Page 1

A primeira parte dos genes Vem da mãe A outra do pai Na chuva se tem a alma lavada Como as primeiras metas são quebradas As seguintes não saem do papel Desertos sem nome Assim como idéias sem nada de sal Mudos cantam o refrão Em terças-feiras Esperando as cestas E um relâmpago relembra Chuvasque caíram em vão Depois das noites retornam as casas Essesmalditos vampiros Que sugam sua bebida Fumam seuscigarros E no deserto não sabem viver Falta chuva Faltam nomes Faltam todos, e você Caixas de colibris Voam livres sem saber Caixas quadradasfeitas para acondicionar bem você Fundamentadasem desertos Que nada hão de caber

No Title  

undefined