Issuu on Google+

MATCH DAY PROGRAMA OFICIAL Número 4 - Fevereiro de 2010

6/2/2010 - Sábado Campeonato Paulista

Vs

17h - Pacaembu São Paulo - SP


SALVE O CORINTHIANS, O CAMPEÃO DOS CAMPEÕES

EDITORIAL O Corinthians e a MATCH DAY estão cada vez mais em sintonia. Nós tínhamos uma matéria especial com Ronaldo para o clássico contra o Palmeiras. Mas o Fenômeno se machucou, quando a revista já estava na gráfica... Sem problemas! A Comissão Técnica confirmou o fim da febre de Jorge Henrique e então não tivemos dúvida! Toda a redação se mobilizou e o resultado ficou excelente!! Nosso homem da capa foi o herói do Derby!!! A festa teve inclusive presenças ilustres, como a de Walter Feldman. A revista agradou em cheio o secretário municipal de Esportes, Lazer e Recreação, a ponto dele posar para foto e virar destaque em nossa seção Dia do Jogo. Assim como algumas beldades que foram conferir de perto a última vitória do TIMÃO em casa.

EXPEDIENTE A MATCH DAY, Programa Oficial, é uma publicação da G8 Gestão Esportiva e Futebol Tour autorizada pelo Sport Clube CORINTHIANS Paulista. A revista se destina ao público no estádio em 2010.

Conselho Editorial: Diego Ragonha, Fernando Figueiredo Guilherme Figueiredo, Luis Fernando Dias e Paulo Sanches Textos: Alexandre de Aquino MTB 53110 Camila Goytacaz MTB 32222 Pesquisa de fotos: Alex Siriani

Fotografias: Futura Press e Fábio Aramaki

Na quarta edição, um Chicão como você nunca viu. O zagueiro foi há alguns anos bancado financeiramente pela esposa. Mas com muita garra, ele superou os desafios. Tem sentido falta dos gols dele de bola parada? Então aguarde, pois o homem anda calibrando a perna direita! Já Jucilei é o 12º jogador do CORINGÃO. Isso porque o Grandão, como costuma dizer Mano Menezes, faz às vezes de lateral-direito, primeiro e segundo volante. Com um vigor impressionante!

Edição de Arte: Carlos Milaneze e Vitor Fontes

Contato Comercial: Paulo Sanches (011) 7833-8063

psanches@g8gestaoesportiva.com.br Impressão: Gráfica Daleffi

Tiragem: 10.000 exemplares

4 PROGRAMA OFICIAL

Uma coisa tem que ser revista para o confronto com o Sertãozinho: bandeirão gigante, festa bonita e cerca de 20 dias após nosso primeiro jogo no ano a torcida já pega no pé de um ou outro jogador? Temos um time repleto de bons valores, mas isso não siginifica que haverá espetáculo toda partida. Especialmente quando se aprimora forma física e entrosamento. Vamos passar energia positiva, gente!

José Geraldo da Silva

Editor SOFREDOR FANÁTICO

Esclarecimento Informamos que já tomamos providências para melhorar a qualidade das fotos e da impressão em relação à nossa última revista.


eternamente dentro dos nossos corações

Vacas magras Timão ganha apenas um Paulista na década, mas vê Domingos da Guia vestir a sua camisa

O CORINGÃO sofreu na década de 40. É bem verdade que conquistamos um título do Campeonato Paulista, em 1941. Fizemos bonito: 16 vitórias em 20 jogos. Apenas uma derrota, na última rodada, para o Palestra Itália por 2 a 0, quando já estávamos acomodados por ter a taça nas mãos. Nosso ataque barbarizou no torneio com uma média de mais de três gols por jogo, e Teleco, mais uma vez, foi o artilheiro da competição, com 26 gols. Incrível!

O CORINTHIANS ganhou o Quinela de Ouro (espécie de embrião do Rio-São Paulo, que reuniu Palestra, São Paulo, Flamengo e Fluminense), em 1942, e também a Taça Cidade de São Paulo, tradicional triangular de início de temporada entre os três primeiros colocados do ano anterior, que foi parar no Parque São Jorge nada menos que quatro vezes: 1942, 43, 47 e 48.

No entanto, depois disso, nós entramos na fila de Estaduais. É fato que não passamos em branco. Para compensar ganhamos outros torneios. Vimos grandes jogadores vestirem a camisa do nosso ALVINEGRO.

Já no Paulista batemos na trave várias vezes: 1942, 43, 45, 46 e 47. Em 1946, por exemplo, a equipe chegou a ganhar 18 de seus 20 jogos do campeonato, mas perdeu dois jogos para o São Paulo, no turno e no returno, e viu o rival ficar com a taça.

É o caso específico do zagueiro Domingos da Guia, um dos melhores defensores do Brasil de todos os tempos. Ele veio para o TIMÃO já em final de carreira. E o atacante Cláudio, conhecido como “O Gerente”, tal a sua facilidade em liderar os seus companheiros.

Para acabar com a falta de Campeonatos Paulistas, na virada para a década de 50, o CORINGÃO promoveu uma renovação no grupo. Entramos mais uma vez em uma década de glórias. Acompanhe na próxima edição as informações da década de 50.

Histórico do confronto

x-

Números dos jogos

vitórias

2 empates

O CORINTHIANS enfrentou o Sertãozinho por duas vezes. Nas ocasiões, os resultados finais foram de empate, válidos pelo Campeonato Paulista. Sendo um no Pacaembu e o outro no Frederico Dalmazo.

- derrotas

Nossos goleadores

Os nossos gols foram marcados por pratas da casa que não se firmaram por muito tempo no time titular. Confira os detalhes mais abaixo.

Últimos jogos entre Corinthians e Sertãozinho: 30/1/2008 - Campeonato Paulista Sertãozinho 0 x 0 Corinthians 31/3/2007 - Campeonato Paulista Corinthians 2 x 2 Sertãozinho Gols: Wilson e Eduardo Ratinho

6 PROGRAMA OFICIAL

Wilson Despontou nas categorias de base do clube, em um ataque que incluia Jô e Abuda. Teve poucas oportunidades no time profissional. Atualmente, ele está no Sport.

Eduardo Ratinho O lateral-direito deu pinta de ser a solução, tendo marcado inclusive gols de falta. Mas ele deixou a desejar fisicamente e não manteve a regularidade. Também está no Sport


Dia do jogo

Curtição para todas as idades A festa que já era boa, agora fica ainda melhor. Nas áreas nobres do estádio, a nação corintiana se diverte antes e durante o jogo com a MATCH DAY, como no confronto contra o Palmeiras. Mande sua foto no asiriani@g8gestaoesportiva.com.br

Confira o www.twitter.com/matchdaytimao

CANTO POR TI Vou cantar pro Timão ganhar! Vou cantar pro Timão ganhar! Eu te amo, eu te quero bem! Vou cantar pro Timão ganhar! Vou cantar pro Timão ganhar! Eu te amo! Eu te adoro, meu amor! A semana inteira fiquei esperando, pra te ver corinthians pra te ver jogando. Quando a gente ama, não mede esforço, pra ter ver jogar! Te ver jogar, te ver jogar! Não é brincadeira vou vestir meu manto manto do alvinegro tem que ter respeito amor à camisa! Vou com o corinthians, em qualquer lugar! Qualquer lugar, qualquer lugar!

Quando a família corintiana está em festa, a experiência no estádio se torna memorável. O jogador se inflama, o time todo se empolga e a chance de vitória é maior. Faça sua parte: Compre seu ingresso de forma antecipada e/ou pela internet; Leve troco, caso vá adquirir a entrada nas bilheterias do Pacaembu; Respeite a fila e mantenha a ordem; Cante apenas em prol do time ou de seu ídolo. Evite provocações; Esqueça os rojões e sinalizadores. Eles podem provocar acidentes; Sente no lugar marcado previsto no ingresso; Se consumir alimentos, busque uma lixeira para dispensar papeis e plásticos; Quando usar o banheiro, colabore para a higiene do local. 7 PROGRAMA OFICIAL


SALVE O CORINTHIANS, DE TRADIÇÕES E GLÓRIAS MIL

O curinga do TIMÃO Jucilei se adapta em várias funções. ELE JÁ É o 12º jogador do CORINTHIANS

Todo time que disputa títulos importantes precisa de um elenco qualificado. Não bastam apenas 11 titulares bons. É preciso ter peças de reposição à altura no banco de reservas. Pensando nisso para o ano do centenário, O CORINGÃO se antecipou e trouxe Jucilei. O craque do Campeonato Paranaense do ano passado, jogando como segundo volante pelo J. Malucelli, atual Corinthians Paranaense, chegou ao TIMÃO para o Brasileiro. Com passadas largas e muito vigor físico, ele logo achou espaço no TIMÃO. O homem é um verdadeiro curinga. “Posso atuar em outras funções, como por exemplo, na meia ou então até mesmo improvisado na lateral direita”, confirma. O volante tem contrato com o CORINTHIANS até maio de 2012. No clube, ele, aos 21 anos, é tido como um dos jogadores mais promissores do atual elenco. Dessa forma, Jucilei ganha oportunidades. Ele jogou praticamente o Brasileirão inteiro, ora no setor defensivo, ora mais no meio. Ele totaliza dois gols pelo CORINGÃO, um deles diante do São Paulo, no primeiro turno do Brasileiro, quando vencemos por 3 a 1.

8 PROGRAMA OFICIAL

Ainda assim, Jucilei é humilde e sabe que precisa melhorar nas finalizações. “Eu chuto regularmente, mas tenho muito o que aprender nesse quesito”, reconhece. Como pôr o pé na forma? Quem sabe seguindo as instruções de Mano Menzes, que quando busca uma solução no banco costuma dar a ordem: “Manda aquecer o Grandão”. Dedicação não falta a Jucilei. Com um fôlego incrível, o jogador participa com vontade em todos os treinamentos. Atento aos arremates de Ronaldo e a cada orientação dos integrantes da Comissão Técnica. Jucilei pode seguir os passos de Rivaldo, um de seus ídolos, que também passou pelo CORINTHIANS na década de 90. Se continuar treinando e tiver a estrela do pentacampeão mundial, quem sabe o gol do título da Libertadores não saia exatamente de seus pés? Acredite, Grandão! A Fiel está com você!


32

ir達o do cilei no Brasile partidas fez Ju titular e o m co 28 ndo ano passado, se a. como reserv apenas quatro

5

jogos atuou Jucilei nes te ano, quatro pelo Paulista e um no am istoso contra o Huracan (ARG).

9 PROGRAMA OFICIAL


TU ÉS ORGULHO DOS DESPORTISTAS DO BRASIL

MOSQUETINHO

As aulas já começaram e foi muito legal ir para à escola com todo o uniforme do TIMÃO! Desta vez papai caprichou! Ele comprou o estojo, a mochila e outras coisas bem legais, todas do Corinthians. Adorei! Melhor do que tudo isso foi reencontrar meus amiguinhos e contar para eles como foi emocionante o clássico que assistimos domingo passado no Pacaembu: O CORINGÃO bateu por 1 a 0 o Palmeiras. Levamos a melhor na raça, com a torcida toda em festa! Teve até um banderião gigante! Adorei ver o Jorge Henrique fazendo o gol, ele é demais! Fiz até um desenho em homenagem a este verdadeiro mosqueteiro! Hoje o jogo parece que será mais tranquilo. O adversário não tem muita gente conhecida. Dá para a gente aprimorar o esquema tático, ensaiar umas tabelas e outras coisas animais! Tomara que o Timão marque muitos gols! A gente quer mesmo é comemorar, curtir com a galera, né! Então, vai pra cima deles, Corinthians!!!

ANINHA FIEL Caramba, dez anos depois de assistir um clássico no Pacaembu (eu ainda era menininha), eu vi de novo o CORINTHIANS ganhar do Palmeiras em nossa casa. Foi maravilhoso! Numa tarde de domingo de verão, com aquele mix de sol e chuva, um calor danado, bandeirão novo e muita torcida. Nosso TIMÃO mostrou garra e disposição e, com um gol de um verdadeiro guerreiro, segurou o adversário durante os noventa minutos. Foi muito bom assistir a este jogo e ver quantas famílias, cada vez mais, vem prestigiar nosso CORINGÃO. Como vocês sabem, mulher é um pouco escandalosa, e eu confesso: gritei mesmo nesse jogo, soltei a fera que há dentro de mim para comemorar muito a vitória! A natureza feminina é um pouco ansiosa. E agora estou ficando master nervosa para ver nosso TIMÃO nos jogos da Libertadores! Ai, meu Deus, é muita emoção para uma mulher só: ano de centenário, Ronaldo, Jorge Henrique e Felipe em campo... Gente, haja manicure para dar um jeito nas unhas, todas roídas! 10 PROGRAMA OFICIAL


TEU PASSADO É UMA BANDEIRA, TEU PRESENTE UMA LIÇÃO

Tem estrela o XerifE Chicão segura os atacantes e AINDA balança as redes

12 PROGRAMA OFICIAL


Pouca gente queria roer o osso no Brasileiro da Série B. Mas Chicão não só se dispôs como mostrou raça, talento e amor à camisa do CORINTHIANS. O zagueiro tem estrela e é um dos líderes do time diante do Sertãozinho, hoje à tarde, no Pacaembu.

batedores de falta e entraram na briga. Até Ronaldo se aventura. Mas tudo bem. “Nunca fui de fazer muitos gols, até porque minha função é defender. Mas comecei a marcar um gol atrás do outro no Figueirense e aí não parei mais”, completa.

Anderson Sebastião Cardoso, mais conhecido como Chicão, não se trata de um xerifão que dá bico para frente o jogo inteiro. Ele sabe a hora de dar o bote e brecar os atacantes. E como bate bem na bola, ainda se tornou artilheiro.

Duro mesmo é acreditar que Chicão ficou sem clube, em 2004. “As pessoas pensam que vida de jogador de futebol é fácil. Mas eu já vivi do salário da minha mulher. Isso porque fiquei oito meses desempregado”, revela. Ainda bem que o técnico Roberval Davino, treinador com quem havia trabalhado na Portuguesa Santista, o chamou para vestir as cores do América (SP).

Chicão bate pênaltis, faltas e também marca com a bola rolando. Ele soma 27 gols, em 107 jogos (até a quinta rodada deste Paulistão). Uma marca bem expressiva para quem passa o jogo inteiro se preocupando muito mais em desarmar as jogadas adversárias. Tudo bem que este ano a concorrência aumentou. Tcheco e Roberto Carlos figuram como bons

Dali em diante, o boleiro se reencontrou e não parou mais de crescer. Passou por Juventude e Figueirense, antes de estourar no TIMÃO. Atualmente, não há dúvidas no Parque São Jorge: a camisa 3 tem dono, e ela é de Chicão!

Zagueiro Fiel Nos momentos mais difíceis da carreira, o zagueiro Chicão apelou para as forças divinas. Católico, o atleta conta que virou devoto de Nossa Senhora Aparecida, após conseguir um clube para atuar. “Me aproximei demais da religião pois ficou claro que Deus me reabriu as portas do futebol num momento de extrema dificuldade”, diz. Desde então, o zagueiro artilheiro cumpre um ritual todo final de ano, se mostrando fiel a Deus. “Vou para a cidade de Aparecida e deixo lá a camisa do time em que jogo. Também rezo sempre”, completa o jogador. Casado, ele possui hábitos caseiros e sempre que pode gosta de ir para Estiva Gerbi, cidade do interior de São Paulo.

3

títulos o zagueiro-artilh eiro já conquistou com a camisa do TIMÃO : Brasileiro da Série B, Paulistão e Cop a do Brasil.

11

rato meses restam para o término do cont partes de Chicão com o CORINTHIANS. As e. devem tratar da renovação em brev

13 PROGRAMA OFICIAL


FIGURAS ENTRE OS PRIMEIROS DO NOSSO ESPORTE BRETÃO

Felipe

Balbuena

Posição: Goleiro Nome: Luís Felipe V. dos Santos Natural: Rio de Janeiro-RJ Nascimento: 22/2/84 Altura: 1,90m

Posição: Lateral-direito Nome: Edgar Gabriel Balbuena Natural: Capiatá (PAR) Nascimento: 20/11/80 Altura: 1,80m

Julio César

Alessandro

Posição: Goleiro Nome: Julio Cesar de Souza Santos Natural: São Paulo-SP Nascimento: 27/10/84 Altura: 1,84m

Posição: Lateral-direito Nome: Alessandro Mori Nunes Natural: Assis Chateaubriand-PR Nascimento: 10/1/79 Altura: 1,78m

Rafael Santos

Escudero

Posição: Goleiro Nome: Rafael de Carvalho Santos Natural: 14/3/89 Nascimento: Barretos-SP Altura: 1,89m

Posição: Lateral-esquerdo Nome: Sergio Escudero Natural: Punta Alta (ARG) Nascimento: 12/4/83 Altura: 1,93m

Chicão

Roberto Carlos

Posição: Zagueiro Nome: Anderson S. Cardoso Natural: Mogi Guaçu-SP Nascimento: 03/6/81 Altura: 1,82m

Posição: Lateral-esquerdo Nome: Roberto Carlos da Silva Natural: Garça - SP Nascimento: 10/4/73 Altura: 1,68m

William

Marcelo Mattos

Posição: Zagueiro Nome: William M. de Oliveira Natural: 24/8/76 Nascimento: Ipatinga-MG Altura: 1,91m

Posição: Volante Nome: Marcelo de Mattos Terra Natural: Indiaporã-SP Nascimento: 10/2/84 Altura: 1,79m

Paulo André

Jucilei

Posição: Zagueiro Nome: Paulo André Cren Benini Natural: Campinas-SP Nascimento: 20/8/1983 Altura: 1,88m

Posição: Volante Nome: Jucilei da Silva Natural: São Gonçalo-RJ Nascimento: 6/4/88 Altura: 1,85m

Leandro Castan

Posição: Zagueiro Nome: Leandro Castan da Silva Natural: Jaú-SP Nascimento: 5/11/86 Altura: 1,84m

14 PROGRAMA OFICIAL

PLANTEL

Ralf Posição: Volante Nome: Ralf de Souza Teles Natural: São Paulo – SP Nascimento: 9/6/84 Altura: 1,82m

Obs.: COMPÕEM O ELENCO O ZAGUEIRO RENATO, o lateral-esquerdo dodô e O MEIO-DE-CAMPO MOACIR. Dados OFICIAIS DO CLUBE


Legenda titular ou reserva

P

10

nota na partida

Interaja com a MATCH DAY: assinale os titulares dessa partida e atribua notas para cada um deles.

Edu Gaspar

Danilo

Posições: Volante e Meia Nome: Eduardo Cesar D. Gaspar Natural: São Paulo-SP Nascimento: 16/5/78 Altura: 1,89m

Posição: Meia Nome: Danilo Gabriel de Andrade Natural: São Gotardo - MG Nascimento: 11/6/79 Altura: 1,86m

Elias

Ronaldo

Posições: Volante e Meia Nome: Elias Mendes Trindade Natural: São Paulo-SP Nascimento: 16/5/85 Altura: 1,72m

Posição: Atacante Nome: Ronaldo Luís N. de Lima Natural: Rio de Janeiro-RJ Nascimento: 22/9/76 Altura: 1,83m

Morais

Jorge Henrique

Posição: Meia Nome: Manoel Morais Amorim Natural: Maceió-AL Nascimento: 17/7/84 Altura: 1,75m

Posição: Atacante Nome: Jorge Henrique de Souza Natural: Resende-RJ Nascimento: 23/4/82 Altura: 1,69m

Boquita

Dentinho

Posição: Meia Nome: Rafael Aparecido Silva Natural: São Paulo-SP Nascimento: 7/4/90 Altura: 1,79m

Posição: Atacante Nome: Bruno Ferreira Bonfim Natural: São Paulo-SP Nascimento: 19/1/89 Altura: 1,76m

Defederico

Souza

Posições: Meia e Atacante Nome: Matias Adrian Defederico Natural: Buenos Aires (ARG) Nascimento: 23/8/89 Altura: 1,71m

Posição: Atacante Nome: Rodrigo de Souza Cardoso Natural: Rio de Janeiro-RJ Nascimento: 4/3/82 Altura: 1,83m

Edno

Iarley

Posição: Meia Nome: Edno Roberto Cunha Natural: Lages-SC Nascimento: 31/5/83 Altura: 1,81m

Posição: Atacante Nome: Pedro Iarley Lima Dantas Natural: Quixeramobim - CE Nascimento: 28/3/74 Altura: 1,70m

Tcheco

Bill

Posição: Meia Nome: Anderson Simas Luciano Natural: Curitiba - PR Nascimento: 11/4/76 Altura: 1,80m

Posição: Atacante Nome: Rosimar Amancio Natural: São Lourenço - MG Nascimento: 2/7/84 Altura: 1,83m

15 PROGRAMA OFICIAL


CORINTHIANS GRANDE, SEMPRE ALTANEIRO

Só pelas beiradas No sertãozinho, Ricardo Lopes e Rubens cardoso chegam sempre com velocidade

O Sertãozinho, nosso adversário de hoje, sofre para se acertar neste Paulistão. A ponto dos principais reforços chegarem já no andamento da competição. Ainda assim, a equipe roubou um ponto do São Paulo, sinal de que é bom não menosprezá-la.

O zagueiro Anderson Luís também acaba de chegar. Ele defendeu recentemente o Ituano, o Avaí e o Fluminense. Apesar da boa estatura e da forma viril com que marca, nunca segurou a bronca como titular nas Laranjeiras.

O lateral-direito Ricardo Lopes é um dos mais experientes do grupo. Ele chegou a ter uma chance no Flamengo, mas não se firmou, dada a performance razoável tanto no apoio quanto na marcação.

O atacante Thiago Silvy é outro disposto a deixar o rótulo de nômade. Ele já jogou no Brescia (ITA) e também em outros dez clube, isso só aos 23 anos, sinal de que oportunidades não lhe faltaram. Agora é preciso provar de fato o faro de gol. Que não seja contra nós.

O lateral-esquerdo Rubens Cardoso, campeão Mundial Interclubes pelo Internacional (RS) em 2006, foi contratado há uma semana. Ao longo da carreira, ele passou por dez clubes, entre eles o Santos, o Coritiba e o Bahia. 16 PROGRAMA OFICIAL

Embora saiba que o elenco é limitado, Márcio Araújo não costuma jogar a toalha. É um técnico com brio, capaz de mexer com os jogadores, de exigir ao menos empenho e muita determinação.


PLANTEL DO ADVERSÁRIO SERTÃOZINHO FUTEBOL CLUBE

Volantes

Goleiros Luiz Henrique Adílson Gilberto

Magal Adoniran Éverton Jéfferson Marcus Winícius

Meias Cascata Harison Rafael Tavares

Atacantes Mendes Creedence Léo Mineiro Luciano Muller Valdir Washington Thiago Silvy

Técnico Márcio Araújo

Laterais-direitos Ricardo Lopes Rafael Mineiro Elias

Zagueiros Erivélton Fred Pablo Duttyy Anderson Luís Rodrigo

Laterais-esquerdos João Paulo Rubens Cardoso Helder

17 PROGRAMA OFICIAL


ÉS DO BRASIL, O CLUBE MAIS BRASILEIRO

TABELA DE jogos

paulistão 1ª rodada

4ª rodada*

5ª rodada

Oeste x corinthians

corinthians x Mirassol

corinthians x Palmeiras

20/1 - 21h50

24/1- 17h

Monte Azul x corinthians corinthians x Bragantino PLACAR

1

3ª rodada

2ª rodada

17/1 - 17h

PLACAR

1

2

27/1 - 21h50

PLACAR

1

1

31/1 - 17h

PLACAR

2

1

PLACAR

1

1

0

Santa Cruz

Pacaembu

Fonte Luminosa

Pacaembu

Pacaembu

6ª rodada* 3/2 - 21h50

7ª rodada 6/2 - 17h

8ª rodada 13/2 - 17h

9ª rodada 17/2 - 21h50

10ª rodada 20/2 - 19h30

PLACAR

PLACAR

PLACAR

PLACAR

PLACAR

Moisés Lucarelli

Pacaembu

Canindé

Papa João Paulo II

Pacaembu

11ª rodada 28/2 - 16h

12ª rodada 3/3 - 16h

13ª rodada 7/3 - 16h

14ª rodada 13/3 - 16h

15ª rodada 21/3 - 16h

Ponte Preta x corinthians corinthians x Sertãozinho Portuguesa x corinthians Mogi Mirim x corinthians corinthians x Rio Branco

Santos x corinthians

corinthians x Botafogo São Caetano x corinthians corinthians x Santo André

PLACAR

PLACAR

PLACAR

Vila Belmiro

Pacaembu

16ª rodada 24/3 ou 25/3 - A definir

17ª rodada 27/3 ou 28/3 - A definir

corinthians x Paulista

Barueri x corinthians

PLACAR

PLACAR

Anacleto Campanella

Pacaembu

Eduardo José Farah

18ª rodada 3/4 ou 4/4 - A definir

19ª rodada 7/4 - 21h50

corinthians x São Paulo

Ituano x corinthians

corinthians x Rio Claro

PLACAR

PLACAR

PLACAR

PLACAR

Pacaembu

Pacaembu

Novelli Jr.

Pacaembu

Obs.: Só jogos da primeira fase do Campeonato Paulista. * Partida realizada após o fechamento da revista

libertadores SEGUNDA fase 1ª rodada 24/2 - 21h50

corinthians x Vencedor G6** PLACAR

2ª rodada 10/3 - 19h50

3ª rodada 17/3 - 20h50

I. Medellín x corinthians

Cerro Porteño x corinthians PLACAR

PLACAR

primeira fase

G6** 28/1 - 17h10

A.Júnior x Racing Montevideo PLACAR

Pacaembu

Atanasio Girardot

La Olla

4ª rodada 1/4 - 19h15

5ª rodada 14/4 - A definir

6ª rodada 22/4 - 21h50

2

2

M. Roberto Meléndez

4/2 - 20h10

corinthians x I. Medellín

Racing Montevideo x A.Júnior

PLACAR

** Vencedor G6 x corinthians PLACAR

PLACAR

PLACAR

Pacaembu

A definir

Pacaembu

Parque Osvaldo Roberto

corinthians x Cerro Porteño

18 PROGRAMA OFICIAL


Chega de violência O futebol é o grande entretenimento do brasileiro. O projeto de lei antiviolência está em pauta no Senado para justamente tirar os brigões dos estádios, evitar casos de manipulação de resultados e a ação dos cambistas. Ele será posto em vigor pelo Governo Federal nesse primeiro semestre. Portanto, avalie bem se vale à pena promover a baderna, atirar algo no campo ou até mesmo invadí-lo.

MANIPULAÇÃO S DE RESULTADO

meio, r, por qualquer Art. 41-E. Frauda quer al qu de e, ra que se fraud pa uir rib nt co ou ão esportido de competiç forma, o resulta is anos e são de dois a se va: pena - reclu multa.

TRÉGUA, JUIZÃO Se você pudesse estar no gramado, qual função escolheria? Certamente não seria a de juiz ou bandeirinha. Além de suas profissões formais, as pessoas nesses "cargos" se dedicam a legitimar o resultado da partida, embora às vezes errem. Se você vai reclamar, faça isso dentro dos limites da desportividade, e com conhecimento da regra do jogo.

Realidade

uardar O árbitro não precisa ag s na a formação de barreira cobranças de falta. o cobrador não Isso mesmo. Somente se rápido, o juiz tiro um a par r se manifesta daquele tir par a deve informá-lo que o soar do ar ard agu de terá nto mome ação da barapito. O tempo para a form vamente do bom reira dependerá exclusi . itro senso do árb

Mito

O árbitro só pode expuls ar um jogador durante os 90 minuto s.

Nada disso. O juiz no campo de , desde que presente jogo, pode ex jogador. Seja pulsar um durante o aq uecimento, período de intervalo ou o até mesmo o apito final após . Caso o atle ta não esteja no gramado, o capitão informado do da equipe será cartão verm elho.

19 PROGRAMA OFICIAL



Corinthians x Sertãozinho