Page 1

Ano XIV | nº 137 | Curitiba, julho de 2011

w w w. p e r p e t u o s o c o r r o . o r g . b r

(revista)

Perpétuo Socorro Distribuição Gratuita . Venda Proibida

Apostolado da Oração do Santuário comemora 50 anos

Devoção ao

Sagrado Coração de Jesus Um tesouro para o espírito


(editorial)

(índice)

03 . Família 04 . Notas & Registros 05 . O leitor sugere A Bíblia nos ensina 06 . Novenário 08 . Especial 10 . Especial 12 . Campanha do Devoto Perpétuo 13 . O papel dos avós Santo do mês 14 . Conhecendo melhor a Nossa Mãe Dica de saúde 15 . Psicologia 16 . Centro Redentorista de Ação Social 17 . Pergunte ao padre Papo com o psicólogo 18 . Folhinha Dízimo (revista)

Perpétuo Socorro A Revista Perpétuo Socorro é uma publicação do Santuário de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, sob a coordenação da Assessoria de Comunicação

Expediente Reitor: Pe. Primo Hipólito Conselho Editorial: Padre Primo Hipólito, Padre Gelson Mikuszka, Padre Lourenço Kearns, Padre Roque Sutil, Padre Rodrigo Augusto, Irmão Adilson Schamne, Padre Alexandre de Castro, Giovani Ferreira e Ana Paula Rodrigues Ferreira. Jornalista responsável: Ana Paula Rodrigues - MTB 4198/17/38 Proj. gráfico e diagramação: Amanda Mafioletti Identidade Design/iddesign@onda.com.br Impressão: Multgraphic Essa produção conta com a participação da Pastoral da Comunicação. Fotos: Assessoria de Comunicação do Santuário e colaboradores Contato e sugestões: perpetuosocorroimprensa@uol.com.br 41 3253 2031 www.perpetuosocorro.org.br

Coração que ama Pe. Primo Aparecido Hipólito CSsR Reitor do Santuário primohipolito@hotmail.com

Q

uerido leitor da revista Perpétuo Socorro! Recordar, fazer memória, celebrar são realidades que precisam estar presentes em nossa vida de missionários do reino. É por isso que celebramos com fervor em junho o nome de nossa querida mãe do Perpétuo Socorro. Senti que muitas graças foram alcançadas com esse novenário de 2011, especialmente porque refletimos e rezamos mais a fundo a oração da Ave-Maria. Quando festejamos Nossa Senhora ou nos dirigimos a ela, lembramos sempre que essa querida mãe nos indica a pessoa de seu filho Jesus e Nele o Reino de Deus. Ela mesma se coloca como serva e discípula e na sua oração exalta o nome de Deus Pai. Nossa Senhora continua cumprindo sua missão nos dias atuais, ela continua a mostrar Jesus. É só contemplarmos o Ícone de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro que experimentaremos essa realidade.

E na certeza de estarmos em comunhão, porque somos igreja reunida na pessoa de Jesus Cristo, é que nos colocamos a caminho da realização do Reino de Deus. O amor que brota do coração de Jesus nos convoca a sairmos de nós mesmos para assumirmos a missão de também amar, de colocar nosso coração a serviço do amor. Não seria essa a missão de todo discípulo missionário do reino? Amar? Nessa missão de permitir que o Sagrado Coração de Jesus esteja presente na vida da humanidade é que a comunidade do Santuário está celebrando 50 ANOS do APOSTOLADO DA ORAÇÃO. É tempo de festa, pois sabemos bem que as missionárias deste apostolado estiveram durante esses 50 ANOS rezando e colocando diariamente o nosso coração no coração de Jesus. Que missão maravilhosa é essa de poder dizer à humanidade que o coração de Jesus está sempre presente para AMAR. Um dia uma criança, olhando para a imagem do Sagrado Coração de Jesus, perguntou ao padre Julio Lancellotti, dentro de uma igreja em São Paulo, por que Jesus tinha o coração do lado de fora. O padre Julio respondeu que tem o coração do lado de fora porque Ele ama muito. Deixe então Jesus te amar muito e vá respondendo a esse amor nas suas atitudes diárias. Boa leitura e viva o SAGRADO CORAÇÃO DE JESUS!

(espaço do leitor) SAÚDE “Durante mais de 20 anos meu filho sofreu de uma dor de cabeça horrível. Foram feitos todos os exames possíveis, os resultados eram normais, porém a enxaqueca continuava insuportável. Ele sofria e eu sofria também, até que recorri a Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. Nós dois começamos uma série de novenas, pedindo a intercessão da bondosa Mãe, junto ao Pai Celeste. Antes mesmo de terminarmos a novena, meu filho deixou de sentir aquelas terríveis dores. Ele está completamente curado, graças a Deus e à intercessão de Maria, Saúde dos Enfermos, Consoladora dos Aflitos.”

periência comprovada em carteira. Comecei a ficar angustiada, temendo não conseguir ingressar no mercado de trabalho. Recorri então à Mãezinha do Perpétuo Socorro, e em abril comecei uma série da novena. Já na segunda semana, fui convocada para uma entrevista, e no dia seguinte fui contratada. Em menos de um mês, fui aprovada num concurso público, e é com muita gratidão que venho partilhar a graça de ver meu caminho transformado, graças à minha fé na intercessão da Mãe do Perpétuo Socorro.”

Uma devota agradecida

Este espaço é feito com a sua participação caro leitor. Mande sua carta ou e-mail para nós, com comentários, críticas ou sugestões de assuntos para a Revista. E-mail: perpetuosocorroimprensa@uol.com.br Endereço: Caixa Postal 20.013 Cep 80.062-980 – Curitiba/PR

EMPREGO “No final de 2010 terminei a faculdade e então comecei a procurar o primeiro emprego. Distribuí dezenas de currículos, mas não tive êxito, porque eu tinha somente dois anos de estágio, e nas entrevistas era exigida ex-

Uma devota agradecida *****


(família)

Como e por que

rezar em família? “Toda a família que se mantiver fiel à oração conjunta do Rosário não conhecerá a desunião” (Papa João Paulo II)

A

família é a base da salvação e precisa de forças para cumprir esta missão. Deus tem esta força! Só Deus pode conduzir as famílias e formar em torno delas uma barreira de proteção. Segundo o Catecismo da Igreja Católica “a família cristã é o primeiro lugar da educação para a oração. Fundada sobre o sacramento do matrimônio, ela é ‘A Igreja doméstica’, onde os filhos de Deus aprendem a orar ‘na Igreja’ e a perseverar na oração” (CIC 2685). João Paulo II, em sua Exortação Apostólica Familiaris Consortio, dirigindo-se ao clero e a toda Igreja disse: “A oração familiar tem as suas características. É uma oração feita em comum. Marido e mulher juntos, pais e filhos juntos. A comunhão na oração é, ao mesmo tempo, fruto e exigência daquela comunhão que é dada pelos sacramentos do batismo e do matrimônio” (Familiaris Consortio, 59). Rezar juntos é fundamental. Oração em família é questão vital do relacionamento com Deus. A oração é a forma de interagir com Ele, e traz harmonia aos relacionamentos interpessoais na família. Na oração somos curados; pela oração aprendemos a perdoar; pela oração nos tornamos mais amigos de Deus e uns dos outros, aprendemos a amar a Deus e ao próximo. A oração também é essencial para a educação e formação dos filhos. Bento XVI definiu: “A oração não é algo acessório ou opcional, mas uma ques-

tão de vida ou morte. Somente quem reza, isto é, quem se confia a Deus com amor filial, pode entrar na vida eterna, que é o próprio “Deus” (Bento XVI Quaresma de 2007). Portanto precisamos resgatar essa prática, proclamemos com Jesus e como Jesus, no evangelho, com vigor e determinação: “… minha casa é uma casa de oração” (Mt 21, 13). Por onde começar? Através da oração à mesa, por exemplo, que é um momento sagrado – quanta possibilidade de diálogo, amizade, partilha, perdão, crescimento, conhecimento pode-se fazer à volta da mesa; à noite, antes de dormir; rezando o rosário. Falando do rosário, o Papa João Paulo II disse uma vez algo impressionante: “Toda a família que se mantiver fiel à oração conjunta do rosário não conhecerá a desunião”. Assim, nós pais, que somos os primeiros responsáveis pela saúde espiritual de nossa família, devemos tomar a oração como algo que faz parte do cotidiano da família e com ela encontrarmos forças para lutar. Vida de oração é questão de atitude. Tenha a coragem de assumir essa atitude hoje para o bem e a salvação de sua família. Queremos viver o modelo de família que está dentro do projeto de Deus e que Ele mesmo deixou expresso de maneira magnífica através de sua própria família, a Sagrada Família de Nazaré. Alexandre e Cintya Kayser Movimento de Casais Jovens MCJ

» Acesse « » www.redentoristas.org.br « e saiba mais sobre nossos missionários

» www.rederocio.com.br « O site da Padroeira do Paraná

» www.perpetuosocorro.org.br « e clique no link da Rádio Perpétuo Socorro. Acompanhe a nossa programação

Seja um Missionários Redentorista, tonando-se padre ou irmão! Padre Antonio Carlos de Melo - Promotor Vocacional Redentorista no PR - (43) 3338-1499 Padre Donizete Araújo - Promotor Vocacional Redentorista no MS - (67) 3325-0206 pvcampogrande@gmail.com Rua Ubaldino do Amaral, 135 . Alto da Glória . Curitiba/PR . CEP: 80.060-195 ou Caixa Postal 4820 . CEP 82.960-980 Curitiba/PR

(revista) Perpétuo Socorro | jul.2011 | 03


(notas & registros)

Quanto mais se conhece, mais se ama: Conheça o site do Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, visite: www.perpetuosocorro.org.br , ouça a rádio: http://www.perpetuosocorro.org.br/radio_perpetuo_socorro/, assista a TV Web: http://www.fusionweb.com.br/tvperpetuo

Preservando o planeta

Tapete de Corpus Christi Veja alguns momentos da preparação do tapete da Festa da Eucaristia, que foi cheia de criatividade, esforço e união. Voluntários e Missionários Redentoristas do Santuário fizeram um grande trabalho, que se transformou num verdadeiro e belíssimo louvor a Cristo na Eucaristia. Parabéns!

O que você faz com o óleo de cozinha usado em sua casa? O que acha de termos no santuário um posto de arrecadação para a reciclagem do óleo, com renda revertida para nossas obras sociais? Então aguarde, pois em breve teremos mais novidades sobre isso!

Novena na TV A partir do dia 20 de julho, às 7h30 da manhã, a E Paraná (TV Educativa do Paraná) transmite a Novena

a Nossa Senhora do Perpétuo Socorro, direto do Santuário, no Alto da Glória. Sintonize o canal 9, assista e divulgue!

Missa das Capelinhas Agora todo último sábado de cada mês é o dia da Missa das Famílias que recebem a Capelinha de Nossa Senhora em sua casa, e também para as mensageiras das Capelinhas. Sempre ao meio-dia, no Santuário. Participe, traga sua família e peça a intercessão de Nossa Senhora em sua vida!

Venha rezar no Santuário Festa Julina No dia 9 de julho acontece a Festa Julina das Pastorais. Informações na secretaria do santuário.

Grupo de oração da RCC: toda segunda-feira às 15 horas Mil Ave-Marias: toda terça, às 13 horas Hora Santa das Famílias: toda terceira sexta-feira do mês, às 15 horas Vigília: toda primeira sexta-feira do mês, às 21 horas Missa pelas Almas: segunda-feira às 19h30 Terço dos Homens: terça-feira às 19 horas Missa pelas Famílias: terça-feira às 19h30 Missa do Santíssimo: quinta-feira às 9, 15 e19h30 Missa da Misericórdia: sexta-feira às 19h30 Missa do meio-dia com bênção da saúde: todos os dias Ofício da Imaculada: todo primeiro sábado do mês às 11h30

Resultado do Concurso “Canções de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro” Dez músicas foram escolhidas dentre as inscritas. Elas foram apresentadas ao público durante a programação do Novenário da Padroeira 2011, no dia 19 de junho, e premiadas. Parabéns a todos! E preparem suas canções, pois vem aí o II Concurso de Canções a Nossa do Perpétuo Socorro. Em 2012! “Agora e sempre” Maria Eliane Ribeiro Wolff Bastos “Socorrei a mim” João Alves de Lima “Mãe da natureza” José Belmiro dos Santos “Em teu santuário (Mãe do Perpétuo Socorro)” Nilton de Moraes “Maria, Nossa Senhora do Perpétuo Socorro” Elisabeth Maria Adriano 04 | (revista) Perpétuo Socorro | jul.2011

“Mãe do Perpétuo Socorro” Rodrigo Bonacordi de Figueiredo Neves “Rainha do Mundo” Marcos Francisco dos Santos “Fé na querida Mãe do Perpétuo Socorro” Maurício Pedroso “A tua proteção” Daniel Ricardo Gerelus “Cartas a Maria” Luciane Aparecida dos Anjos


(o leitor sugere)

É possível casar duas vezes

na Igreja Católica? O

tema deste mês é sobre o casamento na Igreja Católica. A Igreja Católica entende que o casamento cristão é indissolúvel, pois ele constitui o espaço da criação de uma família e ele é um sacramento. Ele não pode ser dissolvido. Só se desfaz um casamento com a morte. Mas há na Igreja Católica a possibilidade de uma pessoa casar-se outra vez, desde que haja as seguintes situações: a viuvez ou a nulidade. Se a pessoa ficou viúva, com a morte do companheiro ou da companheira, terá a possibilidade de casar-se novamente na Igreja. Após a morte do outro (a) a pessoa fica desimpedida. Outra possibilidade é a nulidade do primeiro matrimônio. Isso se dá pelo processo de nulidade feito na Igreja. Esse processo vai julgar se o casamento feito na Igreja foi mesmo válido ou não como um sacramento. Em si, se houve ou não o matrimônio. Por exemplo, se alguém casou obrigado; se não tinha maturidade ou consciência e tantas outras

situações, podem ser causa de nulidade, mas isso tudo a partir de um processo. A Igreja Católica tem um Tribunal Eclesiástico que analisa e busca se houve ou não o sacramento. Esse processo de nulidade sempre é demorado, pois é preciso ouvir as duas partes interessadas, as testemunhas, para que não se cometa uma injustiça frente ao sacramento. Esse processo começa sempre com o pároco da comunidade onde a pessoa reside. É importante sabermos que a Igreja não declara nulo um casamento por qualquer motivo, precisa-se ter um motivo muito sério para isso. Essa é a razão dos cursos de noivos. È preciso avaliar toda a situação e não casar simplesmente por casar. Noivos precisam saber o que estão fazendo. Casamento é coisa séria e não se pode querer casar-se simplesmente por um gesto social. É preciso casar-se para construir o amor e uma família. Pe. Gelson Luiz Mikuszka, C.Ss.R Missionário Redentorista

A BÍBLIA NOS ENSINA O que aconteceu com a Arca da Aliança?

O

tema da Arca da Aliança é um dos temas mais bonitos do Antigo Testamento. Pela Arca, o Deus da Aliança mostra que está presente no meio do seu povo. O que era a Arca? Era um pequeno cofre dentro do qual estavam guardadas as tábuas da Lei que Moisés recebeu de Deus no Sinai (Dt 10, 1-5). No livro do Êxodo (25, 30-22), lemos como tal Arca era construída. Ali diz que era coberta com uma placa de ouro chamada ‘propiciatório’, e encimada por dois querubins. Desse modo, a Arca era considerada o “trono de Deus” ou o “escabelo de Javé” (Sl 132, 7; 1 Cr 28, 2). Protegida sob a Tenda, a Arca era uma espé-

cie de santuário móvel que acompanhava Israel em todas as suas andanças, desde o Sinai até a construção do templo, onde ela acabou sendo fixada. Desse modo, a Arca era como um andor, desses que nós carregamos nas procissões. Ela lembrava a aliança que Deus fez com seu povo. Uma aliança eterna e verdadeira. É interessante observar que o templo foi construído para abrigar a Arca da Aliança. Isso mostra a imensa importância que a Arca tinha. Hoje também, quando temos uma imagem ou uma relíquia de santo, construímos ali um santuário. A Arca deixa de ser mencionada na Bíblia após a construção do templo. O tem-

plo passa a ser concebido em primeiro plano, e a Arca parece perder sua importância. A sua importância religiosa desaparece na medida em que se acentua o culto no templo. Fisicamente, a Arca desaparece junto com a destruição do templo. E desaparece para sempre. Lamentavelmente, arqueólogos não encontram vestígios da Arca, parece que se perdeu para sempre. Para nós, o importante é fazer do nosso coração uma Arca de Deus. No coração podemos fazer a aliança com Deus e no coração guardar os mandamentos da lei divina. Sendo assim, nosso coração sempre será essa Arca que potencia a presença divina no mundo.

(revista) Perpétuo Socorro | jul.2011 | 05


(novenário)

Chuva de graças no Alto Novenário de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro 2011 atraiu milhares de pessoas, para juntos louvarem a Maria, numa grande manifestação de fé e devoção

A

ve Maria, cheia de graça! O Novenário que teve como tema uma das orações mais simples e mais belas de nossa fé cristã, atraiu milhares de pessoas para rezar no Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro e comemorar o dia de sua padroeira. Em dez dias de celebrações mais de 50 mil pessoas passaram pelo Alto da Glória para rezar, agradecer e fazer seus pedidos “àquela que acreditou”. Foram Missas Solenes, Novenas especiais, Casamento Comunitário, o I Concurso “Canções de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro”, Adorações ao Santíssimo, a grande Procissão Luminosa com chegada no Santuário, que emocionou a todos, seguida da Santa Missa com Dom Rafael Biernaski, bispo auxiliar da arquidiocese de Curitiba, celebradas no domingo, dia 26. E na segunda-feira, dia 27, encerramento com chave de ouro, com Missa Solene e o Auto de Nossa Senhora! O Santuário agradece a todos os que contribuíram para a realização do Novenário. Relembre alguns momentos das celebrações.

06 | (revista) Perpétuo Socorro | jul.2011


(novenário)

da Glória

APOIO

41

3023

3231 identidade design & consultoria i d d e s i g n @ o n d a . c o m . b r

(revista) Perpétuo Socorro | jul.2011 | 07


(especial)

Companheiros do

Sagrado Coração Apostolado da Oração do Santuário comemora 50 anos

C

inquenta anos de caminhada no Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. Cento e sessenta e sete anos de existência no mundo. Que história e que missão está por trás da fita vermelha com uma pequena medalha pendurada no pescoço? Quando encontramos na Missa uma pessoa com ela, logo sabemos que pertence ao Apostolado da Oração. O grupo é um movimento da Igreja que age em silêncio. São apóstolos com a missão de rezar pela Igreja, pelos sacerdotes, pelo papa, pelos fiéis e não fiéis, pelo mundo, tendo como base, refúgio e companhia o Sagrado Coração de Jesus. Pela vida de oração que se propõem a viver, tornam-se amigos íntimos de Jesus, solidários às suas dores e propagadores da devoção ao Sagrado Coração. “Não é uma obrigação, mas uma vontade minha”, conta Etelvina Rocha D'Angelis, 86 anos. Participa há 62 anos do movimento, tendo sido por aproximadamente 10 anos a presidente dele no Santuário. Ela conta que a espiritualidade do Sagrado Coração a fez se doar durante sua vida a outros serviços também como catequese, música e ministério extraordinário da Eucaristia. “Faz-me viver melhor. Tenho sempre onde me apoiar e nunca estou sozinha”, conta. O grupo, que no Santuário tem 26 membros, se encontra toda primeira sextafeira de cada mês, às 15 horas, para um momento de oração chamado Hora Santa, seguido da Santa Missa. Neste dia, os participantes fazem também seu gesto concreto, trazendo donativos e encaminhandoos a instituições caritativas. Mas sua ação

mais efetiva é no dia-a-dia, com práticas de oração diárias, devoção ao Sagrado Coração, Espírito Santo, Nossa Senhora, participação da Missa. “Oferecemos nossa própria vida, alegrias e tristezas”, explica a atual presidente do movimento no Santuário, Denisy Marchesini Altheia. O Apostolado foi iniciado no dia 4 de maio de 1961 por Terezinha Ivete Nickel. Como as Novenas, começou na Capela da Glória, sendo mais antigo que o próprio Santuário, que seria inaugurado em 1969. Suas sucessoras foram Júlia Groszewicz, Albertina Clausi, Etelvina D'Angelis e Denisy Altheia. Desde os 16 anos participando desta espiritualidade, Irene Bastos, hoje com 75 anos, se emociona ao contar que possui ainda um oferecimento - folheto com oração - que pertenceu à sua mãe, com data anterior a 1935, ano de seu nascimento. “Sei que pela devoção ao Sagrado Coração, Deus me preservou de muitas coisas ruins e de vacilar na fé”.

08 | (revista) Perpétuo Socorro | jul.2011

Ana Paula Rodrigues Ferreira Comunicação do Santuário


(especial)

O Apostolado da Oração comemora seus 50 anos de existência no Santuário com uma Missa Solene no sábado, dia 2 de julho, ao meio-dia. Participe e traga sua família!

O surgimento do

Apostolado da Oração

no mundo

F

oi criado pelo Padre Gautrelet em 1844, na cidade de Vals, perto de Le Puy, Sul da França, no dia 3 de dezembro. Gautrelet era diretor espiritual dos seminaristas da Companhia de Jesus, os quais estavam empolgados com as cartas que recebiam de missionários que trabalhavam em terras distantes. Estas narravam conversões em massa dos povos, que deixavam-se batizar e filiavam-se à Igreja. Mediante o entusiasmo provocado pelas cartas, o padre lançou aos seminaristas a sua idéia: "Ofereçam seus estudos, seus trabalhos e sacrifícios, suas lágrimas, seus livros. Ofereçam tudo, em espírito apostólico. Unidos a Cristo, ao Papa, em espírito missionário, sob as bênçãos de Maria Santíssima". A recomendação encontrou terreno fértil no coração aberto e generoso dos jovens estudantes. E assim o Apostolado da Oração nasceu humilde e silencioso para, em pouco tempo, ultrapassar as fronteiras de um colégio Jesuítico e se expandir pelo mundo.

As 12 Promessas

O

Apostolado da Oração orienta sua espiritualidade com base nas 12 Promessas do Sagrado Coração de Jesus, feitas a Santa Margarida Maria Alacoque:

1ª: “Eu darei aos devotos de Meu Coração todas as graças necessárias a seu estado”. 2ª: “Estabelecerei e conservarei a paz em suas famílias”. 3ª: “Eu os consolarei em todas as suas aflições”. 4ª: “Serei refúgio seguro na vida e principalmente na hora da morte”. 5ª: “Lançarei bênçãos abundantes sobre os seus trabalhos e empreendimentos”. 6ª: “Os pecadores encontrarão em Meu Coração fonte inesgotável de Misericórdia”. 7ª: “As almas tíbias tornar-se-ão fervorosas pela prática dessa devoção”. 8ª: “As almas fervorosas subirão em pouco tempo a uma alta perfeição”. 9ª: “A minha bênção permanecerá sobre as casas em que se achar exposta e venerada a

Serviço: O Apostolado da Oração é um movimento aberto a qualquer pessoa e todos estão convidados a fazer parte deste grupo. Reuniões toda primeira sexta-feira do mês às 15 horas, no Santuário. Informações: 41 3253-2031.

imagem de Meu Sagrado Coração”. 10ª: “Darei aos sacerdotes que praticarem especialmente essa devoção o poder de tocar os corações mais endurecidos”. 11ª: “As pessoas que propagarem esta devoção terão o seu nome inscrito para sempre no Meu Coração”. 12ª: “A todos os que comunguem nas primeiras sextas-feiras de nove meses consecutivos, darei a graça da perseverança final e da salvação eterna”. Com base nessas Promessas, o Apostolado busca incentivar e divulgar a devoção ao Sagrado Coração de Jesus, através da exposição de Sua imagem sempre na primeira sexta-feira de cada mês, que é quando as comunhões pedidas por Jesus na 12ª Promessa são oferecidas. Além disso, o grupo busca mostrar a todos a importância da entronização da imagem do Sagrado Coração nas casas e da consagração das famílias a esse Coração.

(revista) Perpétuo Socorro | jul.2011 | 09


(especial)

A espiritualidade do

Sagrado Coração de J Um tesouro espiritual

A

espiritualidade do Sagrado Coração de Jesus nasceu no alto da cruz, do seu coração aberto pela lança. Diz o evangelho de São João: “Mas um dos soldados traspassou-lhe o lado com a lança e imediatamente saiu sangue e água” (Jo 19, 34). A afirmação bíblica nos permite contemplar a profundidade e riqueza contida nesta espiritualidade. Santo Afonso Maria de Ligório afirmava que “a devoção ao Sagrado Coração de Jesus é um remédio contra o jansenismo”, ou seja, ela combate a doutrina condenada pela Igreja que defendia a salvação de poucos cristãos e a condenação da maioria dos filhos de Deus. Na verdade, a espiritualidade do Sagrado Coração de Jesus é um tesouro espiritual. Essa espiritualidade possui algumas características importantes: é cristológica, afirma a centralidade da pessoa de Jesus, e está voltada para a salvação, presente na simbologia da cruz como mistério de amor e redenção. Outro elemento significativo é o foco no amor de Deus. “Deus amou tanto o mundo que lhe entregou seu filho único” (Jo 3,16). Trata-se de uma imagem otimista e positiva de Deus. Assim Jesus se mostra apaixonado e amante de toda a humanidade, como nos diz o evangelho: “Jesus Cristo é uma luz que ilumina toda a humanidade” (Jo 1,9). Ou ainda, “Quando eu for elevado da terra atrairei todos a mim” (Jo 12, 32). Desse modo, devemos corresponder a esse tamanho amor Deus, simbolizado no seu coração ferido, oferecendo a Jesus também o nosso amor e trabalhando pelo seu reino entre nós. Nascida no calvário, a espiritualidade do coração de Jesus também é a imagem da Igreja nascente. “Perto da cruz de Jesus, permaneciam de pé sua mãe, a irmã de sua mãe, Maria de Cléofas, e Maria Madalena. Perto dela estava o discípulo amado”. (Jo 19, 25-26). Assim, temos uma forte dimensão eclesial e comunitária nessa espiritualidade. Há também a marca da vida sacramental, especialmente a Eucaristia e a Reconciliação.

10 | (revista) Perpétuo Socorro | jul.2011


(especial)

Jesus Do coração aberto de Jesus jorraram sangue e água. Esses dois elementos são amplamente utilizados pela sagrada escritura para se referir ao sacrifício e ao Espírito. Já a água é o símbolo do Espírito Santo, da sua fecundidade espiritual. Existe uma interpretação que compreende a água como representação do Batismo e o sangue como demonstração da Eucaristia. Mais uma demonstração do vínculo da espiritualidade do coração de Jesus com os sacramentos da Igreja, especialmente com a iniciação cristã.

HISTÓRIA Na Igreja, a divulgação dessa espiritualidade se deve, em grande parte, aos méritos de Santa Margarida Maria Alacoque (1647-1690). De origem francesa, Santa Margarida teve profundas experiências místicas na adoração da Eucaristia, e teria sido escolhida pelo próprio Jesus, durante um momento de oração, como a mensageira do Sagrado Coração. A devoção se consolidou na França e lá surgiu o Santuário do Sagrado Coração de Jesus, em Paray-le-Monial. Em sua experiência mística, Jesus teria feito onze promessas a Santa Margarida Maria, entre elas a que: “terá o nome escrito no meu Sagrado Coração todo aquele que propagar esta devoção”. A Companhia de Jesus foi responsável pelo surgimento do Apostolado da Oração, associação de fiéis reunidos em torno da espiritualidade do Sagrado Coração de Jesus. O Apostolado da Oração teve o seu início em uma casa de estudos dos jesuítas, nas proximidades de Paris, no século XIX. Essa associação tem como objetivo fomentar o apostolado leigo, mediante a oração (especialmente adoração da Eucaristia) em favor das intenções da Igreja e dos missionários. Todos os meses o Apostolado da Oração reza por sua intenção missionária. Em muitas comunidades cristãs os associados do Apostolado da Oração são pessoas disponíveis e servidoras, colaborando no serviço da evangelização, inclusive nos trabalhos mais humildes. Na vivência da espiritualidade do Sagrado Coração, somos convidados olhar a totalidade da vida de Jesus. Precisamos perceber o Jesus dos evangelhos, seus gestos, suas práticas e seus ensinamentos. Mais do que isso, somos chamados, por força do nosso Batismo, a continuar o exemplo de Jesus nos dias de hoje.

Pe. Rodrigo Augusto, C.Ss.R Missionário Redentorista

(revista) Perpétuo Socorro | jul.2011 | 11


Devoto Campanha do

»

Seja um evangelizador junto conosco! Torne-se um Devoto Perpétuo!

Ligue: 41 3363 7427

devotoperpetuo@gmail.com

Perpétuo

Somos uma família

C

aro amigo devoto perpétuo, por que dizer que somos uma família? A família precisa estar sempre em sintonia, orar juntos, ter objetivos e buscá-los juntos. Pessoas da mesma família são companheiros que percorrem juntos a caminhada terrena, rumo à vida eterna, ao céu com Cristo. Estarão sempre fortemente ligadas. Queremos ter esta relação de amor com você, caro devoto, construindo juntos um pouco do céu aqui na terra. Levando o Cristo para os que ainda não o conhecem. Assim como Jesus não precisava, mas quis nascer numa família, também Deus não precisa, mas quer contar conosco para divulgar seu reino de amor. Isso porque Ele quer nos dar a oportunidade de se sentir parte da construção do bem, do amor neste mundo. Ele quer nos dar a chance de sentir o quanto é bom amar, sair de si e dar um pouco do que é nosso para fazer o bem ao próximo. A Campanha do Devoto Perpétuo investe na evangelização em paróquias, santuários, formação de sacerdotes e irmãos, na ação missionária, na comunicação, na ação social. Agradecemos hoje a Deus pela sua vida e por abrir seu coração ao que é de Deus. Muito obrigado e Deus abençoe! Missionários Redentoristas Núcleo da Campanha do Devoto Perpétuo

(carta de agradecimento)

Nunca desanimar! "Quando decidi montar meu próprio negócio, a princípio tudo ia bem. Depois começou a piorar e, além de tudo, começamos a sofrer uma série de assaltos. Eu me considerava católico, mas não frequentava a igreja. Até que conheci uma pessoa maravilhosa, que hoje é minha esposa. Naquele momento difícil, ela esteve sempre ao meu lado. Numa quarta-feira, trouxe-me ao Santuário e então conheci Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. Senti muita paz neste lugar, coloquei minha vida nas mãos de Jesus e Maria. Depois de um mês, fui despejado e perdi todo o investimento. Naquela situação dolorosa, minha esposa me animou, disse que Jesus certamente estava me livrando de algum mal. Eu precisava trabalhar, arranjei emprego de vendedor de automóveis. Para minha surpresa, gostei do trabalho e continuo na empresa. Nossa maior alegria foi em 2009 a notícia da gravidez de minha mulher. Infelizmente perdemos o bebê, mas ela voltou a dizer que na vida tudo acontece por alguma razão. Não houve revolta, nossa fé só aumentou. Então veio a alegria de uma nova gravidez. Com cinco meses de gestação, tudo está bem, e temos certeza de que nosso pequeno Pedro já é um devoto da Mãe do Perpétuo Socorro.” Uma família eternamente agradecida 12 | (revista) Perpétuo Socorro | jul.2011

PROMOÇÃO

VOCÊ É QUEM FAZ Atenção caro leitor! A Promoção “Você é quem faz” mudou! Continue contribuindo com a Revista Perpétuo Socorro enviando sugestões de temas ou perguntas de seu interesse! E ganhe um lindo Ícone de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro do Santuário de Curitiba! Responda a pergunta:

Qual tema você gostaria de ver na Revista Perpétuo Socorro? enviando para: perpetuosocorroimprensa@uol.com.br Inclua também o endereço completo e telefone, para que você possa receber este lindo Ícone de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. ARIDEZ “Olá! Ganhei a Revista da minha irmã, que mora em Curitiba. Amei tudo o que tem nela. Sou catequista e com certeza irá me ajudar em muitos momentos. Gostaria de ver um artigo sobre ARIDEZ, pois um dia, conversando com o padre, ele me disse que eu poderia estar com aridez. Isso me incomoda. Não deixo das minhas orações e participação na comunidade, mas muitas vezes me sinto vazia. Tendo informação me ajudaria, pois quero ser cheia do Espírito Santo, para poder levá-lo a outras pessoas. Conto com apoio de vocês. Agradeço!” Nilza Camargo Andretta, São Bento do Sul/Santa Catarina


(família)

O papel dos avós na vida das famílias O

Honre seu pai e sua e sua mãe: desse modo, você prolongará sua vida, na terra que Javé seu Deus dá a você (Ex.20,12).

dia 26 de julho é Dia dos Avós. Os avós são alicerce e apoio para os netos. Não servem apenas para mimar e passar a mão na cabeça de seus netos, mas tem uma participação fundamental na vida da família. Inúmeras vezes são eles que seguram a barra dos filhos no início do matrimônio, quando saem da fase do “casulo”, e vão viver uma nova vida. Os avós são a raiz, é deles que vêem a vida que gera vida! Avô e avó devem ser tratados com muito carinho, reconhecendo que eles são pai duas vezes. E é através deste elo de pai e filho que devemos procurar viver uma vida de temor a Deus, sendo imitadores de Santa Ana e São Joaquim, pais de Maria, que nunca deixaram de pedir a Deus a graça de ter um filho. Observa-se que Santa Ana, deu à luz uma menina, que hoje para nós é a mãe da humanidade. Foi ela que também nos deu seu filho Jesus. Em Hebraico Joaquim significa preparo, fortaleza e Ana, graça. Sendo presenteados de geração em geração, vamos pedir a Deus que nos dê a força de São Joaquim e a graça de Santa Ana para amar cada vez mais os avós e cuidá-los, a cada dia, como se fosse o último, contribuindo para que eles sejam felizes em sua “melhor idade”. Que Maria, a filha de São Joaquim e Santa Ana, faça-nos compreender o verdadeiro amor que devemos a nossos avós! E que interceda por todos os avós, para que recebam sabedoria e graça da parte de Deus no desempenho de seu papel na família. Ana Rocha Serviço de Animação Vocacional (SAV)

(santo do mês)

Beata Paulina

do Coração Agonizante de Jesus, Virgem Dia 9 de julho S

eu nome civil era Amábile Lúcia Visintainer. Nasceu no norte da Itália, em 1865, e com dez anos acompanhou seus pais, que emigraram para o Brasil e se instalaram no Estado de Santa Catarina. Fundou, com finalidades educativas e assistenciais, a Congregação das Irmãzinhas da Imaculada Conceição, da qual foi eleita superiora geral vitalícia. Anos depois, em São Paulo, para onde se havia transferido a casa-mãe da congregação, foi injusta e precipitadamente punida pelo arcebispo de São Paulo, que a

demitiu das funções de superiora e a proibiu de, no futuro, exercer qualquer cargo de mando na Congregação. Aceitou com virtude heróica essa punição abusiva e irregular do ponto de vista do Direito Canônico, e passou mais de trinta anos como simples religiosa, modelo de obediência e humildade, sem nunca exercer qualquer função diretiva na obra da qual era fundadora. Faleceu pronunciando o que sempre foi o lema de sua vida: "Faça-se a vontade de Deus!". Foi beatificada por João Paulo II, em 1991. (revista) Perpétuo Socorro | jul.2011 | 13


CONHECENDO MELHOR A NOSSA MÃE... Maria, Mãe de Deus

H

ouve alguns erros sobre Maria na Igreja antiga. O patriarca de Constantinopla, Bispo Nestório, ensinou que Maria era somente a Mãe de Jesus humano, mas não a Mãe de Deus. Para corrigir esse erro foi convocado um grande Concílio na cidade de Éfeso, em 431, onde a heresia de Nestório sobre Maria foi rejeitada. O Concílo declarou claramente que Maria foi e continua sendo a Mãe não só da humanidade de Jesus, mas é a Mãe de Deus. Segundo São Tomás de Aquino “A Santíssima Virgem, por ser Mãe de Deus, possui uma dignidade, de certo modo infinita, derivada do bem infinito que é Deus”. Para nós cristãos esse título de Maria é um resumo de todos os títulos de Nossa Senhora. Mãe de Deus fala tudo porque demonstra sua grandeza diante de Deus e da Igreja. Maria é por isso a preferida de Deus a amada de Deus a co-redentora junto com seu filho homem e Deus. Significa seu lugar de honra diante do trono de Deus. Deus teve um amor especial para essa mulher, preservando-a de todo pecado na Imaculada Conceição. Deus convidou Maria a participar com Ele na salvação da humanidade, aceitando o convite de ser a Mãe de Jesus humano e divino. Como Deus ama profundamente esse mulher e mãe! E é por isso que temos o direto e privilégio de ficar perto de Maria, porque na cruz Jesus declarou que Maria é não somente sua Mãe, mas também nossa Mãe: “Eis aí sua Mãe”. Que sempre tenhamos a alegria de ir à Maria em qualquer momento difícil, sabendo que podemos chamá-la de “Mãe” e, com fé, saber que ela pode e quer interceder por nós como a Mãe de Deus. Pe. Lourenço Kearns, C.Ss.R Missionário Redentorista

Dica de

saúde

Alimentação de crianças

menores de 12 anos

A

alimentação e a nutrição adequadas são requisitos essenciais para o crescimento e desenvolvimento das crianças. Conheça algumas dicas que podem incentivar bons hábitos alimentares aos pequeninos. 1ª. Dar somente leite materno até os seis meses sem oferecer água, chás ou quaisquer outros alimentos; 2ª. A partir dos seis meses oferecer de forma lenta e gradual outros alimentos, mantendo o leite materno até os dois anos de idade ou mais; 3ª. A alimentação complementar deve ser oferecida sem rigidez de horários, respeitando-se sempre a vontade da criança; 4ª. A alimentação complementar deve ser de consistência pastosa (papas e purês) e oferecida de colher; 5ª. Oferecer à criança diferentes alimentos ao dia. Uma alimentação variada é uma alimentação colorida; 6ª. Estimular o consumo diário de frutas, verduras e legumes nas refeições; 7ª. Evitar açúcar, café, enlatados, frituras, refrigerantes, balas, salgadinhos e outras guloseimas nos primeiros anos de vida. Usar sal com moderação; 8ª. Cuidar da higiene no preparo e manuseio dos alimentos; garantir o seu armazenamento e conservação adequados. Sheila Brotto Nutricionista - CRN 8ª Região: 3514

14 | (revista) Perpétuo Socorro | jul.2011


(psicologia)

Férias, um antídoto para o estresse C

aros leitores, estamos entrando no mês de Julho, caracterizado como o mês das férias, por isso pensamos ser oportuno voltarmos a falar em estresse! Todos já ouvimos falar dessa “epidemia global” como bem definiu a OMC (Organização Mundial de Saúde) e que atinge nove em cada dez habitantes do planeta. Nem é preciso perguntar se você, caro leitor, já se sentiu estressado! Às vezes os outros nos dizem: “você precisa tirar férias, está muito estressado”. E é verdade! Pessoas estressadas precisam descansar e relaxar mesmo, precisam tirar férias. Os sintomas do estresse estão ligados a crises nervosas, situações limite que envolvem desafios inesperados e grandes pressões. Essas situações podem ocorrer com qualquer pessoa. Quem é que não tem todos os dias que enfrentar uma série de situações de toda ordem. Todos nós estamos sujeitos ao estresse, pois acomete homens e mulheres, corajosos e medrosos, fortes e fracos. “Estresse”, o que é? Para a medicina, o estresse é qualquer condição ou situação que mantenha o corpo sob tensão. Pode originar-se de dor física ou ferimentos, além dos fatores psicológicos como medo, irritação e frustração e até mesmo uma euforia desmedida. O que acontece é que o organismo inunda o corpo com adrenalina e outros hormônios que aumentam a pressão sanguínea, aceleram o batimento cardíaco, contraem os músculos e deixam outros sistemas em

estado de alerta. O metabolismo acelera para providenciar energia extra. Essa energia é usada para suportar o estresse, numa tentativa de voltar ao equilíbrio. Isso tudo tem um custo biológico muito grande. A palavra “Estresse” vem do inglês “Stress”. Termo usado inicialmente na física para traduzir o grau de deformidade sofrido por um material quando submetido a um esforço ou tensão. Hans Selye (médico) transpôs este termo para a medicina e biologia, significando esforço de adaptação do organismo para enfrentar situações que considere ameaçadoras à sua vida e a seu equilíbrio interno. Portanto “estresse” é o conjunto de reações orgânicas e psíquicas de adaptação que o organismo emite quando é exposto a qualquer estímulo que o excite, irrite, amedronte ou o faça muito feliz. O curioso é que o “Estresse”, em princípio, não é uma doença, mas a preparação do organismo para lidar com as situações que se apresentam, é uma resposta do mesmo a um determinado estímulo. Mas atenção! É o prolongamento e a intensidade de uma situação específica que, de acordo com as características do indivíduo, vai gerar doenças. Esteja sempre atento aos sinais que o corpo dá sobre as tensões que você vem sofrendo. Se é constante, o dispêndio de energia será enorme, desestabilizando-nos cada vez mais. Faça estas perguntas a você: quantas coisas eu fazia em janeiro com o tempo disponível que tinha? Quantas coisas a mais estou fazendo hoje, com o mesmo tempo

que tinha em janeiro? Quanto de esforço o seu organismo precisou fazer para se adaptar a esse aumento de tensão? Se você não estiver atento, pode ocorrer que quando você perceber que deva parar já esteja quase sem energia e forças para reagir. Não é verdade que existem momentos quando temos vontade de “jogar tudo para o alto”? Esse sentimento é um sinalizador importante para que você faça alguma coisa para aliviar a sua tensão. Não perca tempo, cuide-se já! Viva a sua vida com mais qualidade. Tire férias! Pe. Vicente de Melo Psicólogo, CRP 08/07841. Mestre em Filosofia, Especialista em Psicologia Clínica e Aconselhamento. vicenteiates1@uol.com.br

Nossa Senhora do Perpétuo Socorro | Missionários Redentoristas Novenas do Perpétuo Socorro Quer o nome de sua empresa conhecido como apoiador e parceiro desta obra? Revista Perpétuo Socorro

Anuncie na Revista Perpétuo Socorro Notícia que alimenta a alma!

Ligue (41) 3253 2031 perpetuosocorroimprensa@uol.com.br (revista) Perpétuo Socorro | jul.2011 | 15


(centro redentorista de ação social)

Obra social do santuário

ganha novas salas

(

Centro Redentorista de Ação Social Rua Amâncio Moro, 135 . Telefone: (41) 3352-6216 e-mail: crasnsps.ctba@gmail.com . blog: www.crasnsps.blogspot.com Centro Comunitário Santo Afonso Ruas Ubaldino do Amaral, 204 . Telefone: (41) 3363-7427 http://missoesredentoristascuritiba.blogspot.com twitter.com/crasnsps/ www.facebook.com - procure por CRAS Centro Redentorista.

(

A

reforma do Centro Redentorista de Ação Social está a todo vapor. Estão sendo construídas três novas salas para terapias, dois novos banheiros, entre outras adaptações. Todo o piso externo também está sendo trocado. Tudo isso para prestar um atendimento cada vez melhor e mais amplo a todos as pessoas que necessitam de nossa ajuda. Graças à sua generosidade, caro Devoto Perpétuo, caro dizimista, esta reforma está sendo feita. Se você deseja nos ajudar nesta reforma com algum recurso ou material de construção, procure-nos! E como essa obra de amor não pode parar, convidamos hoje você a fazer seu serviço voluntário aqui no Centro Redentorista. E se você sente em seu coração o chamado de Deus a fazer um algo a mais pelos irmãos necessitados, doando um pouco de seu tempo, de sua formação profissional, habilidades, enfim, seus dons e seu amor, procure o Centro Redentorista. Nós precisamos de você para que esse trabalho de fraternidade e amor continue acontecendo e beneficiando milhares de pessoas e famílias. Muito obrigado pela sua generosidade! Deus abençoe! Missionários Redentoristas

RECESSO Os projetos Crianças da Padroeira e Reforço Escolar, e o Curso de Inglês estarão de recesso neste mês de julho, voltando em agosto.

NUTRICIONISTA Segunda-feira pela manhã. Agendar horário pessoalmente ou pelo telefone: 41 3352-6216.

ORIENTAÇÃO JURÍDICA Atendimento em andamento, horários diversos, com agendamento prévio.

REDAÇÃO Para secretárias, vestibulandos e auxílio em concursos públicos. Turmas em andamento. BLOG VISITE O BLOG DO CRAS: www.crasnsps.blogspot.com e confira os artigos postados por nossos voluntários

ALCOÓLICOS ANÔNIMOS Terapia em andamento, às quartas-feiras a partir das 19h45.

16 | (revista) Perpétuo Socorro | jul.2011

ALFABETIZAÇÃO DE ADULTOS Turmas em andamento às segundas, quartas e sextas, ou terças e quintas, a partir das 14h30.

FONOAUDIOLOGIA Atendimentos em andamento. Toda quinta-feira no período da tarde. Agendar horário pessoalmente ou pelo telefone: 41 3352-6216.

ATENDIMENTO PSICOLÓGICO INDIVIDUAL Em horários diversos. Ligar para marcar uma triagem.

TERAPIAS E SERVIÇOS Psicólogos, advogados, fonoaudiólogos, nutricionistas, grupos para casais. É necessário agendar a triagem pessoalmente ou por telefone.


Pergunte ao padre Padre, por que a Igreja Católica é contra o casamento entre pessoas do mesmo sexo? Acho que é melhor responder sua pergunta dando a resposta que vem dos Bispos do Brasil, que fizeram um pronunciamento sobre essa pergunta. Vamos ver o que disseram. Os bispos brasileiros reafirmam que, conforme a doutrina da Igreja Católica, o casamento entre homem e mulher deve ser a base da família, instituição que precisa ser reconhecida e valorizada. O pronunciamento da CNBB afirma que as pessoas que manifestam preferência pelo mesmo sexo não podem ser discriminadas, mas insiste que a união entre homossexuais não equivale à família. Os Bispos disseram: “O matrimônio natural entre o homem e a mulher bem como a família monogâmica constituem um princípio fundamental do Direito Natural. Equiparar as uniões entre pessoas do mesmo sexo à família descaracteriza a sua identidade e ameaça a estabilidade da mesma. A diferença sexual é originária e não mero produto de uma opção cultural. O matrimônio natural entre o homem e a mulher bem como a família monogâmica constituem um princípio fundamental do Direito Natural. As Sagradas Escrituras, por sua vez, revelam que Deus criou o homem e a mulher à sua imagem e semelhança e os destinou a ser uma só carne (cf. Gn 1,27; 2,24). Assim, a família é o âmbito adequado para a plena realização humana, o desenvolvimento das diversas gerações e constitui o maior bem das pessoas. É um fato real que a família é um recurso humano e social incomparável, além de ser também uma grande benfeitora da humanidade. A instituição familiar corresponde ao desígnio de Deus e é tão fundamental para a pessoa que o Senhor elevou o Matrimônio à dignidade de Sacramento. Assim, motivados pelo Documento de Aparecida, propomo-nos a renovar o nosso empenho por uma Pastoral Familiar intensa e vigorosa.” O documento também frisa que: “As pessoas que sentem atração sexual exclusiva ou predominante pelo mesmo sexo são merecedoras de respeito e consideração. Repudiamos todo tipo de discriminação e violência que fere sua dignidade de pessoa humana”. (cf. Catecismo da Igreja Católica, nn. 2357-2358). Finalmente gostaria frisar que o pronunciamento dos Bispos não é tanto contra algo, o casamento dos homossexuais, mas sua preocupação em defender o sacramento do Matrimônio. Pe. Lourenço Kearns, C.Ss.R, Missionário Redentorista

@ Participe! Mande sua pergunta: perpetuosocorroimprensa@uol.com.br

o g o l ó c i ps

o g o l ó c i s p o m o c Papo Sempre fui uma pessoa muito ativa, agora estou aposentada, filhos casados e com quase nada para fazer. Tenho medo de me sentir velha e depressiva e estar passando esta imagem aos que convivem comigo! Eunice Vargas, Cabral

Minha querida, vamos pensar por outro ângulo! Você trabalhou muito, educou e casou seus filhos e agora está aposentada! Parabéns, você venceu uma grande etapa! É hora de comemorar, não de se acomodar ou entristecer! Missão cumprida, nova era se inciando! Talvez agora encontre algum momento para pensar em você e realizar aqueles pequenos “mimos” que antes não tinha tempo nem coragem: passar uma tarde no cabeleireiro, no shopping, na casa de uma amiga, ir buscar um neto na escola ou simplesmente andar num parque sem horário e sem culpas! A idade e a maturidade nos trazem grandes benefícios, não perdas apenas! Se você ainda tem um companheiro, tente reciclar seu

relacionamento, matriculando-se numa academia, aprendendo a dançar ou a cozinhar, viajando ou quem sabe até indo mais à Igreja. Procure conhecer e se entrosar em movimentos de casais que as comunidades oferecem ou até venha participar conosco de um trabalho voluntário, como o nosso, que além de preencher seu tempo trará um novo e importante objetivo na sua nova etapa de vida.

Leitor se você tem alguma questão ou dúvida em relação à área da psicologia, escreva-nos através do e-mail: psicosouza@hotmail.com

Marineide Coelho Martins de Souza Psicóloga Clínica, voluntária no Centro Redentorista de Ação Social

(revista) Perpétuo Socorro | jul.2011 | 17


(

( folhinha )

, s u e D m Co dá certo!

í

z

i

m

o

)

O dever de ofertar

o primeiro livro de Reis, no capítulo 17, versículos 1 a 16, temos uma história interessante do profeta Elias, que sofria com uma grande seca, falta de chuva. Diz que essa seca era porque o povo não seguia os ensinamentos de Deus. Deus pede ao profeta Elias que ele diga ao povo para se converter. Mas antes, pede que Elias se esconda por um tempo e Deus enviaria corvos que iriam alimentar Elias. Se não fosse o aviso de Deus, Elias teria se assustado ao ver os corvos, pois corvos são aves sombrias. Elias não espantou os corvos porque Deus pediu. Tudo dá certo para nós quando fazemos a vontade de Deus em nossa vida. Temos que lembrar sempre disso. Peça para sua mamãe ou papai ler o trecho da Bíblia que assinalamos acima. Você irá conhecer mais a história do profeta de Elias e os corvos!

Uma pequena devota

http://apascentarospequeninos.blogspot.com/2011/05/elias-o-profeta-2.html

N

tudo

d

S

ão João Crisóstomo, quando questionado sobre sua insistência em pregar sobre o dever de ofertar, respondia: “Insisto, porque não fostes curados do vício do egoísmo, da avareza e do desejo de guardar para si em demasia. Imagine o que aconteceria se um médico suspendesse os remédios durante o tratamento. Continuo a falar, para que possas ser curado da dureza do coração que não te permite ajudar o suficiente aos necessitados. Não poderás combater os inimigos de tua alma, se estás com espírito machucado pelas feridas do egoísmo e da avareza. Por isso eu te recomendo que o pensamento do dever de dar ofertas aos necessitados te acompanhe quando caminhas pelas ruas e praças, e sirva como tema para as tuas conversas durante o dia e também á noite em teus sonhos …. será um proceder salvador.” São João Crisóstomo ensina: “para os judeus o dízimo era uma norma, para os cristãos uma fonte de alegria e agradecimento pela grande oferta recebida em Jesus Cristo.” Dizia Santa Teresa de Ávila: “Teresa sem a graça de Deus é uma pobre mulher, com a graça de Deus, uma força; com a graça de Deus é muito dinheiro, uma potência”. Cada católico fiel nos dízimos e nas ofertas constrói essa potência na paróquia e na Igreja no mundo inteiro em prol da salvação das almas e das obras de caridade. (Pe. José Inácio do Vale catolicosnarede.wordpress.com)

“Tenho 12 anos. Sou uma pequena devota de Nossa Senhora do Perpétuo Socorro. Quando nos mudamos de casa, no meio da confusão acabei perdendo minha lembrança da Primeira Eucaristia, que significa muito para mim. Procurei bastante, e então decidi fazer uma novena no Santuário. Pedi à bondosa santa que intercedesse por mim, para encontrar aquela lembrancinha, que eu considerava um documento muito importante. Na terceira semana, minha intenção foi atendida. Muito obrigada, Nossa Senhora, do fundo do meu coração!”

Pastoral do Dízimo

Parabéns a todos os aniversariantes do mês de julho! Muita paz e bênção de Jesus Cristo. Nossa Senhora interceda por todos!

Uma pequena devota eternamente agradecida.

HORÁRIOS DO SANTUÁRIO NOSSA SENHORA DO PERPÉTUO SOCORRO Novenas » Quarta-feira: 6h, 7h, 8h, 9h, 10h, 11h, 12h, 13h, 14h, 15h, 16h, 17h, 18h, 19h, 20h, 21h, 22h. Missas » Domingo: 8h30, 10h30, 12h e19h » Segunda-feira: 12h e 19h30 (Missa das Almas) » Terça-feira: 7h, 12h e 19h30 » Quarta-feira: 7h, 12h e 21h » Quinta-feira: 9h, 12h, 15h e 19h30 » Sexta-feira: 7h, 12h e 19h30 » Sábado: 7h, 12h e 19h30

Missas do Santíssimo » Todas as quintas-feiras às 9h, 15h e 19h30 Missas da Misericórdia » Todas as sextas-feiras às 19h30 Bênção da Saúde » Nas missas das 12h e nas novenas de quarta Confissões » Das 6h às 22h nas quartas-feiras » Nos demais dias, meia hora antes das missas, ou marcar hora na secretaria. Batizados » Todo primeiro e terceiro sábado do mês às 10h

18 | (revista) Perpétuo Socorro | jul.2011

Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro Praça Portugal, s/n - Alto da Glória 80030-170 - Cx Postal 20013 Curitiba/PR Fone/Fax: 41 3253 2031 perpetuosocorroimprensa@uol.com.br www.perpetuosocorro.org.br Expediente da Secretaria: Segunda, terça, quinta e sexta das 8h às 18h Quarta-feira das 7h30 às 21h Sábado das 8h às 12h

CCSA - Centro Comunitário Santo Afonso Rua Ubaldino do Amaral, 204 - Alto da Glória - 80060-190 - Curitiba/PR Fone: 41 3363 7427 Expediente: De segunda a quinta das 8 às 12 horas e das 13 às 18 horas Sexta das 8 às 12 horas e das 13 às 17 horas Sábado não há expediente

Centro Redentorista de Ação Social Rua Amâncio Moro, 135 - Alto da Glória - 80.030-220 - Curitiba/PR Fone: 41 3352 6216


Cursos de Pós-Graduação em Aconselhamento e Relação Cursos de Pós-Graduação em de ajuda. Aconselhamento e Relação de ajuda.

Indicado para profissionais liberais, Agentes de Pasto Indicado para profissionais liberais, Agentes de Pastoral e todos aqueles querem se conhecer e todos aqueles queque querem se conhecer ainda mais. ainda mais. IATES:AAserviço serviço dada Vida! IATES: Vida! Informações: www.iatescuritiba.com.br | e.mail: s.iates@uol.com.br | Fone/Fax: 41 3332 7947

(revista) Perpétuo Socorro | jul.2011 | 19


Participe do

Tríduo de Santo Afonso Fundador da Congregação Redentorista

Dias 30, 31 de julho e 1º de agosto no Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro Sábado . dia 30 › Missa às 19h30 Domingo . dia 31 › Missa às 19h00 Segunda . dia 1º › Missa às 19h30 da Festa de Santo Afonso com bênção dos Advogados

Santuário Nossa Senhora do Perpétuo Socorro Praça Portugal, s/n . Alto da Glória . Curitiba/PR . Fone/Fax: 41 . 3253.2031 www.perpetuosocorro.org.br . twitter.com/santuarionsps

Pós-graduação em ÉTICA E EDUCAÇÃO, com ênfase em TEOLOGIA MORAL » Lato sensu, em nível de especialização, reconhecido pelo MEC. » Uma parceria entre os Missionários Rendentoristas e a Facsul.

» Matrículas abertas a partir de julho de 2011. » Estudo voltado a profissionais liberais, educadores, religiosos, empresários e demais interessados em aprofundar a temática da ética no mundo moderno. » Aulas quinzenais aos sábados, no Centro Comunitário Santo Afonso » Duração de 15 meses

Informações: (41) 3252-5015 com Olga. Início do curso em setembro.

Revista Perpetuo Socorro  

Revista Perpetuo Socorro 2011

Read more
Read more
Similar to
Popular now
Just for you