__MAIN_TEXT__

Page 1

Panorama do

Turismo Sua viagem pela informação

Ano 15 | No 185 | Dezembro | 2020

PIRAQUARA UM PASSEIO NO REINO DAS ÁGUAS Páginas 5 a 9


ESPECIAL

Última de 2020, essa revista Panorama do Turismo de dezembro apresenta alguns dos atrativos turísticos do município paranaense de Piraquara, na Região Metropolitana de Curitiba. Com mais de 90% do seu território delimitado por áreas de preservação ambiental, ele possui importantes nascentes de água, cenários naturais exuberantes e marcas da pioneira colonização italiana no estado. O trabalho de reportagem sobre esse destino de natureza quase intocada contou com o valioso suporte da Diretoria Municipal de Turismo. A matéria completa pode ser lida entre as páginas 5 e 9. Aproveitando esse momento de despedida de 2020, a equipe Panorama do Turismo manifesta agradecimentos aos leitores e parceiros pela companhia ao longo dos últimos 365 dias e externa os mais sinceros votos de um Ano Novo repleto de alegrias e de realizações. Boa leitura!

Leitores

A propósito da revista passada, a redação da Panorama do Turismo, recebeu, entre outras, as seguintes manifestações de leitores: Parabéns!, Fabio Skraba (Curitiba-PR); Obrigado pela parceria, Vilson dos Santos (Foz do Iguaçu-PR); Parabéns pela luta em defesa do turismo, especialmente, do Paraná e sul do Brasil, Carlos Solera (Urupema-PR); Cumprimentos à equipe da redação. Panorama do Turismo orgulha o jornalismo especializado do Paraná, com matérias abrangentes e sempre positivas, Aguilar Silva (Curitiba-PR); Aplausos para o conteúdo, Halder Ramos (Canela-RS); Bela edição, Luiz Henrique Miranda (São Paulo-SP). A edição ainda obteve boa repercussão nos espaços Panorama do Turismo no Facebook, Instagram e Twitter.

Capa Piraquara, PR Foto Panorama do Turismo

Destaques do turismo ganham revista

Os homenageados com o Top Tur | Prêmio Panorama do Turismo | Profissionais do Ano referente ao ano de 2019 ganharam uma publicação exclusiva. Com informações gerais sobre a honraria – entregue em evento reservado, no hotel curitibano Transamerica Prime Batel, dia 26 de novembro –, relato sobre o processo de escolha dos destaques do setor no Paraná e fotos dos agraciados, foi produzida uma edição especial da revista Panorama do Turismo. Principal distinção da área com âmbito estadual – tendo chancela de reconhecidas entidades do segmento e patrocínio da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Paraná | Fecomércio-PR –, a premiação identificou e valorizou dez profissionais nessa sua mais recente edição. Os vencedores do Top Tur | Prêmio Panorama do Turismo | Profissionais do Ano | 2019, por categoria, foram: Meio de Hospedagem, Raquel Miguel (Jurema Águas Quentes); Estabelecimento Gastronômico, Flora Madalosso (Restaurante Madalosso); Agência de Turismo Receptivo, Felipe Gonzalez (Cassinotur); Agência de Turismo Emissivo, Lissandra Simionato (Star Turismo); Operadora, Adonai Arruda Filho (BWT Operadora); Empresa de Eventos, Daniele Higashi (De Angeli Eventos); Espaço de Eventos, Leonardo Zunino (Expo Unimed Curitiba); Guia de Turismo, Denise Guimarães; Divulgação Turística, Fernando Nóbrega (Viaje Mais | Band TV); e Personalidade do Ano, Deise Bezerra (Paraná Turismo). Ainda sobre o evento de entrega do galardão, o presidente da Paraná Turismo se manifestou sobre a escolha da turismóloga Deise Bezerra como Personalidade do Ano. “Ela tem o nosso reconhecimento, porque o seu trabalho foi embasado em estudos e competência. É reverenciada nacionalmente, desde as secretarias estaduais ao Ministério do Turismo. Por isso, nossos cumprimentos pessoais não são suficientes. O Paraná lhe agradece”, salienta João Jacob Mehl. Para conferir essa edição da revista basta acessar o endereço www. panoramado turismo.com. br/revista premio 2019. pdf Reprod ução

Piraquara e novo ano

Expediente Panorama do Turismo Ano 15 | No 185 | Dezembro | 2020 Fundadores Antonio Claret de Rezende, Júlio Cézar Rodrigues, Júlio Zaruch e Sérgio Almeida Diretor e Editor Júlio Cézar Rodrigues (MTb 1050/07/27-PR) Contatos 41 | 99106-6852 redacao@panoramadoturismo.com.br Revista digital com conteúdo editorial próprio e periodicidade mensal. Disponível para download gratuito no site www.panoramadoturismo.com.br e en redes sociais. Distribuição em formato eletrônico, via e-mail, a partir de mailing exclusivo e de cadastro de parceiros e para grupos de WhatsApp. Mais informações em www.panoramadoturismo.com.br Artigos assinados não refletem, obrigatoriamente, posicionamentos da direção da revista.

A capa da edição especial reuniu fotos dos dez homenageados com seus troféus PANORAMA DO TURISMO | DEZEMBRO 2020 |

3


PROGRAMA LEGAL

Fotos Panorama do Turismo

Está chegando o tempo da colheita!

Nas regiões vinícolas do Rio Grande do Sul, o calendário assinala janeiro como o mês de início da colheita da uva. A época da vindima, de acordo com as condições climáticas, segue até março ou abril e atrai uma legião de turistas atrás de experiências de enoturismo. Um dos municípios com maior fluxo de visitantes é Bento Gonçalves. Ele possui belas áreas de vinhedos, várias indústrias produtoras de vinhos, espumantes e sucos de uva e boa oferta de hospedagem e gastronomia. Um programa de turista durante a vindima é conhecer os locais de cultivo para tirar a uva do cacho e saboreá-la na hora. Mas tem ainda piquenique na sombra dos parreirais, momentos de degustação, jantares harmonizados, visita às vinícolas, entre outros. Nessa próxima temporada da colheita, por certo, algumas atividades estarão adaptadas aos tempos de pandemia. A quem interessar, em Bento, a empresa Giordani Turismo e Eventos vai promover, no período de 16 de janeiro a 6 de março, os passeios Fascínios da Vindima e Vindima no Vale. Informações mais detalhadas poderão ser obtidas através do site www.giordaniturismo.com.br. Já na cidade de Fraiburgo, região oeste de Santa Catarina, os mesmos meses de janeiro, fevereiro e março são voltados à colheita da maça. O município é considerado capital nacional da fruta e também registra grande movimento de turistas com desejo de comer no pé o doce fruto das macieiras.

No alto, turista participa da colheita noturna de uva, em Bento Gonçalves. Abaixo, relembrando o antigo trabalho da pisa e visitante em pomar de maçã de Fraiburgo 4

| DEZEMBRO 2020 | PANORAMA DO TURISMO


MATÉRIA DE CAPA

Fotos Panorama do Turismo

Natureza em estado puro! Os tempos atuais recomendam viagens e escapadas para perto da mãe natureza? Então, anote aí: o município de Piraquara, no Paraná, possui quase a totalidade do seu território de matas, elevações e nascentes de água inserida dentro de reservas de preservação ambiental. Ou seja, constitui um destino formidável para quem procura refúgios intocados para vivenciar experiências de ecoturismo. As leis de proteção de 93% da superfície de Piraquara foram criadas para manter intactos os chamados Mananciais da Serra. Afinal, essa região aos pés da imponente Serra do Mar garante mais da metade da água consumida na capital e região e nela nasce o Rio Iguaçu das famosas cataratas. A propósito, o primeiro reservatório local do precioso líquido data de 1908 e hoje integra o roteiro visitação turística. A vocação de Piraquara para o turismo encontra reforço na proximidade com Curitiba. Vinte e dois quilômetros apenas separam as duas cidades e a conexão entre elas acontece através da Rodovia Deputado João Leopoldo Jacomel, duplicada e com iluminação noturna. Além disso, a municipalidade fez a lição de casa e implantou um bem distribuído conjunto de placas de sinalização e orientação dos distintos atrativos.

No alto, um dos reservatórios de água Piraquara, emoldurado pela Mata Atlântica e pela Serra do Mar. Placas de sinalização bem cuidadas ajudam o turista a descobrir os encantos locais

Muita diversidade

Belíssimos e singulares, os cenários de serranias, matas, colinas, campos, nascentes de água e reservatórios de Piraquara podem ser desfrutados de várias maneiras. Para melhor contemplar a flora e fauna, valem as caminhadas, sem pressa, pelas muitas trilhas. Aos de espírito mais aventureiro, os morros do Vigia e do Canal convidam a escaladas para alargar os horizontes e PANORAMA DO TURISMO | DEZEMBRO 2020 |

5


Fotos Panorama do Turismo

deixar a vista correr 360º. E para adeptos de pedaladas existem cinco roteiros bem sinalizados de cicloturismo e até um pioneiro parque estruturado exclusivamente para as emoções do mountain bike. Para turista interessado em desvendar o patrimônio natural de Piraquara ou apenas fazer passeios por conta própria, a sugestão é aproveitar a rede de estradas rurais – asfaltadas, com calçamento de pedra ou ensaibradas, totalizam mais de cem quilômetros. Para serem percorridas de carro ou, melhor ainda, de bicicleta, elas descortinam paisagens de tirar o fôlego e levam aos atrativos locais. Por esses caminhos, placas de sinalização em português e inglês propiciam uma ajuda perfeita e algumas, inclusive, têm o complemento de um QR Code, o qual permite baixar no celular o mapa dos percursos e descobrir as atrações do trajeto. Elas estão instaladas em pontos estratégicos, como cruzamentos, tanto na área urbana como nos cenários rurais.

No pedal

Se o desejo for apreciar as particularidades do destino em cima de uma bicicleta, existem cerca de

Horizonte recortado pela Serra do Mar, sobressaindo, à direita, o Morro do Canal. Na Colônia Santa Maria, o destaque é o templo em louvor à Nossa Senhora Assunção, cuja imagem original veio na bagagem dos imigrantes 6

| DEZEMBRO 2020 | PANORAMA DO TURISMO


como Piraquara I, foi a primeira grande obra do gênero construída pela Sanepar, companhia estatal responsável pela captação, tratamento e distribuição de água. Esse reservatório situa-se na região dos denominados Mananciais da Serra, importante berçário de águas, contabilizando mais de 1.200 cristalinas nascentes.

Mananciais da Serra Nesse verdadeiro santuário, as atividades de visitação têm coordenação de técnicos do Centro de Educação Ambiental Mananciais da Serra-CEAM. Criado e mantido pela Sanepar, ele reúne exposição permanente com a história da construção da Barragem do Cayuguava, espaços para reuniões e viveiro;

Fotos Panorama do Turismoo

87 quilômetros de ciclovias. Elas estão divididas em cinco circuitos: Parque das Águas Piraquara (18 km), Mananciais da Serra (20 km), Túnel da Roça Nova (26,4 km), Colonização Trentina (14,2 km) e Morro do Canal/Aldeia (8,6 km). Pedalando, o visitante pode chegar, por exemplo, à Colônia Imperial Santa Maria do Novo Tirol da Boca da Serra. Hoje, apenas Colônia Santa Maria, esse foi o local de fixação de pioneiros imigrantes trentinos no Paraná. Trazendo na bagagem história e cultura próprias e determinação para o trabalho agrícola, 59 famílias de colonos chegaram em 1878 e logo deitaram nessas terras profundas raízes. Lógico, eles acabaram influenciando a região com sua culinária, religião e arquitetura. O principal emblema da Colônia Santa Maria é a Igreja de Nossa Senhora da Assunção. Da capela original, inaugurada em 1879, destaca-se ainda no interior do novo templo a imagem da santa, trazida pelos primeiros colonos. O roteiro das estradas rurais também conduz até a Barragem do Cayuguava. Inaugurada em 1979, e mais conhecida

Mirante da Barragem Piraquara I, moradia típica da Colônia Santa Maria e água da nascente do Rio Iguaçu, engarrafada com exclusividade por um restaurante do destino PANORAMA DO TURISMO | DEZEMBRO 2020 |

7


aliás, na saída os visitantes ganham mudas de até três plantas. Bem pertinho está um mirante de 16 metros, proporcionando vistas espetaculares do entorno e da Serra do Mar. Cortando esse território existem diversas trilhas de curta distância para contemplação da natureza e observação da fauna. Entre os percursos estão o do Santuário São Francisco, a Trilha do Salto, a Trilha da Chaminé e a Estrada do Carvalho – essa, revela o pioneiro Reservatório do Carvalho, construído em 1908, com sistema de dezesseis caixas coletoras, e até meados do século passado responsável pelo abastecimento de água de Curitiba. Em tempo: as visitas ao CEAM precisam ser agendadas pelo telefone 41|3673-3310.

Fotos Panorama do Turismoo

Exclusividades Ainda percorrendo a malha de estradas rurais de Piraquara o visitante vai encontrar outras surpresas. Uma delas é a Aldeia Indígena Araça-Í. Com agendamento, é possível conhecer um pouco mais sobre tradições e rituais dos moradores, andar por trilhas e até conversar com o cacique ou o pajé. Contudo, em função da pandemia e para proteger os membros desse grupo de índios guaranis, atualmente as visitas estão proibidas. Mais uma exclusividade do destino é o empreendimento Cave Colinas de Pedra. Ele reúne a antiga estação de trens e o túnel ferroviário desativados de Roça Nova. A estação virou um restaurante gourmet e o túnel agora é uma singular câmara de maturação de espumantes – por manter a temperatura interna praticamente inalterada em 17 graus, ele é perfeito para essa etapa do processo de fabricação da bebida. Por falar em túneis, também está em Piraquara o de maior extensão do eixo da

No alto, o antigo túnel da ferrovia Curitiba-Paranagua transformado em câmara para maturação de espumante. Acima, uma trilha do Canal Aventura Bike Park e o Memorial da Colonização Trentina, na Colônia Santa Maria 8

| DEZEMBRO 2020 | PANORAMA DO TURISMO


Fotos Panorama do Turismo

centenária e turística ferrovia ligando Curitiba e Paranaguá. Aberto ao lado do anterior de Roça Nova, esse possui 429 metros de extensão. Produtos coloniais – entre queijos, embutidos, pães, geleias, hortaliças – também são encontrados no município. Nesse aspecto, a referência é empório da Vila do Colono, com pequenas unidades de produção administradas pela Cooperativa de Processamento Alimentar e Agricultura Familiar Solidária de Piraquara-Copasol Trentina. Na porção rural de Piraquara, por outro lado, aficionados por mountain bike podem acelerar a adrenalina no pioneiro Canal Aventura Bike Park. Implantado na Fazenda das Araucárias, ele agrega perto de vinte quilômetros trilhas a cortar cinematográficas paisagens de matas, colinas e serranias, com diferentes graus de dificuldade. Ainda para apaixonados por esportes mais radicais, os morros do Vigia e do Canal – respectivamente, com 1.319 e 1.373 metros – são perfeitos para práticas de trekking e de escalada.

A partir do alto, a Matriz de Piraquara, o Parque das Águas e a Casa da Memória Manoel Alves Pereira

Memória preservada

Já no centro da cidade, o visitante vai encontrar atrativos relacionados com a história local. Por falar nisso, Piraquara foi fundada oficialmente em 29 de janeiro de 1890. Nesse roteiro destaca-se a Casa da Memória Manoel Alves Pereira, instalada em um casarão charmoso de 1928. Ela dá suporte a ações de pesquisa, proteção e divulgação de facetas históricas e socioculturais do município. Com crescimento populacional diretamente ligado à construção da ferrovia Paranaguá-Curitiba, no final dos anos 1880, e ainda hoje cortada por trens de carga e de turismo, a cidade reverencia ângulos do passado sobre os trilhos no Centro da Memória Ferroviária João Tesserolli Júnior. O local abriga acervo com peças, documentos, ferramentas e fotos cedidos pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional. O passeio pelo centro ainda tem como pontos de parada a Igreja Matriz do Senhor Bom Jesus dos Passos e o Parque das Águas Jacob Simião. O atual templo em louvor ao padroeiro municipal data de 1921 e substituiu uma pequena capela de madeira erguida em pregressos tempos. Logradouro de encontro da população, com lagos, arborização e múltipla estrutura, o Parque das Águas reforça o sentimento do município no tocante à preservação da natureza. Outras informações sobre Piraquara – em tupi-guarani, toca do peixe –, ainda denominada de Berço das Águas e Cidade dos Mananciais, podem ser obtidas através do telefone 41|3590-3320 ou do e-mail turismo@piraquara.pr.gov.br.

PANORAMA DO TURISMO | DEZEMBRO 2020 |

9


EVENTOS

Fotos Panorama do Turismoo

Festival das Cataratas, edição histórica!

A partir do alto, solenidade de abertura do evento, um dos estantes da feira comercial e espaço de inovação organizado pelo Sebrae-PR e Fecomércio-PR 10

| DEZEMBRO 2020 | PANORAMA DO TURISMO

Com acatamento total aos novos protocolos de biossegurança – entre eles, aferição de temperatura, disponibilização de álcool em gel e controle de distanciamento utilizando software de ponta –, a 15ª edição do Festival das Cataratas deixou muito claro: com responsabilidade, os eventos presenciais podem, sim, ser realizados. Essa tradicional e importante feira comercial do setor turístico aconteceu na cidade paranaense de Foz do Iguaçu, entre os dias 2 e 4 agora de dezembro. Estruturada nos pavilhões do Rafain Expo Center, ela contabilizou mais de 3.500 participantes, permitiu a exposição de produtos e serviços de 103 marcas do turismo, propiciou a capacitação de agentes de viagens e ajudou a gerar bons negócios. Esse momento atípico, marcado pela pandemia, mereceu atenção redobrada dos organizadores do Festival das Cataratas. “Muitas pessoas dependem do setor, fonte econômica muito importante do nosso destino e do Brasil”, destaca Paulo Angeli, idealizador e coordenador do evento, justificando a resiliência e a determinação de toda a sua


Tecnologia Para promover uma experiência de feira segura aos expositores e visitantes, o Festival das Cataratas incorporou, nessa edição, muitas inovações tecnológicas. Robôs com radiação ultravioleta do tipo C (UVC), capazes de destruir qualquer tipo de vírus, fungos e bactérias, ajudaram no processo de higienização dos ambientes. E um sistema agregando de cinco câmeras com tecnologia IoT (Internet das Coisas) e conceitos de inteligência artificial permitiu, dentro dos pavilhões de exposição, a contagem inteligente de pessoas e a indicação de ocupação em relação à lotação máxima permitida, a qual ficou abaixo os 65%. Essa edição do Festival das Cataratas, além de marcar a retomada dos grandes eventos em Foz do Iguaçu e dar uma injeção de ânimo no mercado de trabalho do setor, deixa outros legados. Os vinte totens de higienização de mãos com álcool em gel utilizados na feira, por exemplo, em breve estarão em outros eventos e ações da cidade.

Personagens do evento Fotos Panorama do Turismoo

equipe para fazer acontecer essa edição histórica.

Parcerias A edição de 2021 do Festival das Cataratas deverá voltar a ser realizada na sua data tradicional, o mês de junho. E, provavelmente, contará com os parceiros desse ano, ou seja, o Governo do Paraná, por meio da Secretaria do Desenvolvimento Sustentável e do Turismo e Paraná Turismo, o Sebrae-PR, o Visit Iguassu, a Fecomércio-PR e a CNC.

Entre outros personagens importantes do turismo, circularam pela feira de negócios, a partir do alto: Paulo Angeli (anfitrião do Festival das Cataratas), Neuso Rafain, Felipe Gongalez, Adonai Arrura Filho, Vilson dos Santos, Andrè Poletti, Patrícia Albanez, Giovani Bagatini e Roberto Bacovis

Panorama do Turismo esteve no Festival das Cataratas 2020 como mídia convidada da organização PANORAMA DO TURISMO | DEZEMBRO 2020 |

11


GASTRONOMIA

Sabores de Piraquara

Fotos Panorama do Turismoo

Para quem está com planos de conhecer os atrativos turísticos do município paranaense de Piraquara – ver matéria entre as páginas 5 e 9 – e pretende, no almoço, experimentar a culinária local, ai vão quatro sugestões de parada. O restaurante da Cave Colinas de Pedra (Rua Antonio Brudeck, 100 – telefone 41|99667-5000) oferece menu gourmet e exclusivos espumantes para harmonizar. Instalado em uma antiga estação ferroviária, toda remodelada, abre apenas nos finais de semana. Especializado nesse saboroso peixe de águas geladas, o Paraíso das Trutas (Condomínio Recreio da Serra – telefone 41|3673-1893) funciona aos sábados, domingos e feriados. Situado em privilegiada área de matas e nascentes, é o berço

De cima para baixo, em sentido horário, Cave Colinas de Pedras, Paraíso das Trutas, Sítio Dona Helena e Empório Estação SMA

12

| DEZEMBRO 2020 | PANORAMA DO TURISMO

do Rio Iguaçu, asseguram os proprietários. Com ambiente simples, cardápio caseiro e produtos coloniais de fabricação própria, o Restaurante Sítio Dona Helena (Estrada da Barragem, 77 – telefone 41|999882734) é procurado por adeptos do cicloturismo e aventureiros em busca dos segredos da região dos Mananciais da Serra. Localizado no centro da cidade, ao lado da ferrovia, o Empório Estação SMA (Rua Roque Vernalha, 51 – telefone 41|98872-4341) recebe a clientela com bufê variado, reunindo saladas, carnes e acompanhamentos. Pelos balcões e prateleiras do estabelecimentos ainda é possível comprar especiarias, temperos, pimentas, entre outros produtos.


Mezmiz, aberto!

Foto Panorama do Turismo

Foto Panorama do Turismo

O roteiro da boa mesa em Curitiba – no caso, a mesa das melhores receitas libanesas – já tem um novo endereço de portas abertas. O Mezmiz (Rua Brasílio Itiberê, 4.412 – telefone 41|99209-4936) está atendendo de segunda a sábado das 11h00 às 23h00 e aos domingos, das 11h00 às 16h00. No diversificado cardápio do Mezmiz podem ser encontrados muitos pratos tradicionais, a exemplo do quibe cru e assado, dos charutos de folha de uva, mais arroz com lentilha, homus, saladas variadas, esfiha, baba ganoush, tabule, abobrinha recheada, michui de mignon e de frango, mais kebabs, pizzas, sobremesas libanesas, bebidas etc.

Local da boa culinária do Líbano

Cabeza de Vaca

Hamburguer com chope, boa pedida

No Marco das Três Fronteiras – ponto de visitação na cidade paranaense de Foz do Iguaçu, onde está assinalada a fronteira entre Brasil, Argentina e Paraguai –, a melhor referência gastronômica é o Restaurante Cabeza de Vaca. Em seu ambiente marcado por uma elegante rusticidade, os turistas podem optar pelo bufê variado, aperitivos, pratos elaborados e lanches. Para dividir com os amigos tem, por exemplo, picanha na chapa, iscas de frango, iscas de suburim e calabresa acebolada. O burger Cabeza de Vaca, acompanhado de batata frita, também vale a pena.

PANORAMA DO TURISMO | DEZEMBRO 2020 |

13


HOTELARIA

AHI em Itá

Berço das Águas

Windsor, 34 anos!

Nesse mês de dezembro, a direção e funcionários da Rede Windsor Hotéis comemoram a trajetória de 34 anos da marca no mercado hoteleiro nacional. O primeiro empreendimento do grupo foi o Windsor Guanabara, no centro do Rio de Janeiro. Atualmente, a bandeira tremula em dezesseis unidades: quatorze na capital fluminense e outras duas em Brasília. E tem agregado o Centro de Convenções & Hotéis Windsor, na valorizada área carioca da Barra da Tijuca A história da Rede Windsor é marcada pelo empreendedorismo e confiança no potencial turístico do Rio de Janeiro, através de investidores liderados pelo espanhol José Oreiro.

Situada no tranquilo bairro Recreio da Serra, a Pousada Recanto Berço das Águas (Rua Estéfano Uberna, 514 – telefone 41|99196-8843) constitui uma dica de hospedagem no município paranaense de Piraquara, a cerca de vinte e poucos quilômetros da capital Curitiba. O endereço oferece simpáticas e confortáveis suítes avarandadas; as mais novas têm banheira jacuzzi para casal. Do deque com piscina aquecida é possível apreciar o horizonte recortado pelos cumes da Serra do Mar. Outro diferencial da pousada é a boa mesa do café da manhã e das refeições. Foto Panorama do Turismo

Localizado no oeste de Santa Catarina e famoso pelas suas águas termais, o município de Itá já acena aos turistas com mais uma opção de hospedagem de alto nível. Foi inaugurado nesse mês de dezembro o eSuites Itá Resort & Eventos by Atlantica (Avenida Beira Lago – telefone 49|3520-5510). Empreendimento administrado pela Atlantica Hotels International-AHI, ele agrega estrutura com 126 aposentos, piscina, fitness center, salas de jogos com pebolim, tênis de mesa, bilhar e duas pistas de boliche, espaço kids.

Aposentos com varanda

Ares de fazenda

Foto Panorama do Turismo

Outra sugestão de hospedagem em Piraquara é o Hotel Fazenda das Araucárias (Rodovia BR-277, Km 62 – telefone 41|99616-8188). Concebido a partir da estrutura de um antigo e espaçoso casarão de família – devidamente ampliado e adaptado para receber hóspedes –, o empreendimento oferece amplos apartamentos, salas de leitura e jogos, restaurante e conjunto de piscinas. No meio da propriedade de matas, campos e nascentes preservadas, o hotel ainda oferece cenários e trilhas para cavalgadas, caminhadas e pedaladas, nesse caso, em seu exclusivo Canal Aventura Bike Park.

O hotel acena com estrutura diversificada 14

| DEZEMBRO 2020 | PANORAMA DO TURISMO


PANORÂMICAS

Com longa e positiva trajetória em favor do turismo paranaense, Aldo César Carvalho faleceu nesse mês de dezembro, aos 65 anos, vítima de infarto. Ele estava diretor de Marketing da Paraná Turismo, braço operacional do governo estadual para o setor e onde, literalmente, ele se iniciou no mercado de trabalho (à época, era Paranatur) e se criou. Durante bom tempo, ainda coordenou o setor de Turismo do Sebrae-PR. Em duas oportunidades recebeu o Prêmio Panorama do Turismo | Profissionais do Ano.

Nessa temporada de verão, turistas em férias no litoral ou em parques paranaenses estão contando com orientação de estudantes dos cursos de Turismo e Hotelaria. Trinta e oito deles, selecionados pela Paraná Turismo, já atuam nas praias, na Ilha do Mel e nas principais unidades de conservação ambiental. Convocados para a organização e desenvolvimento de atividades de lazer e entretenimento em locais de grande fluxo turístico, eles participaram de curso de capacitação ministrado por técnicos do governo. Durante três dias, os novos personagens do verão receberam noções sobre segurança sanitária, conheceram melhor a estrutura estadual responsável pelas ações de promoção de turismo e foram instruídos para sensibilizar o desejo dos visitantes para outros atrativos paranaenses. Fotos Panorama do Turismo

Turismo perde Aldo

Ajuda dos universitários

Fotos Aruivo Panorama do Turismo

Aldo, grande nome do turismo do Paraná

Ilha do Mel, local de atuação dos universitários

PANORAMA DO TURISMO | DEZEMBRO 2020 |

15


Jamaica, para 2021

Sul ganha roteiro

A partir do próximo ano, será possível conhecer, ou revisitar, alguns dos principais destinos turísticos do sul do país em um pioneiro circuito rodoviário. O roteiro A Europa Brasileira, de quinze dias, foi criado pela Schultz, operadora com expertise no mercado de viagens. O passeio completo terá saída e chegada em qualquer cidades do trajeto. Partindo de Curitiba, por exemplo, o turista conhecerá Balneário Camboriú, Pomerode, Florianópolis, Laguna (Santa Catarina), Gramado, Canela, Nova Petrópolis, Caxias do Sul, Bento Gonçalves, Passo Fundo, Erechim (Rio Grande do Sul), Treze Tílias (de novo, território catarinense) e Mallet (no Paraná). Com percursos apenas durante o dia, a viagem será em ônibus de turismo confortáveis e com cuidados de biossegurança. Foto Panorama do Turismo

Um dos paraísos do mar caribenho, com belíssimas praias e muitos cenários naturais, a Jamaica começou a se preparar para a recuperação do fluxo de turistas. Através das suas equipes de vendas e marketing, o Escritório de Turismo da Jamaica-JTB vem reunindo on-line para planejar a temporada do inverno 2021 da ilha. No contexto desse planejamento estão envolvidos mais de 40 representantes dos Estados Unidos, Canadá, América Latina, Reino Unido e Europa Continental. As táticas de marketing e vendas para América Latina para o próximo ano, por exemplo, estão centralizadas na retomada do transporte aéreo e no desenvolvimento de um forte branding para o consumidor (enfatizando a segurança do destino), além de abordagens comerciais e digitais robustas com uso de relações públicas. No tocante à expansão no transporte aéreo, o JTB trabalhará lado a lado com a Copa Airlines, companhia parceira estratégica, em uma Campanha de Retorno à Jamaica. O objetivo é aumentar as linhas disponíveis para viajantes em mercados primários, como México, Brasil, Argentina, Chile, Colômbia e Peru. “O restabelecimento do transporte aéreo e adição de novas rotas para receber visitantes da América Latina continuam a ser prioridade”, diz Donovan White, diretor de Turismo da Jamaica. Para saber mais sobre a Jamaica a dica é acessar www.visitjamaica.com/portuguese.

Novidade em BC

Curitiba está no roteiro

Foto Hildo Junior | FG Big Wheel

Turistas em visita a Balneário Camboriú, famoso destino do litoral de Santa Catarina, já podem curtir a roda gigante batizada de FG Big Wheel. A novidade está instalada na Barra Norte, entre a mata, o mar, a praia e a cidade. A FG Big Wheel foi toda produzida no exterior: a estrutura é chinesa, as cabines, holandesas e os sistemas eletrônicos, alemães. Ela tem 82 metros de altura total e oferece 36 cabines climatizadas.

A roda gigante fica na porção norte da praia principal 16

| DEZEMBRO 2020 | PANORAMA DO TURISMO


Circula novo trem

Festival aprovado

Foto Juca Ferreira | Central Press

Pela ferrovia entre as cidades paulistas de Itu e Salto já dá para curtir um programa legal, a bordo do Trem Republicano. Operado pela empresa paranaense Serra Verde Express, do comboio turístico entre Curitiba e Morretes, esse passeio ferroviário pode ser vivenciado de segunda a sexta-feira, com duas idas e vindas. Às sextas e sábados existe opção de uma viagem noturna, com jantar. Cumprindo um percurso de 7,6 quilômetros entre os dois municípios, o Trem Republicano faz alusão à Convenção de Itu, primeiro tratado republicano do Brasil, datada de 1873. O comboio tem capacidade para transportar até 140 passageiros. Porém, diante dos novos protocolos de biossegurança, está rodando com metade da lotação e passa por um processo de desinfecção diário. O Trem Republicano é formado por três vagões distintos, batizados com nomes de ilustres brasileiros. O carro boutique Anselmo Duarte homenageia um dos artistas mais importantes do cinema nacional, nascido em Salto. Outro vagão distingue Olímpia Fonseca de Almeida Prado, esposa de Carlos Vasconcelos de Almeida Prado, republicano envolvido nos movimentos da época. Por fim, convencional, mais econômico, o vagão Prudente de Moraes destaca o primeiro presidente eleito pelo voto direto depois da Proclamação da República.

Em sondagem pós-evento, técnicos do Sebrae-PR e da Fecomércio-PR identificaram satisfação por parte dos empresários participantes, através de ações das duas entidades, da edição desse ano do Festival das Cataratas (ver páginas centrais). Durante os dois dias da feira comercial, na cidade de Foz do Iguaçu, o Sebrae-PR e a Fecomércio-PR, em particular, desenvolveram no evento ações on-line e presenciais para difundir inovações, trocar conhecimentos e gerar negócios. O destaque foi para o Espaço Destinos e Experiências e para a Arena Inova Turismo, essa, criada para oportunizar conhecimento e networking entre os participantes. “Pela primeira vez o festival teve transmissões pela internet em tempo real. Ficamos otimistas com o resultado, pois tivemos mais de 170 pessoas participando de forma presencial. E mais de 1.080 outras acompanhando de forma remota. Esses números demonstram o interesse dos empresários da área turística em buscar novas oportunidades de negócios, conhecimento e bagagem para uma retomada cada vez mais segura e bem-sucedida”, destaca Patrícia Albanez, coordenadora estadual de Turismo do Sebrae-PR. Para Giovanni Bagatini, gerente de Turismo do Sesc Paraná e representante da Fecomércio-PR, “o evento foi realizado com atenção a todos os cuidados e, nele, foi posssível trabalharmos pilares importantes para a retomada da atividade turística, como segurança, saúde, inovação, tecnologia e experiência”.

O trem é nova atração em Itu e Salto

Orientação tátil

Desde o início desse mês de dezembro, turistas com dificuldades de visão podem aproveitar melhor a visita a seis igrejas seculares do município pernambucano de Olinda. Agora, informações sobre elas estão disponíveis em painéis táteis acessíveis em braile, audiodescrição (com o auxílio de QR Code) e pictolibras. A ação contemplou os templos históricos mais visitados de Olinda. Nesse rol figuram as igrejas de São Bento, de Nossa Senhora do Carmo, da Misericórdia, do Amparo, de São Francisco e a Catedral do Alto da Sé. Merecedora de aplausos, essa iniciativa foi complementada com intervenções de acessibilidade em outros equipamentos turísticos e culturais da Região Metropolitana do Recife. Nesse contexto estão mapas táteis (Casa da Cultura e Centro de Artesanato de Pernambuco), maquetes táteis (Torre Malakof, Alepe e Memorial da Justiça) e sinais gráficos em Libras. PANORAMA DO TURISMO | DEZEMBRO 2020 |

17


Foto Juca Ferreira | Central Press

7 18

| DEZEMBRO 2020 | PANORAMA DO TURISMO

8

6

1 Aguilar e Janet Silva, na Casa do Papai Noel

3

Foto Divulgação

5

Foto Divulgação | AHI

2

Foto Divulgação | AHI

4

Foto Divulgação | Assist Card

1

Foto Panorama do Turismo

Foto Panorama do Turismo

Foto Divulgação

PRIMEIRA CLASSE

montada na Pousada Fazenda Ribeirão das Flores, administrada pelo casal em Castro, Paraná 2 Carlos Stefani é o novo CEO da Assist Card para todo o planeta 3 Michelle Buck assumiu o cargo de gerente de Desenvolvimento da Atlantica Hotels International-AHI 4 Wagnilda Alves Minasi foi reconduzida à presidência da Agência de Desenvolvimento do Turismo dos Campos Gerais 5 Daniel Rocha agora é o diretor Divisional de Operações para as regiões norte e nordeste da Atlantica Hotels International-AHI 6 Manoel Linhares, presidente da ABIH, e o jornalista Alexandre Garcia, na movimentada agenda de Brasília 7 Marcus Mauricio de Souza Tesserolli, prefeito do município paranaense de Piraquara, deixa o mandato com excelentes avanços na área do turismo 8 Adonai Arruda, presidente da Serra Verde Express, na inauguração, em Itu, do Trem Republicano


Profile for Revista Panorama do Turismo

Panorama do Turismo de Dezembro  

Edição regular da revista Panorama do Turismo, apresentando atrativos da cidade paranaense de Piraquara

Panorama do Turismo de Dezembro  

Edição regular da revista Panorama do Turismo, apresentando atrativos da cidade paranaense de Piraquara

Advertisement