Issuu on Google+

revista

Produtos e ações de

Ano 01 | Nº08 | Fevereiro 2012

sustentabilidade

Nação Criativa

marketing promocional


Editorial

revista

www.revistapromov.com.br

marketing promocional PERNAMBUCO | BRASIL | EDIÇÃO 08 | FEVEREIRO | 2012

A

iniciativa de adotar o conceito de sustentabilidade nas ações das empresas introduzindo produtos ecologicamente corretos está se tornando uma prática recorrente entre os executivos dos mais variados mercados. Os diversos setores que atuam no mercado promocional oferecem várias opções de produtos e equipamentos que trazem este conceito, desde a concepção até o processo de industrialização, embalagem e comercialização, disseminando a conscientização da utilização mais responsável dos recursos naturais. Nesta edição, alguns desses produtos e iniciativas ganham destaque pela importância dos resultados e pela influência dessas ações nas atitudes e no comportamento do público, gerando um consumo mais consciente e sustentável. A intenção desses movimentos de conscientização ambiental e responsabilidade social tem o foco nas futuras gerações, mas os resultados positivos são conquistados no presente, conforme alguns exemplos abordados nesta edição, e tantas outras ações exploradas pela mídia em geral. O mercado promocional está repleto de produtos e possibilidades de ações sustentáveis a serviço da criatividade e conscientização dos empresários e dos profissionais de produção.

EDITORA NOSSA NAÇÃO DIREÇÃO DO PROJETO Werikson Cursino diretoria@revistapromov.com.br DEPARTAMENTO COMERCIAL comercial@revistapromov.com.br Fone: 81 3031-5020 CONSULTORES E COLABORADORES Walkíria Cabral, Alexendre Ruiz, Amanda Nóbrega e Katiana Mirlla. CRIAÇÃO E PROJETO GRÁFICO Ítallo Souza projetos@revistapromov.com.br REVISÃO Andréa Cabral REDAÇÃO redacao@revistapromov.com.br DEPARTAMENTO FINANCEIRO financeiro@revistapromov.com.br ANÚNCIOS anuncios@revistapromov.com.br ESCRITÓRIO COMERCIAL E REDAÇÃO Av. Agamenon Magalhaes, 3.341/Sl. 405, Torreão/ Recife-PE. contato@revistapromov.com.br Fone: 81 3031-5020 PRODUÇÃO GRÁFICA MXM Gráfica & Editora (81) 2138-0880 www.mxmgrafica.com.br DISTRIBUIÇÃO Log (81) 2123-1455 www.logexpress.com.br

Boa leitura.

A Revista Promov é um produto da Editora Nossa Nação Edições e Promoções LTDA.

Werikson Cursino

werikson@revistapromov.com.br

Nossa publicação é aberta a colaboradores e não se responsabiliza por conceitos emitidos em matérias assinadas, em respeito à liberdade de expressão.

Fevereiro 2012 | 3


s u m á r i o 5 7 10 17

PARCERIA EM TORNO DE PRODUTOS E AÇÕES SUSTENTÁVEIS ATITUDE SOCIALMENTE RESPONSÁVEL

AGÊNCIAS E ANUNCIANTES LÍDERES NA MÍDIA DIGITAL PRODUÇÃO GRÁFICA E SUSTENTABILIDADE

10

7 CAPA PRODUTOS E AÇÕES DE SUSTENTABILIDADE

14

4 | Fevereiro 2012

Diga um oi para nós! Deixe seu cometário nas redes sociais revistapromov.com.br

twitter.com/RevistaPromov facebook.com/RevistaPromov

1 Abra o leitor QR Code em seu celular; 2 Foque o código com a câmera; 3 Clique em Ler Código para acessar o conteúdo.

QR CODE*


Brindes Promocionais

PARCERIA EM TORNO DE PRODUTOS E AÇÕES SUSTENTÁVEIS O

por Werickson Cursino

comprometimento com o futuro sustentável vem se tornando um pleito cada vez mais recorrente nas pequenas, grandes e médias empresas. As indústrias estão mais preocupadas com essa questão e investem na busca por alternativas limpas, sustentáveis e ecologicamente corretas para os seus produtos e processos, em todas as escalas, desde a agricultura até o setor de serviços. Em vários segmentos corporativos e da sociedade, temos observado ações e iniciativas visando à redução de resíduos poluentes e a substituição de materiais por outros provenientes de fontes limpas e/ou naturais. Seguindo esta consciência, a i9PDV, empresa pernambucana que atua no mercado de produtos promocionais, firmou uma parceria com o Grupo Ekobio, organização paulista formada por empresas que desenvolve, produz e comercializa produtos ecologicamente corretos e sustentáveis para o mercado promocional e varejista, com atuação nacional, a fim de atender com mais agilidade o mercado local. Na fabricação e montagem dos produtos do Grupo Ekobio são empregadas atividades do terceiro setor, sugerindo uma nova visão aos empresários brasileiros com relação ao compromisso e às responsabilidades socioambientais. As matérias-primas utilizadas nessas atividades são: produtos biodegradáveis vindos de fontes naturais renováveis e a captação de materiais para serem reciclados.

O primeiro produto apresentado ao mercado brasileiro, fruto de um desenvolvimento que levou dois anos para ser concluído, utilizando insumos obtidos do amido de milho, foi uma caneta feita com material biodegradável, projeto de muito orgulho para o Grupo Ekobio e motivo de realização e satisfação para o em-

presário Arnaldo Di Giuseppe. “Estamos apostando numa mudança de atitude do mercado de renovação de valores”, e completa: “Um produto de fonte natural hoje é quase equivalente em preço que um mesmo item de fonte poluidora e ainda traz o benefício ao planeta.” Novos produtos promocionais ou para aplicações e utilidades diversas, como réguas, esquadros, transferidores, entre outros, estão sendo desenvolvidos. “As novas gerações, como exemplo as escolas, estão descobrinFevereiro 2012 | 5


Brindes Promocionais do as vantagens de se adquirir produtos com consciência, mesmo os mais simples do dia a dia.” A caneta foi apenas o início de um processo de repensar toda a cadeia de comercialização, linha de produtos e até mesmo o marketing. “Percebemos que, neste momento, temos de nos aliar a empresas e produtos que também tivessem o mesmo pensamento, o mesmo DNA.” Com isso, nasceu a parceria com a Associação TokArte Papel, que desenvolve cadernos, blocos, portarretratos e outros itens de cartonagem. Esta associação, localizada na região de Pirituba em São Paulo, tem como diferencial os naturais de bananeira, além do acabamento totalmente artesanal. “A qualidade de nossos produtos são considerados top de linha perante esse processo.” relata Antônio Carlos, proprietário da TokArte. Para as ações de marketing que envolve os produtos Ekobio foi firmada uma parceria com o Grupo Hamora, agência que está alinhada ao conceito sustentável e tem como princípio tra-

6 | Fevereiro 2012

balhar com clientes que tenham compromisso social e procura conscientizar os consumidores em seus trabalhos, - “conscientização antecedente às vendas”, diz André Chartuni, diretor da agência. Com a iniciativa dessa parceria o diretor da i9PDV, Alexandre Ruiz, que já tem no seu portfólio empresas conscientes ecologicamente traz para o mercado pernambucano uma vasta linha de produtos promocionais.


Brindes Promocionais

ATITUDE SOCIALMENTE RESPONSÁVEL A sustentabilidade vem ganhando cada vez mais importância dentro das empresas com o despertar da consciência social e ambiental

O

acúmulo de lixo nos rios, lagos, mares, ruas e avenidas são evidentes nas grandes metrópoles brasileiras. Diante desta poluição crescente, grandes empresas começaram a abrir olhos para a poluição do meio ambiente no mundo. Sendo assim, o objetivo das empresas socialmente conscientes nos dias de hoje é adotar atitudes corretas, sadias e responsáveis para melhorar o entorno onde a empresa fica localizada através de lições de responsabilidade ambiental. Um ótimo exemplo de empresa engajada e preocupada com o meio ambiente é o da Bandeirantes Mídia Exterior – empresa líder no segmento no Norte/Nordeste e com 55 anos de sólida atuação – que saiu do papel de consumidora voraz de matéria prima para se transformar em uma empresa defensora de ações ambientais junto a comunidades carentes da cidade de Olinda. “Como empresa que respeita o meio ambiente, verificamos que podemos ser um agente importante de transformação na sociedade através de nossas atividades, levando informações de responsabilidade social para nossos funcionários, colaboradores e clientes” explica Marília Santos, diretora administrativa e financeira da Bandeirantes Mídia Exterior.

Para tornar-se uma empresa socialmente responsável, a Bandeirantes adotou o princípio da autossustentabilidade, que baseia-se no princípio de “produzir com inteligência”. O primeiro passo aconteceu na própria empresa com a criação do Projeto Eco-Gincana, que durou 8 meses. O objetivo foi convencer os funcionários da Bandeirantes Mídia Exterior a adotarem na sua rotina de trabalho a utilização diária do papel reciclável e em contrapartida, até o final do ano, todos teriam direito a copos personalizados, o que consequentemen-

Fevereiro Fevereiro 2012 2012 | |7 7


Brindes Promocionais dução de outdoors. Com a lona em mãos, as costureiras fabricam inúmeros artigos artesanais, a exemplo de bolsas de viagem, nécessaires, eco bags, jogos americanos, porta lápis, porta moedas, porta papel higiênico, sacolinha de lixo para carro, capa para caderno, porta documentos, pastas e aventais. “São pelo menos 100 peças por semana, que ajudam na renda familiar dessas mulheres e também nos auxiliam a reduzir o volume de lonas que antes eram jogadas no lixo”, acrescenta a mentora do projeto. Através desta atitude, a empresa promove a inclusão social das costureiras na comunidade e ainda conscientiza as te diminuiu o consumo de copos descartáveis. pessoas a utilizarem menos sacolas plásticas “Adotamos o uso do papel reciclável para o descartáveis (que passam cerca de 100 anos uso interno na Bandeirantes porque o processo para se decompor). Além da parceria com a de fabricação gasta 98% menos água; 50% me- Bandeirantes, as costureiras do bairro de Sítio nos energia, e com essa diminuição automati- Novo vendem seus artigos para todo o público camente colaboramos com a natureza”, revela e outras empresas interessadas em brindes. Marília Santos. Segundo a gestora diretora Marília Santos, o Segundo Marília Santos, depois que a Bandeimais importante dessa conscientização foi rantes iniciou um trabalho de divulgação inengajar os funcionários dentro de uma ação terna junto aos funcionários, amigos e clienmaior: a coleta seletiva do lixo. “Todo papel tes, houve uma procura natural dos produtos que antes era misturado ao lixo orgânico hoje reciclados e foi a partir daí que a Bandeirantes é separado pelos funcionários e recolhido por catadores da Associação Meio Ambiente Preservar e Educar”, acrescenta, referindo-se à ONG AMAPE, que desde 1998 gera emprego, renda e proteção ambiental através da reciclagem do lixo. A parceria da Bandeirantes com a AMAPE se estendeu para dentro da própria Bandeirantes, onde foi realizada palestra para os funcionários falando da importância de separar o lixo. “Foram apresentados alguns dos produtos que são feitos através desses materiais reciclados, como vassouras, lixeiras de tampa de refrigerantes, cordão para estender roupas, camisas, puffs de garrafas pets, luminárias e outros”, complementa a gestora. Responsabilidade social - A Bandeirantes também desenvolve trabalho de responsabilidade social com as costureiras do bairro Sítio Novo, através da doação de lonas utilizadas na pro8 | Fevereiro 2012


Brindes Promocionais sentiu a necessidade de comercializar os brindes produzidos. “Em média, são comercializadas 500 peças por mês e os produtos mais procurados são as sacolas recicladas, lixeiras para carro de marcha e banco, frasqueira e pasta para documentos”, revela Marília Santos. Atualmente, a Bandeirantes comercializa os produtos para as empresas parceiras e conta com um atelier na própria empresa para fins de comercialização interna dos colaboradores.

zado por Ongs e empresas hoje é visto como uma porta de entrada para várias parcerias. Diante dessas ações socialmente responsáveis, as pessoas se interessam pelo produto devido também ao sentido da causa”, ressalta a gestora.

Para o diretor de marketing Marcelo Santos, apostar na responsabilidade social como diferencial num mercado competitivo é a atitude mais assertiva e justa, pois além de demonsAcompanhando a filosofia 3 “R”s (Reduzir, Re- trar preocupação ambiental e inserção prociclar, Reutilizar), a Bandeirantes entende que fissional (já que o dinheiro é revertido para investir em responsabilidade social é uma das as artesãs), a marca é associada à prática do melhores formas de contribuir com o meio bem. “As empresas precisam entender que a ambiente e a comunidade. É preciso entender sustentabilidade econômica não existe sem que a responsabilidade social passa também a a sustentabilidade ambiental. O mecanismo representar uma ferramenta importante nas para o crescimento empresarial deve ser baestratégias de relacionamento com os diversos seado no respeito ao meio ambiente” finaliza públicos da empresa, os chamados stakehol- Marcelo Santos. ders. “Todo trabalho social sério que é reali-

Fevereiro 2012 | 9


Web Promo

AGÊNCIAS E ANUNCIANTES LÍDERES NA MÍDIA DIGITAL Giovanni+DraftFCB e AlmapBBDO foram as que mais cresceram no ranking 2011 de compra de mídia

E

ntre as 20 agências que mais compraram Veja, a seguir, os rankings de compra de mídia mídia na internet brasileira em 2011, a que mais digital de agências e de anunciantes (valores cresceu neste quesito foi a Giovanni+DraftFCB: em R$ mil): nada menos que 519,4% na comparação com o ano anterior, de acordo com dados do Ibope Monitor. O crescimento da agência deve-se sobretudo a maior presença online do seu cliente HP, que lidera entre os anunciantes. A Giovanni+DraftFCB é a quinta deste ranking específico, liderado pela AgênciaClick. A segunda colocada é a AlmapBBDO, que avançou 412,1%. Na sequência aparecem WMcCann em terceiro e Lov, em quarto. Os dez anunciantes que mais compraram mídia na internet no ano passado foram HP, Net, Sky, Bradesco, Unilever, Fiat, Gol Linhas Aéreas, Volkswagen, Natura e Vivo. O Ibope Monitor não leva em conta os descontos normalmente negociados entre as partes, computando os valores expressos nas tabelas dos veículos – o que causa uma grande distorção nos números absolutos de investimentos de anunciantes e agências, muito acima da realidade. Além disso, o instituto tem por critério valorar todo e qualquer espaço ocupado, seja ele gratuito ou não.

10 | Fevereiro 2012


Web Promo Mídia digital de agências Mídia digital de anuncinates

AgênciaClick

2ª 3ª 4ª 5ª 6ª 7ª 8ª 9ª

AlmapBBDO WMcCann Lov Giovanni+DraftFCB JWT Y&R Ogilvy ID\TBWA

10ª Age 11ª 12ª 13ª 14ª 15ª 16ª 17ª 18ª 19ª 20ª 21ª 22ª 23ª 24ª 25ª 26ª 27ª 28ª 29ª 30ª

DM9DDB Wunderman Africa Publicis CucoCC Fbiz F/Nazca S&S DPZ Loducca Artplan Leo Burnett Tailor Made Cheil Media Contacts Euro RSCG Taterka Neogama/BBH Dentsu PPR Media Consulting Master

HEWLETT PACKARD

2ª 3ª 4ª 5ª 6ª 7ª 8ª 9ª

NET

10ª

VIVO

11ª 12ª 13ª 14ª 15ª 16ª 17ª 18ª 19ª 20ª 21ª 22ª 23ª 24ª 25ª 26ª 27ª 28ª 29ª 30ª

GENERAL MOTORS CLARO ITAU SADIA SAMSUNG COCA-COLA DANONE MICROSOFT TAM PROCTER & GAMBLE AMBEV FORD PEUGEOT CITROEN BANCO DO BRASIL COLGATE PALMOLIVE TIM IBBL BEBEDOUROS TELEFONICA INTEL SONY

SKY BRADESCO UNILEVER FIAT GOL LINHAS AÉREAS VOLKSWAGEN NATURA

Fevereiro 2012 | 11


Capa

GRÁFICA APOIA O DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL Empresa aposta em ações que preservem o meio ambiente e contribuam para a preservação do ecossistema

O

ano de 2012 será marcado pela sustentabilidade. Ações que preservem o meio ambiente e também contribuam para a racionalização de energia e um desenvolvimento mais sustentável do planeta. A Gráfica Santa Marta apoia essa causa. Na empresa, a impressão é feita com papéis provenientes de madeiras de reflorestamento, extraídas a partir de um manejo florestal responsável. A preocupação com o meio ambiente também rendeu à empresa a premiação com o selo Forest Stedwardship Council (FSC). O FSC tem sede na Alemanha e é uma organização não governamental, sem fins lucrativos, que desenvolve padrões regionais, nacionais e internacionais ligados à responsabilidade ambiental. A Santa Marta é uma das primeiras gráficas do Norte e do Nordeste a receber essa certificação. “Temos uma área onde são separados os resíduos sólidos e descartados por empresas qualificadas”, explica o gerente de marketing e desenvolvimento da Santa Marta, Fred Hortêncio Ribeiro. Nesta área são armazenados tambores de tintas, bombonas dos materiais utilizados na pré-emissão e impressão, paletes quebrados, chapas de alumínio e blanquetas usadas. Na gráfica é possível encontrar uma Estação de Tratamento de Efluente Bruto, onde são

tratados todos os efluentes líquidos. Há também um separador de óleo, que separa o óleo dos efluentes utilizados na pré-impressão. “Após essa separação ele é transportado para a Estação de Tratamento de Efluente e o óleo é descartado corretamente pela empresa responsável”, esclarece Ribeiro. É no setor de Aparas onde as sobras de papéis e plásticos são reciclados e posteriormente vendidos para uma empresa de reciclagem. O lixo orgânico é descartado pela empresa qualificada e especializada em descartes. “Utilizamos em nossa produção tinta à base de óleo de soja, com nível de metais pesados mínimo e que viabiliza um processo de impressão mais sustentável”, finaliza Ribeiro.

Fevereiro 2012 | 13


Capa

NOVIDADE A SERVIÇO DO MERCADO PROMOCIONAL A por Werickson Cursino

s ações promocionais estão cada dia mais ousadas, criativas e impactantes, combinando tecnologia, qualidade, agilidade, responsabilidade social e sustentabilidade ambiental para as mais diversas propostas e formatos. A utilização de produtos, equipamentos e tecnologias que trazem este conceito não garante o sucesso e a eficiência da ação, mas transfere à promoção ou ao evento valores irrefutáveis de credibilidade e consciência coletiva que podem ser um diferencial decisivo na escolha de um produto ou serviço. Diante do esforço e da preocupação das organizações em planejar e executar ações promocionais ecologicamente corretas, a Revista Promov encontrou um veículo triciclo multiuso, totalmente elétrico, com distribuição local para todo o Brasil, que pode contribuir muito

14| Fevereiro 2012

com as empresas de promoções e eventos. Trata-se do Lyric Motion, único equipamento da categoria no país utilizado para o transporte pessoal diário, certificado pela CE – Comunidade Europeia, que atende todas as exigências previstas nas resoluções 315/2009 e 375/2011 do CONTRAM - Conselho Nacional de Trânsito Brasileiro. Os produtos da marca Lyric Motion têm procedência suíça e são distribuídos para vários países, atendendo as mais criteriosas exigências do mercado internacional. O Lyric foi testado no Brasil por 20 meses, sendo submetido aos mais severos testes de resistência, durabilidade, dirigibilidade e segurança. Esse triciclo de nome esquisito tem sido usado em vários estados brasileiros, para diversos fins, como rondas policiais (PM – Distrito Federal), shoppings, galpões industriais, etc. O Lyric é um VTP (Veículo de Transporte Pessoal), totalmente elétrico, não emite poluentes, ruídos ou centelhas, fabricado em alumínio ultrarresistente que suporta até 180 kg, movido a baterias de polímero de íons de lítio seca (não contém gel ou líquidos), com travamento mecânico de segurança e visor luminoso de autonomia.


Capa A recarga da bateria dura aproximadamente 4,5 horas, com alimentação bivolt e autonomia de até 60 km. O triciclo tem iluminação traseira, break light, alarme antifurto, localizador sonoro comandado por controle remoto, marcha a ré, buzina, tecla de tração máxima para terrenos inclinados, número de chassi gravado em baixo relevo, entre outros itens importantes de segurança e praticidade. Com tantos atributos assim, o Lyric é uma excelente opção de investimento para as empresas que atuam no mercado promocional e que estejam buscando um diferencial em seus serviços, oferecendo agilidade e inovação tecnológica dentro do conceito de responsabilidade ambiental. No Brasil, este triciclo é distribuído pela Lyric Motion Brasil (BBX Dist. Ltda), iniciativa empreendedora do Sr. André Souza, que tem planos audaciosos para o mercado nacional. LYRIC MOTION | BR Rua Quarenta e Oito, 942, lj 02 Recife/PE Tel: +55 (81) 3034.0134

Fevereiro 2012 | 15


Capa


Grupo de Produção

PRODUÇÃO GRÁFICA E SUSTENTABILIDADE J por Walkiria Cabral

á há alguns anos que o tema sustentabilidade ronda as empresas de todos os setores. Todos já ouvimos falar desse tema e sabemos sobre o assunto, de tanto que ele é exposto. É necessário. O tema esteve na moda e agora é uma questão de responsabilidade individual. As pessoas cobram mais das empresas e estas se adaptam a atender essa necessidade de mudança.

O nosso desafio não é apenas externo, com nossos fornecedores e parceiros. Também temos um dentro de nossas agências. O criativo, que está pensando a campanha a ser produzida por nós, deverá se antecipar nesse aspecto na hora da concepção das peças. Perguntas como estas devem ser sempre levadas em conta, na hora da criação das peças publicitárias/promocionais: 1- É preciso produzir este impresso ou poderíPara nós produtores há um desafio ainda maior: amos sugerir uma newsletter? buscar alternativas sustentáveis para o desen- 2- Conseguimos enviar esta mensagem sem ter volvimento de nossas produções. de produzir tantas peças? Alguns substratos foram desenvolvidos para 3- Consigo reduzir o custo ambiental na criaatender essa demanda, alguns não deram cer- ção desta campanha? to, outros ainda são caros, outros não aten- 4- Este material poderá ser reutilizado? dem às necessidades... um desafio e tanto. 5- Esta peça pode ser produzida com material Mas muito já se avançou e muito ainda há de reciclado? se avançar. 6- Este acabamento é realmente necessário? Quando encontramos o material certo, temos Pois degrada o meio ambiente. o impacto no valor. Quando conseguimos apro- Dentre outros questionamentos. var os valores, muitas vezes não temos o material em estoque, que tem de vir de outros Se a agência estiver envolvida no assunto desestados e muitas vezes do exterior. de o atendimento, passando pela criação, Já temos um avanço significativo dentro das cliente e chegando na produção com esse mesindústrias gráficas, que se adaptaram substi- mo foco, vamos ter resultados muito positivos tuindo as tintas à base de óleo mineral (pe- e ambientalmente corretos. tróleo), por tinta à base de óleos vegetais; Todos deverão estar engajados nessa cautratamento dos resíduos químicos; reciclagem sa, pois se não cuidarmos emergencialmente das aparas e papéis, entre outras ações ecolo- desse assunto sofreremos os impactos dessas gicamente corretas. ações. As indústrias de brindes também criaram peças ecologicamente corretas: canetas de papel reciclado, ecobags, materiais com lonas reutilizadas, camisas em malha pet, dentre outras. Fevereiro 2012 | 17


Guia dos

JosĂŠ Marcos DRT:3299

(81)9975-2039 (81)8699-6021 marcosfotografias@bol.com.br


Produtores

revista

marketing promocional

Para quem produz, fornece e promove.



Promov - Fevereiro 2012