Page 30

na casa porque queria limpar o apartamento e levar o gato quando tivesse tudo prontinho. Enfim, chegou a hora do gato ir pro apartamento e ele sempre foi um bicho super dócil, um gato assim que não faz mal pra ninguém. Chegou no apartamento ele virou um bicho agressivo. E ninguém mais conseguia lidar com ele. Então, vamos fazer o floral pro gato! No terceiro dia o gato já foi se acalmando, já voltou a ser aquele gato tranquilo, sossegado, que só come e dorme. Valeu: E por que floral para bebês? Susan: Porque tem crianças que já vêm com alguma questão da gestação e de nascimento. Nascimento sempre é um trauma né? Então tem assim questões bem especificas de bebês né? E depois quando criança... Valeu: Nesses casos você conversa com a mãe e com o pai, para perceber o problema? Susan: Em geral a mãe, ela sabe bem o que acontece. E após essa conversa em que avaliamos os possíveis problemas defino o floral. Valeu: Agora uma questão mais prática, apenas dá consultas, em Timbó? Susan: Em Timbó, mas também tenho dado atendimento em Bombinhas, quando eu estou lá. Mas, lá eu não tenho um local específico, um consultório. Acaba por ser na minha casa. Valeu: Quando um paciente a procura, como funciona a consulta? Susan: Normalmente temos uma conversa e eu faço um questionário para tentar perceber quais os receios, os medos, aquilo que a aflige. No fundo, quais são as preocupações que a fizeram procurar-me. Em função disso, com essa informação já compilada, procuro na tabela dos florais, aquele ou aqueles que mais se adequam e que irão agir energeticamente no problema que é trazido pelo paciente. É uma fórmula com base da qual eu defino o floral que depois é preparado na farmácia de manipulação. É um frasquinho com um preparado farmacêutico que depois é tomado diariamente. Susan transmite uma calma e uma tranquilidade absolutas. Fala pausadamente, com uma voz suave que nos embala. Nada em Susan Muller faz antever a insegurança com que luta diariamente com o auxílio dos seus florais. Pelo contrário, transmite uma confiabilidade automática, quase encantatória que, imaginamos, agradará aos seus pacientes. No jardim que rodeia a casa, alguns quero-quero passeiam altivos pelo gramado, olhando-nos com sobranceria, enquanto um sabiá assobia um som celestial. Por aqui tudo parece ter encontrado o seu equilíbrio. Susan Muller atende na Rua Fritz Lorenz nº 76 – Sala 3, no Bairro Quintino e pode ser contatada através do email loysusan58@yahoo.com.br ou pelos telefones: 33827469 e 8829-4235.

30

Por João Moreira e Thyara Antonielle Demarchi

Valeu Março 2016  
Valeu Março 2016  
Advertisement