Page 11

9

OM assumir aquele papel, que António Araújo considerou como atingível nos próximos dois anos, poderá vir a existir um maior controlo da qualidade dos médicos portugueses. Depois de um forte agradecimento a todos os intervenientes, desde o público até aos oradores, o Presidente do CRNOM deu por encerrado o encontro. Na despedida, António Araújo deixou a garantia de que pretende voltar a Braga em breve, com mais iniciativas destinadas a abordar assuntos relevantes para a Saúde e para a Medicina.

21 Set :: Vila Real

formandos”. Indo mais longe, afirmou que “precisamos de políticas que permitam uma outra gestão”, tendo em conta que “se gasta cem mil euros na formação de um médico” e “não somos ricos”. Chegada a altura de centrar o debate, António Araújo tomou a palavra para referir que “para a OM importa sobretudo que os nossos médicos sejam formados com qualidade” e que, contrariamente ao desejável, “estamos a esgotar

as capacidades formativas dos serviços” com a entrada de tantos internos. O Presidente do CRNOM aproveitou a natureza desta sessão para revelar, publicamente e em primeira mão, que tem como objetivo lutar para que a Ordem dos Médicos assuma o controlo da Prova Nacional de Seriação. Tal como assinalou Nuno Sousa, um dos principais críticos do atual exame, “o denominador comum tem de ser a qualidade” e, se a

O segundo encontro do Ciclo de Conferências “O Norte da Saúde” teve lugar na sub-região de Vila Real, no dia 21 de setembro. O convidado desta feita foi Fernando Próspero Luís, médico especialista em Cirurgia Geral. O encontro realizou-se na sede da Ordem dos Médicos naquela cidade transmontana e, tal como na sessão realizada em Braga, contou com a presença do Presidente do CRNOM, António Araújo. Neste segundo encontro, António Araújo voltou a salientar a importância da descentralização das atividades do CRNOM e a recordar que “estas iniciativas se inserem em algo que prometemos durante a campanha eleitoral”. Depois de um agradecimento geral ao público presente, e em particular ao orador convidado, o Presidente do CRNOM realçou o prestígio do painel que iria conduzir a discussão da noite, constituído por Margarida Faria, Presidente do Conselho Sub-Regional de Vila Real da OM, e Pedro Sampaio, médico especialista em Medicina Geral e Familiar.

Falta atratividade no interior para cativar os jovens Era chegada a hora de ouvir a palestra do orador convidado, Fernando Próspero Luís, o especialista em Cirurgia Geral que é também o atual Diretor do Serviço de Urgência do Centro Hospitalar de Trás-os-Montes e Alto Douro.

Nortemedico 72  
Nortemedico 72  
Advertisement