Issuu on Google+

O melhor conteúdo automotivo para revendas e concessionárias

911 carrera 4S

www.icarros.com.br

Setembro 2011 • Nº10 • Ano 03 • R$ 4,50

Avaliamos um dos esportivos mais desejados e versáteis da Porsche e do mundo

Especial do iCarros Do nascimento à liderança do mercado automotivo digital brasileiro

FocusXBravo Novo médio da Fiat ocupa posto do veterano Stilo e ganha muitos pontos. Lado a lado com o concorrente da Ford, quem fica na frente? O iCarros fez o comparativo

Dossiê Regional: SP De todos os anúncios ativos no iCarros, 42% vêm do Estado com a maior economia do País


Um OK tão rápido que a gente colocou na faixa da esquerda. Sujeito a aprovação de crédito.

Itaú Financiamento de Veículos. O OK mais rápido do mercado.

Itaú Financiamento de Veículos. Em segundos, seu cliente recebe o OK para financiar o carro novo, de um jeito fácil e descomplicado, inclusive nos fins de semana. Conte com a nossa parceria e ofereça condições especiais e diferenciadas para atender às necessidades de cada cliente. É por isso e muito mais que o Itaú foi feito para você, sua empresa e seus clientes.

Itaú. Feito para você.


Carta ao Leitor Uma questão de tempo DIRETOR SUPERINTENDENTE

Sylvio Alves de Barros Netto SUPERINTENDENTE COMERCIAL

Helder Carlos Sanches Siqueira SUPERINTENDENTE DE OPERAÇÕES

Fernando Ortenblad EDITORIA

Anelise Lopes MTB 40411/SP Diego Molina - MTB 38091/SP REPÓRTER

Fernando Pedroso PROJETO GRÁFICO E EDITORAÇÃO

AXLE Brand Engineering GERENTE COMERCIAL

Marcelo Moraes

PLANEJAMENTO COMERCIAL

Augusto Ikuta (gerente) MARKETING

Thianny Herculano (coordenadora) Guilherme Ramos (analista) IMPRESSÃO

Prol Editora Gráfica Ltda SEDE DA ADMINISTRAÇÃO E REDAÇÃO

Rua Tabapuã, 422 1º andar, Itaim Bibi São Paulo / SP CEP: 04533-001 REDAÇÃO

Caro Leitor, Lançado em abril de 2008, o iCarros completou três anos de vida. Apesar de mais jovem, se comparado aos concorrentes, somos, desde maio último, o maior portal automotivo do Brasil (segundo o Google Trends), com 9 milhões de visitas de 6 milhões de pessoas diferentes. Com uma proposta de plataforma tecnológica ágil, moderna e completa (agora com Motos, Caminhões e Manutenção) o iCarros surfou na onda do crescimento exponencial da segunda grande mídia de massa do Brasil. Com mais de 80 milhões de pessoas com algum acesso à internet, é muito difícil achar alguém, entre os 320 mil consumidores de carros novos e 900 mil de usados, em julho último, que não usou a internet e o iCarros (6 milhões de pessoas diferentes em maio) em algum momento do processo de compra. Mas o volume chega a uma mídia que já entregava relevância. O que os mais de 5 mil parceiros comerciais, entre lojas, concessionárias, montadoras ou outras empresas do segmento, encontram no iCarros, além de volume considerável de tráfego em suas presenças on-line ou off-line (showroom), é qualificação. A relevância que o consumidor encontra ao navegar por um conteúdo que esteja de acordo com suas necessidades, seja em relação às características do veículo que procura ou à região de sua prioridade, transforma-se em qualificação de tráfego para nossos clientes. Diferente de interromper um momento de lazer do seu potencial consumidor, modelo da mídia tradicional, você será “achado” quando ele estiver lhe procurando. Essa diferença na forma de reunir compradores e vendedores é a principal proposta de valor, o principal compromisso do iCarros, que concretiza-se com redução de até 70% no investimento médio em mídia por carro vendido de nossos parceiros em relação a mídia tradicional.

Um grande abraço,

revista@icarros.com.br PUBLICIDADE

publicidade@icarros.com.br COMERCIAL

comercial@icarros.com.br PARA MAIS INFORMAÇÕES, ACESSE:

www.icarros.com.br

Sylvio Alves de Barros Netto D i re to r S up e r i nte nde nte i Car ros


Índice Especial 3 anos do iCarros

06

Comparativo Bravo X Focus

22 Porsche 911 Carrera 4S

Dossiê Regional: Estado de São Paulo

Queremos saber o que você achou da revista iCarros. Entre em contato conosco: revista@icarros.com.br

24 14 16 20 34

Parceria Resultados Manutenção Mercado

30


On-line

Na palma da mão Site mobile, aplicativos para iPhone e sistema Android permitem o acesso ao iCarros de qualquer lugar e fazem buscas a partir da localização do usuário

O maior portal automotivo do Brasil comprova agora a sua agilidade e objetividade também nas telas dos telefones celulares e smartphones. Desde a primeira semana de agosto, o aplicativo iCarros está disponível para iPhone, com download gratuito na iTunes App Store, a loja de aplicativos para os aparelhos da Apple, dentro da categoria Business/Negócios; e no Android Market. O portal lança também sua versão mobile, compatível com navegadores de qualquer aparelho com acesso à internet. Além da busca de anúncios de veículos de todo o Brasil, o aplicativo permite que o usuário procure as melhores ofertas de carros 0km e usados mais próximas de onde ele estiver, por meio do sistema de localização dos aparelhos. Também é possível pesquisar as lojas e concessionárias mais próximas, nos mapas ou por meio da realidade aumentada. Além disso, o consumidor tem a opção de contatar o vendedor pelo telefone ou via e-mail através do próprio celular. O aplicativo ainda oferece acesso aos anúncios e ofertas favoritos e consultas à tabela FIPE e iCarros, sem nenhuma dificuldade. Nos poucos dias em que está disponível na iTunes App Store, o aplicativo iCarros já rendeu comentários cheios de elogios e notas altas, além de ter ficado entre os cinco programas mais baixados, em sua primeira semana.

“O aplicativo é bacana e bem rápido, lembra bastante o site”, afirmou um usuário, na área de críticas da loja. “É o melhor aplicativo de compra de carros do Brasil. Além da área FIPE para consulta de preços, que ajuda muito”, comentou outro consumidor.

Pela geolocalização dos aparelhos, é possível limitar o raio de busca para encontrar as ofertas mais próximas, inclusive com o recurso de realidade aumentada; no perfil do anunciante, é possível traçar uma rota de trânsito até a loja

5


Especial

iCarros

disparado na frente Portal comemora trĂŞs anos, consolida-se como a maior e mais completa plataforma automotiva do PaĂ­s e conquista o reconhecimento dos consumidores brasileiros


Carol, 24 anos, publicitária. Luiz Guilherme, 32 anos, advogado. Roberto, 50 anos, empresário. Os três são consumidores de perfis completamente diferentes, porém têm uma coisa em comum: decidiram que vão trocar de carro. E vai ser ainda neste mês. Carol não entende muito do assunto, mas conversou com amigos e vai pedir ajuda ao seu pai para escolher um modelo econômico e com design moderno. Luiz Guilherme já vai para seu terceiro carro 0km e, depois daquela promoção no escritório, quer escolher um modelo mais luxuoso. Roberto precisa de um veículo espaçoso, que atenda suas necessidades no dia a dia, mas também seja confortável para passear com os netos nos finais de semana. E criança carrega muito brinquedo, sabe como é. De qualquer forma, há uma certeza: a busca dos três por um carro novo vai passar pela internet. Eles vão pesquisar modelos, ver fotos e vídeos, comparar equipamentos e buscar ofertas. Em consequência, dois deles, pelo menos, vão procurar uma loja ou uma concessionária muito mais bem informados e decididos a fechar negócio, sem perda de tempo.

7


Internet é a principal ferramenta para pesquisa automotiva Hoje, a internet é a principal ferramenta de pesquisa automotiva: as informações e opiniões, as reportagens e comparativos, os anúncios e as ofertas que os consumidores encontram influenciam dois terços, ou 66%, das decisões finais de compra, de acordo com uma pesquisa recente do Google. Essa é a realidade atual do mercado automotivo. Este é o motivo do iCarros comemorar seu terceiro aniversário consolidado como a maior plataforma automotiva do Brasil, com mais de 9 milhões de acessos e mais de 6 milhões de visitantes únicos por mês. Chegar à liderança do mercado brasileiro em apenas três anos não foi obra do acaso. Para Fernando Ortenblad, superintendente de Operações do iCarros, o portal de classificados nascido em 2008 se firmou como a maior mídia automotiva do País porque, desde seu início, não deixava dúvidas quanto ao seu objetivo. A meta era - e continua sendo - atrair consumidores que querem comprar carros e atendê-los da forma mais ágil, simples, direta e completa possível.

provável que os consumidores que recorreram a opiniões de concessionárias, amigos, familiares, jornais e outros meios também tenham gasto algum tempo em frente ao computador, em sites e portais automotivos. O superintendente de Operações do iCarros, Fernando Ortenblad, afirma que o portal foi criado, em 2008, tendo em mente a projeção sobre a liderança da internet no comportamento dos consumidores. Desenhado por profissionais que possuíam ampla experiência no mercado automotivo digital e agregado ao Banco Itaú, o site começou apenas com ofertas de veículos 0km. Inicialmente o que era uma ferramenta de busca com visual limpo e simples, o iCarros alcançou uma escala muito maior, em razão de sua funcionalidade, agilidade e desenvolvimento de acordo com as necessidades do mercado. Em pouco tempo, agregou o catálogo de veículos seminovos, ganhou novas tecnologias de busca e os primeiros produtos diferenciados, que contribuíram para seu crescimento contínuo. Na sequência, foi instituído o conteúdo editorial do portal, com reportagens sobre lançamentos automotivos, comparativos entre modelos, matérias sobre o mercado e orientações para os motoristas. Hoje, o portal tem atualizações diárias e conta com um arquivo jornalístico de peso, que inclui os melhores vídeos da categoria, na iCarros TV.

Como as pessoas se atualizam antes da compra

Na pole position Segundo o Google, a internet já se estabeleceu como a ferramenta mais usada pelos consumidores para buscar informações sobre um automóvel, à frente de TV, jornais, amigos, familiares, lojas e vendedores de carros. Uma pesquisa recente da gigante da web, em parceria com a Think Automotive, mostra que 51% das pessoas que pretendem comprar um carro 0km concentram suas buscas ou utilizam a internet para se atualizar sobre modelos, opiniões, preços e ofertas. Entre os consumidores que buscam um seminovo, esse percentual sobe para 56% (confira no quadro ao lado). Como a pesquisa destaca o recurso mais utilizado, é muito

Recurso Preferido

Carro Carro Novo Usado

Internet

51% 24% 8% 12% 1% 1% 2%

2º Concessionárias 3º Amigos e família 4º Jornais 5º Revistas e folhetos 6º Vendedores privados 7º Televisão Fonte: Pesquisa Google / Think Automotive

56% 14% 15% 11% 2% 2% 0%


Segundo Ortenblad, como as pessoas gastam mais tempo no processo de pesquisa antes da compra, um mecanismo de busca ágil e completo, com informações, imagens, vídeos, comparativos, preços e ofertas, torna-se o parceiro ideal do consumidor e do vendedor de automóveis, pois agiliza o processo até o fechamento de um bom negócio. “Desde o lançamento do iCarros, apostamos no pilar usabilidaderesultados-inovação. Temos uma equipe obcecada em construir uma plataforma cada vez mais prática e fácil de usar, que traga os melhores resultados para nossos anunciantes e consumidores. Este é o nosso DNA e, sem dúvida nenhuma, o principal responsável pela liderança e reconhecimento”, comenta o superintendente de Operações. Em três anos, o número de brasileiros com algum tipo de acesso à internet, seja em casa, no trabalho, em lan houses ou locais públicos, passou de 60 milhões para cerca de 75 milhões, de acordo com pesquisa do Ibope Nielsen Online divulgada em maio deste ano. Para atender a um número cada vez maior de usuários interessados em comprar um veículo 0km ou seminovo, o iCarros não parou no tempo. Em três anos, o portal lançou uma série de ferramentas e produtos que diversificam, agilizam e aprofundam o processo de pesquisa, com o intuito de beneficiar os anunciantes, sejam grandes grupos, concessionárias, lojas multimarcas ou pessoas físicas, e também facilitar a vida de quem está procurando um bom negócio. Há ainda uma série de parcerias com grandes empresas, como Google e MSN, que deixam o portal muito mais visível aos internautas.

“Apostamos fortemente na inovação do nosso produto, na busca de melhor atender nossos clientes. Nos últimos anos, tivemos um calendário bastante acelerado de lançamentos e evoluções, que credenciam o iCarros, hoje, como o maior e mais completo portal automotivo”, aponta o superintendente de Operações. Ortenblad cita o Programa Cuide do Carro como um bom exemplo da evolução do iCarros. “Passamos a oferecer aos nossos clientes um eficiente sistema de manutenção preventiva, com guias, vídeos e oficinas selecionadas”, explica.

“Temos uma equipe obcecada em construir uma plataforma cada vez mais prática e fácil de usar, que traga os melhores resultados para nossos anunciantes e consumidores” Fernando Ortenblad

superintendente de Operações do iCarros

9


Linha do

tempo iCarros ABRIL lançamento do iCarros, com presença nos principais portais da internet DEZEMBRO lançamento do iCarros no Bankline Itaú DEZEMBRO números de acessos: 2,8 milhões por mês carros anunciados: 41 mil

MARÇO início da produção de matérias em vídeo NOVEMBRO lançamento do Consultor de Compra, novo CRM para ajudar o usuário a encontrar o carro que estava procurando DEZEMBRO números de acessos: 3,7 milhões por mês carros anunciados: 89 mil


AGOSTO lançamento da parceria com o portal MSN SETEMBRO lançamento do 1º Feirão iCarros, com ações de impacto em TV e jornal OUTUBRO lançamento do Feirão, produto para aumentar a divulgação da revenda NOVEMBRO lançamento de Site Revendas e CRM, produtos para aproximar a revenda do cliente que está procurando um carro DEZEMBRO números de acessos: 6,7 milhões por mês carros anunciados: 106 mil

JANEIRO lançamento da área de Consórcio FEVEREIRO lançamento do iMotos, site dedicado ao universo duas rodas ABRIL lançamento do Cuide do Carro, área com dicas de manutenção preventiva e busca de oficinas MAIO lançamento do iCaminhões, site dedicado ao segmento de Pesados JULHO números de acessos: mais de 9 milhões por mês veículos anunciados: mais de 120 mil

11


iMotos e iCaminhões Outra novidade no aniversário de três anos do portal é o crescimento da “Família iCarros”, com o lançamento dos sites iMotos e iCaminhões. Desde o início de 2011, o iCarros se tornou o mais completo portal do mercado. Em menos de seis meses, o iCaminhões já conta com mais de 310 revendas e mais de 6,5 mil veículos anunciados em estoque. No iMotos, são mais de 170 lojas parceiras e mais de 3,8 mil motocicletas divulgadas. “A criação do iMotos e iCaminhões foi uma evolução natural do nosso negócio e credencia o iCarros como o maior e mais completo classificado de veículos do Brasil. Havia uma grande demanda por um grande portal especializado nesses segmentos e a nossa audiência, nos primeiros meses de operação, com 700 mil acessos mensais para iMotos e 400 mil para iCaminhões, comprovou esta tese”, reforça o executivo.

Conteúdo de qualidade O iCarros nunca para de evoluir e crescer. Todos os meses, a equipe do portal desenha, redefine, projeta e lança novos produtos, com o objetivo de melhorar as buscas dos consumidores e também as ferramentas dos anunciantes. “Investimos em diversos novos produtos para nossas revendas, com destaque para os Feirões Online, que incrementam fortemente os resultados de nossos anunciantes”, destaca Fernando Ortenblad. Em sua página do Portal Revenda, os anunciantes têm acesso a uma série de informações que os auxilia a controlar suas ofertas no iCarros, incluindo número de visualizações e contatos gerados por cada classificado, Um diferencial importante do iCarros é alertas de anúncios incompletos (sem imagens ou sem não separar os anúncios de veículos 0km e sepreço, por exemplo) e comparativo do valor pedido em minovos em seções diferentes. Dessa forma, uma oferta com outros modelos semelhantes. um consumidor que faz a busca por um modelo específico pode avaliar ofertas dos dois tipos na Além disso, os anunciantes têm acesso a um verdamesma página de classificados. “Para nós, essa deiro banco de dados do mercado, onde podem encontrar opção reflete em maior facilidade para o cominformações sobre os veículos e modelos mais pesquisados prador e melhores resultados para o vendedor”, por região, por Estado e por cidade, preços, quantidade de afirma Fernando Ortenblad, superintendente de ofertas e estoques, entre outros. Operações do portal. O que motiva a equipe a desenvolver continuamente Durante a busca, o usuário pode optar por o iCarros é, certamente, o mesmo fator que consolida sua visualizar apenas os anúncios de veículos 0km ou posição como líder no mercado brasileiro e o que manterá de seminovos e refinar ainda mais sua pesquisa, o portal como o maior e mais completo do País: o foco nos ao separá-los por Estado e cidade, por versão do consumidores. modelo e ainda por anunciante, se é particular “Ao apostarmos na usabilidade da ferramenta, em um ou uma revenda. Isso comprova como o iCarros é relacionamento próximo e personalizado com os usuários uma ferramenta completa e fácil de operar. e no ritmo acelerado de inovação dos produtos, conquistamos o ativo mais importante em um negócio: o reconhecimento de nossos clientes. Creditamos todo o sucesso ao fato de ter um enorme foco nos nossos consumidores”, finaliza o executivo do iCarros.

Vai de 0km ou seminovo?


Perfil do iCarros Força da internet • Consumidores gastam mais tempo na pesquisa e busca de informações antes da compra • 66% das decisões de compra de um veículo são influenciadas diretamente pela internet, segundo o Google • Consumidores fecham negócio mais bem informados

+ de 9.000.000 de acessos • iCarros tem mais de 9 milhões de acessos e 6 milhões de visitantes únicos por mês • iMotos tem mais de 400 mil acessos mensais • iCaminhões tem mais de 700 mil acessos mensais

Maior do Brasil • iCarros tem cerca de 120 mil anúncios de veículos atualizados diariamente • Ferramentas objetivas do portal agilizam e simplificam as pesquisas

13


Parceria f otos: G u i lh e rme To s e tto

Grupo Sinal reforça investimento na internet Executivo revela que visitas nos sites do grupo saltaram de 400 para 3.500 por mês com a parceria com iCarros; equipe especializada vai gerenciar os negócios on-line

O Grupo Sinal vem reforçando seus investimentos na internet e prepara o início dos trabalhos de um departamento voltado exclusivamente à web, ainda para o segundo semestre deste ano. A informação é de seu diretor comercial, Marcos Penna, que defende a necessidade de uma equipe de colaboradores especializados em internet para atender as demandas do mercado automotivo digital. O Grupo Sinal possui concessionárias das marcas Fiat, Ford, Renault, KIA, Honda e Nissan em São Paulo, no ABCD Paulista e Belo Horizonte (MG). Com mais de 30 anos de experiência no mercado, o grupo é parceiro do iCarros desde seu lançamento, em 2008. “Hoje, temos em torno de 3.500 visitas por dia no nosso site. Quando não estávamos no iCarros, esse número não passava de 400, ou seja, o iCarros é uma ferramenta que nos ajuda a alavancar as visitas no nosso próprio site”, analisa Penna. Para o executivo, o Grupo Sinal ainda não consegue absorver todas as informações e concretizar todos os contatos procedentes da internet. “Com tudo o que o iCarros pode nos trazer, todos os dados, as informações, as visitas de clientes, nosso aproveitamento ainda não é o esperado porque nós nos perdemos”, enfatiza. Penna explica que o grupo identificou esse desencontro com os clientes justamente na transição do momento on-line para a concretização da compra em uma de suas lojas. “O cliente escolhe o carro e vai às lojas. Aquela que tem gerenciamento melhor o recebe bem, mas a outra loja perde o cliente. Queremos centralizar tudo na matriz e, assim, ter um resultado melhor”, frisa. O executivo do Grupo Sinal revela que cerca de 20% de seu investimento em marketing e publicidade está na internet. “Atualmente, estamos em emissoras de TV de varejo, jornal e na internet, que é o meio que mais cresce no grupo e deve crescer ainda mais. Exatamente por isso, precisamos do departamento especializado”, reforça.

O diretor comercial Marcos Penna no escritório do Grupo Sinal, em São Paulo

Ele revela que o grupo recebe opiniões, inclusive de concorrentes, que comprovam a satisfação do mercado com o iCarros e com os resultados obtidos. “O iCarros já tem uma aceitação muito grande do mercado. Estamos juntos desde o início, fomos um dos primeiros anunciantes porque acreditamos no portal desde o lançamento e seguimos juntos, muito satisfeitos”, diz.


Quando o cliente decide em casa, com a família, que vai trocar de carro, ele efetivamente compra um carro em 48 horas. Se não comprar de mim, vai comprar de outra loja, mas se ele se decidiu, ele está preparado para fechar negócio.” Hoje, temos em torno de 3.500 visitas por dia no nosso site. Quando não estávamos no iCarros, esse número não passava de 400, ou seja, o iCarros é uma ferramenta que nos ajuda a alavancar as visitas no nosso próprio site.” - Marcos Penna

Cliente informado O diretor executivo costuma visitar as lojas do grupo, especialmente nos finais de semana, e atender os clientes. Nesse contato direto, ele não tem mais dúvida da mudança de perfil do consumidor. “A internet se tornou uma grande ferramenta de pesquisa e orientação, que prepara o cliente para a compra. Automóvel tem uma coisa diferente na venda, tem muito da emoção. Sabemos que quando o cliente decide em casa, com a família, que vai trocar de carro, ele efetivamente compra um carro em 48 horas. Se não comprar de mim, vai comprar de outra loja, mas se ele se decidiu, está preparado para fechar negócio”, analisa. Em sua opinião, o consumidor chega à loja mais preparado e informado. “Fico assustado, pois o cliente sabe assustado, pois eles sabem até mais que eu e os vendedores sobre determinado produto ou modelo, porque ele se atualizou e chega à loja com muita informação. Isso é extremamente positivo, já que o cliente nos procura definido pela marca e pelo modelo”, finaliza Penna.

15


Resultados

iCarros leva cliente mais qualificado e pronto para compra à JAC Motors Agência publicitária responsável pela chinesa no Brasil comprova eficiência do portal automotivo Maior plataforma automotiva do Brasil, o iCarros completa três anos no mercado digital já consolidado como uma solução completa para quem quer comprar e vender carros, motos e caminhões. Uma “estreante” no cenário nacional comprova a eficiência das ferramentas e soluções do portal. “Abraçamos o iCarros para garantir que nosso cliente fosse visto ali como um dos principais concorrentes entre os carros que o usuário buscar. Começamos a trabalhar com formatos bem tradicionais no iCarros e, mesmo assim, os resultados foram muito positivos, até mesmo quando comparados com outros canais automotivos”, declara Kaléo Costa Dalcin, responsável pelo planejamento de mídia da Ogilvy&Mather, agência publicitária da JAC Motors no Brasil. Segundo Dalcin, o planejamento de mídia para o lançamento da montadora chinesa no País foi pensado em três frentes: portais da internet, adequação para o público-alvo e adequação para o produto. Kaléo Costa Dalcin é responsável pelo planejamento de mídia da Ogilvy & Mather


f otos: Di ego Moli na e divu lgaçã o

“Ao decidir quais canais automotivos seriam ideais, queríamos aqueles que fossem importantes para fortalecer a marca e para impulsionar as vendas. Vimos que o iCarros, na verdade, reúne os dois objetivos: ele tem um apelo varejista, o que era importante para a JAC Motors em seu lançamento, e tem um perfil e conteúdo mais ‘premium’”, comenta. Segundo o media planner, foi possível observar, nos dois meses seguintes ao lançamento da marca no Brasil, que o usuário que visitava o site da montadora chinesa a partir do portal iCarros realizava uma navegação bastante aprofundada e com duração de vários minutos. “Para a JAC Motors, a qualidade do usuário que foi impactado pela marca é muito importante”, afirma Dalcin. Como a navegação é acompanhada por ferramentas de controle, é possível saber por quanto tempo um usuário acessa o site e quais páginas ele visita. O internauta oriundo do iCarros teve tempo médio de navegação de 4,5 minutos a 5 minutos, com taxa de rejeição – que seria fechar o site logo na página inicial, sem clicar em nenhuma página - baixíssima. Segundo Dalcin, o resultado proporcionado pelo iCarros é inquestionável.

Para JAC Motors, iCarros reúne perfil varejista e conteúdo qualificado para usuários

Entre os investimentos nos canais on-line, o media planner revela que a Ogilvy&Mather está desenvolvendo uma ferramenta com o intuito de acompanhar o consumidor internauta, que começa a escolher seu novo carro pelo iCarros, passa pelo site da montadora e conhece os produtos em detalhe, até o momento da finalização da compra na loja. “Estamos quase lá, só falta ajustar algumas coisas. Acredito que o iCarros vai se firmar como um dos principais geradores de negócios nos pontos de venda”, finaliza.

Entenda a navegação Para os veículos e canais de internet, é importante ter não apenas um alto número de usuários, mas também que os internautas tenham qualidade de navegação, que é mensurada por meio de alguns controles de acessos nos sites. As principais métricas são o tempo de navegação (o tempo que o usuário fica no site), a profundidade de navegação (quantas páginas ele visita dentro do site principal) e a taxa de rejeição (quando o usuário fecha o navegador ou deixa o site logo na página inicial).

17


Praça Brasil comprova: cliente internauta busca por conforto e qualidade Diretor comercial de loja multimarca de São Bernardo do Campo avalia a influência da internet na decisão de compra; parceria com iCarros responde por 50% dos negócios fechados com os consumidores internautas A internet mudou a rotina e o perfil dos consumidores, especialmente quando se fala em mercado automotivo, e quem não soube se atualizar só tem a perder. É assim que o diretor comercial da loja multimarca Praça Brasil, Alexandre dos Santos Galo, observa o setor atualmente. Parceira do iCarros há cerca de dois anos, a Praça Brasil, de São Bernardo do Campo (SP), não perdeu tempo para se adaptar a essa mudança dos consumidores. “O cliente mudou. Não é mais aquele que está andando na rua e entra na loja. Temos o cliente da loja, que está conosco há muitos anos, porém há o novo perfil, que busca qualidade e conforto. Primeiro, ele procura seu novo carro pelo computador, ao lado da família, observa detalhes e faz uma simulação da compra. Ele chega à loja já com o crédito pronto, apenas para pegar o carro e ir para casa”, exemplifica Galo. Para o diretor comercial, o novo cliente do mercado automotivo é mais qualificado. “Quando ele vem até a loja, já está decidido sobre o que quer. Mesmo que ele queira olhar outros modelos e até possa mudar de ideia, o

diferencial é que ele está bem informado e, com toda a certeza, com a cabeça feita para fechar negócio”, frisa. Segundo Galo, o foco da Praça Brasil na internet vem crescendo ao longo dos últimos anos. Além da evolução do site próprio da empresa, esse movimento provocou até mesmo uma redução do investimento em publicidade em jornais e na TV. “Nosso investimento em outros meios é mais institucional, mas é na web que temos o melhor retorno. Para o segundo semestre de 2011 e o próximo ano, isso tende a crescer ainda mais, pois é concreto o aumento no número de compradores internautas”,


foto s : G u i l h e r m e To s et to

comenta. “Não temos apenas de evoluir com o mercado, mas estar à frente”, completa o empresário. Ele destaca que a parceria com o iCarros é responsável por praticamente 50% do movimento mensal de clientes internautas. “É um grande impacto, tanto para a loja física como em nossa loja virtual. Conseguimos mensurar esses resultados por meio do iCarros e também com os contatos telefônicos, que os clientes até preferem, ao invés do e-mail”, diz. “Hoje, percebemos como o iCarros veio para conquistar o mercado da internet”, comprova. Um colaborador da equipe Praça Brasil é designado especialmente para responder aos e-mails e captar o cliente para visitar a loja e fechar negócio. “Quando o contato é telefônico, sempre perguntamos de onde vem aquele cliente e muitos citam o iCarros”, complementa. Galo elogia a qualidade e a clareza dos dados fornecidos pela maior plataforma automotiva do Brasil. “Antes, ficávamos à mercê do mercado e do que sentíamos na loja. Hoje, com os relatórios do iCarros, sabemos, por exemplo, que o carro popular é o mais buscado, mas é aquele com motor 1.4, com arcondicionado e direção hidráulica. Isso nos dá parâmetros para definir nosso produto e nosso estoque”, explica. As participações da Praça Brasil Multimarcas no Feirão iCarros também recebem avaliação positiva do diretor comercial. “O Feirão alavanca todos os números, a divulgação é muito forte”, comemora. “O iCarros passa para o cliente a seriedade que possui junto às lojas, uma grande confiabilidade. Ele sabe que são lojas selecionadas, por isso temos plena confiança na parceria e em anunciar nosso produto”, finaliza Galo.

Resultados

Leonardo Rocha e Alexandre dos Santos Galo, proprietários da revenda multimarcas Praça Brasil

Equipe da Praça Brasil reconhece clientes que se informam pela internet

Para Galo, iCarros nasceu para conquistar o mercado automotivo digital

O cliente mudou. Primeiro, ele procura seu novo carro pelo computador, ao lado da família, observa detalhes e faz uma simulação da compra. Ele chega à loja já com o crédito pronto, apenas para pegar o carro e ir para casa” O iCarros passa para o cliente a seriedade que possui junto às lojas, uma grande confiabilidade. O cliente sabe que são lojas selecionadas, por isso temos plena confiança na parceria e em anunciar nosso produto” - Alexandre dos Santos Galo

19


Manutenção

Prevenir para

não remediar iCarros divulga a manutenção preventiva com nova seção no portal; Programa Cuide do Carro tem oficinas cadastradas em todo o Brasil e oferece check-up gratuito

A maior plataforma automotiva do Brasil também está preocupada com a conservação apropriada da frota que circula pelo País e faz questão de auxiliar os clientes a cuidarem bem de seus veículos. Por esse motivo, o iCarros apresenta uma nova seção em seu conteúdo: Manutenção. A nova área do portal é uma ação do Programa Cuide do Carro, uma parceria do iCarros com o Grupo Oficina Brasil, que tem o objetivo de incentivar e estimular os motoristas à prática da manutenção preventiva. Afinal, essa é a forma mais econômica, responsável e inteligente de cuidar do veículo, que ainda ajuda o motorista a ficar longe de preocupações e reparos inesperados, e até mesmo evitar acidentes e melhorar a qualidade do ar das cidades. Na nova seção do iCarros, já é possível encontrar oficinas selecionadas e profissionais qualificados em praticamente todos os Estados do Brasil. São mais de 1.300 estabelecimentos cadastrados, com treinamento especializado e voltado à manutenção preventiva. Ao clicar na aba Manutenção do portal iCarros, o internauta é levado à página de busca por oficinas, onde é possível procurar um estabelecimento cadastrado


A manutenção preventiva é forma mais barata e inteligente de cuidar do veículo: além de diminuir preocupações e reparos inesperados, o que reduz gastos que não estavam no orçamento, pode até mesmo evitar acidentes e ajudar a melhorar a qualidade do ar  por cidade ou pelo serviço. A ferramenta exibe não apenas o contato e os serviços oferecidos pela oficina, como também sua localização e instruções diretamente do Google Maps, incluindo o percurso para chegar até o local e detalhamento pelo Google Street View. A seção traz ainda um guia completo de informações sobre manutenção preventiva e uma série de reportagens do iCarros sobre esse tema, atualizadas constantemente.

Check-up gratuito O Programa Cuide do Carro tem o intuito de estimular o motorista a realizar a manutenção preventiva. Sendo assim, o usuário que se cadastra na aba Manutenção do portal

Acesse: www.icarros.com.br/manutencao

iCarros ganha um check-up gratuito de seu veículo, com a inspeção de mais de 20 itens. Para obter o benefício, é preciso apenas acessar o iCarros, preencher o cadastro na seção do Programa Cuide do Carro (www.icarros.com.br/manutencao) e imprimir o check-list. Na sequência, o motorista recebe uma mensagem confirmando o check-up gratuito e indicação de oficinas cadastradas mais próximas de seu endereço, onde poderá agendar o exame do veículo. São indicações úteis e precisas de um estabelecimento qualificado e participante do Programa Cuide do Carro.

21


Comparativo

Texto e fotos : F e r n a n do P e dr o s o

Ainda com fôlego,

Focus bate o Bravo Novo médio da Fiat ganha pontos ao substituir o veterano Stilo, mas última geração do rival da Ford ainda é superior em motor e câmbio

Em janeiro de 2009, essa mesma geração do Ford Focus que temos hoje nas lojas, esteve nas páginas do iCarros em um comparativo com o já veterano Fiat Stilo. Pouco mais de dois anos depois, o médio da Fiat deu lugar ao sucessor Bravo, mais moderno, que chegou tarde, é verdade, mas ainda em tempo de incomodar os rivais. Para começar, o motor é novo e não o velho 1.8 abandonado pela fábrica de Betim (MG). O Bravo usa o E.TorQ de 1,8 litro 16V de 130 cv com gasolina e 132 cv com álcool sempre a 5.250 rpm. O torque máximo é de 18,4 kgfm e 18,9 kgfm a 4.500 giros. Muito mais moderno, mas ainda abaixo dos números do Focus, que tem um bloco de 2,0 litros 16V com 143 cv (g) e 148 cv (a) a 6.250 rpm e 18,4 kgfm e 19,1 kgfm a 5.250 giros com seus respectivos combustíveis.


Os números de torque próximos, aparecendo mais cedo no Bravo, fazem parecer que os dois se comportem de forma semelhante, mas não é bem assim. O motor Fiat tem boas respostas, mas mais em rotações mais altas. O Focus trabalha melhor desde os 1.500 giros e apresenta boas retomadas, mesmo com o ponteiro do conta-giros em escalas mais altas, graças ao comando de válvulas de admissão variável. O Bravo não conta com isso. Os 11 cv a mais também fazem a diferença a favor do Ford. Outro ponto que o médio da Fiat melhorou em relação ao Stilo foi o câmbio, mas que também não alcançou o rival. As marchas estão mais precisas, porém sem os engates suaves do Focus. Ponto alto é a posição da alavanca, mais ao alcance das mãos no Fiat do que no Ford. O volante também tem melhor empunhadura e os comandos de som, mais usados do que os do controlador de velocidade, ficam próximos aos dedos, enquanto a outra ferramenta está presa à coluna de direção. No Focus é o contrário. Com motor e câmbio melhores, o Focus ganha outro ponto positivo na dirigibilidade ao adotar suspensão traseira multlink, ao invés do eixo de torção do Bravo. O resultado disso é maior conforto e estabilidade. Em curvas mais rápidas, o Bravo apresenta tendência a sair de frente e a direção é indireta, agravando a sensação de insegurança. O conforto, no entanto, não é tão prejudicado por causa da calibração mais macia do carro.

Preços próximos, mas é preciso equipar o Bravo O Ford Focus cedido para avaliação ao iCarros foi na versão Titanium, apresentada no Salão do Automóvel do ano passado e que entrou no mercado na linha 2011 do modelo. Ele já vem com ignição automática por botão, ar-condicionado digital de duas zonas, direção com assistência elétrica, sensor de chuva, acendimento automático dos faróis, freios ABS, airbag duplo, rodas de 16 polegadas, bancos de couro e teto solar. Tudo isso sai por R$ 71.660. O único opcional é o câmbio automático, que elevaria o valor para R$ 76.410. O Bravo avaliado é o Essence, mas para efeitos de comparação, consideramos o Absolute, que tem conjunto mecânico idêntico e altera apenas o pacote de equipamentos. Em todo caso, a versão vem rodas de 17 polegadas por R$ 62.560, mas teto solar, bancos de couro, sensores de chuva e faróis e comandos

de voz para rádio e telefone são opcionais, elevando o preço a R$ 71.187, muito próximo do Focus. A vantagem do Bravo é poder escolher por mais alguns itens, como airbags laterais e de joelho, sensor de estacionamento dianteiro e sistema de navegação embutido no painel. Completo, o médio sai da loja por R$ 79 mil. Com o câmbio automatizado, então, o valor já chega aos R$ 81.971. Entre os equipamentos, os dois carros têm itens em comum, mas com funcionamento diferentes. O primeiro são os faróis direcionáveis, que no Focus é com o bloco elíptico se movimentando conforme o esterço do volante, como acontece no Citroën C4. O Bravo faz algo parecido, mas acendendo o farol de neblina do lado para qual o carro está virando. Outro item é o comando por voz. No Ford, é possível mudar até a temperatura do ar-condicionado e mudar a estação de rádio. Nos testes do iCarros, poucas vezes o sistema não entendeu o comando. Já no Fiat, foi melhor parar na terceira tentativa de discar um número por comandos de voz e esperar um lugar para encostar e fazer a ligação de forma tradicional. No espaço interno, outro ponto para o Focus. O entre-eixos tem apenas 4 cm a mais (2,64 m), mas o suficiente para acomodar melhor dois adultos no banco traseiro. Na largura, são 5 cm a mais para o Ford (1,84 m). O Bravo só é mais alto, com vantagem de 1 cm (1,50 m). No porta-malas, o Fiat Bravo tem ampla vantagem, com 400 litros de capacidade contra os 328 do rival. Além de menor, o bagageiro do Focus tem o piso muito alto, dificultando a colocação de objetos mais pesados.

23


01

01 Visual

03 Porta-malas e espaço interno

Ford Focus está nas ruas desde 2009, mas a versão avaliada foi a Titanium, que chegou ao mercado neste ano. Tem sensor de chuva, acendimento automático dos faróis e rodas de 16 polegadas.

Espaço do Focus é de 328 litros com piso alto, o que dificulta um pouco a colocação de objetos mais pesados. Bancos traseiros acomodam dois adultos com conforto.

04 Interior

02 Motor

02

Médio da Ford tem números melhores na motorização: bloco de 2,0 litros 16V com 143cv com gasolina e 148cv com álcool.

Focus Titanium tem ignição automática por botão, ar-condicionado digital de duas zonas, bancos de couro, direção com assistência elétrica e airbag duplo, além de comandos de voz para temperatura e rádio.

Ford Focus Titanium

03

04

Nota

8,0

Aceleração 0-100 (seg)

9,7

Consumo cidade (km/l)

N/D

Consumo estrada (km/l)

N/D

Potência (cv)

148

Torque (kgf.m)

19,5

Velocidade máxima (km/h)

208

VEREDICTO DE FERNANDO PEDROSO Quando comparado com o antigo Fiat Stilo, o Focus custava mais caro e era movido somente à gasolina. Mesmo assim, já vencia o duelo. No embate com o novo Fiat Bravo, os preços estão mais


01 Visual

03 Porta-malas e espaço interno

Com visual mais arrojado, Fiat Bravo Absolute tem rodas de 17 polegadas e conta com teto solar e sensores de chuva; há opção de sensor de estacionamento dianteiro para o modelo

Espaço do Bravo é de 400 litros. Médio da Fiat acomoda bem dois adultos no banco traseiro, porém tem a vantagem de ser mais alto do que o rival.

02 Motor

04 Interior

Fiat Bravo conta com moderno motor E.TorQ de 1,8 litro 16V de 130cv com gasolina e 132cv com álcool.

Versão Absolute do Bravo é completa e de design mais vivo, com bancos de couro; pode receber ainda controle de rádio e telefone por comando de voz, airbags laterais e sistema de navegação embutido no painel.

01

02

Fiat Bravo 9,9

Aceleração 0-100 (seg)

7,9

Consumo cidade (km/l)

11,2

Consumo estrada (km/l)

132,0

Potência (cv)

18,9

Torque (kgf.m)

193

Velocidade máxima (km/h)

competitivos. O Ford agora tem motor flex e ainda continua na liderança do comparativo, mesmo com a evolução geral do novo Fiat (motor, visual, espaço) em relação a seu antecessor.

03

Nota

6,0

04

25


Comparativo

Mille e QQ Disputa entre os mais

baratos do Brasil

De um lado, o popular robusto da Fiat, com mais de 25 anos de hist贸ria no Pa铆s; do outro, a aposta da chinesa Cherry, que ainda necessita de mais dirigibilidade e conforto


Texto : A n e l isa Lo p es foto s : Fe r na n d o P e d r o s o

Decidir entre os dois carros mais baratos do Brasil não é uma tarefa simples. Fiat Mille e Chery QQ figuram no topo da tabela, com uma diferença de R$ 500 entre eles. O Fiat está há mais de duas décadas por aqui e ocupa, há anos, a lista dos dez carros mais vendidos do País. O chinês QQ carimbou seu passaporte no primeiro semestre deste ano e tirou o título de carro mais barato do Mille. Se a diferença no preço pode ser considerada pequena, o mesmo não pode se dizer da diversdidade entre os dois modelos. Enquanto um é uma volta na história da indústria automotiva, o outro parece um brinquedo que saiu dos quadrinhos de uma revista japonesa.

Trâns i to urban o X e stra d a

No comparativo, o iCarros testou o Uno Mille e o Cherry QQ em ambientes urbanos e também em rodovias. Ambos se saem melhor na cidade. Na estrada, os dois têm nível alto de ruído, em razão do isolamento acústico deficiente.

27


O veterano da década de 80 O Fiat foi lançado em 1984; a segunda geração do modelo veio 26 anos depois. A partir dela, a montadora criou um outro carro, o novo Uno, e manteve a carroceria antiga, rebatizando-a de Mille. Referência quando se fala em popular robusto, o Mille é a alternativa para àqueles que querem deixar de lado o transporte público e não se aventuram em uma moto. O preço da versão Economy é R$ 23.490, sem direito a nenhum equipamento de segurança ou conforto. Se o motorista possui alguma lembrança de infância ou adolescência dentro de um Mille, poderá matar as saudades mesmo na linha 2012 do popular. Pouco do projeto mudou. Entre as últimas atualizações, foi incluí-

do um econômetro, um tipo de gráfico circular que mostra quando a condução está exigindo mais ou menos do tanque de combustível. A cabine é simples e parte da lataria fica exposta mesmo no interior. Um painel quadrado acomoda o rádio, ar-condicionado e as saídas de ar. Não há porta-objetos. O assento possui um tipo de regulagem em que o banco vai para a frente e para trás de forma indireta, como se tivesse uma lombada no meio do processo. Ou seja, o conforto é um aspecto que pouco conta para o motorista. O 1.0 bicombustível sob o capô tem 66 cv de potência e 9,2 mkgf de torque, com álcool. O motor trabalha em sintonia com o câmbio manual de cinco marchas. Com foco no desempenho urbano, o Mille oferece força máxima do motor em uma faixa de giro baixa (2.500 rpm). Apesar disso, não se intimida quando tem de subir o velocímetro na estrada. Se a mudança de marcha for constante, aproveite para exercitar os músculos do braço, pois as trocas da caixa de câmbio não são suaves. Tanto em baixa ou alta velocidade, o nível de ruído é alto, uma vez que o isolamento acústico da cabine é mínimo. Os passageiros (quatro adultos vão apertados) dispõem de 290 litros no porta-malas.

01 Visual

01

Mesmo 26 anos depois de seu lançamento, Uno Mille mantém a carroceria antiga, de perfil quadrado e robusto. Apenas lanternas sofreram mudanças nos últimos anos

Com porta-malas tem 290 litros, Uno carrega quatro adultos bem apertados; isolamento acústico é mínimo, ou seja, muito barulho.

04 Interior

02 Motor

02

03 Porta-malas e espaço interno

Conta com motor 1.0 bicombustível, com câmbio manual de cinco marchas; projetado para cidade, não se intimida quando tem de ganhar velocidade na estrada.

Cabine simples tem lataria exposta e não conta com porta-objetos. Painel é quadrado e sem novidades, a não ser o Econômetro. Conforto não é o forte do Uno Mille.

Fiat Mille

03

04

Nota

6,0

Aceleração 0-100 (seg)

14,7

Consumo cidade (km/l)

11,1

Consumo estrada (km/l)

15,6

Potência (cv)

66,0

Torque (kgf.m)

9,2

Velocidade máxima (km/h)

153

VEREDICTO DE ANELISA LOPES Se a ideia é desembolsar menos de R$24 mil, a aposta continua sendo no Mille. Apesar de vir pelado, o Fiat é mais robusto, passa maior sensação de segurança na estrada e é mais confortável em função da sua suspensão e estofamento. Além disso, a marca já está


QQ, um chinês sorridente Se o comprador se encantar com a aparência simpática do carrinho – que parece que está sorrindo -, vai se animar ainda mais com a lista de equipamentos de série. Por R$ 22.990, leva airbag duplo, freios ABS, acionamento elétrico dos vidros, travas e retrovisores e direção hidráulica. A cabine tem um desenho moderno e os mostradores são todos digitais. A empolgação, no entanto, vai até o motorista se acomodar no banco. A espuma é muito fina e a impressão é que a coluna encosta na estrutura de ferro do assento. A suspensão é mole demais e a alavanca do câmbio não engata com facilidade. O QQ traz sob o capô um motor 1.1 a gasolina de 68 cv de potência e 9,1 mkgf de torque. No trânsito, o desempenho não é muito diferente do Mille. Na estrada, porém, o QQ sofre para chegar aos 120 km/h. A questão

não é nem a rapidez, mas a insegurança que ele passa em alta velocidade, em que prevalecem a oscilação da carroceria, a leveza exagerada da direção e o barulho do motor. Apesar de ter se mostrado econômico durante a avaliação, a autonomia é prejudicada pelo tamanho do tanque de combustível: apenas 35 litros (no Mille vão 50 litros). Não exagere na carona: apesar do entre-eixos chegar perto do Mille (2,36 m contra 2,34 metros), o QQ tem 1,49 metro de largura. No bagageiro, há espaço para 190 litros.

Mudanças no mercado Inicialmente projetados para atender às demandas de economia e manutenção barata no Brasil, os modelos 1.0 permaneceram, durante muitos anos, como a opção de melhor custo-benefício para aqueles que querem gastar o mínimo possível com um carro. É possível perceber que esse cenário, no entanto, vem mudando. Modelos com motor 1.4 e 1.6 têm aumentado sua participação, já que os custos com combustível e pós-venda têm ficado cada vez mais atraentes. No ano passado, a venda de modelos com motor de 1,0 litro correspondeu a 50,8% das negociações de carro zero km no País. No primeiro semestre deste ano, de acordo com a Anfavea, o número caiu para 45,9%.

01 Visual Simpático e moderno, o pequeno Cherry chegou há pouco no Brasil e parece um personagem de desenho animado japonês.

02 Motor QQ roda com motor 1.1 a gasolina, com 68cv de potência. No trânsito, desempenho é parecido com o pequeno Fiat; em alta velocidade, torna-se barulhento e passa insegurança.

03 Porta-malas e espaço interno Bagageiro tem capacidade de 190 litros. Com apenas 1,49 de largura, o QQ não é ideal para caronas.

04 Interior Vidro e travas elétricas, direção hidráulica e mostradores digitais são destaque, mas bancos são desconfortáveis e isolamento acústico não é eficiente.

02

Cherry QQ 14,0

01

Aceleração 0-100 (seg)

N/D

Consumo cidade (km/l)

N/D

Consumo estrada (km/l)

68,0

Potência (cv)

9,2

Torque (kgf.m)

130

Velocidade máxima (km/h)

estabelecida no País e oferece maior facilidade no pós-venda. O resultado deste comparativo, entretanto, não é definitivo. Cabe à Chery analisar os pontos mais fracos do seu modelo - suspensão, dirigibilidade, nível de ruído e revestimento dos bancos - e melhorá-los para que o QQ possa tirar essa vantagem do Mille.

03 Nota

5,0

04

29


Esportivos

Um convite a acelerar

o 911 Carrera 4S

iCarros avalia um dos esportivos mais desejados do mundo; versátil para o trânsito urbano, cupê da Porsche corresponde às expectativas também na velocidade Te xto e fotos: Fe r n a n do P e dr o s o

A porta aberta e o motor ligado com um dos roncos mais sedutores do mundo dos automóveis é um convite para entrar. Foi assim que o iCarros começou uma breve avaliação com o Porsche 911 Carrera 4S, que custa R$ 520 mil. O carro amarelo que pode ser visto nas imagens desta matéria está equipado com o motor boxer de seis cilindros contrapostos de 385 cv de potência a 6.500 rpm e torque máximo de 42,8 kgfm a 4.400 giros. Ajeitar-se no banco em formato de concha revestido em couro é um prazer, ainda mais com ajustes elétricos que nem de longe lembram o despojamento dos primeiros Porsche. O volante pode ser regulado tanto em altura como em profundidade, mas com o sistema mecânico mesmo.

Com a alavanca do câmbio PDK, uma caixa automatizada de sete velocidades, em drive, um leve toque no acelerador para ouvir o rosnado dos 3,8 litros do motor de alumínio com comando de válvulas variáveis para admissão e exaustão e injeção direta de combustível. No trânsito urbano, nota-se a versatilidade do 911, confortável para o padrão do veículo. Tem suspensão dura, mas que aceita pequenas ondulações do asfalto sem cobrar da coluna dos passageiros. Enquanto não se pode acelerar, o jeito é ver como funciona o sistema de som com tela sensível ao toque. Há um navegador com mapas do Brasil (os Ford Fusion e Edge rodam no País como se estivessem no México) e som de excelente qualidade de marca Bose. No

anda e para, além de confortável, deu para ver o quanto um Porsche amarelo pode ser chamativo em São Paulo, mesmo na avenida Europa, habitat natural deste tipo de bólido na capital paulista.


Pé na tábua Quando finalmente o 911 Carrera 4S pôde ser acelerado, foi quando o esportivo ficou mais à vontade para gritar. O câmbio tem um modo manual com trocas por botões no volante. Em qualquer um dos lados, basta empurrar para subir marchas ou puxar para reduzir. Com a tecla Sport acionada, a suspensão fica mais dura e entra uma nova programação do escalonamento das marchas. Com a Sport Plus, recomendada pela Porsche para ser usada somente em circuitos fechados, a sétima velocidade deixa de existir, só troca de marcha na rotação máxima e o controle de largada é habilitado. A partir deste momento, esqueça aquele cupê bom de andar na cidade e seja bem-vindo a um esportivo puro-sangue. Uma pena a pista ser tão curta. Em apenas 4,1 segundos já estamos a 100 km/h (4,3 s sem o programa Sport Plus). Quem preferir o câmbio manual, saiba que essa versão faria a mesma aceleração em 4,5 segundos. A velocidade máxima fica nos 295 km/h tanto no modo Sport Plus como sem ele. Essa

é a única vantagem que o 911 Carrera 4S manual levaria, chegando aos 297 km/h. Com pouco espaço para acelerar, a 120 km/h ainda em segunda marcha, o freio é bastante exigido e responde com respeito. Para voltar, a ré é engatada e então percebe-se que é preciso pisar com força para andar e o carro não morrer. São os males da transmissão automatizada. De volta ao acelerador, agora com as trocas manuais. É muito fácil se adaptar às alavancas. Pé no freio, puxa a alavanca e segunda de novo. O motor respira e vai diminuindo seu ritmo até o acelerador ser convocado novamente. Costas coladas no banco e pé no freio até a parada total. Uma emoção rápida, mas que fã de Porsche nenhum pode botar defeito. Impressiona a velocidade nas trocas. Hora de voltar pelo mesmo caminho. Uma valeta bem grande faz com que seja preciso um contorcionismo para não bater nada no asfalto. O objetivo é atingido, nada parece assustar o tradicional 911. Trânsito, gente olhando e hora de se despedir. A porta se abre, o motor se silencia, mas não sem antes dizer “Volte assim que puder”. Deu saudade. Carro cedido para avaliação pela Só Veículos

31


Dossiê Regional

iCarros reflete potencial automotivo de SP Dossiê do Estado com a maior economia do País mostra informações da frota e tendências de mercado; de cada dez carros vendidos no Brasil, três ficam em cidades paulistas A partir desta edição, a revista iCarros apresenta a seção Dossiê Regional. A cada número, o leitor poderá conferir informações completas, indicações dos consumidores e tendências de mercado de um Estado ou uma região do País, a partir do banco de dados do iCarros, o maior e mais completo portal automotivo do Brasil. Nesta edição, a revista iCarros coloca sua lupa sobre o Estado de São Paulo. Maior economia e Estado mais industrializado do País, São Paulo reflete seu potencial econômico no mercado automotivo. Dados recentes da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) indicam que três de cada dez carros vendidos no mercado brasileiro ficam no Estado de São Paulo. O iCarros fechou o mês de agosto com 50.148 veículos do Estado de São Paulo anunciados em seus classificados, o que significa 42% do total de anúncios ativos no portal. Números assim comprovam que a maior plataforma automotiva do País consolida sua inserção e representatividade no mercado paulista. Do lado dos consumidores e usuários do iCarros, o interesse pelo mercado paulista também é enorme. Os anúncios do Estado de São Paulo foram visualizados 6.557.562 vezes somente no mês de agosto. Do total de classificados paulistas, 93% são de responsabilidade de revendas ou concessionárias e 7% são de anunciantes particulares. Dos automóveis com anúncios ativos em agosto, 53% eram veículos flex,

1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º

Gol

6.655

Uno

5.585

Celta

4.112

Fox

3.579

Corsa Sedan

3.108

Sandero

2.949

Fiesta

2.394

Corsa Hatch

2.281

Voyage

2.272

Palio

1.999

Números de Agosto/2011 (fonte: Fenabrave)

enquanto 39% eram de motor a gasolina; veículos com motor a álcool e a diesel tinham 4% dos anúncios cada. Segundo números do Ministério das Cidades, Departamento Nacional de Trânsito (Denatran) e Sistema Nacional de Registro de Veículos (Renavam), a frota de veículos em circulação no Estado de São Paulo chegou a 22.402.744 unidades (até julho de 2011), incluindo motocicletas e veículos pesados. Confira a seguir mais informações e tendências do mercado do Estado de São Paulo.

1º Os 10 carros 0km mais vendidos 2º no Estado de São Paulo 3º


Os modelos mais buscados no iCarros no Estado de São Paulo

1º 2º 3º 4º 5º 6º 7º 8º 9º 10º

Marca

Modelo

Número de buscas

Fiat

Palio

134.816

Volkswagen

Gol

131.677

Chevrolet

Celta

117.552

Fiat

Uno

86.070

Chevrolet

Corsa Hatch

85.426

Volkswagen

Fox

76.596

Honda

Civic

72.841

Volkswagen

Golf

51.517

Fiat

Uno Mille

51.343

Toyota

Corolla

48.089

Os modelos mais anunciados no iCarros no Estado de São Paulo

Marca

Anúncios

1º Chevrolet 11.429 2º Volkswagen 9.280 9.176 3º Fiat 5.373 4º Ford 2.450 5º Honda Renault 2.230 6º 2.042 7º Peugeot 1.304 8º Citroën 1.291 9º Toyota 1.082 10º Hyundai Números do iCarros em agosto/2011

As marcas mais anunciadas no iCarros no Estado de São Paulo

33


Fenabrave

Fenabrave projeta crescimento de 5,9% nas vendas Comparação de janeiro a agosto de 2011 com mesmo período do ano passado tem números positivos; brasileiro começa a trocar populares de motor 1.0 por modelos mais potentes e sofisticados Números e previsões otimistas e uma mudança no perfil de consumo do brasileiro, que começa a optar por veículos com motor mais potente do que o 1.0. Essas são duas conclusões da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave) a partir dos números do mercado deste ano, até o mês de agosto. A projeção atual da entidade para o ano é mais positiva do que os 4,2% divulgados anteriormente: crescimento de 5,9% (em automóveis e comerciais leves) em relação aos números do ano passado. Em unidades, isso significa mais de 3,5 milhões, contra 3,2 milhões em 2010. Para todos os segmentos automotivos (automóveis, comerciais leves, caminhões, ônibus, motos, implementos rodoviários, máquinas agrícolas e outros veículos, como carretinhas de transporte de jet ski, motos, etc.), a projeção continua em torno de 8,38% de crescimento, num total de 5,7 milhões de unidades. Em 2010, o número total de emplacamentos somou 5.444.387 unidades. Segundo a Fenabrave, no comparativo de janeiro a agosto com o mesmo período de 2010, o volume total de veículos emplacados subiu de 3.450.757 unidades para 3.760.017, o que representa uma alta de 8,96%. Nos meses de junho e julho, foram negociadas 482.849 e 483.651 unidades,

respectivamente, em um pequeno acréscimo de 0,17% no volume de vendas. “O resultado de julho demonstra tendência de estabilidade no mercado, o que já era esperado”, afirma Sergio Reze, presidente da Fenabrave. No mês de agosto, foram vendidas 527.200 unidades, em uma alta de 9% em relação a julho. “O crescimento de agosto está relacionado com a diferença do número de dias úteis em relação a julho, que contou com dois dias a menos”, completa Reze.


De janeiro a agosto, foram emplacadas 2.233.757 unidades de carros de passeio e veículos comerciais leves - o principal filão automotivo do Brasil. O número representa alta de 7,5% em relação ao acumulado do mesmo período de 2010 (2.077.350 unidades). Para o diretor comercial do Grupo Sinal, Marcos Penna, o segundo semestre será de crescimento maior, ainda que a sensação geral do mercado tenha sido de um primeiro semestre de dificuldades. “Encerramos o primeiro semestre com números bem parecidos com o do ano anterior. Nossa ideia é que, no segundo semestre, retomemos o crescimento e atinjamos nossa meta deste ano, que é fazer algo em torno de 66 mil carros vendidos. No ano passado, fizemos 60 mil. Essa perspectiva é bastante factível, dentro do que estamos esperando”, comenta. De acordo com os dados da Fenabrave, a Volkswagen passou à liderança do mercado brasileiro, com 23,01% do segmento de carros e veículos comerciais leves. Na sequência, estão Fiat (22,25%), Chevrolet (19,30%) e Ford (9,17%). Nas posições seguintes, surge a Renault, com 7,13% do segmento, Honda (2,85%), Peugeot (2,74%), Citroën (2,68%), Hyundai (2,23%) e Nissan (1,65%).

Deixando o 1.0 para trás A partir dos dados de janeiro a agosto de 2011, a Fenabrave afirma que o brasileiro está comprando menos veículos com motor 1.0 e passou a optar por modelos com motor de maior potência e mais sofisticados. Analistas do mercado já observam essa tendência nos últimos meses, especialmente em razão da elevação dos preços dos “populares”. “O brasileiro quer mais conforto. Ainda procura o carro popular, mas prefere o de motor 1.4 e exige, pelo menos, que tenha vidros elétricos, direção hidráulica e ar-condicionado. É a tendência que observamos no dia a dia”, afirma o diretor comercial da loja multimarca de São Bernardo do Campo Praça Brasil, Alexandre dos Santos Galo. Em agosto, o percentual dos carros de 1.1 a 2.0 chegou a 53,01%, ante 51,39% em julho. Já os carros menos potentes reduziram sua participação nas vendas de 47,49% para 46%. Seguindo a mudança de perfil de consumo, estudos da Fenabrave mostram que os volumes de vendas nas categorias de veículos mais sofisticados também estão maiores. “A participação dos veículos hatch pequenos, sedans compactos, médios e grandes aumentaram. Isto reflete o crescimento da nova classe C”, comenta o presidente da Fenabrave.

35



iCarros • AXLE