Page 1


Editorial Diego Raffide

N

Diretor Geral da revista Por Aqui

esta edição, vamos destacar a saúde de Volta Redonda, que vive situação contrária de muitas cidades da região. A cidade vem recebendo investimentos, muito delas através de emendas parlamentares, e tem alcançado números importantes. Um exemplo que podemos citar é que o município dobrou o número de atendimentos em relação ao ano passado, atingindo mais de 181 mil consultas médicas em 2017. Destacaremos também os pareceres de emenda que proíbe disciplina sobre igualdade de gênero nas escolas municipais, que foi aprovado recentemente pela Câmara Municipal de Barra Mansa. Outra notícia que veio da Casa Legislativa é de uma indicação do vereador Gustavo Gomes, que pretende colocar em funcionamento um PSF no bairro Ano Bom já em 2018. Em Porto Real, o destaque é para a escolha de diretores e adjuntos das dez unidades educacionais da rede pública municipal. A eleição acontecerá nesta quinta-feira, dia 7. Falaremos ainda sobre a temporada do Fluminense e Botafogo, que não conseguiram encantar este ano. Na nossa próxima edição, faremos um balanço do ano do Flamengo e do Vasco. Teremos ainda nossa coluna de economia, moda e social, assinadas pelos sócios da empresa Meta Controladoria, Leonardo Ramos e Vinicius Neves, pela fashion designer Renata Liporaci e pelo colunista social Fábio Soares, respectivamente. Boa leitura!

Revista Por Aqui - CNPJ: 27.492.640/0001-12 • www.revistaporaqui.com.br

Diretor Geral / Jornalista Responsável: Diego Campos Raffide - MTB 0032199/RJ E-mail: diego@revistaporaqui.com.br

Diretora Administrativa: Michelle Raffide - michelle@revistaporaqui.com.br Diretor de Arte: Eduardo Avila - eduardo@revistaporaqui.com.br

Colunista Social: Fábio Soares - fabiosoaresvip@gmail.com Colunista de Moda: Renata Liporaci - reliporaci@revistaporaqui.com.br Colunistas de Finanças: Leonardo Ramos e Vinicius Neves www.metacontroladoria.com.br A revista Por Aqui não se responsabiliza por conceitos e opiniões expressos nos artigos, colunas e reportagens assinadas. O conteúdo é de responsabilidade de seus autores.

04- Saúde em Volta Redonda é destaque 05- Câmara de BM aprova pareceres de emenda que proíbe disciplina sobre igualdade de gênero nas escolas municipais 05- Ano Bom pode ganhar PSF em 2018 05- Escolas de Porto Real realizam eleições para diretores e adjuntos 06- Fluminense: Um ano para esquecer 07- Botafogo: Alegria com desempenho e tristeza com resultado 08- A culpa também é minha, ou melhor, nossa 09- Arraiá de estilo 10- Coluna Social ‘Você Por Aqui’


4

Foto: Gabriel Borges

Saúde em Volta Redonda é destaque Dobram os atendimentos na saúde no município Foto: Divulgação

D

ados do Sistema de Informações Ambulatoriais do SUS, do Ministério da Saúde, mostram que o número de atendimentos de Atenção Básica em Volta Redonda quase dobrou nos nove primeiros meses de 2017 ante ao mesmo período de 2016. De janeiro a setembro deste ano, a rede municipal realizou 1.106.776 procedimentos contra 587.511 no ano passado, um acréscimo de mais de 519 mil atendimentos. Como a Atenção Básica de Saúde tem o foco na prevenção, o aumento no atendimento fez com que ocorresse uma diminuição nos custos dos procedimentos de média e alta complexidade da rede municipal de Saúde. Ainda de acordo com os dados do Ministério da Saúde, divulgado nessa semana, houve uma diminuição de 81 mil atendimentos de média complexidade em 2017 - estão incluídos exames, pequenas cirurgias, atendimentos de fisioterapia e de odontologia. Na alta complexidade, houve um acréscimo no atendimento de 2016 para 2017, passando de 60 mil para 65 mil procedimentos, incluindo também a rede particular. Mais de 181 mil consultas médicas em 2017 - De 01 de janeiro a 30 de setembro deste ano, a Saúde de Volta Redonda realizou mais de 181 mil consultas médicas de Atenção Básica, uma média mensal de 20 mil. Em 2016, o número não ultrapassou a marca de 119 mil no mesmo período. Isso, portanto, significou um aumento de 52% no número de atendimentos. Outro dado relevante, segundo o Sistema de Informações Ambulatoriais do SUS, é o número de visitas domiciliares por profissionais de saúde, que teve um aumento de 82% de 2016 para 2017 – foram 41 mil contra 76 mil nos nove primeiros meses do ano. Saúde de Volta Redonda recebe R$ 2 milhões em verbas Outra notícia boa para a saúde de Volta Redonda aconteceu no início desta semana. O secretário de saúde de Volta Redonda, Alfredo Peixoto, recebeu do deputado federal Alexandre Serfiotis (PMDB) um cheque simbólico no valor de R$ 2 milhões. O valor é referente a uma emenda parlamentar do deputado, que vai beneficiar UPA´s e hospitais em todo o Estado do Rio de Janeiro, inclusive em Volta Redonda.

“Esse gesto demonstra, mais uma vez, o interesse e o empenho do deputado Serfiotis em contribuir com Volta Redonda. Nós agradecemos essa atenção e dedicação que o deputado vem prestando à nossa cidade. Estamos no caminho certo. Com diálogo e com muito trabalho e atenção à população, nós vamos fazer a diferença e sempre alinhados ao governo Samuca”, enfatizou Alfredo Peixoto. No total, os municípios do Rio de Janeiro terão R$ 55 milhões que contemplarão, entre outros, o Hospital Geral de Nova Iguaçu, na Baixada Fluminense, e 20 UPA’s em todo o Estado. Em Volta Redonda, a verba vai beneficiar a UPA do bairro Volta Grande II, além da manutenção de equipamentos e compra de remédios. O deputado Serfiotis reforçou que as UPA´s se constituem na porta de entrada ao sistema de saúde público e são fundamentais para as cidades que as sediam. “Os recursos destinados à manutenção das UPA´s são fundamentais neste momento de crise pela qual passa nosso Estado, principalmente na área da saúde. Melhorar o aporte de recursos significa atendimento melhor aos usuários”, concluiu Serfiotis. O prefeito de Volta Redonda, Samuca Silva, agradeceu ao deputado Serfiotis pelo empenho em ajudar a cidade. “O Alexandre vem se tornando o deputado da saúde. Esses R$ 2 milhões são muito importantes para a UPA. O Estado ainda nos deve mais de R$ 10 milhões, mas esse início de acerto já nos dá um fôlego para investir na rede pública”, disse Samuca. As cidades de Barra Mansa e Resende também receberam das mãos do Deputado Serfiotis cheques no mesmo valor.


Aconteceu Por Aqui Câmara de Barra Mansa aprova pareceres de emenda que proíbe disciplina sobre igualdade de gênero nas escolas municipais Os vereadores de Barra Mansa aprovaram, em sessão realizada na manhã de segunda-feira (04), o parecer da Comissão de Constituição e Justiça sobre a emenda à lei orgânica do município, que proíbe a disciplina de ideologia de gênero nas escolas da cidade. O projeto de emenda foi proposto pelo vereador José Abel Mariano (PRB) e altera o artigo da lei orgânica que trata especificamente da educação no município. De acordo com o projeto de emenda, fica proibido incluir na grade curricular das escolas da rede municipal e privada de Barra Mansa a disciplina de ideologia de gênero. O projeto veda, ainda, a utilização de qualquer outro meio para discutir o assunto dentro das escolas. A Comissão de Constituição e Justiça da Câmara não encontrou inconstitucionalidade no projeto, tendo sido o parecer aprovado pelos vereadores. Por se tratar de emenda à lei orgânica, a matéria volta para discussão e votação em dez dias, na sessão de 12 de dezembro.

Ano Bom pode ganhar PSF em 2018

Indicação foi feita pelo vereador Gustavo Gomes Foto: Divulgação

O vereador de Barra Mansa, Gustavo Gomes (PTB), teve uma indicação aprovada na Câmara Legislativa de Barra Mansa no início deste mês, onde solicita a instalação de um PSF (Posto de Saúde da Família) no bairro Ano Bom, mas precisamente na Avenida José Tenente Eduardo, na antiga Cremeb. Segundo o vereador, que já foi presidente da Associação de Moradores da Ary Parreiras, os moradores do bairro e adjacências serão contemplados. “Desde quando estava à frente da associação de moradores, meu principal objetivo era conseguir um posto de saúde para esta região, que atende o Ano Bom, Ary Parreiras, Santa Rosa e outras localidades. As pessoas quando precisam de um atendimento médico precisavam ir ao UBS do Centro, que não é um PSF e tem outro molde de atendimento, ou então para o PSF da Vila Delgado”, revelou Gustavo. O parlamentar, que está em constante diálogo com o prefeito Rodrigo Drable (PMDB) e com o secretário de Saúde, Sérgio Gomes, falou da importância da execução deste projeto. “Se conseguirmos instalar este PSF no Ano Bom vamos beneficiar muitas famílias da região. Sabemos que a saúde é essencial para qualquer cidade e estamos trabalhando para virar referência em Barra Mansa. Estamos colocando as coisas em ordem e tenho certeza que o município irá ganhar muito com este posto de saúde, que ficará em um lugar estratégico e num bairro de movimento”, disse Gustavo, completando que não medirá esforços para ajudar o município a colocar o PSF Ano Bom em pleno funcionamento.

5

Escolas de Porto Real realizam eleições para diretores e adjuntos

Foto: Alexandre A.J.

Nesta quinta-feira, dia 7, será dia de eleição para a escolha de diretores e adjuntos das dez unidades educacionais da rede pública municipal, de acordo com a Lei Municipal 595 de 20 de setembro de 2017. Entre os atuais diretores, apenas os efetivos poderão concorrer ao pleito ou ainda profissionais da educação, lotados na própria unidade escolar, que cumprirem com as exigências estabelecidas na norma. Para se candidatar ao cargo o profissional do magistério deve possuir graduação em Pedagogia e/ou pós-graduação em Gestão Escolar ou Administração Escolar. O mandato de diretor será de dois anos com o início dia 2 de janeiro de 2018, data em que serão empossados os eleitos.


6

Fotos: Divulgação

F L U M I N E N S E

Um ano para esquecer Por Diego Raffide - diego@revistaporaqui.com.br

O

ano de 2017 para o Fluminense até parecia que ia ser bom: Campeão da Taça Guanabara com várias jovens promessas se destacando. No entanto, na sequência dos jogos, o time sentiu falta de um elenco encorpado e experiente, perdeu uma peça fundamental, o jovem Richarlisson, que se transferiu para o Watford, da Inglaterra. O time acabou vendo o rival Flamengo ser campeão carioca, mesmo não vencendo nenhum dos turnos da competição, devido a uma regra bem polêmica da Federação de Futebol do Estado do Rio de Janeiro (Ferj). Aliás, não seria a única vez que o Flamengo seria uma pedra no caminho do time das Laranjeiras. A equipe também não teve êxito na Primeira Liga, uma competição que surgiu para competir com os estaduais, mas que perdeu força e só serviu para desgastar os elencos dos clubes brasileiros, que já sofrem com o excesso de partidas. Na Copa do Brasil, a equipe foi eliminada pelo Grêmio nas quartas de final com um placar agregado de 5 a 1. O time se mostrou muito abaixo do adversário nos jogos. Na Copa Sul-Americana, o Tricolor chegou até as semifinais, mas foi eliminado pelo arquirrival Flamengo. O Fluminense chegou a ter uma vantagem de 3x1, mas deixou o Rubro-Negro empatar e se classificar. Restando apenas o Campeonato Brasileiro, o time não mostrou consistência e terminou apenas na 14ª colocação, quatro pontos à frente do Coritiba, que foi rebaixado na 17ª posição. O destaque do ano e na competição foi o atacante Henrique Dourado, artilheiro do Brasileirão com 18 gols ao lado de Jô, do Corinthians. Outra revelação foi o jovem meia Wendel, que está se transferindo para o PSG, da França, já no início de 2018. Já o destaque negativo da equipe foi a defesa, tendo o zagueiro Gum mais uma vez como o principal alvo das críticas.

O jovem Wendel, destaque do Flu em 2017, está se transferindo para o PSG, time de Neymar, Daniel Alves e companhia.

O que fazer para 2018? O time do Fluminense para voltar aos tempos de glória na próxima temporada precisa de um planejamento específico e reforçar o elenco, pois com um plantel reduzido e jovem não teve forças para manter uma regularidade. O treinador Abel Braga, apesar de ser muito querido pelos torcedores e pela diretoria, não é mais unanimidade. Atualmente existem conversas para decidir a permanência ou a saída do técnico.


7

Alegria com desempenho e tristeza com resultado Por Diego Raffide - diego@revistaporaqui.com.br

E

m 2017 o Botafogo não conquistou nenhum título, mas fez uma temporada de respeito, mesmo com um elenco limitado. Não fez um bom Campeonato Carioca, é verdade, mas brilhou na Copa Libertadores da América, apesar de não ter alcançado o objetivo. O elenco entrosado, porém, limitado, cansou, e no apagar das luzes perdeu a vaga na Libertadores em 2018, adiando a chance de fazer uma história ainda mais bonita, como este ano, quando foi eliminado nas quartas de final pelo Grêmio, time que veio a se tornar o campeão da competição. Na Copa do Brasil o time foi além: Chegou a semifinal, mas foi eliminado pelo Flamengo, em dois embates duríssimos. Uma campanha regular durante todo o ano, com destaque para o treinador Jair Ventura, que mesmo no comando de um elenco sem grandes estrelas, conseguiu dar um padrão de jogo e fazer o Botafogo avançar nas copas que disputou. A frustação veio no Campeonato Brasileiro, pois o Botafogo, apesar de depender de si próprio, não conseguiu uma vaga na Libertadores, vacilando na reta final e no último jogo do campeonato e ficando apenas na 10ª colocação, com vaga apenas na Sul-Americana. O Botafogo sofreu com desfalques em 2017, e com um elenco reduzido, não resistiu ao excesso de jogos na temporada, deixando o sonho de disputar duas Libertadores seguidas para outra oportunidade. O principal desfalque do time foi o goleador Roger. O carismático jogador foi diagnosticado

com câncer renal e desfalca a equipe para fazer tratamento. Já o destaque do time na temporada foi o goleiro Gatito Fernández, que pegou diversos pênaltis na temporada. O negativo, talvez, Dudu Cearense, um jogador experiente que perdeu espaço. O que fazer para 2018? - O time precisa manter a base e reforçar o time com contratações pontuais. Talvez se tivesse um elenco mais populoso neste ano o Botafogo poderia alcançar voos mais altos. O treinador Jair Ventura, por mais que não tenha conquistado títulos no ano, ainda está bem cotado com a diretoria. Sua maneira inovadora de trabalhar e o padrão de jogo adquirido mesmo com o time limitado, o credenciou como um dos treinadores revelação do ano. Na próxima edição falaremos do Flamengo, que está na final da Copa Sul-Americana, e do Vasco, que depende do título do rival para se garantir na fase de grupos da Libertadores 2018. Recuperado de um câncer nos rins, diagnosticado em setembro, o atacante Roger foi um dos principais nomes do elenco em 2017.


8

A culpa também é minha, ou melhor, nossa Por Leonardo de Oliveira & Vinicius Neves - Sócios-diretores da Meta Controladoria

C

ertamente você já se deparou de alguma forma com a estatística de que “de cada dez empresas abertas no Brasil, seis fecham antes de completar cinco anos”. A estatística das diversas pesquisas (SEBRAE, IBGE, VALOR ECÔNOMICO e etc.) pode variar um pouco de uma para outra, mas não foge do fato de que são enormes as taxas de mortalidade das empresas brasileiras nos primeiros cinco anos. Isso, em uma análise primeira, nos diz mais sobre como empresas de consultoria (e contabilidade) estão trabalhando, do que propriamente sobre a capacidade do empresário que abre uma empresa, seja por sonho ou por ter encontrado uma grande oportunidade de mercado. Longe de mim querer dizer que contadores ou consultores estão trabalhando errado. Acredito apenas que ainda não se deram conta do impacto desta estatística no negócio deles. Uma empresa que fecha é menos uma empresa pagando impostos, gerando empregos e, pagando honorários e demandando consultoria. Portanto, este número deve ser olhado com muita atenção por estes profissionais. É fato que toda empresa deve ter um mínimo de planejamento antes de se lançar no mercado. No entanto, não é o que vemos na prática e, se considerarmos que este empresário tem necessariamente que contratar um contador, este

já tem uma grande vantagem de auxiliar seu cliente, em um primeiro momento, para que sua empresa tenha algum planejamento e sobreviva à tão fadada estatística. Mais do que isso, este contador pode ajudar o Brasil a diminuir esta estatística. Aqui na META CONTROLADORIA temos diversos clientes dos mais diversos setores que você possa imaginar e, pode ter certeza, muitos deles chegaram apenas com um sonho de abrir uma empresa, outros tantos, abriram por necessidade pois haviam sido demitidos e não conseguiram se recolocar no mercado, sendo a abertura de uma empresa a solução de seus problemas. Mas veja bem, poucos deles possuíam conhecimento técnico em finanças para poder ter certeza que estavam no caminho certo. E, servindo aos nossos clientes, contribuímos para alcançar a nossa META particular: conseguir fazer com que a taxa de mortalidade das empresas brasileiras nos primeiros cinco anos caia pela metade. Acreditamos, como muitos de vocês, que a solução para o país passa pelo empreendedorismo e, com a abertura de mais empresas, teremos mais empregos e mais dinheiro circulando na economia. Assim como um recém-nascido necessita de muita atenção para que sobreviva aos primeiros anos de vida, uma empresa também precisa que alguém olhe (e cuide) dela com a frieza necessária para que ela supere os primeiros cinco anos.


9

Arraiá de estilo

Por Renata Liporaci reliporaci@revistaporaqui.com.br Fotos: Divulgação

A

í você se pergunta, por que estou escrevendo sobre arraiá em pleno dezembro?! Ora, pois, porque o nosso xadrez de mesa está super em alta! Não tá sabendo?! Vou te contar. Já dominou as vitrines e as ruas, o xadrez voltou com tudo e em pleno verão. Com tons mais alegres, o xadrez em versão grunge, street, vichy, micro, macro, p&b, açucarada ou, ainda, ultrassaturada, ganha um novo fôlego e reaparece renovado nas passarelas de verão 2018 dando um novo ar para aquelas estampas que antes apenas caracterizavam toalhas de mesa italiana ou camisas de festa junina. Tons novos como o amarelo, coral e azul claro se encaixaram perfeitamente nos tecidos e produções. Misturados com florais neutros e até mesmo listras horizontais, deixam os looks leves e despojados, saindo das tradicionais estampas super coloridas.

O fundo branco das peças trazem essa leveza e equilibram as produções. Acho elegante! Aposte em acessórios com cores abertas, como amarelo e turquesa, ou vá na contramão e aproveite o tom rosê da estação deixando tudo mais clean. Bolsas de palha, aposte, cai muito bem nessa combinação. O babado também chegou junto com o vichy e fez um casamento perfeito. A questão é, se for a uma festa e a toalha de mesa for a mesma estampa de sua saia, se joga, entenda que estão todos em harmonia com o mundo fashion! Ah, última dica: aposte também nas estampas invernais como Pied de Poule e a lindíssima Príncipe de Gales, entre no armário da vovó, capture aquele max casaco e aguarde, ele vem com tudo!!!


10

COLUNA SOCIAL VOCÊ POR AQUI Fábio Soares

HERING BARRA MANSA A Hering Barra Mansa traz um mar de ofertas para este fim de ano! Que tal antecipar os presentes de natal de toda família e dos amigos?! E claro, escolher o seu presente, pois você merece! Várias peças para o público masculino e feminino em promoção, preços imperdíveis e coleção alto verão super estilosa! A Hering Barra Mansa fica na Rua Dr. Mário Ramos, nº 115 - Centro Barra Mansa. Siga no Instagram: @heringbm - Curta a página do Facebook: www.facebook.com/HeringStoreBarraMansa/. Stylist dos modelos e bloggers nas fotos: Michelle Haruê. CAMPEÃO Wermeson Matias Belisário, tem 26 anos, morador da cidade de Arrozal, é empresário e lutador. Pratica MMA, Boxe, Muay Thai, musculação e ciclismo. No segmento do esporte é conhecido como Brock New. Ele está focado a mais de sete meses para disputar campeonatos, treinando nas cidade de Arrozal, Volta Redonda e Resende, com o mestre Shark, no Team Almeida Bros. O jovem está conquistando seu espaço aos poucos, ganhou recentemente na modalidade Boxe, no evento Almeida Bros 5, realizado em Resende. Foi sua segunda luta e sua segunda vitória. Ficou também em terceiro lugar no Campeonato Internacional de Luta Livre, realizado no Clube Boqueirão do Passeio, no Rio de Janeiro. Seu objetivo é tornar um atleta de alto nível e alcançar o topo. Boa sorte e que venham mais conquistas! INAUGURAÇÃO THATI VIDAL ESTÉTICA Aconteceu na noite desta terçafeira, dia 5, a inauguração do belo espaço Thati Vidal Estética. O empreendimento, que fica na Rua José Maria da Cruz (Subida do UBM), no Centro, oferece serviços de estética facial, microagulhamento, micropuntura, estética corporal, banho de lua, depilação facial, depilação corporal, alongamento de cílios, manicure, pedicure, unha de gel, unha acrigel, unha fibra de vidro, implante de unha, spa dos pés, hair stylist, make-up, penteados e mega hair. Maiores informações pelos telefones (24) 3323-7580 e (24) 98115-9292.

A fashion blogger Clarice Corrêa

O modelo Juan Guilherme

A diva fashion blogger Maíra Bullos

Mais um look com Bia Castro e Juan Guilherme

A modelo Bia Castro


Revista Por Aqui - Dezembro 2017  

Edição online da primeira quinzena de dezembro de 2017 da revista Por Aqui.

Advertisement