniu na última quarta-feira na sede da Condsef. Do encontro saiu o primeiro calendário de atividades que dará início à Campanha Salarial 2014. A campanha terá um eixo de luta a mais no próximo ano: a luta pela antecipação para 2014 da parcela de reajuste prevista para janeiro de 2015. Os demais eixos permanecem os mesmos que mobilizaram os servidores nos últimos anos e motivaram uma grande greve em 2012 que pode se repetir em 2014, ano de Copa e eleições presidenciais.

DIREITO DE GREVE Representantes de centrais sindicais estiveram no Senado para uma reunião com o senador Romero Jucá. Jucá é relator de um anteprojeto que propõe limitar o direito de greve dos servidores. As entidades já haviam procurado o senador para que fosse aberto diálogo com os trabalhadores públicos e pediram que durante esse debate o projeto não fosse levado à votação. Para surpresa de muitos, o site da Câmara dos Deputados divulgou na última segunda-feira, 25, que o projeto estaria na pauta de votação com previsão para ser discutido no dia 27, o que não aconteceu. Mas Jucá voltou a assegurar que o relatório não será votado. Assim, começou a se desenhar a possibilidade de negociação entre o senador e as centrais sindicais.


/jornalrondoniagora @rondoniagoranet

Informe Publicitรกrio PORTO VELHO, DE 30 DE NOVEMBRO ร€ 6 DE DEZEMBRO DE 2013

15


16

Informe Publicitário

/jornalrondoniagora @rondoniagoranet

PORTO VELHO, DE 30 DE NOVEMBRO À 6 DE DEZEMBRO DE 2013

PEUGEOT 408 ALLURE MECÂNICO

Entrada + 24 x R$ 996,00

Primeira parcela para depois do Carnaval Air Bag duplo Freios abs+ref Ar-condicionado Direção eletro hidráulica progressiva Rodas de liga leve Som 3 anos de garantia

% 0 a x Ta

PEUGEOT 308 ACTIVE

Tax a

0%

PEUGEOT 208 ACTIVE A partir de R$ 39.990,00 ENTRADA +48 X R$ 555,00 Motor 1.5 flex Air bag duplo Ar-condicionado Direção elétrica progressiva Freios abs+ref 3 ANOS DE GARANTIA FRABRICAÇÃO NACIONAL

Entrada + 24 x 995,00 Primeira parcela para depois do Carnaval Motor 1.6 flex start Ar-condicionado Air Bag duplo Freios abs+ref Rodas de liga leve Som 3 anos de garantia

%

a x a T

9 0,9

facebook.com/grupolf 208 Active Valor promocional a partir de R$ 39.990,00 para Peugeot 208 active, com ar-condicionado, direção eletro-hidráulica , vidros elétricos nas 2 portas dianteira, travas elétricas nas 4 portas, air bag duplo e freios abs, ano/modelo 13/14, cor vermelho aden. Garantia de 3 anos conforme condições do manual. Simulação Crédito Direto ao Consumidor pelo Banco PSA, para o veículo acima: Entrada de R$ 19.995,00 (50%) à vista, mais 48 parcelas mensais fixas de R$ 555,57 com vencimento da 1ª parcela para 30 dias. Taxa de juros de 0.99% a.m. e 12.55% a.a, a Custo Efetivo Total de 1.24% a.m. e 15,97% a.a, com IOF de R$ 366,89 para Pessoa Física, valor final do financiamento R$ 26.667,36 , valor final do preço do veículo R$ 46.662,36. Valor do veículo à vista R$39.990,00. Prazo de entrega de 45 dias. Promoção limitada a 2 unidades ou enquanto durar o estoque. Condições de financiamentos sujeito a analise de credito e aprovação pela intuição financeira. Taxas de financiamento podem ser alteradas a qualquer momento sem aviso prévio, promoção valida ate 20/11/2013 ou enquanto durar o estoque. 308 Active Valor promocional taxa 0% para Peugeot 308 active, com ar-condicionado, direção eletro hidraulica progressiva , vidros elétricos nas 4 portas , travas elétricas na 4 portas, air bag duplo e freios abs, ano/modelo 13/14, cor vermelho Ruby. Garantia de 3 anos conforme condições do manual. Simulação Crédito Direto ao Consumidor pelo Banco PSA, para o veículo acima: Entrada de R$ 32.694,00 (60%) à vista, mais 24 parcelas mensais fixas de R$ 995,49 com vencimento da 1ª parcela para 90 dias. Taxa de juros de 0.01% a.m. e 0,01% a.a, a Custo Efetivo Total de 0,37% a.m. e 4,74% a.a, com IOF de R$ 394,88 +TC de R$ 555,00 para Pessoa Física, valor final do financiamento R$ 23.891,76 , valor final do preço do veículo R$ 56.694,00. Valor do veículo à vista R$ 54.490,00. Prazo de entrega de 45 dias. Promoção limitada a 2 unidades ou enquanto durar o estoque. Condições de financiamentos sujeito a analise de credito e aprovação pela intuição financeira. Taxas de financiamento podem ser alteradas a qualquer momento sem aviso prévio, promoção valida ate 20/11/2013 ou enquanto durar o estoque. 408 Allure Valor promocional taxa 0% para Peugeot 408 allure cambio mecânico , com ar-condicionado, direção eletro hidráulica progressiva , vidros elétricos nas 4 portas , travas elétricas na 4 portas, air bag duplo e freios abs, ano/modelo 13/14, cor Cinza Grafito. Garantia de 3 anos conforme condições do manual. Simulação Crédito Direto ao Consumidor pelo Banco PSA, para o veículo acima: Entrada de R$ 36.650,00 (63,45%) à vista, mais 24 parcelas mensais fixas de R$ 996,12 com vencimento da 1ª parcela para 90 dias. Taxa de juros de 0.01% a.m. e 0,01% a.a, a Custo Efetivo Total de 0,39% a.m. e 4,89% a.a, com IOF de R$ 366,25 +TC de R$ 555,00 para Pessoa Física, valor final do financiamento R$ 23.906,88 , valor final do preço do veículo R$ 59.650,00. Valor do veículo à vista R$ 61.490,00. Prazo de entrega de 45 dias. Promoção limitada a 2 unidades ou enquanto durar o estoque. Condições de financiamentos sujeito a analise de credito e aprovação pela intuição financeira. Taxas de financiamento podem ser alteradas a qualquer momento sem aviso prévio, promoção valida ate 20/11/2013 ou enquanto durar o estoque.

Av. Carlos Gomes, 1805, esquina com Av. Brasília 3211-0200 peugeot.com.br


Rondoniagora - Versão impressa - Ed.78