Page 1

Um show de festa

“Televisão 60 Anos - O Show” comemorará a data em noite de gala. Pág. 6

Esta é uma publicação gratuita da Pró-TV / Museu da TV Brasileira - www.museudatv.com.br

pró_tv

Agosto 2010 | Nº 85

revista


| Editorial | Do preto e branco às cores Vida Alves Foi com os tons de cinza, o preto e a claridade do branco, que a televisão começou há 60 anos atrás. Depois veio o colorido, dando mais vivacidade às imagens em movimento... Um grande avanço para a época! É sempre assim, quando as cores chegam, trazendo mais alegria, pintando a nossa vida. Assim como na TV isso também aconteceu com o jornal, com as revistas, com tudo. E agora para nossa alegria, as cores chegam àquele que no início foi o “Boletim PróTV”, depois “Jornal Pró-TV” e agora, começa uma nova fase, com novo design, como “Revista PróTV”... De 8 páginas pulamos para 12, de 1.000 leitores passaremos a 3.000! Só que isto se deve claramente ao apoio de amigos de verdade, como a Imprensa Oficial do Estado de São Paulo. Um acordo que nasceu após reunião com a Sra. Vera Wey, Gerente de Produtos Editoriais e Institucionais da Imprensa Oficial, que era apoiada anteriormente pelo presidente da entidade, o Sr. Hubert Alquéres. Esta mudança é um avanço não apenas para nossa publicação, que agora chega ao número 85, mas é sinal de um crescimento da Pró-TV – principalmente numa época em que comemora os 60 anos da televisão brasileira.

Falando em amigos... A outra novidade é o “Televisão 60 Anos – O Show”. Vamos reunir mais de 160 pioneiros da TV que serão premiados em grande festa no Memorial da América Latina – em 18 de setembro de 2010 (Dia Nacional da TV), às 20 horas. No Auditório Simón Bolívar estará um elenco de estrelas – apresentadores e músicos – neste show dirigido por Nilton Travesso, com supervisão de Rita Okamura. Após a festividade ainda haverá um coquetel no foyer do Auditório.

Este evento é uma realização do Governo do Estado de São Paulo e sua Secretaria da Cultura, da Pró-TV, do Memorial da América Latina, tendo como patrocinadora a Rede Bandeirantes da Televisão e muitos outros apoiadores, sem esquecer da agência de propaganda “Rino Com”, que está dando nova roupagem à festa, através do bonito logo que viram na capa do jornal. São esses nossos amigos que deixarão para a história um show do peso do que virá por aí. Nestes 60 anos da televisão brasileira, a Pró-TV terá muito o que comemorar! 2


Foto: Toni Perecin

| Eventos | Parabéns, Águas de São Pedro

Oswaldo Di Martino, Beatriz Oliveira, Vida Alves, o prefeito Paulo César e esposa Em 25 de julho próximo passado, foi realizada a festa de aniversário dos setenta anos da nossa cidade: Águas de São Pedro, com a presença de todas a s a u to r i d a d e s l i ga d a s a s u a administração, bem como dos prefeitos das cidades vizinhas, além do representante da câmara dos deputados. Nessa solenidade, pudemos sentir o espírito de comunhão de todo o povo, que compareceu em massa no nosso palco-gramado, onde se realizou o culto ecumênico solene, num exemplo maravilhoso de entrosamento entre todas as igrejas cristãs locais, onde cada líder, a partir do Revmo. Padre Antonio Portilho, seguido dos pastores das várias denominações evangélicas presentes, enfatizou a busca da paz entre os povos e o entendimento de todos os cristãos.

Após o culto, por ocasião da cerimônia oficial, várias pessoas tomaram a palavra, pontificando a mensagem do nosso prefeito Sr. Paulo César Borges e autoridades presentes. Ainda tivemos o prazer de receber como convidada, a presidente da Associação dos Pioneiros Profissionais e Incentivadores da Televisão Brasileira - PRO TV, Dra. Vida Alves, a qual, após ter-lhe sido concedida a palavra, nos trouxe uma mensagem singela, porém encantadora, onde afirmou que ao procurar uma manifestação de amor, a havia encontrado precisamente aqui, entre nós, cidadãos aquapedrenses. Depois da solenidade, um grande bolo de aniversário foi servido a todos - autoridades e povo presente, coroando assim, a bela festa de aniversário. Oswaldo Di Martino

3


| Encontro com os Artistas | Jane Batista Pioneira da Televisão, jornalista e escritora. Desde criança seu sonho era ser artista e escritora. Conseguiu realizar ambos os sonhos. Iniciou sua carreira artística como locutora de rádio, tendo apresentado ao vivo inúmeros artistas famosos. Pioneira, participou de perto da história da televisão brasileira, como garota propaganda, apresentadora e atriz. Em sua trajetória atuou na inauguração dos canais: TV Paulista (atualmente Rede Globo), TV Curitiba, TV de Ribeirão Preto e Brasília. Nessa inaugurações, apresentava seu espírito empreendedor, redigindo e apresentando os mais diversos papéis, entre eles a participação nas seguintes novelas: “Helena” de Machado de Assis e “Casa de Pensão” de Aloísio de Azevedo. Criando os programas, redigindo os textos, tanto para apresentação dos mesmos, como para a parte de publicidade e preparando as novas garotas propaganda, com sua vasta experiência. Permaneceu na TV Paulista alguns anos, sendo convidada para ingressar na TV Tupi, pelas mãos do Dr. Edmundo Monteiro nesta época Presidente, quando

ainda era canal 3. Por indicação da direção dessa emissora, participou das citadas inaugurações. Paralelamente com seu trabalho na televisão, participou de sete filmes nacionais, entre eles o premiado “Chamas no Cafezal”, co-produção americana. No teatro trabalhou na Peça “O Ovo”, com o saudoso Armando Bogus. No campo da moda, foi pioneira e uma das mais conhecidas apresentadoras na arte de apresentar e organizar desfiles dos famosos costureiros como: Clodovil, Denner entre outros mais. Apresentou o concurso “Miss São Paulo”, durante cinco anos, em virtude de sua experiência nas passarelas. O que empolga, porém, é a lembrança de sua presença na inauguração de Brasília. Foi em 21 de abril de 1960, recorda Jane. Juscelino Kubitschek mandou organizar um concurso com locutoras de rádio e TV, escolhendo a voz que representasse Brasília. Jane foi escolhida por ele nascendo uma amizade cordial entre o presidente e Jane. Permaneceu na TV Tupi por vários anos, quando decidiu voltar para a sua carreira de jornalista, pois sentia falta da profissão de seu pai, que como jornalista, a incentivou a seguir. Durante quinze anos foi colunista e redatora do “Grupo 1 de Jornais Gazeta de Pinheiros”. É funcionária da Câmara Municipal de São Paulo, com vasta experiência na área política. Jane sente-se orgulhosa de ter sido convidada por Kina de Oliveira a ser integrante da “AJEB – Associação de Jornalistas e Escritoras do Brasil”, onde atingiu o cargo de vice-presidente, tendo colaborado em várias Antologias ao lado de famosas escritoras e amigas. Atualmente está terminando seu livro “A Participação da Mulher na Política”.

Jane Batista na década de 50 4


| Acontece | Elmo Francfort

Visual repaginado... Perceberam a mudança? - essa é a pergunta que faço a vocês. Quem leu a revista até aqui com certeza viu que não apenas a publicação mudou, mas todo nosso visual. A Pró-TV está ganhando uma cara mais jovem, mais universal, que engloba todos os que são “Pró-TV”: a favor da televisão. Para essa mudança juntamos nossos conhecimentos com a assessoria da Rino Publicidade, agora denominada Rino Com. Foram criados novas logomarcas: da festa dos 60 anos da Televisão Brasileira e da Pró-TV.

Novas logomarcas criadas pela Rino Com

Redes sociais A Pró-TV também está remoçando a forma de comunicação com seus associados. A associação integramos as redes sociais: orkut, facebook, twitter e temos agora dentro de nosso portal de Internet também o blog. Entre no site da Pró-TV e saiba como participar das redes sociais e receber regularmente notícias da associação e sobre televisão: www.museudatv.com.br 5


Há 60 anos eles aguardavam o show começar. Na padaria telespectadores assistem o início do show inaugural da pioneira TV Tupi, em 18/09/1950.


Hoje nós comemoramos o show que ali começou. Agora é hora de comemorarmos os 60 anos da TV brasileira com um grande show no Auditório Simón Bolívar (Memorial da América Latina) , no dia 18 de setembro, às 20 horas. Grandes artistas da TV estarão presentes ao “Televisão 60 Anos - O Show”. Na apresentação, nomes como Antonio Abujamra, Carlos Nascimento, Cid Moreira, Daniel Filho, Eva Wilma, Fernando Mitre, Gabriela Duarte, George Henry, Goulart de Andrade, Hebe Camargo, Jane Batista, Laura Cardoso, Lima Duarte, Luiz Gustavo, Márcia Real, Maria Tereza Gregori, Osmar Santos, Regina Duarte, Ronnie Von, Silvia Poppovic, Sonia Maria Dorce, Tatiana Belinky, Vicente Sesso, Vida Alves e grande elenco. E números musicais com Caçulinha, Claudya, Inezita Barroso, João Carlos Martins, o balé de Maria Pia Finocchio, Rolando Boldrin, Sidney Moraes, Tiê, Wanderléa, Wilma Bentivegna e muitos outros! Sob a direção de Nilton Travesso e supervisão de Rita Okamura. O show é uma realização do Governo do Estado de São Paulo e Secretaria de Estado da Cultura, da Pró-TV e patrocínio da Rede Bandeirantes de Televisão, com o apoio da Rino Com, Caixa Cultural, Procimar Vídeo e da Imprensa Oficial do Estado de São Paulo.

Venha comemorar com a gente.


| Saudades | Cyro Del Nero Morreu Cyro Del Nero. Que saudade..... Nascido em São Paulo, no Brás, em 28 de dezembro de 1931, de família protestante, bem jovem fez amizades com pessoal de teatro. Entre estes amigos estavam: Fernanda Montenegro, Fernanda Torres, Carlos Zara e outros. Cyro era alto e bonito. Pensou ser ator. Fez alguns papéis. Mas logo descobriu sua paixão pelo desenho. Dedicou-se à cenografia. Foi logo convidado pelo importante Flávio Rangel, e fez a cenografia da bela peça: “O Canto da Cotovia”. Foi convidado a ir à Grécia e lá ficou vários anos, fez amigos, trabalhou, casou e teve filhos. Foi a vários países da Europa. Voltou, porém ao Brasil e ligou-se à televisão. Fez Excelsior, Tupi, Globo, onde foi: Diretor de Arte. Fez a abertura do “Fantástico” e ganhou prêmios, como “Melhor Cenógrafo Nacional”. Fez moda. Por 10 anos dirigiu os desfiles da Rhodia. Fez o TBC, com montagens para: “O Guarani”, “Semente”.

Algumas criações de Cyro para TV

Em 1998, a convite do governo francês, expôs no Louvre. Levou para lá o aroma, o paladar, o som da Amazônia. Mostrou toda a sua genialidade. Professor de arte e cenografia da USP, era o Diretor de Arte da PRÓ-TV Associação dos Pioneiros da Televisão Brasileira. Casou outras vezes e deixou 7 filhos. Faleceu em 31 de julho de 2010 e foi cremado na cidade Guarulhos, no cemitério criado por ele. Grande artista, grande amigo. Saudade. V. A. 8


Aniversariantes Agosto 2010 01 Bruna Lombardi 02 Isolda Correia Dias 02 João Kléber 03 Fabiana Spada 03 Suzana Alves 04 Daisy Fonseca 04 Beatriz de Oliveira 05 Carlos Alberto Simão 05 Natália Thimberg 06 Irene Ravache 06 Mauro Salles 07 Caetano Veloso 07 Vera Holtz 07 Yoná Magalhães 07 Élio Tozzi 07 Moracy Duval 07 Lú Bandeira 08 Valdemar Jorge Filho 09 Paulo Sérgio Cardoso 10 Fafá de Belém 10 Fábio Assunção 11 Júlia Gray 11 Amália Mattei 12 Edney Giovenazzi 12 Vera Nunes 15 Marcos Mora 17 Elba Ramalho 17 Geórgia Gomide 18 Osmar Prado 19 Marcos Palmeira 20 José Wilker 20 Roberto Rodrigues Alves 22 Rodrigo Santoro 22 Ari Toledo 22 Luiz Loy 23 Tônia Carrero 23 Suzana Vieira 23 Henrique Martins 23 Glória Pires 25 Tony Ramos 26 Dori Caymmi 26 Luiz Guimarães 27 Walter Massis 27 Sandra de Sá 28 Márcia Dorce 28 Walmor Chagas 29 Edu Lobo 29 Alessandra Negrini 29 Luana Piovani 30 Nelson Xavier 31 Sandra R. B. Godinho 31 Ermínio Chagas Gomes

| Fala do telespectador | Esta é uma nova página de nossa Revista Pró-TV. E vai ser destinada àqueles que nos escrevem, nos telefonam, dão suas opiniões, suas sugestões, suas participações. O título poderia ser: Fala do leitor, como existe em todos os jornais, mas é que no nosso caso, quase sempre a correspondência é sobre a televisão e os que se dirigem a nós são telespectadores. Começaremos hoje registrando o belo documento que nos foi enviado por Helena Macuco Mosca, e se intitula: “A TV que eu vi”. Em vinte e tantas páginas muito bem escritas, essa amiga relata a televisão que viu e que gostou, desde sua infância. Diz ela, já no começo de seu texto: “Dizer que a televisão do início era TV A LENHA é uma estultice. É o mesmo que criticar a revolução da própria roda. O rádio era à galena, mas assim mesmo foi uma revolução”. Citando nomes importantes, programas que fizeram fama, peças de teatro adaptadas, grandes cantores, grandes musicais, Helena Macuco Mosca contribui com sua carta para que aumente nosso respeito e nossa gratidão ao telespectador e ao leitor da nossa Revista Pró-TV. Registramos aqui à ela nossa admiração e gratidão. Os que quiserem aparecer nesta coluna do Jornal PRÓ-TV escrevanos. A/C: Revista Pró-TV (“Fala do Telespectador”) E-mail: protv@museudatv.com.br Correio: Rua Vargem do Cedro, 140 - Sumaré - SP / SP CEP: 01252-050

A PROCIMAR APÓIA A DIGITALIZAÇÃO DO ACERVO DA PRÓ-TV Tel: (11) 3873.5888 www.procimar.com.br

| Expediente | Direção: Vida Alves | Design: Elmo Francfort | Redação: Elmo Francfort e Nelson Gonçalves Jr. | Secretaria: Lú Bandeira | Tel: ( (11) 3872.7743 | Site: www.museudatv.com.br E-mail: protv@museudatv.com.br | Expediente: Segunda a sexta - 10h/18h | Venha nos visitar. Agende sua visita!

9


O seu horário nobre.

Ler é crescer. Viver. Viajar. Quem lê, voa mais alto, vai mais longe, vive melhor e pode aplaudir outras pessoas. Coleção Aplauso. Vida e obra dos maiores nomes da dramaturgia brasileira, com histórias, textos, relatos e depoimentos exclusivos. Você encontra a Coleção Aplauso nas principais livrarias do país. Vendas:

Download gratuito:

www.imprensaoficial.com.br/livraria

www.imprensaoficial.com.br/colecaoaplauso

A magia dos livros mais perto de você.

210x297 Azul frase2.indd 1

8/23/10 3:03 PM


| Em destaque | Nelson Gonçalves Jr.

Equipe Pró-TV Um pequeno grupo que vale por um grande time. É assim que podemos definir o atual quadro de funcionários da Pró-TV, que está totalmente empenhado na realização dos eventos que c e l e b ra m o s 6 0 a n o s d e aniversário da TV. Ao lado, estas pessoas que optaram por atuar na memória e conservação deste veículo de Os colaboradores Elmo Francfort, Ednalva Novaes, comunicação tão apaixonante e Élida Alves, Nelson Gonçalves Jr. e Lú Bandeira admirável.

A vida de um lutador Natal Saliba, é autor do livro: “A Vida de Um Lutador”. Ele é conhecido dos artistas, e nem podia deixar de ser, pois é um deles. Foi teleator da antiga TV TUPI, de 1958 a 1975. Bastante tempo, portanto. Sendo que estava lá, quando chegou o “revolucionário” vídeo teipe. Antes tudo era feito ao vivo. Mas veio o teipe e muita coisa mudou. Saliba então se diz “pioneiro do teipe”. Em verdade, o moço Saliba, de família árabe, descendente dos Maronitas, nasceu e cresceu no bairro do Ipiranga, na capital paulista. Estudioso, primeiro formou-se em Contabilidade, no Colégio São Carlos, do Ipiranga. Logo tornou-se professor e fundou a “Sociedade Amigos do Bairro Nossa Senhora das Dores”. Também juntou o Grupo dos Neuríticos Anônimos do bairro. E foi técnico de futebol amador, do “Clube Atlético Ipiranga”. Formou-se em seguida em Direito pela FMU. E passou a fazer palestras em vários lugares. Tornou-se um líder comunitário. Aí está o grande diferencial, que tem Natal Saliba. Veja-se, por exemplo, que ele apresentou aos vereadores paulistas temas diferentes e palpitantes, para serem transformados em lei, como por exemplo: “Cumprimente seu vizinho”; “A Obrigatoriedade da execução do Hino Nacional Brasileiro”, em todas as partidas de futebol, para incrementar o civismo. Mas a vida desse “lutador do bem” continua. Diz ele próprio que sua missão na vida é servir as pessoas. E ele é o “advogado dos humildes”. Tanto que é o fundador e presidente da “Sociedade Amigos Bairro do Ipiranga”. E diz: “Só pode servir, quem tem serviço prestado”. Essa é sua mensagem, sua orientação, sua meta na vida. Como artista de televisão e mais tarde cinema, pois participou de vários filmes, como contabilista, como advogado, como palestrante, como escritor, Natal Saliba é sobretudo: “O Ser Humano do Bem”. Seu livro autobiográfico: “A Vida de Um Lutador”, faz parte agora da biblioteca da PRÓ-TV, e pode ser lido pelos amigos e sócios desta entidade. V. A.

11


| Homenagens | Faculdade do Povo homenageia 60 anos da TV

professores, autoridades, historiadores, diretores da PRÓ-TV – Associação dos Pioneiros da Televisão Brasileira. A grande homenageada foi Vida Alves, presidente dessa entidade e atriz pioneira. Após a aula magna, brilhantemente ministrada por Antonio de Andrade, professor da Universidade Metodista, e da apresentação simpática do diretor geral da Faculdade do Povo Éber Cocareli, falou a O diretor Éber Cocareli e a Vereadora vereadora Sandra Tadeu, que disse sobre Vida Alves: “Ela quebrou tabus, venceu barreiras e ficou na memória do Brasil”. Vida Alves, feliz e agradecida, recebeu o troféu. Depois disso participou do alegre coquetel que foi servido.

Ordem do Ipiranga É com alegria que noticiamos que nossa presidente Vida Alves receberá no dia 31 de agosto a mais alta comenda do Estado de São Paulo: a Ordem do Ipiranga, em reconhecimento aos bons serviços prestados a São Paulo. O Governador Alberto Goldman entregará as insígnias e o diploma. 12

Fotos: Juvenal Pereira

Vida Alves com placa comemorativa

Alunos da Faculdade do Povo comemoram os 60 anos da Televisão no Brasil. Essa foi uma parte das comemorações que acontecerão este ano em São Paulo. O evento foi realizado, por iniciativa da vereadora Sandra Tadeu, do DEM, no Salão Nobre da Câmara Municipal de São Paulo, no dia 2 de agosto, às 10 horas da manhã. Além dos estudantes, estavam presentes

jornalprotv_85  

revista A g o s t o 2 0 1 0 | N º 8 5 “Televisão 60 Anos - O Show”comemorará a data em noite de gala.Pág. 6 Esta é uma publicação gratuita d...

Advertisement