Page 1


Guia médico

Revista Saúde Edição 26 | Junho . 2019 | Norte do Mato Grosso

Dr. Álan Vinícius G. Ósti Cardiologia Intervencionista CRM/MT 7690 | RQE 3120

Dr. Alexandre Corrêa Fernandes Ginecologista, Obstetra e Ultrassonografia CRM/MT 3882 | RQE 2430

Intercor Av. Flamboyants, 2145 - Sala 57 Jardim Paraíso - Sinop/MT 66 3532 5358 | 66 3531 8168 66 99640 0418

Clínica Otos Rua Júlio de Castilho, 197 S Centro Lucas do Rio Verde/MT 65 3548 9996 | 65 99999 6924

Dr. Andreas Nogueira Sales

Dr. Antonio Geraldo Santana Queiroz

Nefrologista CRM/MT 5706 | RQE 4155

CTR - Clínica de Tratamento Renal Av. Flamboyant, 2128 Jardim Paraíso- Sinop/MT 66 3532 2297

Cirurgia Vascular CRM/MT 9980 | RQE 4499 Cimo Pax Av. Porto Alegre, 3144, Centro Sorriso/MT 66 3545 1413 | 66 99916 2962 Clínica Premium Care Rua São João - Esquina com a Av. Brasil, Piso 1 Villa Romana Sorriso/MT 66 99900 1407

Cardiologia Intervencionista

Dr. Antonio Valderico de Morais Junior

CRM/MT 7333 | RQE 3037

Ginecologista e Obstetra

Dr. Antônio Hélio G Pozetti

CRM/MT 9635 | RQE 4214 TEGO 0044/2017 Intercor Av. Flamboyants, 2145 - Sala 57 Jardim Paraíso - Sinop/MT 66 3532 5358 | 66 3531 8168 66 99640 0418

Dra. Beatriz Costa Patz de Morais Ginecologista e Obstetra CRM/MT 9691 | RQE 4229 TEGO 0034/2016 Centro de Bem-Estar Feminino Rua Julio de Castilho, 183-S Sala B, Centro - Lucas do Rio Verde/MT 65 99957 4455 Clínica Plenitude Av. Noemia Tonello Dalmolin, 2.097 Bairro Parque Universitário - Sorriso/MT 66 3544 3673

10

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

Centro de Bem-Estar Feminino Rua Julio de Castilho, 183-S Sala B, Centro - Lucas do Rio Verde/MT 65 99957 4455

Dr. Daniel Ângelo Tartari Ortopedista e Traumatologista Cirurgião do Quadril CRM/MT 8.158 | TEOT 13.989 | RQE 3377

Hospital 13 de Maio Avenida Brasil, 2346 - Sorriso/MT 66 3212 4700 | 66 99995 2451 Clínica Santa Mônica Av. Rio Grande do Sul, 877 S Lucas do Rio Verde/MT 65 3549 5230


Guia médico

Revista Saúde Edição 26 | Junho . 2019 | Norte do Mato Grosso

Dr. Daniel Luiz Jorge

Dr. David Miarelli Leao

Cirurgia Geral - RQE 1465

Pediatria e Medicina Intensiva Pediátrica

Angiologia - RQE 1531 CRM/MT 4762

CRM/MT 9.868 | CRM/MG 38.643 RQE 4552 |RQE 4553

Sinop Clínica Rua das Hortênsias, 1439 - Str. Comercial Térreo - Sinop/MT 66 3532 0405 | 66 99991 0507

Clínica Pediatrica Dr. David Miarelli Leao Avenida Brasil 160-S - Alvorada Lucas do Rio Verde/MT 65 9 9900 3322

Dr. Diego Aguirre

Dr. Edgar Stropa Lamas

Pediatria

Cardiologista

CRM/MT 9033 | RQE 3933

CRM/MT 8768 | RQE 3819

Clínica Minghelli Rua São João, 2194 Villa Romana - Sorriso/MT 66 3544 3783 | 66 99956 6858

Av. Brasil, 2281, Sala 05, Vila Romana - Sorriso/MT 66 99929 6929 | 66 3544 3277

Dr. Fábio Cristovão da Rocha

Dr. Fábio Massahiro Chinhama

Médico

Diagnóstico por Imagem Ultrassonografia

Cirurgia Vascular - RQE 1532

CRM/MT 4862

CRM/MT 4038 | RQE 3472

Alliance Medical Center Av. Brasil, 2.174 - Centro - Sorriso/MT 66 3545 1124 66 3545 1026 | 66 99716 5552

Alliance Medical Center Av. Brasil, 2.174 - Centro - Sorriso/MT 66 3545 1124 66 3545 1026 | 66 99716 5552

Dr. Flávio Henrique Martins de Oliveira Souza

Dr. Gustavo Calais

Clínica Médica

CRM/MT 10022 RQE 4588 | RQE 4587

CRM/MT 10581 | RQE 4944

CTR - Clínica de Tratamento Renal Av. Flamboyant, 2128 Jardim Paraíso - Sinop/MT 66 3532 2297

Urologista

Hospital e Maternidade 13 de Maio Av. Brasil, Villa Romana, Sorriso/MT 66 3212 4700 | 66 99607 7552 Hospital e Maternidade Nossa Sra. de Fátima Av. Natalino João Brescansin, 851 - Centro, Sorriso/MT 66 3545 5800 Dermatologia Avançada Rua dos Amapás, 107 - Centro. Sinop/MT 66 3532 7709 | 66 99657 0340 rsaude.com.br | Junho . 2019 | Revista Saúde

11


Guia médico

Revista Saúde Edição 26 | Junho . 2019 | Norte do Mato Grosso

Dr. João F. Dantas Neto Ginecologia, Obstetrícia e Acupuntura CRM/MT 9591 RQE 4210 | RQE 4211 | TEGO 0403/2004

Clínica Minghelli Rua São João, 2194 Villa Romana - Sorriso/MT 66 3544 3783 | 66 99607 6565

Dra. Karine Trevisan Piazzetta Clínica Médica | Reumatologia CRM/MT 10572 | RQE 4950 | RQE 4951 Alliance Medical Center Av. Brasil, 2.174 - Centro - Sorriso/MT 66 3545 1124 | 66 3545 1026 66 99921 1002 Clínica SOT Avenida das Itaúbas, 1879 Jardim Paraíso - Sinop/MT 66 3532 5265 | 66 99910 9960

Dr. Leandro Augusto Minghelli Ortopedista e Traumatologista CRM/MT 3806 TEOT 7966 | RQE 10906

Dr. José Marcos Pechula Moura Otorrinolaringologista CRM/MT 4857 | RQE 13531 Clínica Otos Rua Júlio de Castilho, 197 S Centro Lucas do Rio Verde/MT 65 3549 2601 | 65 9942 1135

Dr. Lauro Maiolino Ribeiro Ortopedia e Traumatologia CRM/MT 3232 | RQE 867 Hospital 13 de Maio Av. Brasil, 2346, Vila Romana, Sorriso/MT 66 3212 4700 Alliance Medical Center Av. Brasil, 2.174 - Centro - Sorriso/MT 66 3545 1026 Oxigen Clínica Hiperbárica Rua das Aroeiras, 1433, Setor Comercial- Sinop/MT 66 3532 4180

Dr. Leonardo Vieira Costa Gastroenterologia Endoscopia Digestiva CRM/MT 9330 | RQE 4066 | RQE 4067

Clínica Minghelli Rua São João, 2194 Villa Romana - Sorriso/MT 66 3544 3783 | 66 99958 0072

Alliance Medical Center Av. Brasil, 2.174 - Centro - Sorriso/MT 66 3545 1124 66 3545 1026 | 66 99716 5552 Instituto de Cirurgia do Aparelho Digestivo (ICAD) Rua Paranapanema, 1819S, Sala 01 Lucas do Rio verde/MT 65 3548 9093 | 65 99622 3037

Dr. Luiz Afonso Dias Matos

Dr. Luiz Antônio Gubolino

Neurocirurgia e Neurorradiologia Terapêutica

Cardiologia Intervencionista CRM/MT 7373 | RQE 40176

CRM/MT 5702 | RQE 2073 | RQE 2795

Clínica Humanas Av. dos Ingas, 2247 - Sinop/MT 66 3531 7540 | 66 99620 7090

12

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

Intercor Av. Flamboyants, 2145 - Sala 57 Jardim Paraíso - Sinop/MT 66 3532 5358 | 66 3531 8168 66 99640 0418


Revista Saúde Edição 26 | Junho . 2019 | Norte do Mato Grosso

Guia médico

Dr. Luiz Augusto Silva Campos Martinelli

Dr. Luiz Gonzaga de Figueiredo Filho

Médico Oftalmologista CRM/MT 5973 | RQE 4654

Nefrologista

Centro de Especialidades Santo Antônio Av. dos Flamboyants, 2145 - Sinop/ MT 66 3517 1871 | 66 99900 9100 Vittal Centro de Saúde Rua Mato Grosso, 2409 - Sorriso/MT 66 99999 6861

CRM/MT 6180 | RQE 3211

CTR - Clínica de Tratamento Renal Rua das Orquídeas, 399 - Jardim Cuiabá 65 3023 2003 | 65 3025 7047

Dr. Luiz Guilherme Baster de Figueiredo

Dr. Luiz Philippe Baster de Figueiredo

Nefrologista

Nefrologista

CRM/MT 5552 | RQE 2022

CRM/MT 5859 | RQE 4137

CTR - Clínica de Tratamento Renal Rua das Orquídeas, 399 - Jardim Cuiabá 65 3023 2003 | 65 3025 7047

CTR - Clínica de Tratamento Renal Av. Flamboyant, 2128 Jardim Paraíso - Sinop/MT 66 3532 2297 | 66 99912 0808

Dr. Marcelo Carvalho Ribeiro Naves

Dr. Márcio Antônio dos Santos

Nefrologista

Cardiologia Intervencionista

CRM/MT 7227 | RQE 2895

CRM/MT 7334 | RQE 15041

CTR - Clínica de Tratamento Renal Av. Flamboyant, 2128 - Jardim Paraíso Sinop/MT 66 3532 2297

Intercor Av. Flamboyants, 2145 - Sala 57 Jardim Paraíso - Sinop/MT 66 3532 5358 | 66 3531 8168 66 99640 0418

Dr. Márcio José Munhoz Soares de Moraes Ortopedia e Traumatologia CRM/MT 5670 | RQE 2064

Sinop Clínica Rua das Hortências, 1439 - Sinop/MT 66 3531 6466 | 65 99656 3174 65 993195754

Dr. Marcos Adriani Debiasi Neurologista - CRM/MT 10466 | RQE 4797 Alliance Medical Center Avenida Brasil 2171 - Sala 215 Centro - Sorriso/MT 66 3545 1026 | 66 99693 6041 66 99985 1264 Saúde Fácil - Hospital N.S de Fátima Av. Natalino João Brescansin, 851- Centro Norte - Sorriso/MT 66 3545 5846 | 66 99659 3292 Otos Clínica Integrada Rua Júlio de Castilho, 197 - Centro Lucas do Rio Verde/MT 65 3549 2601 rsaude.com.br | Junho . 2019 | Revista Saúde

13


Guia médico

Revista Saúde Edição 26 | Junho . 2019 | Norte do Mato Grosso

Dr. Mássimo Caliman Gurgel

Dra. Nibsy Coromoto Vegas Rondon

Ortopedista e Traumatologista Especialista em Joelho

CRM/MT 8097 | RQE 4083

Cirurgia Geral

CRM/MT 8464 | RQE 3631

Hospital 13 de Maio Av Brasil, 2346 Vila Romana - Sorriso/MT 66 3212 4700 | 66 99909 2806

Alliance Medical Center Av. Brasil, 2.174 - Centro - Sorriso/MT 66 3545 1124 66 3545 1026 | 66 99716 5552

Dr. Pedro Henrique Paduan

Dra. Priscila Fonseca

Cirurgia do Aparelho Digestivo

Médica

CRM/MT 3353 | RQE 2203

CRM/MT 7172

Clínica IGP Rua Amapás, 79 - Sinop/MT 66 3532 1348 | 66 3532 3272

Alliance Medical Center Av. Brasil, 2174, 1° Andar Sala 108 - Sorriso/MT 66 99687 2721 | 66 3545 1909

Dr. Reinaldo Turra de Ávila

Dr. Ricardo Antônio Salvon

Ortopedista e Traumatologista Cirurgião do Ombro e Cotovelo

Clínico Geral CRM/MT 4081

CRM/MT 5039 | RQE 3305 TEOT 8663

Hospital 13 de Maio Avenida Brasil, 2346 - Sorriso/MT 66 99920 4709 | 66 3212 4709

Dra. Roberta Peixoto Pedroso Martins Nefrologista

Clínica Otos Rua Júlio de Castilho, 197 S Centro Lucas do Rio Verde/MT 65 3549 2601 | 65 99943 1074

Dr. Rodrigo Martins Cirurgia Cardiovascular CRM/MT 7299 | RQE 2931 | RQE 2932

CRM/MT 7330 | RQE 2950

CTR - Clínica de Tratamento Renal Av. Flamboyant, 2128 - Jardim Paraíso Sinop/MT 66 3532 2297

14

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

Clínica Humanas Av. dos Ingás, 2247 Jardim Maringá - Sinop/MT 66 3531 1212 | 66 99633 5999


Revista Saúde Edição 26 | Junho . 2019 | Norte do Mato Grosso

Guia médico

Dr. Rodrigo Quintino Linhares

Dra. Rosa Fani Alcara Bogado

Cardiologia

Médica do Trabalho

CRM/MT 10564 | RQE 4903

CRM 5317 | RQE 5917

Clínica Sincor Av. dos Tarumãs St. Res. Sul, Sinop/MT 66 3535 1117 | 66 3535 1118 66 99904 1117

Alliance Medical Center Av. Brasil, 2.174 - Centro - Sorriso/MT 66 3545 1124 66 3545 1026 | 66 99716 5552

Dra. Sabrina Iara de Mello

Dr. Sérgio Luis Bianchi de Sá

Ginecologista e Obstetra

Médico Radiologista

CRM/MT 6951 | RQE 4924

CRM/MT 6827 | RQE 2690

Clínica Carolina Mello Avenida Brasil, 2281 - Edifício Brasil Center, Sala 02, Vila Romana - Sorriso/MT 66 3544 6122 | 66 99969 4568 Medicfisio Avenida Romualdo Alievi, 851 Centro - Tapurah/MT 66 3547 1904

Clínica UniCeu Av. Natalino João Brescansin, 1439, Esq/ C/ Av. Blumenau - Sorriso/MT 66 3544 3729 | 66 99679 9898

Dr. Victor Albuquerque

Dr. Werner Gruttner Toews

Cirurgia Plástica

Ortopedia e Traumatologia

CRM/MT 8623 | RQE 3790

CRM/MT 3399 | RQE 7305

Espaço Milano Av. Érico Preza, 500, Jardim Itália Cuiabá/MT 65 3365 5090 | 65 99605 1985

Clínica Promater Av. Tarumãs, 976 - Sinop/MT 66 3533 2128 | 66 99680 9010 66 99985 3946

Dr. Yan Diego de Almeida Castilho Urologista CRM/MT 9993 | RQE 4538

GastroCor Rua Nonoai, 212-S Centro - Lucas do Rio Verde/MT 65 3549 4796 | 65 99908 4545 rsaude.com.br | Junho . 2019 | Revista Saúde

15


Guia de profissionais

Revista Saúde Edição 26 | Junho . 2019 | Norte do Mato Grosso

Eduarda Pereira Esteticista

ENFERMEIRA ESTETICISTA DermoLaser estética Avançada Av. Perimetral Noroeste, 3275 Vila Romana - Sorriso/MT 66 3544 0644 | 66 99677 5667

Kelli Gil Zamignan

Dra. Lile Dall Astra

Enfermeira Obstetra, Doula Consultora de Amamentação

Biomédica Esteta CRBM 3-9892

COREN-MT 360550 | RTE 035926

Clínica Plenitude Av. Noemia Tonello Dalmolin, 2097, Parque Universitário, Sorriso/MT 66 3544 3673 | 66 99912 3673

Clínica Lile Dall Astra Av. dos Tarumãs, 995 - 1° andar, Sala 13 - Jardim Botânico, Sinop/MT 66 99686 0099 | 66 3520 2812

Enf.ª Luciene da Silva Enfermaria COREN/MT 290.755

FISIOTERAPIA Clínica Minghelli Rua São João, 2194 Villa Romana - Sorriso/MT 66 3544 3783 | 66 99958 0072

Dra. Carla Dente Cachiatori

Fernanda Stefene Vital

Fisioterapeuta

CREFITO 87.505/MT

Fisioterapia

CREFITO 9/149658-F

Alliance Medical Center Avenida Brasil, 2174 Sala 226, 2° Piso - Sorriso/MT 66 3544 0210 | 66 99605 1234 16

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

REABILITAR Anexo a Clínica do Coração Rua das Amendoeiras, 267 - Centro Sinop/MT 66 3531 3480 | 66 99956 2553 66 99632 9294 | 66 99996 0865


Revista Saúde Edição 26 | Junho . 2019 | Norte do Mato Grosso

Guia de profissionais

Lahis Marques Adami da Luz

Dra. Maria Cândida da Silva

Fisioterapia

CREFITO 269180-F

Fisioterapeuta Dermatofuncional

CREFITO-9.158923-F REABILITAR Anexo a Clínica do Coração Rua das Amendoeiras, 267 - Centro Sinop/MT 66 3531 3480 | 66 99956 2553 66 99632 9294 | 66 99996 0865

Clínica Lile Dall Astra Av. dos Tarumãs, 995 - 1° andar, Sala 13 - Jardim Botânico, Sinop/MT 66 99686 0099 | 66 3520 2812

Dra. Pamela Marques Fisioterapeuta Dermatofuncional CREFITO 242478-F

FARMÁCIA FONOAUDIOLOGIA

Criolaser Rua das Primaveras, 3107 Centro - Sinop/MT 66 3015 2008 | 66 99944 8008

NUTRICIONISTA

Dra. Fabiana Eidt

Jane Marisa Acco

Nutricionista

Farmacêutica-bioquímica

CRN 4834

CRF/MT 631

Alliance Medical Center Avenida Brasil, 2174 Centro - Sorriso/MT 66 3544 0210 | 66 98128 7464

Laboratório Acco Av. Luiz Amadeu Lodi, 1195 Ed. Mirante Verde Sala 01 Centro - Sorriso/MT 66 3544 2017

Dra. Mayra Lovezutte

Fga. Melina Ribas Miotto

Nutricionista

Fonoaudióloga

CRN 1-14552

CRFa 5-9402

Clínica Lile Dall Astra Av. dos Tarumãs, 995 - 1° andar, Sala 13 - Jardim Botânico, Sinop/MT 66 99686 0099 | 66 3520 2812

Clínica Otos Rua Júlio de Castilho, 197 S Centro Lucas do Rio Verde/MT 65 3549 2651 | 65 3549 2601 65 99985 8302 | 65 99942 1135

Fga. Poliana Waltrick Krzyzanski Fonoaudióloga CRFª 5-6304-6

Pro Labore Medicina Ocupacional Av. Blumenau, 2947 - Sala 06 Centro - Sorriso/MT 66 3544 2856 | 66 99910 2856 66 99626 7128 rsaude.com.br | Junho . 2019 | Revista Saúde

17


Guia de profissionais

Revista Saúde Edição 26 | Junho . 2019 | Norte do Mato Grosso

Dr. Adenir João Biesek Cirurgião BucoMaxiloFacial e Implantodontista CRO/MT 2787

ODONTOLOGIA

CEFF Avenida Blumenau, 4280, SL. 02 Jd. Recanto dos Pássaros - Sorriso/MT 66 3544 8397 | 66 99962 8397 Alliance Medical Center Av. Brasil, 2.174 - Centro - Sorriso/MT 66 3545 1124 | 66 3545 1026 | 66 99716 5552 Clínica Ipiranga Rua das Araras, 85 - Ipiranga do Norte 66 3588 1115

Dra. Cristiane R. Rech Barbosa

Dr. Ernesto Miyamoto

Cirurgiã-Dentista

CRO/MT 2941

Implantodontia e Prótese Dentária

CRO/MT 3211 Alliance Medical Center Av. Brasil, 2.174 - Centro - Sorriso/MT 66 3545 1124 66 3545 1026 | 66 99716 5552 Centro Estético Odontológico 66 3544 9837 | 66 99958 9837

Dra. Jaqueline Moraes de Souza

Dra. Letícia Biesek

Endodontista Especialista em PNE (Pacientes Portadores Necessidades Especiais)

CRO/MT 3092

CRO/MT 5346

CEFF Avenida Blumenau, 4280, SL. 02 Jd. Recanto dos Pássaros - Sorriso/MT 66 3544 8397 | 66 99962 8397

18

Odontologia Estética Av. Curitiba, 2344, Centro, Sorriso/MT 66 3544 7222 | 66 99654 6712

Ortodontista

CEFF Avenida Blumenau, 4280, SL. 02 Jd. Recanto dos Pássaros - Sorriso/MT 66 3544 8397 | 66 99962 8397 Clínica Ipiranga Rua das Araras, 85 - Ipiranga do Norte 66 3588 1115

Dra. Patrícia Passoni

Roseli Moia

Odontopediatria

Cirurgiã Dentista

CRO/MT 5172

CRO/MT 4135

Clínica Passoni Odontologia Rua das Avencas, 1460 - St. Comercial, Sinop/MT 66 3532 3406 | 66 99690 3974

Av. Tarumas, 730 A - Sinop/MT 66 3531 0706 | 66 99613 6107

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br


Revista Saúde Edição 26 | Junho . 2019 | Norte do Mato Grosso

Guia de profissionais

Dr. Ruy Accacio Moreira

Dr. Tibério Fernando Ost

Implantodontista

Reabilitação Oral e Estética

CRO/MT 1732

CRO/MT 3445

Clínica Otos Rua Júlio de Castilho, 197 S Centro Lucas do Rio Verde/MT 65 3549 2651 | 65 99985 8302

CEFF Avenida Blumenau, 4280, SL. 02 Jd. Recanto dos Pássaros - Sorriso/MT 66 3544 8397 | 66 99962 8397 Alliance Medical Center Av. Brasil, 2.174 - Centro - Sorriso/MT 66 3545 1124 | 66 3545 1026 66 99716 5552

Dra. Veroní Salvon Bergmann

Dr. Vinícius Fernando de Jesus Melo

Cirurgiã-Dentista

Implantodontista

CRO/MT 2895

CRO/MT CD 7844

Alliance Medical Center Av. Brasil, 2.174 - Centro - Sorriso/MT 66 3545 1124 66 3545 1026 | 66 99716 5552 Centro Estético Odontológico 66 3544 9837 | 66 99958 9837

Oral Sin Av. Paraná, 392 S - Centro Lucas do Rio Verde/MT 65 3548 1700

Dra. Cintia Carla Gregory Psicologia

PSICOLOGIA

CRP/MT 02250

QUIROPRAXIA Clínica Minghelli Rua São João, 2194 Villa Romana - Sorriso/MT 66 3544 3783 | 66 99625 9467

Dra. Marilaine Barili

Raquel Marques de Souza

Quiropraxista

Psicóloga Psicoterapia; Avaliação Psicológica e Neuropsicológica e Atendimento com Metodologia ABA.

ABQ 960

CRP-18/02283 Centro de Quiropraxia Avenida João Natalino Brescansin, 2863 Sala 5 - Centro Norte - Sorriso/MT 66 3544 8569 | 66 99972 9253

Clínica Otos Rua Júlio de Castilho, 197 S Centro Lucas do Rio Verde/MT 65 99637 2560

Dr. Roger Vargas Quiropraxista ABQ 0680

Centro de Quiropraxia Avenida João Natalino Brescansin, 2863 Sala 5 - Centro Norte - Sorriso/MT 66 3544 8569 | 66 99972 9253 rsaude.com.br | Junho . 2019 | Revista Saúde

19


Índice 24

Parto humanizado não é modismo! Dra. Beatriz Costa Patz de Morais Dr. Antonio Valderico de Morais Junior

Revista Saúde Edição 26 | Junho . 2019 | Norte do Mato Grosso

52

Dores no Joelho? Entenda o que é Ligamento Cruzado Anterior (LCA) Dr. Werner Gruttner Toews

26

Ultrassom com Doppler Colorido: Quando Fazer? Dr. Sérgio Luis Bianchi de Sá

28 30

Intervenções Cardíacas Intercor

A importância do jejum nos exames de sangue Jane Marisa Acco

32 34

O que é Quiropraxia? Dr. Roger Vargas Dra. Marilaine Barili

Reconstrução de maxila através de enxertos ou substitutos ósseos

54

Dr. David Miarelli Leao

56

Como tratar os cálculos renais?

58

Manutenção preventiva

60

O ISSQN e a Sociedade Médica Uniprofissional

64

Especial Capa - Lucas do Rio Verde Oral Sin Implantes de Lucas do Rio Verde celebra um ano de muitos sorrisos e vida transformadas

24 26

Dr. Yan Diego de Almeida Castilho

Real Auto Center

Rodrigo Felix Cabral

30

32

34

48

A fisioterapia no desenvolvimento motor do prematuro Fernanda Stefene Vital Lahis Marques Adami da Luz

Dr. Adenir João Biesek

40

Retinoblastoma: Por que este tema?

66

Lifting sem cirurgia com MD Codes® Dra. Lile Dall Astra

Oral Sin

68 42

Especial Capa - Sinop Clínica de Tratamento Renal

Opção de tratamento do reganho de peso após cirurgia bariátrica Dr. Pedro Henrique A. Paduan

CTR - Clínica de Tratamento Renal

70 44 48

A criança e o medo de ir ao dentista Sedação consciente com o uso de óxido nitroso na odontopediatria Dra. Patrícia Passoni

20

88

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

Lesões musculares no membro superior

50

Dr. Márcio Moraes

Cálculo renal e o tratamento com a nefrolitotripsia flexível com laser Dr. Gustavo Calais

50

Dra. Roseli Moia

Especial Capa - Sorriso Cuidado humanizado e holístico Kelli Ariel da Silva Gil Zamignan

Cirurgia plástica gengival Uma aliada na harmonia do sorriso

91

Hospital 13 de Maio em parceria com o IC Brasil passa a oferecer tratamento de quimioterapia Hospital 13 de Maio inaugura setor de Hemodinâmica Hospital 13 de Maio

52


Editorial SEIS ANOS CONSOLIDARAM A REVISTA SAÚDE NORTE DO MATO GROSSO O tempo passa depressa. Parece ter sido ontem que iniciamos a circulação da Revista Saúde no Norte do Mato Grosso, quando estampava os nossos sonhos, acima de tudo, mas para que eles pudessem se concretizar, era preciso crucialmente do apoio e do respeito da opinião pública. Eis que hoje, seis anos após apresentarmos nosso primeiro número, comemoramos a 26ª edição com a certeza de termo-nos tornado referência em todo o Estado como a publicação mais eficiente e com o maior número de leitores. Assim, como nas demais 51 unidades Franchising do país, a marca Revista Saúde® se consolida há 15 anos de existência, desde que foi lançada em Umuarama-PR, em 2004. É extremamente satisfatório rememorar os últimos anos, redesenhando mentalmente o trajeto, iniciado com a primeira edição em circulação no final do mês de março de 2013, em Sorriso, passando a atender Lucas do Rio Verde na edição de setembro do mesmo ano. Um ano mais tarde, junho de 2014, contemplamos a cidade de Sinop no roteiro de circulação. Posteriormente, vimos a necessidade de dirigirmos a distribuição da revista em mais de 40 municípios do Mato Grosso e sul do Pará, levando mais além a pujança de nossa região. Por todos os municípios da região, em consultórios ou lojas, sempre se pode encontrar coleções de nossas revistas. Cada exemplar em circulação é lido por mais de 70 pessoas, o que nos projeta ao alcance anual de mais de 1 milhão de leitores. Como não se emocionar com números tão grandiosos? Impossível, já que eles se somam a mais de 100 mil acessos mensais em nossas plataformas digitais, uma vez que somos uma referência no Guia Saúde com portfólio completo dos profissionais. Grandioso também é o número de parceiros, os quais seriam impossíveis de citar um a um. Foram e são muitos, cada um com seu papel relevante na produção efetiva destas quase 30 edições, todas centradas em apresentar os profissionais de destaque na área da saúde, assim como matérias e conteúdos informativos sobre bem estar e qualidade de vida. Desde o nosso primeiro passo, tivemos compromisso com o cronograma de lançamento das edições, que não apresentou falha em nenhuma das edições publicadas, pois tivemos atenção e um rígido controle de qualidade, datas e prazos. Esta é uma das formas de respeitarmos a confiança em nós depositada. E como o tempo não para, comemoramos este importante momento, porém, o objetivo principal sempre é o aperfeiçoamento e evolução constante. Nesta edição, mais uma vez firmamos nosso compromisso com você leitor, amigo e colaborador, reiterando o propósito de estarmos cada vez mais próximos por meio da sua apreciação de nosso conteúdo impresso ou digital. Tenha uma boa leitura. E mais uma vez obrigado por fazer parte da nossa história.

Um abraço. Emerson do Carmo | Franqueado do Norte do Mato Grosso 22

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

Revista Saúde Edição 26 | Junho . 2019 | Norte do Mato Grosso


Expediente

Revista Saúde Edição 26 | Junho . 2019 | Norte do Mato Grosso

REVISTA TRIMESTRAL

CAPA SORRISO/MT

Junho/2019 | ANO 06 | Nº 26 | Norte do Mato Grosso

Foto Capa Silvana Gotardo Foto Revelação 66 3544 2299

Editora Lopes e Rampani Ltda - CNPJ 07.986.256/0001-69 Franquia do Norte do Mato Grosso - Emerson Jf. Carmo - ME - CNPJ 22.043.612/0001-02 ESCRITÓRIOS Umuarama (sede): Rua Paulo Pedrosa de Alencar, 4291 - Ed. Manhattan Garden - CEP: 87501-270 | Centro | Tel.: 44 3622-8270 e-mail: revistasaude@sempresaude.com.br - Norte do Mato Grosso: Avenida Brasil, 2407 - Vila Romana - Sorriso/MT CEP: 78890-000 | Tel.: 66-9-99942442 | 66-9-9954-2442 - e-mail: rampani@sempresaude.com.br COLABORADORES LAYOUT E DIAGRAMAÇÃO: Alison Henrique, André Silva, Bruno Assunção, Dyego Bortoli, Jean Carlos, Marcio Garcia, Thiago Mantovani CORREÇÃO ORTOGRÁFICA: Professora Tallis Oliveira F Resende e Professora Maria de Fátima dos Santos FOTOGRAFIAS: Silvana Gotardo - Foto Revelação - Tabata Larissa Sinophoto Sinop - Lu Foto Revelação Juara - Marcos Bassegio Mari Bassegio Criativa Studio - Antônio Filho - Camila Sole - Gilson Costarelli - Mellissa Rocha - Welliton Barbosa - Raphael Moraes Léo Matsuda - Anderson Bosio - Paulo Ricardo - Luís Campigotto - Orlando Albuquerque - Wellington Mundim - EM Fotografias Givanildo Silva - Vander Gomes - Anderson Rodrigues Silva - Edu Gomes - Rosana Nova Color JORNALISTA RESPONSÁVEL: Caio Henrique dos Santos Rosa - 0011175/PR CIRCULAÇÃO: Norte, Nordeste do Mato Grosso e Sul do Pará

SINOP/MT Foto Capa Raphael Moraes 65 99293 0068

FRANQUIAS

CAPA LUCAS DO RIO VERDE/MT Foto Capa Vander e Edu Gomes 65 99639 3391

Apucarana/Arapongas-PR - Leandro Henrique | Paula Renatha Pontim - comercial@sempresaude.com.br - 43. 99611-5553 | 43. 99611-5563 - Araçatuba/Bauru-SP - Anderson Hernandes | Carol Lopes - aracatuba@sempresaude.com.br - 18. 99740-2777 | 18. 99813-7777 - Boa Vista-RR - Julio Graziani Carlos - boavista@sempresaude.com.br - 95. 99169-4071 - Campina Grande-PB - Everton Barros | Victor Lima - campinagrande@sempresaude.com.br - 83. 99988-0372 | 83. 99988-0429 - Campo Mourão-PR - Rafael Morimoto - rafael@sempresaude.com.br 44. 99911-8081 | 44. 98811-6206 - Chapecó-SC - Fábio Bortolone - chapeco@sempresaude.com.br - 49. 99916-5719 - Cianorte-PR - Paulo Paixão | Andreia Gabriel - cianorte@sempresaude.com.br - 44. 99922-0310 | 44. 3346-4050 - Criciúma-SC - José Carlos Junqueira Alvarenga | Sandra Alvarenga - criciuma@sempresaude.com.br - 48. 99912-5253 | 48. 99914-0810 - Cuiabá-MT - Márcio Costa - cuiaba@sempresaude. com.br - 66. 99683-1899 - Florianópolis-SC - Paulo Victor Frasson Cordeiro - floripa@sempresaude.com.br - 48. 99133-3334 | 48. 996105357 - Foz do Iguaçu -PR - Rosana Segovia - rosana@sempresaude.com.br - 45. 99991-2500 - Goiânia-GO - Tiago de Souza Brito | Josiane Vicentim - goiania@sempresaude.com.br - 62. 99649-2036 | 62. 98326-2003 - João Pessoa-PB - José Adriano Danhoni Neves | Ednéia Tenório - joaopessoa@sempresaude.com.br - 83. 98750-7070 | 83. 98812-7080 - Joinville-SC - Ana Paula de Campos | Bruno Bellio - joinville@ sempresaude.com.br - 47. 99930-6364 | 47. 99930-7637 - Londrina-PR - Leandro Henrique | Paula Renatha Pontim - londrina@sempresaude. com.br - 43. 99611-5553 | 43. 99611-5563 - Macaé/Rio das Ostras-RJ - Andreia Garcia | Paulo Cesar Ceranto - macae@sempresaude.com. br - 22. 98847-5455 | 22. 98842-9166 - Maringá-PR - Paulo Paixão | Andreia Gabriel - paulopaixao@sempresaude.com.br - 44. 99922-0310 | 44. 3346-4050 - Natal-RN - Dirceu Filho - natal@sempresaude.com.br - 83. 98788-7070 - Palmas/Araguaína-TO - Fábio Lima - palmas@ sempresaude.com.br - 63. 98503-9960 | 44. 99829-0245 - Paranavaí-PR - Paulo Paixão | Andreia Gabriel - paranavai@sempresaude.com.br - 44. 99922-0310 | 44. 3346-4050 - Ponta Grossa-PR - Sérgio Oliveira | Mara Megda - pontagrossa@sempresaude.com.br - 42. 99987-8180 | 42. 98418-1290 - Porto Velho-RO - Arthur Marandola - portovelho@sempresaude.com.br - 69. 99366-1466 | 69. 99366-1470 - Ribeirão Preto-SP - Eduardo Borges - ribeirao@sempresaude.com.br - 16. 99711-7770 - Rio Verde-GO - Marcelo Piai | Verônica Venâncio - rioverde@ sempresaude.com.br - 64. 99625-8105 | 64. 99625-8305 - Rondonópolis-MT - Marcio Costa | Fernanda Lima - rondonopolis@sempresaude. com.br - 66. 99683-1899 | 66. 98139-7824 - São José dos Campos-SP - Marcelo Piai | Verônica Venâncio - sjcampos@sempresaude.com. br - 12. 99625.8005 | 12. 99625-1005 - São José do Rio Preto-SP - Renato Dias Renovato | Kelly Renovato - riopreto@sempresaude.com. br - 17. 99669-1700 | 17. 99669-7771 - Sinop/Sorriso/Lucas do Rio Verde-MT - Emerson do Carmo | Luiz Carlos Rampani - rampani@ sempresaude.com.br - 66. 99994-2442 | 66. 99659-7210 - Uberlândia-MG - Wander Marcio Rosada - uberlandia@sempresaude.com.br - 34. 99990-2479 | 34. 99967-1225 - Umuarama-PR - Ueslei Rampani | Marcelo Adriano - revistasaude@sempresaude.com.br - 44. 98407-0698 | 44. 99941-9930 | 44. 3622-8270

DIREÇÃO GERAL

Marcelo Adriano Lopes da Silva

FRANQUEADOS DESTA UNIDADE

Ueslei Dias Rampani

Luiz Carlos Rampani

Emerson do Carmo

ENTRE EM CONTATO PARA MATÉRIAS E ANÚNCIOS Você também pode ler esta edição pelo aplicativo: REVISTA SAÚDE OFICIAL

Emerson do Carmo: 66 99994-2442 rampani@sempresaude.com.br

www.rsaude.com.br

Revista.Saúde.MT

@revistasaude_nortemt

rsaude.com.br | Junho . 2019 | Revista Saúde

23


Parto humanizado não é modismo! Humanização, segundo os dicionários, diz respeito ao ato ou efeito de tornar mais sociável, gentil ou amável. DRA. BEATRIZ COSTA PATZ DE MORAIS GINECOLOGISTA E OBSTETRA CRM/MT 9691 | RQE 4229 TEGO 0034/2016 • Graduação em Medicina pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) / Escola Paulista de Medicina (EPM), em 2012, onde também fez residência médica em Ginecologia e Obstetrícia, de 2013 a 2016. • Especialista em Medicina Fetal e Obstetrícia de Alto Risco pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) / Escola Paulista de Medicina (EPM), onde concluiu nova residência médica em 2017. • Possui Título de Especialista em Ginecologia e Obstetrícia (TEGO) pela Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (FEBRASGO). • Obteve Título de Mestrado pelo Departamento de Obstetrícia da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) / Escola Paulista de Medicina (EPM), quando defendeu sua tese em 2017.

DR. ANTONIO VALDERICO DE MORAIS JUNIOR GINECOLOGISTA E OBSTETRA CRM/MT 9635 | RQE 4214 TEGO 0044/2017 • Graduação em Medicina pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP) / Escola Paulista de Medicina (EPM), em 2012, onde também fez residência médica em Ginecologia e Obstetrícia, de 2013 a 2016. • Especialista em Oncologia Ginecológica pela Universidade de São Paulo (USP), onde concluiu nova residência médica em 2017. • Possui Título de Especialista em Ginecologia e Obstetrícia (TEGO) pela Federação Brasileira das Associações de Ginecologia e Obstetrícia (FEBRASGO).

24

Esse termo vem causando uma série de polêmicas uma vez que, à primeira vista, possa parecer um termo um tanto quanto redundante, já que toda assistência em saúde é realizada por seres humanos e para seres humanos. No entanto, a introdução do termo “humanizar”, tem um sentido mais profundo, no qual se objetiva dar mais valor aos aspectos emocionais, humanos, culturais, sociais e espirituais envolvidos, em detrimento do excesso de tecnologias e intervenções excessivas e desnecessárias. Com o nobre objetivo de tornar o parto mais seguro para a mulher e seu filho, a assistência obstétrica que, no passado ocorria geralmente no domicílio e era assistido por parteiras, teve uma mudança drástica. Os partos começaram a ser todos assistidos em ambiente hospitalar, com profissionais munidos de ferramentas e tecnologias que acabaram por deixar de encarar o parto como um evento fisiológico. Embora consolidado em nossa cultura, esse modelo de parto excessivamente técnico, vem sendo questionado em várias partes do mundo, uma vez que vários destes procedimentos não têm evidencias cientificas que os justifiquem, são extremamente desconfortáveis e podem, inclusive, repercutir negativamente na saúde física e mental da parturiente. O termo violência obstétrica surgiu para representar esse conjunto de intervenções abusivas. Infelizmente, uma em cada 4 brasileiras diz ter sofrido algum tipo de violência em seu parto. Essa triste realidade vem dando vida a um movimento, cada vez mais difundido, envolvendo pessoas com um objetivo comum, o de combater a violência obstétrica e divulgar uma nova visão do evento parto: menos medicalizado e mais humanizado. Assim, ressaltamos que o parto humanizado – ou, se você preferir: parto ativo ou parto com respeito - é o novo modelo de assistência proposto por esse movimento. Essa nova visão resgata os saberes ancestrais ao mesmo tempo

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

em que utiliza as descobertas e avanços da ciência sobre a gestação e o parto. Que fique claro assim, que o conceito de parto humanizado é muito maior do que parir dentro de uma banheira à luz de velas e que definitivamente não é modismo! Ele consiste numa revolução dentro da obstetrícia. Em termos mundiais, em abril de 1985, o escritório regional europeu da Organização Mundial da Saude (OMS), a Organização Pan-americana da Saúde (OPAS) e o escritório regional da OMS para as Américas organizaram uma conferência sobre tecnologia apropriada para o parto. Nessa conferência foi realizada uma revisão cuidadosa das evidencias científicas disponíveis na época sobre a tecnologia para a assistência ao parto e a partir dela, foram aprovadas várias recomendações para os cuidados no parto, aplicáveis em todos os serviços perinatais do mundo. Assim, documentos importantes que refletem essas mudanças foram escritos, com destaque para o Guia de Assistência ao Parto Normal da OMS. No Brasil, criou-se em 1993, a Rede pela Humanização do Parto e Nascimento (REHUNA), formada pela união de profissionais de saúde e indivíduos de várias outras categorias profissionais denunciando a maneira como as mulheres eram assistidas nas maternidades brasileiras. Enfim, o movimento em prol da humanização do parto e nascimento acredita que a forma de nascer repercute significativamente não apenas para aquela mulher e família, mas tem um significado no futuro da humanidade. A humanidade nascendo com amor e dignidade garante a vinda de mais pessoas boas ao mundo, tornando isso um ciclo de mais e mais pessoas boas. Talvez seja por isso que o nosso mantra seja a famosa frase do obstetra francês, guru do parto natural, Michel Odent: “Para mudar o mundo, primeiro é preciso mudar a forma de nascer”.

MAIS INFORMAÇÕES CONSULTE NOSSO GUIA NAS PÁGINAS 10,11,12,13,14 e 15


Ultrassom com Doppler Colorido: Quando Fazer? A ultrassonografia com Doppler é realizada da mesma forma que as outras, porém com um adicional que permite DR. SÉRGIO LUIS BIANCHI DE SÁ

a visualização do fluxo de sangue de determinado local

MÉDICO RADIOLOGISTA CRM/MT 6827 | RQE 2690

analisando a irrigação e

• Médico Radiologista e Especialista em Diagnóstico por Imagem; • Graduação na Faculdade de Medicina em Jundiaí - FMJ - São Paulo; • Residência Médica UNICAMP/SP; • Membro do Colégio Brasileiro de Radiologia.

permeabilidade sanguínea.

O ultrassom com Doppler também chamado de ecografia com doppler ou eco-doppler colorido, serve para avaliar órgãos, estruturas, tecidos, a trama vascular e o fluxo sanguíneo que irradia a região em análise, pode ser solicitado pelo médico em casos de suspeita de estreitamento, dilatação e/ou oclusão de um vaso sanguíneo. A ultrassonografia com Doppler é realizada da mesma forma que as outras, porém com um adicional que permite a visualização do fluxo de sangue de determinado local analisando a irrigação e permeabilidade sanguínea. O ultrassom com doppler colorido pode ser solicitado para avaliar praticamente todas as regiões do corpo. Assim como o exame de ultrassom comum, o ultrassom com doppler é realizado através de um aparelho capaz de emitir ondas sonoras, que atingem o tecido e retornam como um eco, que é convertido em imagens. O doppler é o adicional capaz de identificar e visualizar o fluxo de sangue no local, as ondas de som geradas durante o exame produzem a imagem diretamente para a tela de computador do aparelho, de forma que o médico consegue visualizar se há alterações. Algumas das principais indicações deste exame são as avaliações de aneurismas, trombose, ou varizes, por exemplo, sendo também muito utilizado durante a gravidez, para averiguar se o fluxo sanguíneo da mãe para o feto, ocorre de forma adequada, pois consiste na avaliação da circulação fetal e da circulação das artérias maternas que nu26

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

trem o feto, conhecido como doppler fetal; nas tireoides para avaliar o pico de velocidade das artérias que nutrem a tireoide e o grau de vascularização da glândula e dos nódulos tireoideanos; na bolsa escrotal, que permite avaliar a vascularização dos testículos e dos epidídimos, além da análise do refluxo sanguíneo das veias do plexo pampiniforme; no útero e nos ovários para averiguar as artérias uterinas e ovarianas, o padrão de vascularização do útero e do endométrio, além da presença ou não de vascularização nos cistos e nódulos ovarianos; nas artérias carótidas e vertebrais para avaliar o fluxo responsável pela irrigação cerebral, além de identificar obstruções significativas que podem aumentar o risco de acidente vascular encefálico (AVC); e outros. A finalidade deste exame é de prevenir, diagnosticar e/ou acompanhar tratamentos, pois é um método não invasivo e comum no meio médico para produzir imagens dinâmicas seccionais ou tridimensionais sem usar radiação. Existem diversos órgãos e regiões do corpo que podem ser avaliados pelo Doppler, basta que haja necessidade de se avaliar o fluxo sanguíneo nestes locais. A necessidade ou não de realizar uma ultrassonografia convencional (sem Doppler) ou com Doppler depende do que se deseja avaliar com o exame, cabendo esta decisão ao profissional médico que o solicita.

MAIS INFORMAÇÕES CONSULTE NOSSO GUIA NAS PÁGINAS 10,11,12,13,14 e 15


INFORME PUBLICITÁRIO

Intervenções Cardíacas DR. LUIZ ANTÔNIO GUBOLINO Cardiologia Intervencionista CRM/MT 7373 | RQE 40176

DR. MÁRCIO ANTÔNIO DOS SANTOS Cardiologia Intervencionista CRM/MT 7334 | RQE 15041

Serviço de Hemodinâmica realiza primeiro implante transcateter de valva de coração em Sinop Apesar de ser um procedimento de alto risco, paciente de 83 anos foi submetido a cirurgia minimamente invasiva e já se recupera bem. Caso foi inédito em Sinop. Pela primeira vez em Sinop um paciente recebeu uma nova valva no coração via percutânea. O Serviço de Hemodinâmica e Cardiologia Intervencionista de Sinop (Intercor), situada no Hospital Santo Antônio, realizou, no dia 19 de março, o primeiro implante de valva aórtica transcateter, procedimento denominado TAVI (do inglês Transcatheter Aortic Valve Implantation). Uma grande equipe médica; formada por cardiologistas, cirurgiões cardíacos, cardiologistas intervencionistas, ecocardiografistas, anestesiologistas e intensivistas foi responsável pelo procedimento no paciente que sofria de estenose aórtica grave.

DR. ANTÔNIO HÉLIO G POZETTI Cardiologia Intervencionista CRM/MT 7333 | RQE 3037

DR. EDGAR STROPA LAMAS Cardiologista CRM/MT 8768 | RQE 3819

28

Equipe de médicos foi formada por cardiologistas, cirurgiões cardíacos, cardiologistas intervencionistas, ecocardiografistas, anestesiologistas e intensivistas

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br


Segundo explica o médico Álan Osti, um dos profissionais que atuou na cirurgia, o procedimento, apesar de ser de alto risco,

A Intercor atua com o Serviço de Cardiologia Intervencionista que identifica obstruções das artérias coronárias, avalia o funcionamento

foi minimamente invasivo. “A valva implantada foi introduzida no corpo pela perna direita. Isso permite maior segurança na cirurgia e uma recuperação mais rápida, tan-

DR. RODRIGO MARTINS

to que o paciente teve alta quatro dias após

Cirurgia Cardiovascular CRM/MT 7299 RQE 2931 | RQE 2932

o procedimento”, salientou.

das válvulas e dos músculos

Conforme o médico, esse procedimen-

cardíacos, além de procedimento

to era realizado convencionalmente com cirurgia cardíaca e esternotomia (abertura

vasculares e neurovasculares.

da caixa torácica). Hoje, conforme evidên-

Com a nova estrutura de bloco

cias de ótimos resultados de estudos cientí-

cirúrgico, UTI, leitos para

ficos de curto e longo prazo esse tratamen-

internação e equipe formada por

de grande parte da população de forma

diversas especialidades na área de cardiologia, agora é possível realizar procedimentos em Sinop que antes eram feitos somente

to minimamente invasivo está à disposição segura e eficiente. “Antigamente tínhamos que abrir o peito do paciente, parar o coração e transferir o sangue do órgão para uma máquina. Hoje podemos fazer todo o

Cardiologia Intervencionista CRM/MT 7690 | RQE 3120

procedimento com o coração batendo. O pós cirúrgico é muito mais tranquilo, tanto

em grandes centros. “Agora temos

que o paciente sai da sala para a UTI (Uni-

a possibilidade de realizar esses

dade de Tratamento Intensivo) sem ajuda

procedimentos em nossa região,

força, esclarecendo que o implante consis-

permitindo que nossa população

DR. ÁLAN VINÍCIUS G. ÓSTI

de aparelhos para respirar e acordado”, rete em inserir uma válvula que possibilita o restabelecimento de passagem de sangue

tenha acesso a essas novas

do ventrículo esquerdo para a aorta, ou

terapias”, completou Álan Osti.

seja, retomando o fluxo sanguíneo normal do coração.

DR. LUCIANO FOLCHINE TRINDADE Cardiologia Intervencionista CRM/MT 7375 | RQE 150944

Valva Aórtica implantada via percutânea, ou seja, sem a necessidade de cirurgia aberta

MAIS INFORMAÇÕES CONSULTE NOSSO GUIA NAS PÁGINAS 10,11,12,13,14 e 15

rsaude.com.br | Junho . 2019 | Revista Saúde

29


A importância do jejum nos exames de sangue

O jejum de pelo menos 8 horas é obrigatório para exames de glicemia. E para exames de hormônios pelo menos 4 horas. No hemograma o jejum é dispensável.

Para que possamos ter resultados de exames fidedignos, temos vários fatores que contribuem para esse resultado e o jejum é um desses fatores. Considerações:

1. Cardiologia/departamento de ate-

• Bebês não precisam suspender o leite materno para fazer exames.

2. Patologia clínica e medicina labo-

• O fumo pode alterar alguns exames.

• Para o exame de psa (hormônio prostático) deve ser colhido sangue 48 horas após a última ejaculação, 72 horas após o toque retal, quatro semanas após massagem ou biópsia prostática e sete dias após ultrassom retal.

• Não devemos alterar a rotina alimentar antes da coleta de exames de sangue justamente para não obter resultados falsos.

• Atividade física deve ser informada, pois pode alterar alguns exames (não fazer atividade física intensa nas 24 horas antes da coleta de sangue) • As relações sexuais não interfeRevista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

As sociedades brasileiras de:

• Gripes não alteram o resultado de exames de sangue.

• Não devemos fazer exames de imagem com contraste pouco antes dos exames de sangue.

• Mulheres no período menstrual podem ter exames de hormônios com alterações (é necessário avisar ao médico e ao laboratório qual o período menstrual que a mulher se encontra na data da coleta de sangue).

30

rem nos exames de sangue.

• Ter uma noite de sono ruim pode alterar o resultado de alguns exames.

• Um chá ou cafezinho já caracterizam quebra de jejum.

rosclerose (SBC/DA); ratorial (SBPC/ML); 3. Análises clínica (SBAC); 4. Diabetes (SBD); 5. Endocrinologia e metabologia (SBEM).

Reuniram-se e elaboraram um documento: O consenso brasileiro para a nor-

• Nunca ultrapassar 14 horas de jejum.

matização da determinação laborato-

• No jejum não ingerir água em excesso.

rial do perfil lipídico (2016).

• Os medicamentos de uso contínuos devem ser ingeridos depois da coleta de sangue. • Antibióticos e anti-inflamatórios causam alterações nos exames de coagulação. • Não devemos consumir bebidas alcóolicas até 72 horas antes da coleta de exames principalmente exames de colesterol e glicose.

Esse documento dispensa o jejum de 12 horas para os exames de colesterol, colesterol hdl, colesterol ldl, colesterol vldl e triglicerídeos. Se o triglicerídeos estiver com valor acima de 440 mg/dl no exame sem jejum (o valor desejável é 175 mg/dl), o médico deve solicitar um novo exame com jejum de 12 horas.


Constatou-se que o consumo de alimentos (sem sobrecarga alimentar) antes dos exames, não causa alterações ou causa pouca alteração na análise do perfil lipídico.

lípides (De 0 a 19 Anos)

Em Jejum (MG/DL)

Sem Jejum (MG/DL)

Nível Aceitável

Nível Aceitável

Colesterol Total

< 170

<170

LDL

< 110

<110

HDL

>45

>45

Triglicerídeos de 0 a 9 anos de 10 a 19 anos

<75 <85

<90 <100

Não-HDL

<120

-

Apolipoproteína B

<90

-

JANE MARISA ACCO FARMACÊUTICA-BIOQUÍMICA CRF/MT 631 • Laboratório Acco (desde 1992)

Valores de colesterol total ≥ 230 mg/dl podem indicar hipercolesterolemia familiar

Lípides (acima de 20 anos

Em jejum (MG/DL)

Sem jejum (MG/DL)

Nível aceitável

Nível aceitável

Colesterol total

<190

<190

Desejável

HDL

>40

>40

Desejável

Triglicerídeos

<150

<175

Desejável Categoria de risco

LDL

<130 <100 <70 <50

<130 <100 <70 <50

Baixo Intermediário Alto Muito alto

Não-HDL

<160 <130 <100 <80

<160 <130 <100 <80

Baixo Intermediário Alto Muito alto

Valores de colesterol total ≥ 310 mg/dl podem indicar hipercolesterolemia familiar. O jejum de pelo menos 8 horas é obriga-

Mas como vemos, temos opções de co-

tório para exames de glicemia. E para exa-

leta, o que facilita a vida das pessoas e dos

mes de hormônios pelo menos 4 horas. No

laboratórios, pois não teremos filas enormes

hemograma o jejum é dispensável.

para coletas no primeiro período da manhã e

Com isso devemos usar sempre o bom senso. Se tivermos vários exames nos quais estão: glicemia (8 horas), colesterol (sem

depois das 10 horas da manhã poucas coletas. Podemos otimizar o tempo do paciente/ cliente que não precisa ficar esperando para fazer uma coleta de sangue.

jejum) e hormônios (4 horas) é claro que va-

Mas, fica a critério do médico a necessi-

mos fazer o jejum de 8 horas e colher san-

dade ou não do jejum, e cabe ao laboratório

gue uma só vez.

seguir essa orientação.

66 3544 2017 Av. Luiz Amadeu Lodi, 1195 Ed. Mirante Verde - Sala 01 Centro - Sorriso/MT

rsaude.com.br | Junho . 2019 | Revista Saúde

31


O que é Quiropraxia? É uma ciência na área da saúde que utiliza DR. ROGER VARGAS

métodos naturais

QUIROPRAXISTA

de cuidado, cujo

ABQ 0680

enfoque está no ótimo funcionamento do sistema nervoso e a sua relação com a coluna vertebral e demais articulações do corpo.

Ao longo da vida, certas atividades

do o poder de revitalizar sua energia,

rotineiras e maus hábitos (como má

melhorar seu empenho profissional,

DRA. MARILAINE BARILI

postura, quedas, acidentes, estresse),

QUIROPRAXISTA

podem ocasionar pequenos desvios

ABQ 960

das vértebras (ossos da coluna) que prejudicam a biomecânica da coluna

tência física e imunológica, evitando assim o surgimento de doenças, elimi-

interferindo nos impulsos nervosos

nando a dor e sem a necessidade de fa-

(chamados de Subluxação Vertebral)

zer uso de medicamentos.

desencadeando dor e inúmeras disfunções, impedindo o funcionamento correto de órgãos, glândulas, células e tecidos. No entanto, a Quiropraxia pode não

O nosso principal objetivo é restaurar e manter a integridade da coluna vertebral e suas ramificações, buscando o equilíbrio do sistema nervoso, pro-

só cuidar de todos esses problemas, as-

movendo o bem-estar e potencializan-

sim como evitar que eles ocorram, ten-

do a saúde, mudando sua vida.

66 3544 8569 66 9 9972 9253 Avenida João Natalino Brescansin, 2863 - Sala 5 Centro Norte - Sorriso/MT www.abq.org.br quirosorriso@gmail.com

32

familiar, esportivo, aumentar sua resis-

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

O Centro de Quiropraxia Arte de Viver Bem enaltece a importância de procurar profissionais quiropráticos devidamente formados por Universidades credenciadas ao MEC.


Reconstrução de maxila através de enxertos ou substitutos ósseos A reconstrução óssea não DR. ADENIR JOÃO BIESEK CIRURGIÃO BUCOMAXILOFACIAL E IMPLANTODONTISTA CRO/MT 2787

é realizada somente para instalação de implantes, os quais restabelecem a função mastigatória mais eficiente, mas sim para funcionar como suporte ou arcabouço para os tecidos moles como bochechas e lábios, diminuindo as linhas de expressão facial deixando a face menos envelhecida atenuando as linhas de expressão.

Clínica Ipiranga 66 3588 1115 Rua das Araras, 85 - Ipiranga do Norte CEFF 66 3544 8397 | 66 99962 8397 Avenida Blumenau, 4280, SL. 02 Jd. Recanto dos Pássaros - Sorriso/MT Alliance Medical Center 66 3545 1124 | 66 3545 1026 66 99716 5552 Av. Brasil, 2.174 - Centro - Sorriso/MT

34

Um dos grandes desafios da implantodontia atual continua sendo as reconstruções ósseas. Os materiais utilizados nas reconstruções evoluem a cada dia, esses materiais chamados também de substitutos ósseos tem uma vasta evidência científica e clínica, que quando comparado ao osso autógeno (quando o enxerto é retirado do próprio paciente e que ainda é considerado “padrão ouro” em relação a qualidade), temos resultados muito semelhantes e, se optado por eles diminui muito o incômodo pós operatório levando mais conforto ao paciente. As propriedades ou elementos dos enxertos variam de acordo com o material selecionado, assim como grau de pureza e confiabilidade no fabricante através de evidências científicas publicadas em uma vasta literatura. A reconstrução óssea não é realizada somente para instalação de implantes, os

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

quais restabelecem a função mastigatória mais eficiente, mas sim para funcionar como suporte ou arcabouço para os tecidos moles como bochechas e lábios, diminuindo as linhas de expressão facial deixando a face menos envelhecida atenuando as linhas de expressão. Outro fator importante é no que se refere a diminuição do tamanho da prótese fixa favorecendo a higienização por parte do paciente. A escolha ideal do material, assim como a melhor técnica para se obter resultados previsíveis depende de vários fatores definidos em um bom planejamento e execução por parte do cirurgião. Cirurgias avançadas de reconstrução de maxila e ou mandíbula para reabilitação com implantes são realizadas pelo Cirurgião bucomaxilofacial ou Implantodontista capacitado.


ESPECIAL CAPA

40

Revista SaĂşde | Junho . 2019 | rsaude.com.br


ESPECIAL CAPA

rsaude.com.br | Junho . 2019 | Revista SaĂşde

41


ESPECIAL CAPA

CLÍNICA DE TRATAMENTO RENAL Pioneira no estado do Mato Grosso em tratamento das doenças renais, diálise e transplante renal. Realizamos mais de 5.000 sessões de hemodiálise por mês, seguindo os mais rigorosos padrões de qualidade exigidos pelos órgãos competentes. Solidificamos nossas condutas no tratamento da insuficiência renal aguda e na realização de hemodiálise à beira do leito, buscando sempre oferecer o melhor método dialítico, individualizando caso a caso, sendo reconhecido pela excelência, servindo há mais de vinte anos a toda rede de hospitais do Mato Grosso. Somos uma empresa sólida em constante evolução, sempre procurando trabalhar com o que existe de ponta em tecnologia, oferecendo o melhor tratamento aos nossos clientes. O corpo clínico tem sua base familiar, do mais alto nível técnico, ético, moral e humano. Valorizamos acima de tudo, a estreita relação com nossos pacientes, colaboradores e parceiros cultivando o ambiente familiar e harmônico.

Você conhece seus rins? Nós conhecemos. Atendimento Especializado O atendimento ambulatorial (consulta com nefrologista) é onde o médico especialista avalia o estado clínico do paciente, solicita exames e encaminha para os tratamentos adequados. Contamos com uma equipe de nefrologistas, assistentes sociais, nutricionistas e psicólogos preparados para avaliar e diagnosticar os diferentes casos. Para nós, cada paciente é único e assim deve ser tratado: com carinho, atenção e respeito.

42

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

Hemodiálise Hemodiálise é um procedimento através do qual uma máquina faz o trabalho que o rim doente não pode fazer. O procedimento libera o corpo dos resíduos prejudiciais à saúde, como excesso de sal e de líquidos. A CTR conta com a melhor tecnologia e equipe técnica qualificada para atendê-lo com qualidade e dedicação. Hemodiálise hospitalar A CTR conta com uma rede de atendimento de nefrologia e hemodiálise hospital abrangente no Estado do Mato Grosso, com unidades em Cuiabá, Várzea Grande, Sorriso, Sinop e Alta Floresta. Diálise Peritoneal Tratamento através do qual o processo ocorre dentro do corpo do paciente, com auxílio de um filtro natural como substituto da função renal. Esse filtro é denominado peritônio. A diálise peritoneal está indicada para pacientes que apresentam quadros de insuficiência renal aguda ou crônica. Transplante Renal O transplante é a substituição dos rins doentes por um rim saudável de um doador. É o método mais efetivo e de menor custo para a reabilitação de um paciente com insuficiência renal crônica terminal. A CTR é pioneira no estado em realização de transplantes renais.

1976 Início dos trabalhos. Fundada pelo primeiro médico nefrologista do Mato Grosso, Dr. Luiz Gonzaga de Figueiredo, em uma pequena sala do Hospital Geral de Cuiabá, por muitos anos sendo o único serviço de tratamento nefrológico do estado do Mato Grosso. 1984 Inauguração da nova sede da CTR, na época uma das mais modernas clínicas de hemodiálise do centro-oeste, anexo ao Hospital Geral de Cuiabá. 1992 No mês de abril, a CTR junto à equipe do Dr. Medina, foi o serviço responsável pelo primeiro transplante renal do estado do Mato Grosso. 2004 Mantendo seu objetivo de atender a demanda do estado e amenizar o sofrimento dos pacientes que tinham que se deslocar por mais de mil quilômetros para realizar o tratamento dialítico em Cuiabá, em 2004 ampliamos nossa rede de atendimento, inaugurando a mais moderna clínica do Mato Grosso, a CTR - Sinop, que hoje atende todo o norte do estado. 2017 Inauguração da nova clínica CTR em Cuiabá, um espaço mais amplo, moderno e confortável para prestar o atendimento que os pacientes merecem. 2019 Iniciado o projeto para reforma e ampliação da CTR em Sinop para manter a tradição de oferecer sempre o serviço e atendimento que nossos pacientes merecem.


ESPECIAL CAPA


ESPECIAL CAPA

Cuidado humanizado e holístico “Despertar o amor e a consciência através do cuidado humanizado”. Este é o lema da Clínica Plenitude, que surgiu do sonho da Enfermeira Obstetra Kelli Gil Zamignan. A história começa há alguns anos atrás, no ano de 2012, quando a Enfermeira Kelli se formou pela Universidade Federal do Mato Grosso. Durante sua formação, sempre se identificou com a área da saúde da mulher e em especial na área da obstetrícia.

44

Mais tarde, veio a entender o tão forte sentimento de amorosidade pela obstetrícia. Descobriu então, o trabalho de parteiras que passava de geração em geração em sua família. Tudo teve início com sua bisavó materna, Antônia Maschio de Campos, seguindo sua avó materna, Juracy Campos da Silva. Ambas trabalharam por muitos anos como parteiras domiciliares em áreas rurais. Posteriormente, sua tia materna, Maria Das Dores da Silva, trabalhou por vários anos na maternidade partejando mulheres. Dando sequência a essa linhagem de parteiras, em 2015, finalizou sua especialização em Enfermagem Obstétrica e Neonatal, e em 2016, o curso de Doula e Educadora Perinatal. Desde então, iniciou sua história na obstetrícia. Junto a esta formação, despertava o sonho de ter um espaço próprio, em que os profissionais que atuassem nele compartilhassem deste mesmo amor pelas pessoas. Um espaço para atender não somente a mulher, como também todo ser humano, proporcio-

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

Enfermeira inaugura clínica de saúde focada no amor e respeito ao ser humano.

nando-lhes assistência integral, personalizada e humanizada. Em outubro de 2018, este sonho concretizou-se com a inauguração da Clínica Plenitude: A vida em Equilíbrio. Um centro especializado em despertar o amor e a consciência através do cuidado humanizado. A Clínica tem como objetivo ser reconhecida pela qualidade em assistência à saúde, compartilhamento de conhecimento com o paciente e pelo acolhimento afetuoso em todas as áreas de atuação. Na Plenitude, não se trabalha de forma individualizada, em que cada profissional entra para a sua sala, atende o seu paciente e vai embora. Existe conexão! Considera-se que todo cuidado deve ser completo. Todos os profissionais compartilham da mesma filosofia, e estão dispostos a compartilhar o conhecimento para que o paciente tenha o objetivo alcançado, seja ele equilíbrio do corpo ou da mente.


ESPECIAL CAPA

Agradecimento! Tudo foi possível com a força e coragem de nossos pais, que nos deram a vida e exemplos nobres. Amando-nos sem impor condições e, orientando-nos sem exigir recompensas. Um amor genuíno e força íntegra, em busca de nossa felicidade. Por isso, a nossa gratidão primeiramente à Deus, ao escolher vocês para nos receber amorosamente na terra e a vocês pais queridos, pela dedicação plena por nós. Vocês são bênçãos nas nossas vidas, e nossa maior gratidão é o reconhecimento sincero por tudo. Amamos vocês! Kelli Gil e Marco Aurelio Zamignan

KELLI ARIEL DA SILVA GIL ZAMIGNAN COREN-MT 360550 / RTE 035926 ENFERMEIRA OBSTETRA • Consultora em Aleitamento Materno • Doula • Membro da Equipe AMANA de Parto Domiciliar Planejado • Laserterapeuta, Ozonioterapeuta, Acupunturista

rsaude.com.br | Junho . 2019 | Revista Saúde

45


ESPECIAL CAPA

Não adianta unicamente ter diplomas afixados nas paredes. É indispensável humanismo na prática diária.

CONHEÇA AS NOSSAS ÁREAS DE ATUAÇÃO: Saúde da Mulher – Exame preventivo, Enfermagem Obstétrica e Doula, Parto Respeitoso, Obstetrícia e Ginecologia. Saúde Integrativa – Medicina Tradicional Chinesa, Aromaterapia, Constelação Familiar, Hidrozonioterapia, Laserterapia, Terapia ILIB Sistêmico, Tratamento de Feridas Agudas e Crônicas, Pés Diabéticos, Estomas, Fístulas, Incontinências e Fissuras Mamárias. Saúde Estética – Micropigmentação em Sobrancelhas, Estética Facial e Corporal em geral. Tecnologia avançada em cosméticos e equipamentos (Cosmobeauty, Manthus, Radiofrequência, Eletrocautério, Vibrocell, Endermoterapia, Fototerapia, Intradermoterapia Pressurizada, entre outros. Psicoterapia – Individual e familiar. Cirurgia Plástica Estética e Reparadora

Na Clínica Plenitude, há grande dedicação em dar assistência ao ser humano em todos os seus ciclos, e por isso acredita-se na saúde integrativa, um movimento que está resgatando a qualidade de vida e bem-estar das pessoas através de terapias que agregam valor e significado na prevenção e combate a doenças. Potencial curativo do organismo para se ajustar ao meio em equilíbrio. Sua equipe multiprofissional, conta com enfermeira obstetra, médico cirurgião plástico, ginecologista obstetra, endocrinologista, estomaterapeuta, terapeutas, psicóloga e esteticista que se empenham diariamente para promover cuidados à saúde da mulher e do homem, para que cada cliente, encontre seu equilíbrio e possa viver plenamente.

46

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

Doenças Endócrinas – Obesidade, Diabetes, Tireoide, Desordens hormonais. Consultorias: Aleitamento Materno, Babywearing- carregadores de bebês, PleniArt Gestacional - barriga de gesso e pintura na barriga. Workshops - Para gestantes e casais grávidos; homens e mulheres. Rodas de Conversa *Plenitude Familiar - Apoio à gestação, parto, amamentação, maternidade e paternidade. Atendimentos - Ambulatorial e Domiciliar.


ESPECIAL CAPA

Conheça a Clínica Plenitude e experimente todo esse amor pelo ser humano.

rsaude.com.br | Junho . 2019 | Revista Saúde

47


Cálculo renal e o tratamento com a nefrolitotripsia flexível com laser Cirurgia minimamente invasiva

DR. GUSTAVO CALAIS UROLOGISTA CRM/MT 10022 RQE 4588 | RQE 4587 • Urologista no Hospital 13 de Maio; • Formação Médica na UNIFESO, Teresópolis-RJ; • Residência médica em Cirurgia Geral na UNIFESO, Teresópolis-RJ; • Residência médica em Urologia no Hospital Central da Aeronáutica, Rio de Janeiro-RJ.

Nefrolitotripsia percutânea é um tratamento de cálculo renal que é utilizado em pacientes com grandes cálculos nos rins, cálculos coraliformes, cálculo de cálice inferior, maiores de difícil acesso endoscópico. Pedras que são maiores que dois centímetros geralmente requerem este procedimento. Uma vantagem desta cirurgia é que ela é uma técnica muito eficaz para deixar o paciente livre de cálculos. Por que indicar a Nefrolitotripsia à Laser? As cirurgias abertas são procedimentos do passado e as cirurgias percutâneas estão se tornando procedimentos essenciais, sendo realizadas somente em casos muito especiais ou como parte de tratamento em conjunto com outras técnicas associadas. A evolução tecnológica utilizada atualmente, nos permite tratamento mais eficaz para os cálculos ureteral e renal devido o seu elevado índice de sucesso na fragmentação dos cálculos. Com a introdução do ureterorrenoscópio flexível as indicações e o índice de sucesso aumentaram significativamente, assim como a redução das complicações. Devido utilização do equipamento flexível ser de calibre mais fino e maleável, permite acessar os cálices renais, devido sua flexibilidade, realizando com maior segurança 48

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

a quebra de cálculos dentro dos cálices renais. O acesso aos cálices renais com o aparelho semirrígido (antigos) é praticamente impossível devido sua limitada maleabilidade. Desta forma, hoje em dia, é inaceitável a realização do tratamento do cálculo renal que não seja por Nefrolitotripsia Transureteroscópica utilizando a fibra a laser. Nos cálculos ureterais, beneficia-se também com a redução das complicações, evitando-se assim lesões traumáticas no ureter, como lacerações iniciais e estreitamentos futuros. Estas ocorrências podem levar à obstrução do ureter causando problemas no esvaziamento renal e aumentar a pressão intracavitária. Levando à destruição progressiva do parênquima renal (hidronefrose) e perda completa do órgão. O procedimento de litotripsia utilizando-se a energia laser é em geral mais rápido; que os demais procedimentos para o tratamento do cálculo urinário. “A Litotripsia transureteroscópica flexível de cálculos urinários utilizando-se o laser e consequentemente a fibra laser oferece maior qualidade, segurança e menores riscos de complicações para o paciente, médico e instituições envolvidas.” Afirma o médico Urologista Dr. Gustavo Calais.

MAIS INFORMAÇÕES CONSULTE NOSSO GUIA NAS PÁGINAS 10,11,12,13,14 e 15


A criança e o medo de ir ao dentista Sedação consciente com o uso de óxido nitroso na odontopediatria

DRA. PATRÍCIA PASSONI

O medo de dentista é ainda um

CIRURGIÃ-DENTISTA CRO/MT 5172

grande desafio para a odontologia.

• Formada em Odontologia pela Unoeste, Presidente Prudente/SP em 1999; • Especialista em Odontopediatria pela Associação Brasileira de Odontologia de Porto Velho (ABO/ RO) desde 2002;

Medo este que pode ser adquirido durante a infância ou por relatos de outros pacientes que tiveram experiências traumáticas. Porém,

• Aperfeiçoamento em Ortopedia Funcional dos Maxilares pelo Instituto Pró Saúde (ISI) Uninga/ Sinop em 2006.

esse medo pode ser reduzido com a utilização da mistura de óxido nitroso com oxigênio, que faz com que o paciente fique mais colaborativo ao procedimento.

O óxido nitroso (N2O), que também é

lização do óxido nitroso em procedimentos

conhecido como gás hilariante, gás do riso,

odontológicos, bem como seus efeitos, tra-

dióxido de nitrogênio ou protóxido de azo-

tando-o como uma aposta para melhores

to, é um gás incolor, não irritante e de baixa

resultados.

solubilidade. Tem sido amplamente utiliza-

A sedação consciente com óxido nitroso

do em odontologia, com um excelente his-

é uma técnica na qual o paciente permane-

tórico de segurança, se tornando um forte diferencial nos tratamentos odontológicos. Esse tipo de sedação ocasiona uma pequena depressão do córtex cerebral, não deprimindo o centro respiratório, conserClinica especializada em atendimento a crianças. • Odontopediatra • Ortopedia Funcional dos Maxilares

te de um jeito rápido e seguro, diminuindo sua sensibilidade à dor. A principal vanta-

ração no seu limiar de dor. Não existe contraindicação absoluta para o uso do óxido nitroso, sendo um excelente meio de sedação para crianças, inclusive para pacientes especiais. “É importantíssimo que o profissional e

gem dessa anestesia é a ausência de efeitos

seus auxiliares saibam conduzir a sedação e

demorados após a sessão do tratamento,

manusear o equipamento de forma adequa-

Rua das Avencas, 1460 - St. Comercial, Sinop/MT

pois o óxido nitroso não é metabolizado

da e com segurança, garantindo o sucesso

pelo nosso organismo, já que possui pouca

da sedação e o conforto do paciente duran-

@passoniodontologia01

solubilidade no sangue. O objetivo desse

te o procedimento”, conclui a Odonpediatra

@passonipatricia

trabalho é evidenciar os benefícios da uti-

Dra. Patrícia Passoni.

Clínica Passoni Odontologia 66 3532 3406 | 66 99690 3974

50

vando o reflexo faríngeo. Acalma o pacien-

ce acordado e responsivo, porém com alte-

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br


Estrias são cicatrizes tegumentares que surgem quando as fibras elásticas da pele, formadas por colágeno e elastina se degradam. Elas podem ser causadas por fatores genéticos, algumas das causas comuns são gravidez, ganho de peso excessivo, estirões de crescimento em adolescentes, efeitos colaterais de medicamentos ou rápido aumento dos músculos devido à musculação. O aspecto das estrias iniciais são lesões lineares rosadas ou de cor da pele, deprimidas ou discretamente elevadas. Tardiamente são brancas com espessura e largura variáveis, na Criolaser tratamos exatamente as estrias brancas que já estão estabilizadas, com protocolo exclusivo “estrieser” o tratamento envolve estímulos através de um processo inflamatório, os leucócitos destroem o tecido danificado e enviam sinais aos macrófagos

que ingerem e digerem os antígenos, causando renovação tecidual, são utilizados dois aparelhos de ponta causando uma melhora visível já na primeira sessão chegando até 90% ao final do tratamento. Desta forma, além de tratarmos uma marca na pele, melhoramos também a autoestima do paciente que volta a usar roupas de banho com maior segurança.


Dores no Joelho? Entenda o que é Ligamento Cruzado Anterior (LCA)

DR. WERNER GRUTTNER TOEWS CRM/MT 3399 | RQE 7305 ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA • Formado pela Faculdade de Medicina de Jundiaí SP; • Residência em Ortopedia e Traumatologia pelo Hospital do Servidor Público Estadual de São Paulo; • Título de especialista pela Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia; • Residente em Sinop há mais de 20 anos.

Ligamento é uma estrutura anatômica responsável pela união entre dois ossos. O LCA une o fêmur à tíbia e juntamente com o ligamento cruzado posterior (LCP) compõem os ligamentos intrarticulares do joelho, responsáveis pela estabilidade do movimento de flexão-extensão, resistindo aos movimentos de giro. Como eu posso lesar o LCA? Ocorre através de uma entorse do joelho, que pode ocorrer durante a prática de esportes de contato que exijam mudanças de direção rápida, ficando o pé preso ao solo e o corpo girando sobre o joelho (futebol, handball, rugby), em esportes que exigem aterrisagens frequentes (vôlei, basquete), após traumas de alta energia ou mesmo ao pisar em um buraco. Quando ocorre uma lesão deve se operar, pois o LCA comporta-se como uma corda que quando se arrebenta, ele “esfiapa” todo, impossibilitando a realização de uma sutura deste. Assim, deve-se fazer uma reconstrução do ligamento, ou seja, criar um novo ligamento. Caso a operação não seja feita, a ausência do LCA implica em instabilidade rotatória do joelho, levando aos falseios (“falha” – queixa que o joelho sai do lugar), o que impossibilita a prática de atividades esportivas que necessitem mudança de direção ou aterrisagens, ou seja, inviabiliza a prática esportiva de um grande número de modalidades. E principalmente pelo fato de que ao passar do tempo, os movimentos giratórios frequentes levam à lesões em ou-

tras estruturas do joelho, como cartilagem e meniscos. Como é feita essa cirurgia? É feita totalmente por vídeo (artroscopia), com mini-incisões, minimamente invasivo, propiciando menor trauma cirúrgico ao paciente. Utilizamos várias fontes para recriarmos o novo ligamento: os tendões flexores da “pata de ganso” (semitendíneo e grácil), o tendão patelar, o tendão do quadríceps e em raros casos, tendões de cadáver (transplante de órgão). E a recuperação? O joelho não fica imobilizado no pós-operatório, deve-se mobilizá-lo o máximo possível, apenas ficar sem soltar o peso na perna operada por duas semanas, ou seja, de muletas, e após as duas semanas, o paciente anda sem apoio e inicia a reabilitação, composta por uma fase apenas na fisioterapia, a qual inicia-se precocemente, na segunda semana, uma fase de transição (fisioterapia + academia) e a fase final de fortalecimento muscular apenas na academia. Quando volto a praticar esportes? Essa é uma resposta que depende de algumas variáveis. Se a fisioterapia for realizada em um centro especializado e de alta qualidade, completará em 3 meses, e se o paciente for disciplinado e dedicado, a fase da academia pode levar mais 3 meses, totalizando 6 meses, o que seria o período mínimo para retornar aos esportes, mas desde que o paciente consiga pontuação suficiente no teste final de liberação para o esporte.

Quando ocorre uma lesão deve se operar, pois o LCA comportase como uma corda quando se arrebenta, ele “esfiapa” todo, impossibilitando a realização de uma sutura deste.

52

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

MAIS INFORMAÇÕES CONSULTE NOSSO GUIA NAS PÁGINAS 10,11,12,13,14 e 15


Retinoblastoma: Por que este tema? O que é o Retinoblastoma? É um tumor maligno originário da membrana neuroectodérmica da retina.

DR. DAVID MIARELLI LEAO CRM/MT 9.868 CRM/MG 38.643 RQE 4552 | RQE 4553 PEDIATRIA E MEDICINA INTENSIVA PEDIÁTRICA • Graduação em Medicina pela Universidade Severino Sombra – RJ, • Residência Médica de Pediatria no Hospital da Baleia - MG , • Especialização em Medicina Intensiva Pediátrica pela Santa Casa de Belo Horizonte – MG. • Título de Especialista em Pediatria pela SBP em 5/2009. • Título de Especialista em Terapia Intensiva Pediátrica pela SBP e AMIB em 11/2009. • Curso de Pós-graduação “ Lato Sensu” em Trauma, Emergências e Terapia Intensiva em Pediatria. Fundação Educacional Lucas Machado. Faculdade de Ciências Médicas de Minas Gerais. Fevereiro de 2007 a maio de 2008 .

“Trabalhei como Pediatra no Hospital da Baleia em Belo Horizonte (referência em Oncologia Pediátrica) por 11 anos. Vi muitos casos de retinoblastoma avançados que levaram crianças a óbito com pouco tempo após o diagnóstico.” O que é o Retinoblastoma? É um tumor maligno originário da membrana neuroectodérmica da retina. Incidência: corresponde de 2 a 4 % dos tumores malignos pediátricos, sendo assim, o tumor maligno ocular mais frequente na infância. Cerca de 400 crianças brasileiras são diagnosticadas por ano. Faixa Etária: 80% dos casos de Retinoblastomas são crianças abaixo de 3 a 4 anos, sendo mais frequente na idade de 2 anos. Raro em maiores de 6 anos de idade. Prevenção O diagnóstico tardio diminui drasticamente as chances de cura. “É essencial detectar o quanto antes o problema, não só para que seja curado, mas também para preservar o olho e a visão da criança”. Todo bebê deve passar pelo teste do olhinho após o nascimento e repeti-lo com frequência até os 5 anos de idade, faixa etária mais atingida pelo retinoblastoma. As formas de retinoblastoma Na forma esporádica, o tumor é unilateral (afeta um olho apenas) e corresponde a 6070% dos casos. Na forma hereditária, o tumor pode ser unilateral (15% dos casos), bilateral (os dois olhos são afetados) 25% dos casos. Os sinais e sintomas • O sinal mais comum é a leucocoria (semelhante ao “reflexo branco” ou “refle-

54

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

• • • • • •

xo do olho de gato”). Sinal que você está vendo o tumor na retina; Estrabismo, sensibilidade a luz e desvios do olho – SÃO SINAIS INICIAIS DA DOENÇA; Sangramento de alguma parte do olho; Perda de visão; Vermelhidão dos olhos; Heterocromia (um olho de cada cor); Em casos avançados, pode se manifestar como uma massa na região da órbita e proptose (globo ocular deslocado para fora); Dor de cabeça e vômito quando o tumor invade o Sistema Nervoso Central.

Tratamento O tratamento do retinoblastoma é programado de acordo com a extensão do tumor. Se o tumor está apenas dentro do olho (intraocular) ou atingindo nervo óptico, se apresenta apenas em um ou dois olhos, e se há metástases ou não. • Enucleação (é a retirada do globo ocular); • Termoterpia transpupilar (uma radiação infravermelha que provoca um aquecimento da massa do tumor); • Crioterapia (substâncias que abaixam a temperatura do tecido para evitar seu crescimento); • Laser; • Braquiterapia (terapia que se faz com a aproximação ou inserção de uma fonte de radiação no paciente); • Radioterapia externa e quimioterapia. Conselho que dou como pediatra Os pais sempre devem observar a retina da criança em fotografias (observar o reflexo vermelho dos olhos, caso percebam qualquer alteração, devem procurar atendimento médico).

MAIS INFORMAÇÕES CONSULTE NOSSO GUIA NAS PÁGINAS 10,11,12,13,14 e 15


Como tratar os cálculos renais? São várias as opções de tratamento desta patologia: cirurgia convencional (aberta), litotripsia extracorpórea (LECO), terapias minimamente invasivas DR. YAN DIEGO DE ALMEIDA CASTILHO UROLOGISTA CRM/MT 9993 | RQE 4538

como Nefrolitotripsia Percutânea e ureterorrenolitotripsia semi rígida e flexível. A formação de cálculos renais é uma patologia comum, que acomete cerca de 15 % da população. Pode ter diversas composições e ocorrer por inúmeros motivos. É constituída por uma massa sólida formada por pequenos cristais, que podem ser encontrados em todo sistema urinário. Uma pessoa que teve cálculo renal possui 50% de chance de desenvolver novos episódios em 10 anos. Os sintomas variam de acordo com o tamanho e a localização dos cálculos, variando de microcálculos até cálculos coraliformes (molda o sistema coletor do rim). As opções terapêuticas dependem ainda do tamanho, localização e densidade do cálculo. São várias as opções de tratamento desta patologia: cirurgia convencional (aberta), litotripsia extracorpórea (LECO), terapias minimamente invasivas como Nefrolitotripsia Percutânea e ureterorrenolitotripsia semi rígida e flexível. Atualmente, as modalidades de tratamento minimamente invasivas são as opções mais escolhidas pelos Urologistas, haja vista a melhor recuperação do paciente e segurança com que esses procedimentos podem ser realizados, deixando assim, os procedimentos convencionais (abertos) para casos extremamente selecionados.

56

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

É constituída por uma massa sólida formada por pequenos cristais, que podem ser encontrados em todo sistema urinário.

MAIS INFORMAÇÕES CONSULTE NOSSO GUIA NAS PÁGINAS 10,11,12,13,14 e 15


Manutenção preventiva Quando o assunto é saúde, logo pensamos em cuidar e tratar da nossa saúde física e mental. Porém, tratar a manutenção do nosso veículo de forma preventiva é, também, assunto de extrema importância, principalmente para o maior tesouro que transportamos nele que é a nossa família. A falta de manutenção preventiva do carro é uma das principais causas de acidentes com veículos. E a forma mais eficaz e econômica de manter nosso veículo em bom estado é, justamente, fazer as revisões constantemente, evitando que problemas mais sérios aconteçam. A manutenção em dia garante: • Menor custo financeiro; • Proteção contra desvalorização do veículo; • Mais conforto e segurança.

Os itens mais revisados em uma manutenção preventiva são: • Alinhamento, balanceamento e calibragem dos pneus; • Suspensão (amortecedores, batentes, coxins, molas e buchas, bieletas, braços axiais, bandejas, pivôs e terminais); • Fluidos de freios e sistema de arrefecimento; • Troca de óleo. Como o próprio nome diz, a manutenção preventiva tem por objeti-

O importante é pesquisar e buscar uma empresa

vo corrigir falhas e problemas antes

de confiança e com boas

mesmo deles acontecerem, reduzindo

recomendações.

os custos e aumentando a eficiência

Afirmam os empresários

da manutenção.

Ademir e Marisa Rosso

#realautocenter #cuidebemdoseumaiorbem #suafamilia #cuidebemdoseucarro

66 99922 2257 Marisa | 66 99627 9948 Ademir | 66 3544 4837 Rua Tangara, 129 Setor Industrial - 1°etapa - Sorriso/MT 58

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br


Informe Publicitário

O ISSQN e a Sociedade Médica Uniprofissional Quando uma sociedade médica é constituída, os sócios deverão estar atentos a incidência do Imposto Sobre Prestação de Serviço de Qualquer Natureza – ISSQN, previsto pela LC Federal nº 116/2003, que recairá sobre a atividade praticada e deverá ser calculado proporcionalmente ao valor do faturamento bruto da sociedade, ou de acordo com o montante de sua receita – caso seja optante do Simples Nacional.

RODRIGO FELIX CABRAL é Advogado com experiência na área Tributária, está regularmente inscrito na OAB/ MT sob o nº 15.576, e é membro da Equipe Jurídica da Empresa Ferreira, Marques e Louzich Advogados Associados. 60

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

Porém, há uma terceira forma de apuração do imposto, prevista no artigo 9º, § 1º e 3º, do Decreto-Lei nº 406/1968 (já confirmada pelos nossos Tribunais, inclusive pelo STF), que poderá gerar significativa economia a sociedade que por ela optar. Neste terceiro caso, o imposto terá um valor base fixo, determinado pelo Município onde o serviço for prestado, calculado com escopo na quantidade de profissionais habilitados que prestem a atividade profissional em nome da sociedade. Vejamos a seguinte situação hipotética, tendo como parâmetro o Município de Sorriso/MT: A Lei Ordinária de Sorriso nº 2.285/2013 elucida que para determinadas sociedades profissionais, o imposto sobre serviço será calculado tendo como base o número de unidades de Valor de Referência Fiscal (VRF), este, por sua vez, fixado em função da natureza do serviço prestado. Para o serviço de saúde voltado à obstetrícia, por exemplo, a Lei municipal acima mencionada prevê que será cobrado vinte (20) unidades de VRF por profissional habilitado na sociedade. Logo, uma sociedade com dez (10) profissionais e que possua uma receita bruta anual de R$ 1.000.000,00 (um milhão de reais), caso se enquadre na situação tributária de recolhimento em evidência neste estudo, levando-se em conta que o valor da unidade de VRF para o exercício fiscal de 2019, em Sorriso, é de R$ 79,81, deverá pagar por ano, a título de ISSQN, o montante total de R$ 15.962 (R$ 79,81 x 20 x 10). Porém, se este mesmo caso for calculado pela regulamentação tradicional, recolherá a sociedade contribuinte, no mínimo, R$ 30.000,00, uma vez que a lei municipal de Sorriso prevê a incidência do percentual de 3% (três por cento) de ISSQN, tendo o imposto, como base de cálculo, o faturamento bruto da empresa. Assim, a aludida sociedade teria uma economia, a título de gastos com tributos, em quase 50% (cinquenta por cento) de uma forma de recolhimento para outra.

Contudo, para fazer jus a mencionada sistemática, a pessoa jurídica deve atender alguns requisitos, destacando-se, dentre eles, a necessidade de ser uma sociedade uniprofissional e que os profissionais prestadores de serviço se vinculem ao serviço prestado - na linguagem da norma, devem responder pessoalmente por ele. Até porque, no caso, procurar-se-á o serviço pelo profissional e não em razão da pessoa jurídica. Consiste, assim, em uma forma de se fomentar atividade empresarial mais simples e de menor porte. As condições acima destacadas são imprescindíveis e as mais importantes para o usufruto da norma disposta no Decreto-Lei nº 406/1968, de modo que se estiverem presentes, muito provavelmente terá a sociedade contribuinte a forma de recolhimento de ISSQN nela indicada. Todavia, não são as únicas, havendo outras de menor relevância que também devem ser observadas no momento de se estruturar a sociedade, de modo a impedir a desvirtuação de sua natureza jurídica. Infelizmente, por ocasionar uma menor arrecadação por parte do ente municipal, o mesmo, em algumas oportunidades, pode criar empecilhos administrativos para impedir o usufruto da sistemática pelos contribuintes que preencham os requisitos acima elencados. Inobstante, é possível perseguir a via judicial com o propósito de reduzir a tributação imposta e garantir efetividade à norma que prevê a forma de recolhimento mais benéfica. Uma vez preenchidos os requisitos de concessão do referido regime de tributação, descabe qualquer oposição do ente tributante. Por fim, mas não menos importante, caso haja aspiração em se recolher o imposto da maneira descrita nesta análise, deve-se realizar uma consulta, por partes dos profissionais interessados, com auxílios de profissionais da área jurídica e contábil, a fim de se verificar o enquadramento da sociedade, evitando assim eventuais passivos tributários.


A fisioterapia no desenvolvimento motor do prematuro A importância da fisioterapia no desenvolvimento motor dos bebês

FERNANDA STEFENE VITAL CREFITO 87.505/MT • Fisioterapeuta especializada em Neurologia infantil • Cursos de formação- - Método Neuroevolutivo – BOBATH • Estimulação precoce; • Kinesio tape; • Recurso terapêutico em integração sensorial; • Fisioterapia Respiratória Pediátrica; • Terapeuta Pediasuit; • Curso em Estimulação Precoce Voltada a Prematuro; • Fisioterapeuta especialista na prematuridade.

LAHIS MARQUES ADAMI DA LUZ CREFITO-9.158923-F • Fisioterapeuta especializada em Neurologia Infantil • Pós graduada em Neurofuncional Pediátrica e Saúde Pública; • Cursos de formação- Método Neuroevolutivo – BOBATH; • Estimulação precoce; • Kinesio tape; • Gametherapia; • Equoterapeuta; • Pediasuit básico e avançado; • Cursos especializando em Autismo; • Recurso terapêutico em integração sensorial; • Terapeuta Cuevas Medek Exercises (CME), especializada pelo criador da Técnica Senhor Ramon CuevasChile- Santiago, sendo capacitada anualmente pelo mesmo. • Acupuntura Auricular

66 3531 3480 | 66 99956 2553 66 99632 9294 | 66 99996 0865 Anexo à Clínica do Coração Rua das Amendoeiras, 267 Centro - Sinop/MT 64

“Definimos recém-nascidos de alto-risco aqueles que sofreram complicações no período pré-natal, perinatal e/ou pós natal. Dentro destas características, estão os recém-nascidos pré-termos (ou prematuros). São aqueles que nasceram antes de completar 37 semanas de idade gestacional e são classificados como: limítrofe (prematuro nascido entre 37 e 38 semanas), moderado (nascido entre 31 e 36 semanas) e extremo (nascido entre 24 e 30 semanas). O nascimento de um recém-nascido prematuro está relacionado ao aumento da frequência de distúrbios relacionado ao desenvolvimento neuropsicomotor. Apesar de não existir consenso quanto às características específicas destes déficits e sua extensão a longo prazo, mesmo na ausência de sinais clínicos severos (como alterações neurológicas, musculares, deficiências múltiplas, etc.), um número significativo de crianças que nasceram pré-termo vem apresentando, de acordo com estudos, sinais de distúrbios do desenvolvimento relacionados com as seguintes áreas: cognição, linguagem, socialização, autocuidado e déficits de desenvolvimento motor. Considerando uma medida de prevenção a estes fatores, o acompanhamento de uma equipe multidisciplinar logo após a alta hospitalar deste bebê é de extrema importância para prevenir estes atrasos do desenvolvimento. A importância da fisioterapia: Quando falamos em Fisioterapia Pediátrica, logo pensamos no desenvolvimento motor, onde a criança tem que ser capaz de

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

controlar seu próprio corpo, afinal é através do corpo que a criança brinca e ganha recursos adequados para o seu desenvolvimento, garantindo sua independência e ainda contribuindo para que tenha um bom conceito de si mesma. Este processo de desenvolvimento do bebê se compreende em uma complexa sequência de eventos fisiológicos e de mudanças comportamentais que se iniciam na concepção e se estendem até a vida adulta. No entanto, é após o nascimento que o desenvolvimento motor se desenvolve ao longo da vida, sendo submetida a um processo de transição, cujos movimentos livres experimentados intra-útero, são agora restritos pela ação da gravidade. Conhecendo o universo da motricidade humana, o acompanhamento de todo o processo de desenvolvimento infantil e a detecção precoce de distúrbios relacionados ao desenvolvimento motor consegue-se entender a importância da intervenção Fisioterapêutica imediata nestes bebês pré-termo para um melhor prognóstico do desenvolvimento. A Fisioterapia precoce tem como objetivo principal minimizar através de ações preventivas, fatores que interferem no desenvolvimento motor do bebê. Uma das intervenções mais utilizadas durante estes atendimentos é o “Conceito Bobath”, onde se utiliza de técnicas que promovem a facilitação dos movimentos motores e a inibição dos movimentos e posturas anormais, auxiliando assim a realização dos movimentos funcionais normais.


Lifting sem cirurgia com MD Codes® Estudos apontam que quando realizamos procedimentos estéticos, que têm como objetivo uma melhor harmonização da aparência, ocorre também uma redução de sintomas de ansiedade, e até de depressão, já que essas transformações estimulam o lado emocional.

DRA. LILE DALL ASTRA BIOMÉDICA ESTETA - CRBM 3-9892 • Formada em Biomedicina; • Especialista em Análises Clínicas; • Especialista em Biomedicina Estética; • Especialista em Cosmetologia Avançada; • Membro da Sociedade Brasileira de Biomedicina Estética.

Hospital Dois Pinheiros 66 99686 0099 66 3520 2812 Av. dos Tarumãs, 995 - 1° andar, Sala 13 - Jardim Botânico, Sinop/MT 66

Há importantes teorias que relacionam as expressões faciais com sintomas emocionais, estudadas por naturalistas e pensadores como Charles Darwin, com a teoria do “feedback facial”, também a de William James, relatando que a expressão facial pode influenciar o humor, sendo fonte de emoções, e a de Silvan Tomkins, que descreve que “o rosto expressa afeto, tanto para os outros quanto para si”. Portanto, os procedimentos que melhoram as expressões faciais representadas como emoções negativas trazem, automaticamente, bem-estar físico e psíquico. Isso ocorre porque a musculatura facial regula a experiência emocional e comportamental do ser humano direcionando comandos ao cérebro de uma expressão interpretada como sendo real. Concluindo que, procedimentos estéticos, especialmente os faciais, trazem automaticamente bem-estar físico e psíquico. Com o envelhecimento, a pele vai perdendo estruturas de sustentação, resultando em rugas, sulcos e flacidez. Expressões individuais podem influenciar e até aumentar esses vincos e sulcos antes do tempo. Para atenuar esses efeitos e até adiar uma cirurgia futura, o ácido hialurônico (AH) é uma alternativa eficaz e duradoura, além de ser biocompatível com nosso organismo e seguro para a saúde. Com o avanço na medicina, técnicas revolucionárias vêm sendo criadas, assim como o MD Codes®, que veio com um novo conceito para tratar o envelhecimento facial. O método se define por um mapeamento da face por meio de pontos estratégicos. Esta técnica, criada pelo médico brasileiro Dr. Maurício de Maio, tem sido divulgada por mais de 40 países e ensinada a mais de 10 mil profissionais injetores por ano. O tratamento promove uma aplicação planejada, detalhada e com resultados diferenciados, quando comparada com as técnicas até então antes utilizadas, apresentando naturalidade na face do paciente.

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

O que é o MD Codes®? Trata-se de um mapeamento facial que atende às necessidades do paciente, com o objetivo de promover um efeito lifting da face sem cicatrizes. Qual a durabilidade após aplicação? Os efeitos do AH duram em torno de 12 a 24 meses variando de acordo com a escolha do produto injetado, e a absorção individual de cada organismo. Quanto tempo leva o procedimento? Em torno de 60 minutos. Dói a aplicação? Quase indolor, se necessário anestésicos são aplicados. Quais os riscos desse procedimento? Não provoca alergia ou rejeição, e não provoca complicações a longo prazo. Pequenos hematomas e edema podem ocorrer, mas que são absorvidos em poucos dias. Complicações mais severas podem ocorrer quando a aplicação de AH é feita por profissionais não capacitados.


Opção de tratamento do reganho de peso após cirurgia bariátrica

DR. PEDRO HENRIQUE A. PADUAN CRM/MT 3553 | RQE 2203 CIRURGIA DO APARELHO DIGESTIVO • Formado pela UNIFENASUNIVERSIDADE FEDERAL DE ALFENAS; • Colégio Brasileiro de Cirurgia Digestiva - CBCD; • Sociedade Brasileira de Endoscopia Digestiva - SOBED; • Sociedade Brasileira de Videocirurgia - SOBRACIL; • Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica - SBCBM; • Colégio Brasileiro de Cirurgiões CBC.

Segundo dados da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica (SBCBM), estima-se que nos últimos dez anos cerca de 400 mil brasileiros se submeteram a cirurgia bariátrica para perda de peso. Contudo, até 30% desses pacientes voltaram a reganhar peso após algum tempo de operado. Uma das Causas principais disso é a dilatação da anastomose gastro-intestinal feita na cirurgia. A anastomose nada mais é do que a emenda cirúrgica feita entre o estômago

Costura entre o estômago novo criado na cirurgia e o intestino se alargando com o tempo. Com o argônio conseguimos estreitá-lo novamente.

reduzido e o intestino delgado. Com o tempo, a dilatação pode ocorrer naturalmente permitindo a passagem fácil do alimento ingerido, levando ao reganho de peso. A SUTURA ENDOSCÓPIA também pode ser usada para corrigir cirurgias bariátricas realizadas, atuando como terapia secundária. Nesse sentido, a câmara gástrica e anastomose podem ser reduzidos após uma cirurgia bariátrica, promovendo uma maior saciedade e a perca de peso.

O PLASMA DE ARGÔNIO realiza uma cauterização (fulguração), uma espécie de ‘‘queimadura’’ circunferencial nesta anastomose. Isso induz um processo de cicatrização com consequente diminuição do diâmetro da anastomose, Primeira Aplicação

promovendo a restrição da passagem do alimento.

68

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

MAIS INFORMAÇÕES CONSULTE NOSSO GUIA NAS PÁGINAS 10,11,12,13,14 e 15


Cirurgia plástica gengival Uma aliada na harmonia do sorriso As cirurgias plásticas gengivais são realizadas para harmonizar a estética vermelha (gengivas) com a estética branca (dentes). Em muitos casos fazer clareamento, colocar laminados e implantes, ainda não resolvem o problema estético do sorriso. DRA. ROSELI MOIA CIRURGIÃ DENTISTA CRO/MT 4135

Isso acontece quando há: • Excesso de gengiva (gengivas grandes); • Contornos gengivais de diferentes alturas; • Falta de gengiva; • Gengivas muito pigmentadas. Todas essas situações podem levar a uma desarmonização do sorriso, e podem ser corrigidas com procedimentos cirúrgicos estéticos. Gengivoplastia – Cirurgia Plástica Gengival para remoção de excesso de gengiva Muitas vezes os dentes estão “escondidos” na gengiva, ou seja, tem gengiva demais, nesses casos fazemos uma gengivoplastia, é uma cirurgia simples com anestesia local, a mesma usada para fazer restaurações, onde é removido o excesso da gengiva, em alguns casos também é necessário a remoção óssea para um melhor resultado, assim os dentes ficam mais visíveis, maiores, e isso muda muito o sorriso. Num planejamento estético, as vezes são necessários alterar o contorno somente de alguns dentes, com isso já há um ganho estético considerável no resultado final. Enxerto Gengival – Cirurgia Plástica Gengival para repor gengiva Por outro lado, e muito mais comum, é a falta de gengivas. Ocorre em pacientes que tem uma gengiva muito delgada, que quando associado a algum problema de mordida

(falta de dentes, apertamento, bruxismo) presença de placa bacteriana, faz com que essa gengiva se retraia expondo a raízes dos dentes gerando muita sensibilidade, pois a dentina nesses casos fica exposta. Nessa situação é realizado um enxerto gengival, também com anestesia local. Na cirurgia é removido uma pequena quantidade de gengiva do palato, “céu da boca”, do próprio paciente e enxertado na região onde há falta de gengiva. Nos casos de enxerto uma rigorosa avaliação tem que ser feita previamente para resolver a causa da perda gengival para que não ocorra novamente. Peeling Gengival – Cirurgia Plástica Gengival para remoção de manchas escuras Esse procedimento é realizado para clarear gengivas escuras, e que incomodam algumas pessoas, é causado pelo excesso de produção de melanina. Após anestesiado é realizado uma descamação da gengiva com remoção dos pigmentos, em seguida forma-se uma nova gengiva mais clara, sem melanina. Depois de 2 a 3 anos essa pigmentação pode voltar, necessitando de retoque. Em geral as cirurgias plásticas gengivais, proporcionam um resultado diferenciado quando indicado como complemento de outro tipo de tratamento estético como clareamento e lentes de contato. Antes de iniciar um tratamento, temos que avaliar a harmonia do sorriso, pois muitas vezes pequenas correções, para alinhar os níveis gengivais, fazem uma grande diferença no resultado estético final do sorriso, um correto planejamento trará resultados mais satisfatórios.

Em geral as cirurgias plásticas gengivais, proporcionam um resultado diferenciado quando indicado como complemento de outro tipo de tratamento estético como clareamento e lentes de contato. 66 3531 0706 | 66 99613 6107 Av. Tarumas, 730 A - Sinop/MT 70

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

Gengivoplastia

Enxertos gengival


#curtas |

Revista Saúde Junho . 2019 Norte do Mato Grosso

INSTRUTOR CÊNIO MARQUES O Instrutor Cênio Marques vem convidar a população em geral para conhecer um pouco mais sobre as aulas de karatê Shotokan, e aulas de defesa pessoal para mulheres. O instrutor fica a disposição no Ginásio Flor do Cerrado durante a semana no período noturno.

”ENSINA A CRIANÇA NO CAMINHO QUE DEVE SEGUIR E MESMO QUANDO ADULTO, NÃO SE DESVIARÁ DELE” Com o objetivo de despertar em crianças e jovens o interesse na prática esportiva, contribuindo com uma educação complementar, em meados de 2017 iniciou-se o projeto do Karatê Shotokan no município de Sorriso.

GRAND PRIX KARATÊ A equipe AVOS/DOJO CENIO, participam do Grand Prix Karatê na Cidade de Sinop/MT, o aluno Pablo Vitor, consegue conquistar duas medalhas de 1° lugar.

LABORATÓRIO CELLA Premiado pelo décimo ano consecutivo como Empresa Destaque da ACES.

#estounocurtasdasaúde 72

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br


Revista Saúde Junho . 2019 Norte do Mato Grosso

| #curtas

14a COPA NORTE DE JIU JITSU DO MT O renomado Médico Ortopedista Dr. Lauro Maiolino Ribeiro marcou presença apoiando a 14a Copa Norte de Jiu Jitsu do MT. Foram 162 atletas inscritos, realizado no Ginásio Domingão no dia 11/05/2019.

ELZÍ MOREIRA Elzí Moreira é Executiva de Contas na aérea de comunicação. Atualmente, Elzí vem se especializando em Terapia Sistêmica, TOQ Mapeamento Genético Sistêmico Celular e Constelação Familiar, pois acredita que a vida vai além do aparente.

MEDICINA NUCLEAR EM SINOP O Centro de Medicina Nuclear de Sinop é o precursor na realização de exames de Cintilografia em toda região Norte do Estado do Mato Grosso. Com um aparelho moderno, equipe qualificada e atendimento humanizado, a clínica está preparada para auxiliar seus clientes e médicos solicitantes, na busca por um diagnóstico rápido e preciso.

EMPODERA ODONTO Dra. Roseli Moia e sua equipe participaram do Empodera Odonto com Dra. Vitoria Barion.

#estounocurtasdasaúde rsaude.com.br | Junho . 2019 | Revista Saúde

73


#curtas |

Revista Saúde Junho . 2019 Norte do Mato Grosso

DIA DAS MÃES Dra. Roseli Moia e sua filha Cecília comemorando o dia das Mães.

FEIRA INTERNACIONAL DE SEGURANÇA - EXPOSEC Os Diretores das Unidades Inviolável Sinop Cezar Zanco e Inviolável Sorriso Anderson Mathias estiveram presentes na Feira Internacional de Segurança EXPOSEC.

FEIRA INTERNACIONAL DE SEGURANÇA - EXPOSEC Os Diretores das Unidades Inviolável Sinop, Cezar Zanco e Inviolável Sorriso, Anderson Mathias, participaram do evento do palestrante Arthur Igreja sobre as “10 Principais tendências e oportunidades para os negócios”, uns dos melhores palestrante do seguimento de tecnologia.

CONGRESSO INTERNACIONAL DE ESTÉTICA A Esteticista Eduarda Pereira esteve presente no Congresso Internacional de Estética em São Paulo e no Stand Afine-se contou com a presença de Ellen Roche, estrela do Afine-se.

#estounocurtasdasaúde 74

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br


Revista Saúde Junho . 2019 Norte do Mato Grosso

| #curtas

ANJOS EXPERIENCE 2019 A Esteticista Eduarda Pereira participou do evento Anjos Experience 2019 em São Paulo, buscando mais conhecimento para o método Afine-se.

6° CORRIDA DA SOJA SORRISO-MT O Atleta Anderson Lima concluiu mais uma corrida da Soja em Sorriso, se destacou com o tempo de 50 minutos e 42 segundos, finalizando a prova em 72º lugar, na categoria geral.

CURSO PSICOLOGIA POSITIVA No dia 21 de Junho a terapeuta Sistêmica da Clínica Plenitude estará novamente no curso de prática clínica em Psicologia Positiva em Belo Horizonte com a mestra em Psicologia Positiva e Hipnose clínica Dra. Sofia Bauer.

FÉRIAS NO SUL No mês de Junho, Juniara Caroline Silveira aproveitou para passear no Sul do país em suas férias.

#estounocurtasdasaúde rsaude.com.br | Junho . 2019 | Revista Saúde

75


#social |

Revista Saúde Junho . 2019 Norte do Mato Grosso

TRANSMED UTI MÓVEL INAUGUROU SUA SEDE EM SORRISO Nas fotos estão presentes autoridades como o Prefeito e Vice Prefeito, Corpo de Bombeiros, Pastor Neviton e parceiros, Pax Bom Pastor e Abelha Remoção Aérea.

76

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br


Revista Saúde Junho . 2019 Norte do Mato Grosso

| #social

BELLA DONNA INAUGURA NA CIDADE DE LUCAS DO RIO/MT Empresária da área da saúde Geovete Araújo de Andrade juntamente com sua irmã Valmira Araújo de Andrade inaugura na cidade de Lucas do Rio o mais novo centro de Moda e Beleza da cidade. O espaço contempla uma linda loja de roupas femininas e um salão de beleza moderno para facilitar e otimizar o tempo da mulher luverdense. rsaude.com.br | Junho . 2019 | Revista Saúde

77


#social |

Revista Saúde Junho . 2019 Norte do Mato Grosso

TRATAMENTO DE ONCOLOGIA É INAUGURADO NA CIDADE DE SORRISO/MT Hospital 13 de Maio em parceria com o IC Brasil passa a oferecer tratamento de quimioterapia na cidade de Sorriso/MT.

84

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br


Revista Saúde Junho . 2019 Norte do Mato Grosso

| #social

INAUGURAÇÃO FILIAL BELLO PANE No dia 30 de Maio inaugurou a nova filial Bello Pane, onde contou com a presença de clientes e amigos.

rsaude.com.br | Junho . 2019 | Revista Saúde

85


#social |

Revista Saúde Junho . 2019 Norte do Mato Grosso

INAUGURAÇÃO INTERCOR EM SORRISO/MT No dia 11 de Abril, Inaugurou a INTERCOR, Centro de Hemodinâmica, Cardiologia Intervencionista, Neurointervencionismo e Cirurgia Endovascular, anexo ao Hospital 13 de Maio.

86

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br


Lesões musculares no membro superior Nos últimos anos houve aumento da incidência das lesões musculares nos membros superiores, principalmente em esportes relacionados à atividade física intensa, como nos praticantes de musculação, além do suposto uso concomitante de esteroides anabólicos. Neste texto vamos tratar de duas lesões frequentes na prática da clínica da cirurgia do ombro e cotovelo.

DR. MÁRCIO MORAES ORTOPEDIA E TRAUMATOLOGIA CIRURGIA DO OMBRO E COTOVELO CRM/MT 5670 RQE 2064 - TEOT 10722 • Graduado na Faculdade de Medicina de Jundiaí-SP; • Ortopedia e Traumatologia pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP - EPM); • Especialização de Cirurgia do Ombro e Cotovelo pela Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP EPM); • Aperfeiçoamento em Cirurgia do Ombro em San Antonio, Texas-EUA; • Aperfeiçoamento em Cirurgia do Ombro e Cotovelo na Cleveland Clinic em Cleveland, Ohio, EUA; • Título de Especialista de Ortopedia e Traumatologia • Título de Especialista pela Sociedade Brasileira de Cirurgia de Ombro e Cotovelo; • Membro Internacional da Academia Americana dos Cirurgiões Ortopédicos.

88

A lesão do tendão peitoral maior possui como mais frequente o mecanismo de lesão indireto, sendo mais comum nos atletas, tal como ocorre no levantamento de peso durante o exercício conhecido como supino. Alguns estudos demonstraram que na posição do exercício de supino, quando as fibras inferiores são estiradas em contração excêntrica, durante os últimos graus de extensão, ocorre a predisposição e lesão na junção miotendínea ou na inserção tendínea no córtex umeral. Geralmente, os atletas que visam a hipertrofia muscular realizam levantamento com sobrecarga de peso e poucas repetições. O mecanismo direto está relacionado a esportes de contato, sendo comum na prática esportiva do jiu-jitsu, afetando principalmente as fibras musculares. Clinicamente, o atleta pode apresentar dor, equimose e edema na região anterior do ombro e tórax, com limitação de movimento. A ressonância magnética deve ser utilizada com o objetivo de definir o local e a extensão da lesão. As lesões completas nos atletas e indivíduos ativos apresentam melhores resultados quando tratadas cirurgicamente. As rupturas do tendão do bíceps distal representam 3% das rupturas bicipitais. Acometem preferencialmente homens na quinta e sexta década de vida, ocorrem em sua maior parte no membro dominante, devido principalmente a um mecanismo de trauma por contração excêntrica do bíceps com cotovelo flexionado. A avaliação diagnóstica da lesão aguda do bíceps distal é iniciada através da anamnese e do exame físico. Entretanto, confirmamos a ruptura completa, bem como o grau de retração do coto tendíneo, e a presença de lesões associadas por meio dos exames complementares. A ressonância magnética é considerada o método padrão ouro para o diagnóstico definitivo, auxilia o planejamento cirúrgico e descarta lesões associadas. O tratamento conservador resulta em déficit de força, apresentando perda de força de supinação de aproximadamente 40% e de flexão de 30%, além de restrições para as atividades

Revista Saúde | Junho . 2019 | rsaude.com.br

da vida diária. Dessa forma, o tratamento não cirúrgico fica reservado para pacientes sem condições clínicas, para cirurgia e pacientes idosos de baixa demanda funcional. A conduta de escolha e o tratamento cirúrgico o mais precoce possível por permitir a recuperação e mobilização do tendão do bíceps distal retraído e, com isso, possibilitar a fixação anatômica do tendão na tuberosidade radial. Nesse texto abordamos essas duas lesões, mas existem outras lesões musculares no ombro e cotovelo que estão relacionadas a atividade física. Havendo algum sintoma, o ideal é procurar a avaliação médica especializada.

Clinicamente, o atleta pode apresentar dor, equimose e edema na região anterior do ombro e tórax, com limitação de movimento.

MAIS INFORMAÇÕES CONSULTE NOSSO GUIA NAS PÁGINAS 10,11,12,13,14 e 15


Hospital 13 de Maio em parceria com o IC Brasil passa a oferecer tratamento de quimioterapia O Hospital 13 de Maio (H13), que já realizava desde a sua abertura tratamento cirúrgico de pacientes com câncer, agora também passa a oferecer tratamento de quimioterapia em parceria com o Instituto do Câncer Brasil (IC Brasil). Para oferecer o tratamento de quimioterapia, uma ala do hospital foi totalmente adaptada visando a segurança e o conforto para os pacientes. Conforme o Dr. José Marcio Barros de Figueiredo, oncologista clínico e diretor executivo do instituto, o H13 tem todos os recursos necessários para receber a mais nova unidade do IC Brasil, pois possui uma grande estrutura física, aparelhos de última geração, cirurgião oncológico e equipes multidisciplinares. “Agora teremos o ciclo completo. Tudo o que há de mais moderno

no tratamento infusional está disponível no H13, permitindo que os pacientes tenham um tratamento de qualidade próximo de sua residência”, destacou. Segundo ele, o ICBrasil está em oito cidades brasileiras é formado por um corpo clínico extremamente técnico oriundo de grandes universidades como a USP e do Hospital do Câncer de Barretos. “O nosso paciente terá a segurança de estar se tratando com protocolos definidos por uma equipe médica altamente capacitada”, explicou. Para o cirurgião oncológico, Dr. Mario Bernardes, a parceria vai proporcionar mais qualidade de vida aos pacientes que não precisarão mais se deslocar até os grandes centros para terem acesso a uma oncologia de qualidade em tempo hábil e de forma segura.

O ICBrasil atenderá a planos de saúde e pacientes particulares. Porém, autoridades políticas já demonstraram interesse em poderem oferecer esse mesmo tratamento de qualidade para os pacientes que utilizam o SUS.

Hospital 13 de Maio inaugura setor de Hemodinâmica O Hospital 13 de Maio (H13) inaugurou, no dia 11 de Abril, a Intercor Sorriso – Sala de Hemodinâmica Rogério Fürh, buscando cada vez mais ser referência em medicina de alta complexidade. A unidade possui estrutura física e funcional de ponta para o atendimento da população regional. Anexo ao Centro de Imagem e sob a coordenação técnica do cardiologista intervencionista Dr. Antônio Pozetti, o setor alia tecnologia, segurança e conforto para as equipes médicas, assistenciais e pacientes. “Estamos disponibilizando serviços de hemodinâmica e cardiologia intervencionista até então limitados a grandes centros, ou seja, estamos oferecendo o que há de mais moderno no tratamento das doenças endovasculares”, frisou. Dr. Antônio explica que por meio de técnicas minimamente invasivas, a Intercor Sorriso realiza exames de diagnóstico e tratamento das doenças cardiovasculares como cateterismo, angioplastia coronária (implante do stent), diagnóstico e tratamento de diversos

tipos de aneurismas (cerebrais, aorta, membros inferiores e superiores). Segundo ele, o setor de hemodinâmica só foi inaugurado porque o hospital conta uma grande estrutura e um corpo clínico composto por profissionais de diversas especialidades. “Nós precisamos, além de médicos e enfermeiros treinados, de todo o suporte hospitalar como UTI e outras equipes médicas de prontidão para possíveis eventualidades”, completou.

Para dar início aos trabalhos, o setor atendeu gratuitamente quatro pacientes que estavam aguardando atendimento pelo SUS com exames de cardiologia, neurologia e vascular. Conforme o presidente do Conselho Administrativo do H13, Marcelo dos Santos, desde que o hospital foi inaugurado já se ansiava por disponibilizar a hemodinâmica. Para que o serviço seja ofertado na rede pública, o deputado Xuxu Dalmolin se comprometeu em auxiliar no credenciamento do setor junto ao SUS e à Secretaria Estadual de Saúde.


Profile for Revista Saúde

REVISTA SAÚDE SORRISO - EDIÇÃO 26 - 10/06/2019  

REVISTA SAÚDE SORRISO - EDIÇÃO 26 - 10/06/2019