Page 16

Dia Mundial da Água: ações de conscientização O Dia Mundial da Água foi criado pela Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas, por meio de uma resolução, em 21 de fevereiro de 1993, no intuito de fomentar ações e iniciativas de conscientização da população sobre a importância da água, recurso essencial para a sobrevivência de todos os seres vivos. Na data, instituições de todo o mundo realizam palestras, ações e dinâmicas que levam conhecimento e provocam debate sobre a temática. Um exemplo disso é a ação realizada no dia 22 de março, Dia Mundial da Água, por professores e acadêmicos dos cursos de Oceanografia e de Engenharia Ambiental e Sanitária, vinculados à Escola do Mar Ciência e Tecnologia da Universidade do Vale do Itajaí (Univali), em Santa Catarina. Eles participaram de uma série

14

MAIO 2019

de atividades na região de conscientização da população para a conservação, o uso consciente, o gerenciamento e o desenvolvimento dos recursos hídricos. A programação, aberta à comunidade, reuniu principalmente alunos das escolas da rede municipal de ensino. Já o projeto Oceanos, do curso de Oceanografia, estará nos meses de março e abril, em parceria com o Instituto Crescer, com uma série de rodas de conversa, dinâmicas e palestras sobre a água. A qualidade da água na região também tem sido objeto de pesquisa entre estudantes e docentes da Univali. Por meio de uma parceria com a Empresa Municipal de Água e Saneamento de Balneário Camboriú (Emasa), um grupo da Univali trabalha na pesquisa para avaliar a qualidade da água do Rio Camboriú frente ao lançamento do efluente da es-

tação de tratamento de esgoto (ETE) da Emasa no afluente desse rio. O projeto teve início em meados de 2018, com previsão de um ano de monitoramento e avaliação da qualidade química, microbiológica, ecológica e oceanográfica do Rio Camboriú. Um projeto similar deve ser formalizado com a Companhia Águas de Itapema (Conasa), para avaliar a qualidade da água do Rio Perequê, seus afluentes e das águas das praias da enseada de Porto Belo (SC). As professoras Camila Burigo Marin e Kátia Naomi Kuroshima conduzem estas iniciativas e nas abordagens de conscientização trabalharão conceitos como o uso consciente da água, o custo para o tratamento da água, reuso e o ciclo da água, a poluição marinha e a qualidade da água, e o uso da água – visível e invisível – na produção de diversos produtos do cotidiano.

Profile for Revista Mercado Rural

Revista Mercado Rural  

Edição 30 - Maio 2019

Revista Mercado Rural  

Edição 30 - Maio 2019

Advertisement