Trinova Press #8

Page 1

P

R

E

S

S

TRINOVA HOME TENDÊNCIAS DA ARQUITETURA E AUTOMAÇÃO

ENTREVISTA EXCLUSIVA

EDUCAÇÃO 5.0

MAURICIO LIMA, DIRETOR DA REVISTA VEJA, CONTA SUA TRAJETÓRIA E OS DESAFIOS PARA O JORNALISMO DE QUALIDADE.

A REVOLUÇÃO DO SISTEMA EDUCACIONAL PIRACICABA

|

AMERICANA

|

LIMEIRA

|

RIO CLARO


2


3


EVOLUIR E RENASCER

EDITORIAL @cris.trinova

O ano está acabando e percebi que conseguimos lidar com

educacional acelerada no período de isolamento. Nas pági-

aquilo que julgávamos ser maior que nós mesmos. Será que

nas a seguir você saberá muito mais sobre o ensino híbrido

foi pelo bombardeio de notícias e situações difíceis pelas

e terá a oportunidade de conhecer as inovações feitas pelas

quais nos deparamos? Acredito que não foram as dificulda-

melhores escolas de Piracicaba.

des e desafios que diminuíram, mas nós é que crescemos!

Para quem gosta de mudança, o mercado da construção ci-

A vida é um constante renascer. Temos que ser humildes e

vil está com força total. Grandes construtoras estão com lan-

aprender as lições que ela nos traz. O passado já se foi e não

çamentos incríveis de altíssimo padrão e aqui você pode ver,

devemos esquecer que o presente deve ser esplêndido e o

apreciar e escolher. Para você se inspirar e sonhar, a editoria

futuro só vai depender do movimento de cada um de nós.

TRINOVA HOME segue com lindos projetos de automação

Expert em movimento, informação e crescimento, Trinova

residencial e dos renomados arquitetos de Piracicaba.

presenteia você leitor com páginas da entrevista exclusiva

Também tenho novidades para contar. Com o objetivo de

que fizemos com “O CARA” da comunicação, Mauricio Lima,

completar as plataformas do Hub Trinova e acompanhar as

diretor de redação da Veja, falando sobre os desafios e

tendências mundiais, lancei o POD CAST 50+1.

transformações em momento de digitalização da produção

50+1 é a marca do meu tempo e vou conversar com pessoas

jornalística mundial. Há um ano ele redige mais um capítulo

de sucesso, que vão contar sobre a marca do seu tempo e

de inovação na revista de maior circulação do País. Seu ca-

das suas atitudes que contribuem para que o outro e o mun-

risma, experiência e comprometimento nos motivam ainda

do se tornem melhor. Se aprofunde com a gente nessa con-

mais a escolher o caminho da boa leitura com credibilidade.

versa e baixe o APP da Web Radio Magic Sound. É só ouvir!

Com o foco no aprendizado, agora é o melhor momento

Enfim, conteúdos especiais não terminam por aqui...

para avaliar as escolhas pedagógicas, se aprofundar sobre

Desejo a todos que a jornada de 2021 seja repleta de curas

as tendências da educação, da carreira digital e do desen-

e restaurações!

volvimento tecnológico. Especialistas de todo o mundo discutem a chamada Educação 5.0, uma revolução no sistema

Boa Trinova a todos!

Cris Teixeira

4

CEO e Editora:

Jornalista:

Fotografia:

Os anúncios e informes publicitários são

Avenida Independência, 546 – Sala 94

Cristiane Teixeira

Fernando Jacomini

Gabriel Albertini

espaços adquiridos pelos anunciantes e

Bairro Alto | Piracicaba | SP | 13419-160

diretoria@hubtrinova.com

(MTB: 89.926/SP)

Design Editorial:

seu conteúdo é de inteira responsabilidade

Telefone/WhatsApp: (19) 99375-3339

Secretária Executiva/Financeiro:

jornalismo@hubtrinova.com

Andressa Pirschner/Editora Seta

de cada um deles, cabendo à Revista

Críticas, dúvidas ou sugestões:

Talita Franco

Revisão:

TRINOVA apenas reproduzi-los nos espaços

sac@hubtrinova.com

adm@hubtrinova.com

Andréia Dorta

comercializados. A opinião de colaboradores

www.hubtrinova.com

não necessariamente é a opinião da revista.

Tiragem: 5 mil exemplares

Matérias assinadas são de responsabilidade de seus autores.



diretor de redação da revista Veja revela, em entrevista exclusiva, os desafios do jornalismo de qualidade.

MAURICIO LIMA:

18 SUMÁRIO

COLABORADORES 12. TURISMO DE CINEMA Como cenários de filmes impulsionam as visitações a locais de todo o mundo.

COLABORADORES

28. ECOSSISTEMA DAS STARTUPS Saiba como as empresas de inovação são classificadas por nome de animais.

34. TENDÊNCIAS NA EDUCAÇÃO As oportunidades tecnológicas nas mudanças do ensino.

40. CARREIRA DIGITAL Atividades profissionais que se destacam em tempos de avanço da tecnologia.

52. ENCANTOS EM DUAS RODAS

10 JOÃO FERNANDES NETO

Coordenador do programa de Pós-Graduação Lato sensu em Gestão e Produção Cultural, professor da Universidade do Estado do Amazonas na Escola Superior de Artes e Turismo e diretor geral do Centro Cultural Casarão de Ideias.

10

JULIARA FONSECA

Doutora em Estudos do Lazer pelo Programa de Pós-Graduação Interdisciplinar em Estudos do Lazer na EEFFTO/ UFMG e membro do grupo de pesquisa LUCE - Ludicidade, Cultura e Educação, EEFFTO/UFMG.

As vantagens da bicicleta e locais do mundo para pedalar.

10

58. TRINOVA HOME Inovações da arquitetura e do design.

SAMMYA CURY

Arquiteta, foi coordenadora do curso de Arquitetura e Urbanismo da Ulbra. Há quase 6 anos se estabeleceu em Paris e fez do turismo uma nova profissão, dando ênfase aos passeios com foco na história dos monumentos das principais cidades da França.

80. QR CODES Use a câmera do celular e conheça melhor os parceiros do universo Trinova.

74

GISELE MARÇAL

Profissional com formação e MBA em marketing e inovação, trabalha na área de eventos sociais e corporativos há 14 anos. Há 3 anos no Grupo Bisutti, ingressou de SP para assumir o departamento de produção do Espaço Terrá desde a inauguração do espaço.

6


27/03/2020 - 27/03/2021


VOCÊ SABE O QUE FAZ UM ASSESSOR DE INVESTIMENTOS? CONHECER MELHOR O SEU PAPEL PODE TE AJUDAR A LUCRAR Por Giulia Fantinato Durante muitos anos o brasileiro se acostumou a ter 1% de rendimento ao mês sem risco e sem esforço de saber se o dinheiro estava bem aplicado. Mas esse tempo acabou. Com o mais forte ciclo de cortes da Selic, a taxa básica de juros, o país passou a ter pela primeira vez o chamado Juros Real negativo. Ou seja, se você pegar o seu investimento que rende a Selic e subtrair o valor da inflação anual, o IPCA, verá que seu dinheiro encolheu no ano. A busca por uma maior rentabilidade e a forte queda no preço das ações por causa da pandemia de Covid-19, fizeram o número de investidores em bolsa disparar. A quantidade de CPFs ativos em 2020 passou os 2,6 milhões,

Pedro Bianchini Diretor Thera Investimentos


segundo dados da B3. Em 2018 eram apenas 800 mil. Os novos investidores foram atraídos pelas “barganhas”, ações de ótimas empresas com preços extremamente descontados. E para ajudar os investidores entram em cena os assessores de investimentos. Esse profissional vai mapear o seu perfil de investidor - que pode ser conservador, moderado e até mesmo agressivo – e te auxiliar na busca da melhor oportunidade no mercado financeiro. Independente de ser no estilo renda fixa (aquele em que o rendimento pode ser previsto de antemão durante a aplicação do capital, como o Tesouro Direto) ou renda variável (quando não há como antecipar a retribuição financeira, por exemplo as ações), o assessor te auxilia na diversificação da sua carteira buscando sempre os melhores ativos. Ele leva em conta o seu momento de vida, projetos pessoais e até liquidez, unindo o perfil e as suas informações. Pedro Bianchini, assessor de investimentos e sócio-proprietário da Thera Investimentos relata que “o mercado financeiro é muito dinâmico. Existem muitas oportunidades, porém que ocorrem de forma muito pontual e quando uma pessoa não tem a disponibilidade para procurar essas possibilidades, muitas vezes acaba ficando de fora. É nesse momento que entra o assessor de investimentos”. Esse auxílio personalizado é uma solução criativa e que otimiza tempo para quem quer investir da melhor forma possível.

Fernando Consorti Bruna Gorgone Pedro Bianchini Roberto Pires de Campos

Especializado, é o assessor de investimentos quem vai conseguir te instruir da maneira mais segura para escolher dentre tantas opções as que melhor se enquadram no seu perfil de investidor. “Ele é responsável por entender a situação da pessoa, qual é o perfil desse investidor, a tolerância ao risco e conciliar isso com o estudo do mercado para trazer as melhores oportunidades”, conta Bianchini. “Há um custo de oportunidade atrativo, uma relação de risco/retorno muito alta, e está fazendo muito sentido investir em ativos de renda variável, em ativos negociados em bolsa, principalmente”, completa Bianchini. Oportunidades existem e a presença do assessor é fundamental, para aproveitar da melhor maneira possível e de acordo com os objetivos de cada investidor, as melhores alocações. Na Thera Investimentos, empresa com mais de 12 anos de mercado, credenciada da XP Investimentos, além de contar com assessores certificados e especializados para as informações do dia a dia, o investidor tem acesso a cursos de educação financeira, além de palestras com os principais gestores dos mais renomados fundos de investimento do país. A Thera hoje esta presente em 3 das principais cidades do interior paulista: Piracicaba, Ribeirão Preto e Araraquara. Se vai investir, invista com um profissional certificado. Invista com os assessores da Thera Investimentos.

PIRACICABA

ARARAQUARA

RIBEIRÃO PRETO

Rua Tiradentes 1200 Ed. Splendor Office 12º Andar – Sala 125 CEP 13400-765 (19) 3052-4668 (19) 99867-3845

(16) 3332-9416 (16) 99226-3638

(16) 3234-1478 (16) 99239-7775

therainvestimentos.com.br


CENÁRIOS DO CINEMA NOS ROTEIROS DE VIAGEM CONHEÇA O TURISMO CINEMATOGRÁFICO E DICAS DE LOCAIS A SEREM VISITADOS.

CINEMA SETTINGS IN TRAVEL ITINERARIES GET TO KNOW CINEMATOGRAPHIC TOURISM AND TIPS ON PLACES TO VISIT.

POR GIULIA FANTINATO

10


U

ma pesquisa do Conselho Mundial de Viagens e Turismo (WTTC, na sigla em inglês) revela que o turismo

A survey by the World Travel and Tourism Council

representa 10,4% do Produto Interno

(WTTC) reveals that tourism represents 10.4%

Bruto (PIB) mundial, constituindo movimenta-

of the world's Gross Domestic Product (GDP),

ção de US$ 8,8 trilhões. Não é novidade que o

accounting for a turnover of US$ 8.8 trillion. It is

turismo impulsiona a economia, mas é curioso

not new that tourism drives the economy, but it

como isso ocorre: o cinema é um dos grandes

is curious how this occurs: cinema is one of the

responsáveis pelo fortalecimento do setor.

main responsible for strengthening the sector.

11


Ao assistir a um filme, é comum nos depararmos com lugares existentes fora das telinhas. Afinal, o cinema vai muito além de cenas feitas por meio do chroma key — a famosa tela usada no universo audiovisual para ser substituída por outra imagem. Exemplo do turismo real de cinema é a Estação King’s Cross – conhecida pelos filmes de Harry Potter – e sua plataforma 9 ¾. Diversos turistas que passeiam pela capital da Inglaterra incluem o lugar em seus roteiros. Segundo pesquisa realizada pela Argent, disponível no site da estação, 176 milhões de pessoas passam por lá anualmente. Muito disso se deve ao fato de o local ter aparecido nos filmes do bruxinho.

When watching a movie, it is common to run into real places outside the small screen. After all, cinema goes far beyond scenes made using the chroma key - the famous screen used in the audiovisual universe to be replaced by another image. An example of real cinematographic tourism is the King’s Cross Station - known for the Harry Potter films - and its 9 ¾ platform. Several tourists strolling through the capital of England include the place in their itineraries. According to research carried out by Argent, available on the station's website, 176 million people visit it annually. Much of this is due to the fact that the place appeared in the wizard's films.

12

Pintrest @mushroomstew

Pintrest @buzzfeed


MOMENTO DE ALÍVIO Com a pandemia da Covid-19, estamos impossibilitados de realizar viagens, mas esta matéria nos conduz a esses cenários por meio da imaginação, uma forma de aliviar o momento de distanciamento. A professora Juliara Fonseca afirma que “por um lado, as

PARIS

pessoas estão ficando mais tempo em casa e, por essa razão, acabam assistindo mais a filmes, séries ou tele-

Em Paris, é possível encontrar diversas locações

novelas e, consequentemente, vão criando imaginários

cinematográficas como as vistas nos filmes “Meia-

acerca de experiências que podem ser vivenciadas em

-Noite em Paris”, “O Código da Vinci” e o “O Fabuloso

determinadas localidades”.

Destino de Amélie Poulain”. Esses lugares atraem

Com a chegada de uma solução médica para o coronaví-

muitos turistas anualmente.

rus, a possibilidade de viajar volta, aos poucos, a ser uma

“É como se eles fossem os atores principais do fil-

realidade, e o turismo cinematográfico poderá ser realiza-

me da vida deles. Estão no ponto em Paris, no mo-

do. Com meses de isolamento, muito obtiveram conforto

numento onde foi gravado o filme”, conta Sammya

em produções cinematográficas. Assim, poder conhecer

Cury, guia turística em Paris e responsável pelo blog

as suas locações se torna uma experiência gratificante.

“Simplesmente Paris”. A guia ainda indica que o tour mais escolhido é o do filme “Meia-Noite em Paris”, de Woody Allen.

MOMENT OF RELIEF With the Covid-19 pandemic, we are unable to travel, but this matter leads us to these scenarios through

PARIS

imagination, a way to relieve the moment of distance.

In Paris, it is possible to find several cinematographic

Professor Juliara Fonseca states that “on the one hand,

locations such as those seen in the films “Midnight

people are spending more time at home and, for this

in Paris”, “The Da Vinci Code” and “Amélie”. These

reason, they end up watching more films, series or soap

places attract many tourists annually.

operas and, consequently, creating imagery about

“It is as if they are the main actors in the film of

experiences that can be lived in certain places".

their lives. They are at the point in Paris, at the

With the arrival of a medical solution for the coronavirus,

monument where the film was shot”, says Sammya

the possibility of traveling, little by little, becomes a

Cury, tourist guide in Paris and responsible for

reality again, and cinematographic tourism can be

the blog “Simplesmente Paris”. The guide also

carried out. With months of isolation, much of them have

indicates that the most chosen tour is that of the

been comforted in film productions. Thus, being able to

film “Midnight in Paris”, by Woody Allen.

visit these locations becomes a rewarding experience.

13


A INDÚSTRIA NORTE-AMERICANA Impossível falar de turismo cinematográfico sem citar os Estados Unidos. O país, que conta com inúmeras produções cinematográficas, naturalmente lucra com esse tipo de turismo. A cidade de Nova York recebe anualmente cerca de 65 milhões de turistas, segundo informações da NYC & Company. E dessa quantidade de visitantes anuais, muitos se espalham nas locações de filmes disponíveis na cidade. Uma das mais famosas é a confeitaria Magnolia Bakery, que se tornou um império após aparecer nos filmes "Sex and The City". Hoje, é um dos lugares no topo da lista dos visitantes e de roteiros no Youtube como “os 10 principais

Pintrest @elainen

lugares que você deve visitar se gosta de Sex and The City”. A confeitaria conta com 200 franquias ao redor do mundo. Com trilha sonora marcada pela música de Roy Orbison,

NORTH AMERICAN INDUSTRY It is impossible to talk about cinematographic tourism

“Oh, Pretty Woman”, “Uma Linda Mulher” conquistou

without mentioning the United States. The country,

uma legião de fãs desde o seu lançamento nos anos 90.

which has numerous cinematographic productions,

Consequentemente, muitos querem poder trilhar os ca-

naturally profits from this type of tourism.

minhos percorridos pelos personagens de Julia Roberts

New York City receives about 65 million tourists annually,

(Vivian Ward) e Richard Gere (Edward Lewis). O hotel em

according to information from NYC & Company. And of

que estão hospedados é o Beverly Wilshire Hotel e fica

this amount of annual visitors, many are spread out in

localizado na Wilshire Boulevard.

the movie locations available in the city.

Mas não se engane: a casa que abriga a ópera “La Travia-

One of the most famous is the Magnolia Bakery, which

ta”, assistida pelo casal improvável, é na verdade o Museu

became an empire after appearing in the "Sex and The

de História Natural do Condado de Los Angeles. Coinci-

City" films. Today, it is one of the places at the top of the

dentemente, a mesma entrada foi usada como locação

list of visitors and tours on YouTube as “the top 10 places

no filme Pearl Harbor, dessa vez para um hospital.

you should visit if you like Sex and The City”. The bakery has 200 franchises around the world. With a soundtrack marked by Roy Orbison's song, “Oh, Pretty Woman”, the film has conquered a legion of fans since its launch in the 90s. Consequently, many want to be able to walk the paths taken by the characters of Julia Roberts (Vivian Ward) and Richard Gere (Edward Lewis). The hotel they are staying at is the Beverly Wilshire Hotel and is located on Wilshire Boulevard. But make no mistake: the place that houses the opera “La Traviata”, attended by the unlikely couple, is actually the Los Angeles County Museum of Natural History. Coincidentally, the same entrance was used as a location in the film “Pearl Harbor”, this time for a hospital.

14


MOVIMENTAÇÃO DA ECONOMIA Pouco conhecido, o chamado turismo cinematográfico é responsável por mobilizar uma grande parcela da renda do turismo. Segundo dados da Visit Britain Research, um terço dos entrevistados que já visitaram o Reino Unido disse que aproveitou o momento para conhecer a locação de uma produção de TV ou de um filme. Ao pesquisar no Google, é possível encontrar diversos roteiros inspirados em filmes e até guias que se disponibilizam para realizar um tour inspirado nessas produções audiovisuais. “Em países como Estados Unidos e Nova Zelândia, o setor do turismo já criou ferramentas para se apropriar das produções audiovisuais de modo a potencializar e amplificar o efeito no turismo”, conta Juliara Fonseca, que é também doutora em Estudos do Lazer. Um desses instrumentos são os intitulados Film Commissions, que vão conduzir e ajudar produtores do meio a realizarem tais iniciativas audiovisuais em determinado território. Muitos países oferecem fundos encaminhados para essas produções. A África do Sul tem o National Film and Video Foundation (NFVF), que estimula a gravação de projetos de cinema em seu país.

ECONOMIC ACTIVITY Little known, the so-called cinematographic tourism is responsible for mobilizing a large portion of the tourism income. According to data from Visit Britain Research, a third of respondents who have already visited the United Kingdom said that they took the opportunity to visit the location of a TV production or a film. When searching Google, it is possible to find several scripts inspired by films and even guides that are available to make a tour inspired by these audiovisual productions. “In countries like the United States and New Zealand, Pintrest @oanaanghelachi

the tourism sector has already created tools to take ownership of audiovisual productions in order to potentiate and amplify the effect on tourism”, says Juliara Fonseca, who is also a PhD in Leisure Studies. One of these instruments is called Film Commissions, which will guide and help producers in the field to carry out such audiovisual initiatives in a given territory. Many countries offer funds directed towards these productions. South Africa has the National Film and Video Foundation (NFVF), which encourages the recording of film projects in the country.

Pintrest @buzzfeed

15


VANTAGENS

ADVANTAGES

O professor e mestre João Fernandes Neto, que integra o

Professor and master João Fernandes Neto, who is part

corpo docente da Universidade do Estado do Amazonas,

of the faculty of the State University of Amazonas, at the

na Escola Superior de Artes e Turismo, afirma que o turis-

School of Arts and Tourism, says that cinematographic

mo cinematográfico é de grande importância por ter redes

tourism is of great importance because it has very

muito próximas de maneiras diretas e indiretas. Diretamen-

close networks in direct and indirect ways. Directly, it

te, é possível encontrar equipes geralmente compostas

is possible to find teams usually composed of many

por muitos integrantes (de gravação, por exemplo).

members (recording, for example).

“A cadeia indireta corresponde aos serviços que serão be-

“The indirect chain corresponds to the services that will

neficiados após a vinculação desses filmes institucionais,

benefit after linking these institutional films, series and soap

séries e novelas. Pensar a geração de lucro no turismo ci-

operas. To think about generating profit in cinematographic

nematográfico é possibilitar a ampliação de emprego dire-

tourism is to enable the expansion of direct and indirect

to e indireto, potencializando a renda daquele lugar”, relata.

employment, boosting the income of that place”, he reports.

IMPACTOS DO TURISMO CINEMATOGRÁFICO FILME OU SÉRIE DE TV

LOCAÇÃO

IMPACTO EM NÚMERO DE VISITANTES OU FATURAMENTO

Coração Valente

Walacce Monument, Escócia

300% de aumento do número de visitantes depois do lançamento

Heartbeat

Goathland, North Yorkshire, Escócia

3 vezes o número médio de visitantes no ano seguinte

Amargo Pesadelo

Rayburn County, Georgia, Estados Unidos

20 mil turistas adicionais ao ano com receitas de 2 a 3 milhões de dólares

Dança com Lobos

Fort Hayes, Kansas, Estados Unidos

25% de aumento comparado com apenas 7% em média nos 4 anos anteriores

Contatos Imediatos do Terceiro Grau

Devils Tower, Wyoming, Estados Unidos

75% de aumento em 1975, 20% dos visitantes ainda hoje vem por causa do filme

Thelma e Louise

Arches National Monument em Moab, UTAH, EUA

19,1% de aumento em 1991

Campo dos Sonhos

Iowa, Estados Unidos

35.000 visitantes em 1991, crescimento estável anualmente

Seriado Dallas

Southfork Ranch, Dallas, Estados Unidos

500 mil visitantes ao ano

O Senhor dos Anéis

Nova Zelândia

10% de aumento anual entre 1998 e 2003 apenas do Reino Unido

Flores de Aço

Louisiana, Estados Unidos

48% de aumento anual depois do lançamento

O Último dos Moicanos

Chimney Rock Park, North Carolina, EUA

25% de aumento anual depois do lançamento

Adoráveis Mulheres

Orchard House, Concord, Massachusetts, EUA

65% de aumento anual depois do lançamento

Trilogia Harry Potter

Várias locações no Reino Unido

Todas as locações tiveram acréscimo de 50% ou mais

Missão Impossível 2

Parques Nacionais em Sidney, Austrália

200% de aumento em 2000

Nas Montanhas dos Gorilas

Ruanda

20% de aumento em 1998

Crocodilo Dundee

Austrália

20,5% de aumento de visitantes norte-americanos entre 1981 e 1988

A Praia

Tailândia

22% de aumento no mercado jovem em 2000

To the Manor Born

Cricket St. Thomas, Leisure Park, Inglaterra

37% de aumento entre 1978 e 1980

Middlemarch

Stamford, Lincolnshire, Inglaterra

27% de aumento em 1994

Quatro Casamentos e Um Funeral

Crown Hotel, Amersham, Inglaterra

Lotado por pelo menos 3 anos

Sua Magestade Mrs. Brown

Osborne House, Ilha de Wight, Reino Unido

25% de aumento

Um Lugar Chamado Notting Hill

Kenwood House, Inglaterra

10% de aumento em 1 mês

Em Busca do Soldado Ryan

Normandia, França

40% de aumento de turistas norte-americanos

Razão e Sensibilidade

Saltram House, Inglaterra

39% de aumento

Orgulho e Preconceito

Lyme Park em Cheshire Inglaterra

150% de aumento de visitantes

Tróia

Canakkale, Turquia

73% de aumento de turismo

O Capitão Corelli

Cefalonia, Grécia

50% de aumento em 3 anos


Suas aplicaçþes estĂŁo deixando vocĂŞ com essa cara? Volte a sorrir. Uma assessoria de conf ança pode fazer toda a diferença na hora de vocĂŞ decidir onde aplicar seus recursos, proteger e rentabilizar seu patrimĂ´nio. Somos a Acerta Investimentos. Estamos em Piracicaba. Descubra o que podemos fazer por vocĂŞ. • Pessoa FĂ­sica / JurĂ­dica • Assessoria de Investimentos 19

3375-1108

Ouvidoria XP: 0800 722 3710


MAURICIO LIMA

A

A Veja é a revista mais lida do país e completou 52 anos em 2020. Publicação semanal do Grupo Abril, o veículo se adaptou a diversas mu-

danças com o passar das décadas. No período de existência foram 12 chefes de Estado, alterações de moeda, por exemplo, mas outros fatores foram impactantes no “fazer” jornalismo profissional do veículo como a chegada da era pós-verdade (quando a opinião pública é formada mais por emoções do que por fatos), o aumento das fake news e a maior polarização política.

18


O JORNALISTA QUE REDIGE UM CAPÍTULO DE INOVAÇÃO NA REVISTA DE MAIOR CIRCULAÇÃO DO PAÍS MAURICIO LIMA, DIRETOR DE REDAÇÃO DA VEJA, REVELA EM CONVERSA EXCLUSIVA À TRINOVA OS DESAFIOS E TRANSFORMAÇÕES EM MOMENTO DE DIGITALIZAÇÃO DA PRODUÇÃO JORNALÍSTICA MUNDIAL.

POR GIULIA FANTINATO E FERNANDO JACOMINI

A história da Veja foi marcada no último ano por duas grandes transições: a compra do Grupo Abril por Fábio Carvalho e a troca da direção de redação, posição assumida por Mauricio Lima. Formado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro e com cursos em duas das dez melhores universidades do mundo (Harvard e Stanford), o jornalista de 47 anos, dos quais 19 foram vividos no Grupo Abril, carrega no portfólio o trabalho em veículos renomados como Infoglobo, Valor Econômico e Veja, entre outros cargos. Em conversa por vídeo em sua sala no Rio de Janeiro, Lima concedeu uma entrevista exclusiva para a Trinova, na qual compartilhou a rotina e relembrou momentos da carreira. O extenso currículo é somado à personalidade estrategista e assertiva do jornalista. Em meio à responsabilidade da posição,

19


seu caráter leve e bom humor do típico

dulento há anos, aumenta o seu embate

carioca, deixaram a conversa dinâmica.

e segue no jogo da checagem dos fatos,

Na prosa de quase duas horas, o líder fez

desviando de acusações dolosas, como

uma reflexão dos desafios que a comuni-

argumenta o diretor de redação. “Primeiro

cação enfrenta nos últimos anos, como a

porque a gente paga por esses erros ju-

adaptação das publicações para o meio

ridicamente e podemos ser processados.

online. Essa transição de formatos, inclusi-

E detalhe: nós ganhamos 99% dos casos.

ve, fez a Abril descontinuar diversos títulos

A gente ganha quase sempre porque nós

nos últimos dois anos. Em paralelo, a Veja,

trabalhamos com documentos”.

com suas cinco décadas de veiculação, viu a necessidade de virar a página para o

Confira, abaixo, a conversa da Trinova

novo capítulo do jornalismo, sem perder o

com o novo diretor de redação da Veja.

posicionamento com os assinantes. Em meio às diversas visões pessimistas

TRINOVA — O que te fez seguir no jorna-

para o futuro da profissão, a grande cir-

lismo?

culação da publicação impressa garante

MAURICIO LIMA — Fui presidente do grê-

a Lima ser enfático ao dizer que é otimista.

mio da minha escola e sempre gostei mui-

“Eu não acredito que a revista vai acabar.

to de política. Na verdade, era até curioso,

Tem gente que já falou isso, que ‘todo o

porque naquele tempo, com 16 anos, eu

impresso vai terminar’. O jornal pode até

era de esquerda e, agora, não sou mais. O

ser, pela questão do papel, mas a revista é

cargo era de secretário-geral porque co-

um papel mais agradável, uma experiên-

piamos a função do Partido Comunista da

cia mais agradável. Então, eu vejo a revista

União Soviética e fizemos um jornal que

durante anos e anos”, avaliou.

virou um sucesso na escola. Essa influên-

O diretor também trouxe números do di-

cia que passei a ter naquela pequena co-

gital: 40 milhões de visitantes online em

munidade me interessou ainda mais por

alguns meses. “Hoje, temos um alcance

jornalismo. Eu sempre li e comecei a ler a

muito maior do que tivemos na história. É

Veja aos dez anos e adorava. Acompanhei

muita gente”, afirmou Lima.

toda a eleição do Collor e o caso Baum-

Ao mesmo tempo do sucesso de audiên-

garten. Agora, pedi para fazer uma matéria

cia, também aumentam os discursos de

sobre as eleições municipais e me lembrei

ódio na internet, o que fica mais visível no

de uma que eu li na Veja desse período lá

processo de digitalização da Veja. Men-

atrás.

sagens ofensivas de usuários da internet

20

passam a ser disseminadas em conteú-

TRINOVA — Tem algum jornalista na fa-

dos das redes sociais da revista. Segun-

mília?

do Lima, o problema é que “as pessoas

MAURICIO LIMA — Não tinha nenhum

já têm opinião formada sobre tudo; basi-

jornalista na família. Temos engenheiros,

camente dá uma olhada no tema e já saí

basicamente, e alguns são médicos. Fui o

escrevendo coisas”. Assim, o diretor afirma

primeiro a ser jornalista e segui a profissão

que o momento é de “nova jogada” para

em função dessa experiência na escola.

a revista ter novos planos no reforço dos

Como estagiário, primeiro passei no Jornal

ideais com o público. “A credibilidade é o

do Brasil, uma publicação muito forte que

maior patrimônio que um veículo de co-

tinha no Rio de Janeiro. Logo depois surgiu

municação pode ter”, enfatizou.

o Curso Abril de Jornalismo que era feito

Além disso, com o estabelecimento das

no Brasil inteiro. Eram 1400 candidatos e

fake news em maior amplitude, a Veja, que

apenas 40 passavam. Fiz a prova e passei.

luta contra esse tipo de jornalismo frau-

Então, comecei na Veja Rio, que era um


Augusto Nunes, Dora Kramer e Ricardo Noblat

Fernando Henrique Cardoso, Policarpo Jr. e Mauricio Lima

suplemento, assim como a Veja São Paulo. Eu fazia matérias de cidades diferentes e gostava muito, mas sempre quis ir para a Veja. No primeiro ano da Veja Rio fiz 19 capas das 52, e então, o chefe da Veja, na ocasião o Mario Sergio Conti, diretor de redação na época, deu um toque em um editor e ele veio conversar comigo. Eu saí do Rio e fui para São Paulo para a Veja Nacional em 1998. Me lembro do primeiro dia, quando cheguei em um prédio na Marginal Pinheiros que tem uma antena e um heliponto e pensei “Meu Deus do céu, que loucura”. Eu não tinha dinheiro e comprei um terno azul marinho de microfibra para trabalhar. Era o básico de todos. Fui para São Paulo e minha mala não tinha nem rodinhas. Eu só usava calça jeans e fiquei no negativo no banco. E no começo era assim: a Abril pagava em dois dias, metade no meio do mês e o resto no final do mês. Eu

Jair Bolsonaro, Mauricio Lima e Policarpo Jr.

só ficava azul nesses dias, não era fácil. E trabalhando, tra-

mas logo depois, ainda com o Mino, começamos a ganhar

balhando... Eu acho graça hoje, porque a gente trabalhava

dinheiro, a mostrar que era possível e que o público bra-

até as quatro da manhã.

sileiro estava gostando daquela proposta. Depois veio o Guzzo, que consolidou essa história de uma maneira bri-

TRINOVA — A função de diretor de redação da Veja foi

lhante nesse período. Ele ficou por 14 anos. Saímos de 200

preenchida por outras seis pessoas (André Petry, Eurípe-

mil para 800 mil exemplares e introduzimos outro tipo de

des Alcântara, Tales Alvarenga, Mario Sergio Conti, José

pilar da Veja: o furo jornalístico. Foi quando começamos

Roberto Guzzo e Mino Carta). Qual é o legado que cada

fortemente com essa questão de surpreender e impor

um deles deixou?

uma agenda para o jornalismo brasileiro. O Mario Sergio

MAURICIO LIMA — O Mino tem um mérito muito grande

intensificou isso. As pessoas queriam saber o que estava na

por ser o pioneiro, o que iniciou toda a cultura Veja. O Ro-

capa da Veja porque aquilo influenciava muito fortemente

berto Civita também participava bastante. Os dois bebe-

o cenário político brasileiro. Ele aprofundou essa questão

ram muito na Time, a nossa inspiração. Ao olhar a estrutu-

do “furo” e, também, de uma cobertura internacional dife-

ra da revista, ela tinha e mantém até hoje os fact-checks

renciada. A gente tinha correspondentes em vários locais

(checagem de fatos), algo que não existia no Brasil e nos

naquele tempo. Isso porque não existia internet, não era fá-

inspiramos na forma que se fazia lá fora. A maneira como

cil como é hoje. O Mario teve momentos geniais. Ele entrou

fazíamos jornalismo era uma revisão dos fatos da semana,

para a história em um período que contribuímos demais

dando importância para aqueles que a gente julgava mais

para o impeachment do Collor. Esse é um dos marcos da

relevantes. A maneira de contar histórias foi toda trazida da

história brasileira e da nossa também. Não que a gente se

Time e eu acho que o Mino foi muito bem-sucedido na

orgulhe de impedir este ou aquele presidente, mas par-

hora de implantar esse projeto aqui no Brasil. Os primeiros

ticipamos da história e fazemos nosso trabalho. A nossa

5 anos foram difíceis em termos de resultados financeiros,

missão é fiscalizar o poder, fiscalizar todos os poderes: o

21


Executivo, o Legislativo e o Judiciário. Nesse período, fi-

o seguinte: éramos a Veja no papel, e no digital a gente

zemos o máximo possível com aquela entrevista do Pe-

parecia com os portais que existem por aí. A Veja tem que

dro Collor, que era o irmão do Fernando. O Mário tem esse

ser a Veja tanto no papel quanto no digital. Estou fazendo

mérito e buscava muito isso. Essa importância para a Veja

uma transfusão de DNA da Veja papel para a Veja digital.

nacional ele conseguiu. Depois veio o Tales Alvarenga, que

Eu promovi algo que não tinha, que foi a integração dos

já faleceu. Ele fez algo importante, que foi na diversidade

times. Quando eu cheguei, tinha um editor de internacional

de assuntos. A Veja fazia capa de educação, de saúde e vi-

para o digital e outro para o papel. Todas as editorias eram

rou referência para a classe média bem educada brasileira.

assim, com equipes separadas. O fuso horário era diferen-

A revista publicava sobre tudo o que estava acontecen-

te. Eu chegava na redação, e a equipe do digital já estava

do, as transformações, a internet e essa interiorização do

lá, mas a do papel não. Era impressionante. Até fisicamente

Brasil. O Tales era apaixonado por essa caminhada rumo

as equipes ficavam em lados diferentes e eu acabei com

ao interior. Ele achava as cidades muito grandes, inchadas,

isso. Hoje tem um editor para cada uma das editorias. Ele

importante para o agronegócio. A Veja cresceu muito no

é o responsável pelo conteúdo tanto do papel quanto do

tempo dele. Depois a gente teve mais recentemente dois

digital, porque ele precisa comandar as equipes em deter-

diretores: o Eurípedes e o André Petry. Eu acho que o Eurí-

minada direção e ter os nossos critérios. Estávamos pare-

pedes foi implacável em termos de tecnologia, porque ele

cidos com os demais, e se você é parecido com aqueles

veio dessa área e soube colocar várias matérias com anos

pelos quais as pessoas não pagam nada, por que elas vão

de antecedência sobre a transformação que nós teríamos

pagar para assinar? Não vão. Então, temos que ter a perso-

no mundo, na humanidade. Era um jornalista de ciência e

nalidade muito forte no digital. O nosso tipo de jornalismo,

tecnologia. Já falava sobre diversos fenômenos lá atrás,

os nossos critérios. O meu objetivo é fazer com que a Veja

como o Facebook. Na parte política, fomos implacáveis

seja a marca de jornalismo do Brasil de maior alto padrão.

institucionalizado. Ele lutou muito fortemente contra isso.

TRINOVA — A conclusão da compra do Grupo Abril por

O Eurípedes foi nessa briga bastante forte contra o PT, e as

Fábio Carvalho foi feita um mês antes da sua entrada na

investigações do Ministério Público depois mostraram que

posição de diretor de redação. Como foi assumir o cargo

os fatos aconteceram. O André Petry vem com outra mis-

em meio à tantas mudanças?

são, a de tentar sair dessa confusão, até porque tinha mu-

MAURICIO LIMA — Eu sonho em ser diretor de redação da

dado o governo: era o Temer. Então o André chegou com

Veja desde o primeiro dia em que pisei lá. Sempre pensei,

a missão de tentar dar mais equilíbrio para a Veja nesse

sempre sonhei, eu trabalhei para isso. Então, não me assus-

aspecto, o que acabou gerando esse tipo de comentário

tei. Não foi algo que de alguma forma me causasse pânico

“ele é de esquerda”. A Veja não é de esquerda, nunca foi.

ou temor. Eu sabia exatamente o que devia fazer, o que

Se você olhar nos nossos pilares, nós somos de direita. Mas

concordava e o que discordava da maneira como estava

hoje, por exemplo, o governo é de direita e não vou ficar

sendo feito e o que iria implementar. Então, se eu dissesse

aplaudindo o tempo todo. Eu não posso fazer isso, porque

para você “foi uma grande surpresa”, seria mentira. Era uma

não faz parte da nossa missão. Até elogiamos, várias vezes.

possibilidade que vinha trabalhando. Estava na coluna Ra-

Na Reforma da Previdência, maravilhoso. Aliás, se fizerem

dar, falava com muita gente, tinha ampliado o meu sistema

a Reforma Administrativa, eu dou uma capa. Sou absolu-

de fonte de informação, de pessoas com as quais falava.

tamente a favor. Reforma Tributária vai fazer? Genial! Au-

Eu estava muito antenado, sabia fatos da Abril antes de

mentar exportações? Genial! Vou aplaudir. Agora a missão

acontecer. Da Abril entrar em recuperação judicial, falei 6

da empresa como um todo é apontar o que está errado.

meses antes. A mulher do RH me disse que eu não poderia tomar uma atitude e eu fui logo avisando que a Abril estava

22

TRINOVA — E qual o legado que você pretende deixar?

entrando em recuperação judicial. Foi exatamente o que

MAURICIO LIMA — O principal papel que preciso desem-

aconteceu e eu sabia, porque circulava muito, falando com

penhar para o meu legado é quanto ao processo de di-

diversas pessoas. Foi uma das maiores alegrias da minha

gitalização da Veja. Acho que estávamos muito atrasados

vida quando o Fábio me escolheu, porque eu o conhecia

nisso, embora o Eurípedes tenha visto lá atrás. Na verda-

há bastante tempo. De vez em quando conversávamos e

de, andamos pouco em relação a isso. A gente tinha um

eu já tinha uma relação com ele. Trabalhei na Exame, do

problema de dupla personalidade na minha visão, que era

mesmo grupo e também fiz uma matéria sobre a Casa &

Créditos: Antonio Milena

com o PT, que havia colocado um sistema de corrupção


Créditos: Antonio Milena

O MEU OBJETIVO É FAZER COM QUE A VEJA SEJA A MARCA DE JORNALISMO DO BRASIL DE MAIOR ALTO PADRÃO.

Leandro Karnal e Mauricio Lima

Mauricio Lima e o redator-chefe Sérgio Ruiz Luz

Video em 2005. Quando o processo de compra começou, ele me falou que se concluísse, gostaria que eu estivesse no cargo e um mês antes começamos a ter conversas mais profundas sobre quais seriam essas linhas e quais seriam os pilares da nossa administração. Ele é o único que sabe, por exemplo, qual vai ser a capa da Veja antes. Eu não conto para ninguém, é só ele. E ele aprova. Nunca disse não para nenhuma na história. Somos muito alinhados, ele está muito feliz com a nossa proposta, as questões que estamos colocando, as capas e as posições que temos assumido.

23


TRINOVA — Qual é a rotina de um diretor de redação da Veja? MAURICIO LIMA — Não é fácil. Durante a semana eu vou dormir entre 22h30 e 0h e acordo entre 5h30 e 7h. Normalmente tenho que acordar cedo para ver se tem operação da polícia, como está o nosso site, as newsletters que vamos soltar. Isso no digital. Existem dias mais cheios do ponto de vista de fechamento, isso porque a revista precisa do meu acabamento. Eu diria que os piores dias são de quarta-feira para quinta-feira, e a própria quinta-feira, porque é quando acumula todo o trabalho digital com a reta final da revista. Os momentos difíceis são a sua decolagem e aterrissagem. Eu leio tudo que sai na revista, todas as matérias, todas as colunas. Não há nada que seja publicado que eu não tenha visto. No digital é diferente, porque enquanto conversamos nesse momento, existem matérias subindo. Ou seja, o meu dia é muito intenso. E ao mesmo tempo, eu faço questão de manter um con-

SE TIVER TALENTO E SE ESFORÇAR, VOCÊ É INVENCÍVEL.

tato com fontes. Hoje, por exemplo, tenho um almoço às

14h para conversar com uma pessoa que pode me contar algo importante, ou que pode me orientar sobre o sistema

TRINOVA — Quais conselhos para quem quer ser jornalistas?

econômico. O jornalista está sempre aprendendo. Embora

MAURICIO LIMA — Tem muita gente que é extremamente

a rotina seja parecida, os assuntos não são. Antes era pre-

pessimista em relação a essa carreira, mas eu não acho isso.

sencial, agora fazemos online. Toda sexta-feira tenho uma

Uma das áreas mais dinâmicas da sociedade é a comuni-

reunião com os plantonistas para dialogar anteriormente

cação. É de extremo poder. Histórias terão de ser conta-

e dar conselhos. Estou sempre cobrando quando eu acho

das sempre, por todos, por todas as empresas. Nós somos

que a home não está boa, por exemplo. A capa da Veja é

contadores de história. Sempre vai ter emprego e tem, e às

uma instituição. É algo que as pessoas prestam atenção. A

vezes até muito bem remunerado. É importante que sejam

home da Veja é isso: é uma missão, uma entrega absoluta.

histórias verdadeiras, na minha visão. Essa foi a carreira que

O tempo em que eu estiver será com essa paixão, com

eu escolhi. É História com H maiúsculo que a gente quer

esse rigor, tentando fazer a Veja repercutir em relevância e

fazer. Eu diria que quem se empenhar e for atrás, de forma

apontar os caminhos para o Brasil.

que esteja disposto a fazer algo, que é um jornalismo total, que não é só escrever. Pode ser falar, fazer um podcast. Vai

24

TRINOVA — Como enxerga o futuro da profissão?

ter espaço, vai ter carreira e vai continuar sendo muito ne-

MAURICIO LIMA — O panorama é extremamente desafia-

cessário para a sociedade. Agora, não é fácil, mas nenhuma

dor hoje. A profissão está em transformação. Você vê uma

carreira é fácil. O mercado financeiro faz mais dinheiro? Não

série de veículos que surgiram nos últimos tempos, acho até

deve ser fácil, deve trabalhar muito. Se fosse fácil, todos se-

que alguns são bons. Outros, sinceramente, não são. Mas

riam vitoriosos. É o esforço. Às vezes, você tem talento, mas

você tem uma fragmentação inócua na mensagem. Talvez

se não se esforçar, a chance de ficar pelo caminho existe.

isso até seja positivo em tese, mas hoje existem inúmeros

Aliás, se você tem alguém que não tem talento, mas essa

problemas: essa fragmentação está dando força para fake

pessoa se esforça muito, a chance dela vencer é maior do

news e para uma série de manipulações que não são po-

que dessa que só tem talento. Agora, se tiver talento e se

sitivas. Porém, o fato de você ter várias vozes é muito bom.

esforçar, você é invencível.


Fique pronto para usar

o Pix

no Sicredi.

Vem aí o Pix para trazer mais agilidade para o seu dia a dia na hora de pagar, transferir e receber dinheiro. Disponível 24 horas por dia, todos os dias da semana. O dinheiro cai na conta na hora. Seguro, prático e disponível no aplicativo Sicredi. Grátis para pessoa física.

Tá esperando o que para fazer o seu cadastro? Deixe tudo pronto para usar em 16/11. Acesse o aplicativo Sicredi > Menu > Cadastro Pix > Confirme o seu CPF/CNPJ, e-mail e celular Cadastre-se e aproveite. Saiba mais em sicredi.com.br/pix


O QUE PENSA SOBRE EMPREENDEDORISMO O DIRETOR DE UMA REDE DE SERVIÇOS FUNERÁRIOS

ÂNGELO NETO

DEFENDE TRANSPARÊNCIA COM O CLIENTE PARA UMA BOA GESTÃO.

POR FERNANDO JACOMINI

TRINOVA — Como se diferencia o marketing de uma empresa de plano funerário? ÂNGELO — Penso que todo marketing tem que ser baseado na verdade. Todas as empresas e prestadores de serviço têm por obrigação entregar algo que faça o consumidor se sentir valorizado, que ele seja surpreendido com a prestação dos serviços. O consumidor tem que receber algo além de suas expectativas. Se não for assim, não é marketing, é mentira. No nosso ramo, isso é ainda mais delicado. Lidamos com o que há de mais difícil na vida de um

C

ser humano. Acolhemos famílias em seus piores momentos, om Há 40 anos, três integrantes da família Pe-

quando perdem um ente querido. Então, não temos o direito

reira abriam uma pequena funerária para aten-

de errar. É preciso ter muita sensibilidade para entender o

der a comunidade local em Limeira. A preocu-

desejo de cada família para aquele momento e ser proativo

pação deles era a de que o serviço fosse além

sem ser invasivo. Surpreendendo mostramos que estamos

do atendimento no dia do funeral, já que havia o sofrimento

ali de fato para amparar e acolher. Nosso marketing tem

de pessoas que perdiam os entes queridos.

que expressar esse cuidado, essa sensibilidade. Para mim,

Poucos anos depois, novas unidades foram abertas na

o marketing é consequência de um trabalho bem feito, vem

região. Para o atual diretor do Grupo Bom Pastor, Ângelo

depois e não antes. Quando comecei no ramo, não se falava

Pereira Neto, o sucesso de uma empresa leva na receita

em marketing. O que melhor faz o nosso marketing é a qua-

também a transparência com o cliente e o cumprimento

lidade do nosso atendimento.

daquilo que é prometido em contrato, já que, para ele, muiÀ Trinova, o empreendedor do grupo de funerárias, que está

TRINOVA — Explique a hierarquia da empresa. ÂNGELO — Começamos como uma empresa familiar

em processo de expansão, é enfático ao dizer que o trata-

que se tornou completamente profissional. Agora, somos

mento humanizado e o “se colocar no lugar do cliente” de-

um grupo, uma sociedade anônima que tem seus acionis-

vem ser realidade em qualquer tipo de empreendedorismo.

tas, assembleias, conselhos de administração e sua direto-

Ângelo afirma ainda que a fé e a religiosidade são chaves

ria. Há também o CEO, que comanda todas as áreas como

que abrem as portas para bons resultados. Confira a con-

marketing e comercial. Profissionalizamos totalmente nos-

versa na íntegra:

sa estrutura em busca de maiores e melhores resultados.

tos negócios não são fiéis com os consumidores.

26


PERFIL DE LIDERANÇA

TRINOVA — Como você enxerga o comportamen-

orientados sobre seus direitos e benefícios, para que tanto

to do brasileiro na adesão a um plano funerário?

nós, como empresa, quanto os clientes, tenham segurança

ÂNGELO — Não posso generalizar, mas, muitas vezes, o

sobre um contrato que foi firmado mediante as melhores

brasileiro médio acaba aceitando serviços e produtos com

práticas. Além do pós-venda, temos o que chamamos de

qualidade abaixo do de se deseja. Temos muitas mentiras

“pós-funeral”. Sempre há uma conversa franca com a fa-

e promessas não cumpridas. Isso faz com que esse con-

mília enlutada, para entender se atingimos as expectativas

sumidor espere menos do que podemos e devemos fazer

nesse momento de dor. Procuramos saber se a família se

por ele. Uma pessoa, muitas vezes, compra um carro que

sentiu acolhida, amparada e se nossos profissionais foram

já vem com problemas. Isso não é bom. Em nosso negócio,

éticos. Além disso, oferecemos apoio psicológico através

é importantíssimo oferecer sempre um atendimento alta-

do nosso Instituto de Apoio ao luto, orientação jurídica

mente profissional, humanizado e compassivo. Além disso,

gratuita. Entendo que não podemos executar o serviço fu-

no nosso caso, é preciso deixar claro para a pessoa que ela

nerário e abandonar aquela pessoa ou família. Sempre é

não está adquirindo apenas um plano funerário, mas tam-

possível fazer mais e melhor. É uma busca constante pela

bém um plano que oferece benefícios, segurança e tran-

excelência.

quilidade. Acho importante que estejamos presentes na de medicamentos ou no valor de um exame médico, po-

TRINOVA — E qual a filosofia de uma boa gestão? ÂNGELO — É importantíssimo ter Deus acima e à frente

dem fazer a diferença no dia a dia dessa pessoa que confia

dessa gestão. Temos um compromisso com Ele e nossos

em nosso trabalho, melhor dizendo, em nossa missão.

associados em prestar nossos serviços com amor, solida-

vida dos nossos associados. Então, descontos na compra

riedade, humanidade e principalmente compaixão. Tenho a

TRINOVA — Como o aumento da expectativa de

certeza de que Deus capacita todos os nossos colabora-

vida dos brasileiros impacta nos serviços funerários?

dores e nos abençoa abundantemente. Isso é a verdadeira

ÂNGELO — O aumento da expectativa de vida é algo

prosperidade. A empresa tem que ser próspera nesse sen-

muito bom para nós, pois mostra que a qualidade de vida,

tido. Minha filosofia é a filosofia cristã: onde tem Deus, nada

em geral, melhorou. Foi exatamente, pensando nisso como

faltará. Isso serve para qualquer negócio. Não acredite que

já mencionei, buscamos oferecer benefícios que promo-

só porque fez uma faculdade, uma pós, vai ter sucesso. Para

vam bem estar e saúde. Como exemplo, estamos aumen-

mim há princípios que são inegociáveis. Sei o quanto Deus

tando a rede de estabelecimentos comerciais que ofere-

fez e faz por todos que me cercam dentro de nosso grupo.

cem descontos exclusivos. Nossos planos vão além dos serviços funerários.

TRINOVA — E quais os principais projetos da gestão? ÂNGELO — A expansão é um trabalho que está ocor-

TRINOVA — Um resumo da missão da empresa? ÂNGELO — Sempre tive para mim o que é fundamental em nossa missão: servir, amparar e tranquilizar as famílias que confiam em nossa empresa e em nosso trabalho. Preci-

rendo com a participação e esforço de toda a diretoria.

samos dar a melhor assistência a elas, sempre. Não adianta

A própria pandemia mostrou que as famílias ficam muito

ir ao melhor médico do mundo e ser mal atendido, porque aí

abandonadas, principalmente em grandes centros. Então,

você volta para sua casa pior ainda. O bom médico é aquele,

estamos trabalhando agora na Grande São Paulo, em várias

que antes de tudo, sabe ouvir, entender, conhecer aquela

frentes. Há planejamento para um desenvolvimento que

pessoa que está à frente dele e depois sim, fazer os exa-

envolve um grande crescimento da empresa. Projetos que

mes e receitar os medicamentos. Temos isso como parte de

demorariam 40 anos para se executar, faremos em 5, por

nossa missão também: saber ouvir, entender a real neces-

exemplo. E isso depende muito de qualidade de gestão,

sidade de uma família enlutada para agir de forma individu-

alto investimento e, principalmente, tecnologia de ponta.

alizada, personalizada, diante de cada nova situação, com amor e dedicação. Sempre levamos esses ideais aos nossos

TRINOVA — Qual é o “pós-venda” de um plano

colaboradores, para que eles possam agir assim com nos-

funerário?

sos clientes. Um termo que tem sido muito usado na Europa

ÂNGELO — Como em qualquer empresa, precisamos

e em nosso setor é: atendimento compassivo. Isso signifi-

ter processos com início, meio e fim. O pós-venda é fo-

ca empatia (se colocar no lugar daquela família), mas com

cado em saber se nossos planos foram comercializados

ação, a partir desse vínculo criado ao se colocar no lugar do

de forma correta, se o associado ou associada foram bem

outro e agir da melhor forma possível. É isso!

27


ZEBRAS, CAMELOS, DRAGÕES E UNICÓRNIOS: COMO FUNCIONA O ECOSSISTEMA DAS STARTUPS? ENTENDA O QUE DIFERENCIA CADA EMPRESA DESSE UNIVERSO DE INOVAÇÃO E SAIBA QUAIS SÃO AS MAIS VALIOSAS DO MUNDO.

POR FERNANDO JACOMINI

28


É

isso mesmo que está no título. Além

Mas antes de explicar a diferença entre os

das startups realmente serem “ani-

quatro animais, é importante definir o que é,

mais”, pela força que elas têm de

de fato, uma startup. Esse nome, cada vez

crescimento e de inovação, o universo

mais presente em assuntos que envolvem

também ganha nome de quatro bichos reais e

tecnologia e economia, define as empresas

mitológicos: Zebra, Dragões, Camelos e Uni-

que começam na incerteza e com a proposta

córnios.

de oferecer atividades inovadoras ou de melhorar negócios já existentes.

As divisões foram definidas por investidores da área e estão em alguns livros, artigos ou

Exemplos são o Google, Airbnb, Nubank e

discussões sobre startups.

QuintoAndar. Segundo a Associação Brasileira de Startups (Abstartups), o Brasil tem 12,7 startups, um crescimento de 27% em comparação a 2018. Em Piracicaba, há até incubadoras desse modelo de empresa jovem, com o objetivo de oferecer espaço e ferramentas para que elas se fortaleçam. Muitas delas são de soluções para a agricultura. Há autores que dão mais classificações às startups, como coelhos e baratas. Nesta reportagem, a Trinova lista os animais maiores e exóticos!

29


TIPOS DE STARTUPS UNICÓRNIOS Na mitologia, unicórnios estão relacionados à força. Essa categoria de startup foi definida em 2013 pela fundadora da Cowboy Ventures – empresa voltada ao apoio de empreendedores – Aileen Lee. São as companhias que injetaram mais de US$ 1 bilhão antes de abrir capital na bolsa de valores. Para a investidora, o Google foi unicórnio em 1990, e o Facebook, em 2000 (um super-unicórnio). A 99 também nasceu como uma startup unicórnio. São características desse empreendimento o investimento em tecnologia e a forte presença nas mídias sociais, a compra deles por outras empresas, o apoio à diversidade dos colaboradores e o crescimento rápido e agressivo (outra característica dos unicórnios na mitologia, por conta do chifre).

ZEBRAS

30

São empresas que buscam a obje-

com as necessidades da sociedade.

tividade e precisam viver em comu-

As

nidade para sobreviver. Elas dão o

startups zebras são o ambiente de

mesmo peso para a sustentabilidade

cooperação e a transparência com

e lucratividade, não se preocupando

os usuários. Um dos exemplos é a

com o crescimento tão rápido.

Switchboard, empresa de consulto-

O movimento Zebras Unite explica

ria que oferece uma plataforma co-

que as empresas nessa categoria

munitária para desenvolvimento de

têm visão de futuro e se preocupam

equipes e instituições.

principais

características

das


CAMELOS As startups camelos crescem de forma sustentável e podem sobreviver em situações de crise, já que têm alto poder de se adaptar a diferentes cenários econômicos. É a característica de um camelo mesmo, que consegue ficar dias vivo em um deserto, mesmo sem água. Com visão de longo prazo, prezam pela sustentabilidade e não têm pressa para altos lucros. Assim, são mais versáteis a mudanças necessárias e não dependem necessariamente de investimentos externos. Esse tipo de empresa foi definido pelo investidor Alex Lazarow.

DRAGÕES seus

investidores,

independente-

Se você acha que as startups uni-

mente do montante.

córnios são agressivas, as dragões

Na primeira definição, a Uber é um

superam e ainda são raras. Alguns

dragão. Na segunda, a Fitbit, marca

dizem que são as empresas que ar-

de pulseiras inteligentes, se tornou

recadam mais de US$ 1 bilhão em

uma startup dragão da empresa de

uma única rodada de financiamento,

capital de risco Foundry Group, com

enquanto outros consideram dra-

US$ 732 milhões rendidos com a

gões as companhias que devolvem

oferta de ações. O investimento ini-

o valor de um fundo ou mais para

cial foi de US$ 240 milhões.

31


STARTUPS MAIS VALIOSAS DO MUNDO Segundo levantamento da CB Insights, as dez startups mais valiosas do mundo na categoria unicórnio são:

1º Bytedance (China) empresa dona do TikTok

2º Didi Chuxing (China) dona da 99

3º Juul Labs (EUA) fabrica cigarros eletrônicos

4º WeWork (EUA) empresas de aluguel de escritórios compartilhados (coworking)

5º Airbnb (EUA) presta serviço de locação temporária

6º Stripe (EUA) empresa de transações online

7º SpaceX (EUA) atua com sistema aeroespacial

8º Epic Games (EUA) desenvolve jogos eletrônicos

9º Grab (Singapura) atua com transporte de passageiros e entrega de comida

10º DoorDash (EUA) entrega alimentos preparado sob demanda

32



COMO A NECESSIDADE DA EDUCAÇÃO MOVE O DESENVOLVIMENTO TECNOLÓGICO? COM SUSPENSÃO DAS AULAS PRESENCIAIS, TECNOLOGIA FOI O PRINCIPAL MEIO PARA QUE O ENSINO NÃO PARASSE.

POR FERNANDO JACOMINI

D

ois mil e vinte: ano do impulsionamento de muitas mudanças possíveis graças às ferramentas tecnológicas, entre elas, o

crescimento da educação a distância por conta da suspensão das aulas presenciais. Com isso, novas ferramentas começaram a fazer parte do dia a dia, tanto de alunos quanto de professores. Crianças e adolescentes viram um jeito totalmente novo de aprender, enquanto estudantes do ensino superior experimentaram ainda mais a modalidade de ensino a distância (EAD). Enquanto isso, os educadores participaram de uma imersão tecnológica, já que as aulas começaram a ser preparadas e apresenta-

34


das no ambiente digital. Este foi um grande desafio para muitos que nunca tinham lidado com as ferramentas. Para que os encontros continuassem ocorrendo, mesmo longe das salas de aula, houve crescimento nos downloads de programas de videoconferência como Zoom, Teams e Skype. As ferramentas foram essenciais para que o sistema educacional brasileiro não parasse. Especialistas de todo o mundo discutem a chamada Educação 5.0, uma revolução no sistema educacional acelerada no período de isolamento.

TENDÊNCIAS DA EDUCAÇÃO Empresas que desenvolvem soluções tecnológicas voltadas à educação desenvolveram novas ferramentas nos últimos meses. A edtech Sambatech, por exemplo, registrou aumento de 467% na visualização de seus vídeos entre fevereiro e junho. A empresa atua com treinamento corporativo e EAD acadêmico e livre. No período de escolas fechadas, também houve maior adesão às ferramentas de realidade aumentada, como ocorreu em algumas faculdades de medicina. Esses cursos possibilitaram aos alunos a visualização, a distância, de elementos 3D que representam partes do corpo humano. Assim, empresas especializadas em realidade aumentada também começaram a desenvolver ferramentas para serem usadas futuramente em outras áreas da educação.

35


Embora muitos especialistas de educação opinem que a adesão 100% ao digital não é viável no Brasil, eles acreditam que a tecnologia presente no ensino vai continuar evidente, mesmo após a pandemia de coronavírus. Ferramentas como o Google Classrooom, por exemplo, podem continuar ajudando na relação entre educadores e alunos.

INVESTIDORES DO SETOR ACREDITAM QUE O ENSINO HÍBRIDO (QUE MISTURA O PRESENCIAL

ENSINO HÍBRIDO

AO DIGITAL) SERÁ MAIS

Instituições de educação também apostam na produção

COMUM MESMO APÓS

de conteúdos digitais. Investidores do setor acreditam que o ensino híbrido (que mistura o presencial ao digital) será mais comum mesmo após a retomada das aulas presenciais.

A RETOMADA DAS AULAS PRESENCIAIS.

Para dar mais segurança ao registro da presença do aluno

36

na aula, há startups que implantaram soluções de reco-

E como uma das formas para tornar mais atrativo o ensino

nhecimento facial, já que apenas login e senha são fáceis

a distância, a “gamificação” ganhou espaço. O aplicativo

de serem fraudados. A IBM, uma das maiores empresas

Qrânio, aberto aos alunos e professores de escolas públi-

de tecnologia do mundo, trabalha no desenvolvimento de

cas e particulares durante a pandemia, possibilita que os

sistemas de computação “em nuvem” para preparar o sis-

pequenos aprendam sozinhos e até participem de duelos

tema educacional à Educação 5.0.

com os amigos em diversas áreas do conhecimento.


EDUCAÇÃO E DESENVOLVIMENTO HUMANO

LICEU TERRAS DO ENGENHO

TRADIÇÃO E INOVAÇÃO LADO A LADO

O

mundo em que vivemos se transforma numa velocidade muito superior ao dos sistemas educa-

cionais, à medida em que a sociedade se modifica – interdependente e interconectada. Desta forma, o papel da escola se amplia para além do conhecimento e das habilidades cognitivas. A demanda é por uma educação que contemple a construção de valores, soft skills,

Diante do cenário de isolamento social, a escola precisou

desenvolvimento de atitudes e comportamentos espe-

reinventar-se, fazendo uso de novas ferramentas tecnoló-

rados para a realidade contemporânea. Afinal, as novas

gicas, do ensino híbrido e aprendizagens remotas, o que

gerações já nasceram conectadas e com acesso a todo

se mostrava uma tendência, em pouco tempo, revelou-se

tipo de aparelhos tecnológicos, consumindo centenas de

uma necessidade. O Liceu teve atuação pontual, elabo-

informações diariamente. Esses jovens buscam ser ouvi-

rando um plano estratégico e protocolos de saúde, assim

dos, querem expressar suas opiniões e desenvolver auto-

como propiciou a interação e a comunicação entre a esco-

nomia nas suas atividades, dentro e fora da escola.

la, as famílias e alunos. No retorno às aulas, feito com se-

O Liceu, ao mesmo tempo em que acumula longa tra-

gurança e respeitando etapas bem definidas, construiu um

dição e bagagem cultural, investe numa proposta peda-

elo entre o aprendizado remoto ao presencial sem perder

gógica inovadora, que atende o currículo geral, apoiado

a excelência do ensino.

num sistema de ensino renomado, que propicia a aqui-

Sabemos que a educação não será a mesma depois dessa

sição de novas competências e habilidades exigidas no

pandemia, e o Liceu tem como desafio formar jovens com

contexto atual. Com isso, incentiva o aluno a atuar na pro-

novos conhecimentos e habilidades, que tenham um projeto

dução do conhecimento como sujeito ativo do processo

de vida para terem sucesso, serem felizes e transformarem

de aprendizagem. Isso sem perder o foco nos resultados

o mundo. Acreditamos que a aprendizagem num mundo co-

educacionais, obtendo sucesso nas aprovações dos prin-

nectado como o que vivemos precisa ser participativa, ino-

cipais vestibulares e o acesso às universidades públicas e

vadora e transformadora. Venha SER mais, vem SER Liceu.

particulares de excelência. Equipe Liceu

@

liceupiracicaba @liceu.piracicaba Av Dona Francisca, 1196 – Terras do Engenho Informações: (19) 3403.5060 www.liceu.g12.br

37


SE EDUCAÇÃO INFANTIL LICEU PLUS

ENSINO FUNDAMENTAL ENSINO MÉDIO BILÍNGUE

Leia o QRCODE e assista ao vídeo

19 3403.5060

liceu.g12.br

Av. Dona Francisca, 1196 - Terras de Engenho liceu.piracicaba liceupiracicaba


ER


POR QUE TANTO SE FALA EM

CARREIRA DIGITAL?

TRINOVA EXPLICA O CONCEITO E TRAZ EXEMPLOS DE QUAIS ÁREAS SEGUIR NESSE UNIVERSO EM CRESCIMENTO

POR FERNANDO JACOMINI

40


O

termo carreira digital é muito citado. Essas duas palavras aparecem cada vez mais em publicações do LinkedIn, nos e-mails com dicas de carreira e nas opções de cursos pagos

e gratuitos. Um levantamento da startup Quantum, que desenvolve soluções para educação, mostra que a demanda por profissionais da carreira digital está em alta, com 850 mil vagas abertas no Brasil. Os mais buscados são os especialistas de UX/UI, que cuidam da experiência do usuário e da interface que eles usam. Além disso, a demanda de gerentes de projetos e desenvolvedores também é alta, mas também há as oportunidades no marketing e nas vendas. Com o crescimento do universo digital, aumentam a competitividade entre pessoas para trabalhar no meio e a procura por especializações na área. A Trinova explica o que é uma carreira digital e traz uma lista de profissões da área e de cursos gratuitos.

CARREIRA DIGITAL O avanço das tecnologias na Quarta Revolução Industrial, como o big data, a realidade virtual e a internet das coisas, faz surgir novas demandas de produção e de trabalho, dando a oportunidade para pessoas iniciarem uma carreira, literalmente, no digital. Assim, fazer a vida profissional por meio das plataformas que não são as físicas passa a ser uma realidade no mundo. Pessoas começam a trabalhar de casa, à empreender nas plataformas digitais e a fazer delas o ambiente profissional. Mas está enganado quem pensa que carreira digital está limitada a ser um profissional da programação e do desenvolvimento de tecnologia da informação, por exemplo. Há até quem faça a carreira digital na área de vendas - os “insides sales” (profissionais de vendas internas) – para garantir que o desenvolvido no ambiente virtual tenha retorno.

41


OS MAIS BUSCADOS SÃO OS ESPECIALISTAS DE UX/UI, QUE CUIDAM DA EXPERIÊNCIA DO USUÁRIO E DA INTERFACE QUE ELES USAM.

PROFISSÕES DO DIGITAL Confira, abaixo, uma lista com algumas áreas possíveis para atuar na carreira digital mapeadas pela Quantum:

Além disso, o avanço do marketing digital está fazendo aumentar a oferta de ensino na área. A Rock Content, uma plataforma que atua em soluções de marketing e no desenvolvimento de profissionais para a área, oferece diversas opções gratuitas de cursos. Outra plataforma com materiais gratuitos é a Quantum Educacional, que disponibiliza a série “Carreiras Digitais”, que já engloba mais a área de desenvolvimento. As competências que empresas buscam de quem deseja desenvolver a carreira: “hard skills”, as técnicas e que dependem da vontade, e as “soft skills”, as comportamentais e que estão ligadas principalmente ao autoconhecimento.

Desenvolvedor Front-End – atuam na programação da interface com o usuário e recebem de R$ 1.800 a R$ 12.000. Desenvolvedor Back-End – cuidam da linguagem de áreas como banco de dados, integração de serviços e segurança. A faixa salarial é de R$ 3.700 a R$ 13.000. Desenvolvedor Full Stack – atuam tanto em Front-End quanto em Back-End e ganham de R$ 2.700 a R$ 13.000. Especialista UX – profissionais que atuam na experiência do usuário para que ele interaja com a empresa da melhor forma e ganham de R$ 3.012 a R$ 12 mil. Especialista UI – são os responsáveis de como será feita a interação entre cliente e empresa, focando no que vai atrair o usuário. O salário varia de R$ 3.012 a R$ 6.169. Desenvolvedor web e mobile – são responsáveis pela programação em diversas linguagens para plataformas de celular e web e ganham entre R$ 2.360 e R$ 6.322. Desenvolvedor de games – desenvolve jogos para diversas plataformas, e o salário vai de R$ 3.700 a R$ 10.500.

42



VIÉS INCONSCIENTE: POR QUE ELE É O INIMIGO DOS PROCESSOS DE CONTRATAÇÃO NAS EMPRESAS?

PRECONCEITO DOS RECRUTADORES E GESTORES NA HORA DE ESCOLHER OS FUNCIONÁRIOS FAZ COM QUE COMPANHIAS ADOTEM NOVOS MÉTODOS DURANTE RECRUTAMENTO E SELEÇÃO.

POR FERNANDO JACOMINI

44


N

No formato de apresentação do programa internacional The Voice, audições às cegas na primeiras etapas, quando o cantor ouve o candidato e, sem olhar para o rosto dele, tem apenas a

voz de parâmetro para avaliar o talento de quem participa da seletiva. Isso, na maioria das vezes, não ocorre no processo de contratação do funcionário em uma empresa. O cara a cara faz o recrutador ter acesso as características a mais na escolha da pessoa “ideal” para a vaga, como à aparência, a voz, o jeito da pessoa e outras questões que, em tese, não interferem na competência do profissional. Esses fatores aumentam o risco da pessoa do recursos humanos ou o gestor da vaga concorrida avaliarem de forma inadequada os candidatos. É o viés inconsciente, que diz respeito ao preconceito que atrapalha o processo de contratação, seja na quantidade de filhos, na escola X ou Y que o candidato se formou ou na orientação sexual dele. O desafio de muitas empresas nos últimos tempos é tentar amenizar essa interferência, que muitas vezes, faz com que o funcionário ideal perca a oportunidade por conta das crenças pessoais de quem faz a escolha de quem contratar.

EMPRESAS DRIBLAM VIÉS INCONSCIENTE Comandada por Luiza Helena Trajano, uma das mais influentes mulheres quando o assunto é empreendedorismo e diversidade, a Magazine Luiza abriu o processo seletivo de trainee às cegas em 2019. O objetivo foi selecionar os potenciais candidatos apenas pelo fit cultural, sem considerar o curso realizado ou as características sociais como gênero e idade. Já a plataforma de contratação Gupy, usada por grandes empresas brasileiras no processo de recrutamento e seleção, promete reduzir os impactos do viés inconsciente nas primeiras etapas do processo seletivo. É a inteligência artificial que seleciona os candidatos para a entrevista, de acordo com os testes comportamentais e de compatibili-

Vinícius Magalhães Divulgação

dade com a cultura da empresa. Na plataforma, que é desenvolvida por uma das maiores empresas para se trabalhar em 2019, segundo o “Great Place to Work”, os candidatos cadastram o currículo e respondem como reagiriam a determinada situação na empresa, por exemplo. É a etapa do “fit cultural”, que con-

45


siste em analisar se os valores, os ideias e os objetivos estão alinhados ao que a empresa precisa. E apenas é levado em consideração, mas na etapa de entrevista, é indispensável a participação de um ser humano. E para reduzir o viés inconsciente, algumas empresas optam por fazer a entrevista apenas com áudio. Assim, os gestores deixam de ser influenciados pela aparência de quem está concorrendo à vaga.

O VIÉS INCONSCIENTE TEM RELAÇÃO TANTO COM O CONSCIENTE QUANTO COM O INCONSCIENTE COLETIVO

NEUROCIÊNCIA EXPLICA FENÔMENO

46

Em 2016, a Organização das Nações Unidas (ONU) Mu-

a ontogenia. A primeira tem relação com as adaptações

lheres realizou a oficina Vieses Inconscientes, com parti-

evolutivas do cérebro há bilhões de anos e a segunda

cipação de diferentes especialistas para falar do assunto.

com a vida de cada humano.

A série de palestras debateu o porquê mulheres têm me-

Enquanto a filogenia é mais ligada ao instinto e reage, jul-

nos representatividade no mercado de trabalho e rela-

ga, opina e simplifica, a ontogenia considera, avalia, justifi-

cionou isso ao viés inconsciente, fenômeno que pode ser

ca e analisa as opções de acordo com o ambiente.

explicado pela neurociência e pela psicologia.

No ponto de vista da psicologia, Pereira explicou que o viés

O neurocientista Antônio Pereira explicou que o cérebro

inconsciente tem relação tanto com o consciente quanto

tem interação de duas forças que operam em tempos di-

com o inconsciente coletivo – as memórias e impulsos in-

ferentes, mas que dependem do ambiente: a filogenia e

conscientes arraigados na história da humanidade.


ANTENA 1, a Número 1 em Música.

SEXO

53%

47%

Masculino

Feminino

3%

CLASSE

42% 55%

QUALIFICAÇÃO DOS OUVINTES

55%

dos ouvintes da ANTENA 1, pertencem à Classe AB.

56%

dos ouvintes da ANTENA 1, pertencem ao segmento AB 25+ anos.

46%

dos ouvintes da ANTENA 1, são adultos entre 25 e 49 anos.

29%

dos ouvintes da ANTENA 1, tem instrução superior completa.

AB

C

DE

IDADE

24%

45%

22% 9%

10 a 24

25 a 39

40 a 49

50

Antena 1 Piracicaba 95.5 | Anuncie (19) 3437.2020 | comercial@antena1piracicaba.com.br


EDUCAÇÃO E DESENVOLVIMENTO HUMANO

ESCOLA DE EDUCAÇÃO INFANTIL NOSSO NINHO: PORQUE O PRIMEIRO VOO É O MAIS IMPORTANTE! VOLTA ÀS AULAS PÓS PANDEMIA

A

ssim como todas as escolas, também fomos pegas de surpresa! Quando foi decretada uma quarentena, que aparentemente duraria quinze dias, fechamos a escola, convictas de que

estaríamos de volta em poucos dias. E ficamos seis meses sem nossas crianças. De maio em diante, passamos a trabalhar com vídeos e atividades online, mas sem a presença física dos alunos na escola! Agora, estamos nesse processo de retorno presencial e isso está sendo mais um aprendizado trazido por essa pandemia. Aprendemos muito enquanto estivemos confinados e agora estamos aprendendo muito nesse novo padrão de escola. Para que essa volta fosse possível, tivemos que seguir protocolos rígidos de segurança, tanto com os adultos que trabalham na escola, como também com as crianças que retornaram. Alguns pais ainda não se sentem seguros em mandar os filhos para a escola e respeitamos essa decisão. Os que estão enviando confiam plenamente na escola e que todas as medidas para prevenir o contágio estão sendo adotadas. Nesse início de retorno, estamos focando muito mais no acolhimento dos nossos alunos do que em atividades pedagógicas. Abrimos um canal para que falem e expressem

48


o que sentiram durante o confinamento em casa e as inseguranças que possam ter sobre o que vai acontecer daqui para frente. A nossa parceria com a Escola da Inteligência do Augusto Cury tem nos ajudado muito, porque trabalha exatamente com esses aspectos emocionais que fazem parte de todo esse quadro. Fizemos também um trabalho de acolhimento das nossas professoras, que também vieram inseguras quanto a sua segurança física e emocionalmente abaladas pela quarentena. Desde o reinicio, que ocorreu no início de setembro, nossa experiência tem sido muito boa e tranquila. As crianças aceitam sem problemas todas as regras de segurança como o uso de máscaras, menos para os alunos de dois anos, o distanciamento necessário entre elas, a lavagem das mãos com frequência e de forma adequada e o mais importante, estão felizes, muito felizes com essa volta. Estavam sentindo falta dos colegas, de brincar sem uma tela na frente, brincar fisicamente, de ouvir histórias, de correr, saltar e conversar com as professoras e com os amigos do grupo. As professoras estão se sentindo cada vez mais confiantes e passam isso também para os alunos. Foi um reinicio de incertezas, mas hoje, podemos dizer que tudo está saindo muito bem. Estamos muito felizes com esse retorno e podemos dizer que, apesar das limitações impostas pelos protocolos, estamos aprendendo a conviver com uma nova escola diz Varuna Vieira Viotti Victória - diretora e pedagoga com especialização em Psicologia do Desenvolvimento da Criança.

Av. Independência, 3464, Alemães Piracicaba (19) 3434-8406 Escola de Educação Infantil Nosso Ninho

49


FANTIL DA EDUCAÇÃO IN ATÉ O 5º ANO

No Atlântico, o Programa Bilíngue contempla um currículo de carga horária ampliada desde a Educação Infantil até o 5º ano do Ensino Fundamental I, sistema que será expandido para o Ensino Fundamental II (6º, 7º, 8º e 9º anos) gradualmente. Para os alunos do Ensino Médio, oferecemos curso preparatório para o teste de proficiência para a certificação Cambridge.

O Programa Bilíngue destina-se inicialmente aos alunos da Educação Infantil e do Ensino Fundamental I (1º ao 5º anos) por meio de um currículo integrado e contextualizado para que, de forma plena e apropriada para a sua idade os alunos possam aprender com eficiência uma segunda língua, aprimorando as habilidades de fala, escrita, audição e compreensão, por meio de dinâmicas que estimulem a construção do conhecimento, contemplando projetos e vivências contextualizadas.


Aqui, o

ATLÂNTICO

BILÍNGUE

MUNDO

se traduz em

DOBRO!

TALK TO THE WORLD

ATLÂNTICO bilíngue para uma formação contínua e aprofundada Impacta no crescimento pessoal do aluno e na conquista de espaço no mercado de trabalho.

Depois de consolidar uma história de 22 anos de respeito e amor ao ensino, o COLÉGIO ATLÂNTICO avança na formação integral de seus alunos com o programa educacional bilíngue. A proposta é inovadora e molda-se à necessidade e ao perfil do novo aluno, antenado com o mundo, com a tecnologia e com o futuro.

PARCERIA:

19 3427.2014

paginacolegioatlantico

www.colegioatlantico.com.br

agenciacomunqiue.com.br

FALE COM O

conhecimento


CONHEÇA OS BENEFÍCIOS DA BICICLETA E DESBRAVE LOCAIS PERFEITOS DA AMÉRICALATINA PARA PEDALAR

POR FERNANDO JACOMINI

ANDAR DE

P

are e pense: qual foi a última vez que você andou de bicicleta? Independentemente da resposta, uma coisa é certa: o meio de transporte traz vantagens para a saúde emocional, para o bolso e para

o meio ambiente. Além de proporcionar um deslocamento mais rápido que o feito a pé, a bike não exige tanta manutenção e pode ser guardada em qualquer canto da casa. Um levantamento da Associação Brasileira do Setor de Bicicletas (Aliança Bike) revela que a venda desse meio de transporte cresceu 93% em agosto de 2020, se comparado com o mesmo período de 2019. A alta da comercialização foi puxada tanto pela procura de bicicletas de entradas, por novos ciclistas, quanto pelas de alto valor agregado.

52

BICICLETA AUMENTA A FELICIDADE E A QUALIDADE DE VIDA


53


Com consumidores buscando por hábitos mais saudáveis, por exemplo, fábricas e lojistas se adaptam para dar conta da grande procura. As vantagens não param por aí. Estudos mostram que pedalar é uma verdadeira terapia. Um deles, publicado na revista científica Elsevier, sugere que a bicicleta é o melhor transporte para quem busca qualidade de vida e felicidade. Além de ser usada para deslocamentos curtos, a bicicleta também é o instrumento que proporciona a emoção de muitos aventureiros praticantes do cicloturismo – as viagens feitas a distância com as bikes. Nesta reportagem, a Trinova traz a seguir dicas de seis cidades da América Latina – incluindo o interior paulista – obrigatórias para uma boa pedalada.

93% FOI O QUANTO CRESCEU A BIKES

54

Fotos: Getty Images

PROCURA POR


1 Quase 7% do total dos deslocamentos em Bogotá são realizados em bicicletas, mais do que em qualquer outro país da América Latina

Em Punta Del Leste, no Uruguai, uma das melhores formas de conhecer o balneário é sair pedalando pelas ruas planas da cidade

3

1. BOGOTÁ, COLÔMBIA São 540 quilômetros de ciclovias e com políticas que preveem a expansão da malha viária para bikes. Durante a pandemia de coronavírus, inclusive, o governo local aposta nesse tipo de transporte para desafogar o transporte público. A capital colombiana está entre as 20 melhores do mundo para se pedalar, segundo o Copenhagenize Index, e é a única da América Latina no ranking.

2. BUENOS AIRES, ARGENTINA As ciclovias da metrópole se expandiram em poucos anos, e a cidade criou um sistema público de compartiCom 230 km de ciclovias, capital da Argentina conta com estruturado sistema de compartilhamento de bicicletas

2

lhamento de bicicletas, o que atrai ainda mais os turistas a conhecerem o charme de Buenos Aires. Um passeio pelo centro histórico de La Boca é uma das dicas para os amantes de bike.

3. PUNTA DEL ESTE, URUGUAI Numa região em que é grande o hábito pela pedalada, o turista não precisa de tanto fôlego para andar de bicicleta. As ruas planas e calmas têm como pano de fundo paisagens e calçadões. Lá, pedestres e ciclistas se respeitam. Há até hotéis que oferecem bicicletas sem custo para os hóspedes.

55


4 São mais de 400 km de vias para ciclistas em toda grande Santiago

Os quase 10 km de ciclovias entre Copacabana e Ipanema no Rio de Janeiro garantem um agradável passeio ciclístico pelos cartõespostais da cidade

6

4. SANTIAGO, CHILE Queridinha pelos praticantes do cicloturismo, a capital chilena tem ruas planas e ciclovias em muitos locais. O trajeto entre os parques Cerro San Cristobal e o Cerro Santa Lucia é uma das dicas para se fazer em duas rodas.

5. TRIÂNGULO DAS SERRAS, SP, BRASIL Para quem gosta de pedalar em temperaturas mais baixas e de algo mais “hard”, a dica é a região do Triângulo das Serras – que compreende as cidades de São Bento do Sapucaí, Santo Antônio do Pinhal

5

e Campos do Jordão. Nesses locais, os ciclistas encontram subidas de serra (mountain bike) e paisagens de tirar o fôlego.

6. RIO DE JANEIRO, BRASIL A orla do Rio de Janeiro é um dos pontos mais queridos do Brasil para o ciclismo, prática no local que é cenário de filmes e novelas. A dica para os ciclistas é fazer o trajeto pela ciclovia que passa por locais como Leblon, Ipanema, Arpoador e Copacabana. O transporte pode ser alugado em diversos pontos da capital fluminense.

56

Fotos: Getty Images

Clima ameno da região do Triângulo das Serras em São Paulo favorece passeios ciclísticos nas trilhas e estradas.


CHEGAMOS, PIRACICABA!

Para fazer daqui a nossa nova casa. Somos a Bild e viemos para fazer história em Piracicaba junto com você. Começamos em 2007 e desde então foram mais de 7.000 unidades lançadas, sempre valorizando qualidade, agilidade e, é claro, as pessoas. Estamos aqui para criar raízes e, ao mesmo tempo, trazer a modernidade que você busca.

Venha conhecer a nossa house na avenida Carlos Botelho, 717. (19) 3052-8400


TRINOVA HOME

tendências da arquitetura e automação

58


ENERGIA FOTOVOLTAICA SOLAR Com mais de 45 anos de história, somos uma empresa especializada em ENERGIA FOTOVOLTAICA SOLAR e construção de REDES ELÉTRICAS aérea e subterrânea, com total domínio na elaboração e aprovação de projetos e execução de obras.

UMA SOLUÇÃO LIMPA, SUSTENTÁVEL E ECONÔMICA.

EMPRESARIAL, RESIDENCIAL E RURAL

95 ATÉ

DE REDUÇÃO NA CONTA DE LUZ!

O investimento tem um payback estimado entre 4 e 5 anos com uma vida útil de 25 anos.

GARANTIA DE PERFORMANCE Reembolsamos o valor da diferença de produção e ajustamos a performance do sistema, se não produzir o garantido no 1º ano.

FINANCIAMENTO EM ATÉ

120 MESES

Av. Prof. Benedito de Andrade 363 13422-000 | 19 3424.1988 comercial@bonafe.com.br Unileste | Piracicaba | SP

www.bonafe.com.br


Crafted for Humans

Conheça Kartun da nossa nova coleção desenhada na Itália e Crafted for Humans. PERCORREMOS TODOS OS CAMINHOS QUE LEVAM AO CONFORTO PARA ENCONTRAR O CONFORTO CERTO PARA CADA UM DE VOCÊS! NOS VEMOS EM: NATUZZI EDITIONS LIMEIRA Av. Saudades, 1.461 - Centro Tel.: 19 3441 7835

NATUZZIEDIT


#humancomfort natuzzieditions.com.br

IONS.COM.BR


ANDRÉ FRANCO E ADRIANA FRANCO POSLEDINK

AUTOMAÇÃO RESIDENCIAL

A

automação residencial tem evoluído muito nos últimos anos devido às constantes inovações tecnológicas, possibilitando o desenvolvimento de produtos mais “inteligentes” e robustos, que visam facilitar a vida de quem a adquire. O conceito de automação residencial consiste na utilização de uma série de equipamentos conectados a uma rede de “ethernet”, que recebem o sinal de uma matriz de comando para realizarem sua função. Tal utilização otimiza uma infinidade de atividades, das mais simples às mais complexas. Com um smartphone ou um tablet conectados à internet (wi-fi ou rede de dados 3G/4G) você transforma a sua casa em uma smart home. Entre as atividades simples e rotineiras está o controle da iluminação e climatização de todos os ambientes. Você pode agendar quando as luzes deverão ser acesas ou apagadas, controlar a sua intensidade e ajustar suas cores diretamente do seu celular.

62


TABLET PARA ACIONAMENTO E MONITORAMENTO DO SISTEMA DE AUTOMAÇÃO

Dessa forma, além da comodidade, você também economiza em sua conta de energia, pois nunca mais irá esquecer as luzes acesas. Você também pode fazer com que sua casa não pareça estar “sem ninguém” quando estiver viajando. As cortinas e persianas podem ser controladas remotamente, eliminando totalmente a necessidade de fazer isso manualmente em cada local da casa. O controle da temperatura também segue o mesmo princípio da iluminação. Imagine um dia de muito calor e você chegando em casa com a temperatura ambiente no ponto ideal para você relaxar, escutar uma boa música, ler seu livro predileto ou tomar um bom vinho. Simplesmente fantástico! Os assistentes digitais, como Alexa da Amazon, também proporcionam bastante comodidade e economia de tempo. Você pode solicitar informações sobre a previsão do tempo, as principais notícias do dia, agendar lembretes importantes, tocar suas músicas favoritas, entre outras atividades e tudo isso com um simples comando de voz.

KEYPAD PARA ACIONAMENTO FÍSICO DA AUTOMAÇÃO

CAIXAS DE SOM EMBUTIDAS NO TETO

HOME THEATER ILUMINAÇÃO, JANELA, CLIMATIZAÇÃO E ÁUDIO E VÍDEO INTEGRADO À AUTOMAÇÃO

63


A AUTOMAÇÃO, SEM DÚVIDA, FACILITA MUITO A SUA VIDA

SALA DE ESTAR TV, ILUMINAÇÃO, CLIMATIZAÇÃO E CORTINAS INTEGRADAS À AUTOMAÇÃO No quesito segurança, a automação também facilita a sua vida. Você pode ligar e desligar o sistema de segurança da sua casa diretamente do seu smartphone, a partir de qualquer lugar em que estiver. Dessa forma você elimina a necessidade de ter que ir até o painel de controle para armar ou desarmar o sistema. Detectores de fumaça e detectores de vazamento de água também podem avisar, imediatamente, assim que algo inesperado acontecer, independentemente do fato de estar perto ou longe de sua residência. Fechaduras inteligentes também facilitam sua vida. Você nunca mais vai se preocupar em lembrar se trancou a porta ao sair ou se está com a chave em mãos ao entrar em casa. Tudo isso poderá ser feito remotamente pelo seu celular. Em uma viagem, por exemplo, você pode abrir e fechar a porta para quem for necessário e ficar totalmente relaxado. Nunca mais se preocupe em ter que esconder a chave embaixo do tapete ou deixar uma cópia com alguém. As câmeras de segurança também estão mais inteligentes. Elas podem avisar assim que detectarem alguma movimentação suspeita, seja na parte exterior ou interior da casa. Além disso, você pode, por exemplo, acompanhar a movimentação na sua casa diretamente do seu celular. Isso com certeza evitará muitas “dores de cabeça” para manter você totalmente despreocupado enquanto estiver trabalhando ou viajando.

AMAZON ECHO DOT PARA ACIONAMENTO POR COMANDO DE VOZ

A automação, sem dúvida, facilita muito a sua vida, seja economizando tempo para poder se dedicar às atividades que realmente importam para você, seja proporcionando reais economias financeiras pelo uso mais inteligente e otimizado de todos os equipamentos e, principalmente, para você poder viver uma vida muito mais tranquila, sem stress ou preocupações desnecessárias.

Av. Dona Jane Conceição, 1767 - Piracicaba/SP 19 3434-6897 multimagempiracicaba

64



VALORIZAÇÃO DO AR LIVRE

N

esta edição, são explorados dois projetos que

Villa Bela Pisos e Revestimentos, enquanto todos os mó-

valorizam o ar livre das residências e o acon-

veis planejados do home e da cozinhas são da Celmar,

chego, garantindo dias sempre gostosos e es-

sendo os materiais fornecidos pela Predilecta.

paços bonitos para receber amigos e familiares.

A cozinha está na pintura laca, na cor cinza grafite, uma

Na fachada deste imóvel, há esquadrias pretas de alumí-

tendência muito forte. para completar esse visual mar-

nio da Bortoleto, com um toque diferenciado e aberturas

cante, todo mobiliário é da Nazatto Móveis, e o com-

em 90 graus, que valorizam a vista do ambiente externo.

plemento super necessário da iluminação é da Luzeiro

A escada de pedras da Mamoraria Reis é o caminho si-

Lustres.

nuoso junto ao deslumbrante paisagismo da Raizes: eles

A churrasqueira é um elemento que não pode faltar e

formam um conjunto com a escultura do painel em ma-

é equipada com Funcional Coifas e móveis de madeira

terial composto de alumínio da Poliart.

de demolição e cadeiras de corda naútica, da Design em

O piso do imóvel é da marca Portinari e fornecido pela

Junco, que dão toda a elegância para área externa.

Luzeiro Lustres 19 3422-5485 R. Benjamin Constant 730, Centro - Piracicaba/SP @luzeiro_lustres

Bortoleto Esquadrias de Alumínio 19 3421-5994 /3425-1609 R. Virgínia Prata Gregolin, 615, Pq. São Matheus – Piracicaba/SP

66

Villa Bela Pisos e Revestimentos

Design em Junco

Raízes Paisagismo

19 3411-6207 Av. Independência 1764, Alemães - Piracicaba/SP @design_em_junco_piracicaba

19 98838-3848 R. Marques de Monte Alegre, 770, Paulista – Piracicaba/SP @cibelezanforlim

Celmar/ Predilecta

Nazatto Móveis

Reis

19 3377-8371 Av. Brasil, 885, Cidade Jardim – Piracicaba/SP @predilectapiracicaba

19 3433-3536 Av. Independência, 2777, Alemães – Piracicaba/SP @nazattomóveispiracicaba

19 3456-3207 R. Ralfho Eliseo Monteiro dos Santos, 919, Distrito Ind. Catharina B. Ometto - Iracemápolis/SP @reismarmores

19 3372-8155 R. Regente Feijó, 1048, Alemães – Piracicaba/SP @villabelaacabamentos

Fotos: João Ribeiro

MILENA NAZATTO


Funcional Coifas

Poliart

19 3433-3997 Av. Independência, 1707, Alto – Piracicaba/SP @funcional_coifas

19 3424-1844 R. Capitão José Pinto Siqueira, 590, Unileste, Piracicaba/ SP

Milena Nazatto Arquitetura Rua Dr. Lula, 226, bairro Castelinho (19) 3434-3867 @milenanazattoarquitetura milenanazatto@yahoo.com.br www.milenanazatto.com.br

67


URBAN JUNGLE ALIADO À LEVEZA DO PROJETO

H

68

á 16 anos arquitetando sonhos, Kako Braga procu-

ban Jungle", mas já recorrente em seus projetos, ocupando

ra ir de encontro às expectativas de seus clientes,

sempre lugar de grande destaque, visto que este é consi-

unindo técnica e sensibilidade.

derado sua marca registrada.

Durante as fases de planejamento, desenvolvi-

Segundo Kako a boa arquitetura valoriza o conforto e se

mento e execução do projeto, Kako prioriza a presença e

integra aos moradores com facilidade. Nesse processo é

participação dos clientes, defendendo que a relação de

necessário entender que a escolha de bons parceiros e

confiança desenvolvida durante essa caminhada é respon-

fornecedores qualificados é fundamental, para minimizar

sável por uma maior satisfação ao final.

erros e obter êxito em longo prazo.

Neste projeto de 334m² no Condomínio Alphaville, foram

Os destaques nesse projeto vão para o trabalho realizado

levadas em conta todas as perspectivas da vida do casal e

pela Linear Esquadrias de Alumínio, que forneceu todas

do filho. Consideradas as necessidades operacionais do dia

as portas e janelas; para a Nobre Marmoraria com todas

a dia, os desejos e planejamentos de futuro, passando pelo

as pedras da residência e também para a Indusparquet,

gosto de sempre receber amigos e familiares, Kako buscou,

empresa líder mundial em pisos de madeira maciça, com

após longas conversas e muitas possibilidades de execução,

todo o piso do pavimento superior e o deck instalado na

delinear aquilo que melhor se ajustaria àquela realidade.

área externa.

Com iluminação e ventilação privilegiadas, aliadas à leveza

Arquitetura é a tradução daquilo que mora dentro de nós.

e amplitude do projeto, o arquiteto trouxe o jardim também

E como costuma dizer Kako em seu escritório: projetamos

para dentro da casa, conceito atualmente chamado de “Ur-

sonhos, entregamos realidade!

Indusparquet Piracicaba

Nobre Mármores e Granitos

Linear Esquadrias De Alumínio

19 3422-1066 Av. Carlos Botelho, 626 - São Dimas, Piracicaba/SP @indusparquetpiracicaba

19 2106-5858 Rua Santa Albertina, 177 - Santa Rosa Ypê Piracicaba/SP @nobremarmores

19 3371-5491 Avenida Pasteur, 176 - Areião Piracicaba/SP @linearesquadriasdealuminio

Fotos: João Ribeiro

KAKO BRAGA


Kako Braga Arquitetura e Design 19 3375-1398 R. BarĂŁo de Piracicamirim, 1548, Bairro Alto, Piracicaba/SP @kakobraga.arquitetura rua barĂŁo de piracicamirim 1548 piracicaba sp fones: 19 3375 1398 19 98118 1285

www.kakobraga.com.br

69


JUAREZ BORGES

A

70

o projetar esse espaço gourmet, o arquiteto

elegante. Outro diferencial do arquiteto foi o desenho no

Juarez Borges teve a intenção de comparti-

forro de madeira, gerando um resultado surpreendente.

lhar a piscina com todo o paisagismo ao redor,

Os parceiros para a realização deste diferenciado proje-

proporcionando um lugar prazeroso, natural,

to foram: Art Luz Piracicaba, São Geraldo Tintas e Spazio

de conforto visual, clima calmo e aconchegante aos mo-

Pisos e Revestimentos. O escritório Juarez Borges atua

radores. O projeto uniu elementos naturais como pedra

com clientes na área comercial, residencial e corporativa,

e madeira reciclada, tornando o ambiente despojado e

além de desenvolver projetos de reforma e decoração.

São Geraldo Tintas

Arte Luz Piracicaba

Spazio Pisos e Revestimentos

19 3403-9090 Av. Comendador Luciano Guidotti, 270, Higienópolis - Piracicaba/SP @saogeraldotintas

19 3422-6822 Av. Trinta e Um de Março, 1960 - Paulicéia Piracicaba/SP @arteluzpiracicaba

19 3301-0992 / 19 99761-4405 R. Santa Cruz, 262 – Alemães Piracicaba/SP @spaziopisos

Fotos: João Ribeiro

CONFORTO VISUAL E SUSTENTÁVEL


Juarez Borges Arquiteto 19 98145-6816 arqjuarezborges@yahoo.com.br @arq._juarez_borges

71


INTEGRAÇÃO COM AR LIVRE

E

ste projeto é de uma casa que foi criada para os

em linho são da Villa Rosa Decor.

prazeres da vida em família. No local, é possível

Com um design bem moderno, os móveis são na Nazatto

relaxar vendo um bom filme ou sentir a adrenalina

Móveis, e as luzes, da Luzeiro Lustres. A casa é toda auto-

de um jogo de futebol, além de balançar ao som

matizada, com equipamentos de aspiração central da Danf.

de uma cascata em um spa super aconchegante.

O home e a cozinha ganharam o charme dos planejados

A fachada recebe o paisagismo da Raízes, e volumetria

da Florense, que também complementou o efeito do teto

com movimentos únicos das colunas da linha Castelatto

em degraus. Os eletrodomésticos, como coifas, geladei-

chamado “Colonna”, fornecidas pela Spazio, que também

ras e adegas e a super churrasqueira, são da Padan Eletro.

forneceu os materiais de pisos e revestimentos.

As bancadas e soleiras ganharam pedras lindas da Art’s

Optou-se pelo uso do PVC em todas as janelas da resi-

Pedras. A piscina spa, com formato em várias possibilida-

dência, que são da Shine Windows, enquanto as cortinas

des, é da Unlimited.

Spazio Pisos e Revestimentos

Nazatto Móveis

Shine Windows

Villa Rosa Decor

19 3301-0992 R. Santa Cruz, 262 Alto Piracicaba/SP @spaziopisos

19 3433-3536 Av. Independência, 2777, Alemães – Piracicaba/SP @nazattomóveispiracicaba

19 3935-6900 Av. Vitória Rossi Martini, 100, Américan Park Empresarial NR Indaiatuba/SP @shinewindows

19 3413-4547 Av. Presidente Kennedy, 244, Nova Piracicaba, Piracicaba/SP @villarosadecor

Raízes Paisagismo

Art’s Pedras

Danf

Padan Eletro

19 98838-3848 R. Marques de Monte Alegre, 770, Paulista – Piracicaba/SP

19 3411-0448 Av. Professor Alberto Vollet Sachs, 2260, Vila Monteiro @arts.pedras

19 98750-4050 R. Visconde do Rio Branco, 149 Alto, Piracicaba/SP @danfautomacao

19 3432-3684 R. Regente Feijó, 1548, Alemães, Piracicaba/SP @padaneletro

@cibelezanforlim

72

Fotos: João Ribeiro

MILENA NAZATTO


Luzeiro Lustres

Florense

Unlimited

19 3422-5485 R. Benjamin Constant 730, Centro – Piracicaba/SP @luzeiro_lustres

19 3438-0878 R. Saldanha Marinho, 1474 Bairro AlemĂŁes - Piracicaba/SP @florensepiracicaba

19 3422 17 28 19 99609 1399 R. Santa Cruz, 830, Centro - Piracicaba/SP

Milena Nazatto Arquitetura Rua Dr. Lula, 226, bairro Castelinho (19) 3434-3867 @milenanazattoarquitetura milenanazatto@yahoo.com.br www.milenanazatto.com.br

73


CASAR EM 2021 AS TENDÊNCIAS CONVERTIDAS NO NOVO NORMAL

74


AS CELEBRAÇÕES SE MODIFICAM E ADICIONAM COSTUMES NO CAMINHO PARA O ALTAR POR GIULIA FANTINATO

Q

O FUTURO VAI SER CADA VEZ MAIS MINIMALISTA...

GISELE MARÇAL, PRODUTORA NO ESPAÇO TERRÁ

uando o assunto é casamento, existem diversas previsões, tendências e ideias. Explorar esse universo é uma aventura e não existe mapa para encontrar o tesouro, pois ele

A MÉDIA DA IDADE DOS NOIVOS SUBIU

muda de acordo com o casal.

“Hoje em dia os casamentos têm sido de pessoas mais ve-

Há quem opte pelos clássicos e quem escolha a moderni-

lhas do que jovens”, retrata Gisele. Um detalhe curioso é

dade, mas a nova tendência é personalizar.

que as pessoas se casam cada vez mais tarde. Segundo

A mistura de estilos é uma solução para os que gostam de

dados do IBGE, nos casamentos civis entre pessoas de se-

detalhes atemporais, mas que também querem mesclar com

xos diferentes, a média de idade subiu. Em 2017, os homens

o charme do contemporâneo. Por exemplo: uma noiva pode

casavam-se com aproximadamente 26,7 anos e hoje a faixa

combinar a coloração tradicional de verde e branco, peças

etária é de 30,8 anos. Já as mulheres costumavam passar

pretas e detalhes em ferro, criando um atrativo a mais na fes-

pelo matrimônio aos 23 anos e a média se alterou para 28,2.

ta. “Podemos afirmar que a nova tendência é colocar suas

A idade altera a visão de mundo e repertório, consequen-

características e criar seu próprio estilo”, conta Gisele Marçal,

temente, as ideias para o casamento também mudam

produtora no Espaço Terrá, local direcionado para comemo-

conforme a experiência de vida do casal.

rações e eventos corporativos.

Além disso, o minimalismo também tomou conta do ce-

Colocar atributos e gostos do par na celebração gera vín-

nário. Antes o marsala bombava, agora passamos para as

culo e reconhecimento. Se eles gostam muito de comida

cores pastéis e a aposta é que esse ideal continue. De

japonesa e adicionam uma ilha com as comidas típicas da

acordo com Gisele “o futuro vai ser cada vez mais minima-

cultura, mostram autenticidade e fazem com que os con-

lista. As pessoas têm buscado praticidade e conforto”.

vidados os encontrem em cada detalhe. Gisele conta que

Esse modo de vida mais prático e dinamizado está presen-

a ideia do estilo é trazer a personalidade do casal: “você

te também nas tendências da decoração. O pensamento

busca o que eles têm de característico para que, quando

hoje não é mais focado em arranjos imensos. Ao invés dis-

o convidado entre na festa, perceba a originalidade deles”.

so, o destaque vai para os detalhes marcantes.

75


PANDEMIA E NOVOS OLHARES Com a pandemia da Covid-19, a indústria casamenteira precisou de uma revolução nos quesitos distanciamento e uso de máscaras durante o contato tão próximo, neste dia especial. Um questionamento que gerou rebuliço foi quanto à gastronomia. “Vai poder, mas tem que ter um controle, lógico.

Tem que ter alguém servindo com máscara para não ter cada convidado pegando nos utensílios e passando de mão em mão”, completa Gisele. Outras instruções incluem o uso de luvas e face shield. Justamente por esse motivo algumas tendências surgiram e outras retornaram. O “finger food”, que teve uma disparada em meados de 2012, reapareceu como uma solução para a questão da alimentação. Gisele compartilha que

“quando o mercado todo fez ‘finger food’, houve uma queda porque não souberam fazer: foi um ‘finger food’ com pouca comida”. Agora, com anos de experiência e mais opções, o método faz sucesso. Além disso, o astro da pandemia, o álcool em gel, se mantém disponível nas mesas, na entrada da festa e, também, nas ilhas que tendem a crescer por conta da personalização. É comum nos questionarmos sobre o que existe no horizonte das celebrações e é notável que muitos deixaram as suas festas para o futuro, mas muitos ressignificaram o amor. “Eu

vejo que a pandemia trouxe muito à tona a questão de você celebrar. Trouxe a valorização à vida. Para a gente, o que parecia uma crise, virou uma oportunidade”, finaliza Gisele.

76




@hub.trinova

Prestigiada por autoridades, convidados, familiares e imprensa, a inauguração do novo Centro de Distribuição da Rede Drogal foi um sucesso. O espaço fica no Distrito Uninorte, em uma área de 10.200 metros quadrados. Com capacidade para 17 milhões de itens, o espaço passará a concentrar os setores de logística. Parabéns Rede Drogal, pelos 85 anos celebrados em 2020.

RICARDO, THIAGO E MARCELO CANÇADO E ROBERTO LESSA

JOSÉ CORAL, JULIANA MAZZONETTO E RICARDO CANÇADO

GILL MATTOS

LOURENÇO TAYAR, MARCOS ANDRADE E JOÃO ORLANDO PAVÃO

LEONARDO ALCARDE, ROBSON PEREIRA, FELIPE VENCESLAU, MARIANA GUIDI, ALEX CAMARGO E MARCELO POMPEU

Fotos: Paulina D´Abronzo

REDE DROGAL INAUGURA NOVO CENTRO DE DISTRIBUIÇÃO

DESCERRAMENTO DA PLACA

MÁRCIA E RODOLFO CANÇADO

CARLOS JOUSSEF E MARCELO CANÇADO

MARCELO CANÇADO, ROBERTO MORAIS E CRISTIANE TEIXEIRA

DANYELLE MARINI, CLAUDIA CARIAS, MARCOS MACHADO, RAQUEL RIZZI E DANIELA MASSON MATTIOLI


Acerta Investimentos

Antena 1

Atlântico Colégio


Bild Construtora

Espaço Terrá

Liceu

Nosso Ninho

Bom Pastor

Juarez Borges Arquitetura

Milena Nazatto Arquitetura

Odonto Secco

Bonafé

Kako Braga Arquitetura

Monte Sul

Sicoob Cocre

Ejetec

Kanzen

Multimagem

Sicred

Embraplan

Lakma

Natuzzi

Thera Investimentos

Diamante Portas e Janelas

Ivan Hellmeister Arquitetura e Interiores

Poliedro

Yorkstone


A ÚLTIMA PALAVRA É SUA!

Somos os responsáveis por tudo o que acontece em nossa volta. Acho que você já ouviu isso inúmeras vezes, não é mesmo? E realmente é nisso que acredito! Quando nos deparamos com situações que nos esforçam a mudar, como a Covid-19, as dificuldades no trabalho ou uma doença inesperada, os primeiros pensamentos que temos são o medo e a insegurança, ambos negativos, velozes, repetitivos, exaustivos e que provocam sempre a dúvida. Porém, com o passar dos dias, você precisa aceitar e seguir em frente, afinal, agora só depende de você! Aceite e preencha os seus pensamentos só com coisas boas e momentos felizes, aqueles que fazem você se sentir bem. Busque o seu equilíbrio e atraia para você coisas positivas: a felicidade, alegria, otimismo, paixão e sorrisos. Busque e faça o seu melhor. Confie nas suas decisões e no seu coração, sinta a gratidão! Todos nós estamos aqui por uma única razão! Somos seres humanos, seres adaptáveis... Então não se esqueça: “se nada mudar, invente... E quando mudar, entenda. Se ficar difícil, enfrente... E quando ficar fácil, agradeça. Se a tristeza rondar, alegre-se... E quando ficar alegre, contagie. E quando recomeçar, acredite: você pode tudo! Tudo você consegue com muito amor e pensamentos positivos!”. E aí, você acordou feliz hoje? Eu realmente espero que sim! Um beijo, com carinho, Marina

Marina Monfrinato Proprietária da Agência Trees

82


Aproveite 2020 para fechar a

data do seu grande dia! LOCALIZAÇÃO

PROJEÇÃO MAPEADA

BAR COMPLETO

DECORAÇÃO

GASTRONOMIA

SOM E ILUMINAÇÃO

(19) 3371-3500 (19) 99677-7288 CONTATO@ESPACOTERRAPIRACICABA.COM.BR AVENIDA URIEL ODAS, 93 | TERRAS DE PIRACICABA | PIRACICABA