Page 1


Editorial

C

hegamos à penúltima edição de 2017 e para finalizarmos o ano nada melhor que uma revista voltada para o público infantil e seus papais, com brincadeiras e muita informação. Vamos

Diego Raffide Diretor Geral da revista Por Aqui

deixar as notícias ruins, como corrupção e violência, para trás. A segunda edição do concurso ‘Crianças da Capa’ foi um sucesso. O evento, realizado pela revista Por Aqui e com produção do colunista social Fábio Soares, agitou as maiores cidades da região. Os vencedores foram Giovanna e Pietro, ambos de Volta Redonda, que esbanjaram beleza e carisma durante a sessão de fotos com a fotógrafa Daniella Botelho. No dia 21, haverá a entrega das revistas e de presentes aos vencedores na casa de festa infantil Kifulia, em Barra Mansa. Para os papais, traremos notícias de esporte e política. Dando sequência nos resumos sobre a temporada dos times cariocas em 2017, falaremos desta vez sobre o Flamengo e o Vasco. Já na esfera política, destacaremos o trabalho relevante que o deputado federal Alexandre Serfiotis tem realizado na região. Aproveitamos a oportunidade para desejar aos nossos leitores e patrocinadores um Feliz Natal e um ano de 2018 de muitas realizações e notícias positivas. Boa leitura!

Revista Por Aqui - CNPJ: 27.492.640/0001-12 • www.revistaporaqui.com.br

05- Ajude a Giovanna e o Pietro a encontrarem o Papai Noel 06- Vencedores do concurso ‘Crianças da Capa 2017’ Diretor Geral / Jornalista Responsável: Diego Campos Raffide - MTB 0032199/RJ E-mail: diego@revistaporaqui.com.br

Diretora Administrativa: Michelle Raffide - michelle@revistaporaqui.com.br Diretor de Arte: Eduardo Avila - eduardo@revistaporaqui.com.br A revista Por Aqui não se responsabiliza por conceitos e opiniões expressos nos artigos, colunas e reportagens assinadas. O conteúdo é de responsabilidade de seus autores.

08- Flamengo - Contas em dia; decepção no campo 09- Vasco - Um ano melhor do que se esperava 10- Trabalhos do deputado Alexandre Serfiotis na região


8

Fotos: Divulgação

F L A M E N G O

Contas em dia; decepção no campo Por Diego Raffide - diego@revistaporaqui.com.br

O

Flamengo foi o melhor time carioca em 2017, porém, não foi um ano para se comemorar. A diretoria investiu alto e contratou jogadores renomados, mas o time não deu liga e deixou a desejar. Foi campeão carioca, mas vacilou na Libertadores, sendo eliminado na fase de grupos. No Campeonato Brasileiro, a equipe foi regular e conquistou uma classificação para a Copa Libertadores da América do ano que vem, mas amargou dois vices campeonatos: Copa do Brasil e Sul-Americana. Muitos dos jogadores contratados não vingaram e estão sendo muito criticados, como Éverton Ribeiro, Trauco, Rômulo e Geuvânio. Outros que já eram do clube também não tiveram um bom ano, como Pará, Márcio Araújo, Rafael Vaz e Gabriel. Também não podemos esquecer o episódio dos goleiros. Muralha, o titular do começo do ano, viveu um inferno astral em 2017 e colecionou uma série de falhas. O seu reserva imediato, o jovem Thiago, também não aproveitou a oportunidade e também teve falhas cruciais, inclusive na final da Copa do Brasil. A diretoria se moveu e trouxe Diego Alves, um jogador experiente e que veio da Europa, mas acabou se lesionando sério e só retornará aos gramados no ano que vem. Então foi dada a oportunidade para o quarto goleiro, César, que foi bem, mas não conseguiu conquistar o título da Sul-Americana. Outro fator que atrapalhou muito o Flamengo neste ano foi o excesso de jogos, o que culminou em várias lesões. Diego, quando vivia o auge no Flamengo, se lesionou e quando

Mesmo com muitas contratações e jogadores renomados, um dos principais nomes do Flamengo em 2017 foi o prata-da-casa Lucas Paquetá.

retornou não voltou o mesmo. O atacante Berrío teve uma séria lesão. Éderson sofreu com um câncer no testículo. Éverton desfalcou o time em vários jogos e Guerrero foi suspenso no antidoping. O que fazer para 2018? A diretoria do Flamengo tem feito uma administração impecável, pagando dívidas e colocando o clube em ordem, porém, dentro de campo, o time não mostra a mesma dedicação, jogando muita das vezes sem raça. Muitos jogadores pratas da casa se destacaram este ano, como Lucas Paquetá, Vinicius Jr e Felipe Vizeu. É necessário fazer contratações pontuais, principalmente em alguns setores, como laterais e ataque.


Fotos: Divulgação

Um ano melhor do que se esperava Por Diego Raffide - diego@revistaporaqui.com.br

O

Vasco da Gama, que vivia a rotina de constantes rebaixamentos, começou o ano como um forte candidato a mais um descenso. Não ganhou nenhum título, mas surpreendeu no Campeonato Brasileiro e garantiu uma vaga na Pré-Libertadores. O sucesso no Brasileirão muito tem a ver com a chegada do treinador Zé Ricardo, que arrumou a defesa do time, organizou o meio-de-campo e deu um padrão tático a equipe. Por falar em defesa, um dos destaques do Vasco na temporada foi o zagueiro Anderson Martins, que retornou ao cruzmaltino esse ano. Quem também teve uma temporada positiva foi o experiente Nenê, que mais uma vez foi decisivo em importantes jogos. O Vasco também viu suas pratas-da-casa brilharem, com destaque para Paulinho e Matheus Vital. Devido à temporada irregular ou com poucas oportunidades, alguns nomes estão perdendo força no time, como Eder Luis, Marcelo Mattos, Escudero, Wagner e Thalles, este último, inclusive, já foi dispensado pelo clube. Já o atacante Luis Fabiano, que chegou para ser a principal estrela do time, sofreu com lesões e com a idade avantajada, mas está se recuperando para voltar a atuar em alto nível em 2018. O que fazer para 2018? É muito importante que o Vasco invista na sua base, que vem dando resultado, mas é necessário também contratar jogadores experientes para mesclar o elenco. Outro fator fundamental para o Vasco avançar no próximo ano é resolver a questão política. A decisão do novo presidente do clube, que está na mão da Justiça, será fundamental para as pretensões do clube no ano que vem.

O experiente Nenê teve altos e baixos no início da temporada, mas depois da chegada do técnico Zé Ricardo ele voltou a ser fundamental para a equipe.

9


10

Setor de saúde do Sul Fluminense recebe investimentos

O deputado federal Alexandre Serfiotis entregou aos prefeitos de Volta Redonda (Samuca Silva), Barra Mansa (Rodrigo Drable) e Resende (Diogo Balieiro) cheques simbólicos de R$ 2 milhões referentes aos recursos obtidos com apoio da bancada federal do Rio de Janeiro para o custeio de UPA’s (Unidades de Pronto Atendimento) nestes municípios. O deputado Serfiotis reforçou que as UPA se constituem na porta de entrada ao sistema de saúde público e são fundamentais para as cidades que as sediam. “Os recursos destinados à manutenção das UPAs são fundamentais neste momento de crise pela qual passa nosso Estado, principalmente na área da saúde. Melhorar o aporte de recursos significa atendimento melhor aos usuários”, concluiu Serfiotis. O deputado federal Alexandre Serfiotis esteve presente à reinauguração do setor de Ortopedia do Hospital Agnelo Ciótola, a Nova Santa Casa de Barra do Piraí. O espaço, totalmente reformado, foi entregue à população. “Fiquei bastante impressionado com o setor de Ortopedia, reestruturado para assistir a cerca de 500 pacientes por mês, advindos do Sistema Único de Saúde e convênios”, ressaltou Serfiotis. A Nova Santa Casa, sob a intervenção da Prefeitura de Barra do Piraí desde o início deste ano, vem passando por uma série de obras, que buscam reestruturar o hospital. Essa é a segunda área reinaugurada, em parceria com a atual gestão municipal. “O objetivo fazer com que a Santa Casa tem aspecto diferente e possa ser sustentável. Mas, além disso, é para que a população procurar o local vir e ser atendida de forma digna. Ninguém quer estar dentro de um hospital, mas, se é para estar, que não seja um espaço de sofrimento, mas de alento”, frisou o prefeito Mario Esteves.

Mobilização de prefeitos

O parlamentar participou, com prefeitos fluminenses que se reuniram em Brasília, da mobilização promovida pela Confederação Nacional dos Municípios - CNM denominada “Não Deixem os Municípios Afundarem”. A principal reivindicação dos chefes de Executivo é a derrubada do veto 30, aposto ao projeto de lei de conversão da Medida Provisória (MP) 778/2017, que estabeleceu o parcelamento da dívida previdenciária dos municípios, e que recebeu na Câmara dos Deputados uma emenda que incluía o chamado ‘Encontro de Contas’ ao texto da MP. A mobilização de mais de dois mil prefeitos de todo o Brasil que estavam em Brasília foi fundamental para a derrubada do veto, que ocorreu por votação massiva tanto na Câmara quanto no Senado na Sessão conjunta do Congresso na noite de quarta-feira. “A vitória foi resultado da parceria entre prefeitos e parlamentares que conhecem na ponta os problemas pelos quais passam os municípios brasileiros e, no caso do Rio de Janeiro, mais agravados devido à crise generalizada pela qual passa nosso Estado. Nossos prefeitos estão aqui unidos nesta luta comum, e nosso mandato está, e continuará, de portas abertas para defender as demandas trazidas por eles a Brasília,” disse o deputado Alexandre Serfiotis, que votou pela derrubada do veto 30.

Esporte e lazer em Barra Mansa

Título de Cidadão Quatiense O deputado federal Alexandre Serfiotis foi agraciado com o título de Cidadão Quatiense, concedido a quem presta relevantes serviços ao município. A honraria foi entregue ao parlamentar durante a sessão solene que comemorou o 25º aniversário de emancipação político-administrativa da cidade. A distinção foi proposta à Câmara Municipal pelo vereador Paulo Vitor da Silva, o Vitinho, que justificou em seu requerimento a importância do trabalho do parlamentar em defesa dos interesses de Quatis, destinando à cidade recursos que se revertem em mais qualidade de vida para a população. Serfiotis agradeceu a homenagem e ressaltou sentir-se muito honrado com o título de cidadão quatiense. “É um orgulho receber esta honraria, é o reconhecimento ao nosso trabalho, e isto só aumenta nossa responsabilidade para com Quatis e sua população”, declarou o deputado.

O Ministério do Esporte informou ao deputado Alexandre Serfiotis o pagamento da primeira parcela de recursos para implantação de infraestrutura de recreação e lazer e reforma de quadra poliesportiva na Colônia Santo Antônio, em Barra Mansa. O valor já pago de R$ 372.247,83 corresponde a praticamente 50% do total de R$ 750 mil indicados pelo parlamentar em 2015. Com isso o prefeito Rodrigo Drable pôde assinar o contrato para dar início às obras. O espaço, localizado na Estrada Governador Chagas Freitas, esquina com a Rua Riziero Di Carlo, ganhará cobertura e reforma da quadra existente, além da construção de mini pista de skate e urbanização. O deputado federal Alexandre Serfiotis participou também da cerimônia de lançamento da reforma da Integração do Corredor Cultural que vai interligar o Palácio Barão de Guapy ao Parque Centenário, no centro de Barra Mansa. A obra foi viabilizada após o prefeito Rodrigo Drable procurar o parlamentar, que conseguiu reativar o convênio que a Prefeitura tinha firmado com o Ministério das Cidades.


• • • PARA ANUNCIAR NA REVISTA POR AQUI • • • Ligue: (24) 3323-3613 • (24) 97401-8480 ou mande e-mail: contato@revistaporaqui.com.br


Profile for Revista Por Aqui

Revista Por Akids - Dezembro 2017  

Revista Por Aqui - Edição Especial Por Akids Dezembro de 2017.

Revista Por Akids - Dezembro 2017  

Revista Por Aqui - Edição Especial Por Akids Dezembro de 2017.

Advertisement