Page 13

determinado ou trata-se de sorte ou esforço? Não vamos entrar em discussão sobre a temática, onde quero chegar é que há pessoas que são simplesmente fantásticas, que unem um pouco, ou um muito, de tudo - dom mais sorte mais esforço - e se tornam, simplesmente, excepcionais. No Brasil, temos alguns exemplos, no entanto, nenhum tem a expressão do rei maior, o rei Pelé. É

foto diivulgação

C

omo surge uma estrela? Será que, ao nascer, o destino já é pre-

O rei Pelé é considerado o homem mais conhecido do planeta

do nosso país, do Brasil, que temos o homem mais conhecido do planeta. Em entrevista divulgada, no dia 31 de outubro de 2005, pela agência de notícias italiana Ansa e publicada no jornal O Estado de São Paulo, o próprio Pelé afirmou que tem mais fama que Jesus. “Pode ser uma blasfêmia, mas tem lógica. Sou católico e sei o que Ele e Seus valores significam, mas no mundo há pessoas que acreditam em outras coisas. Na Ásia, por exemplo, existem milhões de budistas, talvez não saibam quem é Cristo, porém de Pelé ouviram falar. Isso representa responsabilidade enorme”, fala o ídolo. No entanto, o rei não nasceu Pelé. No dia 23 de outubro de 1940, o filho de dona Celeste e seu João Ramos, mais conhecido como Dondinho, estreou como Edson Arantes do Nascimento. E, se hoje em dia, a busca por fama e dinheiro é o que leva, cada vez mais cedo, jovens de todas as idades às escolinhas de futebol pelo Brasil afora, Pelé, aos 16 anos, numa época em que jogar bola não era sinônimo de riqueza, já fazia parte da Seleção Brasileira por amor ao futebol. Essa paixão o fez chegar aonde chegou. É fato que nenhum outro jogador, daqui ou de fora, teve carreira tão brilhante. De suas chuteiras, número 39, saíram recordes absolutos. Foram 1.282 gols em 1.366 partidas oficiais, média de 0,93 gol por jogo, e 86 títulos pela Seleção Brasileira e pelo Santos, no Brasil e no exterior. Desses títulos, três em quatro Copas. O Santos de Pelé, foi uma espécie de Barcelona dos anos 60, vencendo duas Libertadores, dois Mundiais, além de seis Campeonatos Brasileiros, oito estaduais e mais uma extensa lista de títulos.

Eu sou o melhor, entende? “Não esconda seu brilho. A ‘modéstia’ é uma invenção de gente medíocre, que quer fazer com que você se pareça com eles”. A frase do mago Paulo Coelho bem que poderia ser dita pelo rei. O cronista Nelson Rodrigues, no que se supõe ser a primeira crônica (com um tom premonitório) escrita sobre Pelé, tendo o

1.282

gols

1.366

partidas oficiais média de 0,93 86

por jogo

títulos pela seleção brasileira e pelo Santos

ganhou

3 das

4

Copas que disputou Cidadelle 13

Revista Cidadelle - Ed.03  
Revista Cidadelle - Ed.03  

Publicação de luxo voltada para a classe A. 10.000 exemplares auditados são distribuídos em Ilhéus, Itabuna, Itacaré, Porto Seguro, Salvador...

Advertisement