Page 1

Pág 10 Págs 11 à 13

Págs 24 à 27 Págs 08 à 09


Sumário

60

06

CALENDÁRIO 2016

PALAVRA DO PRESIDENTE

Veja os principais eventos de junho 2016

Conra as palavras do presidente da CBO para todos os leitores.

08

58 56

SELEÇÃO MILITAR Acompanhe os atletas selecionados para compor a Seleção Brasileira Militar de Orientação 2016

PRISMA DA DEPRESSÃO Uma forma divertida de ver a Orientação.

14

56 54

ORIENTISTA EM ROTA

SEM PALAVRAS Veja as melhores imagens do mês, registros feitos durante os eventos em todo o Brasil

Esse mês o Orientista em Rota analisou o que de melhor ocorreu na 1ª Etapa do CamBOr

16

32

2ª ETAPA DO CAMBOR

Veja os preparativos da FOG para a 2ª etapa do CamBOr, está quase na hora...

21 #ParaSempre513 Destacamos uma linda homenagem feita pela Carla Clausi para o Itamar Torrezam

Como Foi - WOD

Conra os principais eventos pelo Brasil em comemoração ao Dia Internacional da Orientação

22 CAMBOR EM FOCO Destacamos algumas dos principais registros feitos da 1ª Etapa do CamBOR em Rio Negrinhos-SC

53 WOD EM PORTUGUAL Nosso amigo Joaquim Margarido nos relatou como foi comemorado o WOD em Portugual.


Editorial Olá amigos e amigas orien stas, demorou mas estamos lançando com muito orgulho mais uma revista PrisMagazine. Gostaria mais uma vez iniciar esse editorial agradecendo à todas as federações, clubes e atletas que contribuíram para a realização dessa edição, em especial a contribuição do presidente da CBO o Luiz Sérgio Mendes. A ajuda de vocês é fundamental para que possamos dar con nuidade a nossa revista. A edição de maio veio para superar o recorde de abril. Nessa edição já temos a maior quan dade de páginas publicadas. A cada mês estamos crescendo mais e mais, e tenham certeza que isso é graças a todos vocês leitores. Essa edição demorou mais um pouco que o normal, pois é em especial em comemoração ao Dia Internacional da Orientação (WOD 216), evento realizado durante todo o mês de maio. Tivemos que aguardar todos os eventos rela vos serem realizados e depois receber e organizar as informações enviadas pelos diretores dos eventos. Em virtude da tragédia ocorrida durante a 1ª Etapa do CamBOr, decidimos não publicar uma matéria especial sobre o evento, ao invés trouxemos algumas palavras emocionadas da Carla Clause e fotos para ilustrar o que foi que ocorreu durante a 1ª Etapa do Campeonato Brasileiro de Orientação. Temos o nosso presidente em exercício Luis Sérgio Mendes como um dos colaboradores fixos, citando suas palavras sobre o CamBOr e o ocorrido, como também saudando e agradecendo a par cipação dos orien stas de todo Brasil. O diretor técnico da CBO, Gilson Schropfer, também trás em sua coluna mensal, informa vos técnicos sobre orientação. Con nuamos acompanhando a sele va para a seleção Brasileira Militar, nessa edição traremos como foi realizada a sele va, o resultado final e os escolhidos para compor a seleção Brasileiro Militar de Orientação 2016, que irá nos representar no CISM 216. Vale a pena conferir. Ainda temos um especial sobreo Dia Interencional da Orientação pelo mundo, com imagens de eventos de diversos países. Também temos a tradicional coluna Como Foi, em especial publicando todos os eventos do Brasil realizados em comemoração ao WOD 2106. Vejam ainda nossas colunas fixas como a Foco, Orien stas em Rota, Atleta em Destaque (trazendo a nossa querida amiga Elaine Lenz), Sem Palavras , Prisma em Depressão e nosso calendário especial. Ufa, muita coisa não? Então aproveitem e se mantenham bem informado com a REVISTA PRISMAGAZINE. Boa leitura para todos Jeremias Araújo Diretor de Edição

Expediente Equipe Edição Jeremias Araújo Rafael Dantas José Alexsandro

Colaboradores Luiz Sergio Mendes - preside.cbo@gmail.com Gilson Schropfer - diretortecnicocbo@yahoo.com.br Antonio Neto <arapo 2@gmail.com> Ademar Ruwer -ruwer66@gmail.com Alvim José Pereira - alvim2812@gmail.com Joaquim Margarito - orientovar.blogspot.com.br Orien staemRota - orien staemrota@gmail.com Marden Sousa - guerreiro_ef@yahoo.com.br COS - cosan ago1998@gmail.com Mª Cris na Fernandes - criss_orientacao@hotmail.com

Diagramação, arte e criação Jeremias Araújo - jqcaraujo@gmail.com

Ricardinho - ricardo_aribeiro@hotmail.com Felipe Toledo - felipetgoliveira@gmail.com Elaine Lenz - elaine_lenz@hotmail.com Cobra - secretaria.cobra@gmail.com Daniel monte nero - danielmontenero@gmail.com Isaac Teixeira - sgtmirandapqdt@yahoo.com.br Cezar Fioravan - cezarfioravan @yahoo.com.br Sérgio Esmanho o - saesmanho o@hotmail.com COCAMP P I A U - c.o.campinas@hotmail.com Geovane Nigris - gnigris@gmail.com

Contato Comercial: (83) 9-8878 - 6800 Email: revistaprismagazine@gmail.com Site: www.primagazine.com.br Facebook: h ps://www.facebook.com/revistaprismagazine Instagram: revistaprismagazine


PALAVRA DO PRESIDENTE Caros orien stas do Brasil! Após a excelente organização administra va da prova de Rio Negrinho, estamos caminhando para a nossa segunda etapa do CamBOr de 2016. O Diretor da Prova e presidente da FOG, Alvim José Pereira, esteve em Santa Catarina, rou fotos, conversou com os organizadores e atletas e com certeza tem como obje vo superar o evento catarinense. Em Rio Quente-GO, o tempo está fervendo e os prepara vos seguem firmes, com a equipe organizadora trabalhando com afinco nos úl mos detalhes. As inscrições terminam no dia 2 de junho e a CBO espera contar com a sua presença nesta etapa. Aproveite a oportunidade e re uns dias para descansar e aproveitar as delícias da culinária da região com seus pratos com base no “piqui”. Você pode também compe r em um terreno bem diferente; em Rio Negrinho vemos a mata de araucárias e em Rio Quente teremos a vegetação pica do Cerrado, em uma cidade com forte vocação turís ca. O CamBOr é sempre uma oportunidade singular de vivenciar o melhor do nosso esporte, pois é nele que podemos medir o nosso desempenho e ver os melhores orien stas do Brasil compe ndo. Em cada rota de um ponto ao outro, temos uma oportunidade renovada de melhorar e isto representa a essência do nosso esporte: a superação e o aprimoramento individual. Isso pode ser representado por ações como a aproximação silenciosa ao ponto de controle, para não perturbar os demais orien stas, como se afastar alguns metros para se orientar corretamente e seguir para uma nova rota. A magia encantadora que o desporto orientação nos proporciona está muito vinculada às nossas a tudes. É algo maravilhoso que podem desfrutar atletas de todas as idades e a família como um todo. Venha compe r e convide seus amigos e familiares. O nosso desporte não é uma a vidade perigosa, mas acidentes podem acontecer. Infelizmente, na úl ma etapa vemos um fato muito triste. Um acidente durante o percurso longo vi mou o orien sta Itamar Torrezam, do Clube de Orientação de Curi ba. O Torrezam era um dos orien stas mais an gos do Brasil e é improvável que outro atleta tenha realizado mais percursos do que ele; foram cerca de 1.500, segundo as contas dele mesmo. Ele também foi o responsável, juntamente com a Carla Maria Clausi, por trazer o primeiro sistema de apuração eletrônica para o Brasil. O sistema EMIT veio com eles da Bélgica, onde a Carla fez doutorado de 2004 a 2006 e foi posteriormente doado para a Federação Paranaense de Orientação. Com a sua personalidade tranquila e conciliadora, o Torrezam era uma referência para muitos orien stas que o conheceram e, como forma de homenagem pelo seu trabalho em prol de nosso desporte, decidimos dar nome ao Campeonato Brasileiro de Orientação de 2016, que passou a denominar-se Campeonato Itamar Torrezam. No dia 11 de maio nós comemoramos o Dia Mundial da Orientação, WOD na abreviatura em inglês. A IOF registrou o préagendamento de 2.559 eventos ao redor do mundo e o Brasil colaborou com 36 deles, computando mesmo aqueles que não se realizaram no dia 11 e, desta forma, marcou de forma indelével a sua força na comunidade internacional. A CBO agradece a cada um de vocês, dirigentes e par cipantes, que se uniram a nós neste esforço para projetar não apenas o desporte orientação, mas especialmente o nome do nosso Brasil como um país onde a orientação já tem uma representa vidade em constante fortalecimento perante a sociedade. O trabalho de nossos clubes e federações foi fundamental para este sucesso. Deixo, em nome da Confederação Brasileira de Orientação, uma saudação de honra para cada um daqueles que trabalharam para o brilhan smo do WOD e para o engrandecimento da orientação brasileira. Luiz Sergio Mendes Presidente da CBO


08

Seletiva para Seleção Militar

Por Cezar Fioravante / Sérgio Augusto Esmanho o As Equipes de Orientação da Comissão de Desportos

e o melhor classificado geral para ambos os sexos. Durante toda

da Marinha (CDM), da Comissão de Desportos do Exército (CDE)

a sele va foi u lizada a fórmula dos mil pontos para converter

e da Comissão de Desportos da Aeronáu ca (CDA) par ciparam

os tempos dos percursos em pontos.

da Sele va das Forças Armadas, em Brasília – DF, no período de 17 a 23 de maio do corrente ano. Esse evento teve por obje vo selecionar os atletas que irão compor a Seleção Brasileira Militar de Orientação, com

Houve também um descarte para os 3 percursos Sprint e um para os 3 Floresta, sendo computado para o somatório os 2 melhores resultados de Sprint e 2 melhores de Floresta.

finalidade de par cipar dos 49º Campeonato Mundial de

Ao final da compe ção os militares selecionados no

Orientação do Conselho Internacional de Esportes Militares

masculino foram: Cb SIDINALDO – CDM, Cb TIAGO CUNHA –

(49º WMOC - CISM) que será realizado no mês de novembro

CDM, Sgt KARNIKOWSKI - CDE, Sgt IRONIR - CDE, Sgt JOACY -

nas localidades da Região Logos no Rio de Janeiro.

CDE, Sgt CLAUDINEI - CDE, Sgt MARKUS – CDA. Enquanto a

A sele va, coordenada pela Comissão Despor va

equipe feminina será composta pela Sgt LETÍCIA – CDM, Sgt

Militar do Brasil, contou com percursos nas modalidades

RONIAK - CDE, Sgt FRANCIELY – CDA, Sgt CAMILA – CDA. Além

floresta - médios e longos - e sprint urbano. Os percursos de

desses, o Sgt SCHIMITZ – CDE e a Sgt TÂNIA – CDM

sprint foram realizados no dia 18 e 19, enquanto os médios

conquistaram as vagas de reserva na equipe masculina e

ocorreram no dia 20 e 22 e o percurso longo no dia 23, todos do

feminina respec vamente. A Equipe do Exército conquistou a

mês de maio, seguindo o seguinte cronograma:

metade das vagas na Equipe Brasileira Militar de Orientação.

Dia 16 -

Chegada dos atletas e reunião técnica com

O Sgt Karnikowski , da CDE foi admirado por todos

informações da sele va. Dia 17 - Percurso treino realizado na colônia aguilhada em Brasília. Dia 18 - Sprint pela manhã e Sprint à tarde em Brasília Dia 19 - Sprint em Brasília Dia 20 - Percurso médio em floresta em Luziânia Dia 21 - Descanso dos atletas Dia 22 - Percurso médio floresta em Luziânia Dia 23 - Percurso longo em floresta em Luziânia.

com o seu desempenho. Pois, mesmo com o tornozelo direito

modalidade perante a Comissão Despor va Militar do Brasil

Os critérios para selecionar os 11 atletas – 7

(CDMB). A par r do mês de julho a Equipe cumprirá o plano de

masculinos e 4 femininos - para integrarem a Equipe Brasileira

machucado no primeiro percurso de floresta completou os demais percursos com excelentes resultados, classificando se para o 49º WMOC – CISM. A Equipe Brasileira, comissão técnica e atletas, serão convocadas pela CDM, que é a Comissão relatora pela

treinamento proposto pela CDM e aprovado pela CDMB.

foram: os três atletas masculinos e dois femininos melhor classificados para a modalidade de sprint urbano, mais três

Legenda:

masculinos e um feminino de melhor resultado na floresta,

CDM - Comissão Despor va da Marinha CDE - Comissão Despor va do Exército CDA - Comissão Despor va da Aeronáu ca


Fotos: Ricardo Lorenรงato


10

Informativo Técnico CBO Por Gilson Schropfer

Diretor Técnico CBO

Um Campeonato de Orientação é um ambiente extremamente feliz, onde as pessoas que ali estão vem para fazer uma a vidade prazerosa junto a natureza e reencontrar os velhos amigos. Enfim uma festa.

- Regra 1: Orientação é um esporte no qual os compe dores navegam de forma independente através do terreno. Os compe dores, auxiliados somente por mapa e bússola...;

Porém esta festa, é adequada que ela ocorra fora dos limites do campo de jogo(da Par da até a Chegada).Existem diversos pos de atleta que repartem o mesmo campo de jogo em busca de obje vos diferentes, seja na pista que está realizando ou seja no resultado que quer alcançar.

- Regra 172: Todas as pessoas que fizerem parte de uma compe ção de orientação devem comportar - se com jus ça e hones dade. Todos devem ter uma a tude espor va e um espírito de amizade. Os compe dores devem mostrar respeito um pelo outro, para com os organizadores, jornalistas, espectadores e habitantes da área da compe ção. Os compe dores estarão tão silenciosos quanto possível no terreno e devem respeitar a propriedade privada;

Temos atletas que ao entrar no funil da par da cumprindo os procedimentos da ro na do atleta, que já estão extremamente concentrados e outros que não mudam muito sua forma de agir. Por isso da importância da disciplina de todos, mantendo o silencio e a discrição da par da até a chegada. E para que este ambiente fes vo e compe vo ocorra sempre na maior harmonia é preciso que haja sempre o respeito mutuo entre todos os diferentes pos de compe dores que estão repar ndo o mesmo campo de jogo. Faço referencia a este assunto porque tem se observado em compe ções a nível nacional muitas conversas e perturbações de atletas no campo de jogo. Alguns atletas que não sabem fazer a leitura do seu mapa, usar sua bússola e muitos que já estão com vícios de se encontrar alguém seja quem for e momento que for: Você viu o ponto tal? Me mostra no mapa onde eu estou? Estes procedimentos desagradáveis e fora das regras, estão se tornando comum em nossas compe ções. Peço a todos os Dirigentes, Técnicos e Atletas para que observem e façam cumprir o que se diz nas RGOP 2016:

- Regra 173: É proibido obter ajuda ou ajudar outros compe dores durante uma compe ção, exceto em casos de acidente. O compe dor é obrigado a parar e ajudar os compe dores feridos; - Regra 180: O compe dor, que cruzar a linha de chegada, não pode retornar para a área de compe ção, sem a permissão do organizador. Um compe dor, que desiste da compe ção deve entregar, imediatamente, na chegada o mapa e o cartão de controle. O compe dor desistente não pode influenciar ou prestar ajuda a outros compe dores na compe ção; Vejam que, para que possamos cada vez mais melhorar a qualidade de nossos eventos é preciso que todos par cipem do processo de evolução e melhoria con nua, tornando assim nossos eventos de orientação um ambiente sadio e feliz. Enfim uma festa!

Gilson Schropfer. Diretor Técnico CBO


11

A T E L AT E U Q A T S DE ELAINE LENZ

Natural Natural de de Panambi, Panambi, uma uma pequena pequena cidade cidade no no interior interior do do RS, RS, entrei entrei como como sargento sargento da da Marinha Marinha em em novembro novembro de de 2012, 2012, através através do do programa programa de de atleta atleta de de alto alto rendimento, rendimento, sou sou formada formada no no curso curso de de Administração, Administração, fui fui Tricampeã Tricampeã Gaúcha Gaúcha de de O Orriieennttaaççããoo 22001122,, 22001133 ee 22001155,, Bicampeã Bicampeã Sul Sul americana americana de de Sprint Sprint 2012 2012 ee 2013, 2013, Vice-campeã Vice-campeã Sul Sul americana americana 2012, 2012, vice-campeã vice-campeã do do Troféu Troféu Sudeste Sudeste 2014, 2014, medalha medalha de de bronze bronze no no Campeonato Campeonato Mundial Mundial Master Master de de Orientação Orientação 2014 2014 (WMOC), (WMOC), campeã campeã da da Copa Copa Nordeste Nordeste de de Orientação Orientação 2014, 2014, bicampeã bicampeã Sprint Sprint da da Copa Copa Nordeste Nordeste 2014 2014 ee 2015, 2015, vicevicecampeã campeã Brasileira Brasileira 2015, 2015, atualmente atualmente aa primeira primeira do do Ranking Ranking nacional. nacional. Conquistei Conquistei vaga vaga para para representar representar oo Brasil Brasil no no Mundial Mundial Militar Militar em em 2013 2013 na na Suécia Suécia ee 2014 2014 na na Áustria. Áustria.


12 Em 2009 fui convidada pelo professor Nairon a auxiliálo nos treinamentos que ele aplicava aos seus alunos, ele era técnico de Orientação do COPAN-Clube de Orientação de Panambi-RS, e foi assim que eu conheci a Orientação, mas o interesse mesmo surgiu quando fiz minha primeira pista numa etapa do Campeonato Gaúcho na categoria Iniciante, foi neste dia que eu me apaixonei por esse maravilhoso desporto, me iden fiquei muito com a orientação, pois nasci na “roça, cresci em meio a natureza. Meu grande obstáculo foi tempo para treinar, pois eu trabalhava de segunda a sexta e estudava a noite, mas sempre dei um jei nho, muitas vezes fui treinar no horário do almoço e também tarde da noite depois da faculdade. Apaixonada por esportes desde sempre, eu era jogadora de vôlei e também par cipava de corrida de rua, mas quando conheci a orientação ve que deixar de lado o vôlei, a corrida de rua ainda consigo conciliar, pois me ajuda na preparação sica. Já fazem 5 anos que estou compe ndo na elite e a três anos que a orientação é o meu foco, a “minha vida”, depois que entrei para as forças armadas e me tornei atleta de alto rendimento, minha visão em relação a treinamento mudou um pouco, antes era mais amadora, agora a coisa é séria. Atleta de alto rendimento me levou a cuidar mais da alimentação, da preparação sica e principalmente p ro c u ra r a p o r te d a parte técnica que o e s p o r t e orientação exige.

Atualmente moro em Santa Maria-RS, porque ali existem melhores condições de treinamento. Para esta preparação conto desde 2011, com o apoio do meu treinador português Albano João, o qual tenho imensa gra dão. Já fui três vezes à Portugal par cipar de compe ções e fazer alguns treinos, considero esta experiência muito importante e um aprendizado enorme para mim e para qualquer atleta. Início deste ano ve a honra de poder acompanhar nove jovens a uma viagem à Portugal, fiquei muito feliz com a alegria deles e sem poder contar o orgulho que eles proporcionaram em terminar as pistas e mostrar a paixão que tem por este esporte, ter a oportunidade de transmi r o conhecimento adquirido aos jovens e futuros atletas não tem preço. A orientação do Brasil está crescendo e evoluindo a cada ano, tenho certeza que um dia o Brasil terá atletas entre os melhores do mundo. Apesar de nunca ter par cipado de um Campeonato Mundial Civil (WOC), já par cipei de dois Mundiais Militares, o qual posso dizer que foi uma experiência única, poder representar meu país é sem dúvida uma emoção inexplicável. E sem dúvida a maior de todas as alegrias nesta minha vida de atleta até agora, foi poder representar o Brasil em casa no Campeonato Mundial Master de Orientação em 2014 (WMOC), onde corri com atletas de vários países, lembro como se fosse hoje, eu terminando a prova com uma sapa lha só no pé porque a outra saiu e deixei pela pista para não perder tempo, aquele momento quando cruzei a linha de chegada e ouvi meu nome reverenciado com a conquista da medalha de bronze, uma conquista inédita para orientação e para mim foi de chorar de tanta emoção. Já aprendi muito na orientação e com a orientação, foi através dela que conheci lugares fabulosos e pessoas divinas. Trabalho com o obje vo de me manter por mais alguns anos entre as melhores do Brasil e compe ndo na D21E, evoluir e ainda quem sabe conquistar uma posição significante em uma compe ção internacional. Entrar para a Marinha foi a realização de um sonho, quando surgiu a oportunidade não pensei duas vezes. Servir à Marinha é um orgulho, ves r seu uniforme e poder representá-la é muito gra ficante. No dia 17 de maio começa mais uma sele va que se realiza em Brasília para o Mundial Militar que este ano será no Rio de Janeiro no mês de novembro. O nível dos atletas está cada vez maior, não vai ser uma batalha fácil, mas estou preparada e vou dar o meu melhor. Por maiores que sejam os desafios e obstáculos o importante é não desis r jamais. Realizei meu sonho e sou apaixonada pelo que faço. Acredite que tudo que é feito com dedicação, determinação e persistência tem o seu reconhecimento e sucesso. Boas rotas e muitos azimutes certeiros à todos


14

1ª Etapa do Campeonato Brasileiro de Orientação Itamar Torrezan Orientista em Rota Olá, es mados orien stas. Faz algumas semanas es vemos em Rio Negrinho - SC, par cipando da primeira etapa do Campeonato Brasileiro de Orientação.

Foto: Orien sta em Rota Após o trágico acidente ocorrido no dia 23/04, durante a disputa do percurso longo, optamos por manter o silêncio não só em respeito ao colega Torrezam, mas também para dar tempo a todos os leitores deste site e aos organizadores dos eventos para refle rem sobre os aspectos de segurança que tanto defendemos serem implantados ou simplesmente cumpridos no nosso esporte.

Foto: Odete Rech

Que fique bem claro (e aqui falarei em primeira pessoa) entendo que deve haver uma grande mobilização de toda a comunidade orien sta no sen do de promover melhorias para que não tenhamos a repe ção de acidentes durante a realização de compe ções. Não se trata apenas de promover barulho. Isso por si só não resolve. Vide algumas publicações aqui no sí o sobre coisas simples (e igualmente absurdas), como a oferta de água bruta para hidratação de compe dores. O assunto é extremamente delicado. Deve ser tratado com seriedade e sem melindres. Me pergunto em que profundidade pensaram na possibilidade de termos água contaminada em uma dessas "fontes" de hidratação. Quais medidas preven vas foram adotadas quanto à possibilidade de termos uma queda fatal ou choque anafilá co por conta de abelhas? Nas compe ções que par cipamos, existem rádios e equipes de resgate dispostos em pontos avançados numa área de compe ção? É oferecida a contratação de seguro de acidentes pessoais para os orien stas? Quais são os equipamentos que eu, como compe dor, posso carregar comigo para u lizar em caso de emergência? E você, leitor, considera essas perguntas inadequadas à modalidade Orientação? A comunidade não deve con nuar inerte. A comunidade tem potencial para provocar melhorias. A comunidade orien sta, enfim, tem total condições de revolucionar posi vamente a Orientação brasileira. Outrossim, em junho teremos a II Etapa do CamBOr. É imperioso que a organização do evento seja transparente e apresente aos orien stas quais serão os esquemas de segurança adotados para que tenhamos um ambiente adequado e primando por nossa incolumidade sica.


15 De imediato, e por estar filiado à FODF, com autorização da en dade, proferi uma pequena palestra versando sobre gestão de riscos nos eventos locais. Aparentemente, o assunto foi bem recebido e restou claro a todos os presentes que com um pouco de energia temos condições de evitar novos acidentes, ou ao menos temos capacidade de agir mais rapidamente caso, mesmo com a adoção de mi gações, ele (o acidente ou incidente) ocorra.

A cerimônia de encerramento ocorreu dentro do horário es mado e serviu para informar a todos sobre a decisão da CBO em alterar o nome do CamBOr 2016. Em homenagem a Itamar Torrezam, o torneio passa a ser denominado Campeonato Brasileiro de Orientação Itamar Torrezam.

Foto: Orien sta em Rota Me coloco à disposição da comunidade orien sta para dividir ideias rela vas ao tema. Sobre os percursos longo, médio e a premiação, formaram o pódio na categoria Elite masculino, respec vamente, os atletas Leandro Pasturiza, Cleber Vidal, Ironir Ev, Everton Markus e Sidnaldo Sousa. E na Elite feminina, sagrou-se campeã Le cia Saltori, seguida respec vamente por Franciely Chiles, Miriam Pasturiza, Edinéia dos Santos e Camila Cor nhas.

Foto: Orien sta em Rota E não deixe de emi r sua opinião sobre esta e outras matérias do nosso site. Sua par cipação é importante para avaliarmos se estamos na rota certa. Boas rotas \o/ orien staemrota


16

Por ALVIM JOSÉ PEREIRA, Diretor de Prova - 2ª Etapa do CamBOr

Hoje, 15 Maio 16, faltando pra camente 30 dias para a 2ª etapa do XVIII Campeonato brasileiro de Orientação “Campeonato Itamar Torrezam”, estamos na seguinte situação:

Hotel Águas Quentes (cidade de Rio Quente) (64)9221 4494 (64)9228 6320 (64)3452 1002 Tratar com Cida Ginásio/acantonamento – sem ônus

- 351 inscritos de 52 Clubes de todo o Brasil; - percursos Treino, Revezamento, Noturno, Médio e Longo traçados; - todos os pontos de controle marcados no terreno; - todo o material a ser u lizado já concentrado; - e quetação dos pontos de controle nos dias 21 e 22 Maio 16; - testes dos percursos dia 5 Jun 16

HOTÉIS e POUSADAS Pousadas “mais em conta” – diárias na faixa de R$ 50,00 por pessoa: Pousada 4 Estações (Bairro Esplanada) www.pousada4estacoes.com.br (64) 9231 6330 - (34) 9203 0055 – (34) 92030999. Tratar com Cleuza. Pousada Bom Viver (Bairro Esplanada) aderildorodrigues@hotmail.com (64) 3452 1187 . Tratar Aderildo. Residencial Village (Bairro Esplanada) residencialvillage217@gmail.com (64)3452 118. Tratar com Marcelo e Célio. Pousada da Serra (64) 3452 1264 / 8117 6120 Email: pousadadaserrarq@gmail.com Tratar com Val m Turismo imóveis (Bairro Esplanada) (64) 9279 0390 e 9276 0143 Email: gabrielturismoimoveis@gmail.com Tratar com Gabriel ou Paulo.

(cidade de Rio

Quente) Atletas individuais: fazer a reserva com o Diretor Administra vo. Grupos com responsável: os grupos com um responsável geral (Ex. Clubes de Orientação, Colégio Militar, Equipes Militares) fazer o contato com o Diretor Administra vo e informar as condições e necessidades. Recomendação: a Organização recomenda a hospedagem no Bairro Esplanada, em detrimento da cidade de Rio Quente, por ser mais próximo ao Hot Park, locais de compe ção e ter grande disponibilidade de restaurantes e demais estabelecimentos comerciais. Dúvidas? Faça contato com o Diretor Administra vo ( Va l t e i r D i v i n o ) , t e l ( 6 4 ) 9 2 0 2 1 0 4 3 ( C l a r o ) e e m a i l valteirdivino@gmail.com. Observações: Os atletas que ainda não fizeram reservas ou tem par cularidades - como acantonamento, diárias acessíveis, local para confeccionar refeição, pousada/hotel para grupos, etc deverão fazer contato com: - Diretor Administra vo (Valteir Divino), tel (64) 9202 1043 (Claro) e email valteirdivino@gmail.com; - Diretor de Prova (Alvim), tel (64) 9284 3333 e email alvim2812@gmail.com . Preferencialmente o contato deve ser feito via email para facilitar o atendimento das par cularidades de cada um. Recomendação: a Organização recomenda a hospedagem no Bairro Esplanada, em detrimento da cidade de Rio Quente, por ser mais próximo ao Hot Park, locais de compe ção e ter grande disponibilidade de restaurantes e demais estabelecimentos comerciais.


17 ACANTONAMENTO/GINÁSIO Atletas individuais: fazer a reserva com o Diretor Administra vo. Grupos com responsável: os grupos com um responsável geral (Ex. Clubes de Orientação, Colégio Militar, Equipes Militares) fazer o contato com o Diretor Administra vo e informar as condições e necessidades. A Organização atenderá a todos que necessitarem de acantonamento sem ônus, desde que informada com antecedência. Não haverá sinal de internet wifi disponível.

TRANSPORTE PARA O LOCAL DA PROVA Considerando as distâncias: - Bairro Esplanada ao Hot Park (local Revezamento e Noturno): 1 Km. - Bairro Esplanada ao Ginásio – cidade de Rio Quente (local do acantonamento): 7 km - Bairro Esplanada à par da do percurso Médio: 1 km - Bairro Esplanada à par da do percurso Longo: 1 km de asfalto e 3 km de terra (importante: acesso somente de carros passeio, VAN e micro-ônibus – a estrada de terra não comporta ônibus). A Organização disponibilizará transporte sem ônus, do Ginásio para o Bairro Esplanada e deste para o percurso longo, somente para: - os atletas que es verem sem carro de passeio, VAN e micro-ônibus; - os atletas que es verem em ônibus, desde que a Organização seja avisada até o término das inscrições (2 Jun 16):

AGÊNCIAS BANCÁRIAS Na cidade de Rio Quente e Bairro Esplanada existem as seguintes agências bancárias: - Banco do Brasil: somente na Agência Correios, em horário comercial, de Seg a Sex. - Itaú: caixa eletrônica no Bairro Esplanada. - Bradesco: na cidade de Rio Quente. - Caixa Econômica Federal: somente na Lotérica, em horário comercial, de Seg a Sex. O que não for atendido nestas Agências, dias e horários, a pessoa somente resolverá em Caldas Novas, a 32 km de distância, onde existe as seguintes agências com caixas eletrônicos: Banco do Brasil, Itaú, Bradesco, Caixa Econômica e HSBC. INSCRIÇÕES A conta para inscrição é da FOG e não da CBO. Prazo para inscrições: 2 Jun 16: somente serão com consideradas as inscrições referentes às quais foi realizado o depósito e informado os dados até 2 Jun 16. Obs. Caso falte o depósito ou os dados até 2 Jun 16, a inscrição irá para o percurso Aberto.

DADOS DA FEDERAÇÃO CNPJ: 14.951.950/0001-06 Dados bancários: Banco do Brasil Agência: 3485-1 Conta corrente: 220.012-0

EVENTO CULTURAL O evento cultural previsto na noite de 18 Jun 16 (sábado), será no estacionamento do Hot Park, ao lado do Bairro Esplanada, quando teremos: - premiação do revezamento - apresentação musical da Banda do Hot Park e de Grupos de Violeiros.

ALVIM JOSÉ PEREIRA Diretor de Prova


Fotos de Alvim José

O que esperar da 2ª Etapa...


21

Itamar Torrezam

#ParaSempre513

Estou Estou profundamente profundamente triste... triste... Acho Acho que que éé aa maior maior tristeza tristeza da da minha minha vida... vida... Fui Fui casada casada 23 23 anos anos com com oo Cel Cel Itamar Itamar TORREZAM TORREZAM ee ele ele foi foi ee continuará continuará para para sempre sempre sendo sendo oo GRANDE GRANDE AMOR AMOR DA DA MINHA MINHA VIDA VIDA !!! !!! Mas, Mas, além além disto, disto, TUDO TUDO oo que que eu eu sei sei de de Orientação Orientação foi foi ele ele quem quem me me ensinou. ensinou. Eu Eu estava estava na na prova; prova; era era aa 1ª 1ª Etapa Etapa do do Campeonato Campeonato Brasileiro Brasileiro de de Orientação, Orientação, em em Rio Rio Negrinho, Negrinho, SC. SC. Prova Prova muito muito dura sicamente, calor muito grande... Ele dura sicamente, calor muito grande... Ele não não chegava e começamos a procurar. Eu já sabia que chegava e começamos a procurar. Eu já sabia que algo algo muito muito ruim ruim havia havia acontecido, acontecido, porque porque oo conhecia conhecia melhor melhor que que ninguém ninguém pra pra saber saber que, que, pra pra ele ele sumir sumir numa numa prova, prova, só só se se estivesse estivesse morto... morto... Tal Tal ee qual. qual. Ele Ele caiu caiu de de uma uma cachoeira cachoeira na na negativa negativa de de 30m 30m de de altura, altura, num num lugar lugar MARAVILHOSO MARAVILHOSO ee morreu morreu na na hora. hora. O O coração coração explodiu explodiu na na hora hora da da queda, queda, caiu caiu com com oo tórax tórax esquerdo esquerdo para para baixo. baixo. Mas Mas não não largou largou oo mapa. mapa. Estava Estava rmemente rmemente preso preso na na sua sua mão mão !! Morreu Morreu numa numa rota rota vermelha, vermelha, desaando o verde 410, que se julgava intransponível. desaando o verde 410, que se julgava intransponível. Queria Queria ganhar ganhar aa prova. prova. EE lutou lutou até até oo m. m. Como Como sempre. sempre. Morreu fazendo o que mais amou fazer a vida inteira: Morreu fazendo o que mais amou fazer a vida inteira: correr correr Orientação Orientação !! Hoje Hoje estou estou indo indo enterrar enterrar oo corpo corpo dele, dele, no no interior interior de de SP SP.. Mas Mas me me despedi despedi dele dele hoje hoje de de manhã, manhã, abrindo abrindo aa pista pista do do percurso percurso médio médio !! Por Por ele, ele, para para ele ele ee pela pela Orientação Orientação !!! !!! Foi Foi muuuuuito muuuuuito difícil difícil correr, correr, mas mas era era lá lá que que eu eu precisava precisava encontrar encontrar com com ele... ele... Num Num até até breve... breve... Até Até aa próxima próxima pista... pista... Porque Porque oo espírito espírito dele dele agora agora vai vai viver viver na na natureza, natureza, nos nos cantos cantos dos dos pássaros, pássaros, nos nos sons sons dos dos bichos bichos da da mata, mata, no no barulho barulho das das folhas folhas balançando balançando ao ao vento, vento, no no cantar cantar da chuva enchendo os riachos... O show não pode parar da chuva enchendo os riachos... O show não pode parar !! Voe Voe livre livre ee feliz, feliz, além além dos dos horizontes horizontes ee através através do do sempre sempre !!! !!! Para mim você sempre será meu heroi, meu highlander, meu Para mim você sempre será meu heroi, meu highlander, meu imortal imortal !! EE continuarei continuarei fazendo fazendo aa minha minha parte, parte, ensinando ensinando aa quem quem gostar gostar da da natureza, natureza, oo teu teu esporte, esporte, oo nosso nosso esporte esporte !!! !!! Te Te amo, amo, pra pra sempre sempre !!! !!! EE lembre-se, lembre-se, como como eu eu te te dizia: dizia: sempre sempre éé muuuuito muuuuito tempo... tempo... ÉÉ todo todo oo tempo tempo do do mundo mundo !!! !!! Carla Carla Maria Maria Clausi, Clausi, 24 24 de de abril abril 2016 2016

Foto: Odeteh Rech


CamBOr em foco...


24

11 de maio, Dia Internacional da Orientação Em 11 de maio de 2016 foi comemorado o Dia Mundial da Orientação – WOD (World Orienteering Day). Promovido pela IOF, clubes e federações de todos os países foram convidados a registrarem todos os eventos de orientação realizados durante o mês de maio na página do evento. As metas da Federação Internacional de Orientação sobre a organização deste evento anual são as seguintes: Aumentar a visibilidade e acessibilidade da orientação aos jovens; Aumentar o número de par cipantes, tanto nas a vidades escolares, bem como nas a vidades dos clubes em todas federações nacionais; e para obter novos países à par cipar na orientação, ajudando os professores a implementar a orientação de uma forma diver da e educa va A comemoração do WOD 2016, e as ações de promoção da orientação realizadas pela IOF foram parabenizadas Comitê Olímpico Internacional. O primeiro Dia Mundial de Orientação foi um enorme sucesso, com mais de 250 000 par cipantes de todo o mundo par cipam de um evento de orientação, superando o recorde anterior de 2013 com a par cipação de mais de 200 mil par cipantes. Escolas, clubes e entusiastas de todo o mundo fizeram sua parte e contribuíram fantas camente para que o IOF conseguimos bater esse recorde mundial, chegando a marca impressionante de 81 países par cipante, realizando 2013 eventos em todo o mundo, com a par cipação de 252.927 atletas Para nós no Brasil, que pra camos Orientação quase exclusivamente nos finais de semana, foram adotados procedimentos e ações com nossas par cularidades e fazemos uma festa muito bonita, com registros de a vidades e par cipação de aproximadamente 5000 (cinco mil) atletas em todo Brasil, recebendo inclusive o enaltecimento ao WOD aqui no Brasil. As próximas Jornadas Mundiais da Orientação já estão marcadas, serão no dia 24 de maio de 2017 e em 23 de maio de 2018! Vamos fazer uma festa ainda maior. Veja nessa edição os principais eventos do Brasil em comemoração ao Dia Internacional da Orientação.


Albânia

Alemanha

Azerbaijão

Cazaquistão

Bélgica Coréia do Sul Brasil Dinamarca

Equador Indonésia

Espanha

WOD Pelo mundo... Indonésia Istambul Grécia


Lituânia

Israel

Itália

Noruêga

Polônia

Republica Checa

Suêcia

Turquia

ST Pittsburgh

Austrália Turquia Russia Ucrânia


28

Dia Internacional da Orientação Portugual 1500 par cipantes nas celebrações em Portugal O Dia Mundial da Orientação foi de celebração e festa um pouco por todo o lado. Portugal aderiu à inicia va desde a primeira hora, fazendo coro com 79 outros países e promovendo a vidades em doze localidades dis ntas e que envolveram mil e quinhentos par cipantes no seu conjunto. Decorreu ao longo do passado dia 11 de Maio a primeira edição do Dia Mundial da Orientação. Numa inicia va da Federação Internacional de Orientação, o projeto permi u unir milhares de pessoas dos quatro cantos do mundo em torno dum duplo ideal: a promoção da modalidade junto das comunidades escolares e o desenvolvimento da Orientação. Desde o seu lançamento, rapidamente se percebeu que esta era uma inicia va talhada para o sucesso. A forma como, à volta do globo, clubes, escolas, ins tuições públicas e sociedade civil aderiram a esta verdadeira causa e foram acrescentando o seu nome a uma lista que não cessou de crescer foi, certamente, um fator de enorme es mulo para a IOF e, sobretudo, para o mentor do projeto, Göran Andersson. E quando Łukasz Maletz publicou uma foto com os dorsais de um dos eventos na Polónia e a indicação “vai começar”, em Camberra, na Austrália, os Bushflyers replicavam: “As balizas estão no terreno, a chuva parou e está aí o primeiro Dia Mundial da Orientação. Não se atrase!” E foi assim que, de mapa e bússola na mão, esta modalidade despor va tão extraordinária foi celebrada, da Turquia à Nova Caledónia, de Portugal ao Brasil.

Escolas em festa Portugal registou um conjunto de doze a vidades em outras tantas localidades. A chuva que se fez sen r de norte a sul do país acabou por assumir um indesejável protagonismo, sendo responsável pelo cancelamento da a vidade prevista para a cidade de Viseu, no Centro do País. Em contrapar da, embora não registados oficialmente na página do Dia Mundial da Orientação – h p://worldorienteeringday.com/ -, sete atletas do NAST – Núcleo Associa vo de Santo Tirso assinalaram à sua maneira este dia, com um pequeno percurso de treino bem no centro da “cidade dos Jesuítas”. Mais a Norte, em Braga, o Agrupamento de Escolas Carlos Amarante chamou 332 dos seus alunos a par ciparem nas a vidades. O espaço da escola em Ourém e S. Brás de Alportel foi igualmente o palco das a vidades promovidas pelo Agrupamento de Escolas de Ourém e pelo Agrupamento de Escolas José Belchior Viegas, com 94 e 24 par cipantes, respe vamente. Marinha Grande e Leiria, na zona centro do país, também festejaram o Dia Mundial da Orientação. No primeiro caso, a a vidade decorreu no Parque Már res do Colonialismo, numa inicia va do Agrupamento de Escolas Marinha Grande Poente e que contou com a presença de 220 pra cantes. As a vidades em Leiria foram promovidas pela Desporto e Bem-Estar do Ins tuto Politécnico de Leiria e decorreram no Jardim Luis de Camões, envolvendo 70 pessoas.


29 Porto inaugura percurso permanente Um dos pontos altos desta verdadeira festa viveu-se na cidade do Porto, onde o Município local, através da Porto Lazer, com o apoio técnico do Grupo Despor vo dos Quatro Caminhos, inaugurou um percurso permanente de Orientação no Parque de S. Roque, na zona oriental da cidade. Depois do Parque da Cidade e do Parque do Côvelo, este é o terceiro percurso permanente que se encontra disponível a par r de agora na cidade Invicta. A a vidade envolveu 67 par cipantes e contou, inclusivamente, com um percurso de Orientação Adaptada, uma disciplina vocacionada para pessoas com deficiência intelectual. Os Amigos da Montanha levaram o Dia Mundial da Orientação a Ponte de Lima, ao encontro de 62 alunos de S. Julião do Freixo, Ponte da Barca e Paredes de Coura. Águeda e Fermentelos foram brindadas por a vidades desenvolvidas pelo Clube de Aventura da Bairrada, no primeiro caso com 129 par cipantes e no segundo com 23. Mais a Sul, o Castelo de Sesimbra recebeu 36 par cipantes numa a vidade desenvolvida conjuntamente pela Escola Básica NR Soromenho e GDU Azoia. Finalmente, na cidade do Funchal, o Clube de Aventura da Madeira levou a festa da Orientação a 360 alunos da Escola Secundária Jaime Moniz, naquela que foi a a vidade mais par cipada do país. [Fotos: Porto Lazer / facebook.com/portolazer. Um agradecimento especial à Federação Portuguesa de Orientação, na pessoa de Cris ana Maranhão, pelas informações prestadas] Joaquim Margarido


32

Por Ricardo Ribeiro, Presidente COC

No dia 30 de abril o Clube de Orientação de Curi ba realizou a primeira etapa do Paranaense de Orientação Sprint 2016. O Sprint é uma forma de pra car Orientação, ainda com alguns segredos e adaptações às quais estamos nos ajustando e nos acostumando. As diferenças entre desenhos ISOM/ISSOM, interpretação de áreas permi das e proibidas e a proximidade de tempos entre os compe dores. A diferença de 03 minutos entre concorrentes pode significar um tempo enorme.

Após essa fase a Orientação passou a ser desenvolvida e pra cada nos quartéis de fora rudimentar. Em 1986 ocorreu o primeiro Campeonato Metropolitano de Orientação de Curi ba, contando com a par cipação de Carla Clausi marcando assim seu registro no pioneirismo da mulher na Orientação Brasileira.

Esse evento foi realizado na cidade de Tijucas do Sul/PR com percursos passando no pá o da igreja, colégios, ruas, vielas e florestas públicas. Tijucas do Sul é um município integrante da Região Metropolitana de Curi ba que conta com pouco mais de 15.000 habitantes. No dia seguinte, 1º de maio, o COC realizou a 2ª Etapa do Circuito Paranaense de Orientação. O evento recebeu a denominação “Prova Carla Maria Clausi – 30 anos de orientação”, em homenagem ao seu pioneirismo na Orientação brasileira. O Evento contou com mais de 270 par cipantes e integra o Dia Mundial da Orientação – WOD/IOF, e foi realizado no Recanto Sal nho (Tijucas do Sul). O Recanto Sal nho foi construído às margens do Rio da Várzea ao lado da cachoeira que dá nome ao local. Um local de exuberante beleza e que oferece inúmeras opões de lazer e contemplação aos amantes da natureza. Os 30 anos de Carla Clausi na Orientação cons tui um capítulo na história da Orientação Brasileira. O esporte Orientação foi trazido para o Brasil e realizado inicialmente no meio militar com registros datados de 1956 na Escola de Educação Física do Exército. A primeira par cipação Brasileira em compe ção internacional ocorreu em 1971 no Mundial Militarda Noruega (fonte www.cbo.org.br).

Foto: Nina Waldow

Ao longo dos anos, ao lado de seu marido à época – Itamar Torrezam – Carla par cipou, promoveu e incen vou a realização eventos de Orientação por onde passou. Carla explorou novos caminhos, ingressou no Exército Brasileiro na área de Saúde. Atualmente é Tenente-Coronel comandante do Hospital da guarnição de João Pessoa/PB. Pela orientação paranaense, além de sua inovação em inserir a mulher na prá ca desse esporte, Carla e seu marido Torrezam, doaram um equipamento de apuração marca EMIT para a Federação Paranaense, trazendo profissionalismo e evolução aos nossos eventos. Essa etapa do CIPO foi marcada pela emoção, Carla foi homenageada perante os presentes, recebeu homenagens por seus feitos e muitas mensagens de carinho pelo recém falecimento de Itamar Torrezam.


36

Torneio da Porteira de Orientação Por Cel Marden Oliveira

O Troféu Porteiras de Orientação, foi realizado na localidade de Porteiras, pertencente a Paripueira, Beberibe-Ce, foi uma prova de inclusão de uma comunidade carente e par cipa va, a mesma comunidade que nos apoiou na 1ª Etapa do III Circuito de Orientação Lagoa do Jirau, vendo o interesse dos moradores em pra car a Orientação, criamos o Troféu Porteiras de Orientação exclusivamente para os moradores daquela região, em categorias de Duplas. Tivemos medalhas para todos os par cipantes e troféus para os primeiros colocados, bem como os diplomas do World Orienteering Day para todos os par cipantes. A ideia de fazermos essa compe ção foi única e exclusivamente atender ao pedido daquela comunidade em pra car o nosso esporte e como incen vador do esporte não poderíamos perder aquela oportunidade, então o Grupo Orien stas Lagoa do Jirau, abraçou a causa e custeamos a compe ção para toda a comunidade. Com um total de 74 inscritos, sendo 26 mulheres e 48 homens, o Torneiro da Porteira foi um verdadeiro sucesso, que venham os próximos.


38

Por Daniel Monte Nero - Presidente Caa nga Trekkers

No dia 14 de maio, à noite, os atletas de orientação da Bahia veram a oportunidade de par cipar das comemorações do Dia Mundial da Orientação, num clima de amizade, simplicidade e de confraternização, na cidade de Feira de Santana. Foi um SPRINT NOTURNO, PROVA INÉDITA NA BAHIA, organizada pela equipe Caa nga Trekkers. O evento aconteceria no 2º semestre, mas o clube, com a ajuda de seus integrantes, conseguiu antecipar para festejar e colaborar, de uma maneira fes va, a busca da quebra do Record de 2003, almejado. Tivemos a presença de vários atletas representando os seus respec vos clubes par cipando da primeira prova de Sprint Noturno, que foi realizada no conjunto Milton Gomes, situado na região norte da cidade. A prova foi na modalidade Orientação Pedestre realizada durante a noite, em área urbana, de natureza individual e acompanhada, com percurso de média distância e com ordem específica de visita aos prismas. A prova foi dividida nas seguintes categorias D Júnior N (até 19 anos) D Adulto N (20 a 34 anos) D Máster N (a par r de 35 anos) D Júnior A (até 19 anos) D Adulto A (20 a 34 anos) D Máster A (a par r de 35 anos) H Júnior N (até 19 anos) H Adulto N (20 a 34 anos) H Máster N (a par r de 35 anos) H Júnior A (até 19 anos) H Adulto A (20 a 34 anos) H Máster A (a par r de 35 anos). Na verdade o nosso principal obje vo foi difundir o esporte em todo o estado e principalmente no município de Feira de Santana onde uma boa parte da população ainda não conhece o esporte e um Sprint noturno acreditamos que seja uma forma mais fácil de divulgar o esporte Para falar a verdade não esperávamos um numero tão grande de atletas por se tratar de uma prova noturna, foram mais de 70 atletas que par ciparam do primeiro sprint noturno da Bahia.

Foto gen lmente cedido por Daniel Monte Nero

O Bom de tudo isso foi que tantos os atletas quanto a população local adoraram e vemos uma resposta muito posi va como pós prova então para um primeiro Sprint noturno nós do Caa nga Trekkers estamos muito felizes e com a sensação de dever cumprido Segundo a presidente da Federação Baiana de Orientação (FBO), Márcia Libânea, o evento tem como principal obje vo festejar e comemorar o Dia Mundial de Orientação, colocando a cidade de Feira de Santana como protagonista nestas comemorações. “Entre as diversas formas de abordagem e promoção da Orientação, a IOF, Federação Internacional de Orientação criou o Dia Mundial da Orientação o World Orienteering Day. Para nós no Brasil que pra camos Orientação quase exclusivamente nos finais de semana, adotaremos procedimentos e ações com nossas par cularidades e faremos o registro das nossas a vidades com o enaltecimento do WOD. Feira como um grande celeiro de grandes atletas do esporte não poderia ficar de fora dessa festa”, afirmou.


39

Por Isaac Miranda, Diretor de Prova

No dia 14/05, no município de Pinheiral, sul do estado do Rio de Janeiro, na região do Vale do Paraíba, foi realizado um Sprint Noturno em comemoração ao Dia Mundial da Orientação, dentro do IFRJ Campus Pinheiral. Esta pista reuniu cerca de 80 par cipantes. A sa sfação dos atletas era visível e a compe ção foi muito elogiada. No domingo, 15/05, também em comemoração ao Dia Mundial da Orientação foi realizado a III Etapa do XXIII COERJ, o campeonato estadual mais an go do Brasil. Esta compe ção reunião 285 atletas de todas as idades e mais de 400 pessoas acompanhando o evento. Também foi realizada nas dependências do IFRJ Campus Pinheiral. Para a realização da compe ção contamos com o apoio do IFRJ e da prefeitura de Pinheiral. Os percursos e mapa foram muito elogiados pelos atletas. Alguns relatos foram de que este evento foi um dos melhores já realizados no Rio de Janeiro, tanto pela estrutura do local, da organização, mapas e percursos e pela largada no horário.

No domingo, 15/05, também em comemoração ao Dia Mundial da Orientação foi realizado a III Etapa do XXIII COERJ, o campeonato estadual mais an go do Brasil. Esta compe ção reunião 285 atletas de todas as idades e mais de 400 pessoas acompanhando o evento. Também foi realizada nas dependências do IFRJ Campus Pinheiral. Para a realização da compe ção contamos com o apoio do IFRJ e da prefeitura de Pinheiral. Os percursos e mapa foram muito elogiados pelos atletas. Alguns relatos foram de que este evento foi um dos melhores já realizados no Rio de Janeiro, tanto pela estrutura do local, da organização, mapas e percursos e pela largada no horário. Na abertura do evento o diretor técnico da prova (Isaac Miranda) falou sobre a pista e algumas caracterís cas importantes do mapa. Logo em seguida passou a palavra ao presidente do COARJ (Lucas Costa) e em seguida o presidente da federação do RIO (Marcelo Malato) em que elogiou o COARJ pela organização do Sprint e pela III etapa. Foi feita uma homenagem ao Cel Torrezan, sendo realizada uma oração.

Na abertura do evento o diretor técnico da prova (Isaac Miranda) falou sobre a pista e algumas caracterís cas importantes do mapa. Logo em seguida passou a palavra ao presidente do COARJ (Lucas Costa) e em seguida o presidente da federação do RIO (Marcelo Malato) em que elogiou o COARJ pela organização do Sprint e pela III etapa. Foi feita uma homenagem ao Cel Torrezan, sendo realizada uma oração.

Foto: Ricardo Lorençato


Para saber mais, acesse o site: www.cambor.site


44

II Etapa do XX Circuito Oeste Paranaense de Orientação

Por Valdir Tasca - Diretor Técnico COBRA

Aconteceu neste ul mo domingo dia 15 de maio em Cascavel, PR, a 2ª Etapa do XX Circuito Oeste Paranaense de Orientação, no distrito de São Salvador, com a presença de 70 atletas das diversas categorias, oriundos dos municipios da região oeste do Paraná e Santa Catarina, evento comemora vo ao Dia Mundial da Orientação que ocorreu no dia 11 de maio do corrente. Na oportunidade foi também homenageado o Atleta Itamar Torezan do Clube de Orientação de Curi ba, (foto no mapa) que recentemente veio a falecer quando par cipava da 1ª Etapa do Campeonato Brasileiro de Orientação na cidade de Rio Negrinho – SC. O Circuito Oeste Paranaense de Orientação completa em 2016, 20 anos ininterruptos de disputa sendo um dos eventos regionais mais an gos do Brasil, levando o esporte Orientação para toda a região oeste do estado do Paraná, agregando cada vez mais novos adeptos a modalidade. A próxima etapa do COPO será no mês de julho em Foz do Iguaçu, cumula vamente com a Etapa do Circuito Paranaesne de Orientação que tem prova de Sprint e percuros tradicional, tendo como locias de disputa Parque Tecnológico Itaipu e região do Canal da Piracema da Itaipu Binacional em Foz do Iguaçu-PR, mais informações no site da Federação Paranaense de Orientação em www.orientaparana.com.br


46

2ª Etapa do Camponato Municipal de Santiago-RS Texto e fotos cedidas pelo Clube de Orientação San ago Na bela tarde ensolarada do sábado, dia 30 de abril, o Clube de Orientação de San ago realizou a 2ª etapa do Campeonato Municipal de San ago, na sede Campestre do Clube dos Subtenentes e Sargentos da Guarnição de San ago (Reiuna).

Sagraram-se vencedores, nas principais categorias: D Adulto E – Elaine Dalmares Lenz (ADAAN); H Adulto E – Diovane Camilo Dalenogare Lirio (ADCH) e H Adulto A – Alex Rosado Masteloto (COS).

O evento contou com a par cipação de 50 atletas inscritos de vários clubes do estado e escolas do município, escolas estas parceiras no desenvolvimento do Esporte Orientação em San ago. O campeonato está sendo desenvolvido em 6 etapas, distribuídas ao longo do ano e, as categorias foram distribuídas, de forma experimental, nas seguintes faixas etárias e graus de dificuldade apresentados abaixo:

ĞMÒŔMÑPÙǾÒM

Grau de dificuldade

Infantil (até 12 anos)

N-B

Juvenil (13 a 16 anos)

N-B-A-E

Junior (17 a 20 anos)

N-B-A-E

Adulto (qualquer idade)

N-B-A-E

Máster (35 a 44 anos)

N-B-A

Sênior (45 a 54 anos)

N-B-A

Veterano (55 a 64 anos)

N-B-A

Grand Veterano (65 anos e acima)

N-B

Acompanhado

N

Foto gen lmente cedido pelo Clube de Orientação San ago

Aproveitamos a oportunidade para agradecer a presença dos orien stas, que abrilhantaram a compe ção, aos familiares e amigos que pres giaram o evento, aos nossos apoiadores e patrocinadores: Prefeitura Municipal de San ago, 1ª Brigada de Cavalaria Mecanizada, a equipe organizadora, que trabalhou com afinco e dedicação, para oferecer uma compe ção justa. Muito obrigado a todos e esperamos nos encontrar em breve na 3ª etapa do Campeonato Municipal!


48

3ª Etapa XXI Campeonato Paulista de Orientação Por Geovane Nigris Mar ns – Diretor de Patrimônio do COCAMP

Aconteceu no dia 22 de maio na cidade de Piracicaba a 3ª Etapa do XXI Campeonato Paulista de Orientação, organizada pelo Clube de Orientação de Campinas (COCAMP), o evento deste ano contou com a presença de 215 inscritos ante 197 no ano anterior, sendo destaque as delegações da Academia Militar das Agulhas Negras, Academia da Força Aérea, Escola Preparatória de cadetes do Exército, Escola de Especialistas da Aeronáu ca e dos Tiros de guerra de Capivari e Piracicaba. Nas principais categorias H21E (homens de qualquer idade elite) e D21E (mulheres de qualquer idade elite) sagraram-se campeões os atletas: João Manoel Franco do São Paulo Orienteering Club e Gabriella Dantas Franco do Clube de Orientação de Campinas com os tempos de 1h 15min 00seg e 1h 03min 06seg, respec vamente. No intuito de divulgar o esporte foram programadas a vidades que antecederam a o evento principal, entre as quais citamos: curso de Iniciação a Prá ca do Esporte Orientação realizado nas dependências do Tiro de Guerra de Piracicaba (TG 02-028), realização de um percurso por 139 pessoas na área de lazer de um dos parques da cidade de Piracicaba, local escolhido em vista do público-alvo que frequenta o Parque, na maioria pra cantes de a vidade sica. Colaboraram de maneira significa va para o evento as seguintes ins tuições: Ins tuto Florestal do Estado de São Paulo (Estação Experimental de Tupi), Prefeitura Municipal de Piracicaba (Secretaria de Esportes, Lazer e A vidades Motoras), Tiro de Guerra de Piracicaba, Tupi Futebol Clube, Jornal Gazeta de Piracicaba, Escola Preparatória de Cadetes do Exército e o Ins tuto Adven sta de São Paulo. Alguns números dos prepara vos, confecção de três mapas: área do TG, área de lazer da rua do Porto e Estação Experimental de Tupi, todos elaborados pelo cartógrafo Carlos Roberto Alves Hackmann, presidente do COCAMP, a organização do evento contou com a colaboração de onze voluntários todos membros do Clube e a veiculação de cinco matérias no caderno de esportes do jornal Gazeta de Piracicaba.

As a vidades fizeram parte das comemorações do Dia Mundial da Orientação WOD (sigla em inglês de World Orienteering Day) cuja meta visa a ngir, no mês de maio, um público de 250.000 pessoas pra cando Orientação no mundo. Portanto as expecta vas do Clube de Campinas e da Federação Paulista de Orientação foram alcançadas, pois a prova atraiu novos par cipantes para o esporte, contou com o aumento de dezoito inscritos em relação a etapa de 2015, número que representa um incremento de 8,37 % e ainda contabilizou para o WOD um público de 354 pessoas pra cando Orientação em Piracicaba no mês de maio, tais resultados foram fruto da visibilidade dada ao esporte pela imprensa local e das oportunidades voltadas para a prá ca da Orientação desenvolvidas pelo COCAMP.


50

Por Maria Cris na

1ª Prova Feminina de Orientação, foi realizada em comemoração aos 30 anos da primeira par cipação oficial feminina (Carla Clausi) em um prova de Orientação no Brasil e alusivo ao dia Mundial da Orientação, neste ano comemorado em 11 de maio. O evento uma parceria da FPO - Federação Paranaense de Orientação, SMELJ Secretaria Municipal do Esporte, Lazer e Juventude e o Câmpus Curi ba da Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR), através de seu Departamento de Extensão(DEPEX/ação 095-2016). O clube COC homenageou a atleta pioneira Carla Clausi em uma prova do Circuito Paranaense e desta prova outra atleta Maria Cris na Fernandes percebeu que no mês de maio seria o ideal para homenagear as atletas mulheres e mães com uma prova onde somente elas estariam na floresta e os homens na organização como já e realizado na Europa.

Um momento para congraçamento A sua equipe Anjos da Natureza colaboraram entre outros na organização da prova Foi um encontro entre mulheres inclusive aquelas que foram lapidadas por ela: Iara Cordeiro de Souza, Evelyn Karin Sereneski Merenda e Carla Bayestorff . A arena foi a Pista Permanente de Orientação Sprint do Câmpus Neovile - Curi ba da UTFPR, uma das varias PPO que Curi ba tem, a prova foi fazenda onde havia 47 pontos para em 90 minutos registrá-los. Um momento para congraçamento e conhecimento da par cipação feminina na Orientação. A acolhida, os presentes: marca pagina para a historia delas, os “ mimos” dos colaboradores e amigos,a apresentação das fotos de cada atleta em uma pista de orientação e seus primeiros mapas tornou o evento um resgate a memória e com emoções. “Chovia, chovia muito mais o nosso obje vo era mostrar quanto somos determinadas, fortes, corajosas e felizes”. (par cipante) A e q u i p e o rga n i za d o ra s e n u - s e h o n ra d a e m proporcionar mesmo em um dia frio e chuvoso uma vivencia diferenciada atendendo as expecta vas e perceberam que em pequenos gestos e detalhes tornaram-as felizes...são mulheres e mães! Sempre gratas!

Fotos: Raul Friedmann


52

Circuito Borborema - Sprint Noturno

Por José Alexsandro, Presidente da Federação Paraibana de Orientação

Olá Orien stas, este mês de maio realmente foi especial para Orientação, no ul mo dia 11 de maio comemoramos o dia mundial da orientação e em virtude desta data vários eventos foram realizados pelo mundo e no Brasil, e claro que nossa Paraíba não podia perde a oportunidade de par cipar e comemorar esta data tão especial. Eventos foram realizados em nosso estado, e quase todos os clubes filiados a Federação manifestaram ou realizaram alguma a vidade referente ao World Orienteering Day. Vamos destacar o evento realizado pelo Clube de Orientação Borborema Azimute, que no dia 14 de maio na cidade de Campina Grande –PB, realizou seu primeiro Sprint noturno, evento que faz parte do I Circuito Borborema de Orientação – CiBOr, com uma excelente estrutura e organização o evento aconteceu na Universidade Federal da Paraíba, com total apoio da ins tuição que através de seu Magnifico reitor José Edílson de Amorim e o Prefeito da UFCG Mário de Sousa, disponibilizaram mais do que a estrutura sica e sim o apoio moral, comprome mento e engajamento, nos proporcionando segurança e conforto. Com mais de cinquenta atletas o Sprint apresentou um percurso desafiador e técnico tornando a par cipação extremamente agradável no aspecto espor vo, além de toda parte técnica e espor va, vemos a oportunidade de assis r a apresentação de um grupo cultural tradicional de Campina Grande, o MaracaGrande grupo de precursão, que deu um show a parte, e com sua alegria e desenvoltura, colocou nossos atleta literalmente para dançar. São eventos como esse que fortalece e aproxima nossos atletas e família da Orientação.


9 anos de tradição na Orientação da Paraíba

Venha fazer parte dessa família https://www.facebook.com/rumoserotas/


Forca Nordeste

de Orientacao

aguardem ...


Foto: Alvim José

Foto: André Pivoto Foto: CONFORT

Foto: Nina Waldow

Foto: COS Foto: Odeth Rech

Foto: Nina Waldow

Foto: Ricardo Lorençato

Foto: Ricardo Lorençato

Foto: Orien sta em Rota

Foto: Ricardo Lorençato

Foto: Nina Waldow

Foto: Odeth Rech Foto: Odeth Rech Foto: CONFORT

SEM PALAVRAS ...

Foto: Odeth Rech

Foto: Ricardo Lorençato


Foto: André Pivoto Foto: Ricardo Lorençato

Foto: Alvim José

Foto: Nina Waldow

Foto: Nina Waldow

Foto: Odeth Rech

Foto: COS

Foto: CONFORT

Foto: Odeth Rech

Foto: Odeth Rech

Foto: Ricardo Lorençato

Foto: Ricardo Lorençato

Foto: CONFORT

Foto: Odeth Rech

Foto: Ricardo Lorençato

Foto: COS

Foto: Nina Waldow


Prisma da DepressĂŁo As mais vistas do mĂŞs

Para ver mais acesse facebook/prismadepressao


www.adesivomix.com.br Entregamos em todo o Brasil


AGENENDTOAS

DE EV

2016

dias 4 e 5

Junho

dias 04 e 05

3ª Etapa do CAMPEONATO MUNICIPAL DE ORIENTAÇÃO DE SANTA MARIA

Local:Guarapuava - PR

COSM

2ª Etapa do ORISPRINT 3ª Etapa CIRCUITO PARANAENSE DE ORIENTAÇÃO

COLB

Junho

JUNHO

Local: Santa Maria - RS

Junho

2ª Etapa do CAMPEONATO PARAIBANO DE ORIENTAÇÃO Local: Pedras de Fogo - PB

Junho

dia 05

2ª Etapa do CAMPEONATO MINEIRO DE ORIENTAÇÃO Local: Varginha - MG

dia 05

Local: Fortazela - CE

Junho

dia 05

4ª Etapa do CAMPEONATO DE ORIENTAÇÃO DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO Local: Seropédia - RJ

dia 11

Local: Fortaleza - Ce

Junho

dia 12

3ª Etapa do CAMPEONATO DE ORIENTAÇÃO DO DISTRITO FEDERAL Local: Brasília - DF

dia 12

Local: Pirassununga - SP

Junho

dias 16 a 19

2ª Etapa do CAMPEONATO BRASILEIRO DE ORIENTAÇÃO Local: Rop Quente - GO

Informações retiradas do portal oficial da CBO: www.cbo.org.br

FOG

4ª Etapa do CAMPEONATO PAULISTA DE ORIENTAÇÃO

COARJ

Junho

COTI

Etapa LUA CRESCENTE CIRCUITO FASES DA LUA

FECORI

Junho

COCAPRI

2ª Etapa do CIRCUITO DE ORIENTAÇÂO DO JIRAU

FECORI

Junho

COVAR

CORELE

dia 05


Revista PrisMagazine Nº 009 Ano I - Maio 2016  

Demorou nas finalmente estamos no ar.... A revista de maio de 2016 vem muito especial, essa edição foi carinhosamente produzida para comemor...

Advertisement