Page 1

Panorama

Turismo

Sua viagem pela informação

Ano 13 | No 156 | Julho | 2018

Buenos Aires

DESTINO

PARA TODAS

AS ESTAÇÕES


Bem-vindo a

Editorial

Buenos Aires!

Atrações portenhas

Anteriormente, Buenos Aires já

Buenos Aires é objeto de desejo de muitos brasileiros em primeira

mereceu duas matérias de capa dessa

viagem para o exterior. Não sem motivo! A capital da Argentina é uma

revista: uma em março de 2010 e a

cidade cosmopolita, repleta de atrações, cheia de charme, onde é fácil a

segunda em setembro de 2015. Agora na

comunicação e fica no mesmo continente. Com efeito, dentro do nosso

edição de julho, esse destino colado ao

portfólio, ela constitui um dos destinos internacionais mais requisitados.

Brasil ganha destaque outra vez. Dessa feita, o material das páginas seguintes

traduz viagem realizada dentro do projeto

pouco dos atrativos portenhos, e sensibilizá-lo (la) a conhecê-los, ou

de divulgação turística desenvolvido em

revisitá-los, enviamos para lá a equipe de reportagem da revista Panorama

parceria com o Grupo BRT.

Com a determinação de apresentar a você, leitor ou leitora, um

do Turismo. Nesse tour foram realizados vários passeios, visitados pontos

A pauta de trabalho da

reportagem na capital argentina assinalou

obrigatórios de parada e vivenciadas experiências exclusivamente locais.

visitas a lugares tradicionais – a

Tenha, portanto, uma boa leitura nas páginas a seguir; esse material

exemplo de Puerto Madero, dos jardins

jornalístico é apenas um aperitivo de Buenos Aires!

de Palermo e do Caminito – e a outros não muito usais, como o Palácio das

Águas Corremtes, preciosidade de porte

Esse projeto de divulgação de destinos turísticos em articulação

avantajado e belíssima fachada de

com a revista Panorama do Turismo configura uma das iniciativas para

cerâmica esmaltada. Lógico, a estada na

assinalar o transcurso, agora em 2018, da nossa atuação de 40 anos no

cidade também foi marcada por

mercado brasileiro de viagens.

experiências de show de tango e bife de chorizo, duas marcas da identidade

Eraldo Palmerini

portenha.

Diretor-presidente Grupo BRT Com operações iniciadas em

1978, naqueles tempos sob a denominação de Brementur, o Grupo BRT, em sua trajetória de quatro décadas no mercado, conquistou posição de destaque no cenário nacional e total reconhecimento por parte de parceiros e clientes. Sob a presidência do empresário Eraldo Palmerini, o Grupo BRT, com sede em Curitiba e atuação voltada exclusivamente a agências de viagens, hoje aglutina a BRT Consolidadora, a BRT Operadora e a BRT Online. A corporação

Fotos Panorama do Turismo

está presente em todo o Brasil, através de 20 bases, entre filiais e home offices. Boa leitura!

Capa Buenos Aires Argentina Foto Panorama do Turismo Expediente Panorama do Turismo Ano 13 | No 156 | Julho | 2018 Fundadores Antonio Claret de Rezende, Júlio Cézar Rodrigues, Júlio Zaruch e Sérgio Almeida Diretor e Editor Júlio Cézar Rodrigues (MTb 1050/07/27-PR) Contatos 41 | 99106-6852 redacao@panoramadoturismo.com.br Revista digital com conteúdo editorial próprio e periodicidade mensal. Disponível para download gratuito em www.panoramadoturismo.com.br, facebook.com/ panoramadoturismo e twitter/revistapantur. Distribuição em formato eletrônico, via e-mail, a partir de mailing próprio e de cadastro de parceiros institucionais e comerciais e de grupos de WhatsApp. Mais informações sobre o segmento em www.panoramadoturismo.com.br

Buenos Aires, cidade multifacetada PANORAMA DO TURISMO | JULHO 2018 |

3


Foto Panorama do Turismo

Buenos Aires convida a caminhadas! Charmosa metrópole, debruçada sobre as águas

do Estuário do Rio da Prata e levada no ritmo do tango, Buenos Aires encanta os visitantes em todas as estações do ano. Seja no inverno, primavera, verão ou outono, em cada época a capital da Argentina acena com apelos próprios. E, de geografia plana, é uma cidade para ser descoberta a pé.

O passeio por Palermo, bairro de extensas áreas

verdes, revela, por exemplo, a placidez do Jardim Japonês e um multicolorido roseiral. Caminhando também se explora Puerto Madero, região com diversificada oferta gastronômica e local de expansão imobiliária, com edificações de ousada arquitetura. Da mesma forma, andando em La Boca vivencia-se a atmosfera do Caminito, tradicional área turística da cidade.

No bairro central de Retiro, o visitante pode

passear pela Calle Florida, calçadão exclusivo para pedestres, fazer compras na Galerias Pacífico ou visitar o Palácio San Martin. Em San Telmo, o caminhar leva ao El Viejo Almacén, à Igreja de San Telmo e ao Mercado de San Telmo; aos domingos, a Rua Defensa acolhe uma extensa feira de artesanato e antiguidades. Na Recolta, entre outros atrativos, estão a Livraria Ateneo Grand Splendid, o Parque Carlos Thays, o Cemitério da Recoleta, a Praça França – com feira de artesanato nos fins de semana – e a Basílica de Nossa Senhora do Pilar.

4

| JULHO 2018 | PANORAMA DO TURISMO

No alto, vista parcial da metrópole. Acima, o cair da tarde desenha a silhueta do obelisco da Avenida 9 de Julho


Foto Panorama do Turismo

Zona das mais antigas da capital

argentina, Mont Serrat magnetiza com a Igreja de São Loyola, a Galeria Guemes, o Colégio Nacional de Buenos Aires, a Praça de Maio – sim, aquela das mães dos desaparecidos durante o período da ditadura militar argentina –, a Casa Rosada, a Catedral Metropolitana, o Café Tortoni, a Casa de Cultura, o Palácio do Governo da Cidade, entre outras atrações.

O caminhar pelas ruas e avenidas

mais centrais de Buenos Aires põe em evidência muitos outros emblemas portenhos – como o soberbo obelisco fincado na Avenida 9 de Julho, comemorativo ao quarto centenário de fundação da cidade –, os glamorosos cafés e elegantes endereços de grife.

Para descobrir Buenos Aires vale,

sim, colocar nos pés calçados apropriados e aproveitar o dia caminhando sem pressa, olhos atentos. Já à noite, a boa pedida sempre é curtir uma casa de show de tango.

No alto, Puerto Madero. Ao centro, vista noturna da Casa Rosada. sede do governo nacional. Ao Lado, um dos ângulos do turístico Caminito PANORAMA DO TURISMO | JULHO 2018 |

5


e Recoleta

No verdejante bairro de Palermo, o

Parque Três de Fevereiro surpreende os visitantes com um colorido e centenário roseiral. Muito bem cuidado, o Rosedal abriga coleção de mais de

Fotos Panorama do Turismo

Em Palermo

18.000 rosas. No mês de julho, início da época da poda, moradores e turistas ganham flores de presente dos jardineiros. O ponto máximo da florada acontece a partir de outubro. Esse atrativo ostenta o Garden Excellence Award, outorgado pela Federação Mundial das Sociedades de Rosas.

Nas proximidades, também constituem

parada de turistas o Jardim Japonês e o Cemitério da Recoleta.

Espaço zen, igualmente em Palermo, o

Jardim Japonês proporciona equilíbrio e harmonia através de seus elementos: grande variedade de espécies vegetais, um lago cheio de carpas, uma ilha e várias pontes, e esculturas ligadas à cultura nipônica. Conta ainda com restaurante e loja de venda de bonsais.

Situado no bairro do qual empresta o

nome, o Cemitério da Recoleta destaca-se por ser a última morada de importantes personagens da história argentina, entre artistas, líderes políticos, presidentes da nação, escritores, prêmios Nobel, esportistas e empresários. Possui mausoléus adornados com mármores, esculturas e abóbodas – a propósito, mais de 90 delas declaradas Monumento Histórico Nacional.

6

| JULHO 2018 | PANORAMA DO TURISMO

De cima para baixo, vista parcial do Rosedal de Palermo, o Jardim Japonês e turistas em visita guiada no Cemitério da Recoleta


Aires, toda tango!

A noite convida às casas de

tango de Buenos Aires. Trata-se de

Fotos Panorama do Turismo

Buenos

um programa legal, reunindo jantar e show com orquestra e exímios dançarinos. O tango, é verdade, traduz a alma dos portenhos. Esse ritmo local deu a volta ao planeta, no início do século passado, na voz do compositor e cantor Carlos Gardel; e ganhou oxigênio com os arranjos inusitados de Astor Piazzolla.

O tango constitui atração em

diversos estabelecimentos turísticos e domina o ambiente das tanguerias preferidas pelos buenairenses. Mas também está nas ruas, seja numa movimentada esquina da Calle Florida ou num palco improvisado na tradicional Feira de San Telmo. Aliás, um tango chamado Caminito, composto por Juan de Dios Filiberto e Gabino Coria Peñaloza, em meados dos anos 1920, acabou batizando o disputado ponto turístico do bairro de La Boca. E em Puerto Madero uma obra da artista Estela Trebino e do engenheiro Alejandro Coria homenageia o gênero musical: a escultura de 3,5 metros de altura lembra um bandoneón (sanfona), instrumento básico na interpretação do tango.

Por falar no ritmo preferido

dos portenhos, no próximo mês de agosto, entre os dias 6 e 22, Buenos Aires vai viver mais uma edição do Festival e Mundial de Tango. Realizado desde 2009, configura um

Acima, espetáculo de

evento de repercussão internacional,

tango em um dos endereços

com participação de dançarinos dos

famosos da cidade. Ao lado,

mais variados países. A programação

casal dança na Calle Florida.

tem atividades gratuitas (recitais, exibições, aulas e espetáculos) e até uma feira de produtos temáticos. É

Abaixo, o clássico bife de chorizo, servido nos programas noturnos de jantar-tango-show

uma boa pedida para quem estiver na cidade nesse período. Mais informações podem ser obtidas no site www.festivales.buenosaires. gob.ar.

Se o turista se apaixonar

por essa cadência – aliás, declarada Patrimônio Cultural Imaterial da Humanidade pela Unesco -, o ente de Turismo da cidade acena com visitas guiadas gratuitas às regiões afins, a exemplo de Abasto, onde fica a casa de Carlos Gardel. Também dá para fazer o circuito Entre Tangos e Milongas, no quarto domingo do mês, gratuito e realizado de metrô. PANORAMA DO TURISMO | JULHO 2018 |

7


Fotos Panorama do Turismo

Muita arte no passeio

Uma das mais representativas pinturas do Brasil tem

endereço fixo na capital argentina. Pois é, o quadro Abaporu, da modernista Tarsilla do Amaral, hoje integra o acervo do Museu de Arte Latino-americana de Buenos Aires, o Malba, ao lado de obras de grandes artistas do século passado,

O roteiro das artes, porém, oferece inúmeros outros

pontos de visitação, com emblemáticos trabalhos de pintores, escultores e artistas de variadas disciplinas. Consta serem 189 museus e espaços culturais.

O Museu Nacional de Belas Artes possui expressiva

coleção permanente, na qual figuram, por exemplo, El Greco, Goya, Picasso, Rembrandt, Rodin. O Museu de Arte Moderna de Buenos Aires abriga trabalhos de arte contemporânea da década de 40 até o século atual, além de autores internacionais do porte de Salvador Dalí, Joan Miró e Henri Matisse.

No Museu Evita, o visitante conhece detalhes da vida

de Eva Duarte de Perón. A arte colonial pode ser apreciada no Museu Isaac Fernández Blanco. Já os artistas populares da Argentina se concentram no Museu José Hernández. O Museu No alto, a bela

Quinquela Martín guarda obras desse afamado artista portenho,

fachada do Palácio

segundo contam, um dos inspiradores da ideia de transformar o

das Águas Correntes. Acima, entrada do Malba, onde hoje mora o quadro Abaporu (ao lado), um dos clássicos do modernismo brasileiro, pintado em 1928

Caminito em galeria de arte a céu aberto.

Abrigando um museu focado no setor de saneamento, o

Palácio de Águas Correntes oferece um belíssimo apelo visual pela arquitetura externa. Outrora, importantíssimo depósito de água para abastecimento da cidade, inaugurado no final do século XIX, tem fachada revestida com milhares de tijolos e peças de cerâmica esmaltados vindos da Bélgica e Inglaterra.

Para quem deseja um passeio cultural sem mexer no

bolso, os museus Nacional de Belas Artes, da Casa Rosada, da Imigração e o Quinquela Martín têm entrada gratuita.

8

| JULHO 2018 | PANORAMA DO TURISMO


História, cultura e fé

Inaugurado no princípio de 1897, o Mercado

de San Telmo permanece muito ativo. Hoje renovado, mas mantendo características arquitetônicas originais e alma do bairro, nele o visitante encontra bancas de frutas e verduras, lojas de antiguidade e de artesanato, e pode comer uma genuína empanada feita na hora.

Outros centenários pontos de parada são o

Café Tortoni e o Teatro Colón. O primeiro compreende cafeteria, restaurante e espaço de tango, com interior proporcionando uma viagem no tempo. Símbolo maior da cultura dos portenhos, o magnífico teatro já teve em seu palco personalidades do nível de Igor Stravinsky, Herbert von Karajan, Maria Callas, Luciano Pavarotti, Rudolf Nureyev, entre outras.

Da mesma forma, de origem secular, a

Catedral Metropolitana é a principal referência do catolicismo local e museu de honra ao Papa Francisco – Jorge Bergoglio fora arcebispo de Buenos Aires até ser consagrado como sumo pontífice.

A propósito de pontos de parada, o serviço

de ônibus da linha turística tem 33 deles. Com um tíquete válido por 24 ou 48 horas, é possível visitar bairros tradicionais e descer, e reembarcar, quantas vezes for necessário para apreciar com mais tempo os atrativos do itinerário - entre eles, La Bombonera

emblemática da cidade, multicolorida), Puerto Madero (antiga zona portuária, valorizada com a abertura de restaurantes e bares e pela expansão imobiliária), Galerias Pacífico (elegante endereço de compras), a Avenida 9 de Julho e seu grandioso obelisco, a Praça San Martin, os bosques de Palermo, o Cemitério da Recoleta e o Malba.

Em tempo: em Buenos Aires o idioma é o

espanhol e a moeda, o Peso argentino.

Fotos Panorama do Turismo

(estádio do Boca Juniors), o Caminito (rua-museu

Acima, o suntuoso Teatro Colón. Ao lado, de cima para baixo, corredor interno do Mercado de San Telmo, entrada do histórico Café Tortoni e mobiliário urbano de algumas ruas (a aparência engana; tudo feito de concreto)

PANORAMA DO TURISMO | JULHO 2018 |

9


Fotos Panorama do Turismo

Preciosidades nas alturas

Fundamental para quem pretende descobrir a cidade, o passear pelas ruas de Buenos Aires também pede olhar observador. Afinal, a arquitetura das edificações é rica em detalhes e no alto de muitos prédios e igrejas localizam-se singulares obras de arte. Só cúpulas, seriam mais de 300!

10

| JULHO 2018 | PANORAMA DO TURISMO


Panorama do Turismo de Julho  

Edição do mês de julho, destacando os atrativos turísticos da cidade de Buenos Aires, capital da Argentina

Panorama do Turismo de Julho  

Edição do mês de julho, destacando os atrativos turísticos da cidade de Buenos Aires, capital da Argentina

Advertisement