Page 1


Editorial por Esmeraldo Carvalhinho - Presidente da Câmara Municipal de Manteigas

Um dos valores mais preciosos do ser humano, é o trabalho. Trabalhar é sinal de carácter, de satisfação e orgulho, infelizmente não para todos. Uns, porque infelizmente não têm emprego, em especial os mais jovens. Outros porque o perderam involuntariamente. Outros ainda, porque o não merecem, porque com tarefas entregues, delas não cuidaram e foram despedidos… É contudo, indiscutível que o trabalho dignifica o homem e a sociedade em que se insere. O trabalho faz parte da identificação de cada pessoa, portanto nada mais justo que todos tenham esse direito, pois a dignidade do ser humano, decorre em primeiro lugar do que ele é. Em decorrência da própria dignidade humana, o primeiro direito do ser humano é o da sua sobrevivência.

Nos tempos que correm, fruto das dificuldades financeiras, da dependência dos mercados externos, da conjuntura europeia ou tão só de linhas ideológicas que nos queiram impor, o direito ao trabalho é de todos o mais ausente da sociedade portuguesa. As taxas de desemprego sobem constantemente, a falta de trabalho atravessa toda a sociedade, dos mais novos aos mais velhos, com fatal influência negativa na vida futura dos primeiros pondo em causa a sua dignidade e a sua sobrevivência. É responsabilidade de qualquer governo democrático, garantir a dignidade e a subsistência do povo que governa. Infelizmente isso nem sempre é verdade. Portugal, atravessa o momento mais difícil da sua história democrática. A dependência externa e a falta de


medidas de crescimento económico interno, destroem cada vez mais postos de trabalho e lançam no desemprego milhares e milhares de trabalhadores que se vêm privados do seu sustento e do da sua família. O estado em que o país se encontra, exige de todos e de todas as instituições, o maior esforço na resolução dos problemas sociais. Da nossa parte, da Câmara Municipal de Manteigas, há muito tempo que o contributo para a resolução dos problemas relacionados com o desemprego, é uma evidência clara. Nesta edição do “Vale Glaciar” damos conta de mais um equipamento que colocámos ao dispor dos empreendedores, mais jovens ou menos jovens que queiram enveredar pela via empresarial criando o seu próprio emprego e proporcionando também a outros seus concidadãos, a possibilidade de subsistência. O Ninho de Empresas, assim se denomina, tem como objetivo apoiar entidades, empresas e empreendedores com ideias e projetos com potencial económico, de interesse para o desenvolvimento e competitividade local, regional e nacional e que potenciem a criação de postos de trabalho e a fixação de profissionais. Para este espaço, irá ser transferido o gabinete de apoio às empresas (Gabinete de Planeamento e Gestão de Investimentos) que para além de gerir as candidaturas da própria Câmara, tem também por missão ajudar as empresas e os empreendedores na procura de programas de financiamento e na apresentação e gestão das respetivas candidaturas, aliás, como já agora acontece no edifício da Câmara onde está instalado.

Associando a este Ninho de Empresas e à sua funcionalidade, os incentivos financeiros de que a Câmara já dispõe e os espaços ainda disponíveis na antiga SOTAVE onde já foram cedidos mais de quatro mil metros quadrados, estão criadas condições suficientes de atratividade a novas empresas e não é por isso estranho, que haja já interessados em ali se instalarem. É de facto um desafio para os jovens desempregados de Manteigas que com instalações, com incentivos financeiros e em presença do potencial turístico do concelho, apenas têm que ser corajosos, inovadores e destemidos para enfrentarem o desafio da criação do seu próprio emprego, garantindo assim o seu sustento e contribuindo para o engrandecimento da sua terra. Já que o governo não faz, fazemos nós…!!! Nesta época de férias, temos já entre nós muitos dos nossos queridos emigrantes que habitualmente vêm matar saudades de parentes e amigos. Quero em nome de todo o executivo da Câmara, desejar boa viagem a todos eles que nos visitam e que tenham ótimas férias. Quero ainda afirmar-lhes o nosso empenho na valorização da nossa terra que tenho a certeza, encontram mais bonita cada vez que nos visitam.

Esta edição do Vale Glaciar vai acompanhada de uma missiva da AFACIDASE para recolha de fundos destinados ao desenvolvimento cabal das suas atividades. O trabalho meritório que esta nossa tão querida Associação tem prestado ao Concelho de Manteigas permite-nos pedir-vos a vossa prestimosa ajuda nesta recolha de fundos.


Manteigas - Trilhos Verdes


Vale glaciar - Boletim Munícipal  
Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you