Page 1

GRÊMIO É PRA LUTAR Estamos entrando em um novo momento aqui na nossa escola, Marli Maria de Souza: Uma eleição para nova gestão do grêmio. É com muita vontade e engajamento que organizamos um processo eleitoral e mobilizamos os estudantes a participarem. A antiga gestão não se comprometeu conosco, sendo que não cumpriu seu mandato até o final, representando o estudante e o defendendo em seus problemas, problemas estes, que a juventude de periferia encontra todos os dias - falta de emprego, melhorias na saúde e educação, acesso à cultura e lazer – fazendo os jovens não terem alternativa alguma de um futuro melhor, e com isso caindo na ilusão do crime e das drogas. Neste processo eleitoral, o primeiro em que nós estudantes estamos envolvidos de fato, a onde temos voz ativa e oportunidade mudar a realidade, convidamos a todos e todas para participarem!

Tá, MAs PRA qUÊ seRve UM GRÊMIO?! O grêmio deve defendê-los e junto com vocês lutar não só por melhorias na escola, mas discutir também nosso bairro, cidade, estado e país. Somente com a união estudantil de todos nós, na luta, seremos capazes de avançar. É na luta também que um grêmio se movimenta, para representar a juventude buscando melhor qualidade dos serviços públicos, por exemplo. Nosso bairro sofre com falta de atendimento médico, nosso posto de saúde é precário! Na escola, não temos biblioteca e o sistema de ar-condicionado não está instalado há anos! Pior ainda, sofremos com greves por culpa dos governos que não remuneram os professores. Fora da escola, somos alvo das grosserias e repressão da PM que nos para na rua e agride! Precisamos dar um basta nisso, precisamos de um grêmio!

COnheçA As PROPOsTAs LevAnTAdAs PeLA ChAPA 2 “GRÊMIO É PRA LUTAR”:


Grêmio é pra lutar: Para organizar novos campeonatos entre os estudantes, para pressionar a direção e governo e cobrar mais projetos extraclasse como: Capoeira, Dança etc. Criando um meio alternativo de nossos jovens estudantes não caírem nas mãos dos traficantes e acabarem com suas vidas. Grêmio é pra lutar: Para cobrar melhorias na escola, queremos uma biblioteca! Precisamos pressionar o governo em peso, para que ele envie funcionários e verbas para que a biblioteca volte a funcionar. Grêmio é pra lutar: Para cobrar que o sistema de ar-condicionado funcione, fazendo da sala um ambiente agradável para estudar! Para exigirmos que tenhamos bebedouros na escola, onde os alunos possam usá-los.

Grêmio é pra lutar: Para reivindicarmos que os estudantes do nosso bairro não sejam tão reprimidos pela polícia militar, que nos humilha e agride fisicamente na volta da escola, sem, na maioria das vezes, darmos motivo algum. Grêmio é pra lutar: É para estar com o estudante na rua, cobrando mais verbas para a educação de ensino público e melhorias na estrutura das escolas. Para organizar os moradores e construir uma associação que nos represente! Grêmio é pra lutar: Pra impedir que as drogas tomem conta do bairro e corrompa nossa juventude. Drogas não! Queremos emprego, esporte, cultura e educação. Somos a juventude do bairro e exigimos melhorias para que tenhamos um melhor acesso á educação, lazer, cultura, diversão e arte.

Grêmio é pra lutar: Para que haja espaço de discussão teremos reuniões abertas a todos e todas! Queremos que vocês ocupem o grêmio com arte, diversão e reivindicações!

Grêmio é pra lutar: Para junto com nossos estudantes, lutar por nossos direitos, lutar por nosso futuro!

CHAPA: Roberta Maciel (2º 8, presidente); Douglas “Ruffles” (2º 8, vice); Ana Claudia F. Rodrigues (2º 7); Paola T. Ribeiro (2º 8); Tainara A. Ribeiro (8º 8); Alisson M. dos Santos (1º 1); Renan Dias (2º 8).

Junte-se a nós! APOIADORES: Joseane Fonseca Rocha (8º 9); Rayssa Ortiz (2º 3); Douglas Schwalbe (1º 6); Bruna Hassna (2º 8); Monique Carla (2º 8); Patryck Daniel (2º 8);


Chapa 2: Grêmio é pra lutar!  

Acompanhe as propostas que a chapa 2: grêmio é pra lutar, tem para propor aos estudantes do Marli Maria de Souza