Page 1

CASA DA QUINTA DO RAPIO - ROMARIZ

2007

RECONVERSÃO DE ANTIGA HABITAÇÃO, PALHEIRO E CURRAIS EM HABITAÇÃO UNIFAMILIAR

Projeto de uma habitação unifamiliar com uma área bruta de habitação 503,84 m2, 54.15 m2 de garagem, que o requerente pretende levar a efeito no seu terreno com uma área de 16.800 m2 localizado na Rua Professora Lucinda Gomes, na freguesia de Romariz no concelho de Santa Maria da Feira. Para além das questões programáticas, funcionais, e de conceito arquitetónico subjacentes, a solução que se apresenta à apreciação da Câmara Municipal de Santa Maria da Feira, resulta de um modo muito significativo, das características do terreno, das consideração em relação à preexistência e das referências ao nível de implantação dos novos volumes. Respeitando as condicionantes do terreno, articulou-se o volume proposto numa interpretação do terreno natural através da criação de um talude no qual este assenta e integra. Esta afirmação morfológica cria dois níveis distintos, correspondentes ao acesso pedonal e automóvel, à habitação. Originando também espaços exteriores relacionados intimamente com os espaços de estar interiores. A procura de privacidade deu origem à criação de duas reentrâncias no volume inicial, introduzindo-se como acontecimentos dinamizadores não só da forma original, como também das vivências espaciais, materializadas em pátios. Num plano organizativo, a solução pretende desenvolver-se segundo um esquema de grande simplicidade e coerência, procurando respeitar as interdependências funcionais, permitindo, ao mesmo tempo, através de um sistema de acessos e circulações interiores, uma rápida identificação dos diversos espaços que contêm o programa. Este distribui-se em dois níveis correspondentes a cada piso, sendo na sua essência o primeiro, rés do chão, de carácter mais social e o segundo, 1º andar, mais privado. Assume-se o eixo central Oeste/Este como acessos e distribuições de todo o espaço, permitindo a separa-


RECONVERSÃO DE ANTIGA HABITAÇÃO, PALHEIRO E CURRAIS EM HABITAÇÃO UNIFAMILIAR - QUINTA DO RAPIO

ção ou a continuidade dos diversos espaços. No piso inferior; do rés do chão, destacasse o acesso à habitação de nível. Do lado norte do caminho de distribuição central vamos encontrar a garagem, uma zona de serviços, o escritório, um atelier e também uma casa de banho de serviço, por outro lado, do lado sul encontra-se organizado com uma sala jantar, de tv, uma sala de jantar auxiliada pela cozinha assim como um salão rústico. É de destacar ainda que as sala de tv e de estar, se encontram a níveis distintos do pavimento em relação ao nível do chão do resto da casa, e demarcam-se pelo acompanhar do terreno natural. No 1º andar, distribuem-se os quartos e respectivas casas de banho. Sob o ponto de vista construtivo os novos volumes a construir, preconizam-se numa estrutura simples de betão armado, com paredes duplas de tijolo (11 e 15), protegidas com barreira térmica de poliestireno extrudido e revestidas com aço corten. Cobertura em laje igualmente de betão armado, protegida termicamente com material idêntico ao das paredes, sendo caracterizada no exterior também pelo revestimento de aço corten. No que diz respeito aos volumes existentes vai-se proceder a limpeza e manutenção das paredes em alvenaria de pedra. Interiormente, propõe-se uma utilização generalizada de madeira de Freixo em portas, armários e alizares e soalho de madeira de afzélia, em todos os pavimentos, excepto instalações sanitárias para onde se preveem revestimentos de granito ou mármore. As caixilharias exteriores serão integralmente executadas em alumínio com acabamento anodizado em inox. Nas zonas dos pátios, referentes às reentrâncias, optou-se por um revestimento em placagem de pedra tipo moliano contrastando e destacando o seu carácter de concavidade do restante volume. Refere-se ainda que o estudo em causa foi desenvolvido, tendo em atenção todas as questões de conforto, bem como de natureza regulamentar, nomeadamente no que se refere a infraestruturas e ambiente. De salientar contudo, que em termos de infraestruturas será criada no terreno uma fossa séptica, visto que, atualmente o lote não é servido por rede de esgotos pública, existindo apenas rede de águas pluviais para a qual será ligada a recolha de águas limpas da habitação.


RECONVERSÃO DE ANTIGA HABITAÇÃO, PALHEIRO E CURRAIS EM HABITAÇÃO UNIFAMILIAR - QUINTA DO RAPIO

Planta de Implantação

Alçado Norte

Alçado Sul


Planta de Cobertura

Alçado Nascente

Alçado Poente

RECONVERSÃO DE ANTIGA HABITAÇÃO, PALHEIRO E CURRAIS EM HABITAÇÃO UNIFAMILIAR - QUINTA DO RAPIO


RECONVERSÃO DE ANTIGA HABITAÇÃO, PALHEIRO E CURRAIS EM HABITAÇÃO UNIFAMILIAR - QUINTA DO RAPIO

Planta de Implantação

Corte AA

Corte BB


RECONVERSÃO DE ANTIGA HABITAÇÃO, PALHEIRO E CURRAIS EM HABITAÇÃO UNIFAMILIAR - QUINTA DO RAPIO

Planta de Implantação

Corte CC

Corte DD


RECONVERSÃO DE ANTIGA HABITAÇÃO, PALHEIRO E CURRAIS EM HABITAÇÃO UNIFAMILIAR - QUINTA DO RAPIO

Pormenores do Vão Exterior - Ve2

Pormenores do Vão Exterior - Ve13

Pormenores do Vão Interior - Vi2


RECONVERSÃO DE ANTIGA HABITAÇÃO, PALHEIRO E CURRAIS EM HABITAÇÃO UNIFAMILIAR - QUINTA DO RAPIO

Pormenores do Vão Interior - Vi3

Pormenores do Armário a6-9


RECONVERSÃO DE ANTIGA HABITAÇÃO, PALHEIRO E CURRAIS EM HABITAÇÃO UNIFAMILIAR - QUINTA DO RAPIO

Corte Construtivo


RECONVERSÃO DE ANTIGA HABITAÇÃO, PALHEIRO E CURRAIS EM HABITAÇÃO UNIFAMILIAR - QUINTA DO RAPIO


2007 | Reconversão de Antiga Habitação, Palheiro e Currais em Habitação Unifamiliar  

Casa da Quinta do Rapio - Romariz

Advertisement
Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you