Page 1

Entrando pela fresta Junto aos primeiros e sublimes Aos poucos desperta e esquenta Contemplativo, olha Percebendo que os mais fúlgidos Não ofuscam o brilho dos seus E o contagiante branco O faz também sorrir Sorte, muita sorte Poder junto ao celeste sol Acordar para ver o pra sempre lindo Seu despertar ­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­­ Seu adormecer Sua morte

Entrando pela fresta  
Entrando pela fresta  

Entrando pela fresta Junto aos primeiros e sublimes Aos poucos desperta e esquenta Contemplativo, olha Percebendo que os mais fúlgidos Não o...