Issuu on Google+

revista

Nº 2 - Fevereiro de 2013

Apresentação Um periódico esporádico, mantido pela equipe do blog Concursos Literários, voltado exclusivamente a temas relacionados aos certames literários. Esta revista foi criada com o objetivo de reunir, além dos editais e resultados, matérias especiais, entrevistas, depoimentos e outras informações que sejam do interesse dos nossos leitores.

nesta edição: Editorial. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 2 Apresentação dos autores. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 3 Entrevista - Luisa Geisler. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 4 Entrevista - Rafael Gallo. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 7 Revista Samizdat 35. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10 Prêmio Literário Casa de las Américas . . . . . . . . . . . . . . . . . . 10 Polêmica encerrada. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 11 Concursos Literários na Folha . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 11 Resultado do Prêmio Top Blog. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . 12


Nº 2 - Fevereiro de 2013

Revista Concursos Literários

Editorial Não foi de caso pensado, mas eis que a nova edição da revista também apresenta um editorial de caráter comemorativo. Após a primeira edição celebrar a marca de 1.000.000 de acessos ao blog, esta nos serve de palanque para agradecer novamente a todos os autores-leitores e parceiros do blog. O motivo, desta vez, é o seguinte: no dia 26 de janeiro, em São Paulo, recebemos o troféu e o certificado do Prêmio Top Blog.

A seleção foi feita pelo júri popular, em votação online. Não fizemos qualquer promessa de campanha, mas podem ter certeza de que continuaremos prestando, com muita dedicação, este serviço de fomento à produção literária. Abraços, Equipe do blog Concursos Literários

Expediente: Edição e Diagramação: Rodrigo Domit - Colaboração: Joaquim Antonio, Amanda Reznor, Cinthia Kriemler, Hélio Sena, Ana Paula Scolari, Edgar Borges, Flávia Amaro, Ana Carolina Alencar, Lucas Corrêa Mendes, André Telucazu Kondo, André L. Soares, Rosana Banharoli, Joel Garcia da Costa e Camila de Faria Silva. 2


Nº 2 - Fevereiro de 2013

Revista Concursos Literários

Luisa Geisler e Rafael Gallo

L

R

uisa Geisler é autora de Contos de mentira (Record, 2011), vencedor do Prêmio SESC de Literatura e finalista do Jabuti. Seu romance de estreia, Quiçá (Record, 2012) venceu o Prêmio SESC de Literatura e foi finalista do Prêmio Machado de Assis. Estuda Ciências Sociais (UFRGS) e Relações Internacionais (ESPM/RS). Nasceu em 1991 em Canoas/RS.

afael Gallo é autor de Réveillon e outros dias (Record, 2011), vencedor do Prêmio SESC de Literatura. Nascido em 1981, em São Paulo/SP, Rafael é escritor, compositor, designer de som e atua como docente no curso de Imagem e Som da Universidade Federal de São Carlos (UFSCar). Mais informações podem ser encontradas no site oficial do autor: www.rafaelgallo.com.br

Entrevista nas páginas 4, 5 e 6

Entrevista nas páginas 7, 8 e 9 3


Nº 2 - Fevereiro de 2013

Revista Concursos Literários

Entrevista - Luisa Geisler “Com o

segundo Prêmio SESC de Literatura ... ficou bem mais fácil, inclusive com o interesse de mais de uma editora.”

Luisa Geisler, escritora gaúcha vencedora do Prêmio SESC de Literatura em 2010 e 2011.

Blog: Quais autores(as) você mais gosta de ler? Há algum(a) que sirva de inspiração ou referência?

Ruffato por terem um escrever muito atual, uma linguagem informal, mas literária e confortável.

Luisa: Gosto de Hemingway e Tchekhov pelo realismo bem trabalhado que apresentam: a clareza de linguagem, o narrador pouco intromissivo e subtexto. Esses dois são minha referência para o texto bem escrito. Gosto de James Joyce, Gabriel García Márquez, Edgar Allan Poe por serem autores que me formaram como leitora, e sempre foram de uma forma ou de outra, referência, em termos criativos e de linguagem. Entre vivos, hoje gosto muito do trabalho do André Sant’anna, André de Leones e Luiz

Blog: Quando você descobriu que tinha talento para a escrita? Luisa: Não enxergo escrever algo como resultado de talento, mas sim de esforço. Desde pequena, eu gostava de escrever, sei lá. Não sei quando foi que tomei consciência de escrever ser “algo meu”, me apropriei. Sempre gostei, tinha diários, gostava de redação e tal e tal. E lia muito. Acho que a descoberta foi em algum lugar na oficina de criação literária que fiz com Luiz Antonio de Assis Brasil. 4


Nº 2 - Fevereiro de 2013

Revista Concursos Literários

Por isso que enxergo o escrever como resultado de trabalho — não que uma dose de subjetividade não se envolva, mas há uma melhora notável nos meus textos ao longo do tempo. Blog: Em que momento você decidiu tornar a escrita um ofício? Luisa: Em torno do meio da oficina, quando terminei o original do Contos de Mentira, quando entendi o mercado editorial, aí assumi que queria ser escritora. Sempre com um pé atrás. Sempre com um “e eu vou pagar minhas contas como?” e com uma compreensão de que era muito difícil. Quando o Contos de Mentira foi publicado, a possibilidade concretizou, mas ainda não dizia muito em termos financeiros. Ou seja, não dizia muito pra minha mãe (com quem eu ainda moro). Foi bom pra minha autoestima, comecei a escrever o Quiçá sabendo que alguma editora ia querer, entrei no mercado literário, me afirmei melhor. Daí eu comecei a ver escrever como uma carreira, não algo “escrevo um livro volta e meia quando a universidade não suga minha alma”.

Contos de Mentira, Prêmio SESC 2010.

precisam ter objetivos. Blog: Os seus livros Contos de Mentira e Quiçá foram vencedores do Prêmio SESC de Literatura - 2010 e 2011. Você acredita que estas premiações ajudaram a encurtar o caminho para estes objetivos?

Blog: Quais eram seus objetivos quando decidiu tornar-se uma escritora?

Luisa: Ganhar um prêmio dessa categoria mostra que o autor iniciante está no caminho certo, prova que não é só a mãe, o pai, o cachorro e a vizinha que gostam do que ele escreve. Um prêmio como o SESC te dá o aval necessário para entrar no mercado

Luisa: Não sei? Acho que meu maior sonho, na época em que comecei, era publicar meu primeiro livro. Talvez fosse esse meu objetivo — não sei se escritores 5


Nº 2 - Fevereiro de 2013

Revista Concursos Literários

literário, mais do que a publicação em si. Muitos escritores publicam um primeiro livro de qualidade, mas só serão lidos ou valorizados no terceiro. Enxergo que, sim, ajudaram a encurtar o caminho pra alguma forma de reconhecimento, mas sempre há muito a fazer. Blog: Mesmo após estas premiações, você encontrou muitas dificuldades no processo de publicação e distribuição? Luisa: Depois do primeiro Prêmio SESC de Literatura, ainda havia algumas dificuldades de publicação. Com o segundo Prêmio SESC de Literatura (mais a seleção da Granta na edição “Os Melhores Jovens Escritores Brasileiros”), ficou bem mais fácil, inclusive com o interesse de mais de uma editora. Mas não são todos os prêmios que geram esse tipo de demanda editorial, e nem sempre são promessa de nada. Depende da forma de divulgação dos vencedores.

que instituir tudo isso e me cobrar.

Blog: Quais são os maiores desafios na carreira de uma escritora?

Blog: Quais são os seus projetos literários para o futuro?

Luisa: No meu caso, o meu maior desafio é me organizar pra conseguir escrever com certa rotina. É muito fácil se perder em coisas da faculdade, profissionais e da vida pessoal. Muitas vezes o horário que eu tenho reservado pra escrita é o único horário disponível do dentista, sabe? E ninguém vai me cobrar para escrever, eu não tenho “chefe” ou prazo, eu tenho

Luisa: Concluir meu próximo romance, espero que até o final deste ano. Lançálo, creio que deixo pra 2014.

O romance Quiçá, Prêmio SESC 2011.

6


Nº 2 - Fevereiro de 2013

Revista Concursos Literários

Entrevista - Rafael Gallo “O Prêmio

realmente me confirmou como autor, não só do ponto de vista editorial, mas pessoal também.”

Rafael Gallo, escritor paulista vencedor do Prêmio SESC de Literatura em 2011.

Blog: Quais autores(as) você mais gosta de ler? Há algum(a) que sirva de inspiração ou referência? Rafael: Acho que os que eu mais gosto e os que mais me influenciam são praticamente os mesmos: Guimarães Rosa, Clarice Lispector, Machado de Assis, Júlio Cortázar, Drummond, Manuel Bandeira... Além disso, sou bastante influenciado por autores de outras linguagens, como Michael Haneke e Stanley Kubrick, do cinema; ou Noel Rosa, Chico Buarque e Aldir Blanc, das canções.

Eu sempre gostei muito de atividades criativas e artísticas em geral. Sempre gostei muito da criação de histórias e da discussão de ideias. Isso me fez, mesmo dentro da minha formação em música, sempre valorizar muito o texto. Minha primeira escrita mais séria foi ao fazer as letras de minhas composições e tentar criar coisas diferenciadas. A partir daí eu talvez tenha percebido e aprimorado a qualidade de meu texto. Só mais tarde resolvi, impulsionado pelo meu gosto por literatura, me dedicar à escrita literária. E novamente pensei que podia funcionar.

Blog: Quando você descobriu que tinha talento para a escrita?

Blog: Em que momento você decidiu tornar a escrita um ofício?

Rafael: Hmmm... pergunta difícil (risos).

Rafael: Pode parecer estranho, mas 7


Nº 2 - Fevereiro de 2013

Revista Concursos Literários

acho que posso dizer que só tive 100% de certeza disso após ganhar o Prêmio SESC. Até então, apesar de minha grande vontade de escrever e publicar livros, eu ainda não tinha grande segurança em encarar isso como um ofício. O Prêmio realmente me confirmou como autor, não só do ponto de vista editorial, mas pessoal também. Blog: Quais eram seus objetivos quando decidiu tornar-se um escritor? Rafael: Eu acho que o mesmo de todos os que decidem tornarem-se escritores (ou pelo menos os que fazem isso baseados em uma relação séria com a literatura): poder contar nos livros as histórias que acredito valerem a pena serem contadas, da melhor forma que eu puder. Acho que grande parte da minha formação intelectual e emocional vem do que li; eu queria fazer parte desse fluxo e, quem sabe, cooperar com a formação de outras pessoas também. Enfim, jogar nesse time.

Réveillon e outros dias, Prêmio SESC 2011.

imensurável. Se eu não tivesse ganhado, talvez deixasse de escrever com o passar do tempo, não sei. Porque o caminho para a publicação às vezes pode ser árduo demais.

Blog: O seu livro Réveillon e outros dias foi vencedor do Prêmio SESC em 2011. Você acredita que esta premiação ajudou a encurtar o caminho para estes objetivos?

Blog: Mesmo após esta premiação, você encontrou muitas dificuldades no processo de publicação e distribuição? Rafael: Eu ainda não posso falar muita coisa sobre isso, porque ainda nem tentei publicar outra coisa além do livro vencedor, o Réveillon e outros dias. Mas sei que o Prêmio, a principio, não

Rafael: Definitivamente! O Prêmio e a publicação pela Record são um sonho realizado. A diferença que essa premiação fez na minha vida, como escritor, é 8


Nº 2 - Fevereiro de 2013

Revista Concursos Literários

me garante um caminho seguro para publicação e distribuição para sempre. Claro que a publicação pela Record consequência direta do prêmio - foi impecável nesses aspectos, mas nos próximos livros a luta, de certa forma, recomeça.

alguns contos, mas esses provavelmente vão ficar mais para o futuro.

Blog: Quais são os maiores desafios na carreira de escritor? Rafael: Eu acho que existem duas esferas de desafio; a primeira é relativa à própria escrita: esforçar-se para criar histórias diferenciadas, estruturar a narrativa e os personagens de maneira eficiente, escrever cada vez melhor, etc. A outra esfera se relaciona aos aspectos do mercado editorial: conseguir uma boa publicação e distribuição (o que, em geral, está ligado a uma grande editora, de difícil acesso) e também conseguir chamar a atenção para seu trabalho (pelo menos o bastante para garantir seu lugar ao disputado sol do mercado editorial), dos editores, da mídia, e principalmente dos leitores, já que o hábito da leitura ainda é bastante fraco no Brasil.

Agradecimento Agradecemos aos autores por nos terem gentilmente concedido estas entrevistas, compartilhando as suas experiências no mercado editorial conosco e com nossos leitores. Aproveitamos esta ocasião para parabenizar a Luisa pela seleção de um trecho do romance Quiçá pela revista Granta em português, publicação que realizou uma seleção entre os melhores jovens escritores brasileiros. Sem nos esquecermos também da recente seleção da tradução para espanhol do conto Réveillon, do Rafael, para compor a revista Machado de Assis, publicação da Fundação Biblioteca Nacional que visa à divulgação da literatura brasileira no exterior.

Blog: Quais são os seus projetos literários para o futuro? Rafael: Continuar escrevendo e publicando sempre. Agora estou trabalhando em um romance, que é o livro que planejo ser o sucessor do Réveillon e outros dias. Tenho escrito mais

Muito obrigado e parabéns! 9


Nº 2 - Fevereiro de 2013

Revista Concursos Literários

Revista Samizdat 35 Está no ar a Revista Samizdat 35, uma das publicações que compõem a lista de seleções permanentes do blog (a lista completa está disponível neste link). Em cinco anos de atividades, a Samizdat já publicou aproximadamente 1500 obras, de mais de 200 autores, e superou o número de 200 mil leitores. Para conhecer esta edição e o projeto, acesse: http://www.revistasamizdat.com

Prêmio Literário Casa de las Américas Foi divulgado no dia 1º de fevereiro o resultado da 54ª edição de um dos mais renomados prêmios literários da América Latina, o Casa de las Américas, de Cuba. Na categoria literatura brasileira - separada por conta do idioma, o primeiro lugar ficou com Luiz Ruffato, pelo romance Domingos Sem Deus. Couberam menções honrosas a Rodrigo de Souza Leão, por Carbono Pautado, Memória de um Auxiliar de Escritório e a Evandro Affonso Ferreira, por O Mendigo que Sabia de Cor os Adágios de Erasmo de Rotterdam. Além destes, foi premiado também o escritor Chico Buarque, a quem foi entregue o prêmio honorário de narrativa por sua obra Leite derramado. Para conferir os resultados de todas as categorias, acesse: http://bit.ly/Casa-de-las-Americas 10


Nº 2 - Fevereiro de 2013

Revista Concursos Literários

Polêmica encerrada CARLOS ANDREI SIQUARA, publicado no jornal O TEMPO de 26/01/2013 Da Arte das Armadilhas, segundo livro da escritora Ana Martins Marques, 35, foi confirmado como o vencedor do prêmio Alphonsus de Guimaraens, concedido pela Fundação Biblioteca Nacional (FBN). O novo resultado anula a decisão anterior, que havia laureado a antologia Carlos Drummond de Andrade: Poesia 1930-62. Aclamada como um dos nomes expoentes da literatura brasileira, Ana Martins Marques acrescenta que não tem previsão de quando irá lançar um outro título, apesar de ter publicado alguns novos poemas em jornais e revistas. Para ler a matéria completa, acesse: http://bit.ly/resultado-FBN

Concursos Literários na Folha ADRIANA FARIAS, publicado no caderno FOLHATEEN de 28/01/2013 Aquela redação escrita na sala de aula ou a poesia rabiscada numa noite em claro podem ganhar visibilidade por meio de concursos literários, capazes de dar o pontapé inicial na carreira de quem quer virar escritor. No ano passado, ao menos 312 concursos de poesias, contos, romances e crônicas foram abertos no Brasil, segundo mapeamento do escritor Rodrigo Domit, 28, criador do blog concursos-literarios.blogspot.com. Para ler a matéria completa, acesse: http://bit.ly/CL-na-FolhadeSP 11


Nº 2 - Fevereiro de 2013

Revista Concursos Literários

Resultado do Prêmio Top Blog Segue abaixo a lista dos premiados na categoria literatura. Desejamos os parabéns a todos os premiados e recomendamos aos nossos autores-leitores que visitem estes sites e blogs, em especial os nossos parceiros (em destaque): Blogs Profissionais - Júri Popular: 1º - Concursos Literários 2º - Pra ler – praler.org 3º - Trilhas de Luz – trilhasdeluz.blogspot.com Blogs Profissionais - Júri Acadêmico: 1º - Viaje na leitura – www.viajenaleitura.com.br 2º - Escrivaninha Literária – www.escrivaninhaliteraria.com 3º - Mundo do Livro – www.mundodolivro.com Blogs Pessoais - Júri Popular: 1º - As aventuras de Francesco – asaventurasdefrancesco.blogspot.com 2º - Fluffy – fluffy.com.br 3º - A magia da Poesia – www.poesiaspoemaseversos.com.br/blog/ Blogs Pessoais - Júri Acadêmico: 1º - Pronome Interrogativo – www.pronomeinterrogativo.com 2º - Domingo com Poesia – domingocompoesia.blogspot.com.br 3º - Revista SAMIZDAT – samizdat.oficinaeditora.com

12


Revista CL N. 2